— 105 —

10

Substantivos
Quanto à formação 5. SIMPLES: formado por um só radical: pombo — flor — correio — couve. 6. COMPOSTO: formado por mais de um radical: couve-flor — pombo-correio — passatempo — aguardente. 7. PRIMITIVO: dá origem a outros substantivos: ferro — mar — carro. 8. DERIVADO: origina-se de outro substantivo: ferradura — maré — carroça.

O substantivo é a palavra que dá nome aos seres que existem ou que imaginamos existir. São, por conseguinte, substantivos: a) os nomes de pessoas, animais, vegetais, lugares e coisas: Jordana — cão — crisântemo — Curitiba – livro. b) os nomes de ações, estados e qualidades, tomados como seres: colheita — estudo — estupidez — velhice — bondade.

Classificação dos substantivos
1. PRÓPRIO: é o que designa um único indivíduo de um conjunto (escrevem-se com letra maiúscula): Fernanda — Paraná — Deus. 2. COMUM: é o que se aplica a todos os seres de uma espécie: homem — país — estado. 3. CONCRETO: designa o ser propriamente dito, os nomes de pessoas, lugares, animais, vegetais, coisas, com existência própria, independente de outros seres: casa — livro — saci — alma — fada. 4. ABSTRATO: designa qualidades, ações ou atributos dos seres, concebidos como se eles existissem em si mesmos, abstraídos dos seres que o suportam: beleza — esperança — crueldade — sensatez — sofrimento.

Coletivos
É o substantivo comum que, no singular, designa um conjunto de seres. Os coletivos podem ser: a) Específicos: os que designam sempre a mesma espécie de seres, daí a não exigência de modificadores: arquipélago, biblioteca, atlas. b) Não específicos: os que designam ora esta, ora aquela espécie de seres, daí a exigência de modificadores: junta — de médicos, de bois, de examinadores. elenco — de atores, de artistas, de medidas. c) Numéricos: os que exprimem um número exato de seres: semana, dúzia, grosa, século.

— 106 —

Principais coletivos
Obs.: Os específicos aparecem marcados com asterisco*.
ACERVO ÁLBUM ALCATÉIA ANTOLOGIA * ARMADA ARMENTO * ARSENAL * ARQUIPÉLAGO ASSEMBLÉIA * ATILHO * ATLAS BAGAGEM BANCA BANDO BATALHÃO BAIXELA BIBLIOTECA BOIADA BOANA BOSQUE BUQUÊ CABIDO CACHO CÁFILA • de coisas amontoadas, bens patrimoniais, obras de arte. • de fotografias, selos, autógrafos. • de lobos ou animais ferozes. • de textos escolhidos. • de navios de guerra. • de gado grande (cavalos, burros, búfalos, elefantes etc.). • de armas e munições. • de ilhas. • de parlamentares, membros de associações, literatos, operários etc. • de espigas de milho. • de mapas. • objetos de viagem. • de examinadores, de advogados. • de aves, crianças etc. • de soldados. • de utensílios de mesa. • de livros. • de bois. • de peixes miúdos. • de árvores. • de flores. • de cônegos. • de uvas, bananas, cabelos. • de camelos (de patifes, bandidos, ladrões). • de cães. • de todas as coisas penduradas num mesmo gancho: de cebolas, de alhos, de peixes, de chaves; pejorativamente, de ladrões, de moleques etc. • de canções. • de cães. • de viajantes, peregrinos, excursionistas. • de peixes (ou coisas que estejam aglomeradas). • de sinos. • de marinheiros (ou pessoas e coisas em geral: chusma de criados, de cães, de livros etc.). • de animais, desordeiros, vadios, gente à-toa. • de malfeitores, canalhas, pessoas ordinárias. * * * * * * * * * * *

* * * * * * * *

* * * * * *

* * * *

* CAINÇADA CAMBADA

CANCIONEIRO * CANZOADA CARAVANA * CARDUME * CARRILHÃO CHUSMA CATERVA CHOLDRA

* * *

• de coisas ou pessoas semelhantes, de asneiras. C ÓDIGO • de leis. • de pessoas pagas para aplaudir C LAQUE ou apupar em um espetáculo. C LERO • de sacerdotes. COLMÉIA • de abelhas. C ONCÍLIO • de bispos convocados pelo Papa. C ONCLAVE • de cardeais reunidos para eleger o Papa. CONSISTÓRIO • de cardeais presididos pelo Papa. C ONSTELAÇÃO • de astros, de estrelas. C ORDOALHA , C ORDAME • de cordas. C ORDILHEIRA • de montanhas. CORJA • de pessoas ordinárias: bandidos, bêbados, ladrões etc. C ORPO • de alunos, professores, jurados, eleitores. C ORREIÇÃO • de formigas. C ORSO • de piranhas, carruagens, sardinhas, navios piratas. C ORTIÇO • de abelhas, casas velhas e pobres. DÉCADA • período de dez anos. D ISCOTECA • de discos. E LENCO • de atores, artistas. E NXAME • de abelhas, insetos. E NXOVAL • de roupas e adornos. E SQUADRA • de navios de guerra. E SQUADRILHA • de aviões, de pequenos navios de guerra. F ALANGE • de soldados, anjos. F A R Â N D O L A • de maltrapilhos. F ATO • de cabras. FAUNA • os animais de uma região. FEIXE • de espigas, lenha, raios luminosos. F LORA • as plantas de uma região. F ROTA • de navios mercantes ou de guerra, veículos. G ALERIA • de quadros, estátuas, objetos de arte em geral. G IRÂNDOLA • de foguetes, fogos de artifício. HORDA • de invasores, salteadores, indisciplinados etc. H EMEROTECA • de jornais e revistas arquivados. JUNTA • de bois, de médicos, de examinadores. J ÚRI • de jurados. L EGIÃO • de soldados, anjos, demônios. M ADEIXA • de cabelos. M ALTA • de gente ordinária em geral (malfeitores, vagabundos, assaltantes, assassinos etc.) MANADA • de gado grosso (bois, burros, búfalos, elefantes etc.). C HORRILHO

— 107 —
* M ATILHA * M ATULA MIRÍADE • de cães de caça. • de gente ordinária em geral. • de quaisquer coisas em número igual ou superior a dez mil (calculados grosso modo): de estrelas, de insetos, de gafanhotos etc. • de gente. • de chave, de capim, de cenouras etc. (= lio) • período de mil anos. • de cadáveres. • de fumaça, de gafanhotos, de insetos, de mosquitos etc. • de provérbios. • de flores ou frutos. • de quadros, telas. • de grevistas, soldados. • de pessoas ilustres: de poetas, escritores, jornalistas. • de ladrões, malfeitores, assaltantes etc. • de flores. • de bois, ovelhas, carneiros, cabras, girafas etc. • de animais de carga. • pessoas ou coisas enfileiradas. • de cebolas, de alhos. • de quinhentas folhas de papel. • de 165 contas. • de protestos, de vaias, de balas, de injúrias. • de gente ordinária em geral (caterva, corja, malta e matula). • período de cem anos. • de amigos, parentes, intelectuais em reunião. • conjunto de três pessoas ou três coisas. • período de três dias. • período de três anos. • de faculdades (escolas superiores). • de porcos.

— Até hoje não se sabe o porquê de tanta maldade e destruição. — «Não deixo o certo pelo duvidoso.» (Graciliano Ramos)

* MÓ MOLHO (Ó) * MILÊNIO * M ORTUALHA NUVEM * P AREMIOLOGIA P ENCA * P INACOTECA PIQUETE P LÊIADE Q UADRILHA R AMALHETE REBANHO RÉCUA R ENQUE RÉSTIA RESMA R OSÁRIO S ARAIVADA * S ÚCIA S ÉCULO T ERTÚLIA T RÍADE T RÍDUO TRIÊNIO UNIVERSIDADE V ARA

Flexão dos substantivos
Os substantivos flexionam-se para indicar o gênero, o número e o grau. I. Quanto ao gênero: a) BIFORMES
 MASCULINO   FEMININO

B) UNIFORMES

  
  

EPICENOS SOBRECOMUNS COMUM DE DOIS GÊNEROS SINGULAR PLURAL

II. Quanto ao número

AUMENTATIVO → SINTÉTICO

III. Quanto ao grau
DIMINUTIVO → ANALÍTICO

Flexão de gênero
Gênero é a categoria gramatical que, no Português, distribui os nomes em masculinos e femininos. O gênero é uma classificação gramatical, não existindo correspondência necessária entre gênero masculino e sexo masculino, ou entre gênero feminino e sexo feminino: • A mesa é do gênero feminino e não do sexo feminino.

Palavras substantivadas
Algumas palavras de outras classes gramaticais podem ser substantivadas. Para isso, antepõe-se-lhes o artigo: — «O morrer pertence a Deus.» (Raquel de Queiroz)

menina. Observe os grupos de substantivos abaixo. 2. Todavia.triz .oa Formação do feminino 1. fem) anfitrião hortelão leão leitão pavão tabelião peão patrão — — — — — — — — anfitrioa horteloa leoa leitoa pavoa tabelioa peoa patroa . gato. . fem) — condessa — viscondessa — abadessa .ina .ona charlatão figurão solteirão peão folião cônego diácono papa poeta píton profeta sacerdote — — — — — — — — — — — — charlatona figurona solteirona peona foliona canonisa diaconisa papisa poetisa pitonisa profetisa sacerdotisa .or -s -l -z    camponês cônsul duque jogral prior barão conde visconde abade — — — — — — camponesa consulesa duquesa jogralesa prioresa baronesa → -a -essa (suf.ão → .dor  ator embaixador imperador cantor — — — — atriz embaixatriz imperatriz cantatriz . os processos de formação do feminino são bem variados. Regras Especiais cantor doutor pastor progenitor professor senhor vereador senador alfaiate contramestre deus elefante general hóspede infante juiz gigante marechal mestre ministro *monge oficial presidente zagal aprendiz campeão cirurgião cidadão concidadão escrivão espião sacristão tabelião peão — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — cantora doutora pastora progenitora professora senhora vereadora senadora alfaiata contramestra deusa elefanta generala hóspeda infanta juíza giganta marechala mestra ministra monja oficiala presidenta zagala aprendiza campeã cirurgiã cidadã concidadã escrivã espiã sacristã tabeliã peã . fem) .ão → .esa (suf.o → .ão → . Regra geral -o→ -a De modo geral.tor   . gata. relacionados de acordo com as terminações femininas.isa (suf.ã alcaide czar felá javali herói maestro mandarim — — — — — — — alcaidina czarina felaína javalina heroína maestrina mandarina . forma-se o feminino substituindo-se a desinência -o pela desinência -a: menino.ora .— 108 — • O banco é do gênero masculino e não do sexo masculino.

...................................... ................................................... Juiz ........ Espião .................................... Monge ........................................................— 109 — avô grou guri lebrão perdigão peru sultão réu capiau plebeu hebreu judeu pierrô — — — — — — — — — — — — — avó grua guria lebre perdiz perua sultana ré capioa plebéia hebréia judia pierrete c) diabo: .................................... peoa....................................................................................................................................... e) O sacerdote mantinha-se............ Chegaram o aldeão e a aldeã................................................................................... 4) Siga o modelo: camelo ... peona — priora e prioresa Exercícios 1) Dê o feminino de: a) conde: .. Selvagem ................................. c) O réu levantou-se............... d) O profeta rezava. b) czar: ............. 2) Siga o modelo: a) O aldeão chegou............................... .............................................. b) O cavalheiro e a ....... b) O poeta declamou.............. h) zangão: ........... diva e déia — diaba..................................................... diáboa e diabra embaixador — embaixadora (representante diplomática) e embaixatriz (esposa do embaixador) ermitão javali ladrão pardal peão prior — ermitã e ermitoa — javalina e gironda — ladra.................................................................. e a amazona.. ............. ladroa e ladrona — pardoca..................... Pianista ... outras terminações Mais de um feminino Há substantivos que apresentam várias formas no feminino: alcaide anfitrião cavaleiro charlatão cônego deus diabo — alcaidessa e alcaidina — anfitriã e anfitrioa — cavaleira e amazona — charlatã e charlatona — cônega e canonisa — deusa............................ ........................................camela........ ........................... beijaram-se no escuro.. ........................... c) Também posso chamar a ..................................................... e) cônego: ........ pardaloca e pardaleja (Portugal) — peã....................................................... Parente ............... de cavaleira.................... i) servente: .. Intérprete .. f) eleitor: ........... d) embaixador: ............................ hospedaram o .. g) felá: ....................................................................................................... Barão .................................... 3) Complete a lacuna: a) O herói e a .....

.......................... Se há alfaiate. Quando despachou o cliente........ 3... ela......................................... abstrato «A Rita matou nosso amor De vingança....................................... vingança ( ) ( ) ( ) 4.. b) «Desmantelada quadrilha que assaltava coreanos.......................... Ele se diz valentão..................................................... 7) Forme substantivos abstratos por sufixação..................... 2.. Encontrei o tabelião com a ... julgar — ......... voltou.— 110 — Ateu . 5) Siga o modelo: Se vi um cidadão.....)» (Gazeta do Povo) ........ amargo — .. 8................ covarde — .......... moleque — ....................................................)» (Folha de S...... nem herança deixou Não levou um tostão Porque não tinha não Mas causou perdas e danos................................................. O hortelão e a ...... Ator ............ O feminino de juiz é .. há também ................ amor 3......... ela.............. Ele é meu parente............................. minha ........... de acordo com os modelos: ........................................................ também vi a .............................. também vi uma cidadã.. fazendo as adaptações necessárias: a) A presença de búfalos nas ruas centrais causou espanto........... O hóspede saiu e a .......... c) «O museu possui o acervo mais completo da arte brasileira do século XIX...................... 5...................................... entrou a .... ...................................... O feminino de cônsul é .................. porém..... trabalham...............» (Diário Popular) ............ 6) No texto que segue........ 6............................................... matar — ............ perdas 6.......... 8) Sublinhe o(s) substantivo(s) coletivo(s) que ocorre(m) nas frases e indique o(s) ser(es) a que ele(s) se refere(m): a) «A frota britânica zarpou domingo da ilha de Ascensão......................................» (Chico Buarque de Holanda) 1....... Quando vi o leão........................... d) «A mudança mais importante do gabinete foi a nomeação do Ministro das Finanças (...... 4........................... magro — ... O feminino de oficial é ................. concreto c) substantivo comum...........» (Jornal do Brasil) ............. danos ( ) ( ) ( ) belo — beleza abolir — abolição 1............................. O feminino de visconde é ............. Paulo) . .................. tostão 5... no Atlântico Sul (............ 9) Permute o substantivo destacado pelo coletivo correspondente. classifique os substantivos destacados de acordo com o código: a) substantivo próprio b) substantivo comum................................................... menino — ..... Rita 2...... 7..... reter — . O feminino de bispo é ..........................

..... b) O vice-cônsul manteve entendimentos com o visconde.... .......... 2) (FUVEST) Passe para o feminino: a) O monge tentou convencer o ateu............ 4) (CEFET-PR) Passe para o feminino: Ele é um trabalhador.......... d) próprio e) comum Questões discursivas 1) (UFBA) Dê o substantivo correspondente a: a) agredir: ... ....................» b) «.. exceto: a) «.. .......... .. que Ihe parecia um sonho de sua alma no azul diáfano do céu»............................................................ Pilatos — verdade........... .................» e) «........................ d) Não se justifica a criação de abelhas em caixotes impróprios.......................... 3) (FEI-SP) Reescreva as frases no feminino: a) O abade...........................todas essas coisas se apagarão em lembranças..... b) Aquele grã-fino sempre foi um ótimo anfitrião..... volto para meus caminhos..................... c) O embaixador acaba de ser recebido pelo czar.............................. sempre foi um homem trabalhador.... ........— 111 — b) A comissão técnica ainda não revelou os jogadores escalados para a próxima Copa......... o frei e o frade reuniram-se no convento................................................................................................................................................... (CESCEM-SP) A questão abaixo diz respeito ao seguinte trecho: «Aurélia a princípio entregara-se ao encanto daquela noite brasileira........» 2.... concreto e abstrato: a) b) c) d) água — vinho............. Jesus — abaixo-assinado... (UFSCAR-SP) Classificam-se como substantivos as palavras destacadas................................... ........................... ........................................ respectivamente....» d) «...... .................. ...... ............................. b) divergir: ..... ... (José de Alencar) Aurélia é substantivo: a) concreto b) abstrato c) coletivo 3.............................................. e) Nova lorque — Deus................ Testes 1..........conheço até alguns automóveis........ ........................ Pedro — Jesus.......................... c) Os cachorros da casa saudaram o assaltante com mordidas fatais............visava a me acostumar à morna tirania» c) «Adeus..................................................................................................................... (UFJF-MG) Assinale a alternativa em que ocorrem substantivos simples.............o idiota com quem os moleques mexem...

(UFPR) «Depois. (CEFET-PR) Galeria. plantas de uma região. coletivos de: a) assuntos. b) ponta — Iracema — desconhecido — flecha — haste. b) árvore — concreto. alhos. Iracema quebrou a flecha homicida. animais de uma região. cebolas ( ) porcos. leite. lenha. 5. c) homicida — farpada — deu — ponta — Iracema. réstia ( ) bananas. que Ihe parecia um sonho de sua alma no azul diáfano do céu». malhada 4) penca. 11. c) comezinho é substantivo concreto. fauna. (ITA-SP) Cáfila. e) abusão é substantivo abstrato. réstia e década são os coletivos de: a) quadros. cães. cães. hinos a) 3 — 4 — 5 — 2 — 1 b) 4 — 3 — 5 — 1 — 2 c) 1 — 4 — 5 — 2 — 3 d) 1 — 4 — 2 — 5 — 3 e) 1 — 4 — 3 — 2 — 5 6. d) gafanhotos. desordeiros. lápis.— 112 — 4. c) atores. tiradas do texto acima. bois. flores 2) vara. (PUC-RS) A questão abaixo diz respeito ao seguinte trecho: «Aurélia a princípio entregara-se ao encanto daquela noite brasileira. carneiros. dos seguintes substantivos coletivos: 1) feixe. bois. (UEMA) Elenco.» (José de Alencar) Em qual das alternativas todas as palavras. molho. lobos. (MACK) Assinale a alternativa incorreta quanto à classificação dos substantivos: a) modificação é substantivo abstrato. cavalos. e) Nenhuma das alternativas. cutias. hinário ( ) cães. 8. 7. legião. c) maravilhas — abstrato. padres. d) atenção é substantivo abstrato. manada ( ) plantas. deu a haste ao desconhecido. ramalhete ( ) lenha. 10 dias. b) estátuas. santos. respectivamente. 10 anos. manada são coletivos. d) desconhecido — depois — Iracema — flecha — ponta. . heróis. lobos. e) ramos — concreto. (UNITAU-SP) Assinale a alternativa em que não há relação entre as duas colunas quanto à classificação dos substantivos: a) madeira — concreto. e) flecha — consigo — guardando — Iracema — quebrou. 9. ferramentas. respectivamente. malandros. respectivamente. cavalos c) moscas. cavalos 5) matilha. couve. são substantivos? a) Iracema — farpada — consigo — ponta — flecha. feixe são. b) atores. matilha. d) soldados. d) ramalhete — abstrato. e) Nenhuma das alternativas acima. cabras. malta. b) insetos. capim. b) morada é substantivo concreto. ovelhas 3) herbário. capim. ladrões. lobos. (José de Alencar) — sonho é substantivo: a) concreto b) abstrato c) coletivo d) próprio e) comum 10. de: a) camelos. (UNITAU-SP) Indique a correspondência de colunas. capim. anjos. alcatéia. guardando consigo a ponta farpada.

8. garçom — garçonete. 32. ilhéu — ilhéia. Substantivos uniformes Há uma classe de substantivos — denominativos de pessoas e animais — refratários à flexão de gênero. vegetais. chaves. cônsul — consulesa. 10 anos. padrinho — padrinha. anfitrião — anfitrioa.). hemeroteca. 10 anos. 2. (FUVEST) Assinale a(s) alternativa(s) que apresenta(m) a seqüência correta de coletivos referentes. quadros e navios. 2. por isso. caterva. frota. outros. apenas: o/a jovem o/a pirata o/a mártir o/a selvagem o/a chefe o/a sabiá aquele/aquela estudante meu/minha fã muitos/muitas fiscais viajante esperto/esperta um/uma líder b) Sobrecomuns Não aceitam sequer a flexão do elemento determinante: o o o a a algoz cônjuge monstro criança pessoa a a a o testemunha vítima criatura dedo-duro c) Epicenos Também não aceitam a flexão do elemento determinante e. maestro — maestrina. 2. 16. o papagaio macho/fêmea o tatu macho/fêmea a barata macho/fêmea a onça macho/fêmea . 16. Uns (os epicenos e sobrecomuns) só têm um gênero. respectivamente. judeu — judia. chaves. pinacoteca. alhos. capiau — capioa. píton — pitonisa. Para resolver as questões 12 a 14. 10 dias. 64. felá — felaína. estudante — estudanta. flotilha.— 113 — c) quadros. bacharel — bacharela. 8. perdigão — perdigona. (UNAMA) Estão corretos os femininos: 1. esquadra. d) estátuas. animais de uma região. (UNAMA) Idem ao anterior: 1. a) Comuns-de-dois Caracterizam-se pela flexão do elemento determinante (artigo. esquadra. raízes. bispo — bispa. malta. abade — abadessa. súcia. carrada. têm dois gêneros e chamam-se. assinale as alternativas e some seus valores. animais de uma região. esquadrilha. faz-se a distinção de sexo mediante o uso das palavras macho e fêmea. frota. 12. 16. 8. galeria. peão — peã. plantas de uma região. 13. aprendiz — aprendiza. alhos. a desordeiros. 4. 32. 14. 4. 32. sultão — sultã. galeria. zangão — abelha. comuns-de-dois gêneros. cavalheiro — amazona. pelo contrário. e) quadros. pierrô — pierrete. como se referem somente a animais. elenco. 1. corja. cavaleiro — dama. genro — nora. ateu — atéia. 4. aves e insetos. chaves. pronome etc. matula. hóspede — hóspeda. marajá — marajoara. pinacoteca.

o trema: sinal gráfico.— 114 — o tigre macho/fêmea o puma macho/fêmea Obs. o eczema: dermatose inflamatória com formação de vesículas. * o êxtase: enlevo. o tracoma: doença. o soprano: a voz mais aguda da mulher. o hosana: louvor. o divã: espécie de sofá. o algoz (ôz): carrasco. Substantivos heterônimos (biformes) Heterônimos ou desconexos: os que. * o contralto: a voz mais grave de uma mulher.: tigre tigresa (brasileirismo/PR) Substantivos de gênero duvidoso a) São masculinos: (* Erros mais comuns quanto ao gênero. máxima. nota musical. trabalho ativo. o axioma: proposição evidente.) o afã: ânsia. em lugar de indicarem o gênero pela flexão ou pelo artigo. amazona dama comadre confreira freira sóror jabota marani nora madre madrasta madrinha mãe matriarca rainha rapariga rani abada cerva virago abelha . * o ágape: banquete de confraternização. maldição. * o guaraná: fruto. o cônjuge: cada um dos casados em relação ao outro.: masculinos: arlequim arcebispo bispo bode burro carneiro cão cavaleiro cavalheiro compadre confrade frade frei jabuti marajá genro padre padrasto padrinho pai patriarca rei rapaz rajá rinoceronte veado varão zangão femininos: colombina arquiepiscopisa episcopisa cabra besta ovelha cadela cavaleira. o diadema: ornato circular. hino o sofisma: argumento falso. tristeza. apresentam radicais diferentes para designar o sexo. Exs. o delta: letra do alfabeto grego. * o dó: lástima. * o eclipse: oclusão do Sol pela Lua ou vice-versa. * o champanha: vinho espumante. verdugo. partido. coroa. mulher que tem essa voz. * o clã: grei. * o anátema: excomunhão. saudação. pasmo. cantora que tem essa voz. * o cataclismo: inundação.

o herpes: afecção cutânea. grande quantidade ou grande número. cilada. * o preá: pequeno roedor. o coma: estado mórbido. (O plural é «cales» ou «cais». * a omoplata: osso largo que forma a parte posterior do ombro. b) São femininos: * a abusão: abuso. globo. diagrama. o estigma: sinal. a áspide: cobra pequena. ATENÇÃO!! — São sempre masculinos os substantivos de origem GREGA. * a entorse: distensão. * a hélice: pá propulsora de navio ou avião. * o caudal: torrente. * a comichão: coceira. erro. a trama: intriga. prurido. * o suéter. mundo. a derme: a segunda camada da pele. * o formicida: droga para matar formigas. a cal: óxido de cálcio. cicatriz. («apêndice» é masculino). o sanduíche * o sósia: pessoa parecida com outra. * a faringe: cavidade que se estende da parte posterior das fossas nasais à boca do estômago. . o haras: local de criação de cavalos selecionados. o estratagema: ardil. * o milhar: mil unidades. torcedura. Em gramática é a omissão de uma ou mais palavras que se subentendem. enxurrada. a cólera-morbo (doença infecciosa). * a tíbia: o mais grosso dos ossos da perna. * a dinamite: a cólera: ira. superstição. grama (peso). * a libido: instinto sexual. * o orbe: esfera. coma. plasma. axioma. * o telefonema: ligação telefônica. dilema. a fácies: alterações físicas. telefonema. * o lança-perfume: bisnaga.— 115 — o vau: lugar de um rio que pode ser transitado a pé. o plasma: parte líquida e coagulável do sangue.) a cataplasma: papas medicamentosas. o picape: toca-discos ou veículo. terminados em MA: miligrama. * o púbis: arco anterior do osso ilíaco. porém masculina. telegrama. o apêndice: anexo. * a bacanal: orgia. estratégia. raiva. caracteres exteriores. acessório. * a aluvião: inundação. rio. estratagema. * o pijama o proclama: proclamação do casamento. (Há a variante «derma». parte da região hipogástrica que se cobre de pêlos na puberdade. * a alface * a apendicite: inflamação do apêndice.) a elipse: termo da Geometria. * a epígrafe: inscrição. a fuligem: substância negra depositada pela fumaça.

constelação austral.— 116 — * a agravante: circunstância agravante. a grei: rebanho. a fênix: ave mitológica. a jaçanã: ave ribeirinha. * a chaminé: tubo ligado ao exterior. elemento de uma obra ou peça teatral) o/a ordenança (soldado às ordens de um superior hierárquico) o/a hélice (pavilhão auricular) o/a xerox (cópia xerográfica) o/a(s) íris (espectro solar) o/a íbis (ave pernalta) o/a . o/a o/a o/a o/a tapa (pancada com a mão. * a sentinela: soldado armado que guarda um posto. * a fruta-pão: tipo de fruto comestível. receio. dissidência a cisma (f): ato de cismar. garganta) o/a personagem (pessoa notável. suspeita CAPITAL o capital (m): dinheiro. valores disponíveis a capital (f): cidade-sede de um governo CRISMA o crisma (m): óleo sagrado c) São masculinos ou femininos: diabete(s) (distúrbio do metabolismo dos açúcares) o/a laringe (parte superior da traquéia. * a(s) bílis: líquido esverdeado segregado pelo fígado. sociedade. funcionário a caixa (f): recipiente. partido. ÁGUIA o águia (m): esperto a águia (f): ave BANANA o banana (m): palerma a banana (f): fruta BALIZA o baliza (m): o que vai à frente de um bloco a baliza (f): marco. * a matinê: vesperal. estaca. a acne: espinhas do rosto. espetáculo realizado à tarde. a bólide: aerólito. bólido. forte ou leve) amálgama (liga de mercúrio) usucapião (prescrição aquisitiva de propriedade) sabiá (pássaro) Mudança de gênero e de sentido Certos substantivos mudam de sentido quando mudam de gênero. sinal CABEÇA o cabeça (m): chefe a cabeça (f): parte do corpo CAIXA o caixa (m): tesoureiro. objeto CISMA o cisma (m): separação religiosa. * as cãs: cabelos brancos. espécie de meteoro ígneo que atravessa o espaço em grande velocidade. a grafite/ta: mineral usado na fabricação de lápis.

. O gênero da sigla-nome vai depender do gênero do nome inicial da expressão abreviada. coragem. unidade de massa a grama (f): relva GUARDA o guarda (m): sentinela. ética. popularidade Observação: Esses substantivos.. a FUNAI (Fundação Nacional do Índio) o PSDB (Partido Social Democrata Brasileiro) a COBOL (The Common Business Oriented Language) . quando se referem a pessoas. vigilância GUIA o guia (m): pessoa. forma reduzida de autolotação a lotação (f): ato ou efeito de lotar. soldado. formulário LENTE o lente (m): professor a lente (f): vidro de aumento LÍNGUA o língua (m): o intérprete a língua (f): órgão muscular LOTAÇÃO o lotação (m): ônibus. o indivíduo a polícia (f): a organização RÁDIO o rádio (m): aparelho receptor a rádio (f): estação emissora VOGA o voga (m): remador a voga (f): moda. conclusão. capacidade de. pólipo. conjunto de vozes a coral (f): cobra venenosa CURA o cura (m): pároco. cálculo de um rendimento. MORAL o moral (m): ânimo. são usados como sobrecomuns: Luís é um bom caixa bancário. Gênero das siglas Algumas siglas tendem a ser usadas como nomes próprios. ciência NASCENTE o nascente (m): lado onde nasce o sol a nascente (f): fonte POLÍCIA o polícia (m): o policial. coro. cicerone a guia (f): documento. Luísa é um bom caixa bancário. vigário de aldeia a cura (f): restabelecimento da saúde GRAMA o grama (m): peso. vigia a guarda (f): corporação. estado de espírito a moral (f): honestidade.— 117 — a crisma (f): cerimônia religiosa CLARINETA o clarineta (m): músico a clarineta (f): instrumento CORAL o coral (m): cor vermelha.

. Iibido ............. antepondo o artigo o ou a: a) ....... Tais siglas variam normalmente em número: as UPCs........... 1) o carrasco ( ) 2) a cobra 3) a vítima ( ) ( ) 8) o artista ( ) 9) a pessoa ( ) 10) o cônjuge ( ) 11) o consorte ( ) 12) o mártir ( ) 4) o herege ( ) 5) o selvagem( ) Exercícios 1) Indique o gênero.. bílis ....................... O cabeça ............ O moral .. cataplasma ................. 3) Associe letra e número...... eclipse u) .................. faringe ... omoplata g) .. ferrugem .. soja .. faringe z) .......................... estratagema x) ..................................... alface n) ..................................... chaminé ................ b) ator: .............. contralto 2) Dê o significado de: A capital ...... apendicite .... alface 6) Indique o feminino de: a) juiz: ............... r) ..... anátema ......... dó e) ............... II................................— 118 — Observação: I.............. estudante y) ........ cavaleiro .................. apendicite p) ........ de acordo com o código que segue: a) comum-de-dois b) epiceno c) sobrecomum 6) a tainha ( ) 13) a onça ( ) 7) a criança ( ) 14) a avestruz ( ) 4) Os substantivos que seguem são heterônimos............................. antepondo os artigos o ou a: ........................... suéter ............................................. cal ..... 5) Novamente......... cronista s) ............... Em CEASA (ou Ceasa)....... bólide ... Aponte a forma feminina: carneiro .......... champanha ..... O águia ..... Iança-perfume h) ........... por isso seu gênero é masculino: o Ceasa......................................................... está subentendida a idéia de entreposto ou armazém geral.................... estratagema ............................... aluvião i) ......................................................... dinamite ...... O língua ............... bacanal j) .. Iaringe c) .. indique o gênero............. .... sósia m) ... sabiá I) ......................... estigma ............................. dó (compaixão) ........ apêndice ........ eclipse .... telefonema f) ........................................................ champanha................ plasma .............. nauta .... os CEFETs (ou Cefetes) etc.......... xerox ................ c) autor: ............A... O lente ........... guaraná b) . Iaringe .................................................. elipse v) ................ comichão d) ..................... personagem ......... compadre ......... cavalheiro . cal q) ................................................ O rádio . omoplata ... cãs .. Iança-perfume .......... ágape ................ diadema t) ... O lotação ..... d) monge: ..... análise o) ........ matinê ......... que significa Centrais de Abastecimento S.....

........................ o) presidente: ................... (3) ....... u) oficial: ...... ........................................... (1) ............... Iançaperfume para o próximo carnaval................................ conforme o gênero do substantivo destacado: a) Desta vez .. .............. Questões discursivas 1......... b) Uma gorjeta............. f) javali: .. eclipse da Lua será apenas parcial............ (3) ....................... ......................— 119 — e) burro: .......................................................... hebreu.............................. era a polícia....... judeu............................... c) ......... (2) ................ não explodiram .............. CISMA havido por ocasião da revolta de Lutero... d) Apesar da ameaça......... p) sultão: ........................... ................. champanhe.... pierrô............... m) padre: ...... g) herói: ................................. são: a) sobrecomum os dois primeiros........ r) frei: .... e) É possível que se libere ... n) elefante: .......................... s) czar: ...................................................... marajá é........ (CEFET-PR) Complete com o artigo adequado: O ou A.............. (1) .................. z) visconde: ................................................. 4.................................. (FEI-SP) O feminino de capiau.................................. 3...... consorte e criança........................................................................................................ e comum-de-dois o último........... j) cavalheiro: ............... dinamite....... sem se dar conta da confusão de suas idéias e do tédio que provocava nos demais convidados........ CHAMPANHE já mostrava seus efeitos sobre .... (2) .. I) genro: . e sobrecomum o último. x ) poeta: ............ Testes 1.......... i) compadre: ........................... (4) .. 2................... b) comuns-de-dois o primeiro e o segundo........... b) o polícia: .....................................) pouco tempo depois a campainha tocou novamente.. sentinela sofria nas mãos de seu capitão.................. (4) ..................... CURA da aldeia............................................................................. Em sua longa exposição....... ......... quanto ao gênero................ (FMU-SP) Os substantivos cônjuge.......... Abri a porta e o polícia me deu uma intimação para depor na segunda-feira (.......... (FUVEST) Complete os espaços em branco com o ou a................ e o empregado Ihe conseguiu .............. (UNIFOR-CE) O texto abaixo foi extraído de um conto de Rubem Fonseca: «(.... q) ladrão: ................ v ) pavão: .. ora d..................................)» Descreva a diferença de significado que a variação de gênero determina nos substantivos destacados: Respostas: a) a polícia: .... h) solteirão: .... DINAMITE... ................... t) diácono: .......... respectivamente: ............................................................................. falava ora da invenção d .................... ...

e) banana. (MACK-SP) Assinale a alternativa correta quanto ao gênero das palavras: a) A lança-perfume foi proibida no carnaval. e) democrata .. d) fibroma — poema — perdiz. omoplata.a . (UFRJ) Assinale a alternativa que contém a exata classificação dos substantivos pessoa. substantivo próprio. b) Rival é comum de dois gêneros. (FESP) Assinale a alternativa cujos artigos correspondam ao gênero de cada substantivo: guaraná — comichão — dó — cataplasma. d) o grama = a unidade de massa / a grama = a relva. 8. (CESGRANRIO) Assinale a série de nomes: masculino. pirata. e) o lenho = o tronco / a lenha = a madeira para queimar. b) o algoz . a) o-o-o-a b) a-o-a-o c) a-o-a-a 7. lojista. nauta. sobrecomum. c) bílis — rês — ágape. e comus-dedois o segundo e o último. abelha: a) sobrecomum. pirata. d) a águia . b) Os observadores terrestres esperavam atentos a eclipse da Lua. comum-de-dois.. cura. 3. e) Não sei. c) o moral = a coragem / a moral = a ética.a. poeta. (FGV-RJ) Assinale o item em que houve troca de sentido dos substantivos: a) o cisma = a desconfiança / a cisma = a separação. c) o cônjuge . e) n.d.. e comum-de-dois o segundo. apesar de terminados em a. 9. substantivo sobrecomum. (UFAC) Nas séries de palavras a seguir..— 120 — c) sobrecomum o primeiro.. b) epiceno. b) o crisma = o óleo santo / a crisma = cerimônia religiosa.. e) todos comuns-de-dois. heterônimo. cura.. corneta. nauta. há uma em que todos os substantivos. 6. 2. d) pampa. e) anátema — cal — estratagema. (PUC-SP) Assinale a alternativa incorreta: a) Borboleta é substantivo epiceno. d) sobrecomuns o primeiro e o último.. praça. são masculinos: a) banana. epiceno. cura. d) Vítima é substantivo sobrecomum. corneta. d) A dinamite é um explosivo à base de nitroglicerina.d. c) A gengibre é uma erva de grande utilidade medicinal. feminino e masculino: a) tribo — eclipse — tabu. 4. c) Omoplata é substantivo masculino. (UFAL) Assinale a relação correta: a) diabo . substantivo epiceno. substantivo próprio. c) profeta. comum-de-dois. barata. profeta. heterônimo. b) telefonema — alvará — telefonada. b) profeta. 5. substantivo comum de dois gêneros.. d) o-a-o-a e) n. agiota. profeta..

é o -s final. Ieão. borboleta. ordenança. 16. grei. fruta-pão. são: 1. mártir. Vogal Dit. e) jacaré. apóstolo. substantivos masculino. Há. Oral +S Fazem o plural com o acréscimo de -s. 13. 2. (UFRJ) A(s) alternativa(s) que apresenta(m). vitrina. b) omoplata. c) criança. 2. pijama. assinale as alternativas e some seus valores. entretanto. (UNESP) Assinale a alternativa em que a relação não é verdadeira: a) O moral — ânimo b) O grama — unidade de massa c) O cisma — desconfiança d) O cura — sacerdote e) A crisma — sacramento 12. o alvará. abelha.— 121 — c) comum-de-dois. análise. comum-de-dois. 32. testemunha. dó. cãs. a comichão. 14. masculino: 1 . clã. plasma. 8. (UEMA) Assinale a(s) alternativa(s) que apresenta(m). o dó. soja. diferentes flexões para o plural. (UEPG-PR) Indique a alternativa em que todas as palavras são femininas: a) cal. feminino. faringe. telefonema. 16. xerox. a aluvião. a bólide. cônjuge. 4. o guaraná. vítima. quanto ao gênero. nauta. comichão. a cataplasma. o aneurisma. tapa. respectivamente. sofisma. consorte. a cal. (UMC/MOJI-SP) Indique a alternativa em que há substantivo epiceno: a) personagem b) palmeira c) galo d) pianista e) leoa Para resolver as questões 13 a 15. sobrecomuns e comuns-de-dois: 1. 64. tigre. a formicida. champanha. 64. epiceno. 8 . 32. (PUCCAMP-SP) A(s) alternativa(s) que apresenta(m) todos os substantivos determinados corretamente. cônjuge. afã. a alface. orbe. cataplasma. telefonema. indígena. paciente. a dinamite. sobrecomum. 15. substantivos epicenos. a anátema. eclipse. alface. guaraná. 8. heterônimo. jacaré. dó. o gengibre. apendicite. dó. de acordo com a terminação do singular. 64. epiceno. SG PL Flexão de número Regra geral A característica do plural. ferrugem. epiceno. criança. sobrecomum. sem alteração alguma: cajá — cajás pai — pais ímã — ímãs céu — céus urubu — urubus relógio — relógios . e) sobrecomum. comum-dedois. respectivamente. pianista. o elipse. a bílis. cal. a apendicite. 4. 16. rival. o eclipse. heterônimo. hélice. 10. d) heterônimo. monstro. o ágape. 11. testemunha. carrasco. onça. formicida. porco. em Português. agente. a champanhe. púbis. 2 . pianista. a chaminé. coma. 32. alface. 4 . tribo. d) cólera.

: artesão (artífice) ⇒ artesãos.: Incluem-se nessa regra: o ditongo nasal ãe: mãe — mães o ditongo nasal ão. átono. Com os substantivos terminados em -ÃO tônico. ÃO ÃO ÕES ÃES c) mudam -ÃO em -ÃES: alemão — alemães escrivão — escrivães cão — cães pão — pães capelão — capelães tabelião — tabeliães capitão — capitães charlatão — charlatães Obs. das paroxítonas: órgão — órgãos órfão — órfãos sótão — sótãos espião — espiões folião — foliões formão — formões grilhão — grilhões seção — seções tubarão — tubarões anão — anões tecelão — tecelões lampião — lampiões zangão — zangões Obs. Entre outros: ãos * alão * aldeão alazão anão * ancião castelão charlatão cirurgião corrimão cortesão * deão * ermitão faisão guardião hortelão peão sacristão * sultão * vilão vulcão verão alãos aldeãos — anãos anciãos castelãos — — corrimãos cortesãos deãos ermitãos — — hortelãos — sacristãos sultãos vilãos vulcãos verãos ões alões aldeões alazões anões anciões castelões charlatões cirurgiões corrimões cortesões deões ermitões faisões guardiões hortelões peões — sultões vilões vulcões verões ães alães aldeães alazães — anciães — charlatães cirurgiães — — deães ermitães faisães guardiães — peães sacristães sultães vilães — — coirmão — coirmãos mão mamão — mamões caixão — caixões melão coração — corações razão canção — canções questão — questões . o acréscimo do S pode ser feito de três formas: a) mudam -ÃO em -ÃOS: artesão — artesãos grão órfão órgão sótão vão — grãos — órfãos — mãos — órgãos — sótãos — vãos acórdão — acórdãos chão — chãos bênção — bênçãos (artífice) cidadão — cidadãos cristão — cristãos demão — demãos desvão — desvãos pagão — pagãos Obs.: são os mais comuns.— 122 — Obs. b) balão botão mudam -ÃO em -ÕES — balões — botões limão — limões — melões — razões Substantivos em ÃO com mais de um plural Há substantivos terminados em -ÃO que admitem mais de um plural.: todos os paroxítonos. artesão (adorno arquitetônico) ⇒ artesões.

-UL trocam -L por -IS: anzol — anzóis álcool — álcoois sol paul Noel — sóis — pauis — Noéis — males — cônsules hambúrguer – hambúrgueres Observação: O plural de alguns substantivos exige deslocação do acento tônico (hipergol — gols bibasmo) a fim de evitar a acentuação Observação: Certos substantivos desse bisesdrúxula: grupo admitem duas formas de plural: júnior — juniores aval — avais ou avales Júpiter — Jupiteres mel — méis ou meles Lúcifer — Luciferes fel — féis ou feles sênior — seniores real (moeda) — réis IL Oxítono: IL ⇒ IS Paroxítono: IL ⇒ EIS Exceção: caráter — caracteres Substantivos terminados em IL trocam o -L por -IS (quando oxítonos). e Oxítono ⇒ES Parox. INVAR ⇓ Substantivos terminados em -S (monossílabos ou oxítonos) recebem o acréscimo de -ES. e Proparox. trocam o -IL por -EIS (quando paroxítonos): oxítonos: barril — barris funil — funis * projetil — projetis * reptil — reptis esmeril — esmeris fuzil — fuzis * = admitem ambas as formas S paroxítonos: fóssil * projétil * réptil têxtil fusível — — — — — fósseis projéteis répteis têxteis fusíveis Monoss. -OL. -EL. os terminados em -S (anoxítonos) ficam invariáveis: .— 123 — AL EL OL UL canal — canais jogral — jograis móvel — móveis Nobel — Nobéis rol — róis Exceções: mal cônsul L ⇒ IS R Z ⇒ + ES Substantivos terminados em -R ou -Z recebem -ES: altar cor dólar ureter mar revólver juiz estupidez gravidez – altares – cores – dólares – ureteres – mares – revólveres – juízes – estupidezes – gravidezes par cruz éter giz raiz destróier noz sordidez esfincter arroz – pares – cruzes – éteres – gizes – raízes – destróieres – nozes – sordidezes – esfincteres – arrozes Os substantivos terminados em -AL.

colare(s) + zinhos → colarezinhos. Assim: S INGULAR balãozinho papelzinho colarzinho cãozito limãozito paisinho florzinha P LURAL balõe(s) + zinhos → balõezinhos. flore(s) + zinhas → florezinhas. paíse(s) + zinhos → paisezinhos. Iimõe(s) + zitos → limõezitos. . o -s do plural do substantivo primitivo. pura e simplesmente. Os substantivos terminados em -N fazem o plural com acréscimo de -S . papéi(s) + zinhos → papeizinhos. porém.— 124 — monossílabos e oxítonos: ás deus gás mês rês lilás — — — — — — ases deuses gases meses reses lilases adeus freguês obus país revés ananás — — — — — — adeuses fregueses obuses países reveses ananases → Observação: Existem formas variantes: SINGULAR abdome/abdômen dólmen espécime/ espécimen germe/gérmen hífen liquen Exceção: cânon — cânones PLURAL abdomes/abdomens/ abdômenes dolmens/dólmenes espécimes/ espécimens/ especímenes germes/germens/ gérmenes hifens/hífenes liquens/líquenes anoxítonos: o atlas o lápis o pires o oásis — — — — os atlas os lápis os pires os oásis o tênis o vírus o ônibus a íris — — — — os tênis os vírus os ônibus as íris Exceções: cais e xis → invariáveis: os cais cós faz cós ou coses M ⇒ — NS Substantivos terminados em -M trocam o -M por -NS: álbum armazém atum dom item — — — — — álbuns armazéns atuns dons itens jovem nuvem pajem som ultimátum — — — — — jovens nuvens pajens sons ultimátuns X ⇒ Invariáveis Os substantivos terminados em -X ficam invariáveis: a fênix — as fênix o tórax — os tórax o ônix — os ônix o cóccix — os cóccix → Observação: totem — totens ou tótemes N — NS — NES hífen pólen espécimen nêutron íon — hifens — pólens — espécimens — nêutrons — íons Plural dos diminutivos Nos diminutivos formados com os sufixos -zinho e -zito. desaparecendo. cãe(s) + zitos → cãezitos. tanto o substantivo primitivo como o sufixo vão para o plural.

mormente na pátria dos Junqueiras. → Observações: 1. Exs.: “A poesia vulgar. com terminação estranha à lingua.— 125 — Plural dos nomes próprios Os nomes próprios e sobrenomes. os paus (naipes). dos Casimiros de Abreu e dos Gonçalves Dias. dos Álvares de Azevedo.. ganham apenas um -s. é um pecado publicá-la. quando designam vários indivíduos com o mesmo nome ou empregados figuradamente. Quando compostos.” (C. Sobrenomes estrangeiros. porquanto não estão sujeitos às regras do idioma: os Beethovens os Lincolns os Kennedys os Disneys 2. os nomes e sobrenomes só têm o primeiro elemento pluralizado: os Júlios César as Marias Antonieta os Almeidas Prado os Joões Batista Nomes de letras e números Pluralizam-se de duas maneiras os nomes de letras: os aa / ás os bb / bês os cc / cês Mudança de número com mudança de sentido a água as águas — líquido — chuvas . admitem o plural como os nomes comuns. C. Branco) os Luíses os Nélsons os Alencares os Rauis as Raquéis as Leonores os ii / is exceção: o(s) xis / os xx Os nomes dos números também se pluralizam: um nove / dois noves um quatro / dois quatros no ano vinte / nos anos vintes → Observação: Ficam invariáveis os números que terminam por s ou z: um dez / dois dez um três / dois três Substantivos só usados no plural São estes os principais: os afazeres os Alpes as alvíssaras os anais os Andes os arredores as belas-artes as boas-vindas as bodas as cãs as cócegas as condolências os confins as custas os esponsais os Estados Unidos as exéquias as fezes os idos as núpcias os óculos as olheiras os parabéns os pêsames os picles as sevícias os suspensórios os víveres as copas..

aparência — benefício — propriedades — metal — dinheiro — ramagem — naipe de cartas — litoral — dorso — renda diária — repouso — crédito — bem — símbolo gráfico — literatura — metal — naipe de cartas — fim de vigência — salário despojo desporto destroço esforço fogo forno foro fosso imposto jogo miolo morno osso ovo poço porco porto posto povo reforço rogo socorro tijolo tremoço despojos desportos destroços esforços fogos fornos foros fossos impostos jogos miolos mornos ossos ovos poços porcos portos postos povos reforços rogos socorros tijolos tremoços (grãos) Plural com metafonia Muitos substantivos que no singular têm o o (fechado) passam a ter o ó (aberto) no plural.— 126 — a ânsia as ânsias o ar os ares o bem os bens o cobre os cobres a copa as copas a costa as costas a féria as férias o haver os haveres a letra as letras o ouro os ouros o vencimento os vencimentos — aflição — náuseas — vento — clima. no plural Exs.: SINGULAR: (o) acordo adorno almoço arroto boda bolo PLURAL: (ô) acordos adornos almoços arrotos bodas bolos . SINGULAR: (ô) caroço corcovo coro corpo corvo PLURAL: (ó) caroços corcovos coros corpos corvos Obs. Essa alteração do timbre da vogal é chamada de metafonia.: Continuam com “o” fechado.

os demais ficam invariáveis. o segundo determina o primeiro (referindo-se à forma ou à finalidade). havendo dois elementos substantivos. só o primeiro: caneta-tinteiro café-concerto navio-escola papel-moeda pombo-correio salário-família = = = = = = canetas-tinteiro cafés-concerto navios-escola papéis-moeda pombos-correio salários-família . Quando. adjetivos. SÓ COM UM ELEMENTO arranha-céu caça-níquel beija-flor vira-lata abaixo-assinado sempre-viva ave-maria contra-ataque grão-mestre recém-nascido alto-falante vaga-lume VARIÁVEL: = arranha-céus = caça-níqueis = beija-flores = vira-latas = abaixo-assinados = sempre-vivas = ave-marias = contra-ataques = grão-mestres = recém-nascidos = alto-falantes = vaga-lumes Só varia o primeiro 1.— 127 — choro colosso conforto contorno dorso encosto endosso engodo esboço esgoto esposo estojo ferrolho globo gosto gozo poça repolho rolo soro toldo torno transtorno choros colossos confortos contornos dorsos encostos endossos engodos esboços esgotos esposos estojos ferrolhos globos gostos gozos poças repolhos rolos soros toldos tornos transtornos SUBSTANTIVO + SUBSTANTIVO: aluno-mestre banho-maria cirurgião-dentista mestre-escola tenente-coronel SUBSTANTIVO + água-forte água-furtada altar-mor barriga-verde cabeça-chata cartão-postal ADJETIVO = alunos-mestres = banhos-marias = cirurgiões-dentistas = mestres-escolares = tenentes-coronéis = águas-fortes = águas-furtadas = altares-mores = barrigas-verdes = cabeças-chatas = cartões-postais = altos-relevos = baixos-relevos = boas-vidas = gentis-homens = más-línguas = públicas-formas + SUBSTANTIVO: = segundas-feiras = meios-fios = meios-dias = padres-nossos = pais-nossos ADJETIVO + SUBSTANTIVO alto-relevo baixo-relevo boa-vida gentil-homem má-língua pública-forma NUMERAIS/PRONOMES segunda-feira meio-fio meio-dia padre-nosso pai-nosso ADJETIVOS Plural dos substantivos compostos Norma geral Nos substantivos compostos. de preferência. numerais ordinais e pronomes adjetivos. flexionase. vão para o plural as palavras que sejam substantivos.

. → Observações: a) Quando se trata de verbos repetidos.— 128 — peixe-espada manga-rosa banana-maçã cajás-manga = = = = peixes-espada mangas-rosa bananas-maçã cajá-manga quebra-quebra reco-reco tique-taque chepe-chepe = = = = quebra-quebras reco-recos tique-taques chepe-chepes ⇒ Observações: a) Ambos vão para o plural se a relação entre eles é coordenativa (explicitável pela conjunção e). “guarda” será verbo. há um meio prático de saber se “guarda” é verbo ou substantivo: se o segundo elemento for substantivo. cirurgião-dentista → cirurgiões-dentistas É possível pressupor: cirurgião e dentista. Quando os elementos se unem por meio de preposição.: Onomatopéia: o som da palavra lembra a própria coisa representada.. o primeiro será substantivo. Quando o primeiro elemento é a palavra “guarda”. c) A tendência moderna é de utilizar para estas palavras dois plurais: pombo-correio decreto-lei banana-prata = pombos-correio(s) = decretos-lei(s) = bananas-prata(s) Obs. b) Só o primeiro vai para o plural se a relação entre eles é subordinativa (não é possível pressupor a conjunção e). se o segundo elemento for adjetivo. só o último se flexiona. também é correta a flexão de ambos os elementos: pisca-pisca → pisca-piscas / piscas-piscas corre-corre → corre-corres / corres-corres empurra-empurra → empurra-empurras/ empurras-empurras b) Os compostos não separados por hífen pluralizam-se como se fossem simples: vaivém — vaivéns girassol — girassóis 2.: pé-de-moleque mula-sem-cabeça galinha-d’angola pão-de-ló bico-de-lacre fogão-a-gás estrada-de-ferro estrela-do-mar chefe-de-seção = pés-de-moleque = mulas-sem-cabeça = galinhas-d‘angola = pães-de-ló = bicos-de-lacre = fogões-a-gás = estradas-de-ferro = estrelas-do-mar = chefes-de-seção Guarda + . bem-te-vi tico-tico quero-quero téu-téu pisca-pisca ruge-ruge luze-luze = bem-te-vis = tico-ticos = quero-queros = téu-téus = pisca-piscas = ruge-ruges = luze-luzes . É nesse caso que o segundo indica tipo ou finalidade do primeiro. Exs. salário-família → salários-família Não é possível pressupor: salário e família. verbo + substantivo → varia o último guarda-comida = guarda-comidas guarda-chuva = guarda-chuvas guarda-louça = guarda-louças guarda-roupa = guarda-roupas guarda-pó = guarda-pós substantivo + adjetivo → variam os dois guarda-civil guarda-mor guarda-florestal guarda-noturno = = = = guardas-civis guardas-mores guardas-florestais guardas-noturnos Só varia o último Quando o substantivo composto é formado por elementos onomatopaicos ou palavras repetidas. só o primeiro varia.

......... fóssil: ........... corrimão: ... réptil: ....... 31) saia-balão: .............................................. 38) auto-escola: ................................... 28) grã-duquesa: ... 27) grão-vizir: ... 26) grão-de-bico: ...................... dez: ........................................................... obus: ...............................— 129 — Exceção: guarda-marinha = guardas-marinhas guardas-marinha 04) bota-fora: .... pomar: ................................... cânon: .......... Iápis: ..... 12) guarda-civil: .... 30) chefe-de-seção: ............................... 11) guarda-sol: .......................................................................................... 35) mapa-múndi: ............................. 06) guarda-costas: ................................................................... 22) xeque-mate: ................................. hífen: ... 36) joão-ninguém: ..... 09) guarda-comida: .... totem: ................. Geografia: ............................................................. 15) abelha-mestra: ................ guardião: ............... raiz: ......... júnior: ........... 17) mata-borrão: ..................................................................................................... corcel: .... 13) água-furtada: ......................... paiol: ............................................ 40) pai-nosso: .......................... sênior: ............................. Compostos invariáveis Há substantivos compostos que apresentam uma só forma para o singular e o plural: o/os arco-íris o/os cola-tudo o/os conta-giros o/os conta-gotas o/os diz-que-diz-que o/os guarda-costas o/os guarda-livros o/os leva-e-traz o/os limpa-trilhos o/os louva-a-deus o/os pára-quedas o/os pára-raios o/os pisa-mansinho o/os porta-aviões o/os porta-jóias o/os porta-malas o/os porta-retratos o/os quebra-gelos o/os quebra-nozes o/os saca-rolhas o/os toca-discos o/os tira-teimas o/os maria-vai-com-as outras o/os vai-volta Exercícios 1) Escreva o(s) plural(is) dos substantivos: peão: ................................. estupidez: .................. 05) amor-perfeito: ............................ 16) pára-quedas: ......................................... 03) fruta-pão: ..................................................... hambúrguer: ......................................................................... 14) ferro-de-engomar: ......................... assessor: .................................. 37) auto-rádio: ..................... arroz: .. 02) arroz-doce: ........................................ 23) decreto-lei: .... 19) ave-maria: ............................................................................. ..... 39) salve-rainha: ...................... 21) sempre-viva: ........................... 08) tique-taque: ........................... 20) cavalo-vapor: .................. sótão: ........... gérmen: .................... 25) reco-reco: .................................................................... 07) mal-de-fígado: .................................................. 18) pôr-do-sol: .. 29) vice-cônsul: ................................. esmeril: ........................ 10) guarda-pó: .. 2) Aponte o plural: 01) obra-prima: ............................................... 24) guarda-vida: ........................... Júpiter: ......... 32) pára-choque: ......................... órgão: ................................................................. 33) pombo-correiro: ................................................................... cônsul: ................................................... tórax: ....................................... caráter: ....................... 34) arco-íris: .........................

......... arreia-arreia..................... Bandeira) 4......... e) corretos o primeiro e o último................. (UA-AM) Desejava transformar os .. Testes 1..... arreia-arreia: ........... 6.......... (Dalton Trevisan) «O amor-perfeito.... 5....... aos gritos benditos de confusão.... (pública-forma) dos documentos pedidos............. (FUVEST) Dê o singular de reses e o plural de rol.......... sempre-viva: ....... traindo A sempre-viva... b) todos incorretos. pegapega.. 8............................ Os ..... (FAAP-SP) Empregue no plural as palavras indicadas entre parênteses...........)» (M.... de Almeida) pára-choque: .. caráter e anão.................... respectivamente de álcool. a) pagões — b) pagãos — c) pagões — d) pagãos — cidadões cidadões cidadãos cidadãos 2.. (CEFET-PR) Siga o modelo: Não chegou apenas um padrinho: vieram dois padrinhos...... morrendo E a rosa... c) «O que me encantava eram aqueles modos de garota estabanada.....) começava o corre-corre..................................... b) “No labirinto urbano persegue a morte com o trim-trim da campainha............ Não chegou apenas um cônsul: vieram dois .................. ......... (escrivão) providenciaram as ....... tenente-coronel: ..............................)» (Manuel A......” (Dalton Trevisan) ..... 3....... Um homem loquaz apregoa .............. são: a) todos corretos....... c) corretos os dois últimos........... (CEFET-PR) Coloque no plural os elementos destacados: «(.................. do céu............. .............. (FAAP-SP) Dê o plural dos termos destacados: a) «O mestre-de-cerimônia era um padre de meia idade...— 130 — Questões discursivas 1.................................. de Almeida) ...... de cor (. caracteres e anãos...... 2...... (Chico Buarque) «Até o próprio velho tenente-coronel já Ihe tinha ido pessoalmente falar (.... 7. amor-perfeito: . «Na feira-livre do arrabaldezinho....... o glu-glu da espuma...................................................... (FUVEST) Indique o plural dos substantivos destacados: “Opõe o peito magro ao pára-choque do ônibus”........... cheirando mal».» (Graciliano Ramos) ..... pega-pega: .. d) incorretos os dois últimos...........» (Guimarães Rosa) corre-corre: ...... em .........» (Manuel A............... (FEI-SP) Coloque no plural os versos da questão anterior. (FEI-SP) Empregue na lacuna o diminutivo plural de balão............. (FMU-SP) Os plurais álcoois.....

(PUC-RS) Identifique o substantivo que só se usa no plural: a) lápis. (FCHO-PE) Observe: 1) Alguns cidadãos ajudaram o governo a dissolver os males daquela cidade. coraçãozinhos. d) Há muitos beijas-flores no meu quintal. encontrados em regiões ocidentais. víveres. 9. (UNAMA) Assinale a alternativa em que as formas do plural de todos os substantivos se apresentam de maneira correta: a) alto-falantes. pesquisas arqueológicas confirmam a existência. 4. de grandes reptis. no passado. c) 1o. 4) Por meio de fósseis. e) idos. peixe-bois. b) Os vice-diretores reunir-se-ão na próxima semana. 8. os anciãos admiravam as nuvenzinhas. anão – anões. b) os grão-duques. corrimão – corrimãos. b) nenhum. 2) Enquanto a gurizada soltava balãozinhos. vai-voltas. afazeres. e) broto. exceto: a) Ele gosta de amores-perfeitos e cultiva-os. d) os pé-de-moleques. d) cânon. b) espadas. — Quanto à flexão de número. caráter – caracteres. fusível – fusíveis. vai-vens. 3) Os cirurgiões tiveram que seccionar os tórax dos animaizinhos. capitão – capitães. d) sótão – sótãos. dentre os períodos acima. c) os pontapés. b) féria. b) pires. álcool – álcoois. c) órgão – órgãos. cônsul – cônsules. (UEMA) Indique a opção que apresenta erro na forma do plural: a) sol – sóis. anil – anis. 2o e 3 o 6. e) A moda está voltando às saias-balão. (UMC/MOJI-SP) Indique o vocábulo que muda de sentido no plural: a) fóssil. e) os leva-e-traz. c) vai-volta. c) As aulas serão dadas às segundas-feiras. beija-flores. estão corretos: a) todos. c) tênis. frutas-pão. c) réptil. (UFU-MG) Qual dos seguintes nomes compostos abaixo não está com seu respectivo plural correto? a) os vice-diretores. animaizinhos. d) ônibus. salvos-condutos. b) peão – peões. e) faisão – faisães. 2o e 4 o e) 1o. d) animalzinhos. salvo-condutos. 7. 3 o e 4 o d) 1o.— 131 — 3. pé-de-moleques. 5. mel – méis. (UFV-MG) O plural dos nomes compostos está correto em todas as alternativas. . guardião – guardiãos.

sultão. girassóis. piloto. (FMU-SP) Assinale a(s) alternativa(s) que apresenta(m) todos os substantivos corretamente flexionados: 1. papéis-moeda. (MACK-SP) Aponte a alternativa em que a forma esteja errada para indicar o plural: a) obras-primas. 16. ave-marias. transtorno. (FAAP-SP) Assinale a opção em que todos os substantivos. assinale as alternativas e some seus valores. conforme acontece com povo (ô) povos (ó): a) tijolo. arranha-céus. segunda-feira. tique-taques. arranha-céus. estudante. c) abaixo-assinados.— 132 — 10. agro-pastoril. salvos-conduto. pombos-correio.d. contra-ordens. grãosmestres. (PUC-RS) Marque a(s) alternativa(s) verdadeira(s): 1 . cafés-concerto. guardas-marinhas. jogo. 8 . guardas-noturnos. pró-reitor. 2 . verdeclaro. pára-raio. relógios-pulseira. capitalista e doente têm a mesma forma para o masculino e o feminino. As palavras sentinela. (FMU-SP) Idem ao anterior: 1. chefes-de-seção. canetas-tinteiro. abaixo-assinados. olho. corrimão e anão apresentam mais de uma forma para o plural. pescoço. júnior e Júpiter ocorre hiperbibasmo na for- . d) esforço. surdo-mudo. per. abaixo-assinado e salário-família fazem. azul-escuro. obus. vilão. 11. cães-de-fila. todo-poderoso. tenentescoronéis. malmequeres. 14. 32. Para resolveras questões 13 a 15. vices-almirantes. 4 . 4. 2. 8. 15. Ancião. pontapés. posto. amores-perfeitos. guarda-pós. guarda-chuvas. cachorro. luso-brasileiras. b) guarda-florestal. bananas-maçã. louva-a-deus. 8. 32. e) guarda-roupa. os pisa-mansinhos. padres-nossos.a. caça-níqueis.sonagem. (UFPR) Marque a alternativa formada de vocábulos compostos cujo último elemento é o único a flexionar-se. respectivamente. bicosde-lacre. altosrelevos. segundas-feiras. grãosde-bico. Nos substantivos caráter. guarda-florestais. abaixo-assinado. imposto. bolo. guardas-marinha. piscas-piscas. 4 . animaizinhos. b) ovo. o plural em anciãos. salários-família. adorno. 12. 16. quando no plural. peixes-boi. mestres-salas. mulas-sem-cabeças. frutas-pão. cartas-bilhetes. apresentam mudança de timbre da vogal tônica. águas-marinhas. 2 . pés-de-moleque. altares-mores. os tira-teimas. c) globo. e) osso. vírus e ananás são invariáveis quanto à flexão de número. 64. abaixoassinados e salários-família. 64. cós. sênior. Os substantivos aldeão. pés-demoleque. c) beija-flor. anglo-americano. d) guarda-civil. amarelo-canário. a) saca-rolha. girassol. b) porta-bandeiras. 13. d) sempre-vivas. Os substantivos adeus. e) n. 16.

16. homenzarrão etc. ou seja. cânones. * aumentativo pejorativo . amores-perfeitos. íons e cônsules. caçoada. sempre-vivas. os irregulares. capitães-aviadores. Flexão de grau Dois são os graus do substantivo:  A. fel. os pisa-mansinho. há deslocamento da sílaba tônica. Apresentam mais de uma forma para o plural os substantivos aval.— 133 — mação do plural. Muitas vezes o substantivo no aumentativo expressa desprezo. Os regulares se formam com o auxílio do sufixo -ão (cabeção. altares-mor. 64. Aumentativos sintéticos irregulares Animal animalaço Aranha aranhuço Bala balaço balázio Barca barcaça Beiço beiçola beiçorra Beijo beijoca Bicho bicharrão Bico bicanço Boca bocarra bocaça Cabeça cabeçorra Cão canzarrão Cara caraça carantonha Carta cartapácio Casa casarão Chapéu chapeirão Chave chaveirão Colher colheraça Copo copázio coparrão Coração coraçaço Corpo corpanzil corpaço Cruz cruzeiro Dente dentola dentuça Drama dramalhão* Espada Espadagão Faca facalhaz facalhão Fatia fatacaz Fogo fogaréu Forno fornalha Forte fortaleza Frade fradaço Gancho ganchorra Gato gatarrão Homem homenzarrão Inseto insetarrão Ladrão ladravaz ladravão ladroaço Laje lajedo Limão limonaço Língua lingüeirão Lobo lobaz Luz luzerna Mamão mamonaço Mão manzorra* manápula* manopla(ó)* Médico medicastro* Moça mocetona Moço mocetão Monte montanha Mulher mulheraça mulherona Muro muralha Nariz narigão Navio naviarra Olho olheirão Pássaro passarola Pedra pedregulho Perna pernaça Poeta poetaço poetastro* Prato pratázio pratarraz pratalhão Ramo ramalho Rapaz rapagão Rato ratazana Rocha rochedo Sábio sabichão* Saco sacarrão Santo santarrão* Sapo saparrão Unha unhaço Vaga vagalhão Vara varejão Voz vozeirão 3. d) os bem-me-queres. com o auxílio dos mais variados sufixos (mulheraça. e) olhos castanho-claros. sendo aumentativos pejorativos ou depreciativos. (ITA-SP) Assinale a alternativa em que nem todas as palavras estão corretamente flexionadas: a) fogões-a-gás.). AUMENTATIVO DIMINUTIVO analítico sintético       poeta grande corpo minúsculo poetastro corpúsculo Aumentativo Os aumentativos sintéticos podem ser regulares ou irregulares. Estão corretos os plurais de paisinhos. técnicas sino-luso-afro-brasileiras. mel e totem. gravatas amarelo-abóbora. b) tenentes-coronéis. quintas-feiras.   B. quero-queros. lobisomens. c) abaixos-assinados. gatão etc.). 32.

irregulares ou eruditos Os regulares se formam com o auxílio do sufixo -inho ou da variante -zinho (gatinho. -úsculo. -ÁZIO. -ALHÃO. Ex. portão etc. Diminutivo Os diminutivos sintéticos podem ser regulares. dentuça. copázio. ironia) Diminutivos sintéticos irregulares Águia aguieta aguioto aquilucho Aldeia aldeola aldeota Âncora ancoreta Ângulo angulete Aranha aranhiço Artéria arteríola Árvore arvoreta arbusto Asa aselha * Diminutivos pejorativos .— 134 — → Observação a) Alguns substantivos terminados em ão perderam o seu valor aumentativo. bocarra. cabeçorra. antipatia etc. corvacho). -ARRA.: — Mãezinha! Venha aqui. Astro asteróide Bacia bacineta Baile baileco Baleia baleote baleato Barba barbicha Bastão bastonete Beijo beijote Cabra capréola Caixa caixote caixeta Câmara camarim camarote Caminhão camioneta caminhonete Canudo canudilho canutilho Carro carriola Casa casebre Chácara chacarola Chapéu chapelete chapeleta* Código codicilo Corda cordel Corneta cornetim Corpo corpete Coro coreto Corvo corvacho Cruz cruzeta Diabo diabrete Espada espadim Espiga espigueta Estátua estatueta Farol farolete Fazenda fazendola Fio filete Flauta flautim Forte fortim Frango frangote Galo galispo Guerra guerrilha História historíola historieta Igreja igrejola Ilha ilhota ilhéu Jornal jornaleco* Laje lajota Livro livrete livreco* Lobo lobato Loja lojeca Lugar lugarejo Mala maleta Mastro mastaréu Moça moçoila Núcleo nucléolo Padre padreco* Palácio palacete Parte parcela Pedra pedrisco Perdiz perdigoto Poema poemeto Ponte pontilhão Porta portinhola Porto portilho Povo poviléu Prancha prancheta Quintal quintalejo Rabo rabicho Raiz radicela Ramo ramalhete ramilhete Rapaz rapazola rapazote Rio riacho ribeiro Rua ruela Sala saleta Sino sineta Tambor tamborim Terra terriola Vagão vagonete Vala valeta Vara vareta varela Verão veranico Via viela Vila vilela vileta Sufixos aumentativos -AÇA. -ÃO. -ARÉU. chuvisco. ou então. afeto. -ANZIL. Muitas vezes o diminutivo expressa carinho. os irregulares recebem o acréscimo dos mais variados sufixos (pedrisco. homenzarrão. lobaz. -únculo. ricaço. -ARRÃO. corpanzil. -ORRA. -UÇA: barcaça. ternura. -AZ. desprezo. piedade. caldeirão. AÇO. -ASTRO. carinho) — O João é um professorzinho! (desprezo. ferrão. poetastro. grandalhão. e os sintéticos eruditos se formam com o auxilio dos sufixos -ulo e -culo ou das variantes: -áculo. homenzinho). (ternura. -ículo. adquirindo significado especial. É o caso de cartão. povaréu.

....................... corpúsculo ... florzinha.............................. 12. cavalete ................. álula ........ pedinchão .......................... facalhaz ..... apícula................................................................. -ITO...... -USCO: lobacho................. 18.... fatacaz ........................ 07............................. cintilho ............. bandeirola............. flautim....... -ELA.................... povaréu .............. 03.. régulo ... vagonete...................................... 05.... beiçola ............................................... 02....................... -EBRE....... 11..... boqueirão ..... bocarra ................. -UCHO............................... 16.......... pratarraz ......... 10....... pratinho........................ 18....... lugarejo. -ULA......................... flautim ... corpanzil .. 17........ galispo .................. chuvisco. saiote............... 16................................................ -ISCO... 2) Qual o normal dos seguintes aumentativos? Escreva-os na linha ao lado do respectivo aumentativo: 01................ -OTE..... galera ........... canzarrão ...... montículo..... 11... casebre.... papelucho........ 17......................... -(z)INHO...................... barrilete .... 14.............. 09............................................................................... 08...................................... 05........................... 13.... -ICO.. cabeçalho ................................................................. 03.... barraquim ........... 06......... 04............. -ETO.................. 09............................................... molécula ..........— 135 — Diminutivos eruditos Abelha apícula Asa álula Cadeia catênula Cela célula Corpo corpúsculo Eixo axículo Esfera esférula Feixe fascículo Folha folícula Fração fraciúncula Globo glóbulo Gota gotícula Grão grânulo Habitação habitáculo Homem homúnculo Leão leônculo Nó nódulo Noz núcula Obra opúsculo Orelha aurícula Osso ossículo Ovo óvulo Parte partícula Peixe piscículo Pele película Porção porciúncula Questão questiúncula Raiz radícula Rede retículo (a) Semente semínula Valva válvula Verso versículo 06.............. célula ...... 07..................... cordel .. 20......... 08. flósculo .. fogacho .... balaço ........................................................... 19........ 15................................................... -IM.......... 15........ rapazito........ carantonha ...... velhusco............................................ -CULO... -OLA...... viela.......................................... caliça .............. 10.. capuz ................ -ÚNCULO..................... glóbulo................... Exercícios 1) Qual o normal dos seguintes diminutivos? Escreva-os na linha ao lado do respectivo diminutivo: 01............................ 02.... 04.................. poemeto....................... -ULO.................. glóbulo ................ burrico.. semínula .... livreco..................................................... barracão .......................................... -ETE..... fumaça .. capréola ......... homúnculo...... ............. -EJO... fornalha .......... 14......... 12. galeão ... 13.............................................. febrícula . Sufixos diminutivos -ACHO.....

desprezo.... d) intensidade — afetividade. d) grânulo — grão.. Ela faz hoje cinco aninhos. 2. 3. ironia...” O aumentativo de abraço e o diminutivo de filho denotam...... capricho. capricho. b) carinho..... vem com a mamãe. O livreco que acabara de ler não o convencera. ( ) Fernandinho é um menino serelepe... carinho...... d) raio — radícula. b) elogio. d) forma.. 2..... respectivamente: a) elogio. ironia. 8..... e) n. vagalhão . (FUVEST) Faça a correlação. (FEI-SP) Qual o substantivo no grau normal? a) animalzinho. b) boca — bocarra. (PUC-SP) Ao escrever a um amigo.. (FSJT-SP) Assinale a relação correta na formação do grau: a) prata — pratarraz. c) peixinho.....a. (UFRGS) Observe os seguintes enunciados: 1.d..d. elogio. e) n.. c) aurícula — orelha.. As palavras destacadas expressam. b) copa — copázio.. 7. (FUVEST) Esse doutorzinho não acerta um diagnóstico sequer! O diminutivo de doutor revela: . elogio. desprezo. 6. (ITA-SP) Há erro na correspondência entre o substantivo e seu diminutivo erudito: a) radícula — raiz... “— Filhinho..... b) intensidade. 5.... (MACK-SP) Não há correspondência: a) bico — bicanço. 4. você Ihe envia um “abração”.. 20. desprezo. seu sabidão! ( ) Ele nos serviu um vinhozinho qualquer.. Limpou a casa todinha. 5.. ( ) Pedro sempre se revelou um amigão.. e) forma — forma.. ironia.d..... b) álula — asa.. c) intensidade — forma. desprezo. c) prata — pratázio... ironia..— 136 — 19. ironia. d) capricho. e) moço — mocetão.... Aquele sim é que é um carrão.. c) elogio.. d) prato — pratalhão. carinho. c) ironia......... respectivamente: a) tamanho — tamanho. d) cachorrinho.. desprezo.. c) pele — película. a) tamanho.. 3. Você é «aplicadíssimo»: chega sempre no final da aula. capricho. e) n. capricho.a.a... ( ) Esse povinho não tem muita coragem. ironia.. vozeirão ... observando a conotação da palavra destacada: (1) ironia (3) desprezo (2) carinho (4) elogio ( ) Você é muito bonzinho. 4.. amizade... b) forma — afetividade.. e) desprezo. Testes 1..

(PUC-PR) A(s) alternativa(s) que só apresenta(m) aumentativos: 1.00 8 . chefe. 4) espiã. Exercícios — pág. O pobre burrico puxava o carroção e o poetastro. Questões discursivas — pág. consulesa. (UNAMA) Assinale a(s) alternativa(s) que só contenha(m) diminutivos sintéticos. 111 1-c 2-d 3-c 4-d 5-c 6-a 7-c 8-b 9-a 10 . a intérprete. cavaleiro c) amazona. episcopisa.de ladrões c) acervo . baronesa. medicastro — estatuetas — cruzeiro. intérprete. O livreco trazia historietas sobre namoricos de rapazolas com moçoilas. b. O vagalhão destruiu o lajedo onde a barcaça estava amarrada. 32. a selvagem. narigão — farolete — canzarrão. ônibus. 4. c. 16. hóspede/a. 118 1) a) a b) a c) a d) a e) o f) o/a g) o h) o i) a j) o l) o/a m) a n) o o) o/a p) a q) o r) o s) a t) o u) a v) a x) o y) o z) o 2) cidade-sede de um governo. horteloa. 1 . O canaz intimidava os habitantes da aldeola com sua boquinha. anfitriã/oa c) embaixadora. c. comadre 5) o lança-perfume o/a personagem o anátema a cataplasma o estratagema a bólide a ferrugem a apendicite . homenzarrão — pedregulho — muralha. d) Rezavam o profeta e a profetisa. tabeliã/oa. 3) a) heroína b) dama.d 12. professor.27 13 . a) 1 – 3 – 4 – 2 – 1 – 3 b) 1 – 3 – 4 – 2 – 3 – 1 c) 3 – 1 – 2 – 4 – 3 – 1 d) 1 – 1 – 4 – 2 – 1 – 3 e) 3 – 1 – 2 – 4 – 3 – 1 Para resolver as questões 9 e 10. oficiala. 9. esperto. 6) a. dama. czarina 4) trabalhadora. a pianista. atriz. sóror. aparelho de rádio.b 11. amargura. valentona. alfaiata. molecagem. juíza. ânimo. c) Levantaram-se o réu e a ré. amazona/cavaleira. 2. magreza. parente/a. viscondessa 3) a) abadessa. 16. cruzeiro — palacete — balaço. julgamento.de obras de arte d) gabinete de ministros 9) a) manada b) equipe c) cainçada/caterva d) enxames/colmeias/cortiços. viscondessa.— 137 — ( ) Aquele espertalhão foi preso ontem. mulher trabalhadeira Testes — pág. cliente/a. retenção. 109 1) a) condessa b) czarina c) diaba/boa/bra d) embaixadora/embaixatriz e) canonisa/cônega f) eleitora g) felaína h) abelha i) serventa/a servente. 3) 1) c 2) b 3) c 4) a 5) a 6) b 7) c 8) a 9) c 10) c 11)a 12) a 13) b 14) b 4) ovelha. 8. freira b) grã-fina. 2) b) Declamaram o poeta e a poetisa. matança. monja. estado de espírito. 64. e) Mantinham-se o sacerdote e a sacerdotisa. 2 . juíza. 5) leoa. banqueta — torreão — fortaleza. assinale as alternativas e some seus valores.75 14 . 4 . c 7) meninice. A nevasca atrapalhou o banquete oferecido aos habitantes do lugarejo.de navios de guerra b) quadrilha . Com seu espadim. polivéu — mulherona — cartapácio. 32. covardia. o rapazote cortou o bastonete. atéia b) vice-consulesa. 10. divergência 2) a) monja. O fortim foi invadido por rapazotes com saiotes e moçoilas que agitavam os braços como álulas. parenta/a parente. Respostas da unidade 10 — Substantivos Exercícios — pág. atéia. c. 111 1) agressão. 8) a) frota .

cânones. os dez. paióis. sótãos. 119 1-d 2-c 3-d 4-a 5-d 6-d 7-e 8-c 9-a 10 .c Exercícios — pág. tótenes/ totens. reptis. 5) pára-choques. marani 3) a) a polícia = a organização b) o polícia = o indivíduo. sempre-vivas. Testes — pág.b 2-c 3-b 4-c 5-c 6-d 7-e 8-b 9 . trim-trins. 129 1) peões/ães. juniores.84 10 . hambúrgueres. 7) mestres-de-cerimônia. 136 1. arreia-arreias. uns homens loquazes apregoam balõezinhos de cor. glu-glus. judia. Questões discursivas — pág. corrimãos/ões. assessores.d 11 . o policial 4) 1) o 2) o 3) a 4) o 5) copo-de-leite é flor. os tórax. pega(s)-pegas. amores-perfeitos.40 14 . róis. 4) Nas feiras-livres dos arrabaldezinhos. tenentes-coronéis.b 13 . 6) corre(s)-corres. caracteres. 3) balõezinhos. 130 1-d 2-a 3-b 4-e 5-c 6-d 7-d 8-c 9-b 10 .— 138 — o nauta a faringe o plasma o/a laringe a bílis a omoplata a cal o eclipse o dó (compaixão) a dinamite o champanha o apêndice a chaminé a matinê o ágape o suéter a libido o estigma as cãs o/a xerox a soja a alface 6) a) juíza b) atriz c) autora d) monja e) besta f) javalina g) heroína h) solteirona i) comadre j) dama l) nora m) madre n) elefanta o) presidenta p) sultana q) ladra r) sóror s) czarina t) diaconisa u) oficiala v) pavoa x) poetisa z) viscondessa Questões discursivas — pág. cônsules. hifens ou hífenes. raízes. 8) rês.41 15 .e 13 . obuses. públicas-formas.55 16 .c 12 .61 13) águas-furtadas 14) ferros-de-engomar 15) abelhas-mestras 16) os pára-quedas 17) mata-borrões 18) pores-do-sol 19) ave-marias 20) cavalos-vapor 21) sempre-vivas 22) xeques-mate(s) 23) decretos-leis 24) guarda-vidas 25) reco-recos 26) grãos-de-bico 27) grão-vizires 28) grã-duquesas 29) vice-cônsules 30) chefes-de-seção 31) saias-balão (balões) 32) pára-choques 33) pomboscorreio(s) 34) os arco-íris 35) mapas-múndi 36) joõesninguém 37) auto-rádios 38) auto-escolas 39) salve-rainhas 40) pais-nossos.11 15 . Jupíteres. fósseis. 2) escrivães. pomares. Copo de leite é copo contendo leite.e 12 . arrozes. 130 1) cônsules.b 11 . seniores.31 14 . pierrete. Testes — pág. hebréia. os lápis. 119 1) a) o b) o c) a d) a e) o 2) capioa. 135 1) 1) asa 2) cabra 3) barraca 4) barril 5) cal 6) capa 7) semente 8) cavalo 9) cinto 10) corda 11) corpo 12) febre 13) flauta 14) fogo 15) galo 16) globo 17) rei 18) flor 19) cela 20) mole 2) 1) bala 2) cara 3) barraca 4) boca 5) boca 6) cabeça 7) cão 8) corpo 9) fatia 10) faca 11) forno 12) fumo 13) galé 14) galé 15) pedinte 16) povo 17) prato 18) beiço 19) vaga 20) voz Testes — pág. germens/gérmenes. esmeris. estupidezes. Geografias. corcéis.1 Exercícios — pág. guardiões/ães. 2) 1) obras-primas 2) arrozes-doces 3) frutas-pão (pães) 4) os bota-fora 5) amores-perfeitos 6) os guardacostas 7) males-de-fígado 8) tique-taques 9) guarda-comidas 10) guarda-pós 11) guarda-sóis 12) guardas-civis . órgãos.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful