P. 1
coll e Monereo - Psicologia da educação virtual

coll e Monereo - Psicologia da educação virtual

|Views: 6.044|Likes:
Publicado porValkiria Venancio
Apresentação dos cap 1 e 5
Apresentação dos cap 1 e 5

More info:

Categories:Types, Speeches
Published by: Valkiria Venancio on May 23, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as ODP, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/14/2014

pdf

text

original

Cesar Coll e Carles Monereo

Psicologia da educação virtual. cap. 1, 5

Educação e aprendizagem no século XXI

Novo paradigma tecnológico em torno das TI associado a transformações sociais, econômicas e culturais Internet é ferramenta de comunicação e busca + processamento e transmissão da informação + novo espaço global para ação social e educativa As “sociedades virtuais” e suas práticas expandiram devido a diversos fatores. Um deles são as TIC que afetam todos os âmbitos de atividades

TIC

São instrumentos para pensar, aprender, conhecer, representar e transmitir conhecimentos adquiridos utilizando sistemas de signos: linguagem oral ou escrita, imagem estática ou em movimento, símbolos matemáticos, notações musicais... ●As TIC diferem entre si quanto as possibilidades e limitações

Etapas do desenvolvimento das TC e seu efeito na Educação

1ª – linguagem natural: era preciso ter habilidade de observação, memória e capacidade de repetição 2ª – hegemonia do ser humano sobre outras espécies (adaptar à natureza): na educação o ensino é centrado em textos, para ser letrado é preciso compreender os conteúdos significativamente e utilizá-lo. 3ª As TC analógicas complementam a documentação escrita. Com as TC digitais as CAI ainda continuam presentes 4ª(?) – com a internet chega-se a sociedade da informação com capacidade de obter e compartilhar qualquer quantidade de informação instantaneamente de qualquer lugar e formato, a baixo custo

O contexto da mudança
Consenso das transformações

Fenômenos e tendências da SI:
   

Heterogeneidade das análises para identificá-las (distância crítica)

Complexidade das relações Excesso de informação Rapidez dos processos Escassez de espaço/tempo para abstração e reflexão Preeminência da cultura da imagem Transferência do espaço/tempo da comunicação Homogeneização cultural Inforricos e infopobres

   

Influência da Internet

Paradigmas dominantes na IHC na revisão das abordagens teóricas dadas ao processo de ensino e de aprendizagem baseado nas TIC, nas últimas décadas:
  

Aproximação cognitiva Aproximação sociocognitiva Aproximação a partir da teoria da atividade

Conceitos de horizontes prováveis
  

Adaptabilidade Mobilidade Cooperação NA ESCOLA Inclusiva (diversidade) Formal ou informal Aprendizagem colaborativa e cooperativa

  

Perspectivas de futuro

Opções de aprendizado fora da escola (m-learning) Metodologia de ensino baseada em cooperação

Cenários educacionais
    

Atores Interação Conteúdos Organização tempo/espaço Recursos COM AS TIC Estas variáveis e processos vão para além das paredes da escola

Papel do professor
-Seletor e gestor de recursos -Tutor -Orientador -Mediador de debates

Transmissor Protagonista central

TIC

Linhas emergentes e desafios

A psicologia da educação deve colocar em sua agenda o estudo das mudanças provocadas pelas situações educacionais baseadas no uso das TIC

A evolução da internet e os desafios para educação formal e escola As TIC presentes na escola, pois a educação dá sentido ao mundo que rodeia os alunos
Não é fonte de informação, laboratório de experiências, ferramenta para construir conhecimento, nem passatempo

Novos cenários educacionais
Expansão das salas e escola para outros espaços

Salas e escolas mais virtualizadas

“megaescola” (global e onipresente)

“Brechas digitais” para debate
  

Inforricos com acesso e infopobres consumidores Comunicação de baixa qualidade Restringem comunicações emocionais expressivas Potencializam relações sociais superficiais Permitem agressões verbais Favorecem abandono de relações locais Propagam saberes instáveis Então quais finalidades e atitudes educacionais seriam necessárias promover?

   

Desafios urgentes

Descrédito da escola como instituição do conhecimento Efeitos de descompromisso pessoal e social Favorecimento ao isolamento, flaming Infoxicação “brechas digitais” TIC devem proporcionar oportunidade para educação com qualidade ou operação econômica e comercial. É preciso clarificar o que queremos

   

Professor em ambientes virtuais
 

Sociedade digital e do conhecimento + TIC Docentes integram as TIC em sua atividade profissional global e, progressivamente, no processo de ensino e aprendizagem O professor deve aprender a dominar e valorizar o novo sistema de cultura de aprendizagem

A nova cultura de aprendizagem
Que a educação capacite os alunos a organizar e atribuir significado à informação Aprendizagem e formação permanente (formal e informal) Aprender a construir o próprio ponto de vista

Concepção do processo de ensino e aprendizagem virtual mediado pelas TIC
Rendimento dos aluno X introdução das tecnologias

Posturas – formação de professor

Domínio das tecnologias para aproximar o aluno do que as TIC podem oferecer Integração das TIC na educação para ensinar a usar Conhecimento e capacidade para usar as ferramentas na prática habitual Conhecimento do percurso incógnito das TIC

 

Concepção do processo de ensino e aprendizagem virtual mediado pelas TIC
O aluno tem acesso - motivação - variedade de linguagens O professor - tira proveito deste acesso - prevenir o interesse dos alunos também na escola

O professor é um designer de propostas de aprendizagem – aproveita, desenvolve, elabora materiais e conteúdos

Concepção destaca

As seguintes competências profissionais:

Procurar eficazmente materiais e recursos diferentes dos que existem Projetar materiais com TIC Integrar materiais em ambientes tecnológicos Favorecer a revisão dos conteúdos curriculares

  

Concepção centrada na construção do conhecimento

Atividade mental construtiva do aluno – o professor facilita instrumentos de acesso, põe a tecnologia a serviço do aluno – reorganizando suas funções cognitivas Processos psicológicos do aluno ( cognitivas, afetivas, metacognitivas, autorregulação) – flexibilização e individualização do ensino – o aluno é protagonista e o professor favorece fatores para aprendizagem eficaz

Concepção centrada na construção do conhecimento

A aprendizagem como resultado de um processo construtivo de natureza interativa, social e cultural de conhecimento e aprendizagem – de processos individuais para processos sociais TRIÂNGULO INTERATIVO Professor – ajuda na construção de significados e sentidos Conteúdo – objeto de ensino e de aprendizagem Aluno – aprende desenvolvendo sua atividade mental construtiva

 

As TIC oferecem: Tempo de interação + espaço virtual + ritmo personalizado podem ter impacto muito relevante na interação e na atividade conjunta

Papel do professor virtual

Moderador de aprendizagem onde conectividade (acesso ao conteúdo e infraestrutura) é diferente de interatividade (uso das TIC às necessidades educacionais)
  

Consultores e guias Especialistas em perguntas Auxiliadores e orientadores de atividades de aprendizagem Formadores de estudantes aprendizes E-moderadores em uma equipe colaborativa de profissionais

 

Competências dos professores virtuais

Competência = diversos conhecimentos para desenvolvimento de atividades relevantes em contextos variados

Papel do professor e mediador
Pedagógico Social Processo de aprendizagem virtual eficaz Ambiente de aprendizagem confortável (emocional e afetivo) Organização e Projeto instrucional adequado gestão Técnico Ajuda para que os alunos se sintam competentes com os recursos e ferramentas

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->