Você está na página 1de 23

TORACOTOMIAS

Definição

Toracotomia é uma ampla abertura da cavidade


torácica com o fim de examinar as estruturas expostas
cirurgicamente, podendo ser colhido material para
diagnostico laboratorial, e de remover, sempre que
possível, as partes lesadas ou corrigir vícios anatômicos
existentes. Uma toracotomia permite explorar e tratar
lesões nas seguintes estruturas parede torácica, pleuras,
pulmão, traquéia e brônquios, pericárdio, coração e
grandes vasos, esôfago, mediastino, diafragma e abdome.
Requisitos essenciais a uma toracotomia
Centro cirúrgico devidamente equipado
Postura correta e adequada fixação do paciente na mesa de operação
Anestesia e ventilação pulmonar adequadas
Equipe cirúrgica e de enfermagem harmonizadas
Metodizaçao, simplicidade e silencio na execução da técnica
Diérese - campo operatório suficiente, via de acesso ideal.
Hemostasia - campo operatório exangue, seccao muscular por
diatermocoagulacao (bisturi elétrico) para evitar sangramento.
Reposição per-operatória das perdas hemorrágicas.
Drenagem irreversível da cavidade torácica sob nível liquido, com
aspiração controlada.
Síntese meticulosa plano por plano
Resultado funcional satisfatório e estético
Sistemática geral das toracotomias

Toracotomia simples
via de acesso confinada ao tórax

Toracotomia combinada
via de acesso estendida ao pescoço
ou ao abdome superior
Toracotomia simples

1 - Toracotomia unilateral ou hemitoracica


via de acesso atinge só um hemitorax

B - antero - lateral
A - anterior
B - antero - lateral

C - axilar
D - póstero lateral

E - póstero - latero - anterior


Toracotomia simples

2 - Toracotomia mediana
via de acesso abrange os dois hemitóraces

A - incisão vertical
B - incisão arciforme

C - Incisão em omega
Técnica de esternotomia mediana
Toracotomia simples

3 - Toracotomia bilateral
via de acesso abrange os dois hemitoraces

A- Parcial superior B - Parcial inferior


Toracotomia combinada

1 - Incisão toraco - abdominal

A - Unilateral

B - Mediana
Toracotomia combinada

2 - Incisão toraco - cervical

A - Unilateral B - Mediana
Posição operatória e Toracotomia

1 - Decúbito Dorsal

Toracotomias simples Toracotomias combinadas

anteriores medianas
medianas para-medianas
bilaterais toraco-cervicais
Posição operatória e Toracotomia

2 - Decúbito Lateral

Toracotomias simples Toracotomias combinadas

Póstero-laterais toraco-abdominais
Póstero-latero-anteriores
Axilares
Posição operatória e Toracotomia

3 - Decúbito Obliquo

Toracotomias simples Toracotomias combinadas

antero-laterais toraco-abdominais
axilares
Posição operatória e Toracotomia

4 - Decúbito Ventral

Toracotomias simples

póstero-laterais
Critérios para escolha da
Posição Operatória e Toracotomia

1 - Topografia e natureza da lesão


2 - Risco funcional e cardio - respiratório
3 - Presença de secreções bronquicas
4 - Risco ou vigencia de hemoptise abundante
5 - Problemas da anestesia
6 - Estado e idade do paciente
Timectomia Trans-esternal
Timectomia Trans-esternal
Timectomia Trans-esternal
Timectomia Trans-esternal