Você está na página 1de 32

FACULDADE ATENAS MARANHENSE - FAMA

Seis Sigma
A Estratégia para a
Excelência da Performance
GERISVAL ALVES PESSOA
• Mestre em Gestão Empresarial
• Especialista em Engenharia da Qualidade
• Auditor Líder ISO 9000 e ISO 14000
• Auditor OHSAS 18001
• Instrutor Internacional de TPM
• Examinador Prêmio Nacional da Qualidade - Ciclos 2000, 2001 e 2002
 Gerisval Pessoa
Seis Sigma - Definição

• Um processo e um conjunto de ferramentas para


aumentar a rentabilidade através do foco em redução de
variabilidade resultando em uma melhor capacidade de
negócio.
• Uma filosofia e uma metodologia com foco na redução
de defeitos.
defeitos
• Uma estratégia gerencial disciplinado e altamente
quantitativo, que tem como objetivo aumentar
drasticamente a lucratividade das empresas, por meio
da melhoria da qualidade de produtos e processos e do
aumento da satisfação dos clientes.
• Sigma (σ) é a décima oitava letra do alfabeto grego. É uma medida de variação.

 Gerisval Pessoa
Origem da Metodologia Seis Sigma
Desenvolvido pela Motorola no final da década de 80
Industrias que adotam a metodologia:

• Motorola
• Hewllet Packard
• Texas Instruments
• General Electric
• Allied Signals
• Multibrás
• Sony
• Nokia
• Alcan
 Gerisval Pessoa
Excelência de Processos Através da
Metodologia Seis Sigma

LSL USL
 Gerisval Pessoa
Um processo 3 Sigmas. . .

Perdas ou Output Variação


Entrega de
defeituosos

Parametro
Medido
LIE LSE

 Gerisval Pessoa
. . . Produz 67.000 de defeitos
Usar as ferramentas Seis Sigma para reduzir a variabilidade. . .

Ganhos no Custo
da Má Qualidade,
Melhorias na
entrega

LIE LSE
. . . Para diminuir defeitos e melhorar o produto entregue ao cliente
….(3,4 PPM)
 Gerisval Pessoa
Por que Precisamos do Seis Sigma?
Custos dos
Defeitos
No Cliente
-Custos de Garantia
-Custos Administrativos
-Clientes Descontentes
No Final -Perda de Mercado
da Linha

Na Fonte
-Retrabalho/Refugo
-Aumento Custo Inspeção
Menores -Atraso na Entrega
Atrasos na
Produção

Local de
Detecção
 Gerisval Pessoa
Padrão Atual x Padrão Seis Sigma

Quatro Sigma (99,38% conforme) Seis Sigma (99,99966% conforme)

Sete horas de falta de energia Uma hora de falta de energia


elétrica por mês elétrica a cada 34 anos

5.000 operações cirúrgicas


1,7 operação cirúrgica incorreta por semana
incorretas por semana

3.000 falhas a cada 300.000


Uma falha para cada 300.000 viagens
viagens

Quinze minutos de fornecimento de água Um minuto de fornecimento de água não


não potável por dia potável a cada sete meses.

1 erro / todos os livros de uma


1 erro a cada 30 páginas
pequena biblioteca

 Gerisval Pessoa
Seis Sigma x Falhas
Sigma Qualidade (%) Defeitos (PPM)

2 69,14630 308.537

3 93,33000 66.807
(Visão histórica)
4 99,37900 6.210
(Visão atual)

5 99,97600 233
6 99,99966 3,4
(Visão Industrial)
PPM - Partes Por Milhão
 Gerisval Pessoa
Nível de Qualidade x Custo da Não-Qualidade

NÍVEL SIGMA DEFEITOS POR CUSTO NÃO


MILHÃO(ppm) QUALIDADE

6 Sigma 3,4 < 1%

5 Sigma 233 05 a 15%

4 Sigma 6.210 15 a 25%

3 Sigma 66.807 25 a 40%

2 Sigma 308.537 Não se aplica

1 Sigma 690.000 Não se aplica

 Gerisval Pessoa
História do Seis Sigma

Grupo Ganho superiores a R$ 20


Brasmotor milhões em 1999

General Ganho obtidos em 1999:


Eletric US$ 1,5 bilhões

AlliedSignal Ganho obtidos até maio


de 1998: US$ 1,2 bilhões

ABB Ganho médio de US$ 890 milhões/ano em um período de 2 anos.

Motorola Ganho de US$ 2,2 bilhões entre o final da década de 80 e o início de 90.

87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 00 01 02
Início do Seis Sigma Grupo Brasmotor inicia o Seis Sigma no Brasil

 Gerisval Pessoa
Metodologia
A metodologia Seis Sigma aplica-se na melhoria de processos já
existentes e pode ser aplicada a qualquer processo operacional,
administrativo ou de serviços com o objetivo de:

• Aumentar a satisfação do cliente

• Diminuir os ciclos de tempos

• Diminuir falhas, erros e defeitos de produtos e/ou serviços

• Aumentar a produtividade

• Reduzir os custos (impactar na margem operacional - reduzir os custos


fixos)

 Gerisval Pessoa
Aplicações do Seis Sigma

• Marketing Compras / Importação

• Vendas Jurídico

• Assistência Técnica Recursos Humanos

• Exportação Produção/Manufatura

• Administrativo E-Business

• Financeiro Tecnologia de Informação


Motorola, GE, Nokia, Gerdau, Belgo Mineira, Multibrás, outros

 Gerisval Pessoa
O que há de novo no Seis Sigma?

• O Seis Sigma utiliza ferramentas estatísticas


conhecidas há anos na busca de eliminação de defeitos
em todos os processos da empresa.

• A abordagem e a forma de implementação das


ferramentas são únicas e muito mais poderosas.

 Gerisval Pessoa
O Segredo do Sucesso do Seis Sigma

Sucesso do Seis Sigma

Alta Administração
(DMAIC / PDCA)
Método
$$$

$$$ - Mensuração direta dos benefícios do programa pelo aumento da lucratividade


da empresa
DMAIC - Método estruturado para alcance de metas utilizado no Seis Sigma
AA - Elevado comprometimento da alta administração da empresa
 Gerisval Pessoa
Objetivo Seis Sigma
INFORMAÇÕES

FATOS = Informações Qualitativas DADOS = Informações Numéricas

COLETA

ANÁLISE

SITUAÇÃO ATUAL
CONHECIMENTO DOS CONHECIMENTO TÉCNICO
FATORES ATUAIS DO ACUMULADO
PROBLEMA
• Engenharia
• O que? Quem? Como? • Qualidade
• Onde? Quantos? Quando? • Administração, outros.

META ANÁLISE DO ANÁLISE PLANOS ATINGIR


PROBLEMA FENÔMENO PROCESSO DE AÇÃO METAS
Transformar informações em conhecimento
 Gerisval Pessoa
Metodologia Seis Sigma

• DMAIC (Definir, Medir, Analisar, Melhorar e


Controlar)
• PDCA
• MEIC (Medir, Avaliar, Melhorar e Controlar)

 Gerisval Pessoa
DMAIC
Define, Measure, Analyze Improve, Control
• Define (Definir D
Processos, características de qualidade (cliente).

• (Mesure) Medir M
Elaborar população e identificar situação atual.

• (Analyze) Analisar A
Oportunidades de melhoria - ganhos.

• (Improve) Melhorar I
Implementar melhorias - projeto/reprojeto.

• (Control) Controlar C
Organizar e sistematizar acompanhamento.

 Gerisval Pessoa
Metodologia e Ferramentas

• Estabelecer os CTQ’s dos • Dados internos do negócio 1. Definir


clientes • Pesquisa / entrevista com o cliente
• Definir projeto a ser • Relatórios financeiros, dados competidores
desenvolvido • QFD, Brainstorming
• Análise, custo benefício, Mapa de processos (macro)
• Dashboard (matriz de projetos, metas e indicadores estratégicos)

• Coletar dados de desempenho do • Estatística básica - Histograma 2. Medição


processo • Análise normal, Excel/Software estatístico
• Análise do sistema de medição
• Cálculo da capabilidade • Definição operacional
• Análise do sistema de medição por atributos

• Levantamento de potenciais causas • Análise do sistema de medição por variáveis


básicas (X’s) de variação • Mapa do processo, gráficos, mapa de raciocínio, Pareto, outros

 Gerisval Pessoa
Metodologia e Ferramentas

• Identificar os X’s • FMEA 3. Análise


fundamentais (Crítico) • Análises de variações e outras
• Gráficos, Software estatístico, Excel, outros
• Identificar os X’s influentes
(Ruído) • Testes de hipóteses
• Análise de dispersão, testes e experimentos

• Tomar ações sobre o • Brainstorming, planos de ação 4. Melhoria


processo • Mapa otimizado do processo
• Cálculo da nova capabilidade / confirmação da melhora

• Controlar os poucos X’s • CEP - Controle estatístico do processo 5. Controle


fundamentais • Procedimentos e instruções de trabalho
• Passar o projeto para os • - check lists
donos do processo • Análise crítica do Dashboard
• Plano de controle
• Procedimentos e instruções de trabalho

 Gerisval Pessoa
Ciclo PDCA

1. Em caso de sucesso, 1. Identificar o problema


padronizar as contramedidas 2. Analisar as causas
efetivas para impedir a
recorrência do problema. A P 3. Formular as contramedidas

2 . Em caso de insucesso, PLAN


iniciar novamente o giro do
ACT
PDCA.
3 . Em caso de sucesso
parcial realizar 1 e 2.
C D 1. Elaborar um plano para
CHECK DO implementar as contramedidas
2. Divulgar o plano
3. Executar o plano

1. Monitorar o progresso da
implementação do plano
2. Monitorar e avaliar os
resultados das contramedidas
 Gerisval Pessoa
DMAIC x PDCA

• Definir (P - Plan)
Processos, características de qualidade (cliente).

• Medir (P - Plan)
Elaborar população e identificar situação atual.

• Analisar (P - Plan)
Oportunidades de melhoria - ganhos.

• Inovar (D - Do)
Implementar melhorias - projeto/reprojeto.

• Controlar (C - Check / A - Action)


Organizar e sistematizar acompanhamento.

 Gerisval Pessoa
Metodologia de 4 etapas para
melhoria de processos

Measure
Caracterizar o processo

Evaluate Control
Entender o processo Manter o novo processo

Improve
Melhorar e verificar o processo

Ciclo para a excelência da Performance


 Gerisval Pessoa
Metodologia de 4 etapas para
melhoria de processos
Caracterização do Processo Otimização do Processo

1) Measure (Medir) 3) Improvement (melhoria)


• Identificar o escopo/objetivo do projeto • Desenvolver um plano de
• Definir os elementos chaves do processo melhoria
• Estabelecer a capacidade do processo • Entender/Otimizar os
• Validar o sistema de medição elementos vitais do
processo
2) Evaluate (avaliar) • Reduzir a variação /
• Comparar com Measure Defeitos
processos benchmark • Verificar o impacto
• Analisar os dados
Evaluate

Control
• Determinar os 4) Control (Controlar)
fatores críticos • Implementar um plano de
controle de longo prazo
• Documentar e pradronizar

Improvement
 Gerisval Pessoa
Processo do Dashboard Execução

1. Escutar a “Voz do Cliente” 2. Criação do Dashboard


CVRD DIFN - Diretoria de Ferrosos Sistema Norte
Título:
MATRIZ DE PROJETOS, METAS E INDICADORES
Plano Diretor 2002 - 2004

Performance 3. Ident. Prioridades

RESULTADO PESQUISA DE
CUS TO CASH MINÉRIO DE
PRODUTIVIDADE MINÉRIO

BENEFICIAMENTO (+3%),
Objetivos

FERROVIÁRIOS (+3%),

CLASSIFICAÇÃO
CLIMA - (MÍNIMO 70%)
DE FERRO MERCADO

PORTUÁRIOS (+3%)

Nº ACIDENTES CPT
MINERAÇÃO (+3%),

(ZERO ACIDENTES)
FERRO US$/t (-2%)
EXTERNO (+10%)

CONFIABILIDADE
EQUIPAMENTOS:

PRIORIDADE
OBTENÇÃO DE RESULTADOS

TRATAMENTO E
e

4. Decidir
Metas ITENS DE CONTROLE
Projetos

OUTROS
2003
2002
2001

2004
PESSOAL

Identificação
Cliente

1. Projeto Mantenedor Produtividade


0 ? Nº Mantenedores Formados
(administrativo e operacional)

Nº Projetos Implantados
X
2. Work-Out 0 ?

de
Nº Projetos Propostos
/ segmento / ano

Projeto
3. Formação de Liderança 0 ? % aproveitamento

Necessidades 4. Black Belts e Green Belts 0 ?


Nº Problemas Solucionados
Nº Empregados Formados

5. Cursos e Seminários
6 Sigma
Resultado da Pesquisa de
6. Eventos e Missões 0 ? Clima

MÉTODO

Nº de Processos em nível
Seis Sigma

Projeto
MTBF Processos Operacionais
7. Seis Sigma 0 ? MTBF Processos
Administrativos, de Serviços e
de Transações

5. Comunicação do Processo DFSS

Ações
Realimentação do Dashboard
Planejamento Estratégico Rápidas
CLIENTE

Execução pelas
Áreas

A execução é a chave para mudar os “Dashboards”


 Gerisval Pessoa
Como Implementar o Seis Sigma

O programa é conduzido conforme a seqüência abaixo:

• Identificação das principais ‘lacunas” (oportunidades de ganho) da cadeia de


valores da Empresa;
• Identificação dos gerentes relacionados a estas lacunas e realização de um
Workshop gerencial para que os mesmos entendam o programa;
• Após o Workshop gerencial os gerentes devem estabelecer os projetos (com
metas claras), ou seja, o objetivo gerencial, o valor a ser alcançado e o prazo para
conclusão do trabalho e identificar os candidatos a Black Belt que que irão
conduzir os projetos (cada gerente escolhe seus candidatos baseado em
recomendações do perfil)
• Os candidatos farão o curso de Black Belt e cada candidato conduzirá três
projetos.

Os gerentes devem ser cobrados pelo atingimento das metas e conclusão dos
projetos. Os Black Belts trabalharão para os gerentes e serão cobrados por este.

 Gerisval Pessoa
Treinamento

 Gerisval Pessoa
Estrutura Sigma

• Champion - representante da alta direção que deve demonstrar


o alto comprometimento da empresa com o processo de
implementação. É o papel básico da alta gerência para: definir
projetos alinhados ao planejamento estratégico, definir o grupo
(black belts/green belts), prover os recursos necessários e cobrar
os resultados;

• Master Black Belt - especialista em estatística com


conhecimento profundo do próprio negócio, que oferece
consultoria interna aos líderes de projeto, os black belt. Atuando
como multiplicador, o MBB fornece suporte estatístico quando o
os projetos apresentam complicações técnicas.

 Gerisval Pessoa
Estrutura Sigma
• Black Belt - é o líder de grandes projetos dentro de uma
determinada área na empresa. O BB geralmente é um funcionário
com grande experiência na área em questão, tendo passado por
muitas funções. Tal formação profissional permite que ele
enxergue os projetos de seis sigma de uma maneira global.
Funcionário com dedicação exclusiva, ou seja, 100% de seu
tempo deve ser dedicado aos projetos que lidera.

• Green Belt - os GB são os membros das equipes


multifuncionais, com dedicação não integral aos projetos. São
funcionários especializados em suas tarefas e que também
recebem treinamento nas técnicas estatísticas e da qualidade
associadas ao seis sigmas.
 Gerisval Pessoa
Fontes de Oportunidades de Alto Impacto

• Fábricaoculta, escritório oculto (não agregam valor),e


mercado oculto(geram receitas);
• Custos da qualidade elevados;
• Fontes de desperdícios como sucatas e garantia;
• Produtos com grandes volumes, pequenos aprimoramentos
geram grande impacto;
• Inspeções, testes e ensaios (qual o valor para o cliente?);
• Estoque e logística tem sempre grandes oportunidades;
• Problemas que necessitam ser resolvidos para atender ao
plano operacional.

 Gerisval Pessoa
FORNEC. PROCESSO PRODUTO
+ =

MATERIAL + MÁQUINAS PROCESSO MEDIÇÃO


+ +

+ +

+ + +

 Gerisval Pessoa
Seis Sigma só funciona com
Rigor e Disciplina!

 Gerisval Pessoa