P. 1
Psicologia Do Trabalho Resumo

Psicologia Do Trabalho Resumo

|Views: 2.440|Likes:
Publicado porFlavia Devitte

More info:

Published by: Flavia Devitte on May 06, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/25/2013

pdf

text

original

Apresentação: A psicologia é muito importante para todos os tipos de organizações, pois através dela pode-se ajustar o indivíduo ao trabalho

, pois o indivíduo ajustado trabalha melhor e trás benefícios para si e para a empresa, onde sua produtividade é mais rica, neste sentido, a psicologia trabalha pelo indivíduo, em sua estrutura, devendo ter claro a filosofia da empresa. Uma empresa de segurança também é uma organização, e assim sendo, é a formação de um grupo que tem por objetivo o rendimento e sucesso, com objetivos comuns, nasceu de uma filosofia. Ela tem o organograma que possibilita o conhecimento da empresa, as distribuições das posições e a sua hierarquia. A psicologia, ou seja, através de métodos psicológicos, pode-se avaliar e treinar os indivíduos; fazer uma seleção de pessoal; planejamento estratégico correta para as organizações; identificar entre algumas estratégias aquela mais eficaz para determinada organização; identificar e descrever todos os passos do método de planejamento estratégico formal; estabelecer relações humanas de um aspecto geral. Através dos métodos da psicologia, com a descrição e análise da função pode-se traçar o perfil do cargo e assim poder comparar com o perfil do candidato à função de segurança, e com isso poder escolher o perfil ideal, isto é, o que melhor se enquadra para aquele cargo. Para traçar o perfil psicológico é necessário conhecer as características do indivíduo, seus interesses e suas aptidões. Para se delinear o perfil ideal, é necessário dissecar e analisar suas partes e depois juntá-las numa compatibilidade de classificação. Divide-se em três grupos: personalidade (traços do indivíduo), interesses (áreas de interesse do indivíduo) e aptidões (parcelas da inteligência). Introdução: O comportamento humano, em sua acepção mais ampla, abrange todas as reações do indivíduo, quer estas se exteriorizem em gestos, palavras ou atos, quer ocorram apenas no interior do próprio ser, constituindo suas tendências, desejos, interesses, emoções, sentimentos, paixões, idéias. À Psicologia Geral cabe o estudo de tais reações, enquanto a análise das origens sociais do comportamento, bem como de seus reflexos na vida em comum, são preferentemente os setores de estudo da Psicologia das Relações Humanas. Para viver em comum, o homem precisa aprender a reagir desta ou daquela forma, de acordo com as circunstâncias. Por outro lado, necessita também saber inibir certas reações. Esta aprendizagem inicia-se nos primeiros dias de vida, e estende-se através de toda nossa existência. Constitui o processo de socialização - assunto comum à Sociologia e à Psicologia Social. Tal processo torna humano o indivíduo, que nasceu simples animal; é através dele que estruturamos uma personalidade, que nos tornamos um ser social. A socialização é um processo recíproco de dar e receber. Cada pessoa sofre influências de tudo e de todos que a cercam, e, de sua parte, exerce alguma influência sobre aqueles com quem entra em contato. A psicologia tem uma importância fundamental, pois age diretamente no comportamento humano, nas causas e motivos, e através de seus métodos pode exercer grande influencia no sentido de buscar uma ideal socialização em todos os aspectos do comportamento humano. I - A antecipação social e a posição do indivíduo no grupo: O processo de socialização é facilitado ou dificultado pelo meio social em que se desenvolve o ser humano. Se ingressarmos em um grupo, e as pessoas que dele participam nos receberem com simpatia e boa vontade, as probabilidades de nos ajustarmos são maiores do que na hipótese contrária. As atitudes positivas ou negativas dos membros de um grupo para com o recém-chegado constituem a antecipação social dessas pessoas em relação ao novo

PROCESSO DECISÓRIO: como as decisões são tomadas na organização. CLIMA: natureza do clima organizacional. quando somos admitidos em um grupo religioso. reagindo de acordo com o que seus companheiros esperavam. Desenvolvemos então um conjunto de reações típicas para cada situação social. evitado. NA ÁREA DE SEGURANÇA. Como as pessoas se relacionam com figuras que representam poder e autoridade. II . LIDERANÇA: padrões de liderança utilizados. formal x informal. enquanto o self é múltiplo. temos de representar papéis diferentes em cada um deles. podemos dizer que o eu é uno. a fim de designar o conjunto de atitudes e reações que predominam em uma pessoa quando participa de grupos diversos. camuflado. autocrática. Cada um de nós. além de seu eu permanente.. Submete-se. pois. levou a Psicologia a usar o termo self. Estruturamos selves diversos nos diferentes grupos. Apesar de termos um eu único.componente. passa a pensar. quem se comunica com quem. favorável ou desfavorável à sua integração. AUTORIDADE-PODER: como as pessoas exercem poder proveniente da hierarquia formal. situacional. consoante o grupo em que nos encontramos. A antecipação determinará a posição inicial da pessoa no grupo. etc. III . Tal variedade aparente do eu. Como participamos de numerosos grupos no decurso da vida. Tais antecipações apresentam-se em qualquer grupo que se prepare para receber um novo membro. porque sentimos necessidade de levar em conta suas expectativas de comportamento quanto à nossa pessoa e à posição que neles ocupamos. recreativo. paternalista. um para cada meio social que freqüenta.Variável comportamento: COMUNICAÇÃO: padrões de comunicação entre os membros de uma organização. quando ingressamos em uma empresa. CONFLITO: como o conflito é tratado na organização. aprendizagem x não aprendizagem. básico. assim. bem característico de nossa maneira de ser. abertamente discutido. colaborativo x competitivo. Quando vamos tomar posse em um cargo. participativa. às expectativas de comportamento daqueles grupos. tem vários selves. permissiva. patriarcal. precisamos imprimir a esse eu certos cunhos especiais nesta ou naquela circunstância. TEM-SE QUE FREQÜENTAR DIVERSOS MEIOS SOCIAIS. que será. qualidade da conversação. Assim sendo. QUASE SEMPRE. sentir e agir dentro de padrões por eles aprovados. ajustando-se aos diferentes grupos de que participa.As expectativas de comportamento: O indivíduo. os componentes daqueles grupos formulam antecipações que irão ajudar ou prejudicar nosso ajustamento a tais situações. político. .

Pessoas que trocam informações com um mínimo de distorção possível a fim de se influenciarem mutuamente. através de métodos e exercícios pode-se estabelecer um certo controle no nível de stress do indivíduo. é extremamente importante que funcionários controlem o stress. socialização e distribuição das pessoas nas funções: As organizações são conjuntos ordenados de atividades humanas. chamado de eustresse. capaz de tornar-se positivo ou negativo de acordo com a percepção e a interpretação de cada pessoa. melhor você se adapta às suas demandas. causam reações fisiológicas similares: as extremidades (mãos e pés) tendem a ficar suados e frios. O sistema de valores escrito ou verbalizado é na realidade colocado na prática? IV . COMPETÊNCIA INTERPESSOAL: nível de habilidade de relacionamento entre as pessoas de uma organização. O eustresse motiva e estimula a pessoa a lidar com a situação. oportunidade de auto-realização e crescimento pessoal e profissional. O stress positivo. mas só passam a funcionar depois que as pessoas foram recrutadas para ocupar determinados papéis e executar determinadas atividades. Stress é uma palavra derivada do latim. MOTIVAÇÃO: padrões motivacionais utilizados na organização.DEFINIÇÃO DE PAPEL: como os papéis. Nível de expressão de sentimentos. seleção. Portanto. recompensas econômicas. etc. O conceito de stress não é novo. desafio no trabalho.Recrutamento. A realidade de cada pessoa é o produto de sua própria criação. "pressão" ou "esforço". No nível emocional. através de uma descrição de cargos. preconceitos. conceituandoo como qualquer adaptação requerida à pessoa. Durante o século XVII ganhou conotação de "adversidade" ou "aflição". estes funcionários da área de segurança envolvem-se com todos os tipos de dificuldades e tipos diversos de grupos e personalidades em geral. Na área de segurança. fazendo com que se intimide e fuja da situação. as reações ao stress são bastante diferentes. no entanto. SISTEMA DE VALORES: credo. através de negociação entre membros de uma equipe de trabalho.Stress: A Psicologia também é importante no que se refere ao controle de stress dos funcionários. chamado de distresse. E quanto mais você entende as pressões e situações que o influenciam. o distresse acovarda o indivíduo. o primeiro e talvez o principal problema humano de qualquer organização é o modo como se fará o recrutamento dos funcionários. As suas emoções e a sua saúde física dependem quase que exclusivamente da sua interpretação do mundo exterior. Pessoas que com receio de ferir suscetibilidades alheias ocultam dados e conseqüentemente controlam unilateralmente as outras pessoas. normas. V . treinamento. Esta definição apresenta o stress como um agente neutro. DINÂMICA DE GRUPO: o que acontece quando os grupos se reúnem. No final do século seguinte. responsabilidades e tarefas são distribuídas na organização. assim como o negativo. seu uso evoluiu para expressar "força". formal e informalmente. mas foi apenas no início do século XX que estudiosos das ciências biológicas e sociais iniciaram a investigação de seus efeitos na saúde física e mental das pessoas. Quem primeiro definiu o stress sob este prisma foi o austríaco-canadense Hans Selye. como . Ao contrário. o nível de tensão muscular tende a aumentar. a aceleração cardíaca e pressão arterial tendem a subir. através de imposição.

a ocupação dessas posições é validada pela estrutura social. benefícios e privilégios vinculados a um emprego.Identidade social: A identidade social. idade. a organização deve concentrar-se na criação de condições que facilitem um alto nível de sucesso durante longo período de tempo. proporcionem feedback sobre a maneira como estão se saindo. Enquanto que os papéis adquiridos podem ser descritos como altamente diferenciados e aplicáveis relativamente a poucos membros da sociedade. quais as principais normas e regras de conduta e como conduzir-se em relação às demais pessoas da organização. cada empregado também tem expectativas em relação a coisas tais como salários ou vencimentos.seleciona-los. e assim por diante. as posições ligadas a sexo. a pessoa deve estar disposta a aceitar as ordens de uma outra pessoa ou algumas regras escritas. proporcionando a eles trabalho e recursos necessários ao atendimento de necessidades. VI . conceituada como a combinação dos papéis outorgados e adquiridos do indivíduo. treinadas e destinadas às suas funções. o atendimento de algumas de suas necessidades mais importantes. VII . e também permitam a cada funcionário. Neste contexto. e assim por diante. VIII . horas de trabalho. através da associatividade e do trabalho na organização. expectativas de que as organizações tratem os funcionários como seres humanos. a posição de participante cultural ou pessoa. Os papéis na região outorgada podem ser caracterizados como menos diferenciados e aplicáveis à maioria dos membros da sociedade. treinamento refere-se ao ensino das habilidades técnicas necessárias à execução da função. Dentro de áreas definidas. bem como. . cabe a Psicologia estabelecer e ensinar aos funcionários um ponto equilibrado entre os sistemas de crença e ação do indivíduo e a organização social da qual ele faz parte. parentesco. adequação e convencimento. Existe ainda. aceitar limites a seu próprio comportamento e a limitar inclinações pessoais se estas se opõem às regras ou ordens. treina-los e socializa-los e como destina-los a funções para que se obtenha o resultado mais eficaz. são colocadas no extremo da região de papéis outorgados do contínuo dos status. sendo utilizados critérios tais como: propriedade. Um elemento fundamental do papel da Psicologia é a expectativa da organização de que um membro novo irá aceitar o sistema de autoridade dessa organização. Em qualquer sociedade. Cada pessoa no desempenho de determinada função. Essa validação é feita em função do desempenho de papéis por parte do indivíduo. A decisão de passar a fazer parte da organização implica aceitação das regras básicas que constituem o sistema de autoridade da organização. Muitas dessas expectativas são implícitas e envolvem o senso de dignidade e valor da pessoa. já a socialização se refere ao processo de ensinar a um novo funcionário a forma como ele deve relacionar-se na organização. enquanto os papéis ocupacionais e recreacionais são relativamente posições mais adquiridas. isto é. é função das posições ou status que ele ocupa na estruturação social.Utilização e manejo dos recursos humanos: Depois de as pessoas terem sido recrutadas. etc. Os papéis sociais podem ser ordenados conforme a opcionalidade e a probabilidade de atingimento. que dêem a eles oportunidades de evoluir e aprender mais. Nesse sentido. selecionadas.Treinamento de pessoal: Podemos caracterizar dois conceitos de treinamento: conceito tradicional e o conceito moderno.

personalidade. Uma empresa era considerada apenas uma organização de máquinas. . acompanhando as mudanças de comportamento do funcionário em função de um problema psicopatológico. em sua situação atual. e assim fazendo com que os funcionários se tornem mais produtivos. seus conhecimentos e habilidades. sua relação com o grupo e com um outro indivíduo. e o conhecimento das máquinas e operações. que tentei demonstrar. Conceito moderno: O conceito moderno de treinamento tem o trabalhador como o centro de sua ação e visa ao aumento da produtividade por meio da capacitação e da integração do mesmo ao ambiente de trabalho. descrevi de modo geral. integração e treinamento. e o mais importante de tudo. ou seja. sua importância em qualquer organização. como o recrutamento e seleção. Foi nesse sentido.Conceito tradicional: O treinamento se limitava a desenvolver no homem a destreza no manuseio de ferramentas e materiais. nascida das necessidades interiores de seu ser e o projeta em direção a algo. onde o funcionário sente força oriunda de dentro de seu ser. Este trabalho começou com alguns critérios gerais de eficiência e importância da Psicologia na área organizacional e não somente de sua importância na área de segurança. motivação e liderança. suas possibilidades futuras. Concluindo. ferramentas na qual o trabalhador aparecia como um faor mecânico no sistema de forças de produção. A motivação pode ser exercitada através de métodos da psicologia. pois ao meu ver a área referente à segurança abrange temas referente a todas as organizações já que as organizações num modo específico dependem de segurança. proporcionando-lhe maior satisfação e bem estar social. CONCLUSÃO: A análise do homem visa essencialmente o empregado. as aplicações da Psicologia na administração de pessoas. Nos temas descritos no corpo do trabalho. sem preocupar-se com o desenvolvimento de habilidades intelectuais e outras características humanas. A Psicologia tem papel importante no sentido de através da motivação despertar e manter por longo tempo tal força interior dos funcionários. teve o objetivo de mostrar resumidamente. As influencias dos efeitos das condições de trabalho. dar auxilio ao funcionário no sentido de poder motiva-lo e se sentir útil à empresa e a si próprio. dos desgastes emocionais e das eficiências das ações. Dentro deste conceito imediatista.Também foi descrito sobre a importância da Psicologia no que se refere a seleção e desenvolvimento de pessoas. analisar e estudar os comportamentos e entender a maneira de como o indivíduo age e pensa. A produtividade é função das atividades e comportamentos dos trabalhadores que são parte de um grupo social e como tal devem ser tratados. pois ambos chegam ao sucesso e bemestar. Foi descrito temas referente ao papel da psicologia no que diz respeito a antecipação social e a posição do indivíduo no grupo. identidade social e possíveis problemas comportamentais e/ou sociais. o treinamento visava a destrar o operário ao processo de produção. para que assim. O comportamento dos funcionários dentro de um grupo na organização. mas também. como que a psicologia se utiliza de leis básicas para trabalhar as dificuldades de previsão dos comportamentos. como exemplo o stress em todos seus aspectos emocionais e físicos. fato esse que é primordial para ele e para a empresa. felizes e dispostos a exercerem seu trabalho com sucesso. o papel importantíssimo da Psicologia não somente na área de segurança. as expectativas de comportamento. podemos dizer que o treinamento é um meio eficaz do desenvolvimento científico das habilidades e comportamentos dos trabalhadores. suas dificuldades. seu comportamento.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->