Você está na página 1de 28

2o SIMULADO SAS FUVEST

Conhecimentos Gerais (24/09/2016)

000
000/000

ASSINATURA DO CANDIDATO:__________________________________________________________

2o Simulado

PROVA DE CONHECIMENTOS GERAIS


24/09/2016

Instruções

1. Só abra este caderno quando o fiscal 5. Preencha a folha óptica de respostas com
autorizar. cuidado, pois, em caso de rasura, ela não
poderá ser substituída, e o uso de corretivo
2. Este caderno compõe-se de 90 questões não será permitido.
objetivas que versam sobre disciplinas do
núcleo comum obrigatório do Ensino Médio.
6. Duração da prova: 5 horas. O candidato deve
3. Em cada teste, há 5 alternativas, sendo controlar o tempo disponível. Não haverá
correta apenas uma. tempo adicional para transcrição de gabarito
para a folha óptica de respostas.
4. Assinale a alternativa que você considera
correta, preenchendo o círculo correspondente 7. Durante a prova, são vedadas a comunicação
na folha óptica de respostas, utilizando entre candidatos e a utilização de qualquer
necessariamente caneta esferográfica com material de consulta, eletrônico ou impresso,
tinta azul ou preta. Exemplo: e de aparelhos de telecomunicação.

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 1 10/08/2016 18:05:48


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

01 04

Considere a seguinte sucessão definida por b1 = a, em que


O produto dos n primeiros termos da sequência
1
( 11
10 , 11
102 , 11
)
103 , ... , 11 10n é igual a um milhão.
a > 0, e bn + 1 = −
1 + bn
, para n = 1, 2, 3...

Para qual dos seguintes valores de n se cumpre bn = a?


O termo central da sequência apresentada é
a) 14
a) 11
106 . b) 15
11
c) 16
b) 108 .
d) 17
c) 11
1010 . e) 18

05
d) 11
1012 .
Um número é capicua ou palíndromo quando a
11
e) 1014 . sequência de algarismos permanece a mesma se
lida da esquerda para a direita ou da direita para a
02 esquerda, por exemplo, o número 1 324 231.
Existem quantas capicuas maiores do que cem e menores
Uma determinada tarefa pode ser realizada por Artur e do que cem mil?
Beto em 70 dias, por Artur e Carlos em 84 dias e por Beto a) 10 098
e Carlos em 140 dias. b) 1 089
c) 1 080
Em quantos dias Carlos faria sozinho toda a tarefa?
d) 990
a) 420 e) 900
b) 315
06
c) 210
Considere o sistema a seguir.
d) 195
x ⋅ (x + y + z) = 26
e) 105 
y ⋅ (x + y + z) = 27
z ⋅ (x + y + z) = 28
03 

Quantos triângulos retângulos de lados inteiros existem Quantas ternas (x, y, z) de números reais satisfazem o
sistema apresentado?
tais que um de seus catetos mede 167 cm?
a) Uma.
a) Um.
b) Duas.
b) Dois. c) Três.
c) Três. d) Quatro.
d) Quatro. e) Cinco.
e) Cinco.

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 2 10/08/2016 18:05:54


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

07 09
0 1 0 Tem-se uma reta r que tangencia a circunferência
Considere a matriz A =  0 0 1 . Então, a matriz A2016 é: x2 + y2 – 6x – 8y + 16 = 0. Sabendo que a origem do sistema
  de eixos cartesianos, o centro da circunferência e o ponto
0 0 0
  de tangência são colineares, a distância da origem ao
 1 0 0  ponto de tangência é
 
a)  0 1 0  a) 2 ou 8.
0 0 1 b) 2 ou 6.
 
c) 4 ou 10.
0 1 0 d) 6 ou 8.
  e) 8 ou 10.
b)  0 0 1 
0 0 0
 
10
0 0 1 Uma instituição de Ensino Superior fará a seleção de cinco
 
c)  0 0 0  professores de Cálculo entre dez candidatos.
0 0 0 Por terem a mesma capacitação, todos os candidatos
 
possuem as mesmas chances de serem selecionados, e a
0 0 0 escolha ocorrerá de forma arbitrária.
 
d)  0 0 0  Admitindo-se que existem quatro candidatas mulheres, a
0 0 0
  probabilidade de que todos os professores selecionados
sejam homens é igual a
1 1 1
1
e)  0 0 0  a) .
  42
0 0 0
  1
b) .
7
08
r ⋅ sen α = 2 015 c) 1 .
O conjunto das soluções (r, α) do sistema  , 6
r ⋅ (1 + cos α) = r 1
em que r é negativo e ∈ α [0, 2π], é d) .
2
5
 π  3π   e) .
a)  −2 015,  ,  −2 015,  . 6
 2  2 
b) {(–2 015, 0), (–2 015, 2π)}.

c) {(–2 015, π)}.


 π 
d)  −2 015,  .
 2 

 3π 
e)  −2 015,  .
 2 

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 3 10/08/2016 18:06:05


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

11 13

Uma reação de titulação foi realizada para determinar a Um éter pode ser obtido por meio da seguinte reação de
fórmula molecular de um ácido carboxílico. O experimento adição catalisada em meio ácido (H+):
foi realizado conforme as etapas a seguir:
ƒƒ Etapa 1: 0,074 g do ácido carboxílico foi dissolvido em
100 mL de água destilada;
ƒƒ Etapa 2: foram adicionadas 20 gotas de uma solução
alcoólica de fenolftaleína 1% m/v; O éter metilterciobutílico (MTBE) é um antidetonante
ƒƒ Etapa 3: foram gastos 100 mL de solução 0,005 mol/L adicionado à gasolina com o objetivo de aumentar a
de hidróxido de cálcio até o ponto de mudança de cor octanagem do combustível e melhorar o funcionamento
do indicador. do motor veicular. O alceno e o álcool utilizados na síntese
Com base nos dados do experimento, a fórmula molecular do MTBE são, respectivamente,
do ácido em análise é a) propeno e etanol.
a) C2H4O2. b) but-2-eno e metanol.
b) C3H6O2. c) eteno e propano-1-ol.
c) C4H8O2. d) dimetilpropeno e etanol.
e) metilpropeno e metanol.
d) C5H10O2.
e) C6H12O2.
14

Note e adote: O ARLA 32 (Agente Redutor Líquido Automotivo) é um


Massas molares (g/mol): H = 1; C = 12; O = 16. reagente químico à base de ureia de alta pureza, projetado
especificamente para uso em sistemas SCR (Redução
Catalítica Seletiva) para reduzir as emissões de NOx. Ele
12 é incolor, estável e não inflamável. As matérias-primas
Até meados do século XX, as separações analíticas eram, utilizadas para produzir o ARLA 32 incluem gás natural,
em grande parte, realizadas usando métodos clássicos carvão ou outros produtos derivados do petróleo. O ARLA
como a precipitação, a destilação e a extração. Nos 32 (densidade de 1,1 g/cm3) é preparado combinando-se
dias atuais, técnicas como cromatografia e eletroforese ureia de alta pureza com água deionizada para criar uma
solução a 32,5% m/m. Estudos indicam que o consumo
são utilizadas para separar amostras complexas e que
do ARLA 32 será de aproximadamente 5% do consumo do
contenham muitos componentes.
combustível dependendo da operação do veículo, regime
Com o objetivo de separar uma mistura de pigmentos, um de trabalho, aspectos geográficos, capacidade de carga
aluno montou, como representado a seguir, um sistema etc. Nessa condição, para cada 50 litros de combustível
de cromatografia em coluna, no qual foram usados uma diesel (densidade de 0,85 g/cm3) queimado, o usuário
coluna de silanol (Si—OH), como fase estacionária, e utilizará 2,5 litros de ARLA 32.
hexano, como fase móvel. Qual a quantidade de ureia consumida, em mol, quando
Hexano são utilizados 1 200 L de óleo diesel?
a) 357,50
b) 339,62
Mistura de c) 325,00
pigmentos d) 295,45
Pigmentos
separados e) 276,25
t1 t2
Si—OH Note e adote:
Massa molar da ureia: 60 g/mol.

A separação dos componentes da mistura deve-se à


diferença de
a) cor entre os pigmentos.
b) densidade entre os pigmentos.
c) massa molecular entre os pigmentos.
d) reatividade entre os pigmentos pela fase móvel.
e) afinidade entre os pigmentos pela fase estacionária.

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 4 10/08/2016 18:06:05


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

15 17

O biogás, um combustível alternativo obtido pela Em 2015, a porcentagem de etanol na gasolina comercial
decomposição da matéria orgânica na ausência do subiu de 25% para 27%. Algumas informações importantes
oxigênio, é uma mistura formada por, aproximadamente, sobre as principais substâncias que constituem esses dois
65% de CH4, 30% de CO2 e 5% de uma mistura de H2S, H2 combustíveis são apresentadas no quadro a seguir.
e traços de outros gases. Para melhorar o rendimento
do biogás e diminuir a poluição provocada por sua Fórmula Massa molar ∆Hoc Densidade
Combustível
molecular (g ∙ mol –1) (kJ ∙ mol –1) (g ∙ mL–1)
queima, é necessário remover o H2S. Isso pode ser feito,
convenientemente, utilizando o método alcanolamina, no Etanol C2H6O 46 –1 380 0,8

qual uma amina atua na remoção do gás sulfídrico. Gasolina C8H18 114 –5 700 0,7

Sabendo que, quanto maior o caráter básico das aminas, Qual a perda energética, por litro de gasolina, com a nova
melhor a eficácia do processo, qual das aminas a seguir composição em relação à anterior?
apresentaria o melhor desempenho? a) 700 kJ
a) b) 480 kJ
c) 400 kJ
d) 220 kJ
e) 200 kJ
b)
18
Em depósitos subterrâneos, a água pode entrar em
c) contato com certos materiais, como o calcário (CaCO3) ou
a dolomita (CaMg(CO3)2). Dessa forma, passa a existir em
sua composição uma quantidade excessiva de íons Ca2+ e
d)
Mg2+, sendo classificada como água dura.
Quando em contato com sabão, a água dura não faz
espuma, pois os íons Ca2+ e Mg2+ reagem com o sabão e
e) formam um precipitado. Para não comprometer a ação do
sabão, os fabricantes adicionam fosfato (PO43–) ao sabão,
já que este apresenta uma grande afinidade pelos íons
Ca2+ e Mg2+.
16 Com relação às reações descritas no texto, é possível
Em um laboratório, três frascos com soluções incolores afirmar que, sob as mesmas condições, a constante de
estão sem os devidos rótulos. Ao lado deles, estão os equilíbrio da reação do sabão com o Ca2+ é
três rótulos com as seguintes identificações: solução de a) igual à da reação do PO43– com o Ca2+.
cloreto de sódio; nitrato de prata; hidróxido de potássio. b) menor que a da reação do PO43– com o Ca2+.
Para rotular corretamente os frascos, foram feitos alguns c) maior que a da reação do PO43– com o Ca2+.
procedimentos: d) igual à da reação do sabão com o Mg2+.
e) maior que a da reação do sabão com o Mg2+.
I. Ao misturar as soluções dos frascos 1 e 2, não houve
reação química.
II. Ao adicionar duas gotas do indicador fenolftaleína,
somente a solução do frasco 1 ficou rosa.
III. Ao adicionar uma placa de zinco, só ocorreu reação no
frasco 3.
As soluções dos frascos 1, 2 e 3 são, respectivamente,
a) KOH, NaCℓ e AgNO3.
b) NaC, KOH e AgNO3.
c) KOH, AgNO3 e NaC.
d) AgNO3, NaC e KOH.
e) NaC, AgNO3 e KOH.

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 5 10/08/2016 18:06:05


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

19

A eletroforese de proteínas é um método laboratorial simples, em que se utiliza um suporte embebido em solução
salina, na qual é estabelecida uma corrente elétrica contínua. Uma proteína colocada sobre o suporte pode migrar para
um dos dois polos do gerador. A velocidade de migração das moléculas da proteína será tanto maior quanto maiores
forem as cargas elétricas de suas moléculas e a intensidade da corrente. A carga elétrica da proteína resulta do grau de
ionização de seus grupos carboxila livres ou da protonação da amina livre e depende das diferenças existentes entre o
pH do meio que embebe o suporte e o ponto isoelétrico (pHI) da proteína, ponto este em que a proteína apresenta carga
líquida igual a zero.

Proteína Ponto isoelétrico


A 9,2
B 8,6
C 8,3
D 8,0
E 7,4

Considerando um grupo de cinco proteínas com seus respectivos pontos isoelétricos (tabela anterior) e sabendo que o
pH do meio que embebia o suporte era de 8,3, a proteína que migrou com maior velocidade em direção ao polo positivo
foi a identificada pela letra
a) A.
b) B.
c) C.
d) D.
e) E.

20
Sabão e detergente fazem parte de um grupo conhecido como agentes tensoativos, cujo objetivo é o de promover
a remoção de gordura nos objetos por meio da formação de micelas. Os tensoativos podem ser classificados como
catiônicos, aniônicos, não iônicos ou anfóteros. Dentre os compostos listados a seguir, qual poderia ser classificado
como um tensoativo anfótero?

a)

b)

c)

d)

e)

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 6 10/08/2016 18:06:05


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

21 23

O uso do chuveiro elétrico é muito comum em várias Uma máquina de Carnot apresenta sua fonte quente a
regiões do Brasil, principalmente em épocas mais frias. uma temperatura de 400 K, apresentando um rendimento
Considere um chuveiro elétrico sendo usado em uma de 30%. Suponha que esta máquina, ao realizar 10 ciclos
posição à qual está associada uma potência de 4 200 W. por segundo, recebe 4,50 kJ de calor por segundo.
Por ele, a água flui a uma vazão de 5 litros por minuto. Sobre essa máquina, qual das seguintes afirmações está
Suponha que toda a potência dissipada por esse chuveiro incorreta?
seja absorvida pela água que entra nele à temperatura
a) A potência útil que se extrai da máquina vale 1,25 kW.
ambiente de 28 °C. Desse modo, a temperatura atingida
b) A fonte fria desta máquina apresenta uma temperatura
pela água ao sair do chuveiro é
de 280 K.
a) 30 °C.
c) Em cada ciclo termodinâmico, a máquina absorve
b) 35 °C.
450 J de calor.
c) 40 °C.
d) Em cada ciclo termodinâmico, o trabalho realizado
d) 45 °C.
pela máquina é de 135 J.
e) 50 °C.
e) Em cada ciclo termodinâmico, a máquina rejeita 315 J
Note e adote:
de calor para a fonte fria.
Calor específico da água = 4,2 J/g oC.

24
22
Um fio condutor e retilíneo, de 40 cm de comprimento,
As molas podem ser usadas como dispositivos em tem massa de 5 g e está ligado a uma fonte de força
amortecimentos de impactos. Em uma determinada eletromotriz por meio de conexões leves e flexíveis.
indústria, para preservar a integridade dos produtos Considerando que a corrente elétrica necessária para
embalados, existe um dispositivo sobre o qual caixas de
que esse fio fique flutuando em um campo magnético
5 kg são abandonadas do repouso a uma altura de 2 m em
uniforme, de direção perpendicular a ele, é 250 mA e que
relação a uma plataforma conectada a uma mola, antes de
a aceleração da gravidade local é 10 m/s2, a intensidade do
serem levadas para o transporte.
vetor indução magnética desse campo vale
a) 0,5 T.
b) 1,0 T.
c) 2,0 T.
d) 2,5 T.
2m
e) 4,0 T.

25

A Lei da Gravitação Universal, desenvolvida por Isaac


Newton, é muito útil na análise do movimento de corpos
0,8 m
celestes. Por exemplo, com ela é possível determinar a
velocidade de órbita de um satélite em torno de um planeta.
Considere dois satélites, A e B, descrevendo órbitas
circulares em torno da Terra com raios de órbita
Considere que a constante elástica k da mola do respectivamente iguais a RA = 1,5 ∙ RT e RB = 3 ∙ RT, em
dispositivo vale 1 kN/m e que a aceleração da gravidade que RT é o raio da Terra. A razão entre as velocidades de
local g vale 10 m/s2. Desprezando quaisquer atritos e
órbita desses satélites, ou seja, VA , será
eventuais dissipações de energia e sabendo que a mola, VB
quando totalmente relaxada, apresenta um comprimento a) 2
.
de 0,8 m, o menor comprimento adquirido por ela, devido 3
ao impacto da caixa, será b) 1.
a) 10 cm. 3
b) 20 cm. c) .
2
c) 30 cm.
d) 2.
d) 40 cm.
e) 50 cm. e) 2.

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 7 10/08/2016 18:06:08


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

26 29

Em um determinado local, houve a explosão de uma No interior de determinado aparelho eletrônico, há um


bomba, produzindo um som muito forte, com nível sonoro dispositivo que funciona de acordo com o circuito a seguir.
de 60 dB, quando medido a 1 m de distância do local da K
explosão. Para uma pessoa não escutar absolutamente
nenhum som dessa explosão, a menor distância, em km,
U R R R R
que ela deveria se colocar é
a) 0,5.
A
b) 1,0. K
c) 1,2.
d) 1,8. U R R R R
e) 2,1.

Note e adote: A
Intensidade correspondente ao limiar de audibilidade = 10–12 W/m2; Nesse circuito, há uma bateria ideal que fornece aos
considere que as ondas sonoras se espalharão no ambiente resistores R uma tensão constante e igual a U. Há situações
esfericamente.
em que a chave K fica aberta, com três resistores em
funcionamento, e outras em que ela se encontra fechada,
27 com quatro resistores em funcionamento. Após fechar
Dois astronautas, João e Lucas, estão flutuando em uma a chave K, nota-se que a potência total fornecida pela
região livre de gravidade no espaço, cada um em repouso bateria e a potência dissipada pelo resistor mais próximo
em relação ao outro. Em um determinado instante, eles à bateria serão, respectivamente,
se empurram e se separam, adquirindo uma velocidade a) a mesma e a mesma.
relativa de 3 m/s. Se João tem uma massa de 100 kg e b) menor e a mesma.
Lucas, de 50 kg, suas velocidades adquiridas valem, c) maior e a mesma.
respectivamente, d) menor e maior.
a) 12 m/s e 6 m/s. e) maior e menor.
b) 4 m/s e 10 m/s. 30
c) 2 m/s e 5 m/s.
d) 1,5 m/s e 4,5 m/s. João entrou em uma competição automobilística em que
e) 1 m/s e 2 m/s. cada carro competidor começa e termina em repouso,
percorrendo uma distância L no menor tempo possível. A
28 intenção é demonstrar conhecimentos em mecânica e em
Os espelhos esféricos e os espelhos planos têm inúmeras condução. O percurso foi planejado para que a velocidade
aplicações cotidianas. As mulheres, por exemplo, têm máxima dos carros nunca seja atingida. Se o carro tem uma
o costume de utilizar o espelho esférico côncavo ao aceleração máxima de a e uma desaceleração máxima de
se maquiarem. Trata-se do popularmente conhecido 2a, em que fração de L João deve mover seu pé do pedal
“espelho de aumento”, muito usado também pelos do acelerador para o do freio?
dentistas, para terem uma imagem ampliada do dente. 1
a)
Considere uma situação em que uma jovem, ao se 2
maquiar, coloca-se a uma distância de 20 cm do vértice de
b) 2
um espelho esférico côncavo cuja distância focal é 30 cm. 3
Sendo assim, a imagem conjugada pelo espelho será, em
relação ao objeto, c) 3
4
a) 2 vezes maior.
b) 3 vezes maior. d) 4
c) 5 vezes maior. 5
d) 2 vezes menor.
e) 5
e) 3 vezes menor.
6

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 8 10/08/2016 18:06:11


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

31 Considerando o sistema ocular, que tipo de lente é o


cristalino e quais as funções das células presentes no
Todas as células fotossintetizantes, exceto as bacterianas,
nervo óptico?
contêm dois tipos de clorofila, e um deles sempre é a
clorofila a. Geralmente, o segundo tipo de clorofila é a a) O cristalino é uma lente divergente, pois a imagem
clorofila b (vegetais superiores) ou a clorofila c (muitas formada é menor que os objetos, e as células
algas). Esses diversos tipos de clorofila diferem quanto chamadas de cones e bastonetes têm a função de
à faixa do espectro da luz visível na qual cada uma delas reconhecer as cores e reduzir a luminosidade dentro
capta luz com mais eficiência. do olho.
As clorofilas a e b possuem espectros de absorção de luz b) O cristalino é uma lente cilíndrica, pois a imagem
ligeiramente diferentes, como mostra o gráfico a seguir. formada é menor que os objetos, e as células chamadas
de cones e bastonetes têm a função de reconhecer
100
as cores e reduzir a luminosidade dentro do olho.
Espectro de absorção estimado

80 c) O cristalino é uma lente prismática, pois a imagem


Clorofila b formada é menor que os objetos, e as células chamadas
de cones e bastonetes têm a função de distinguir as
(por cento)

60
Clorofila a cores e reconhecer a luminosidade.
40 d) O cristalino é uma lente convergente, pois a imagem
formada é real, e as células chamadas de cones e
20 bastonetes têm a função de distinguir as cores e
reconhecer a luminosidade.
0 e) O cristalino é uma lente convergente, pois a imagem
400 500 600 700 formada é real, e as células chamadas de cones e
Comprimento de onda (nanômetro) bastonetes têm a função de separar as cores e reduzir
(b)
a luminosidade.
Sabendo que a velocidade da luz é 3 ∙ 108 m/s, qual a
frequência aproximada do maior pico de absorção de 33
clorofila tipo b e o que caracteriza esse tipo de vegetal?
Aristóteles, discípulo de Platão, acreditava na existência
a) 6,25 ∙ 1014 Hz, e são vegetais que formam sementes e de um mundo sublunar, espaço de imperfeições
apresentam flores. compreendido entre a Terra e a Lua, e um mundo
b) 6,25 ∙ 1014 Hz, e são vegetais que dependem da água supralunar, espaço de leis naturais perfeitas que
para a sua reprodução. estava acima da Lua. Pensamento que levava a
c) 6,25 ∙ 1010 Hz, e são vegetais que têm sua fixação ao solo acreditar que as leis naturais que vigoravam na Terra
dependente de pseudorraízes chamadas rizoides. eram diferentes das leis que vigoravam fora da Terra.
d) 6,25 ∙ 1014 Hz, e são vegetais que apresentam como Contudo, este pensamento foi rompido com a(o)
principal característica evolutiva vasos condutores a) descoberta da eletricidade, por Benjamin Franklin,
de seiva. mostrando que a luz não era uma dádiva divina como
e) 6,25 ∙ 1010 Hz, e são vegetais que dependem da água para pregava a Igreja Católica, mas que o homem deveria
a sua reprodução e não apresentam vasos condutores ser dono de sua vida e não depender da vontade de
de seiva. Deus.
b) introdução do método científico por Galileu, pois
32
as leis passariam a ser testadas tanto na superfície
O olho é uma parte extremamente complexa do nosso da Terra quanto na Lua, evidenciando a não
corpo. Com ele, pode-se focalizar e produzir uma imagem existência de um “céu” pregado pela Igreja Católica.
nítida de um objeto, além de controlar a entrada de luz. c) invenção da Teoria da Relatividade Geral, de Albert
Sob esse aspecto, o olho humano pode ser comparado Einstein, que mostrou por meio da bomba atômica
a uma câmara fotográfica. Na figura a seguir, são
que a radiação poderia se espalhar da superfície da
apresentados as partes essenciais do olho. Terra para todo o espaço.
Esclerótica d) o advento da Lei da Gravitação Universal, de Newton,
Coróide Túnicas
Retina demonstrando que a força que atrai uma maçã para a
Músculos
ciliares Terra é a mesma que mantém a Lua em seu movimento.
Fovea e) descoberta da radioatividade por Marie Curie,
centralis
evidenciando a propagação de ondas eletromagnéticas
Íris Ponto cego
Câmara em todo o Universo.
Cristalino posterior, com
humor vítreo
Córnea

Câmara
anterior Nervo
óptico

Músculo Vasos
Ligamentos
suspensores do cristalino externo

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 9 10/08/2016 18:06:11


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

34
O vírus H1N1 (influenza A) continua circulando no país, e pesquisas científicas demonstram que a coinfecção com
bactérias tem aumentado a possibilidade de casos fatais − em especial, a infecção por estreptococos, que é comum
em pacientes com sintomas de gripe. Dessa forma, existe um alerta para a necessidade do emprego de medidas de
educação e prevenção, incluindo hábitos de higiene e vacinação.
Considerando os organismos citados no texto é correto afirmar que o(s)
a) dois são parasitas intracelulares e seres eucariotos.
b) vírus H1N1 é celular, eucarioto e atua como parasita extracelular.
c) dois apresentam padrão procarioto e atuam como parasitas intracelulares.
d) estreptococos são eucariotos e parasitam as células das vias aéreas superiores.
e) estreptococos são procariotos e possuem material genético disperso no citoplasma.
35

A vesícula biliar, órgão associado ao fígado, armazena e concentra a bile durante o período interdigestivo e esvazia seu
conteúdo no duodeno, durante a digestão. Na bile são encontrados sais biliares, fosfolipídios, colesterol e pigmentos
biliares. A bile é formada por células epiteliais hepáticas, apresentando expressiva função na digestão, e sua liberação se
dá por estímulo químico e também por estímulo vagal, ou seja, por influência do nervo vago.
Considerando-se o texto anterior, pode-se afirmar que a bile
a) é responsável pela digestão de gorduras e é liberada por meio da ação da CCK (colecistocinina).
b) determina a emulsificação de gorduras e é liberada por meio da ação da CCK (colecistocinina).
c) é responsável pela emulsificação de proteínas e é liberada por meio da ação da secretina.
d) promove a digestão de polissacarídeos e é liberada por meio da ação da secretina.
e) determina a digestão de proteínas e é liberada por meio da ação da gastrina.
36

Pesquisadores brasileiros e americanos mostraram que os linfócitos TCD8 humanos são capazes de liberar uma
substância chamada granulisina, que entra em contato com células infectadas e é atraída pelas membranas dos
parasitas, que possuem baixo teor de colesterol. A granulisina perfura a membrana do parasita e permite a entrada
de uma substância denominada granzima, que gera compostos muito reativos à base de oxigênio, resultando em
estresse oxidativo e determinando a inativação das defesas do micro-organismo. Por meio desse processo, os parasitas
causadores da doença de Chagas, da leishmaniose e da toxoplasmose são eliminados.
Estratégia letal
Mecanismo identificado em células humanas pode explicar infecções assintomáticas

Localização 1 Ataque 2 3 Infecção é contida


Núcleo
Célula Parasitas Núcleo
infectada
Microptose
Microptose
Grânulos
citotóxicos
Parasitas morrem
Parasitas morrem

Núcleo
Núcleo

As células de defesa Quando encontram Perforina


Linfócito reconhecem as o alvo, os linfócitos Apoptose
Apoptose
Célula
Granulisina
TCD8 infectadas por meio de liberam grânulos que Célula
infectada
morre Granzima
marcadores na contêm substâncias infectada
proteolíticas morre
membrana

GUIMARÃES, Maria. Uma forma de conter parasitas. Revista Pesquisa Fapesp, São Paulo, ed. 241, mar. 2016.
Disponível em: <http://revistapesquisa.fapesp.br>. Acesso em: 5 maio 2016. (adaptado)

Considerando o exposto, é correto afirmar que


a) o parasita causador da doença de Chagas é o Trypanosoma cruzi, que infecta células do hospedeiro humano.
b) os parasitas intracelulares são protozoários que possuem células procarióticas e são destituídos de metabolismo.
c) o parasita intracelular causador da doença de Chagas é o Plasmodium falciparum, que infecta células sanguíneas.
d) os linfócitos TCD8 são citotóxicos e têm a capacidade de eliminar o parasita diretamente por meio do processo de
fagocitose.
e) a substância granulisina, que determina o estresse oxidativo, promove a eliminação do micro-organismo infectante
e é produzida pelo próprio parasita.

10

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 10 10/08/2016 18:06:12


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

37 39
As samambaias são vegetais que apresentam ciclo de vida Sucessão ecológica é o fenômeno em que ocorre
com alternância de gerações (esporófito e gametófito) alteração da estrutura de uma comunidade, resultando
apresentando, portanto, uma fase permanente e outra em um clímax. O processo inicia com uma comunidade
transitória e, devido a particularidades de seu ciclo de pioneiros e desenvolve-se ao longo do tempo, em
reprodutor, necessitam da água do meio para que ocorra fases intermediárias, as séries, até alcançar a comunidade
a fecundação. clímax. Pelo padrão de desenvolvimento, há dois tipos de
Considerando o texto anterior, é correto afirmar que as sucessão: primária e secundária.
samambaias são
a) vasculares e apresentam fase gametofítica dominante
e fase esporofítica transitória.
b) avasculares e possuem fase gametofítica mais
desenvolvida que a esporofítica.
c) avasculares e possuem fase esporofítica mais
desenvolvida que a gametofítica.
d) vasculares e apresentam fase esporofítica mais
desenvolvida que a gametofítica.
Tempo
e) avasculares e possuem igualdade de complexidade
entre as fases esporofítica e gametofítica. A imagem anterior ilustra, de modo simplificado, as
etapas de uma sucessão ecológica primária, ao longo da
38 qual ocorre
Para a determinação do sistema ABO, é necessário a) aumento da biomassa e menor diversificação de
uma série de três alelos (IA, IB e i), sendo que entre IA e espécies.
IB ocorre codominância. Os alelos IA e IB determinam, b) aumento da biomassa e da complexidade das teias
respectivamente, a formação dos aglutinogênios A e B. alimentares.
Os indivíduos que pertencem ao grupo O possuem as c) redução da biomassa e aumento da produtividade
duas aglutininas (anti-A e anti-B) e os indivíduos AB não primária bruta.
possuem aglutininas e apresentam os dois aglutinogênios d) redução da biomassa e aumento da produtividade
(A e B). primária líquida.
Com base nessas informações, pode-se dizer que uma e) redução da biomassa e aumento da complexidade dos
transfusão sem riscos deve envolver, respectivamente, nichos ecológicos.
doador e receptor de tipos sanguíneos
a) AB e O. 40
b) O e AB.
A mitose é um fenômeno que ocorre em células
c) B e A.
eucarióticas. Trata-se de uma divisão nuclear em que,
d) A e B.
após a divisão do citoplasma, uma célula-mãe origina duas
e) B e O.
células-filhas que apresentam, em geral, igual número
de cromossomos. Esse processo é dividido em prófase,
anáfase, metáfase e telófase.
Na etapa conhecida como anáfase ocorre
a) reaparecimento do nucléolo e formação da placa
cromossômica equatorial.
b) desenvolvimento das fibras do fuso e ligação com o
cinetócoro.
c) organização do fuso acromático e reorganização do
nucléolo.
d) separação das cromátides e migração para os polos
opostos.
e) ruptura do envoltório nuclear e citocinese centrífuga.

11

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 11 10/08/2016 18:06:12


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

41 43

Por meio de análises moleculares é possível acompanhar O exuberante peixe-papagaio, atração certa para um
processos evolutivos como o que ocorre com o vírus HIV, mergulhador em águas caribenhas, tem uma função
que passa de sensível a resistente, com relação à ação da essencial em um recife de coral. Ele costuma pastar muito
lamivudina, composto conhecido como 3TC. e, dessa forma, eliminar as algas do ambiente.
As algas são os grandes inimigos dos cnidários,
A resistência abordada no texto se dá por meio de
invertebrados que formam os corais. [...] Uma grande
alterações no(a) reserva marinha criada nas imediações do arquipélago
a) molécula de 3TC, que são ocasionadas pelo vírus HIV. das Bahamas, no Caribe, em 1959, provocou um “boom”
b) organismo humano, causadas pelo emprego da nas espécies de peixes na região. [...] Os corais estão mais
substância 3TC. limpos e os peixes-papagaio, pelo menos os maiores,
c) estrutura do vírus HIV, provocadas pela ação da alimentados. Quanto aos de menor tamanho, bem, esses
substância 3TC. servem de alimento para as garoupas. Ou seja, pelo menos
d) material genético do vírus HIV, que possui elevada naqueles corais nas Bahamas, as relações ecológicas
capacidade de sofrer mutações. estão, agora, em equilíbrio.
Agência Fapesp, São Paulo, 9 jan. 2006.
e) estrutura da molécula de 3TC, o que promove
Disponível em: <http://agencia.fapesp.br>. Acesso em: 5 maio 2016. (adaptado)
modificações no material genético viral.
Considerando as relações ecológicas apresentadas no
42 texto, verifica-se que
Embora tenham adaptações à vida aquática, como a) as algas e o peixe-papagaio competem pela mesma
nadadeiras e um metabolismo bastante lento, que permite fonte de alimento.
b) o peixe-papagaio é um herbívoro que controla a
usar pouco gás oxigênio quando submersas, as tartarugas
população de algas.
marinhas apresentam características comuns aos répteis,
c) as garoupas e os cnidários competem pelo mesmo
os primeiros animais a ocupar definitivamente o ambiente
ambiente e pelo mesmo alimento.
terrestre. d) o peixe-papagaio e as garoupas são predadores de
Entre essas características está o fato de as tartarugas cnidários que competem com as algas.
marinhas serem animais e) o peixe-papagaio é predador das algas, reduzindo sua
a) ectotérmicos, que possuem fecundação externa, população que compete com as garoupas.
desenvolvimento direto e respiração branquial.
b) ectotérmicos, que possuem fecundação interna,
desenvolvimento direto e respiração pulmonar.
c) endotérmicos, que possuem fecundação externa,
desenvolvimento indireto e respiração pulmonar.
d) endotérmicos, que possuem fecundação interna,
desenvolvimento indireto e respiração pulmonar.
e) ectotérmicos, que possuem fecundação interna,
desenvolvimento indireto e respiração branquial.

12

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 12 10/08/2016 18:06:12


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

44

Reprodução
A imagem apresentada é um recorte de uma história em quadrinhos chamada Maus: a história de um sobrevivente, de
Art Spiegelman, que se passa durante a Segunda Guerra Mundial. Considerando o fragmento anterior e o acontecimento
histórico, é possível afirmar que o
a) autor da história em quadrinhos, ao retratar os alemães como gatos e os judeus como ratos, faz referência à extinção
destes na guerra, apesar dos esforços dos países aliados.
b) último quadrinho apresenta uma referência à estrela de Davi, símbolo judaico utilizado pelos nazistas para identificar
os judeus, que passavam a ser aprisionados.
c) conflito foi eminentemente europeu, já que seu estopim foi a invasão da Polônia pela Alemanha nazista, ficando de
fora países como Estados Unidos e Brasil.
d) momento narrado revela que o fim da guerra já se aproximava, quando finalmente o Eixo se rendeu diante da
ofensiva dos Aliados.
e) narrador da história é um judeu que, apesar de ter uma origem europeia, revela possuir total domínio da língua
portuguesa.

45

Todo camburão tem um pouco de navio negreiro


[...] É mole de ver
É mole de ver que para o negro
que em qualquer dura mesmo a aids possui hierarquia
o tempo passa mais lento pro negão Na África a doença corre solta
Quem segurava com força a chibata e a imprensa mundial
agora usa farda dispensa poucas linhas
engatilha a macaca Comparado, comparado
escolhe sempre o primeiro ao que faz com qualquer
negro pra passar na revista figurinha do cinema
pra passar na revista ou das colunas sociais
Todo camburão tem um pouco de navio negreiro [...]
FALCÃO, Marcelo et al. Todo camburão tem um pouco de navio negreiro.
Intérprete: O Rappa. In: ______. O Rappa. São Paulo: WEA, 1994. 1 CD. Faixa 3.

O trecho da música do grupo O Rappa, apresentado anteriormente, sugere que o(a)


a) superação da comunidade negra é nítida, em relação ao passado histórico do país.
b) condição do negro na sociedade atual não possui vínculos com o passado histórico.
c) fato de a escravidão fazer parte do passado impossibilita a referência ao navio negreiro.
d) fim da escravidão não foi suficiente para exterminar a desvalorização sofrida pelos negros.
e) aids, assim como o tráfico negreiro, é um mal que o continente africano conseguiu superar.

13

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 13 10/08/2016 18:06:12


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

Texto para as questões 46 e 47 48


1500, o ano que não terminou
Drumundana
1 Um menino de dois anos foi assassinado. Um
e agora maria?
homem afagou seu rosto. E enfiou uma lâmina no
seu pescoço. O bebê era um índio do povo Kaingang. o amor acabou
Seu nome era Vitor Pinto. Sua família, como outras a filha casou
5 da aldeia onde ele vivia, havia chegado à cidade para o filho mudou
vender artesanato pouco antes do Natal. Abrigavam-se teu homem foi pra vida
em uma estação rodoviária, no litoral de Santa
que tudo cria
Catarina. Era lá que sua mãe o alimentava quando um
homem perfurou sua garganta. Era meio-dia de 30 de a fantasia
10 dezembro. O ano de 2015 estava bem perto do fim. que você sonhou
E o Brasil não parou para chorar o assassinato apagou
de uma criança de dois anos. Os sinos não dobraram à luz do dia
por Vitor. Sua morte sequer virou destaque na
e agora maria?
imprensa nacional. Se fosse meu filho ou de qualquer
15 mulher branca de classe média, assassinado vai com as outras
nessas circunstâncias, haveria manchetes, haveria vai viver
especialistas analisando a violência, haveria choro e com a hipocondria
haveria solidariedade. E talvez houvesse até velas e RUIZ, Alice S. Drumundana.
flores no chão da estação rodoviária, como existiu para In: ______. Dois em um. São Paulo: Iluminuras, 2008.
20 as vítimas de terrorismo em Paris. Mas Vitor era um
índio. Um bebê, mas indígena. Pequeno, mas indígena. Uma interpretação do poema anterior é possível a partir da
Vítima, mas indígena. Assassinado, mas indígena. a) metalinguagem, processo que relaciona a hipocondria
Perfurado, mas indígena. Esse “mas” é o assassino ao fazer poético.
oculto. Esse “mas” é serial killer. b) construção de um jogo de intertextualidade que
BRUM, Eliane. 1500, o ano que não terminou. El País, 4 jan. 2016. subverte o texto original.
Disponível em: <http://brasil.elpais.com>. Acesso em: 27 abr. 2016. (adaptado)
c) abordagem erotizada da obra de Drummond, que é
46 acentuada pela escolha do título.
d) permanência do texto de Drummond, mesmo com a
A argumentação da autora faz com que, no texto, o substituição de “José” por “Maria”.
assassinato da criança indígena seja e) voz feminina, que demonstra possuir controle sobre as
a) narrado com imparcialidade, característica de todo transformações que marcam a vida.
texto jornalístico.
b) tratado de forma ficcional, por meio da adoção de 49
linguagem metafórica.
c) desprezado pela imprensa brasileira, pois não foi um Os ativistas da gramática
evento ocorrido no exterior. Enfermeira, você
De forma alguma,
d) compreendido como um caso isolado, sem relação poderia tirar a

Andrício
minha pressão? jovem.
com a história dos povos indígenas no Brasil.
e) relacionado a acontecimentos históricos, com o intuito
de denunciar o racismo que move a sociedade.

47

A análise do texto anterior permite concluir que,


a) no trecho “Um homem afagou seu rosto. E enfiou uma Porque, se
eu tirar a
você
morre.
lâmina no seu pescoço” (linhas 1-3), há uma antítese. sua pressão,
b) no trecho “Um bebê, mas indígena” (linha 21), a elipse
do verbo “ser” ocorre devido à exigência de concisão,
que é inerente ao texto jornalístico.
c) nas cinco últimas linhas do texto, a palavra “mas” é
utilizada oito vezes como advérbio, com o objetivo
de sensibilizar o leitor para o ato preconceituoso que Na tirinha anterior, o efeito de humor é provocado pelo
vitimou Vitor.
fato de a enfermeira
d) nas linhas 16-18, o verbo “haver”, utilizado diversas
vezes na terceira pessoa do singular, poderia ser a) ser incapaz de atender ao pedido do paciente.
sempre substituído pelo verbo “existir” na terceira b) considerar incompreensível o pedido do paciente.
pessoa do singular. c) interpretar, de forma literal, o pedido do paciente.
e) na linha 9, a palavra “meio-dia” demonstra que o texto d) tomar uma atitude que contradiz o título da tirinha.
foi escrito antes da adoção do novo acordo ortográfico, e) reconhecer a possibilidade de pôr em risco a vida do
a partir do qual a expressão deve ser grafada sem o hífen. paciente.

14

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 14 10/08/2016 18:06:13


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

50 Considerando o contexto literário no qual Vinicius de


Moraes se insere, é possível perceber que o poema
anterior apresenta a
Reprodução

a) crítica à desumanização e à barbárie por meio da


metalinguagem, característica do projeto literário do
poeta.
b) fase lírico-amorosa do autor, tendo como pano de
fundo, um rompimento entre amantes.
c) grande preocupação da última fase do Modernismo,
que é o apego ao misticismo.
d) impossibilidade de concretização amorosa, revelando
traços neorromânticos.
e) solidão humana e o desamor, temas característicos da
Geração de 45.

52
No texto anterior, publicado originalmente na rede social

Divulgação
Twitter, é possível verificar que o
a) conceito de feminismo é criticado por meio do recurso
da ironia.
b) termo “feminismo” é entendido equivocadamente
por algumas pessoas.
c) uso do termo “feminismo” é rejeitado e a igualdade
de gêneros é defendida.
d) efeito de humor consiste na comparação entre o
feminismo e a fórmula química H2O.
e) discurso indireto é usado para atacar o “feminismo”, e
o discurso indireto livre, para defendê-lo.

51
A capa apresentada faz parte de uma obra que integra a
Mensagem à Poesia
trilogia Cara a cores: Olhos vermelhos, Nariz aniz e Boca
[...] roxa, do poeta marginal Chacal. Considerando o contexto
Digam-lhe que estou tristíssimo, mas não posso ir esta cultural no qual se difunde, pode-se afirmar que a poesia
[noite ao seu encontro. marginal
Contem-lhe que há milhões de corpos a enterrar a) ganhou destaque por, de forma pioneira, ser composta
Muitas cidades a reerguer, muita pobreza pelo mundo. por poetas moradores da periferia das grandes cidades.
b) trata-se de um movimento contestador das normas
[...] estéticas vigentes, sendo fundamental para a origem
Façam-lhe ver que é preciso eu estar alerta, voltado para do Modernismo brasileiro.
[todos os caminhos c) é um movimento literário em curso, atualmente, e tem
Pronto a socorrer, a amar, a mentir, a morrer se for preciso como principal proposta a reflexão sobre o lugar de
Ponderem-lhe com cuidado − não a magoem... que se não fala dos mais pobres na sociedade brasileira.
d) buscou revolucionar a produção e a distribuição do
[vou
material poético, rejeitando as grandes editoras e
Não é porque não queira: ela sabe; é porque há um herói num adotando um método artesanal de fabricação do livro.
[cárcere e) antecipou, em alguns anos, os aspectos formais do
Há um lavrador que foi agredido, há uma poça de sangue Concretismo, como a organização visual do poema,
[numa praça. ficando conhecida como a “geração do mimeógrafo”.
[...] digam-lhe, no entanto
Que sofro muito, mas não posso mostrar meu sofrimento
Aos homens perplexos; digam-lhe que me foi dada
A terrível participação, e que possivelmente
Deverei enganar, fingir, falar com palavras alheias
Porque sei que há, longínqua, a claridade de uma aurora.
[...]
MORAES, Vinicius de. Mensagem à Poesia. In: ______. Poemas esparsos.
Rio de Janeiro: Cia. das Letras, 2008.

15

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 15 10/08/2016 18:06:13


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

53 55

[...] Sobre as personagens femininas em O cortiço, de Aluísio


Fascinado estava o Miguel, mas não pela imagem que lhe Azevedo, é correto afirmar que
descrevia Inhá, senão pelo original que tinha diante de si, a) entre as mulheres subordinadas ao poderio patriarcal
e o embebia na meiguice de seu olhar e na ternura de seu estão Bertoleza e Leónie.
carinho. b) Rita Baiana era desprezada no cortiço devido às suas
ALENCAR, J. Til: romance brasileiro. 3. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1955. atividades como prostituta.
c) Pombinha representa, ao longo de todo o romance, a
No trecho anterior, retirado da obra Til, de José de Alencar, pureza imaculada da donzela.
a conjunção “senão”, localizada na segunda linha, indica d) Dona Estela e Leocádia são adúlteras que escondem
a) causa. seus verdadeiros desejos por imposições sociais.
b) conclusão. e) as lavadeiras representam as mulheres que se dividem
c) negação. entre os afazeres domésticos e o trabalho fora de casa.
d) oposição.
e) proporção. 56

54 [...]
1 Um jornal é tão diverso
Noturno à janela do apartamento Um jornal é tão diverso
Silencioso cubo de treva: Tudo impresso, tudo expresso
um salto, e seria a morte. Tudo pelo sucesso
Mas é apenas, sob o vento, 5 É tão diverso um jornal
a integração na noite.
Não importa a má notícia
Nenhum pensamento de infância, Mas vale a boa versão
nem saudade nem vão propósito. Na nota um toque de astúcia
Somente a contemplação E faça-se a opinião
de um mundo enorme e parado. 10 De outra feita, quando seja
A soma da vida é nula. Desejo editorial
Mas a vida tem tal poder: Faça-se sujo o que é limpo
na escuridão absoluta, Troque-se o bem pelo mal
como líquido, circula. “O jornal” de Gilberto Gil. Disponível em: <http://www.gilbertogil.com.br>.
Acesso em: 28 abr. 2016.
Suicídio, riqueza, ciência...
A alma severa se interroga Considere as afirmações a seguir sobre o trecho da música
e logo se cala. E não sabe “O jornal”, de Gilberto Gil, apresentado anteriormente.
se é noite, mar ou distância. I. O termo “feita” (linha 10) é um substantivo feminino.
Triste farol da Ilha Rasa. II. No último verso, os termos “bem” e “mal” são
ANDRADE, Carlos Drummond de. Poesia e prosa. advérbios, enquanto “má” e “boa” (linhas 6 e 7) são
Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1988. adjetivos.
Com base no contexto histórico da Geração de 30 do III. No termo “expresso” (linha 3), o prefixo “ex-” sugere
Modernismo brasileiro e na leitura do poema anterior, velocidade, como em “experiência” e “excesso”.
considere as seguintes assertivas. Está correto o que se afirma em
I. Representante do Modernismo brasileiro, Drummond a) I, apenas.
observa, nesse poema, a realidade brasileira a partir b) II, apenas.
de sua dimensão histórica. c) III, apenas.
II. O rompimento com o rigor formal e a obediência d) I e II, apenas.
às normas, aspectos típicos do Modernismo, estão e) I e III, apenas.
presentes no poema.
III. O título do poema faz referência a um estado de
espírito que representa a negatividade mundial frente
ao período das grandes guerras.
Está correto o que se afirma em
a) I, somente.
b) III, somente.
c) I e II, somente.
d) I e III, somente
e) I, II e III.

16

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 16 10/08/2016 18:06:13


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

57 58
Vidas secas é um filme incomparável, em mais de um Leia tirinha a seguir.
sentido. Nelson não havia feito nada parecido antes, nem Na frase "você de Já em "você de bobeira,
faria depois. No cinema brasileiro, por sua vez, também bobeira, sem ninguém na sem ninguém vírgula na
geladeira"... geladeira"...
não se encontram realizações equiparáveis. [...] Locações E VOCÊ DE E VOCÊ DE
reais, elenco formado em maioria por não profissionais, BOBEIRA, SE
NINGUÉM NA M
BOBEIRA, SE
NINGUÉM, NAM
encenação de ações banais pouco decupadas, fotografia GELADEIRA. GELADEIRA.
Vazia
sem artifícios de luz, ausência de trilha musical,
diálogos esparsos – tudo contribui para a impressão
de autenticidade do registro visual em Vidas secas. Até
mesmo a precariedade da sonorização, excetuado o uso do
rangido do carro de boi, contribui para a recriação ficcional ...Você é uma sádica, ...Você é uma
de um mundo de dimensões míticas, fora do tempo, em porém triste, louca, que,
que costuma quando triste,
que a cidade grande é evocada como um polo de atração guardar pessoas no chora dentro da
refrigerador. geladeira.
distante – terra prometida cultivada pela imaginação.
ESCOREL, Eduardo. Vidas secas. Questões cinematográficas. Piauí, 3 jul. 2013. I. A primeira interpretação da frase está correta devido
Disponível em: <http://revistapiaui.estadao.com.br>. Acesso em: 28 abr. 2016. à não utilização da vírgula, o que reforça o título da
tirinha.
Considerando a resenha do filme Vidas secas, de Nelson II. Independentemente do uso ou não da vírgula, ambas
Pereira dos Santos, um elemento apontado pelo crítico as interpretações da frase são equivocadas quanto à
Eduardo Escorel que também é percebido na obra de intencionalidade da letra, pois não consideram o teor
Graciliano Ramos é a metafórico da canção à qual se referem.
III. A intertextualidade da tirinha reserva uma crítica à
a) apresentação de diálogos esparsos.
falta de conhecimento gramatical por parte das novas
b) aposta em uma dimensão mística do sertão. gerações.
c) descrição banal do cotidiano das personagens. Considerando as intencionalidades da canção, é correto o
d) presença, mesmo que distante, da cidade grande. que se afirma em
e) narração de fatos que independem do tempo histórico. a) I, somente.
b) II, somente.
c) III, somente.
d) I e II, somente.
e) I, II e III.

17

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 17 10/08/2016 18:06:13


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

Texto para as questões 59 e 60 60


ÉPOCA – O senhor tem dito que estão mudando os Ferréz, escritor nascido e residente em São Paulo,
valores. Que valores? aborda, em prosa e poesia, assuntos que giram em torno
Ferréz – O cara que trabalha agora é visto como uma do universo da periferia paulista. A partir da leitura da
espécie de otário. [...] Lembro de uma propaganda de entrevista e do contexto no qual é inserida, é possível
carro que dizia que aquele modelo era só para pessoas verificar que o entrevistado
especiais. Os moleques da periferia querem ser especiais a) defende o rolezinho como um ato de rebeldia e que deve
ser contido.
também. O crime é a saída mais próxima.
b) critica a situação da periferia de São Paulo, apesar de não
ÉPOCA – Como é o convívio com a polícia, que também viver essa realidade.
é composta de gente pobre? c) argumenta que o tratamento violento por parte da polícia
Ferréz – O policial é pobre, mas não age como. [...] A ocorre com qualquer cidadão brasileiro.
polícia aborda as pessoas aqui de um modo como nunca d) trata a rebeldia como um elemento comum entre os
abordará no centro da cidade. [...] Uma vez, reclamei com variados grupos nos quais se insere a juventude.
um policial, e ele me perguntou se eu queria ser abordado e) afirma a impossibilidade de os moradores da periferia
ocuparem os mesmos espaços que outros grupos sociais.
com rosas. Na verdade, só queria ser tratado da forma
como eles tratam as pessoas no centro. 61
ÉPOCA – Como os rolezinhos entram nisso tudo? [...]
Ferréz – O rolezinho vem de uma massa gigante de A língua é minha pátria
jovens que não têm o que fazer. Não adianta o governador E eu não tenho pátria, tenho mátria
abrir os lugares públicos para os jovens. Eles não E quero frátria
conseguem entrar. Os seguranças impedem, não querem VELOSO, Caetano. Língua. Intérprete: Caetano Veloso. In: ______. Velô.
Rio de Janeiro: Polygram, 1984. 1 disco sonoro. Faixa 11.
os moleques fazendo nada lá dentro. Jovem é jovem, em
qualquer lugar do mundo. Nos Jardins ou aqui, o cara é A partir do contexto da canção, é possível perceber que os
rebelde, quer causar. O rolezinho foi só o primeiro ato, versos apresentados anteriormente revelam um(a)
terá muito mais. O país enfrenta uma multidão de gente a) sentimento antinacionalista, que culmina na rejeição
que quer se inserir, mas uma parte do país não quer que aos símbolos brasileiros.
eles se insiram. Reclamam no aeroporto porque tem pobre b) referência à língua materna do eu lírico, percebida por
pegando avião. [...] Mas, espera: não somos a nova classe meio do termo “mátria”.
média? A gente também quer participar. c) desejo por uma língua menos rígida, constatado no
MARTINS, Ivan. Ferréz: O rolezinho foi só o primeiro ato. Época, São Paulo: Globo,
termo “frátria”, único neologismo do texto.
22 fev. 2014. Disponível em: <http://epoca.globo.com>. Acesso em: 28 abr. 2016. d) eu lírico que não tem “pátria” porque rejeita,
veementemente, as heranças do patriarcado.
59 e) distinção entre “pátria” e “mátria”, representando as
Considerando a entrevista anterior, pode-se afirmar que diferenças linguísticas entre Brasil e Portugal.
a) na frase “O policial é pobre, mas não age como”, há um
caso de zeugma.
b) o entrevistado se vale do discurso indireto livre para
narrar a abordagem policial.
c) na frase “Reclamam no aeroporto porque tem pobre
pegando avião”, há uma metáfora.
d) o entrevistado utiliza uma linguagem culta, enquanto
o jornalista adota uma linguagem coloquial.
e) o termo “moleque” é reiteradamente empregado com
o intuito de ressaltar a classe social dos indivíduos em
questão.

18

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 18 10/08/2016 18:06:13


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

62 Sobre o petróleo como recurso natural para o


desenvolvimento das atividades econômicas e o seu
Na Terra, a água presente na hidrosfera encontra-se contexto geopolítico e histórico, pode-se afirmar que,
na forma de vapor-d'água condensada ou de cristais
a) em 1973, houve a primeira grande crise do petróleo,
de gelo. Na litosfera, ela se infiltra, formando as águas
provocada, entre outros motivos, pela guerra entre Irã
subterrâneas, ou flui, formando as águas superficiais. De
e Iraque e pela Revolução Iraniana.
toda a água que cobre a Terra, cerca de 97% é salgada, e
b) em 1979, ocorreu a invasão ao Iraque por parte dos
apenas 2,5% é de água doce.
Estados Unidos, que buscavam minimizar os efeitos
Água no mundo
provocados pelos ataques que sofreram.
c) no início dos anos 1990, a elevação do preço do barril
97,5%
de petróleo foi motivada por uma nova corrida ao
Água salgada Oriente Médio e pela crise financeira asiática.
d) no início dos anos 1990, a elevação do preço do barril
Água doce de petróleo teve como fator impulsionador a invasão
ao Kuwait, na crise da Guerra do Golfo Pérsico.
e) a partir de 2003, com a invasão do Iraque, até 2011, o
2,5%
preço do barril de petróleo manteve-se em uma curva
Distribuição relativa das águas doces no planeta crescente e constante de preço, sem interrupções nas
cotações.
69,6%
Geleiras e subsolo 64
congelado
Água doce Embora a Rússia soviética pretenda espalhar sua influência
subterrânea de todas as formas possíveis, a revolução mundial não faz
30,1% Rios, lagos, plantas, mais parte de seu programa, e nada há nas condições
animais e atmosfera
internas da União que possa encorajar um retorno a velhas
tradições revolucionárias. Qualquer comparação entre a
ameaça alemã antes da guerra e uma ameaça soviética
0,3%
hoje deve se levar em conta [...] Há portanto infinitamente
menos perigo de uma súbita catástrofe com os russos do
Com base nas informações apresentadas, é possível que com os alemães.
afirmar que o(a) ROBERTS apud HOBSBAWN, Eric. Era dos extremos: o breve século XX. Traduzido
a) ciclo hidrológico recebe influência de rios e lagos, por Marcos Santarrita. São Paulo: Cia. das Letras, 1995.

sendo estes os principais responsáveis pela formação Considerando o texto e o período da Guerra Fria, analise
de nuvens e precipitações. as assertivas a seguir.
b) navegação, o comércio, a pesca e o turismo são fatores I. Os 45 anos desde os lançamentos das bombas
que fazem com que muitas pessoas se afastem das atômicas até o fim da União Soviética não formam
regiões oceânicas. um período homogêneo. No entanto, ficou marcado
c) água doce do planeta não está distribuída apenas em o constante confronto entre as duas superpotências
rios e lagos, pois sua maior composição encontra-se que emergiram da Segunda Guerra Mundial em um
na atmosfera. período conhecido como Guerra Fria.
d) mar e o oceano possuem propriedades físicas e II. Após a Segunda Guerra Mundial, desenhou-se o
químicas distintas das propriedades das águas cenário de uma possível Terceira Guerra Mundial. As
continentais. gerações pós-Segunda Guerra Mundial cresceram
e) oceano é um sistema fechado e independente da temendo a possibilidade de uma batalha nuclear
relação de interação entre os demais geossistemas. estourar a qualquer momento.
III. Durante a Guerra Fria, Estados Unidos e URSS, as
63 duas potências nucleares, envolveram-se em grandes
Evolução do preço do barril de petróleo conflitos de maneira indireta, sem confronto real e
111,26 direto. A Guerra das Coreias, do Vietnã e do Afeganistão
Preço, tipo Brent, em US$/barril (valor nominal)
97,26
são exemplos desses conflitos.
Está correto o que se indica em
Invasão a) I, apenas.
do Iraque b) II, apenas.
Crise c) I e II, apenas.
financeira
asiática d) II e III, apenas.
31,61 23,73
28,83 e) I, II e III.
19,09

1,80 3,29 14,43

1970 1973 1979 1986 1990 1997 2003 2008 2011


BRAGA, Marcos Vinicius Sales. Geopolítica do petróleo. Globo.
Disponível em: <http://www.educação.globo.com>.
Acesso em: 25 jul. 2016. (adaptado)

19

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 19 10/08/2016 18:06:13


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

65 Sobre as principais rotas de imigrantes, de acordo com o


infográfico anterior, é correto afirmar que
Limites de placas
a) a rota 1 indica um crescimento, entre 2014 e 2015,
Limite transformante Limite divergente Limite convergente
superior à rota 2, em números absolutos.
b) o Mediterrâneo Central é rota de imigrantes
provenientes da Líbia e tem como destino a Ilha de
Lampedusa, na Itália.
c) as principais rotas para os imigrantes provenientes da
TECTÔNICA de placas. Laboratório de Paleontologia da Amazônia. Universidade África, que entraram em 2015 na Europa, são as rotas
Federal de Roraima. Disponível em: <http://ufrr.br/lapa>. Acesso em: 27 jul. 2016.
2 para a Grécia e 4 para a Itália.
As placas tectônicas são estruturas de caráter dinâmico d) a rota 3 obteve um crescimento considerável
que apresentam movimentos lentos e progressivos de entre 2014 e 2015, devido, entre outros fatores, à
acordo com a escala de tempo humano. Sobre esses proximidade do norte da África com o sul da Itália.
movimentos e suas implicações, pode-se afirmar que, nos e) o fator primordial para a diminuição do processo
limites migratório dos países do norte da África para a Europa
a) transformantes, acontece o deslize lateral entre as é a estabilidade política verificada nos últimos anos
placas, sem divergência ou convergência, podendo nesses países.
ocorrer ao longo da dorsal meso-oceânica. 67
b) tectônicos, existe estabilidade, o que impossibilita
O piloto de um helicóptero deverá realizar três entregas
a ação vulcânica e sísmica, como acontece na borda
de produtos seguindo as orientações do operador de uma
oeste do continente americano.
torre de comando e fazendo uso de um mapa representado
c) divergentes, existem zonas de colisão, como acontece
Nome do Arquivo: 2016_PA_3aPreUniversitarioSIMULADO FUVEST_L1_CAP0_QUESTÃO 05 Rotas de imigração
por números e letras, como mostra a figura ailegal na Europa
seguir.
nas placas continental e oceânica, que são destruídas
Fonte
por do mapa:
esse BBC. Disponível em: <http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/09/150904_graficos_imigracao_europa_rm>.
processo.
d) divergentes, a dorsal é formada de maneira retilínea,
uniforme
DADOS EXTRAS:e sem rupturas, formando o material Sol
Indicação: solicitante
magmático.
Altura: 4 cm
e) convergentes,
Largura: 8 cm ocorre expansão das placas litosféricas
Procedência:
e liberação do solicitante
magma, formando um novo assoalho
Solicitação: s1994
oceânico.

66
Dos mais de 350 mil imigrantes registrados no ano de
2015, nas fronteiras europeias, quase 235 mil chegaram
na Grécia e cerca de 115 mil chegaram na Itália. Outros
2 100 desembarcaram na Espanha.
Migrantes detectados entrando ilegalmente na União
Europeia entre janeiro e junho de 2015

Europa – Rotas de imigração ilegal


N
EUROPA
5
#

#
Instruções do operador da torre de comando
4 Mar Negro Saindo do ponto 13, o piloto deve deslocar-se uma casa
3 para o norte e ali fará sua primeira entrega. Seguindo na
#

#
# Mar M
edit er râ neo
6
ÁSIA
direção oeste, desloca-se duas casas, ponto no qual fará a
#

1 2 segunda entrega. Para efetuar a terceira entrega, desloca-se


ÁFRICA 0 800 1.600 km
!
três casas na direção sudeste, finalizando o seu serviço.
Oeste do 2014 Sabendo que as entregas foram todas realizadas por
1 Mediterrâneo 2015
volta das 17h e levando em consideração as orientações
Mediterrâneo 2014
2 Central 2015 dadas pelo operador da torre de comando, os pontos que
Leste do 2014
3
Mediterrâneo 2015
representam as paradas para a primeira, a segunda e a
4 Oeste dos
Bálcãs
2014 terceira entrega são, respectivamente,
2015
5 Fronteiras
do leste
2014 a) 8, 7 e B.
2015
Da Albânia
6 para a Grécia
2014 b) 11, 6 e E.
2015
0 50 000 100 000 150 000 200 000 c) 12, 2 e A.
REFUGIADOS na Europa: a crise em mapas e gráficos. BBC. 6 set. 2015. d) 14, 4 e F.
Disponível em: <http://www.bbc.com>. Acesso em: 4 jul. 2016. (adaptado) e) 18, 23 e H.

20

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 20 10/08/2016 18:06:15


| 2o SIMULADO SAS FUVEST
Nome do Arquivo: 2016_PA_3aPREUNIVERSITARIOSIMULADO_FUVESTE_L1_CAP0_08QUESTAO_Brasil_Divisão florística de Martius

Fonte do mapa: IBGE. Manual técnico da vegetação brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2. ed., 2012.

DADOS EXTRAS: 68 69
Indicação: Cartografia
Altura: 8 A história da fitogeografia no Brasil iniciou-se em 1824, O fenômeno fundamentalmente urbano conhecido como
Largura: 7,5
e, para a divisão botânica, foram usados nomes de
Procedência: Pasta de referência da cartografia “gentrificação” consiste em uma série de melhorias físicas
Solicitação: S1993divindades gregas. No mapa fitogeográfico de Martius, a ou materiais e mudanças imateriais – econômicas, sociais
flora brasileira ficou dividida da seguinte forma. e culturais – que ocorrem em alguns centros urbanos
Nayades Flora amazônica antigos, os quais experimentam uma apreciável elevação
Hamadryades Flora nordestina de seu status.
Oreades Flora do centro oeste BATALLER. M. A. S. O estudo da gentrificação. Tradução de Maurilio Lima Botelho.
Revista Continentes, Rio de Janeiro, ano 1, n. 1, 2012.
Dryades Flora da costa atlântica
Napaeae Flora subtropical Com base no texto anterior, é possível afirmar que a
gentrificação
Brasil – Divisão florística de Martius a) consiste na ocupação de uma área urbana por
indivíduos de classe média, com remuneração mais
40°W

elevada, o que desloca os habitantes de classe baixa,


Equador
com menor remuneração, para áreas mais distantes.
b) é considerada pelos agentes do solo (proprietários,
promotores, governo, moradores e instituições
financeiras) uma expressão espacial de atraso
econômico e de suaves mudanças sociais.
c) ocorre apenas em centros comerciais antigos da
Europa e da América do Norte, onde há mobilidade
espacial de habitantes e investimentos em áreas que
OCEANO
não tenham alto status no momento.
ATLÂNTICO
d) produz melhorias no sistema habitacional, mas o
Desconhecida 20°S
comércio, os equipamentos e os serviços públicos
são desconsiderados, não afetando o mercado da
Dryades

Hamadryades Trópico de Cap


especulação imobiliária.
ricórnio
Napaeae
Nayades e) acontece em países de economia agrária com forte
Oreades dependência econômica do campo, iniciada com o
modelo socioeconômico de revolução agrária a partir
0 600 1.200 km
dos anos 1970.
60°W

FERRI, Mário Guimarães. Vegetação brasileira.


Belo Horizonte: Itatiaia, 1980. Elaboração: SAS.
70
O geógrafo Aroldo de Azevedo, em 1950, usou, em São
Paulo, a classificação que compreende a seguinte divisão: É necessário mencionar que os diversos tipos de
A – Formações B – Formações arbus- C – Formações organizações podem ser divididos em intergovernamentais
florestais tivas e herbáceas complexas e não governamentais. Grande parte dessas organizações
I.  Floresta Amazônica I. Caatinga I. Do Pantanal foi criada para evitar riscos de instabilidade econômica e
ou Hileia Brasileira II. Cerrado II. Litorâneas geopolítica que viessem a atingir o mundo cada vez mais
II. Mata Atlântica III. Campos Gerais globalizado.
III. Mata do Rio Paraná IV. Campinas ou Campo Sobre as organizações iniciadas no pós-Segunda Guerra
IV. Mata dos Pinhais Limpo Mundial, é correto afirmar que o(a)
V. Mata de Galeria a) Fundo Monetário Internacional (FMI) emergiu da
VI. Babaçuais criação da ONU, tendo como principal objetivo
Com base no mapa e na comparação entre as classificações fiscalizar e punir as instituições financeiras globais que
de Martius e do geógrafo Aroldo de Azevedo, pode-se praticam protecionismo comercial.
afirmar que a formação b) Conferência de Washington foi a responsável pelo
a) Oreades e a formação Dryades são zonas de transição direcionamento da ordem financeira do pós-1945,
entre as formações Caatinga e Floresta Amazônica, baseada na criação de normas e órgãos, como a
que apresenta espécies de babaçu. formação do padrão ouro substituindo o padrão dólar.
b) Hamadryades corresponde à formação arbustiva e c) Organização das Nações Unidas (ONU) foi fundada em
herbácea da Caatinga, apresentando espécies hidrófilas 1945 e alguns de seus objetivos são a manutenção
e higrófilas, com predomínio do tipo perenifólia. da paz mundial, a garantia dos Direitos Humanos e a
c) Dryades corresponde à formação florestal de Mata de promoção do desenvolvimento econômico e social das
Galeria, formada por uma espécie adaptada a grande nações.
umidade, de folhas latifoliadas e do tipo coriácea e d) Organização Mundial do Comércio (OMC) surgiu em
semicaducifólia. 1948 e, no ano de 1995, foi substituída pelo Acordo
d) Nayades corresponde à formação florestal amazônica, Geral de Tarifas e Comércio (GATT), com o objetivo
que possui cobertura ombrófila, feições latifoliadas, de resguardar o bom funcionamento do sistema
hidrófilas e higrófilas, sendo dividida em andares e financeiro mundial.
apresentando rica biodiversidade. e) mundo globalizado mostra a comunidade internacional
e) Nayades coincide com a formação florestal de com um espírito generalizado de cooperação e
campinas, caracterizada por gramíneas, um tipo que manutenção da paz entre os países, fato que marca
favorece o desenvolvimento da atividade pecuária uma maior abertura internacional aos produtos, maior
extensiva em campos limpos e campos sujos. cooperação econômica e forte estabilidade financeira.

21

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 21 10/08/2016 18:06:15


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

71

Quino
Pai, do outro lado do mar Ou elas foram dormir cedo
é a África, não é? ou as girafas não têm o
pescoço tão comprido
É. como eu
imaginava.

Com base na análise da tirinha e em seus conhecimentos sobre localização geográfica e fusos horários, pode-se afirmar
que as personagens estão
a) na porção leste do continente asiático, observando a costa oeste do continente africano.
b) com as horas atrasadas em relação ao continente africano e na costa leste da Índia.
c) na costa leste da América do Sul, observando a costa oeste do continente africano.
d) na costa oeste da América do Sul, observando o sul do continente africano.
e) com as horas adiantadas em relação ao continente africano.

72

Ceará deve ter mais de 50 parques eólicos em 2014


A produção de energia eólica no Ceará deve manter ritmo de franca expansão nos próximos três anos. Atual líder
nacional no setor e com projetos ainda a serem construídos, o estado deve chegar, em 2014, com mais de 50 usinas e
uma capacidade instalada de quase 1,5 mil MW, segundo panorama traçado pela Associação Brasileira de Energia Eólica
(Abeeólica).
SUGETTE, Ana Beatriz. Ceará deve ter mais de 50 parques eólicos em 2014. Diário do Nordeste, Ceará, 5 set. 2011.
Disponível em: <http://diariodonordeste.verdesmares.com.br>. Acesso em: 30 maio 2016.

No contexto da utilização de energias renováveis, o estado do Ceará vem se firmando como líder na produção de energia
eólica, principalmente, porque a(s)
a) região apresenta áreas inabitáveis e improdutivas que não são utilizadas no turismo, base econômica do estado, e
que podem ser exploradas para a instalação de grandes usinas.
b) isenções fiscais necessárias para implantação dos parques estão sendo oferecidas pelo governo para resolver o
problema da falta de outras fontes energéticas no estado.
c) instalação das turbinas causa perturbações sonoras e visuais mínimas, uma vez que a região possui baixa densidade
demográfica e condições naturais adequadas.
d) mão de obra especializada necessária para a instalação e manutenção das usinas é abundante e barata, devido ao
baixo custo de vida na região.
e) incidências de ventos na região são constantes durante todo o ano em grande parte do litoral e em algumas
localidades do interior.

22

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 22 10/08/2016 18:06:15


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

73 76
Há na espécie humana indivíduos tão inferiores a outros Com a morte de Mao Tse-tung em setembro de 1976 e a
como o corpo o é em relação à alma, ou a fera ao homem; posterior prisão dos seus principais apoiantes, deu-se um
são os homens nos quais o emprego da força física é o volte-face no destino dos dirigentes chineses que, de uma
melhor que deles se obtêm. Partindo dos nossos princípios, forma ou de outra, tinham sido atingidos pela turbulência
tais indivíduos são destinados, por natureza, à escravidão; da Revolução Cultural. [...] A orientação geral adotada
porque, para eles, nada é mais fácil que obedecer. […] foi a da “construção e modernização socialista” através,
nomeadamente, da adoção do “programa das quatro
Assim, dos homens, uns são livres, outros escravos; e para
modernizações” (agricultura, indústria, defesa nacional e
eles é útil e justo viver na servidão.
ciência e técnica) que, proposto ainda antes da Revolução
A política, de Aristóteles.
Cultural por vários dos atuais dirigentes reformistas, viu a
Considerando o texto de Aristóteles e o que se conhece sua implementação impedida por esta Revolução.
sobre a civilização grega, pode-se afirmar que a escravidão SERRA, A. M. A. China: as reformas econômicas da era pós-Mao.
Disponível em: <http://pascal.iseg.utl.pt >. Acesso em: 1º ago. 16.
a) foi uma prática exclusiva da civilização grega durante a
Antiguidade Clássica. A impossibilidade de implementação das reformas citadas
b) ocorreu apenas na cidade-Estado de Esparta, devido à no texto ocorreu devido
forte organização militarista. a) ao caráter de instabilidade social e política da
c) não ocorreu em Atenas, pois contrariava a organização Revolução Cultural.
democrática da cidade-Estado. b) à crise provocada pelo envolvimento na Guerra das
d) ocorria em toda a Grécia, embora fosse considerada Coreias.
injusta pelos proprietários de escravos. c) ao sucesso econômico provocado pelo “Grande Salto”.
d) ao apoio soviético ao governo de Mao Tse-tung.
e) era vista como natural, pois se acreditava que algumas
e) à constante tensão militar entre China e URSS.
pessoas nasceram para viver na escravidão.
77
74
Em 28 de fevereiro de 1986, foi lançado o Plano Cruzado,
Calvino transformou Genebra na Roma dos protestantes, tendo Dílson Funaro no Ministério da Fazenda. A principal
fundindo o político e o religioso sob o controle do medida do pacote, o congelamento de preços por um
Consistório. Com poderes ilimitados, esse órgão vigiava ano, ganhou apoio total da população. Em rede nacional
os costumes dos cidadãos, obrigando-os a assistir aos de rádio e televisão, Sarney fez um apelo para que os
serviços do culto e a participar da comunhão. A reforma brasileiros fiscalizassem as metas e os preços dos produtos.
PLANO Cruzado. Disponível em: <http://www.josesarney.org>.
calvinista consistiu em um(a) Acesso em: 1º ago. 2016.
a) movimento defensor da predestinação e responsável A popularidade do político José Sarney, no referido
pelo rápido desenvolvimento do capitalismo. contexto, foi resultado do(a)
b) doutrina apoiada pela nobreza germânica que a) fortalecimento da moeda nacional com relação ao
combatia a autoridade política da Igreja Católica. Mercosul.
c) movimento que revelava uma manifestação de b) expansão da economia, aumentando a oferta de
rebeldia contra a liberação da prática do divórcio. empregos.
d) movimento formado, principalmente, por camponeses c) sonho de um país com um processo inflacionário
que pretendiam usurpar as terras da Igreja Católica. controlado.
e) doutrina que sintetizou as ideias protestantes em d) sentimento nacionalista com a paridade da moeda em
torno dos princípios do monofisismo e do culto dos relação ao dólar.
e) atração de investidores internacionais, devido à
santos.
estabilidade da moeda.
75 78
Durante a Idade Média, a civilização europeia ocidental Os paulistas, conhecidos também pelo nome de
desenvolveu uma estrutura político-econômica mamelucos, tinham levado a cabo pequenas expedições
denominada feudalismo. As relações de suserania e contra guaranis, desde 1618. Em 1628 e nos anos seguintes,
marcharam com autênticos exércitos. Caíram primeiro de
vassalagem, típicas do feudalismo, visavam
surpresa sobre a redução de Encarnación, que devastaram.
a) apoiar a Igreja Católica no controle social, por meio da Os índios foram postos a ferro e levados; as crianças e os
cavalaria. velhos muito fracos para seguirem em marchas forçadas,
b) romper laços de dependência econômica dos servos foram igualmente mortos pelo caminho.
em relação aos nobres. LUGON, C. A república comunista cristã dos guaranis.
Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1968, p. 46. (adaptado)
c) apoiar o desenvolvimento comercial por meio de
O texto refere-se ao seguinte movimento histórico-social:
alianças com burgueses.
a) Bandeirismo apresador.
d) eliminar a rígida hierarquia feudal, possibilitando b) Catequese jesuítica.
maior mobilidade social. c) Coluna Prestes.
e) fortalecer o poder real, o que favoreceu o posterior d) Tenentismo.
aparecimento das monarquias. e) Monções.

23

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 23 10/08/2016 18:06:15


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

79 81

Na madrugada de 24 de março de 1976, a Junta Militar Artigo 5. As Partes concordam que um ataque armado
tomou o poder na Argentina, formada por comandantes contra uma ou várias dentre elas, sobrevindo na Europa ou
das três armadas – Jorge Rafael Videla (1925-2013), na América do Norte, será considerado como um ataque
general do Exército; Orlando Agosti (1924-1997), dirigido contra todas as Partes [...].
almirante da Força Aérea, e Eduardo Massera (1925-2010), Tratado do Atlântico Norte, 1949.
brigadeiro da Marinha. Logo nas primeiras horas após o Artigo 4. No caso de agressão armada na Europa contra
golpe, a Junta Militar tomou os prédios do governo e o um ou vários dos Estados signatários do Tratado, por
Congresso Nacional. Pouco tempo depois, os militares se parte de um Estado qualquer ou por parte de um grupo
apropriaram das estações de rádio e televisão de Buenos de Estados, cada Estado signatário do Tratado, exercendo
Aires e das principais cidades do interior. seus direitos de autodefesa individual ou coletiva, [...]
NOVARO, Marcos; PALERMO, Vicente. concederá ao Estado ou aos Estados vítimas de tal
A ditadura militar na Argentina. 1976-1983. São Paulo: Edusp, 2007. agressão, uma assistência imediata [...].
A ditadura militar no Brasil passou por três fases Tratado de Varsóvia, 14 de maio de 1955.

diferentes ao longo de seus 21 anos de duração. A Os textos estão ligados ao momento da história
primeira foi de legalização do regime autoritário, por meio conhecido como
de decretos-lei e de uma nova Constituição. A segunda, de a) Corrida Espacial, representada pela conquista da lua e
recrudescimento da repressão, da violência estatal contra do espaço.
os opositores da ditadura e do estabelecimento da censura b) Guerra Fria, marcado pela disputa entre as forças
aos meios de comunicação. E a terceira, de reabertura capitalistas e socialistas.
política, com a Lei da Anistia e o movimento pelas eleições c) Segunda Guerra Mundial, marcada pela formação das
diretas para presidente. forças militares Aliadas e das do Eixo.
TRÊS períodos da Ditadura. Disponível em: <http://memoriasdaditadura.org.br>.
d) Paz Armada, caracterizada pelo investimento em
Acesso em: 1º ago. 2016. armas e formação de alianças militares.
e) Big Stick, que defendia a ação militar norte-americana
De acordo com os textos apresentados e com a conjuntura sobre seus aliados caso seus interesses fossem
da América contemporânea, os regimes militares ameaçados.
implantados no Brasil e na Argentina têm em comum o(a)
82
a) respeito aos princípios democráticos e a perseguição
dos comunistas. Tal como os Hunos, há mil anos sob comando de Átila,
b) manutenção dos direitos dos cidadãos e o apoio da ganharam uma reputação que ainda hoje vive na história,
Comunidade Europeia. assim também possa o nome Alemanha tornar-se de tal
c) controle dos meios de comunicação e o apoio dos modo conhecido na China que nenhum chinês jamais ouse
Estados Unidos da América. novamente olhar com desdém um alemão.
d) comando dos oficiais generais e as políticas de Kaiser Guilherme II, imperador da Alemanha de 1888 a 1918.

desenvolvimento econômico e cultural. Foi essa consciência de nossa superioridade inata que nos
e) manutenção do pluripartidarismo e o rompimento das permitiu conquistar a Índia. Por mais educado e inteligente
relações diplomáticas com os países socialistas. que seja um indiano, por mais valente que ele se manifeste,
e seja qual for a posição que possamos atribuir-lhe, penso
80
que jamais ele será igual a um oficial britânico.
É particularmente no Oeste da província de São Paulo – o KITCHENER apud PANIKKAR, K. M. A dominação ocidental na Ásia.
Oeste de 1840, não o de 1940 – que os cafezais adquirem Tradução de Nemésio Salles, Rio de Janeiro: Saga, 1965, p. 160.
seu caráter próprio, emancipando-se das formas de
Os textos anteriores representam os ideais
exploração agrária estereotipadas desde os tempos
coloniais no modelo clássico da lavoura canavieira e do a) darwinistas, que defendiam o extermínio das raças
“engenho” de açúcar. consideradas inferiores.
b) colonialistas, que fundamentaram a conquista da
HOLANDA, Sérgio Buarque de. Raízes do Brasil. 19. ed.
América e da África.
Rio de Janeiro: José Olympio, 1987. p. 129.
c) norte-americanos, baseados na doutrina Destino
O desenvolvimento da cafeicultura no Oeste Paulista, Manifesto.
fugindo dos moldes tradicionais, foi possível graças d) fascistas, que basearam o regime ditatorial de Benito
a) à chegada de imigrantes, que foram utilizados como Mussolini.
trabalhadores assalariados. e) imperialistas, que fundamentaram o neocolonialismo.
b) ao investimento do capital inglês para aquisição de
mão de obra assalariada.
c) ao apoio do governo imperial com a aprovação da Lei
de Terras.
d) à abolição da escravidão, como consequência da Lei
Áurea.
e) ao desenvolvimento da técnica de rotação de culturas.

24

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 24 10/08/2016 18:06:15


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

83 84
A charge a seguir satiriza a reação da população frente a [...]
vitória da seleção brasileira no Campeonato Mundial de Meu Brasil
Futebol de 1970, época em que o país passava por uma que sonha com a volta
ditadura militar. do irmão do Henfil
com tanta gente que partiu
num rabo de foguete
chora!
a nossa pátria mãe gentil
choram Marias
e Clarices
no solo do Brasil.
BLANC, Aldir; BOSCO, João. O bêbado e a equilibrista. Intérprete: Elis Regina.
In: ______. Elis vive. São Paulo: WEA, 1998. 1 CD. Faixa 14.

A letra da canção apresentada está ligada ao movimento


de anistia durante o governo de João Figueiredo. Este
tipo de representação da cultura está relacionado ao
pensamento de
A charge apresentada simboliza a) Theodor Adorno, que negava a importância dos meios
a) o movimento ufanista como forma de exaltação à de comunicação na sociedade.
pátria. b) Max Horkheimer, que defendeu as formas de
b) a alienação do povo iludido pela conquista da Copa do manipulação por meio da cultura.
Mundo. c) Walter Benjamin, que defendeu que a cultura deve ser
c) o favorecimento da classe trabalhadora com o milagre usada como forma de conscientização.
econômico. d) Hebert Marcuse, que se preocupou com o conformismo
d) a desvinculação entre futebol e política durante a da sociedade e aniquilamento da razão.
e) Jurgen Habbermas, que defendeu a comunicabilidade
ditadura militar.
como forma de compreensão da realidade.
e) o apoio dos jogadores da seleção brasileira de futebol
à redemocratização. 85
Restauração e Antônio Conselheiro tornam-se sinônimos,
pois ambos surgem como antípodas de republicanismo
e jacobinismo. Os jornais são os maiores veículos desta
propaganda imaginativa, de consequências trágicas.
A República Velha, de Edgar Carone.

A justificativa usada pelo governo para destruir o arraial


de Canudos foi que
a) os seguidores de Antônio Conselheiro eram fanáticos
que pretendiam destruir o Estado e a propriedade
privada.
b) o arraial era um antro de pecados e que ladrões,
prostitutas e fugitivos da justiça estavam entre seus
moradores.
c) a Igreja Católica temia as ideias calvinistas e luteranas
que eram propagandas entre os habitantes da
comunidade.
d) os habitantes de Canudos e seu líder, Antônio
Conselheiro, defendiam a manutenção do governo
dos marechais.
e) Antônio Conselheiro era comunista que, fundamentado
nos ideais marxistas, defendia a destruição da
propriedade privada.

25

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 25 10/08/2016 18:06:15


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

Texto para as questões 86 e 87


The World Health Organization declared the Zika virus and its suspected link to birth defects an international public
health emergency, a rare move that signals the seriousness of the outbreak and gives countries new tools to fight it.
An outbreak of the Zika virus, which is transmitted by mosquitoes, was detected in Brazil and has since moved into
more than 20 countries in Latin America, including Costa Rica and Jamaica.
The main worry is over the virus’s possible link to microcephaly, a condition that causes babies to be born with
unusually small heads and, in the vast majority of cases, damaged brains. At a news conference in Geneva, Dr. Margaret
Chan, the director general of the W.H.O., acknowledged that the understanding of the connection between the Zika virus
and microcephaly was hazy and said that the uncertainty placed “a heavy burden” on pregnant women and their families
throughout the Americas. Officials said research on the effects of Zika in pregnant women was underway in at least three
countries: Brazil, Colombia and El Salvador.
“The evidence is growing and it’s getting strong,” Dr. Chan said. “So I accepted, even on microcephaly alone, that it is
sufficient to call an emergency. We need a coordinated international response.” [...]
The current outbreak of Zika has taken the world by surprise. The Zika virus was first identified in 1947 in Uganda, and
for years lived mostly in monkeys. But last May in Brazil, cases began increasing drastically. The rapid spread is because
people in the Americas have not developed immunity, public health experts say.
Health officials in the United States, however, say the risk of a major homegrown outbreak is low because mosquito
control programs are systematic and effective. They cite a related virus, dengue, which is also transmitted by mosquitoes
but has not spread very much since first appearing locally a few years ago.
[...]
TAVERNISE, Sabrina; McNEIL, Donald G. Zika virus a global health emergency, W.H.O. says, New York Times, New York, 1º fev. 2016.
Disponível em: <http://www.nytimes.com>. Acesso em: 28 mar. 2016.

86

De acordo com o texto, a relação entre o zika vírus e a microcefalia


a) está cientificamente refutada por meio de testes e pesquisas.
b) é resultado de um boato infundado, que se espalhou por mais de 20 países.
c) foi confirmada no Brasil, onde os casos aumentam rápida e gradualmente.
d) só pode ser comprovada em determinados países, como Brasil, Colômbia e El Salvador.
e) é uma possibilidade que, embora ainda não comprovada, está se tornando mais forte.

87
Sobre o desenvolvimento do zika, pode-se dizer que o(a)
a) mundo estava à espera da epidemia, já que os povos das Américas não desenvolveram imunidade ao vírus.
b) epidemia começou na África, mais especificamente em Uganda, com os primeiros casos sendo registrados no Brasil em
macacos.
c) risco de epidemia de zika nos Estados Unidos é alto, já que a dengue, transmitida pelo mesmo mosquito, foi registrada há
alguns anos.
d) risco de epidemia de zika nos Estados Unidos é baixo, tendo em vista os esforços sistemáticos e efetivos para controlar
os mosquitos.
e) epidemia que começou no Brasil gerou surpresas, já que pesquisas apontavam que os povos da América tinham
desenvolvido imunidade ao vírus.

26

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 26 10/08/2016 18:06:16


| 2o SIMULADO SAS FUVEST

Texto para as questões de 88 a 90 88


Three-quarters of UK children spend less time outside De acordo com o texto,
than prison inmates, according to a new survey revealing
a) a minoria das crianças britânicas passa a maior parte
the extent to which time playing in parks, wood and fields
do tempo dentro de casa.
has shrunk. A fifth of the children did not play outside at all
b) 3/4 das crianças britânicas não realizaram atividades
on an average day, the poll found.
ao ar livre uma única vez em um ano.
Experts warn that active play is essential to the health c) 75% das crianças do Reino Unido passam menos
and development of children, but the parents’ fears, lack of tempo ao ar livre do que presidiários.
green spaces and the lure of digital technology is leading d) uma a cada nove crianças britânicas jamais foram a
youngsters to lead enclosed lives. bosques, praias e outras áreas naturais.
Most of the parents polled said their children have e) as crianças britânicas de hoje têm mais chance de
fewer opportunities to play outside than they did when brincar ao ar livre que seus pais tinham.
young. The new research is strongly supported by previous
89
work; including a government report in February that
found more than one in nine children had not set foot in Segundo Mark Sears, da Wild Network, a(s)
a park, forest, beach or any other natural environment for a) crianças britânicas estão desenvolvendo plenamente o
at least a year. poder de serem livres.
“The truth is we are enclosing our children,” said Mark b) crianças britânicas estão sendo enclausuradas, e isso
Sears, at The Wild Network, which works to increase wild tem impactos significativos.
play. “We are stifling their ability to be free, to be at their c) crianças do Reino Unido estão sendo protegidas contra
best as children and it is having significant impacts.” He problemas como obesidade.
said increasing obesity and lower mental wellbeing in d) crianças britânicas possuem, atualmente, a
children is linked to a lack of physical activity. oportunidade de desenvolver o seu melhor.
Liz Truss, environment secretary, announced that e) obesidade das crianças britânicas tem relação com
every schoolchild will have the opportunity to visit a o estresse gerado pela obrigação de fazer atividade
national park, noting that only 10% currently have access física.
to outdoor learning. “I want every child to know the joy 90
and wonder of the great outdoors,” she said recently. “Our
children should be climbing trees, not the walls.” [...] Segundo Lucy Hellier, da Wildfowl & Wetlands Trust,
crianças
A separate study from the Wildfowl & Wetlands Trust
(WWT) [...] found that children from poorer backgrounds a) que ficam mais em casa aprendem a avaliar riscos e a
were less interested in being outdoors in nature than resolver problemas.
better-off children; but WWT found this difference was b) que realizam atividades ao ar livre têm dificuldade em
overcome after just one day spent learning outside. desenvolver a criatividade.
c) que aprendem e brincam ao ar livre têm experiências
“Young kids that learn and play outside get direct
relacionadas à vida selvagem.
experience of weather, the seasons and wildlife – things
d) realizam atividades ao ar livre com frequência, mas de
that are only possible outdoors – and they get to assess
uma forma pouco significativa.
risks, solve problems and develop creativity,” said Lucy
e) britânicas de regiões menos favorecidas são mais
Hellier, WWT learning project manager. “The benefits adeptas a atividades ao ar livre.
may seem obvious, but in reality many children don’t get
to be outdoors in a natural environment in any regular or
meaningful way. And that’s even more common among
kids from deprived areas.”
In 2013, the RSPB (Royal Society for the Protection of
Birds) published a three-year study, which concluded that
four out of five children in the UK were not adequately
“connected to nature.” In 2012, a National Trust report
called Natural Childhood revealed the growing gap
between children and nature. Less than one in 10 children
regularly played in wild spaces, it said, compared to half of
children a generation ago.
CARRINGTON, Damian. Three-quarters of UK children spend less time outside
than prison inmates – survey, The Guardian, London, 25 mar. 2016.
Disponível em: <http://www.theguardian.com>. Acesso em: 28 mar. 2016.

27

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 27 10/08/2016 18:06:16


2o SIMULADO SAS FUVEST
Conhecimentos Gerais (24/09/2016)

000
000/000

2016_2oSIMULADO_SAS_FUVEST.indd 28 10/08/2016 18:06:16