P. 1
Trabalho Engenharia Simultânea

Trabalho Engenharia Simultânea

|Views: 1.437|Likes:

More info:

Published by: Alex Shimazaki Menezes on Nov 25, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/10/2012

pdf

text

original

Sumário

Conceito e aplicação ................................................................................................... 2 Vantagens ................................................................................................................... 3 Desvantagens ............................................................................................................. 4

1

a confiabilidade e as necessidades dos clientes. quando pensamos em competitividade. historicamente. Nesse sentido essas empresas passaram a procurar formas de reduzir seu ciclo de desenvolvimento de produtos. Nessas empresas. possuírem prévio conhecimento teórico sobre essa abordagem. estudo realizado pela DARPA sobre formas de se aumentar o grau de paralelismo das atividades de desenvolvimento de produtos definiram o termo de Engenharia Simultânea Logo. por exemplo.Conceito e aplicação O surgimento de novas tecnologias e a crescente complexidade dos produtos resulta em aumento de lead time de desenvolvimento de produtos. Pesquisa realizada no Brasil em 1993 também revelou que empresas líderes do setor de autopeças migraram para a ES sem. em muitos casos. constitui uma estratégia empresarial orientada a possibilitar a aceleração do processo de desenvolvimento de projetos. Empresas que buscam manterem sua competitividade precisam lançar produtos em tempo cada vez menor. O termo Concurrent Engineering surgiu. a evolução para a ES decorreu de busca por maior racionalidade para conseguir manter e aumentar sua competitividade. também. atividades que eram realizadas somente após o término e aprovação das atividades anteriores são antecipadas de forma que seu início não dependa dos demorados ciclos de aprovação. adequação dos custos. aonde. em 1986. Em 1982. As empresas japonesas praticavam Engenharia Simultânea há muito tempo. A Engenharia simultânea propõe meios de se obter estes resultados. sem lhe dar um nome específico. Uma das soluções foi o aumento do grau de paralelismo das atividades de desenvolvimento. atuar segundo os princípio da ES era bom senso e produzia bons resultados para seus negócios. chamada Engenharia Concorrente. Para elas. A Engenharia Simultânea. na Engenharia Seqüencial cada segmento da 2 . Podemos fazer uma comparação da ES com a Engenharia Seqüencial para entendermos suas diferenças. entendemos que esta agride o processo de desenvolvimento de um produto que tende ao tempo de desenvolvimento do produto. ao qual. quando foi utilizado pela primeira vez em um relatório do Institute for Defense Analysis (IDA).

segundo sua especialidade. a Engenharia Simultânea é. invariavelmente. cada vez mais. Atividades são desenvolvidas simultaneamente. essencialmente. a formulação de políticas e o envolvimento intensivo da Alta Administração. a capacitação e o comprometimento dos recursos humanos. falhas. e retornará a documentação ao setor originário para as alterações.empresa. A qualidade é melhorada. sem dúvida ela poderá desde que o orçamento permita ter benefícios se puder dispor de ferramentas que facilitem e agilizem o processo decisório. Esta dinâmica gera conflitos. Apesar de não ser essencial para a prática da ES que a empresa realize pesados investimentos em computadores. é o estabelecimento de adequada estruturação da organização. softwares sofisticados e equipamentos de última geração. transfere a documentação acabada para o setor seguinte e fica na defensiva. portanto. produz atrasos. após executar a parte que lhe cabe do projeto. pode aumentar custos e nem sempre melhora a qualidade dos resultados. Cada unidade organizacional que recebe o material do setor precedente encontrará. Agora. Vantagens A utilização da engenharia simultânea traz uma série de vantagens. O avanço tecnológico está permitindo. O fundamental. como: • • • A redução do período gasto para o lançamento do produto (time-to-market). já que todos os envolvidos contribuíram para o projeto 3 . a integração dos membros da equipe do projeto. uma estratégia estabelecida pela empresa como conseqüência da busca de competitividade. para a utilização da ES.

opiniões.Desvantagens Na Engenharia Simultânea. mas o que pode se tornar um grande desafio para as empresas é a Implementação dessa técnica. ao qual. O desenho abaixo demonstra alguns pontos que devem ser analisados e que são afetados na implementação da Engenharia Simultânea. uma vez que envolve pessoas. dificilmente encontra-se uma desvantagem. as pessoas vão precisar se adaptar ao novo modelo de desenvolvimento de projetos para que possam garantir um bom resultado. políticas. capacidades e ferramentas. 4 . pois seu foco é oferecer otimização na produção. infra-estrutura. habilidades.

Referências bibliográficas Engenharia Simultânea e técnicas associadas em empresas tecnologicamente dinâmicas 5 .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->