Você está na página 1de 5

16/05/2020 Blackboard Learn

INGRID CAMILO DOS SANTOS


Curso DESAFIOS CONTEMPORANEOS - (EAD_20) - 202010.FMU-64661.06
Teste ATIVIDADE 2 (A2)
Iniciado 16/05/20 20:03
Enviado 16/05/20 20:14
Status Completada
Resultado da tentativa 10 em 10 pontos
Tempo decorrido 10 minutos
Resultados exibidos Respostas enviadas, Respostas corretas, Comentários

Pergunta 1 1 em 1 pontos
[...] O agravamento da questão ambiental, expresso nos níveis de pobreza, exclusão social,
desemprego, poluição, degradação ambiental, demonstra que esses problemas não estão restritos a
um país ou outro, mas atinge todo o planeta. Aponta a necessidade de se elaborar instrumentos de
intervenção capazes de se consolidar uma ordem ambiental internacional. [...]
Fonte: SANTOS, Ana. Relação entre homem/natureza. Disponível em: http://www.ufal.edu.br/unidadea
cademica/fsso/pos-graduacao /servico-social/dissertacoes-e-teses/dissertacoes-2/2014/a-relacao-hom
emnatu reza-adestruicao-da-natureza-na-sociabilidade-capitalista

Desta forma, pode-se considerar uma intervenção do homem na natureza:

Resposta Selecionada: Exploração mineral.

Resposta Correta: Exploração mineral.

Feedback Resposta correta: trata-se de uma atividade que abrange os processos, atividades e
da indústria cujos objetivos são a extração mineral de depósitos minerais, sendo um
resposta: processo indispensável para a vida moderna e industrial, que exige cada vez mais o
consumo de petróleo, ferro, gás e outros.

Pergunta 2 1 em 1 pontos
“Ninguém precisa ser marxista para pintar o quadro dos sofrimentos suportados pelo povo nas
primeiras fases da industrialização capitalista. Evocar a miséria operaria no fim do século XVIII e
princípio do século XIX – ou mesmo mais tarde – transformou-se em lugar-comum. [...] A canalização
dos recursos para a fabricação de novos equipamentos teve consequências econômico-sociais
desfavoráveis aos operários, que possuíam apenas sua força de trabalho para oferecer ao mercado,
sem qualquer proteção legal ou sindical, pelo menos no fim do século XVIII e no início do século XIX.
[...]”.
Fonte: NIVEAU, Maurice. História dos Fatos Econômicos Contemporâneos. 1969.

Rotineiramente analisamos uma série de fatores do processo de industrialização, aponte para uma
medida redutora dos dados causados pelo crescimento industrial:

Resposta Selecionada: Acordos internacionais de desenvolvimento sustentável.

Resposta Correta: Acordos internacionais de desenvolvimento sustentável.


Feedback Resposta Correta: Acordos internacionais de desenvolvimento, desde os anos de 1970 a
da comunidade internacional vem trabalhando na criação de protocolos e regulamentações
resposta: internacionais que promovam a redução da emissão de gases estufa, bem como metas
de redução de poluição.

Pergunta 3 1 em 1 pontos
A partir da revolução industrial, o processo de crescimento das cidades se acelerou pelas duas razões
já apontadas: a necessidade de mão-de-obra nas indústrias e a redução do número de trabalhadores
no campo. A industrialização promoveu de modo simultâneo os dois eventos, um de atração pela
cidade, outro de expulsão do campo. Antes da revolução industrial não havia nenhum país onde a
https://fmu.blackboard.com/webapps/late-Course_Landing_Page_Course_20-BBLEARN/Controller# 1/5
16/05/2020 Blackboard Learn
população urbana predominasse. No começo deste século, apenas a Grã-Bretanha possuía a maior
parte de sua população vivendo em cidades (Munford 1982). Pode-se afirmar que o Século XX é o
século da urbanização, pois nele se acentuou o predomínio da cidade sobre o campo. Salvo regiões
muito atrasadas, que permanecem com características nitidamente rurais, o processo de urbanização
prossegue em marcha acelerada.Fonte: MELLO. O processo de urbanização. Disponível em: <http://w
ww.educoas.org/Portal/bdigital/contenido/interamer/BkIACD/Interamer/Interamerhtml/Mellohtml/MelloII.
htm>. Acesso em: 09 jul. 2019.

As primeiras cidades e/ou fortificações na modernidade eram chamadas de:

Resposta Selecionada: Burgos.


Resposta Correta: Burgos.

Feedback Resposta correta: As primeiras cidades e/ou fortificações na modernidade eram


da denominadas burgos, por isso seus primeiros habitantes foram chamados de
resposta: burgueses.

Pergunta 4 1 em 1 pontos
“A definição mais aceita para desenvolvimento sustentável é o desenvolvimento capaz de suprir as
necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das
futuras gerações. É o desenvolvimento que não esgota os recursos para o futuro.”
Fonte: WWF Brasil. Desenvolvimento Sustentável. Disponível em: https://www.wwf.org .br/natureza_br
asileira/questoes_ambientais/desenvolvimento_sustentavel/

Isto posto, pode ser entendido como uma opção para alcançar o desenvolvimento sustentável:

Resposta
Selecionada: Adoção de um modelo econômico justo, que objetive a preservação da natureza e
de seus recursos para gerações vindouras.
Resposta
Correta: Adoção de um modelo econômico justo, que objetive a preservação da natureza e
de seus recursos para gerações vindouras.
Feedback Resposta correta: Adoção de um modelo econômico justo, que objetive a preservação da
da natureza e de seus recursos para gerações vindouras – pois trata do objetivo central do
resposta: desenvolvimento sustentável, de consumo consciente dos recursos naturais com os
quais temos acesso.

Pergunta 5 1 em 1 pontos
[...] Enclaves fortificados são espaços privatizados, fechados e monitorados para residência, consumo,
lazer ou trabalho. Esses espaços encontram no medo da violência uma de suas principais justificativas
e vêm atraindo cada vez mais aqueles que preferem abandonar a tradicional esfera pública das ruas
para os pobres, os "marginais" e os sem-teto. Enclaves fortificados geram cidades fragmentadas em
que é difícil manter os princípios básicos de livre circulação e abertura dos espaços públicos que
serviram de fundamento para a estruturação das cidades modernas.
Fonte: CALDEIRA, Tereza. Enclaves fortificados: a nova segregação urbana. Revista Novos Estudos,
1997.

Dentro desta perspectiva, o fenômeno dos enclaves fortificados pode ser analisado dentro do contexto
de:

Resposta Selecionada: Segregação socioespacial.

Resposta Correta: Segregação socioespacial.

Feedback Resposta correta: Trata-se de um processo de que causa a marginalização ou a


da periferização de determinados grupos sociais por fatores econômicos, históricos, sociais
resposta: dentro do espaço das cidades. A origem deste fenômeno pode ser encontrada na divisão
social do trabalho, que estabeleceu a formação de classes sociais, um dos exemplos
desta realidade são os condomínios de luxo com seus grandiosos muros.
https://fmu.blackboard.com/webapps/late-Course_Landing_Page_Course_20-BBLEARN/Controller# 2/5
16/05/2020 Blackboard Learn

Pergunta 6 1 em 1 pontos
“Quando em 1532 se organizou econômica e civilmente a sociedade brasileira, já foi depois de um
século inteiro de contato dos portugueses com os trópicos; de demonstrada na índia e na África sua
aptidão para a vida tropical. Mudado em São Vicente e em Pernambuco o rumo da colonização
portuguesa do fácil, mercantil, para o agrícola; organizada a sociedade colonial sobre base mais sólida
e em condições mais estáveis que na índia ou nas feitorias africanas, no Brasil é que se realizaria a
prova definitiva daquela aptidão. A base, a agricultura; as condições, a estabilidade patriarcal da
família, a regularidade do trabalho por meio da escravidão, a união do português com a mulher índia,
incorporada assim à cultura econômica e social do invasor.”
Fonte: FREYRE, Gilberto. Casa Grande e Senzala. 42. ed. Rio de. Janeiro: Record, 2001

A obra Casa-Grande e Senzala, de Gilberto Freyre foi publicada originalmente em 1933,


estabelecendo um contraste entre a arquitetura da casa grande e o modelo de organização social e
política que foi instalada no Brasil e pode ser descrito como

Resposta Selecionada: patriarcal e escravocrata.


Resposta Correta: patriarcal e escravocrata.

Feedback Reposta correta: O sistema patriarcal foi instituiu-se no Brasil no período colonial, na qual
da os homens dominavam famílias, empregados e aspectos políticos de uma sociedade, no
resposta: caso da obra eram a representação típica da casa grande. Escravocrata pois era o
modelo de relação social da época, da exploração da mão de obra de negros trazidos da
África e vendidos como escravos no Brasil.

Pergunta 7 1 em 1 pontos
Por volta do séc Xll, com a desintegração do feudalismo, começa a surgir um novo sistema
econômico, social e político: O Capitalismo. A característica essencial do novo sisTitle é o fato de nele,
o trabalho ser assalariado e não mais servil como no feudalismo. Outros elementos típicos do
capitalismo: Economia de mercado, trocas monetárias, grandes empresas e preocupação com o lucro.
O capitalismo nasce da crise do sistema feudal e cresce com o desenvolvimento comercial, depois das
Primeiras Cruzadas. Foi formando-se aos poucos durante o período final da idade média, para
finalmente dominar toda a Europa ocidental a partir do séc XVI. Mas foi somente após a revolução
industrial, iniciada no séc XVlll na Inglaterra que se estabeleceu o verdadeiro capitalismo.Fonte: A
transição do feudalismo para o capitalismo. Disponível em: <https://www.mundovestibular.com.br/articl
es/251/1/A-TRANSICAO-DO-FEUDALISMO-PARA-O-CAPITALISMO/Paacutegina1.html>. Acesso em:
09 jul. 2019.

Em relação à mudança do sistema feudal para a Idade Moderna é correto afirmar que houve:

Resposta
Selecionada: uma mudança de uma sociedade com posições sociais marcadas pela origem de
nascimento, para uma sociedade com classes sociais determinadas pelo poder
econômico.
Resposta
Correta: uma mudança de uma sociedade com posições sociais marcadas pela origem de
nascimento, para uma sociedade com classes sociais determinadas pelo poder
econômico.
Feedback Resposta certa: O sistema feudal era caracterizado pela fraca mobilidade da população,
da ou seja, grandes migrações populacionais ou mudanças de status social não eram
resposta: comuns. Uma das motivações para essa fraca mobilidade era a forma como as posições
sociais eram demarcadas através da origem de nascimento. Diferentemente, o sistema
capitalista impôs uma nova lógica social, criando novas formas de existência e
subsistência e dando a oportunidade para a mudança de status social através do poder
monetário.

Pergunta 8 1 em 1 pontos
https://fmu.blackboard.com/webapps/late-Course_Landing_Page_Course_20-BBLEARN/Controller# 3/5
16/05/2020 Blackboard Learn

“Ruth Benedict escreveu em seu livro O crisântemo e a Espada que a cultura é como uma lente
através da qual o homem vê o mundo. Homens de culturas diferentes usam lentes diversas e,
portanto, têm visões desencontradas das coisas. Por exemplo, a floresta amazônica não passa para o
antropólogo — desprovido de um razoável conhecimento de botânica — de um amontoado confuso de
árvores e arbustos, dos mais diversos tamanhos e com uma imensa variedade de tonalidades verdes.
A visão que um índio Tupi tem deste mesmo cenário é totalmente diversa: cada um desses vegetais
tem um significado qualitativo e uma referência espacial [...]”
Fonte: LARAIA, Roque de Barros. Cultura um conceito Antropológico. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed.
1986. 116 p.

Durante muito tempo, o conhecimento produzido na Europa classificou o mundo conforme suas
perspectivas, criando um conhecimento de mundo hegemônico e não amplo, de acordo com as
vivências de cada ser humano, conforme é apontado acima. Deste modo, essa visão europeia de ver o
mundo pode ser chamada de:

Resposta Selecionada: Eurocentrismo.


Resposta Correta: Eurocentrismo.

Feedback Resposta correta: Trata-se da visão de mundo que coloca a Europa como elemento
da central da cultura moderna, um entendimento de mundo que durante muito tempo foi
resposta: hegemônico e vem sendo desconstruída ao longo da história.

Pergunta 9 1 em 1 pontos
A sociologia surgiu, na primeira metade do século XIX, sob o impacto da Revolução Industrial e da
Revolução Francesa. As transformações econômicas, políticas e culturais suscitadas por esses
acontecimentos criaram a impressão generalizada de que a Europa vivia o alvorecer de uma nova
sociedade. [...] A sociologia nasce, portanto, como uma reflexão acerca dos contornos da nova
configuração histórica – daí sua preocupação permanente em distinguir e contrapor a sociedade
moderna às sociedades tradicionais. E num ambiente marcado pela competição entre as visões de
mundo do conservadorismo, do liberalismo e do socialismo – daí seu esforço constante para se
distinguir dessas correntes, apresentando-se como uma alternativa, científica ou mesmo crítica, em
relação a tais modelos explicativos.Fonte: MUSSE. R. Apontamentos sobre o nascimento da
sociologia. Disponível em: <https://blogdaboitempo.com.br/2012/11/23/apontamentos-sobre-o-nascime
nto-da-sociologia/>. Acesso em: 09 jul. 2019.

Em meio às profundas transformações nas estruturas da sociedade surge uma nova ciência, a
Sociologia, tendo como foco analisar, compreender, explicar e transformar a sociedade através de
diversas correntes teóricas desenvolvidas por pensadores da época. Assinale a alternativa que
corresponde ao primeiro professor de Sociologia, considerado o “pai” dessa disciplina.

Resposta Selecionada: Émile Durkheim.

Resposta Correta: Émile Durkheim.


Feedback Resposta certa: O primeiro professor de sociologia, considerado o “pai” dessa disciplina,
da foi o francês Émile Durkheim (1858-1917). Ele estava inserido no contexto das
resposta: transformações que ocorriam na França e buscou explicar a sociedade, ou seja,
identificar os mecanismos que promovem a ordem, mas também a mudança social. Para
ele, a sociedade se sobrepunha ao indivíduo, que a partir da observância às normas e
regras, se mantinha integrado ao coletivo em redes de solidariedade.

Pergunta 10 1 em 1 pontos
[...] Entende-se que a poluição é resultado de todo impacto negativo causado pelo modo de produção
e consumo da sociedade moderna, característica da indústria moderna. A possibilidade de ocorrência
de poluição acidental por eventos não previstos, como derramamentos, vazamentos e emanações não
controladas, assim como a contaminação ambiental por lançamentos industriais de gazes, material
particulado, efluentes líquidos e resíduos sólidos, é particularmente crítica nas áreas que combinam
indústria e baixa prevenção
Fonte: JURAS, 2015, p.51. Disponível em : http://www.emdialogo.uff.br/content/revol ucao-industrial-e-
meio-ambiente-questoes-para-refletir

https://fmu.blackboard.com/webapps/late-Course_Landing_Page_Course_20-BBLEARN/Controller# 4/5
16/05/2020 Blackboard Learn

Com a necessidade de estabelecer um desenvolvimento sustentável, que respeite os limites da


natureza, foram convencionados uma série de tratados, protocolos e estatutos internacionais para tal,
como por exemplo:

Resposta Selecionada: Protocolo de Kyoto.


Resposta Correta: Protocolo de Kyoto.

Feedback Resposta Correta: Trata-se de um protocolo firmado em 1997 na cidade de Kyoto no


da Japão, com objetivo de redução dos gases causadores do efeito estufa, além, de
resposta: fomentar entre os países membros medidas que reduzem a poluição, proteção de
florestas e uso de fontes renováveis de energia.
Sábado, 16 de Maio de 2020 20h14min10s BRT

https://fmu.blackboard.com/webapps/late-Course_Landing_Page_Course_20-BBLEARN/Controller# 5/5