Você está na página 1de 36

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

absorção I absorption E absorción Ação do organismo animal de captura dos nutrientes, primordialmente no intestino delgado.

abomaso I abomasum, maw E abomaso, cuajar L abomasum Quarto estômago de um animal poligástrico. Sinonímia: coagulador.

acabamento ver ENGORDA

ácido ascórbico I ascorbic acid, vitamin C E ácido ascórbico, vitamina C Vitamina hidrossolúvel responsável pela formação da estrutura protéica de ossos e dentes. Sinonímia: vitamina C.

ácido aspártico I aspartic acid E ácido aspártico Aminoácido dicarboxílico. Símbolos: Asp, D.

ácido esteárico I stearic acid E ácido esteárico Ácido graxo saturado de fórmula molecular C 18 H 36 O 2 , presente em gorduras e óleos.

ácido fólico I folic acid E ácido fólico Vitamina hidrossolúvel que participa do metabolismo protéico.

ácido glutâmico I glutamic acid E ácido glutámico Aminoácido dicarboxílico. Símbolos: Glu, E.

ácido láctico I lactic acid E ácido láctico Ácido carboxílico que exerce papel essencial na transformação da forragem em silagem.

ácido lático ver ÁCIDO LÁCTICO

ácido nicotínico I nicotinic acid, niacin, vitamin B3 E ácido nicotínico, niacina, vitamina B3 Vitamina hidrossolúvel do complexo B que participa do metabolismo de carboidratos, lipídios e proteínas. Sinonímia: niacina, vitamina B3

ácido pantotênico I pantothenic acid E ácido pantoténico Vitamina hidrossolúvel do complexo B que participa do metabolismo de energia.

ad libitum I ad libitum E ad libitum L ad libitum Locução latina usada para caracterizar o acesso `a vontade a alimentos ou água.

adenina I adenine E adenina Base nitrogenada púrica de fórmula molecular C 5 H 5 N 5 que é um dos blocos formadores do ácido desoxiribonucleico. Símbolo: A.

aditividade I additivity E aditividad Tipo de ação gênica em que cada alelo de um locus contribui para o fenótipo independentemente do outro alelo.

aditivo I additive E aditivo Substância adicionada ao alimento, com a finalidade de conservar, intensificar ou modificar suas propriedades, sem prejuízo de seu valor nutritivo, como os antibióticos, corantes, conservantes e antioxidantes.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

ADN Abreviatura de ÁCIDO DESOXIRRIBONUCLEICO.

ADP Abreviatura de ADENOSINA DIFOSFATO.

alanina I alanine E alanina Aminoácido alifático que apresenta uma cadeia lateral saturada. Símbolos: Ala, A.

albino I albine E albino Animal que, por não produzir melanina, apresenta reduzida pigmentação na pele e nos pêlos. Albinismo é uma condição genética determinada por um gene recessivo.

aleatório I random, stochastic E al azar Característica de um processo que assegura a ausência de um critério que permita predizer resultados individuais. Sinonímia: estocástico.

alfafa I alfalfa, lucerne E alfalfa L Medicago sativa L. Leguminosa forrageira perene da espécie Medicago sativa que apresenta alto conteúdo de proteína bruta.

alimentação I feeding E alimentación Ramo da nutrição, sendo a parte dos conhecimentos científicos e empíricos que tem por finalidade fazer mais produtivos os animais através do uso mais eficiente dos alimentos.

alimentação em dias alternados I skip-a-day feeding E alimentación en días alternos Sistema de manejo alimentar em que as aves comem em dias alternados, usualmente recebendo ração dobrada nos dias em que comem.

alimentação em lotes ver ALIMENTAÇÃO EM GRUPOS

alimento I feed E alimento Todo material que, após a ingestão por um animal, é capaz de ser digerido, absorvido

e utilizado, ou seja, possui valor nutricional para o animal.

alimento volumoso I bulky feed E alimento de volumen Alimento que possui baixo teor energético por unidade de volume, associando-se à idéia de apresentar um alto teor de fibra, como os pastos, fenos, silagens e palhas.

alometria I allometry E alometría Medida do crescimento diferencial de partes de um organismo.

alvéolo I alveole E alveolo

Cela ou cavidade de cera, de formato hexagonal, onde as abelhas depositam o néctar,

o pólen larvas de operárias ou de zangões, de acordo com as suas dimensões.

amamentação ver ALEITAMENTO

amansado I harness broken E desbravado para enganche Animal que aceita a aproximação do homem e seu domínio, especialmente através do cabresto. Sinonímia: manso de baixo.

ambiente I environment E ambiente Totalidade de fatores que influem sobre a produção animal, exceto a constituição genética.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

aminoácido I amino acid E aminoácido Composto orgânico que contém um grupo funcional amina e um ácido carboxílico na mesma molécula.

aminoácido essencial I essential amino acid E aminoácido esencial Aminoácido necessário à vida de um animal mas que não pode ser sintetizado no seu organismo, necessitando ser adquirido via alimentação.

aminoácido limitante I limiting amino acid E aminoácido limitante Aminoácido necessário à síntese protéica mas que se encontra em quantidade mais baixa do que a necessária.

aminoácido não-essencial I nonessential amino acid E aminoácido esencial Aminoácido necessário à vida de um animal que é sintetizado no seu organismo.

amostra I sample E muestra Subconjunto de animais que adequadamente representa uma população e que possibilita a obtenção de informações com vista à realização de inferências válidas a respeito da população original.

AMP Abreviatura de ADENOSINA MONOFOSFATO.

ancestral I ancestor E antepasado Qualquer indivíduo em um pedigree do qual descende o animal em questão. Sinonímia: antepassado.

andamento I gait E aire Nome genérico dado a uma das três opções básicas de deslocamento dos eqüinos.

antepassado ver ANCESTRAL

apalpação

ver TOQUE

aptidão I aptidude E aptitud Disposição natural que o animal doméstico apresenta para uma ou mais funções zootécnicas, ou ainda, soma das virtualidades produtivas que o animal transmite aos seus descendentes.

ardor genésico ver LIBIDO

arginina I arginine E arginina Aminoácido básico hidrofílico. Símbolos: Arg, R.

ARN ver ÁCIDO RIBONUCLEICO

asa I wing E ala Membro anterior das aves usado, em algumas espécies, para o vôo.

asno

ver BURRO

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

aspa I horn E cuerno Apêndice rígido encontrado na porção frontal das cabeça de alguns bovinos, ovinos e caprinos. Sinonímia: corno, guampa.

aspado I horned E con cuernos Animal que apresenta um ou mais pares de aspas.

asparagina I asparagine E asparraguina Aminoácido que corresponde à forma amídica do ácido aspártico. Símbolos: Asn, N.

assinalação I ear mark E marca de oreja Cortes realizados nas orelhas do animal, visando identificar o seu proprietário.

ATP Abreviatura de ADENOSINA TRIFOSFATO.

ave I bird, poultry E ave L Aves Qualquer animal pertencente à classe Aves cujas principais características são a presença de penas ao redor do corpo e a presença de asas como membros anteriores.

avestruz I ostrich E avestruz L Struthio camelus L. Ave de grande porte pertencente à espécie Struthio camelus, nativa da África Central, criada comercialmente visando principalmente a produção de carne, couro e penas.

B1

ver RETROCRUZA

bacon I bacon E panceta, beicon, bacón Manta de gordura entremeada por fibras musculares proveniente da região látero- ventral do suíno.

bagagem hereditária ver GENÓTIPO

banha I lard E manteca Nome vulgar dado à gordura produzida por suínos.

banheiro I bath E baño Instalação sanitária contendo uma solução para eliminar ectoparasitos, onde os animais são banhados por imersão ou aspersão.

berço de origem ver BERÇO DA RAÇA

bexiga

ver PERA

bezerro(a) ver TERNEIRO(A)

biotina I biotine, vitamin H E biotina, vitamina H Vitamina hidrossolúvel que participa de reações de carboxilação. Sinonímia: vitamina

H.

boi I ox, stag E buey Macho castrado da espécie bovina, tanto o animal de serviço (tração), como o animal em período de engorda.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

bolsa de gordura I fat pad E bolsa de grasa Acúmulo localizado de gordura nas aves.

bolsa escrotal I scrotum E bolsa escrotal, escroto L scrotum Bolsa que abriga os testículos. Sinonímia: saco escrotal, escroto.

borrego(a) I hogg (macho), gimmer E borrego(a) Ovino com um ano de idade (2 dentes).

bovino I bovine E bovino L Bovinae Designação genérica dada a animais pertencentes a espécies de ungulados poligástricos de interesse zootécnico.

bovino de corte ver GADO DE CORTE

bovino de leite ver GADO DE LEITE

bovino europeu I European cattle E vacuno europeo L Bos taurus taurus L. Designação genérica dada a animais de raças de bovinos de origem européia.

bovino zebuíno I zebu cattle E vacuno cebú L Bos taurus indicus L. Designação genérica dada a animais de raças de bovinos originárias do sul da Ásia, predominantemente da Índia. Sinonímia: zebu, zebuíno.

brinco I ear tag E botón Plaqueta metálica ou plástica, colocada na orelha do animal, com o objetivo de identificação.

brucelose I brucellosis E brucelosis Zoonose causada por bactérias do gênero Brucella.

bST ver SOMATOTROPINA BOVINA

burdizo I burdizzo E burdizo Aparelho usado na castração por meio do rompimento dos vasos sanguíneos que alimentam os testículos.

burro I donkey, ass E burro, asno L Equus asinus L. Animais pertencentes à espécie Equus asinus. Sinonímia: asno.

cabeça I head E cabeza L caput Extremidade anterior do corpo dos animais que abriga o cérebro e os principais órgãos sensoriais.

cabra I she-goat E cabra Fêmea adulta da espécie Capra hircus L.

cabrito(a) I kid E cabrito(a), chivo(a) Animal jovem da espécie caprina.

cachaço I boar E verraco Reprodutor macho da espécie suína, a partir dos 10 ou 12 meses de idade. Sinonímia:

varrão, marrão.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

calciferol I calciferol, vitamin E calciferol, vitamina D2 Vitamina lipossolúvel do grupo D com função vitamínica nos mamíferos. Sinonímia:

vitamina D2.

cálcio I calcium E calcio Elemento químico essencial à integridade do esqueleto dos animais e em diversos processos fisiológicos. Símbolo: Ca. Número Atômico: 20. Peso Atômico: 40.

camelídeos I camelids E camélidos Nome genérico dado às espécies de camelídeos sul-americanos.

campo ver PRADARIA

camundongo I mouse E ratón L Mus musculus L. Roedor de pequeno porte da espécie Mus musculus comumente usado como organismo modelo na pesquisa zootécnica e biomédica.

canibalismo I cannibalism E canibalismo Problema verificado em aves que picam umas às outras.

canola

ver COLZA

cânula ver FÍSTULA

capacidade de cobertura ver CAPACIDADE DE SERVIÇO

capão I wether, capon E capón Macho ovino castrado, a partir de 1,5 a 2 anos de idade.

capar ver CASTRAR

capim ver GRAMÍNEA

capim-de-Rhodes I Rhodes grass E grama Rhodes L Chloris gayana Kumth Gramínea forrageira perene da espécie Chloris gayana

capim elefante I elephant grass, Napier grass E pasto elefante, pasto Napier L Pennisetum purpureum Schumach. Gramínea forrageira perene da espécie Pennisetum purpureum de alto porte.

capim pangola I pangola grass E pangola L Digitaria decumbens Stent. Gramínea forrageira perene da espécie Digitaria decumbens resistente ao pisoteio.

caráter leiteiro I milking aptitude E temperamento lechero Apreciação subjetiva de características próprias de animais das raças leiteiras. Sinonímia: temperamento leiteiro.

carbono I carbon E carbono Elemento químico essencial à vida, presente em proteínas, lipídios e carboidratos. Símbolo: C. Número Atômico: 6. Peso Atômico: 12.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

carcaça I carcass, carcase E canal, carcasa Porção que resta do animal após o abate e remoção do couro, patas, vísceras, cabeça e cola.

carga animal ver LOTAÇÃO ANIMAL

carga genética ver GENÓTIPO

carne I meat E carne Nome genérico dado ao tecido muscular post mortem, após a ocorrência de diversos processos bioquímicos incluindo glicólise, acumulação de ácido lático e queda do pH.

carne bovina I beef E carne de ganado Porção muscular comestível obtida dos bovinos.

carne de cordeiro I lamb E carne de cordero Carne de ovinos jovens, abatidos com até um ano de idade.

carne de ovelha I mutton E carne de oveja Carne de ovinos maduros, abatidos com mais de um ano de idade

carne de porco I pork E carne de cerdo Porção muscular comestível obtida dos suínos.

carneiro I ram, tup, buck E carnero, morueco Reprodutor macho da espécie ovina, a partir de 1,5 a 2 anos (4 dentes).

carnitina I carnitine E carnitina Complexo proteico sintetizado a partir da lisina e da metionina cuja função é o transporte de ácidos graxos livres do citoplasma para o interior das mitocôndrias.

casca I shell E cáscara Invólucro calcáreo do ovo.

castrar I caponize, castrate, neuter, spay (fêmeas) E capar Eliminar a capacidade reprodutiva de um animal, com consequente perda da libido. Sinonímia: capar.

cavalo I horse, gelding, steed E caballo L Equus caballus L. Macho castrado da espécie Equus caballus.

célula germinativa ver CÉLULA GERMINAL

cepa ver TRONCO DE CONTENÇÃO

cerca I fence E alambrada Estrutura independente utilizada no manejo da movimentação de animais em uma propriedade rural.

chucro ver BAGUAL

ciclo de Krebs ver CICLO DO ÁCIDO CÍTRICO

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

ciclo ovariano ver CICLO ESTRAL

cianocobalamina ver COBALAMINA

cio

ver ESTRO

cisteína I cysteine E cisteína Aminoácido sulfuroso. Símbolos: Cys, C.

cistina I cystine E cistina Composto que se origina da oxidação de duas moléculas de cisteína.

citosina I cytosine E citosina Base nitrogenada pirimídica de fórmula molecular C 4 H 5 N 3O que é um dos blocos formadores do ácido desoxiribonucleico. Símbolo: C

clara ver ALBÚMEN

classificação de carcaças I carcass grading E clasificación de la canal Formação de classes ou grupos dentro dos quais as carcaças devem possuir características semelhantes.

cloaca I cloaca E cloaca L cloaca Ponto terminal dos aparelhos digestivo e excretor das aves.

clonagem I cloning E clonaje Ato de produzir um clone.

coagulador ver ABOMASO

cobaia ver PORQUINHO-DA-ÍNDIA

cobalamina I cobalamin, cyanocobalamin E cianocobalamina, vitamina B12, factor extrínseco de Castle Vitamina hidrossolúvel que participa no metabolismo protéico. Sinonímia:

cianocobalamina, hidroxicobalamina, metilcobalamina, vitamina B12.

cobertura I mounting, service E cubrición, monta, servicio, salto Acasalamento de um macho com uma fêmea. Sinonímia: monta, serviço, salto.

codorna I quail E codorniz L Coturnix coturnix Ave pertencente à espécie Coturnix coturnix.

coelho I rabbit E conejo L Oryctolagus cuniculus L. Animal roedor, da espécie Oryctolagus cuniculus, explorado na produção de carne, pele e de fibra.

coelho de engorde I broiler, grower E conejo de engorde Designação dada ao coelho macho ou fêmea destinado ao abate, a partir da desmama.

coelho fêmea I doe E coneja L Oryctolagus cuniculus L. Fêmea da espécie Oryctolagus cuniculus.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

coelho reprodutor I buck (macho), doe (fêmea) E conejo (macho), coneja L Oryctolagus cuniculus L. Coelho que atingiu maturidade sexual e é destinado à produção de prole.

cola

ver CAUDA

colecalciferol I cholecalciferol, vitamina D3 E colecalciferol, vitamina D3 Vitamina lipossolúvel do grupo D com função vitamínica nos mamíferos e nas aves. Sinonímia: vitamina D3

colina I choline E colina Vitamina hidrossolúvel do complexo B participante do metabolismo intermediário.

colostro I colostrum, beestings E colostro Leite produzido ao final da gestação e no início do período de aleitamento, de composição distinta do leite normal (menor conteúdo de lipídios e grande quantitade de anticorpos), servindo como alimento e ajudando o desenvolvimento do sistema imunológico do neonato.

comprimento de mecha I staple length E longitud de la mecha Comprimento médio das fibras de uma mecha de lã.

concepção I conception E concepción Fecundação do óvulo pelo espermatozóide, quando, então, forma-se o embrião. Considera-se o ponto de partida da gestação.

condição corporal I body condition E condición corporal Aspecto visual que o animal apresenta em determinado momento. Sinonímia: estado corporal

confinamento I confinement, feedlot E confinamiento, engorde en lotes Forma de criação intensiva, onde os animais recebem alimentação basicamente de volumosos conservados, geralmente suplementados com concentrados.

conformação I conformation E conformación Avaliação subjetiva do desenvolvimento das diferentes partes do animal, em separado ou em conjunto.

consanguinidade I inbreeding E consanguinidad Método de acasalamento entre animais com elevado grau de parentesco. Sinonímia:

endogamia.

constituição I constitution E constituición Estrutura de todo o corpo, avaliada pela conduta ante as influências do ambiente e a capacidade de reação face a adversidade. A constituição pode ser grosseira, forte, delicada, débil (fraca) ou linfática.

consumo ver INGESTÃO

coprofagia I coprophagy E coprofagia Ato de ingerir fezes, exibido por coelhos e animais de outras espécies.

cordeiro(a) I lamb E cordero(a) Ovino com até um ano de idade.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

corno

ver ASPA

corpo cetônico I ketone body E cuerpo cetónico Componente químico intermediário no metabolismo de lipídios.

corte I cut E corte, pieza Nome genérico de qualquer secção comercial da carcaça de um animal, constituída de carne, ossos e gordura.

corte de crista I dubbing E corte del peine Redução no tamanho da crista de machos de espécies avícolas por meio de corte ou cauterização.

crescimento I growth E crecimiento Aumento do tamanho do animal, produzido pelo aumento em peso e tamanho do esqueleto, tecidos e órgãos.

criação intensiva I intensive farming E criación intensiva Forma de criar animais em pequena extensão de área por unidade animal, podendo aqueles receber alimentação suplementar às pastagens.

criptorquidia I cryptorquidy E criptorquidia Condição de machos que não apresentam os dois testículos na bolsa escrotal.

curral ver MANGUEIRA

curva de crescimento I growth curve E curva de crecimiento Descrição matemática da alteração de peso de um animal com o decorrer do tempo.

curva de lactação I lactation curve E curva de lactación Descrição matemática da produção de leite de uma fêmea durante uma lactação.

curva de postura ver CURVA DE PRODUÇÃO

curva de produção I egg-laying curve E curva de puesta Representação matemática da produção de ovos de uma ave.

debicagem I debeaking E corte del pico Remoção da célula germinal localizada na ponta do bico de algumas espécies avícolas, por meio de cauterização.

dejetos

ver FEZES

delineamento experimental I experimental design E diseño experimental Critério adotado para o agrupamento das unidades experimentais a serem utilizadas em um experimento.

depenar I pluck E desplumar Ato de remover as penas de uma ave.

desaleitamento ver DESMAMA

descarte I cull E desecho Eliminação de animais improdutivos ou inservíveis do rebanho. Sinonímia: refugo.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

descendência ver PROGÊNIE

desmama I weaning E destete Operação que consiste na separação da fêmea da cria que está sendo amamentada. Sinonímia: desaleitamento

DFD ver CARNE ESCURA, FIRME E SECA

diferencial de seleção I selection differential E diferencial de selección Diferença numérica entre a média dos fenótipos dos animais selecionados e a média geral da população original.

difiodonte I diphyodont E difiodonte Espécie que possui duas dentições, uma de leite e outra definitiva.

digestão I digestion E digestión Série de processos enzimáticos que sofrem os alimentos ingeridos até a liberação de substâncias assimiláveis

digestão intestinal I intestinal digestion E digestión intestinal Parte do processo digestivo que ocorre no intestino.

digestibilidade I digestibility E digestibilidad Qualidade do que é digestível.

DNA ver ÁCIDO DESOXIRRIBONUCLEICO

domado I saddle broken E desbravado para silla Eqüino que aceita a monta e responde aos commandos dados pelo cavaleiro com as rédeas ou os pés. Sinonímia: domado de cima.

domado de cima ver DOMADO

dureza (da carne) I (meat) toughness E dureza (de la carne) Medida da resistência das fibras de carne, determinada principalmente pela quantidade de tecido conectivo no corte.

eclodibilidade I hatchability E capacidad de eclosión Índice de animais nascidos normais em relação ao número de ovos incubados. Sinonímia: percentagem de eclosão

eclosão I hatch E eclosión Ato do nascimento de uma ave, quando se dá a quebra da casca do ovo.

ectoparasita I ectoparasite E ectoparásito Parasita que vive no exterior do organismo hospedeiro.

eficiência reprodutiva I reproductive efficiency E eficiencia reproductiva Padrão subjetivo de avaliação do comportamento reprodutivo de um rebanho.

égua I mare E yegua L Equus caballus Fêmea da espécie Equus caballus após a primeira cobertura. Termo também usado para a fêmea destinada às exposições a partir dos quatro anos de idade.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

ejaculado I ejaculate E eyaculado Quantia de sêmen produzida por um macho em uma coleta, seja esta natural ou induzida.

ema I rhea E ñandú L Rhea americana L. Ave de grande porte pertencente à espécie Rhea americana, nativa da América do Sul, criada comercialmente visando principalmente a produção de carne, couro e penas.

empenamento precoce I fast feathering E emplume precoz Padrão de crescimento rápido e uniforme das penas em aves jovens.

empenamento tardio I slow feathering E emplume tardío Padrão de crescimento lento e desuniforme das penas em aves jovens.

endocrinologia I endocrinology E endocrinología Estudo das funções do sistema endócrino e de suas secreções, os hormônios.

endogamia ver CONSANGUINIDADE

endoparasita I endoparasite E endoparásito Parasita que vive no interior do organismo hospedeiro.

engorda I fattening, finishing E terminación Fase final do processo de produção, onde os animais são preparados para o abate. Sinonímia: terminação, acabamento.

epistasia I epistasis E epistasis, epistasia Interação entre genes localizados em loci diferentes.

eqüideo ver EQÜINO

eqüino I equine E équido L Equus caballus L. Designação genérica dos animais pertencentes ao gênero Equus e às espécies Equus caballus e Equus asinus. Sinonímia: eqüideo.

escroto ver BOLSA ESCROTAL

espaço de comedouro I feeder space E espacio de comedera Medida linear do espaço disponível em um comedouro para um animal ou ave.

espécie I species E especie Grupamento composto por animais mais ou menos semelhantes entre si e ligados pela interfecundidade no tempo e no espaço.

esperma

ver SÊMEN

espermatozóide I spermatozoon, sperm E espermatozoide, célula espermática Célula germinal masculina, contendo metade da carga genética do macho que a produziu.

esquila ver TOSQUIA

estado corporal ver CONDIÇÃO CORPORAL

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

estéril I sterile, barren E estéril Animal com completa inabilidade para produzir prole.

estirpe ver LINHAGEM

estocástico ver ALEATÓRIO

estômago I stomach E estómago L ventriculus Principal órgão responsável pela digestão dos alimentos. Pode ser único em animais monogástricos ou múltiplo em animais poligástricos.

estro I estrus, heat E estro, celo Fase do ciclo ovariano em que a fêmea aceita a monta, estando preparada para ser fecundada. Sinonímia: cio.

etologia I ethology E etología Estudo sistemático do comportamento animal.

evisceração I evisceration E evisceración Remoção das vísceras de um animal após o abate, durante o processamento.

ex situ I ex situ

E ex situ L ex situ

Locução latina usada para identificar uma atividade realizada fora do local de origem.

excreta

ver FEZES

exogamia ver CRUZAMENTO

F.D.P. Abreviatura de FUNÇÃO DE DENSIDADE DE PROBABILIDADE

F1 I F1 E F1 Progênie do cruzamento entre duas raças. Os indivíduos contém metade dos genes de cada uma das raças originais e máxima heterose individual.

F2 I F2 E F2 Progênie do cruzamento de animais F1. Indivíduos F2 contém, em média, metade dos genes de cada uma das raças originais e, em média, metade da heterose individual máxima.

fabácea ver LEGUMINOSA

falo

ver PÊNIS

família I family E familia Descendentes diretos e colaterais de um animal ou de um casal, usualmente limitados à terceira ou quarta geração.

farelo de soja I soybean meal E harina de torta de soya L Glycine max Merr. Subproduto do processamento da soja (Glycine max Merr.) usado como fonte protéica em rações.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

farinha de penas I feather meal E harina de plumas Resíduo industrial do processamento de aves, composto essencialmente de penas; utilizado como fonte protéica, em quantidades limitadas, na composição de rações.

fecundidade I fecundity E fecundidad Capacidade para formar e produzir células germinais férteis.

fêmea I female E hembra Animal ou ave do sexo feminino.

fêmea alfa I alpha female E hembra alpha Fêmea hierarquicamente dominante em um grupo social.

fenação I hay making E henificación Ato de produção de feno.

fenilalanina I phenylalanine E fenilalanina Aminoácido aromático hidrofóbico que apresenta um grupo benzil na cadeia lateral. Símbolos: Phe, F.

feno I hay E heno Forragem conservada mediante a prática da desidratação.

fertilidade I fertility E fertilidad Capacidade para conceber e produzir filhos viventes.

fezes I feces, excreta, droppings E heces, excrementos Resíduos da digestão eliminados pelo ânus ou cloaca. Sinonímia: excreta, dejetos.

fígado I liver E hígado L lecur Órgão responsável pela excreção da bile e que tem importante participação no metabolismo de carboidratos e de lipídios.

filé mignon I beef tenderloin E filete L Longissimus dorsi Corte bovino macio e saboroso, obtido do músculo Longissimus dorsi.

fio de lã ver FIBRA DE LÃ

Flock Book I Flock Book E Flock Book, libro de registro general Registro genealógico dos ovinos.

flora ruminal I ruminal flora, ruminal microflora E flora del rumen, microflora del rumen Complexo sistema microbiano presente no rúmen que é o principal responsável pelas etapas iniciais da digestão nos poligástricos. Sinonímia: microflora ruminal.

forrageira anual I annual forage E forraje anual Espécie forrageira que completa seu ciclo de vida em um ano ou menos, necessitando ser estabelecida todos os anos.

forragem I forage, fodder E forraje Aquilo que serve para alimentar os animais domésticos. Exemplos: alfafa, leite desnatado, farinha de carne, forrageiras.

fraldinha I flank steak E arrachera Corte muscular bovino localizado entre as costelas e o trem posterior do animal.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

franga I pullet E polla L Gallus domesticus Fêmea da espécie Gallus domesticus destinada à reprodução.

frango ver FRANGO DE CORTE

frango de corte I broiler (corte), roaster (inteiro) E pollo de carne, broiler Ave da espécie Gallus domesticus destinada ao abate, independente de seu sexo.

fumigador I fumigator E fumigadora Aparelho usado para produzir fumaça, necessária para o bom manejo da apicultura.

função econômica ver FUNÇÃO ZOOTÉCNICA

função produtiva ver FUNÇÃO ZOOTÉCNICA

função zootécnica I production functions E funciones de producción Funções fisiológicas que resultam em utilidade ou serviço para o homem. Como exemplo, a função fisiológica da glândula mamária se transforma em função zootécnica em razão da lactação produzir utilidade para o homem. Sinonímia: função econômica, função produtiva

funções incompatíveis I incompatible functions E funciones incompatibles Funções antagônicas em seu mais alto grau; constituem o antagonismo. Interessam mais as modalidades das funções do que a sua diversidade. É o caso do cavalo para tração onde se requer um animal pesado e de andar lento, enquanto a velocidade supõe um indivíduo leve e ligeiro.

gado de corte I beef cattle E ganado de carne L Bos taurus L. Designação a animais de raças da espécie bovina criados com o objetivo principal de produção de carne. Sinonímia: bovinos de corte.

gado de leite I dairy cattle E vacuno de leche L Bos taurus L. Designação a animais de raças da espécie bovina criados com o objetivo principal de produção de leite. Sinonímia: bovinos de leite.

galinha ver MATRIZ

galo I cock, rooster E gallo L Gallus domesticus L. Reprodutor macho da espécie Gallus domesticus, a partir de 7 meses de idade.

galo jovem I cockerel E gallo joven Galo ainda sem atividade sexual.

galope I gallop E galope Andamento mais veloz dos eqüinos, executado em três tempos; no quarto tempo as patas não mantém contato com o solo.

ganho de peso diário I daily weight gain E ganancia diaria de peso Acréscimo de peso corporal por dia de um animal, durante um período especificado de tempo.

garanhão I stallion, stud E semental Macho inteiro da espécie Equus caballus destinado à reprodução, a partir dos quatro anos de idade. Sinonímia: pastor, padrilho.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

garrote ver NOVILHO

gen

ver GENE

genótipo I genotype E genotipo Totalidade da constituição hereditária de um indivíduo, proveniente dos gametas paterno e materno. Fator determinante das características e do potencial produtivo dos indivíduos. Sinonímia: patrimônio genético, carga genética, bagagem hereditária.

germoplasma ver PLASMA GERMINAL

gestação I pregnancy E gestación Período de desenvolvimento do embrião e do feto no útero. Vai desde a fecundação até o nascimento do animal. Sinonímia: prenhez.

glicídio ver CABROIDRATO

glicina I glycine E glicina Aminoácido alifático que apresenta a estrutura mais simples dos aminoácidos comuns. Símbolos: Gly, G.

glicose ver GLUCOSE

glóbulo branco ver LEUCÓCITO

glucídio ver CABROIDRATO

glutamina I glutamine E glutamina Aminoácido que corresponde à forma amídica do ácido glutâmico. Símbolos: Gln, Q.

gordura subcutânea I subcutaneous fat E grasa subcutánea Porção da gordura animal encontrada imediatamente sob a pele.

grama ver GRAMÍNEA

gramínea I grass E mod L Poaceae, Gramineae (ant.) Nome genérico dado a plantas forrageiras anuais da familia Poaceae. Esta família botânica também inclui espécies de cereais. Sinonímia: capim, grama.

guampa

ver ASPA

guanina I guanine E guanina Base nitrogenada púrica de fórmula molecular C 5 H 5 N 5 O que é um dos blocos formadores do ácido desoxiribonucleico. Símbolo: G.

herança citoplasmática ver HERANÇA MITOCONDRIAL

Herd Book I Herd Book E Herd Book, libro de registro general Registro genealógico dos bovinos.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

heritabilidade ver HERDABILIDADE

heterose I heterosis, hybrid vigor E heterosis, vigor híbrido Superioridade percentual dos produtos de cruzamentos em relação à média dos grupos genéticos a que pertence Sinonímia: vigor híbrido.

híbrido I hybrid E híbrido Produto de uma hibridação ou do acasalamento entre animais de raças diferentes.

hidroxicobalamina ver COBALAMINA

histerectomia I hysterectomy E histerectomía Remoção cirúrgica do útero.

histidina I histidine E histidina Aminoácido básico com cadeia lateral cíclica. Símbolos: His, H.

hormônio de crescimento ver SOMATOTROPINA

IGF ver FATOR DE CRESCIMENTO DE TIPO INSULÍNICO

índice de seleção I selection index E índice de selección Combinação de dois ou mais valores genéticos em valor agregado único, obedecendo critérios pré-estabelecidos, visando a seleção simultânea de animais para vários caracteres.

indivíduo I individual E individuo Denominação de um ser vivo, indivisível, com carga genética diferente de qualquer outro, exceção feita aos gêmeos univitelinos.

ingestão I ingestion E ingestión Ato ou efeito de ingerir ou deglutir alimentos.

ingrediente I ingredient, feedstuff E ingrediente Qualquer matéria prima utilizável na composição de uma ração.

in sacco I in sacco E in sacco L in sacco Locução latina usada para designar reações ou fenômenos que ocorrem dentro de um recipiente.

inseminação artificial I artificial insemination E inseminación artificial Processo de reprodução que consiste em coletar o esperma, diluí-lo e congelá-lo quando necessário, injetando-o, posteriormente, no aparelho genital de fêmeas.

in situ

I in situ

E in situ

L in situ

Locução latina usada para identificar uma atividade realizada no local de origem.

insulina I insuline E insulina Hormônio anabolizante regulador do metabolismo dos carboidratos e dos lipídios.

intestino I gut, intestine E intestino L intestinum Órgão do aparelho digestivo onde ocorrem processos de digestão de alimentos e absorção de nutrientes.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

intestino delgado I small intestine E intestino delgado L intestinum tenue Porção terminal do intestino onde ocorrem principalmente processos de absorção de nutrientes.

intestino grosso I large intestine E intestino grueso L intestinum crassum Porção inicial do intestino onde ocorrem principalmente processos de absorção de nutrientes.

intrauterino ver IN UTERO

in utero I in utero E in utero L in situ Locução latina usada para denominar fenômenos que ocorrem no interior do útero.

in vitro I in vitro E in vitro L in vitro Locução latina usada para designar reações ou fenômenos ocorridos fora do organismo de um animal.

in vivo I in vivo

Locução latina usada para designar reações ou fenômenos que ocorrem no organismo de um animal.

irmãos I full sibs E hermanos Dois ou mais indivívuos descendentes do mesmo pai e da mesma mãe, ainda que não nascidos juntos. Sinonímia: irmãos inteiros, irmãos prórios.

irmãos inteiros ver IRMÃOS

irmãos próprios ver IRMÃOS

isocalórico I isocaloric E isocalórico Com o mesmo conteúdo de calorias.

isoleucina I isoleucine E isoleucina Aminoácido alifático de cadeia lateral saturada. Símbolos: Ile, I.

E in vivo L in vivo

jejuno I jejunum E yeyuno L jejunum Segmento do intestino delgado localizado após o duodeno e antes do íleo.

Joule I joule E joule Unidade de medida de energia, definida como o trabalho para exercer a força de um Newton no espaço de um metro. Um Joule equivale a 0,2388459 calorias.

I wool E lana Nome genérico dado à fibra produzida por ovinos.

lã de velo ver VELO

lactação I lactation E lactación Período em que as fêmeas de mamíferos produzem leite, que vai do parto até a supressão natural, ou imposta pelo homem, do estímulo da glândula mamária.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

lactogênese I lactogenesis E lactogénesis Processo fisiológico nas fêmeas dos mamíferos pelo qual células epiteliais mamárias alteram seu estado de não-secretório para secretório, dando início à produção de leite.

láparo I bunny E gazapo Coelho na primeira fase da vida, do nascimento até a desmama.

leguminosa I legume E leguminosa L Fabaceae, Leguminosae (ant.) Nome genérico dado a plantas forrageiras da familia Fabaceae, cuja principal característica é a capacidade de fixação de nitrogênio do ar, tornando-o disponível no solo. Sinonímia: fabácea.

leilão ver REMATE

leitão I piglet E lechón Animal suíno jovem, do nascimento até a desmama.

leite I milk E leche Fluído produzido por fêmeas de mamíferos que serve como alimento para os rebentos na fase inicial de suas vidas.

leitegada I litter E camada Conjunto de leitões desde o parto até a desmama ou 21 dias de idade. Sinonímia:

ninhada.

leptina I leptin E leptina Hormônio que participa do metabolismo energético, com papel regulatório do apetite.

leucina I leucine E leucina Aminoácido alifático de cadeia lateral saturada. Símbolos: Leu, L.

libido I libido, sex drive E libido, impulso sexual Instinto ou desejo sexual dos reprodutores. Sinonímia: ardor genésico

lisina I lysine E lisina Aminoácido básico diamínico. Símbolos: Lys, K.

lombinho I loin, rib eye E lomo L Longissimus dorsi Designação, no suíno, do músculo Longissimus dorsi, que está situado em paralelo à coluna vertebral na região dorso-lombar.

longevidade I longevity E longevidad Capacidade de um animal (ou raça) de prolongar sua vida produtiva em um número de anos superior à média de sua raça (ou espécie).

lotação animal I stocking density, stocking rate E densidad de carga, tasa de carga Relação entre o número de animais que pastejam e a área ocupada por eles na unidade de tempo. Sinonímia: carga animal.

macho I male E macho Animal ou ave do sexo masculino.

macho alfa I alpha male E macho alpha Macho dominante, sob o ponto de vista físico ou psicológico, num grupo de candidato a reprodutores.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

magno I magnum E magno L magnum Região do aparelho digestivo das aves responsável pela secreção do albúmen.

mamífero I mammal E mod L Mammalia Animal pertencente à ordem Mammalia cuja principal característica é a presença de glândulas mamárias nas fêmeas.

mamilo

ver TETA

manejo I husbandry E manejo Práticas de criação a que são submetidos os animais para obtenção de melhor desempenho funcional ou maior eficiência produtiva.

manga

ver BRETE

mangueira I corral E cercado Área, geralmente circular, limitada por cerca de arame ou de madeira, para onde os animais são levados para a realização de determinadas práticas. Sinonímia: curral.

manso de baixo ver AMANSADO

marcação I branding E marcación Colocação de uma marca ou desenho na parte externa do couro, com ferro quente ou frio, visando a identificar o animal, seu proprietário, ou seu status de seleção.

marmoreio I marbling E veteado Medida da quantidade de gordura intramuscular em cortes de carne bovina.

marrã I gilt E cerda joven Fêmea da espécie suína selecionada para ser reprodutora, antes de produzir sua primeira leitegada.

marrão ver CACHAÇO

matriz (coelha) I doe E liebre hembra, coneja hembra Reprodutor fêmea da espécie Oryctolagus cuniculus, a partir de cinco meses de idade.

matriz (galinha) I hen, chicken E gallina Reprodutor fêmea da espécie Gallus domesticus, a partir de seis meses de idade.

máxima verossimilhança I maximum likelihood, ML E máxima verosimilitud, ML Método estatístico usado na estimação de componentes de variância. Sinonímia: ML.

média ver MÉDIA ARITMÉTICA

meio I medium E medio Tudo que está em torno do animal. É constituído por todas as condições exteriores naturais (clima, solo, pastagens) e artificiais (alimentação, higiene, abrigos) a que estão sujeiros os seres vivos.

melhoramento genético animal ver MELHORAMENTO ANIMAL

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

melhor predição linear não-tendenciosa ver BLUP

melhor predição linear não-viesada ver BLUP

metabolismo I metabolism E metabolismo Conjunto de reações químicas e físico-químicas mediante as quais ocorre a assimilação e desassimilação das substâncias necessárias à vida animal

metabolismo basal I basal metabolism E metabolismo basal Quantidade de calor que o organismo animal despreende quando em jejum e em repouso absoluto.

metilcobalamina

ver COBALAMINA

metionina I methionine E metionina Aminoácido sulfuroso cuja cadeia lateral apresenta um tioéter não polar. Símbolos:

Met, M.

menadiona I menadione, vitamin K E menadiona, vitamina K Vitamina lipossolúvel responsável pela integridade do mecanismo de coagulação do sangue. Sinonímia: vitamina K.

microflora ruminal ver FLORA RUMINAL

ML

ver MÁXIMA VEROSSIMILHANÇA

mochamento

ver AMOCHAMENTO

mocho I polled, hornless E mocho Animal desprovido de aspas, seja naturalmente, seja artificialmente.

modelo misto I mixed model E modelo mixto Modelo estatístico que inclui simultaneamente efeitos fixos e efeitos aleatórios.

monogástrico I nonruminant, monogastric E monogástricos Nome genérico dado às spécies que possuem mais de um estômago, como os suínos e os equinos. Sinonímia: não-ruminante.

monta

ver COBERTURA

morbidez I morbidity E morbosidad Estado de aves enfraquecidas e com crescimento retardado que, no entanto, continuam vivas.

muda forçada I molting E muda forzada Processo pelo qual um lote de aves é levado a realizar uma troca de todas as penas, com vista a retornar a níveis mais altos de postura.

multípara I multiparous E multípara Fêmea a partir do seu segundo parto.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

músculo I muscle E músculo Tecido constituído de celulas elongadas que se contraem quando estimuladas.

nanismo I dwarfism E enanismo Condição genética que resulta em indivíduos de estatura baixa e desenvolvimento incompleto.

não-ruminante ver MONOGÁSTRICO

natimorto I stillborn E mortinato Animal que é parido sem vida ou que morre no período perinatal.

niacinamida ver NICOTIDAMIDA

niacina ver ÁCIDO NICOTÍNICO

nicotidamina I nicotidamine E nicotidamina Forma alternativa do ácido nicotínico que exerce as mesmas funções vitamínicas.

ninhada (aves) I brood E pollada, pollitos de una misma incubación Pintos nascidos numa mesma incubação ou choca.

ninhada (suínos) ver LEITEGADA

novilha E heifer cow I novilla, vaca primípara Fêmea da espécie bovina, a partir de 1 ano de idade até a primeira cria. Sinonímia:

vaquilhona.

novilho E heifer, steer, feedlot cattle I novillo Macho castrado da espécie bovina destinado à engorda.

nutrição I nutrition E nutrición Conjunto de processos que vão da ingestão dos alimentos até o metabolismo dos nutrientes.

nutriente I nutrient E nutriente Todo constituinte do alimento, ou grupo de constituintes do alimento com uma mesma composição química geral, que participa na manutenção da vida (hidratos de carbono, lipídios, proteínas, vitaminas, minerias, ar, água, etc.).

omaso I omasum E omaso L omasum Terceiro estômago de um animal poligástrico.

ordenha I milking E ordeña Retirada do leite de fêmeas de espécies leiteiras, de forma manual ou mecanizada.

ordenhadeira I milking machine E ordeñadora Equipamento utilizado para ordenhar fêmeas de espécies leiteiras.

ovelha I ewe E oveja Reprodutor ovino fêmea, a partir de 1,5 a 2 anos (4 dentes).

ovino I ovine E ovino L Ovis aries L. Mamífero da espécie Ovis aries.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

ovo I egg E huevo Produto da postura das aves, sem necessidade de que ocorra a fecundação do gameta feminino.

ovo

ver ZIGOTO

ovulação I ovulation E ovulación Liberação do óvulo pelo ovário em virtude do rompimento do folículo.

padrilho ver GARANHÃO

palha I straw E paja Resíduo da agricultura utilizado como alimento ou como cama para animais.

palpação

ver TOQUE

pança

ver RÚMEN

pangola ver CAPIM PANGOLA

parasita I parasite E parásito Organismo causador de parasitose.

passo I walk E paso Andamento mais lento dos eqüinos, executado em quatro tempos; em cada tempo, três patas mantém contato com o solo.

pastagem I pasture, grassland E pastizal Solo coberto pela associação de plantas herbáceas (forrageiras) naturais ou cultivadas, utilizada para o pastejo animal ou para a colheita destinada à conservação.

pastagem associada ver PASTAGEM CONSORCIADA

pastagem estreme ver PASTAGEM SINGULAR

pastagem melhorada I improved pasture E pasto mejorado Pastagens naturais que sofrem a ação do homem através da adubação, introdução de novas espécies ou irrigação, com o fim de melhorar a sua produtividade.

pastagem nativa I native pasture E pastizal nativo Pastagem formada naturalmente mediante a influência das condições ecológicas predominantes, sem intervenção do homem.

pasteurização I pasteurization E pasteurización Processamento do leite por aquecimento seguido de rápido resfriamento, para destruir bactérias patogênicas.

pastor ver GARANHÃO

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

pastoreio contínuo I continuous grazing E pastoreo contínuo Sistema de pastoreio em que os animais permanecem numa mesma área durante um determinado espaço de tempo.

pastoreio rotativo I rotation grazing E pastoreo rotativo Sistema de pastoreio em que os animais permanecem numa mesma área durante um determinado espaço de tempo.

patrimônio genético ver GENÓTIPO

PC

ver PURO POR CRUZAMENTO

PCOC ver PURO POR CRUZAMENTO DE ORIGEM CONHECIDA

PCOD ver PURO POR CRUZAMENTO DE ORIGEM DESCONHECIDA

PCR ver REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE

pedilúvio I foot bath E pediluvio Tanque de paredes baixas onde se coloca uma solução para eliminar enfermidades que afetam os cascos dos animais.

pele I skin, fur E piel Órgão que recobre exteriormente o corpo dos animais.

pena I feather E pluma Cobertura do corpo adulto de uma ave.

pênis I penis, phallus E verga L penis Órgão sexual externo masculino dos mamíferos. Sinonímia: falo.

percentagem de eclosão ver ECLODIBILIDADE

perna I leg E pierna Membro locomotor posterior dos animais. Anatomicamente, a perna consiste da porção do membro posterior que abriga a tíbia e a fíbula.

pernil I haunch E pernil Todo o trem posterior do animal, seccionando-se a carcaça entre a penúltima e última vértebra lombar. O termo é normalmente empregado para designar esta secção da carcaça dos suínos.

período aberto ver PERÍODO VAZIO

período seco I dry period E período seco Período que vai do final de uma lactação até o início da lactação seguinte.

período vazio I open period E período abierto Período que vai do parto até a nova cobertura fértil.

peru I turkey E pavo L Meleagris gallopavo L. Ave pertencente à espécie Meleagris gallopavo.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

peru macho I tom E pavo macho Reprodutor macho da espécie Meleagris gallopavo.

peruzinho I poult E pavipollo, pavito Ave jovem da espécie Meleagris gallopavo, da eclosão até o início do aparecimento das penas.

pinto I chick E pollito Ave jovem da espécie Gallus domesticus, da eclosão até o início do aparecimento das penas.

piridoxina I pyridoxine, vitamin B6 E piridoxina, vitamina B6 Vitamina hidrossolúvel que participa no metabolismo de aminoácidos. Sinonímia:

vitamina B6.

PO

ver PURO DE ORIGEM

pocilga I sty, pen E pocilga, celda Nome vulgar dado às instalações onde são criados suínos.

poedeira I layer E gallina Ave destinada à produção de ovos.

poligástrico I polygastric, ruminant E poligastrico, rumiante Nome genérico dado às spécies que possuem mais de um estômago, como os bovinos e os ovinos. Sinonímia: ruminante.

população I population E población Total de indivíduos de uma espécie, raça ou outro grupamento qualquer, ou ainda o total de indivíduos semelhantes que habitam determinada área.

porca I sow E cerda Reprodutor fêmea da espécie suína, após produzir sua primeira leitegada.

porco Designação vulgar de machos da espécie suína.

porquinho-da-índia I guinea pig E cuy L Cavia porcellus L. Roedor sul-americano comestível de porte médio da espécie Cavia porcellus que também é ocasionalmente usado como organismo modelo na pesquisa zootécnica e biomédica. Sinonímia: cobaia.

post mortem I post mortem E post mortem L post mortem Locução latina usada para designar processos ocorridos após a morte de um animal.

potranco(a) ver POTRO(A)

potreiro I paddock E potrero, paddock Divisão de uma área maior que permite melhor distribuição dos animais, ou para mantê-los classificados por grupos.

potrilho(a) I foal E potrillo Eqüino enquanto mama. Nas criações intensivas considera-se até os seis ou sete meses de idade, ao passo que nas extensivas, até os dez ou doze meses de idade.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

potro(a) I colt (macho), filly (fêmea) E potro(a) Macho jovem da espécie Equus caballus após a desmama e até os quatro anos de idade. Sinonímia: potranco(a).

PP

ver PURO DE PEDIGREE

PPC ver PURO POR CRUZAMENTO

pradaria I prairie E pradera Extensão de terreno plana cuja vegetação predominante é composta de capins e ervas de baixo porte.

premix I premix E premezcla Nome genérico dado a misturas de vitaminas, minerais ou aminoácidos que são comumente adicionados em rações, visando suplementar nutrientes deficientes em dietas.

prenhez ver GESTAÇÃO

pressão de pastejo I grazing pressure E presión del pastoreo Relação entre o número de animais que pastejam uma determinada área e a quantidade de forragem disponível na unidade de tempo.

presunto I ham E jamón Porção muscular do pernil dos suínos.

primeira cobertura ver PRIMEIRO SERVIÇO

primeira monta ver PRIMEIRO SERVIÇO

primeiro serviço I first service E primer servicio Primeiro acasalamento de um animal. A variação da época para sua ocorrência dependerá do desenvolvimento corporal ou da idade. Sinonímia: primeira cobertura, primeira monta.

primípara I primiparous E primípara Fêmea que teve seu primeiro parto.

produção I production E produción Produto global físico e econômico de uma ou mais funções zootécnicas de um animal ou de um rebanho.

produção animal ver ZOOTECNIA

produtividade I productivity E productividad Produção física e econômica por unidade animal ou por área, num determinado espaço de tempo.

progênie I offspring, progeny E decendencia Descendência direta de um indivíduo. Sinonímia: descendência.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

progresso genético ver GANHO GENÉTICO

prole ver PROGÊNIE

prolificidade I prolificacy E prolificidad Capacidade de produção de muitos descendentes. Este atributo pode ser inerente a um indivíduo, a uma família, a uma raça ou a uma espécie.

prolina I proline E prolina Aminoácido alifático de cadeia lateral cíclica. Símbolos: Pro, P.

provitamina I provitamin E provitamina Composto que é precursor de uma vitamina.

PS

ver PURO SANGUE

PSE ver CARNE PÁLIDA, MACIA E EXSUDATIVA

PST ver SOMATOTROPINA PORCINA

puberdade I puberty E pubertad Fase da vida do animal que caracteriza o início da aptidão reprodutiva.

puro de pedigree ver PURO DE ORIGEM

puro por cruza ver PURO POR CRUZAMENTO

puro sangue I thoroughbred E puro sangre Designação comum para eqüinos puros de origem. Sinonímia: PS.

quadrado latino I latin square E cuadrado latino Delineamento experimental em que as unidades experimentais são agrupadas simultaneamente de acordo com dois critérios de heterogeneidade.

quebra

ver DOMA

QTL ver LOCUS DE CARÁTER QUANTITATIVO

rabo

ver CAUDA

raça I breed, race E raza Grupo de animais com origem comum, e que possuem certos caracteres distintos, não comuns a outros animais da mesma espécie, os quais são tão fixos que se transmitem uniformemente dos genitores para a progênie.

raça autóctone I autochthone breed E raza autóctona Raça que é natural de uma região.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

raça cosmopolita I cosmopolitan breed E raza cosmopolita Raça que expandiu-se por extensa área geográfica, graças às suas qualidades de adaptação e produção.

raça de dupla aptidão ver RAÇA MISTA

raça de duplo propósito ver RAÇA MISTA

raça derivada I synthetic breed E raza sintética Raça proveniente do cruzamento de duas outras, visando combinar características positivas das raças. Sinonímia: raça sintética.

raçador I imprinter E razador Reprodutor que possui a capacidade de transmitir, aos seus descendentes, com grande fixidez, muitas de suas próprias características externas e de produção.

raça especializada I specialized breed E raza especializada Raça na qual uma função zootécnica é exaltada ao máximo.

raça melhorada I improved breed E raza mejorada Raça em cuja formação houve sensível influência do homem, com a finalidade de exaltar uma ou duas funções zootécnicas.

raça nativa ver RAÇA AUTÓCTONE

raça natural ver RAÇA PRIMITIVA

raça sintética ver RAÇA DERIVADA

ração I ration, diet E ración Alimento fornecido a um animal durante 24 horas, quer seja dado de uma só vez, ou distribuído em porções ao longo do dia. Sinoní mia: dieta.

ração balanceada I balanced ration, balanced diet E ración equilibrada Ração que fornece os diferentes nutrientes em quantidades e porções apropriadas para alimentar o animal por 24 horas.

ração basal I basal ration, basal diet E ración de base Ração formulada de forma a fornecer a quantidade de energia suficiente para repor o calor desprendido pelo organismo quando em jejum e em repouso absoluto.

ranicultura I frog farming E ranicultura Criação de anuros comestíveis, especialmente rãs dos gêneros Leptodactylus e Rana.

reação em cadeia da polimerase I polymerase chain reaction, PCR E reacción en cadena de la polimerasa, PCR Técnica in vitro que permite isolar e ampliar fragmentos de ácido desoxirribonucleico. Sinonímia: PCR

refugo (1) ver DESCARTE

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

refugo (2) I runt E refugo Leitão que apresenta tamanho ou peso notadamente menor (normalmente menos de 1 kg) do que seus contemporâneos de leitegada.

regime de luz ver PROGRAMA DE LUZ

regressão ver ANÁLISE DE REGRESSÃO

reto I rectum E recto L rectum Porção terminal do intestino delgado.

relação energia/proteína I energy/protein ratio E relación energía/proteína Quociente obtido dividindo-se o conteúdo de energia pelo conteúdo de proteína de uma ração ou dieta

relincho I neigh E relincho Som emitido pelos equinos.

remate I auction E subasta, remate Evento em que animais são comercializados por meio de ofertas de valor crescente, apresentadas de forma sucessiva até que uma oferta vencedora não seja sobrepujada. Sinonímia: leilão.

REML ver MÁXIMA VEROSSIMILHANÇA RESTRITA

repetibilidade I repeatability E repetibilidad Fração (porcentagem) da variancia fenotípica que é explicada pela variância genética total mais a variância ambiental permanente.

reprodutor testado ver REPRODUTOR PROVADO

reprodutor provado

I proven breeder, tested breeder E reproductor testado

Reprodutor avaliado pelo comportamento produtivo próprio ou de sua prole, sob critérios que visam determinar a sua capacidade de transmitir de forma comprovada

as suas características produtivas. Sinonímia: reprodutor testado.

resposta indireta ver RESPOSTA CORRELACIONADA

retículo I reticulum E retículo, redecilla L reticulum Segundo estômago de um animal poligástrico.

retinol ver RETINALDEÍDO

retinaldeído I retinal, retinaldehyde, vitamin A E retinaldehído, vitamina A Vitamina lipossolúvel cujas principais funções são a regulação do mecanismo da visão e o controle do desenvolvimento do sistema nervoso. Sinonímia: vitamina A.

retrocruza I backcross E retrocruza Animal nascido de um retrocruzamento. Sinonímia: B1.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

retrocruzamento I backcrossing E retrocruzamiento Cruzamento de indivíduos F1 com uma das raças que originou os indivíduos F1. Os indivíduos resultantes (retrocruzas) contém, em média, 75% dos genes da raça com a qual foi feito o retrocruzamento e, exibem metade da heterose individual máxima.

riboflavina I riboflavin E riboflavina Vitamina hidrossolúvel essencial ao metabolismo dos lipídios. Sinonímia: vitamina

B2.

ritmo aemérrico I ahemeral rhythm E reloj ahemeral Ritmo biológico que artificialmente estabelece dias com duração diferente de 24 horas.

ritmo circadiano I circadian rhythm E reloj circadiano Ritmo biológico natural, baseado num dia de 24 horas.

RNA ver ÁCIDO RIBONUCLEICO

rufião I ruffian E rufián Macho com instinto sexual, sem capacidade de fecundação, utilizado com o objetivo de detectar fêmeas em cio.

rúmen I rumen E rumen, panza Primeiro estômago de um animal poligástrico.

ruminação I rumination E ruminación Ato ou efeito de ruminar; processo existente nos ruminantes pelo qual o alimento retorna à boca, para nova mastigação.

ruminante ver POLIGÁSTRICO

saco escrotal ver BOLSA ESCROTAL

sal mineralizado I mineral salt, mineral block E sal mineral Mistura de microelementos e macroelementos minerais com cloreto de sódio, para ser administrada isolada e diretamente aos animais.

salto ver COBERTURA

sangue I blood E sangre Tecido líquido constituído de um porção líquida (plasma) e de uma porção sólida (células sangüíneas e plaquetas).

seleção I selection E selección Estratégia de planejamento reprodutivo numa população na qual alguns indivíduos são escolhidos para deixar maior número de descendentes do que outros, geralmente de acordo com critérios de base econômica.

serina I serine E serina Aminoácido do grupo dos álcoois. Símbolos: Ser, S.

seringa

ver BRETE

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

serviço ver COBERTURA

sexagem I sexing E sexaje Determinação do sexo de um animal ou ave jovem mediante exame dos órgaos genitais.

silagem I silage E ensilaje, ensilado Forragem conservada mediante a fermentação anaeróbica com formação de ácido láctico.

SNC ver SISTEMA NERVOSO CENTRAL

sobreano I yearling E añojo Animais da espécie bovina, com aproximadamente um ano e meio de idade (550 dias).

sobredominância I overdominance E sobredominancia Tipo de ação gênica em que os indivíduos heterozigotos apresentam valor fenotípico superior ao dos dois homozigotos correspondentes.

somatomedina ver FATOR DE CRESCIMENTO DE TIPO INSULÍNICO

somatotropina bovina I bovine somatotropine, bST E somatotropina bovina, bST Hormônio produzido pelos bovinos que participa do metabolismo do crescimento e da produção de leite. Sinonímia: bST.

suarda I wool grease E suarda Produto das glândulas sudoríparas e sebáceas dos ovinos, cuja finalidade é proteger a fibra de lã contra as intempéries.

suco gástrico I gastric juice E jugo gástrico Conjunto de secreções produzidas pelo estômago com a finalidade de auxiliar na digestão.

sucrose ver SACAROSE

suculência I juiciness E suculencia, jugosidad Medida subjetiva ou objetiva da quantidade de líquidos contida num corte de carne.

suíno I swine E cerdo L Sus scrofa L. Denominação genérica dada a animais da espécie Sus scrofa.

suíno de engorda I swine E cerdo L Sus scrofa L. Macho suíno castrado destinado à engorda.

suplemento I hog, barrow E cerdo macho capado Ingrediente ou mistura de ingredientes capaz de enriquecer a ração em vitaminas, animoácidos ou minerais.

tatuagem I tattoo E tatuaje Identificação de um animal através da impressão de números na face interna da orelha ou da virilha.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

taxa de mortalidade E mortality rate E tasa de mortalidad Percentual de animais mortos, calculado sobre o efetivo do rebanho.

taxa de natalidade I birth rate E tasa de natalidad Percentual de animais nascidos, calculado sobre o número de fêmeas aptas à reprodução num rebanho.

taxa de postura I lay, laying percentage E tasa de postura Número de ovos postos durante um intervalo padrão ou a percentagem de produção de ovos num intervalo de tempo.

temperamento leiteiro ver CARÁTER LEITEIRO

terminação ver ENGORDA

terneiro(a) I calf (macho), cow calf (fêmea) E ternero(a) Animal jovem da espécie bovina até 1 ano de idade.

tesoura I scissors E tijeras Instrumento de corte usado na esquila dos ovinos.

tesoura ver TRONCO DE CONTENÇÃO

testículo I testicle E mod L testis Gônada sexual masculina, responsável pela produção de espermatozóides.

testosterona I testosterone E testosterona Hormônio esteróide sintetizado principalmente pelos testículos nos machos e, em quantitade mais baixas, pelos ovários nas fêmeas, cujas principais funções são a manutenção da libido e a regulação do comportamento agressivo.

tiamina I thiamine E tiamina Vitamina hidrossolúvel essencial ao metabolismo dos carboidratos (transforma carboidratos em gorduras).

tilápia I tilapia E tilapia L Oreochromis spp., Sarotherodon spp., Tilapia spp. Denominação genérica dada a peixes de água doce, originários da África, pertencentes aos gêneros Oreochromis, Sarotherodon e Tilapia.

timina I thymine E timina Base nitrogenada pirimídica de fórmula molecular C 5 H 6 N 2 O 2 que é um dos blocos formadores do ácido desoxiribonucleico. Símbolo: T.

tipificação I grading standard E esquema de clasificación Classificação que tem sua origem em fatores econômicos, sendo previamente estabelecida uma escala de importância visando a atribuição de valores diferenciais de remuneração.

tipo étnico I breed type E tipo racial Conjunto de caracteres exteriores de uma raça.

tipo racial ver TIPO ÉTNICO

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

tipo zootécnico ver BIOTIPO

tirosina I tyrosine E tirosina

Aminoácido aromático cujo cadeia lateral apresenta um grupo fenólico. Símbolos: Tyr,

Y.

tocoferol I tocopherol, vitamin E E tocoferol, vitamina E Vitamina lipossolúvel cuja função principal é atuar como antioxidante biológico. Sinonímia: vitamina E.

toicinho ver TOUCINHO

tolerância ao calor I heat tolerance E tolerancia al calor Capacidade que um animal apresenta de se adaptar a temperaturas um pouco mais elevadas do que o normal, sem que haja queda no desempenho produtivo ou

reprodutivo.

tosa ver TOSQUIA

tosquia I shearing, clipping E esquila, esquileo Conjunto de operações que se processa para retirar periodicamente a lã dos ovinos. Sinonímia: tosa, esquila.

toucinho I backfat E tocino Manta de gordura que envolve, principalmente, as regiões dorsal e lateral do corpo do animal. Sinonímia: toicinho.

tourinho I bull, yearling bull E toro, toro joven Reprodutor macho da espécie bovina, a partir de 1,5 ano de idade.

tourito ver TOURINHO

touro I bull E toro Reprodutor macho da espécie bovina, normalmente a partir dos 3 anos de idade, em condições de criação extensiva.

touruno I stag E toro castrado en la edad adulta Touro que, por tornar-se inservível à reprodução, é castrado e, posteriormente,

engordado.

transferência de embriões I embryo transfer E transferencia de embriones Técnica cirúrgica que consiste na remoção do embrião de uma fêmea doadora e posterior implantação em uma fêmea receptora.

transgênico I transgenic E transgénico Animal cuja carga genética original sofreu modificação, por adição ou remoção de material genético.

treonina I threonine E treonina Aminoácido do grupo dos álcoois. Símbolos: Thr, T.

trevo branco I white clover E trébol blanco L Trifolium repens L. Leguminosa forrageira perene da espécie Trifolium repens com alto conteúdo de proteína bruta que tolera alta pressão de pastejo.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

trevo vermelho I red clover E trébol rojo L Trifolium pratense L. Leguminosa forrageira bianual da espécie Trifolium pratense com alto conteúdo de proteína bruta, especialmente a variedade sativum.

tronco ver TRONCO DE CONTENÇÃO

trote I trot E trote Andamento de velocidade intermediária dos eqüinos, executado em dois tempos; em cada tempo, duas patas mantém contato com o solo.

UA

ver UNIDADE ANIMAL

úbere I udder E ubre Glândula mamária dos bovinos, ovinos e caprinos, caracterizada por apresentar múltiplas tetas.

unidade animal I animal unit E unidad animal Medida de referência que equivale a 450 quilogramas de peso vivo. Sinonímia: UA.

unidade Haugh I Haugh unit E unidade Haugh Medida de qualidade interna do ovo, obtida em função da altura do albúmen e do peso do ovo.

uracil ver URACILA

uracila I uracil E uracilo Base nitrogenada pirimídica de fórmula molecular C 4 H 4 N 2 O 2 que é um dos blocos formadores do ácido ribonucleico. Símbolo: U. Sinonímia: uracil.

útero I uterus, womb E útero, matriz L uterus Órgão onde é gerado o feto nas fêmeas dos mamíferos.

vaca I cow, E vaca Reprodutor fêmea da espécie bovina, a partir da primeira cria.

vaca amamentando ver VACA COM CRIA AO PÉ

vaca cheia ver VACA PRENHE

vaca em lactação I lactating E vaca en lactación Fêmea da espécie bovina que se encontra em período de produção de leite, sem terneiro ao pé, próprio das raças leiteiras.

vaca em produção ver VACA EM LACTAÇÃO

vaca seca I dry cow E vaca seca Fêmea da espécie bovina que não está lactando.

vaca servida ver VACA COBERTA

vaca vazia I empty cow, open cow E vaca vacía Fêmea da espécie bovina que não está gestando.

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

valina I valine E valina Aminoácido alifático com cadeia lateral saturada. Símbolos: Val, V.

varrão ver CACHAÇO

vagina I vagina E vagina L vagina Canal que liga o colo do útero à vulva.

vaquilhona ver NOVILHA

velo I fleece, fleece wool E vellón Lã produzida por um ovino adulto nas diferentes regiões do corpo, com exceção dos membros, barriga e cabeça, por um período mínimo de crescimento de 12 meses. Sinonímia: lã de velo.

velo limpo I clean fleece E vellón limpio Lã de velo, após passar por um conjunto de processos industriais ou artesanais com o intuito de remoção da suarda e de outras impurezas.

velo sujo I greasy fleece E vellón sucio Lã de velo no estado em que se encontra imediatamente após a tosquia, sem sofrer qualquer tipo de alteração.

vicunha I vicuña E vicuña L Vicugna vicugna (Molina) Camelídeo sul-americano de pequeno porte pertencente à espécie Vicugna vicugna.

vigor híbrido ver HETEROSE

vitamina I vitamin E vitamina Nome genérico dado a compostos orgânicos necessários em quantitades baixas por animais e que são participantes essenciais do metabolismo.

vitamina A ver RETINALDEÍDO

vitamina B1 ver TIAMINA

vitamina B2 ver RIBOFLAVINA

vitamina B3 ver ÁCIDO NICOTÍNICO

vitamina B6 ver PIRIDOXINA

vitamina B12 ver COBALAMINA

vitamina C ver ÁCIDO ASCÓRBICO

vitamina C ver ÁCIDO ASCÓRBICO

Pequeno Glossário Nunes de Zootecnia

Copyright © Frank Siewerdt, 2007

Versão 4 (Resumida)

vitamina D I vitamin D E vitamina D Nome genérico dado às vitaminas responsáveis pela regulação da absorção do cálcio no intestino e no fígado.