Você está na página 1de 2

15/08/2016

Larry Hartsell em Jeet Kune Do, Grappling e abertura de espírito (Parte 1) ­ ­ Black Belt

História e as imagens por Robert W. Young ­ 21 de fevereiro de 2013

15/08/2016 Larry Hartsell em Jeet Kune Do, Grappling e abertura de espírito (Parte 1) ­ ­Hartsell com dois conceitos de combate ultra‐eficaz: de luta e . Jeet kune do sistema de Bruce Lee vai sempre e star na vanguarda da marcial popularidade artes, e agora que os proponentes de jiu‐jitsu brasileiro têm‐se centrado no mundo atenção sobre a eficácia da luta de chão, de luta está em voga. Isto, naturalmente, leva‐nos a Larry Hartsell ‐ um especialista em ambas as formas de luta ‐ como ele torce Black Belt em um nó e nos sufoca em sua apresentação. À mercê de seu bloqueio cotovelo e perfurador do gancho, trazemos‐lhe a seguinte entrevista. Você poderia começar por discutir o plano de fundo de artes marciais? Minha primeira arte marcial, em 1958 ou 1959, foi judô . Ao mesmo tempo, eu era um lutador de ensino médio na classe dos meio‐pesados. Eu tinha uma bolsa de futebol e foi para Wingate Junior College e se envolveu em soo da espiga faz quando eu conheci um estudante de câmbio coreano. Depois disso, [a faculdade] caiu o programa de futebol, e fiquei entusiasmado com os únicos livros de artes marciais que tinham em 1960: livros de Masutatsu Oyama [de kyokushin karate], Ed Parker de kenpo karate e Hidetaka Nishiyama [de shotokan karate ]. Interessei‐me, então me mudei para a Califórnia, onde eu comecei shotokan na Universidade da Califórnia em Los Angeles com Nishiyama. Mais tarde, eu andava por Ed Parker Kenpo escola de karatê em Santa Monica Boulevard e olhou para dentro. Dan Inosanto estava ensinando a classe kenpo. Eu disse: "Isto é o que eu quero." Eu me tornei um estudante de Dan e Ed. Conheci Bruce Lee em 1964 em apenas de Ed Parker antes de me convocado para o Exército. Eu estava em casa de licença mais tarde, em 1964, antes de eu ir para o Vietnã, e foi quando eu realmente vim a saber Bruce. Nós nos tornamos amigos, e depois que eu saí do Exército, eu voltei e estudou com ele. De 1967 a 1970, eu estudei com Bruce e Dan e ensinou na Ed Parker. Quando você foi para Ed Parker, você teve que deixar cair coisas que você aprendeu com Bruce Lee? Sim, eu fiz porque Bruce tinha adotado boxe então. Ele [mista] com wing chun kung fu.Além disso, não foram técnicas de luta que ele pegou de Gene LeBell e algumas coisas de pequeno círculo de Wally Jay jujitsu, que adicionados ao jeet kune do. Faça o download deste Guia gratuito pequeno‐circle jujitsu de Wally Jay! Pontos pressão humana: 3 Técnicas Jujitsu por pequeno‐Circle Jujitsu Fundador Wally Jay Que interesse tinha Bruce Lee tem em lidar? Antes de sua morte, ele tinha adicionado 33 a braços move para o jeet kune do conceito. Levantou os de Gene LeBell e Wally Jay? Wally Jay , Gene LeBell e Hayward Nishioka . E ele tinha algum queixo‐na e silat. Ele iria misturar as artes. Ele entraria para captura e levar para baixo em uma submissão.Se você ler Tao do Jeet Kune Do, você vai ver aquelas lutando [técnicas]. http://www.blackbeltmag.com/daily/traditional­martial­arts­training/jeet­kune­do/larry­hartsell­on­jeet­kune­do­grappling­and­open­mindedness­part­1/ 1/2 " id="pdf-obj-0-10" src="pdf-obj-0-10.jpg">

Durante anos, os artistas marciais têm associado Larry Hartsell com dois conceitos de combate ultra‐eficaz: de luta e . Jeet kune do sistema de Bruce Lee vai sempre estar na vanguarda da marcial popularidade artes, e agora que os proponentes de jiu‐jitsu brasileiro têm‐se centrado no mundo atenção sobre a eficácia da luta de chão, de luta está em voga. Isto, naturalmente, leva‐nos a Larry Hartsell ‐ um especialista em ambas as formas de luta ‐ como ele torce Black Belt em um nó e nos sufoca em sua apresentação. À mercê de seu bloqueio cotovelo e perfurador do gancho, trazemos‐lhe a seguinte entrevista.

Você poderia começar por discutir o plano de fundo de artes marciais?

Minha primeira arte marcial, em 1958 ou 1959, foi judô . Ao mesmo tempo, eu era um lutador de ensino médio na classe dos meio‐pesados. Eu tinha uma bolsa de futebol e foi para Wingate Junior College e se envolveu em soo da espiga faz quando eu conheci um estudante de câmbio coreano. Depois disso, [a faculdade] caiu o programa de futebol, e fiquei entusiasmado com os únicos livros de artes marciais que tinham em 1960: livros de Masutatsu Oyama [de kyokushin karate], Ed Parker de kenpo karate e Hidetaka Nishiyama [de shotokan karate ]. Interessei‐me, então me mudei para a Califórnia, onde eu comecei shotokan na Universidade da Califórnia em Los Angeles com Nishiyama.

Mais tarde, eu andava por Ed Parker Kenpo escola de karatê em Santa Monica Boulevard e olhou para dentro. Dan Inosanto estava ensinando a classe kenpo. Eu disse: "Isto é o que eu quero." Eu me tornei um estudante de Dan e Ed. Conheci Bruce Lee em 1964 em apenas de Ed Parker antes de me convocado para o Exército. Eu estava em casa de licença mais tarde, em 1964, antes de eu ir para o Vietnã, e foi quando eu realmente vim a saber Bruce. Nós nos tornamos amigos, e depois que eu saí do Exército, eu voltei e estudou com ele. De 1967 a 1970, eu estudei com Bruce e Dan e ensinou na Ed Parker.

Quando você foi para Ed Parker, você teve que deixar cair coisas que você aprendeu com Bruce Lee?

Sim, eu fiz porque Bruce tinha adotado boxe então. Ele [mista] com wing chun kung fu.Além disso, não foram técnicas de luta que ele pegou de Gene LeBell e algumas coisas de pequeno círculo de Wally Jay jujitsu, que adicionados ao jeet kune do.

Que interesse tinha Bruce Lee tem em lidar?

Antes de sua morte, ele tinha adicionado 33 a braços move para o jeet kune do conceito.

Levantou os de Gene LeBell e Wally Jay?

Wally Jay , Gene LeBell e Hayward Nishioka . E ele tinha algum queixo‐na e silat. Ele iria misturar as artes. Ele entraria para captura e levar para baixo em uma submissão.Se você ler Tao do Jeet Kune Do, você vai ver aquelas lutando [técnicas].

15/08/2016

Larry Hartsell em Jeet Kune Do, Grappling e abertura de espírito (Parte 1) ­ ­ Black Belt

Como bem Jeet Kune faz princípios aplicam‐se a braços?

Eu acho que o ataque‐a‐desenho princípio, quando você definir deliberadamente uma abertura para o cara entrar para que possa combater, [se aplica bem]. Você pode deixar uma abertura para um chute lateral, então capturar a perna e ir para uma queda. Além disso, você pode usar o ataque indireto progressivo ‐ fingindo o ataque para entrar em uma queda‐única perna e uma submissão de Aquiles‐lock ou alguma outra técnica.

Assim, em sua maior parte, Jeet Kune fazem princípios funcionam bem para entrar e ir para o chão, depois do que pura de luta assume?

Sim, essa é uma maneira. Qualquer faixa pode ser fechado rapidamente. Em chutando gama, você pode capturar o chute. Na gama de boxe, você pode armar‐wrap e levá‐lo para baixo. Qualquer faixa pode ser fechada, e você pode estar no terreno muito rapidamente. Eu tive pessoas em seminários dizer: "Eu iria apenas ficar de fora e chutar." Mas suponha que você está em uma superfície escorregadia; como você está indo para chutar? Suponha que você chutar e escorregar, eo cara é em cima de você.Você tem que aprender a lidar com a braços gama. Às vezes você não pode ditar o seu próprio ambiente; você estiver em luta gama se você quer ser ou não.

É a melhor maneira de lidar com o fator ambiental para estudar uma variedade de artes?

Eu acho que sim. Você deve ser experimentado em todas as faixas. Como você está indo para combater eficazmente um boxeador que é um bom lutador dentro a menos que você experimentar esse intervalo? Eu acredito que uma mistura é o melhor.

Para os iniciantes, o que os estilos que você recomenda para misturar?

Para armas variar, eu recomendo as artes marciais filipinas porque [eles vêm de] uma cultura faca. Para a braços gama, shootwrestling ou brasileiro jiu‐jitsu. Para escala de perfuração, gostaria de encontrar um bom boxe ou kickboxing ginásio. Na medida do condicionamento geral, boxe tailandês é rei. Ele também tem bom de luta em pé ‐ conexões, que usam joelhos e cotovelos.

oficial Bruce Lee .
oficial Bruce Lee .