Você está na página 1de 6

ano 7 - n.

19 | setembro/dezembro - 2018
Belo Horizonte | p. 1-288 | ISSN 2238-9695
R. Fórum de Dir. Civ. – RFDC

Revista Fórum de
DIREITO CIVIL

RFDC

CONHECIMENTO JURÍDICO

RFDC_19_MIOLO.indd 1 17/12/2018 16:08:12


Revista Fórum de Direito Civil – RFDC
Coordenação (Editor)
Dr. Marcos Ehrhardt Jr., UFAL

Conselho Consultivo
Dra. Giselda Maria Fernandes Novaes Hironaka (FDUSP) Dr. Marcos Bernardes de Mello (UFAL)
Dr. Gustavo Tepedino (UERJ) Dr. Paulo Luiz Neto Lôbo (UFAL/UFPE)
Dr. José Antônio Peres Gediel (UFPR) Dr. Torquato Castro Júnior (UFPE)
Dr. Luiz Edson Fachin (UFPR)

Conselho Editorial
Dr. Albert Ruda (Universidad de Girona, Espanha) Dr. Marco Olivetti (Libera Università degli Studi Maria Ss. Assunta di
Dr. Carlos Alberto Ghersi (UBA – Argentina) Roma – LUMSA, Itália)
Dra. Celia Weingarten (UBA – Argentina) Dr. Marcos Jorge Catalan (Unilasalle/Unisinos)
Dr. Eroulths Cortiano Junior (UFPR) Dra. Maria Natalia Mato Pacin (Universidad Carlos III de Madrid, Espanha)
Dr. Fernando Borges Correia de Araújo (FDUL – Portugal) Dra. Maria Olinda Garcia (FDUC – Portugal)
Dr. Flávio Tartuce (FADISP) Dr. Mauricio Inostroza Sáez (Universidad de Concepción, Chile)
Dr. Francisco Infante Ruiz (Universidad Pablo de Olavide – Espanha) Dra. Noah Vardi (Università Roma Ter, Itália)
Dr. Francisco Javier Pérez-Serrabona González (Universidad de Dr. Pablo Amat Llombart (Universidad Politécnica de Valencia – Espanha)
Granada, Espanha) Dr. Pablo Malheiros da Cunha Frota (UFG)
Dr. Gonzalo Sozzo (UNL – Argentina) Dr. Roberto Freitas Filho (UNICEUB)
Dr. Gustavo Henrique Baptista Andrade (FASNE) Dr. Roberto Paulino Albuquerque Júnior (UFPE)
Dr. Jaime Lorenzini Barria (Universidad de Chile – Chile) Dr. Rodolfo Pamplona Filho (UFBA)
Dr. Jorge Feliú Rey (Universidade Carlos III de Madrid) Dr. Rodrigo Toscano de Brito (UFPB)
Dr. José Barros Correia Júnior (UFAL) Dr. Rodrigo Xavier Leonardo (UFPR)
Dr. Josep Solé Feliu (Universidad de Girona, Espanha) Dra. Teresa Rodriguez de las Heras Ballell (Universidade Carlos III
Dra. Lilian Cecilia San Martin Neira (Universidad Alberto Hurtado, Chile) de Madrid)
Dr. Lucas Abreu Barroso (UFES) Dr. Toni M. Fine (Fordham Law School – EUA)

Correspondentes Internacionais
Msc. Eduardo Dantas Msc. Thiago Rodrigues Pontes Bomfim
Dr. José Carlos de Medeiros Nóbrega Msc. Carlos Antonio Agurto Gonzáles
Msc. Marianna Chaves Cesar E. Moreno More
Dr. Terence Trennepohl Uly Rocha

Coordenação dos Pareceristas


Gustavo Henrique Baptista Andrade

Equipe Editorial – Coordenadores


Msc. Carla Moutinho
Msc. Jéssica Aline Caparica da Silva
Karina Barbosa Franco

© 2018 Editora Fórum Ltda.


Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial, de qualquer forma ou por qualquer meio eletrônico ou mecânico,
inclusive através de processos xerográficos, de fotocópias ou de gravação, sem permissão por escrito do possuidor dos direitos de cópias
(Lei nº 9.610, de 19.02.1998).

CONHECIMENTO JURÍDICO

Luís Cláudio Rodrigues Ferreira


Presidente e Editor

Av. Afonso Pena, 2770 – 15º andar – Savassi – CEP 30130-012 – Belo Horizonte/MG – Brasil – Tel.: 0800 704 3737
www.editoraforum.com.br / E-mail: editoraforum@editoraforum.com.br

Impressa no Brasil / Printed in Brazil / Distribuída em todo o


R454 Revista Fórum de Direito Civil : RFDC – ano 1, n. 1, Território Nacional
(set./dez. 2012)- . – Belo Horizonte: Fórum,
2012- Esta revista está catalogada em:
• RVBI (Rede Virtual de Bibliotecas – Congresso Nacional)
Quadrimestral
ISSN 2238-9695 Os conceitos e opiniões expressas nos trabalhos assinados são de
responsabilidade exclusiva de seus autores.
1. Direito Civil. I. Fórum.
Coordenação editorial: Leonardo Eustáquio Siqueira Araújo
CDD: 347 Capa: Igor Jamur
CDU: 347 Projeto gráfico: Walter Santos

RFDC_19_MIOLO.indd 2 17/12/2018 16:08:15


Sumário

Editorial ...........................................................................................................................7

DOUTRINA E ATUALIDADES

Compromisso de compra e venda de imóvel em incorporação imobiliária: extinção


contratual, crise de mercado e Súmula 543 do STJ
Mariana Lemos ................................................................................................................13
1  Introdução...........................................................................................................13
2  Contrato de compromisso de compra e venda........................................................14
2.1  Natureza jurídica..................................................................................................14
2.2  Nomenclatura......................................................................................................17
2.3  Registro do contrato.............................................................................................18
2.4  Cláusula de irretratabilidade.................................................................................19
2.5  Extinção contratual...............................................................................................21
3  Incorporação imobiliária........................................................................................22
3.1  Definição.............................................................................................................22
3.2  Contrato de compromisso de compra e venda na incorporação imobiliária:
importância e peculiaridades................................................................................25
4  Breves apontamentos sobre a crise imobiliária brasileira........................................26
5  Resolução do contrato de compromisso de compra e venda em incorporação
imobiliária e problemática da Súmula 543 do STJ...................................................29
6  Conclusão...........................................................................................................34
Referências.........................................................................................................35

Teoria do adimplemento substancial, seus fundamentos e os critérios para


configuração da mora insignificante
Livia Fedocci Fachin.........................................................................................................37
Introdução...........................................................................................................37
1  A obrigação.........................................................................................................38
2  Adimplemento substancial....................................................................................39
2.1  Fundamentos para aplicação da teoria do adimplemento substancial.......................40
2.1.1  Função social do contrato.....................................................................................41
2.1.2  Boa-fé objetiva.....................................................................................................42
2.2  Critérios definidores do inadimplemento insignificante............................................43
Conclusão...........................................................................................................46
Referências.........................................................................................................48

Herança digital post mortem


Ana Claudia Sousa............................................................................................................49
Introdução...........................................................................................................49
1  Patrimônio digital.................................................................................................50
2  A normatização da herança digital.........................................................................53
3  A herança digital..................................................................................................55
4  A identidade digital x identidade física...................................................................57
Considerações finais............................................................................................63
Referências.........................................................................................................64

RFDC_19_MIOLO.indd 3 17/12/2018 16:08:15


O direito ao esquecimento na Internet e suas implicações no ordenamento
jurídico brasileiro
Bibiana Lara Simões Marquezan........................................................................................67
Introdução...........................................................................................................67
1  Os direitos da personalidade e os direitos fundamentais........................................68
1.2  O direito ao esquecimento como direito fundamental..............................................70
2  O direito ao esquecimento na Internet...................................................................72
3  A aplicação do direito ao esquecimento pelos tribunais brasileiros..........................74
Conclusão...........................................................................................................77
Referências.........................................................................................................78

A natureza da responsabilidade civil dos provedores de informação por dano


decorrente de conteúdo gerado por terceiro
Caroline Mocellin ..............................................................................................................81
1  Introdução...........................................................................................................81
2  Dos provedores...................................................................................................82
3  Da responsabilidade no Código Civil......................................................................84
4  Da responsabilidade no Código de Defesa do Consumidor......................................88
5  Da responsabilidade no Marco Civil da Internet......................................................92
6  Considerações finais............................................................................................96
Referências ........................................................................................................97

DIÁLOGOS

A responsabilidade pré-contratual no Brasil e em Portugal: uma perspectiva


comparada com os países do common law
Caio César Domingues de Almeida, Ricardo Augusto Bragiola..........................................103
1  Introdução.........................................................................................................103
2  Método de resolução de litígios na família romano-germânica................................105
2.1  Silogismo jurídico...............................................................................................106
2.2  Direito livre, jurisprudência dos interesses e jurisprudência dos valores.................107
3  A evolução histórica do common law e do seu método de resolução de litígios.......110
4  A responsabilidade civil contratual e extra-contratual no Brasil...............................112
4.1  A responsabilidade pré-contratual no Brasil..........................................................113
4.1.1  A responsabilidade pré-contratual no Brasil na esfera civil.....................................116
4.1.2  A responsabilidade pré-contratual no Brasil na esfera trabalhista...........................118
5  A responsabilidade pré-contratual em Portugal.....................................................120
6  A responsabilidade pré-contratual nos países do common law...............................121
6.1  A responsabilidade pré-contratual na Inglaterra....................................................122
6.2  A responsabilidade pré-contratual nos Estados Unidos..........................................123
7  Considerações finais..........................................................................................126
Referências.......................................................................................................128

VOZ UNIVERSITÁRIA

Punitive damages: características do instituto jurídico americano e confusão


conceitual com a função punitiva da responsabilidade civil pelos tribunais pátrios
Marina Lippo Lages.........................................................................................................133
1  Introdução.........................................................................................................133
2  Evolução histórica da responsabilidade civil.........................................................134

RFDC_19_MIOLO.indd 4 17/12/2018 16:08:15


3  O princípio da restitutio in integrum e as funções da responsabilidade civil.............136
4  O instituto jurídico dos punitive damages: principais considerações.......................140
5  Análise jurisprudencial sobre o uso do instituto dos punitive damages pelos
tribunais pátrios.................................................................................................142
6  Considerações finais..........................................................................................149
Referências.......................................................................................................150

Eficácia dos mecanismos de resolução consensual de conflitos na comarca


de Palmas
Cássia Ramos Mafra Bueno, Maria do Carmo Cota...........................................................153
1  Introdução.........................................................................................................154
2  Breve histórico da conciliação e mediação no Brasil.............................................154
2.1  O direito de acesso à justiça...............................................................................156
3  Princípios norteadores da mediação e conciliação................................................158
4  Conciliação e mediação no novo Código de Processo Civil.....................................160
5  Papel do mediador e do conciliador nas audiências .............................................163
6  A conciliação como método consensual de resolução de conflitos junto ao
Cejusc de Palmas, Tocantins..............................................................................164
7  Uso da mediação como meio alternativo de solução de conflitos junto à Defensoria
Pública Estadual................................................................................................168
7.1  Pontos importantes observados nas audiências de mediação junto à DPE .............170
8  Considerações finais..........................................................................................172
Referências.......................................................................................................173

ENSAIOS E PARECERES

A bioética e o direito
Benigno Núñez Novo, Bruno Ribeiro de Almeida...............................................................177
1  Introdução.........................................................................................................177
2  Desenvolvimento...............................................................................................178
3  Considerações finais..........................................................................................182
Referências.......................................................................................................183

JURISPRUDÊNCIA

A aplicação do Código de Defesa do Consumidor aos compradores investidores


nos casos de resolução de compromisso de venda e compra à luz da Súmula
543 do Superior Tribunal de Justiça: análise da jurisprudência do Tribunal de
Justiça do Estado de São Paulo
Paulo Roberto Athie Piccelli............................................................................................187
1  Introdução.........................................................................................................188
2  Análise das decisões que entenderam pela aplicação do CDC...............................195
3  Análise das decisões que entenderam pela não aplicação do CDC.........................201
4  Considerações finais..........................................................................................205
Referências.......................................................................................................209

Superior Tribunal de Justiça


Recurso Especial – Direito Civil – Dissolução de união estável – Animal de
estimação – Aquisição na constância do relacionamento – Intenso afeto dos
companheiros pelo animal – Direito de visitas – Possibilidade, a depender do
caso concreto. Recurso Especial nº 1.713.167/SP...............................................215

RFDC_19_MIOLO.indd 5 17/12/2018 16:08:15


AGENDAS DE DIREITO CIVIL CONSTITUCIONAL

Os institutos do direito privado patrimoniais, sob o viés da funcionalização


Fabíola Albuquerque Lobo...............................................................................................243
Introdução.........................................................................................................243
1  Teorias subjacentes à doutrina da função social...................................................244
2  O princípio da função social e o Estado Social......................................................246
3  O princípio da função social e a Constituição Federal/1988..................................249
4  O princípio da função social no direito privado......................................................252
Conclusão.........................................................................................................256
Referências.......................................................................................................257

A desapropriação da posse e sua função social


Maria Carla G. Moutinho.................................................................................................259
Introdução.........................................................................................................259
1  O princípio da função social................................................................................260
2  A natureza jurídica das terras devolutas...............................................................262
3  A desapropriação da posse.................................................................................264
Conclusão.........................................................................................................268
Referências.......................................................................................................268

Novas razões para a força normativa dos princípios nas relações privadas
Paulo Lôbo .....................................................................................................................271
Alguns pressupostos doutrinários influentes........................................................271
Trajetória de obstáculos à força normativa dos princípios, no Brasil.......................273
Crítica dos pressupostos doutrinários influentes..................................................275
Não há norma jurídica sem interpretação.............................................................276
Retomando uma categoria fundamental: a incidência da norma jurídica..................279
Experiência prática brasileira da força normativa dos princípios ............................281

TESES E DISSERTAÇÕES

SANTIAGO, Maria Cristina Paiva. Direito de arrependimento e a proteção da


hipervulnerabilidade: a aplicação de um novo modelo de extinção contratual à
luz da humanização do direito civil-constitucional. Tese (Doutorado) – UFPB/CCJ.
Orientador: Prof. Adriano Marteleto Godinho. João Pessoa, 2018. 397f.............285

INSTRUÇÕES PARA OS AUTORES.............................................................................287

RFDC_19_MIOLO.indd 6 17/12/2018 16:08:16