IADE – Instituto de Artes Visuais, Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof.

António Silveira Pereira

E-mail Marketing

Trabalho elaborado por: Diogo Alves, Frederico Queiroz, Luís Correia, Maria Menezes, Nº Nº Nº Nº 20100522, 20100565, 20100463, 20100157, 1 3º 3º 3º 3º A2 A2 A2 A2

pág. 3 pág. 12 pág. pág. 13 pág.IADE – Instituto de Artes Visuais. 8 2 . pág. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. 4 pág. 9 Vantagens e Desvantagens do E-mail Marketing 10 Regras do E-mail Marketing 11 Conclusão Bibliografia pág. António Silveira Pereira Índice Introdução E-mail Marketing História Os 4 P’s do E-mail Marketing 6/7 Campanha de E-mail Marketing Gestão de Relação com o Cliente (CRM) pág. 5 pág.

e. Pode ajudar a reter clientes. António Silveira Pereira Introdução Elaboramos um trabalho para explicar a importância do e-mail marketing. assim como fazer crescer um negócio. O correio electrónico é mais rápido e mais económico que o correio impresso. preencher vagas. oferece um melhor retorno do investimento. segundo alguns estudos. incrementar vendas.IADE – Instituto de Artes Visuais. aumentar a visibilidade de uma marca. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. O e-mail tornou-se uma parte crítica do plano de marketing e comunicação de qualquer empresa. 3 . uma das ferramentas de marketing directo. manter colaboradores informados.

António Silveira Pereira E-mail Marketing Ao contrário do que muita gente pensa. notícias. pois isso são apenas as práticas que são executadas no âmbito da implementação de uma estratégia de e-mail marketing. confirmação de presença assim como agradecimentos de participação. por exemplo. proximidade. No fundo. Esta ferramenta. e-mail marketing não se trata meramente do envio de e-mails para uma lista de endereços de e-mail. crescimento e evolução de um site. o marketing por e-mail pode ser aplicado para a distribuição de convites. aumento do conhecimento. reputação. Nas ferramentas mais modernas de e-mail marketing é possível acompanhar o resultado das campanhas em tempo real e ter dados que podem ser usados para aperfeiçoar a campanha. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. artigos e comunicados internos. O e-mail marketing pode ser usado na oferta de produtos e serviços. na promoção de itens adicionais e de interesse específico. para nos permitir aplicar uma série de técnicas que. mas sim na relação que temos com os nossos contactos. por sua vez. que de outra forma seriam muito mais difíceis de atingir. bem como em campanhas de fidelização. alargam o nosso campo de acção e nos permitem concretizar uma série de objectivos.IADE – Instituto de Artes Visuais. blog ou negócio online. pesquisas de satisfação. temos que considerar o e-mail marketing como ingrediente obrigatório. Na organização de eventos. 4 . a ideia de que o aumento do volume de vendas não passa apenas por ter grandes listas de e-mails. Na realidade. cartões comemorativos e de aniversário. criação de imagem e bidireccionalidade da comunicação. Quando pensamos em termos de promoção. É também utilizado para envio de informativos periódicos. e-mail marketing está relacionado com aspectos tão importantes como a criação de relações. credibilidade. não apenas permite enviar mensagens direcionadas regularmente. mas também permite receber respostas rápidas e alcançar resultados imediatos.

em 1965 (anos 60). já que este é introduzido no MIT. as cartas. o HTML é introduzido no email possibilitando desta forma a formatação mais elaborada dos mesmos. Nos anos 90. o Facebook. no ano de 1977. Nos início dos anos 80. nos EUA. No mesmo ano. Ray Tomlinson envia o o primeiro e-mail via rede ARPANET. no ano de 2004. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. mais conhecido como Hotmail. Sendo que em 1971 (anos 70).IADE – Instituto de Artes Visuais. António Silveira Pereira História A evolução do E-mail Marketing tem sido imensa desde o seu início. surge um dos primeiros provedores web-based grátis. No final dos anos 90. No ano seguinte. Mais recentemente. Seis anos depois. Em 2006. 5 . Três anos depois. aparece o primeiro telemóvel com recursos para visualização de e-mails. um formato padrão (RFC 733) é proposto para o envio de e-mails através da Internet. a expressão “E-mail” começa a ser vulgarmente usada e sucessivamente é introduzido o SMTP (Simple Mail Transfer Protocol). outro muito conhecido provedor web-based grátis. é lançado o Gmail. Em 1993. é lançada uma das maiores redes sociais até então. o serviço de Correios americano começa a ver o e-mail como uma possível ameaça ao seu volume de serviço. é feita uma regulamentação relativa ao SPAM. é a década em que se inicia o SPAM.

forma de pagamento. já que deve aproveitar as características deste meio. promoção. é natural que haja uma adequação da mensagem. a mensagem só é enviada para aqueles que expressem. Esta também deve evitar palavras indicativas de SPAM. local de venda. desta forma deve também ter uma mensagem personalizada (como personalização com imagem. Trata-se assim de uma mensagem instigante. fotos de produtos relacionados à ultima compra do cliente. a pertinência. o que garante a pertinência é a qualidade das suas listas de contacto. isto é. António Silveira Pereira Os 4 P’s do E-mail Marketing Não esquecendo os 4 P’s do marketing tradicional (produto. Sendo este composto pela proposta. Desta forma. por mais baratas que estas sejam. mas não sendo igual claro. Condições como preço. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. sem um perfil confiável e credível. assim como um layout atraente e persuasivo e respectivo objectivo. Devem ser feitas sempre campanhas opt-in. já que o e-mail marketing. para a implementação de uma campanha de email marketing devemos adicionar a estes os 4 P’s do e-mail marketing. isto é. assim como tudo no marketing directo. só dá resultado quando é focado no respectivo público-alvo. esta trata nomeadamente da oferta ao mercado. Como manda o conceito de comunicação integrada de marketing. Proposta Quanto à proposta. Também não se deve utilizar listas de e-mails inexistentes e sem segmentação. Para uma segmentação base. tendo então um conteúdo que vá além do aspecto comercial. preço. distribuição e promoção). Pertinência O produto ou serviço comunicado deve ser relevante para o público (receptor). e-mail com áudio). a permissão e a permanência. prévia e 6 . deve estar em harmonia com as outras acções de promoção realizadas pela empresa (cross media). é a síntese do que a empresa está a oferecer no e-mail. entre outros.IADE – Instituto de Artes Visuais. A compreensão da proposta de cada peça de e-mail marketing depende da sua composição visual. isto é.

o seu consentimento. já que com esta lista poderão criar uma base de dados para potenciais novos clientes. António Silveira Pereira explicitamente. o cliente acaba por se sentir valorizado por receber um contacto da empresa. poderá obter uma maior quota de clientes com base nas relações contínuas e consequente valor daí obtido (Life Time Value). o e-mail é media e desta forma. É preferível ter uma abordagem personalizada e interactiva em vez de uma abordagem tradicional de massas. Outro ponto forte é a captura de e-mail dos clientes e prospects nas lojas físicas.IADE – Instituto de Artes Visuais. mas com a proposta já renovada. sendo absoluto o respeito à opção do descadastro. isto é. Permanência Relativamente a esta. É também necessária uma ligação forte com o seu target. é necessária uma periodicidade da acção de e-mail. Com isto. ou seja. cada novo e-mail precisa sempre trazer algo diferente. Haverá também um follow-up por amostra. 7 . no caso de um número expressivo de clientes opt-out. O facto de serem feitas acções cruzadas com outras empresas com quem o seu target também se relaciona é outro ponto importante relativamente à pertinência. assim como perceberão também o que não funciona na comunicação via email. os e-mails pertinentes e com alguma frequência acabam por fazer com que o impulso de compra do cliente passe mesmo à acção de compra. Para isto. Isto também acaba por ser uma oportunidade para as empresas. mais ainda quando o e-mail tem conteúdo que vai bem mais além que o aspecto comercial (pertinência). precisa de frequência/repetição para entrar na mente dos consumidores. que é o que todas as empresas pretendem. podendo assim mudar a sua opinião. Assim sendo. o direito de tirar o registo do meu e-mail da mailing list. é obrigatório ceder o link de descadastro (opt-out). Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. e onde também poderão perceber quais os níveis de insatisfação dos clientes e os seus motivos. Desta forma. Permissão Quanto a esta.

8 .Procurar utilizar sempre atributo HTML ALT para as imagens.oseusite. armazenadas na sua hospedagem. e assim sendo. a ideia criativa em si. Fases do processo 1. Estilo CSS: Cuidado ao utilizar estilos. É necessário haver uma comunicação integrada. Exemplo: http://www. Colocar sempre imagens em link absoluto. o título.jpg . será adaptada a criação para as possibilidades técnicas do meio em si (como produção gráfica.Nunca enviar imagens em anexo. Implementação – Como a própria palavra indica. Briefing – Trata-se do 1º P (Proposta). o prazo do investimento e respectivas orientações para a criação da campanha. Criação – Trata-se da concepção visual da peça. Uso de Imagens: . trata-se da implementação da campanha. 3. 2. 4. pois disponibiliza mais possibilidade de vendas. textos e imagens pretendidos. uma boa paginação.pt/imagens/novidades. entre as tags “<body>” e “</body>”. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. isto é. Produção – Nesta. produção fotográfica e produção audiovisual). Programas de e-mail como o Hotmail ou Gmail vao suprimir partes do seu código. e onde se menciona um problema de comunicação que precisa ser resolvido. ou seja. António Silveira Pereira Campanha de E-mail Marketing Trata-se do conjunto de acções e peças de e-mail marketing que serão desenvolvidas. colocando-os in line. já que só existe uma forma segura de utilizá-los.IADE – Instituto de Artes Visuais.

9 . sendo desenhado para perceber e antecipar as necessidades dos clientes actuais e potenciais. Devem testar e aperfeiçoar continuamente as suas campanhas. essas ferramentas compreendem sistemas informatizados e fundamentalmente uma mudança de atitude corporativa. Esta gestão. É assim um sistema integrado de gestão com foco no cliente. uma estratégia de negócio. as empresas conseguem ter uma relação mais prologanda com os seus clientes. informações sobre as suas actividades e interacções com a empresa. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. António Silveira Pereira 5. Na nossa opinião. foi criada para definir toda uma classe de ferramentas que automatizam as funções de contacto com o cliente. É. Os softwares que auxiliam e apoiam esta gestão são normalmente denominados sistemas de CRM.IADE – Instituto de Artes Visuais. de forma a gerar campanhas cada vez melhores. aplicando as regras do marketing de permissão. devem optar pelo Marketing Relacional (CRM). Desta forma. que posteriormente se consubstancia em soluções tecnológicas. as empresas devem investir mais no conhecimento individual de cada consumidor em vez do conhecimento do mercado. de forma a procurar supri-las da melhor forma. Por outras palavras. constituído por um conjunto de procedimentos organizados e integrados num modelo de gestão de negócios. Gestão de Relação com o Cliente (CRM) Trata-se de uma abordagem que coloca o cliente no centro dos processos do negócio. que têm como objectivo ajudar as empresas a criar e manter um bom relacionamento com os seus clientes de forma a armazenar e inter-relacionar de forma inteligente. Controlo – Analisar o retorno gerado através de relatórios e análises gráficas. sem dúvida.

uma maior proximidade e um maior conhecimento dos nossos públicos. personalizar e mensurar os retornos com muita facilidade e precisão. também é uma acção de marketing tentadora para qualquer empresa. E é justamente por essa atitude de profissionais despreparados que o SPAM ganha força. textos e links. podendo assim dar o passo seguinte exactamente de acordo com o interesse do seu target. tais como o estabelecimento de relações interpessoais. E esses profissionais não fariam e-mail marketing desesperadamente se. 30% das empresas tiveram uma melhor imagem de um fornecedor através do e-mail marketing que receberam (criação de imagem e reputação). Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. há a possibilidade de saber quem leu. António Silveira Pereira Vantagens do E-mail Marketing O e-mail marketing é uma das melhores estratégias de relacionamento existentes actualmente: permite segmentar. fornecedores e parceiros. Desvantagens do E-mail Marketing Aliado ao seu baixo custo. Com isto. Contudo. ao fazer e-mail marketing dessa 10 . Tem também outro tipo de vantagens já anteriormente referidas. É um dos maiores responsáveis pelo branding das marcas: segundo pesquisa da Bredin Business Information (2007).IADE – Instituto de Artes Visuais. de certa forma. não desse resultado. esta ferramente permite às empresas valorizar e apresentar objectivamente os seus produtos e serviços. pois pode conseguir retorno imediato. optimizando assim a comunicação e o seu potencial na criação de relacionamento com clientes. Permite também explorar diferentes interesses do público por produtos/serviços através de imagens. quando leu e onde clicou. uma válvula de escape para alcançar as metas mensais. já que com software especializado.

IADE – Instituto de Artes Visuais. o mercado acaba por criar uma leque de contactos que não desejam mais receber os seus e-mails (por não fazerem parte do perfil ou não estarem em seu momento de compra). António Silveira Pereira forma. 11 . Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof.

esta tem algumas regras de ouro que também são importantes de referir. • Seja consistente com a “Frequência do Envio” Escolha um horário e data. • Familiaridade incentiva a abrir Faça o “From Name” para as mensagens ou o nome da sua empresa ou o seu próprio nome ou ainda de uma pessoa na sua empresa. António Silveira Pereira Regras do E-mail Marketing Como em todas as ferramentas de marketing. É melhor evitar o envio “Business to Business” de e-mails depois de 4:00 ou nos fins de semana. deve mantê-lo coerente. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. para cumprir quantas vezes puder. • • • Somente enviar conteúdo relevante para o destinatário Apenas enviar e-mails a pessoas que tenham solicitado recebê-los Devem ser realizados sempre pela mesma conta de e-mail. Depois de escolher um “From Name”. As melhores alturas do dia para enviar são apenas após o início do dia ou pouco depois do almoço. pois muitos sistemas hoje contam com autenticação de contas (ou filtros 12 . Incluir apenas conteúdo relevante. Se é semanal.IADE – Instituto de Artes Visuais. • A hora de envio é a chave para comunicações “Business to Business” Na maioria dos casos. os clientes virão para esperar a sua comunicação. Desta forma. mensal. • Incluir texto simples e e-mails HTML Certifique-se de incluir tanto uma versão HTML e um texto simples. tais como: • Evitar excessos de pontuação ou capitalização Já que fazendo isto irá accionar filtros de SPAM. é melhor negócio para as empresas enviar emails de terça até quinta-feira. O iContact irá automaticamente detectar onde os assinantes podem ver a mensagem HTML e quem só pode ver a mensagem de texto simples.

IADE – Instituto de Artes Visuais. António Silveira Pereira anti-spam) que exigem inserção de dados por seres humanos para garantir a credibilidade da mensagem 13 . Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof.

podemos concluir que E-mail Marketing não se resume apenas ao envio de e-mails para uma lista de clientes. em que se pode fazer isto tudo e muito mais. prospectos ou assinantes. Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof. Nem tão pouco a promover produtos ou serviços em troca de uma comissão. 14 . poder colher mais frutos desse investimento. mas em que se deve ter sempre presente o seu verdadeiro poder – disponibilizar valor real para os seus destinatários e criar relações – para mais tarde. O Email Marketing trata-se da utilização do e-mail. como canal privilegiado de comunicação. António Silveira Pereira Conclusão Com isto.IADE – Instituto de Artes Visuais.

com: Ganhando dinheiro no e-Commerce Business-to-business” (17h15 – 15/11/12) Livro “A Cauda Longa: Do mercado de massa para o mercado de nicho” (18h00 – 15/11/12) Livro “Aumente suas vendas com e-Commerce” (12h20 .13/11/12) “Blog do E-Commerce” .html (15h15 . Design e Marketing Marketing On-line e Comunicação Interactiva | Prof.org/wiki/Customer_relationship_management (16h15 13/11/12) 15 .blogdoecommerce.com.http://diaadiaemti.17/11/12) Netgrafia “Dia a Dia em Ti” .pt/2012/07/evolucao-doemail-antigo-e-mail.14/11/12) Livro “B2B. António Silveira Pereira Bibliografia Livro “Como criar o seu negócio online” (19h25 .wikipedia.org/wiki/E-mail_marketing (16h10 13/11/12) “Wikipédia” http://pt.IADE – Instituto de Artes Visuais.blogspot.http://pt.http://www.br/o-que-eemail-marketing/ (15h40 – 13/11/12) “Wikipédia” .16/11/12) Livro “Web Marketing e Comunicação Digital” (13h15 .wikipedia.