Você está na página 1de 49

QUESTÕES DE PROVA

1 – Alternative Concursos - Prefeitura de Sul Brasil - SC - Educador Social - 2017

De acordo com a Lei Orgânica da Assistência Social - LOAS (Lei n.º 8.742/93), art.
6º -C, § 1º , o ________ é a unidade pública municipal, de base territorial, localizada
em áreas com maiores índices de vulnerabilidade e risco social, destinada à
articulação dos serviços socioassistenciais no seu território de abrangência e à
prestação de serviços, programas e projetos socioassistenciais de proteção social
básica às famílias. Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna
acima:

a) CREAS d) CRAS

b) LOAS e) CNAS

c) SUAS

2 - Alternative Concursos - Prefeitura de Sul Brasil - SC - Educador Social - 2017

De acordo com a Lei Orgânica da Assistência Social - LOAS (Lei n.º 8.742/93), art.
2º , a assistência social tem por objetivos, exceto:

a) A proteção social.

b) A proteção à família, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice.

c) O amparo às crianças e aos adolescentes carentes.

d) Promoção da integração ao mercado de trabalho.

e) A garantia de 1 (um) salário-mínimo de benefício mensal ao idoso que tenha mais


de 60 (sessenta) anos.

3 - CESPE - TRT - 8ª Região (PA e AP) - Analista Judiciário - Serviço Social - 2016

De acordo com a Lei Orgânica da Assistência Social, assinale a opção correta.

a) Os princípios da assistência social incluem a ampla divulgação dos benefícios,


serviços, programas e projetos assistenciais, bem como dos recursos oferecidos
pelo poder público e dos critérios para sua concessão.

36
b) O benefício de prestação continuada pode ser transferido a dependentes de até
vinte e um anos de idade, em caso de morte do beneficiário.

c) O Conselho Nacional de Assistência Social deve ser presidido pelo titular do


órgão da administração pública federal coordenador da política de assistência
social, enquanto durar sua gestão nesse órgão.

d) A proteção social básica refere-se a um conjunto de ações direcionadas à


proteção de crianças e adolescentes que vivenciaram situações de violação de
direitos.

e) A pessoa com deficiência que recebe o benefício de prestação continuada não


pode ser contratada por empresas na condição de aprendiz.

4 - FCC - DPE-BA - Defensor Público - 2016

A Assistência Social organiza-se a partir de diferentes tipos de proteção social,


em relação aos quais é correto afirmar, segundo o que define e prescreve a Lei
Orgânica da Assistência Social - LOAS, que:

a) a proteção social primária e a proteção social secundária são de responsabilidade


dos Centros de Referência Estaduais de Assistência Social - Creas, sendo a
proteção social terciária atribuição dos Centros de Referência de Assistência
Social, mantidos pelos municípios.

b) a proteção social especial corresponde ao conjunto de serviços, programas e


projetos que tem como um de seus objetivos contribuir para reconstrução de
vínculos familiares e comunitários.

c) a proteção social básica corresponde ao conjunto de serviços, programas e


projetos que tem como um de seus objetivos a proteção de famílias e indivíduos
para o enfrentamento das situações de violação de direitos.

d) a proteção social especial será ofertada precipuamente no Centro de Referência


de Assistência Social - Cras.

e) a proteção social terciária engloba os serviços assistenciais de maior


complexidade e menor incidência, destinados à reinserção social e à reabilitação de
indivíduos e famílias.

5 - CESPE - DPU - Assistente social - 2016

No final de 1993, com a aprovação da Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS),


efetivou-se a assistência social como dever do Estado e direito do cidadão.

37
Considerando a política de assistência social e os mínimos sociais previstos na
LOAS, julgue o item subsequente.

Os direitos assistenciais têm características diferenciadas, pois asseguram


prestação monetária continuada e caracterizam-se por ser um direito pessoal e
intransferível, como, por exemplo, o benefício de prestação continuada.

( ) Certo ( ) Errado

6 - CESPE - DPU - Assistente social - 2016

No final de 1993, com a aprovação da Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS),


efetivou-se a assistência social como dever do Estado e direito do cidadão.
Considerando a política de assistência social e os mínimos sociais previstos na
LOAS, julgue o item subsequente.

A política de mínimos sociais foi implementada por meio de benefícios


continuados no valor de um salário mínimo para idosos com sessenta anos de
idade ou mais e portadores de deficiência com renda familiar de até metade do
salário mínimo, per capita.

( ) Certo ( ) Errado

7 - CESPE - DPU - Assistente social - 2016

No final de 1993, com a aprovação da Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS),


efetivou-se a assistência social como dever do Estado e direito do cidadão.
Considerando a política de assistência social e os mínimos sociais previstos na
LOAS, julgue o item subsequente.

O benefício de prestação continuada constitui-se em benefício individual que


exige comprovação de não possuir meios de garantia do próprio sustento nem tê-
lo provido por sua família, e que dispensa a contribuição com a Previdência Social
para acessá-lo.

( ) Certo ( ) Errado

38
8 - FMP Concursos - DPE-PA - Defensor Público - 2015

A Lei Orgânica da Assistência Social (Lei 8.742/93) estabelece, entre outros,


como princípio:

a) a universalidade de participação nos planos previdenciários.

b) a igualdade de direitos no acesso ao atendimento, sem discriminação de


qualquer natureza, garantindo-se equivalência às populações urbanas e rurais.

c) a uniformidade e equivalência dos benefícios e serviços às populações urbanas e


rurais;

d) a seletividade e distributividade na prestação dos benefícios.

e) o caráter democrático e descentralizado da gestão administrativa, com a


participação do governo e da comunidade.

9 - CESPE - STJ - Analista Judiciário - Serviço Social - 2015

Conforme a legislação social em vigor, julgue o item seguinte.

Supremacia do atendimento das necessidades sociais; universalização dos


direitos sociais; respeito à dignidade do cidadão; igualdade de direitos no acesso
ao atendimento; e divulgação ampla dos benefícios, serviços, programas e
projetos assistenciais são princípios da Lei Orgânica de Assistência Social.

( ) Certo ( ) Errado

10 - CESPE - STJ - Analista Judiciário - Serviço Social - 2015

Conforme a legislação social em vigor, julgue o item seguinte.

Conforme a Lei Orgânica de Assistência Social, a gestão das ações na área de


assistência social é organizada em sistema descentralizado e participativo, cujos
principais objetivos incluem a consolidação da gestão compartilhada; a
integração entre a rede pública e a rede privada de serviços, programas, projetos
e benefícios de assistência social; e a definição dos níveis de gestão - respeitadas
as diversidades regionais e municipais.

( ) Certo ( ) Errado

39
11 - FUNRIO - UFRB - Assistente social - 2015

Sobre a lei orgânica de assistência social (LOAS) lei 8742, atualizada pela lei
12435/2011, é correto afirmar no que tange a:

a) sua coordenação se dá por meio do Ministério de Bem-Estar Social.

b) sua gestão se dá por meio da vigilância socioassistencial de caráter consultivo.

c) sua gestão é descentralizada e participativa, denominada Sistema Único de


Assistência Social (SUAS).

d) sua gestão se dá exclusivamente, pelos Conselhos de Direitos e pelos Conselhos


Municipais e Estaduais.

e) sua coordenação se dá pelo órgão da Administração Pública Federal responsável


pela coordenação da Política Nacional de Assistência Social.

12 - FCC - DPE-RR - Assistente social - 2015

Um assistente social recebeu uma solicitação para instruir um procedimento que


tinha como tema a concessão do Benefício de Prestação Continuada, instituído
pela Constituição Federal de 1988 e regulamentado pela Lei Orgânica da
Assistência Social - LOAS, Lei n°8.742/1993. Com base nos critérios de
concessão, estão autorizados a receber esse benefício pessoas.

a) idosas com mais de 60 anos, conforme indica o estatuto do idoso e pessoas com
deficiência, cuja renda per capita seja de até 1/4 do salário mínimo.

b) com deficiência física e mental, de forma exclusiva, que não tenham como se
sustentar e nem podem ser sustentadas por sua família.

c) com deficiência e idosos, com 65 (sessenta e cinco) anos ou mais, que comprovem
não possuir meios de prover a própria manutenção nem de tê-la provida por sua
família, cuja renda per capita seja de até 1/4 do salário mínimo.

d) idosas acima de 60 anos e pessoas com deficiência que estejam acamadas e sob
os cuidados da família ou instituição de acolhimento.

e) idosas acima de 65 anos e pessoas com deficiência, cuja renda per capita seja de
até 1/2 salário mínimo.

40
13 - CESPE - MPOG - Assistente social - 2015

A Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS) define benefícios assistenciais que


podem ser garantidos à população de acordo com critérios e avaliações. Com
base nessa lei, julgue o item seguinte, relativo a natureza, periodicidade e
características desses benefícios.

O benefício de prestação continuada (BPC) garante um salário mínimo mensal à


pessoa com deficiência permanente ou ao idoso a partir dos sessenta anos de
idade que comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção, nem
de tê-la provida por sua família; esse benefício é revisto a cada quatro anos, para
que se possa reavaliar a continuidade das condições que lhe deram origem.

( ) Certo ( ) Errado

14 - IDECAN - Prefeitura de Duque de Caxias - RJ - Assistente social - 2014

Segundo a Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS - Lei Federal nº 8.742/93), o


Benefício de Prestação Continuada (BPC) é um direito de cidadania das pessoas
idosas ou com deficiência. Sobre os critérios que devem ser atendidos para a
concessão do BPC, marque V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas.

( ) A situação de internado causa prejuízo ao direito do idoso ou da pessoa com


deficiência ao BPC.

( ) Deve ser comprovada a renda per capita familiar inferior a 50% do salário
mínimo; a informação documental sobre a composição e renda familiar deve ser
analisada mediante avaliação socioeconômica do assistente social do Instituto
Nacional do Seguro Social (INSS); critério exigível para o idoso, desempregado e
para pessoa com deficiência.

( ) Deve haver a comprovação da deficiência e do nível da incapacidade para a vida


independente e para o trabalho, temporária ou permanente, atestada por meio de
perícia médica e social do INSS, avaliação necessária apenas no caso do solicitante
ser pessoa com deficiência, considerada a dispensa da avaliação da capacidade
laboral dos adolescentes menores de 16 anos.

( ) Deve haver a comprovação da deficiência e do nível da incapacidade para a vida


independente e para o trabalho, temporária ou permanente, atestada por meio de

41
perícia médica e social do INSS, avaliação indispensável a qualquer concessão do
BPC, considerada apenas dispensa da avaliação da capacidade laboral dos menores
de 18 anos.

A sequência está correta em:

a) F, F, F, V. d) V, V, V, F.

b) F, F, V, F. e) V, V, F, V.

c) F, V, V, F.

15 - FUNCAB - SEDS-TO - Analista - 2014

A Lei Orgânica da Assistência Social define a assistência social como direito do


cidadão e dever do Estado, parte constitutiva da Política de Seguridade Social
que:

a) objetiva proteção universal.

b) provê mínimos sociais.

c) realiza ações exclusivamente da iniciativa pública.

d) apresenta caráter contributivo.

16 - MPE-RS - MPE-RS - Assistente social - 2014

Considere as seguintes afirmações no que se refere às especificações de


entidades e organizações consideradas de assistência social.

I. São de atendimento aquelas que, de forma continuada, executam programas ou


projetos no âmbito da assistência social, da saúde e da educação dirigidos às
famílias e indivíduos em situações de vulnerabilidade ou risco social e pessoal.

II. São de assessoramento aquelas que, de forma continuada, permanente e


planejada, prestam serviços e executam programas ou projetos voltados
prioritariamente para o fortalecimento dos movimentos sociais e das organizações
de usuários, formação e capacitação de lideranças, dirigidos ao público da política
de assistência social.

42
III. São de defesa e garantia de direitos aquelas que, de forma continuada,
permanente e planejada, prestam serviços e executam programas e projetos
voltados prioritariamente para a defesa e efetivação dos direitos
socioassistenciais, construção de novos direitos, promoção da cidadania,
enfrentamento das desigualdades sociais, articulação com órgãos públicos de
defesa de direitos, dirigidos ao público da política de assistência social.

Quais estão corretas de acordo com o artigo 3º da Lei nº 8742 /1993 (Lei Orgânica
da Assistência Social)?

a) Apenas I. d) Apenas II e III.

b) Apenas II. e) I, II e III.

c) Apenas III.

17 - UPENET/IAUPE - Prefeitura de Paulista - PE - Pedagogo - 2014

Conforme o Art. 4º, da Lei Orgânica da Assistência Social, Nº 8.742, de 7 de


dezembro de 1993, sobre os princípios que regem a assistência social, analise os
itens abaixo:

I. Supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de


rentabilidade econômica.

II. Universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da ação


assistencial alcançável pelas demais políticas públicas.

III. Respeito à dignidade do cidadão, à sua autonomia e ao seu direito a benefícios e


serviços de qualidade bem como à convivência familiar e comunitária, vedando-se
qualquer comprovação vexatória de necessidade.

IV. Igualdade de direitos no acesso ao atendimento, sem discriminação de qualquer


natureza, garantindo-se equivalência às populações urbanas e rurais.

V. Divulgação ampla dos benefícios, serviços, programas e projetos assistenciais


bem como dos recursos oferecidos pelo Poder Público e dos critérios para sua
concessão.

43
Estão CORRETOS:

a) I, II e III, apenas. d) II, IV e V, apenas.

b) II, III e IV, apenas. e) I, II, III, IV e V.

c) I, II e IV, apenas.

18 - COSEAC - UFF - Assistente social - 2014

Segundo a Lei Orgânica da Assistência Social - Lei nº 8.742/1993, a assistência


social rege-se por alguns princípios fundamentais. Dentre eles, destaca-se:

a) participação da população, por meio de organizações representativas, na


formulação da política de assistência.

b) supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de


rentabilidade econômica.

c) primazia da responsabilidade do Estado na condição da política de assistência


social em cada esfera de governo

d) descentralização político-administrativa na execução da política de seguridade


social.

e) destinação de recursos - por parte da União - para estados e municípios na


implementação da política nacional de assistência social.

19 - CONSULPLAN - CBTU - Analista de Gestão - Serviço Social - 2014

De acordo com a Lei Orgânica da Assistência Social nº 8.742/1993, a Assistência


Social, direito do cidadão e dever do Estado, é Política de Seguridade Social não
contributiva, que provê os mínimos sociais, realizada através de um conjunto
integrado de ações de iniciativa pública e da sociedade, para garantir o
atendimento às necessidades básicas. NÃO corresponde a especificações do
objetivo da Assistência Social relacionada à proteção social e que visa à garantia
da vida, à redução de danos e à prevenção da incidência de riscos:

a) Promoção da integração ao mercado de trabalho.

b) Proteção à família, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice.

c) Habilitação e reabilitação das pessoas com deficiência e a promoção de sua


integração à vida comunitária.

44
d) Garantia de meio salário mínimo de benefício mensal à pessoa com deficiência e
ao idoso que comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção ou de
tê-la provida por sua família.

20 - CETRO - IF-PR - Assistente social - 2014

Analise as assertivas abaixo, referentes à Lei Orgânica da Assistência Social, que


abordam os Princípios Democráticos relacionados na referida Lei.

I. É um dos princípios democráticos da Política Nacional de Assistência Social a


primazia da responsabilidade do Estado na condução da política de assistência
social em cada esfera de governo.

II. É um dos princípios democráticos da Política Nacional de Assistência Social a


divulgação ampla dos benefícios, serviços, programas e projetos assistenciais, bem
como dos recursos oferecidos pelo poder público dos critérios para sua concessão.

III. É um dos princípios democráticos da Política Nacional de Assistência Social a


descentralização político-administrativa, cabendo a coordenação e as normas
gerais à esfera federal.

IV. É um dos princípios democráticos da Política Nacional de Assistência Social a


execução dos programas de responsabilidade das esferas estadual e municipal,
bem como as entidades beneficentes e de assistência social.

É correto o que se afirma em:

a) I, II, III e IV. d) III, apenas.

b) I, apenas. e) I e IV, apenas.

c) II, apenas.

21 - FGV - TJ-RJ - Analista Judiciário - Assistência Social - 2014

A Lei Orgânica da Assistência Social cria uma nova matriz para a Assistência
Social no Brasil, na medida em que:

a) insere-a no campo da Seguridade Social, juntamente com a Saúde e a


Previdência;

45
b) implementa o Sistema Único de Assistência Social (SUAS);

c) introduz critérios de seletividade para a distribuição dos benefícios assistenciais;

d) amplia o mercado de trabalho para os assistentes sociais;

e) atribui à Assistência Social a centralidade sobre as demais políticas sociais.

22 - FCC - SABESP - Analista de Gestão - Serviço Social - 2014

A Lei n° 12.435/12, que altera a Lei Orgânica da Assistência Social de 1993, no


artigo 16 trata da competência dos conselhos. É correto afirmar sobre suas
atribuições:

a) Realização de conferências por local e por região distrital de forma obrigatória


para a condensação das propostas para as conferências municipais, regionais,
estaduais e nacional; definição de prioridades para intervenção da política de
assistência social, sobretudo criança e adolescente, idoso e pessoa com deficiência.

b) Realização da execução da política de assistência social, elaboração dos Planos


Plurianuais nas três esferas de governo (nacional, estadual e municipal), de acordo
com seu âmbito de atuação. Os conselhos deverão ser regulamentados mediante
lei específica.

c) Acompanhamento do planejamento, do orçamento e do sistema de


monitoramento e avaliação nas três esferas de governo e no Distrito Federal. Para
tanto é obrigatório que os conselhos sejam instituídos por medida provisória e seus
termos devem estar em consonância com as deliberações da primeira conferência
realizada em cada esfera de governo.

d) Acompanhamento da execução da política de assistência social, apreciação e


aprovação da proposta orçamentária, em consonância com as diretrizes das
conferências nacionais, estaduais, distrital e municipais. De acordo com seu âmbito
de atuação, deverão ser instituídas, respectivamente, pelos Estados, pelo Distrito
Federal e pelos Municípios, mediante lei específica.

e) Estabelecimento de critérios de partilha de recursos para a definição de termo


de convênio com a rede de serviços socioassistenciais não governamental;
composição de comissão de registro das entidades junto ao Conselho Nacional de
Assistência Social (CNAS) e instituição dos conselhos nas três esferas de governo
por meio de instrução normativa.

46
23 - FUNCAB - PRODAM-AM - Assistente social - 2014

De acordo com a Lei Orgânica da Assistência Social, é condição para os repasses


dos recursos, aos municípios, aos estados e ao Distrito Federal, a efetiva
instituição e funcionamento do:

a) Conselho de Assistência Social, do Fundo de Assistência Social e do Plano de


Assistência Social.

b) Conselho Estadual de Assistência Social e dos Conselhos Municipais de


Assistência Social.

c) Programa de atenção primária e de seu respectivo controle orçamentário.

d) Controle e do acompanhamento dos serviços, programas e benefícios.

e) Programa de fiscalização e do acompanhamento do Fundo deAssistência Social.

24 - CETRO - FUNDAÇÃO CASA - Assistente social - 2014

Conforme a LOAS, compete ao CNAS (Conselho Nacional de Assistência Social):

a) acompanhar e avaliar a gestão dos recursos, bem como os ganhos sociais e o


desempenho dos programas e projetos aprovados.

b) o desenvolvimento de projetos e pesquisas para melhoria da atuação dos


profissionais que exercem função na assistência pública.

c) a prestação de assessoramento técnico às entidades públicas e às Instituições


não Governamentais.

d) a coordenação e a articulação das entidades beneficentes.

e) promover recursos para pagamento de benefícios de prestação continuada.

25 - CETRO - FUNDAÇÃO CASA - Assistente social - 2014

No tocante à LOAS, assinale a alternativa cuja abordagem de um dos princípios


da Assistência Social encontra-se mencionada de forma correta.

a) Acesso ao atendimento diferenciado, observando as peculiaridades existentes


entre as populações urbana e rural.

b) Atendimento populacional centralizado, direcionado, tendo como base a


autonomia administrativa.

47
c) Divulgação de benefícios, serviços, programas e projetos assistenciais e recursos
direcionados à população de regiões carentes.

d) Supremacia da rentabilidade econômica sobre o atendimento das necessidades


sociais.

e) Universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da ação


assistencial alcançável pelas demais políticas públicas.

26 - CEC - Prefeitura de Piraquara - PR - Assistente social - 2014

De acordo com a Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), no seu artigo 4.º, a
Assistência Social rege-se pelos seguintes princípios, EXCETO pela:

a) supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de


rentabilidade econômica.

b) universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da ação


assistencial alcançável pelas demais políticas públicas.

c) respeito à dignidade do cidadão, à sua autonomia e ao seu direito a benefícios e


serviços de qualidade, bem como à convivência familiar e comunitária, vedando-se
qualquer comprovação vexatória de necessidade.

d) igualdade de direitos no acesso ao atendimento, sem discriminação de qualquer


natureza, garantindo-se equivalência às populações urbanas e rurais

e) implementar a gestão do trabalho e a educação permanente na assistência social.

27 - FGV - DPE-RJ - Técnico Superior Especializado - Serviço Social - 2014

Segundo o que preconiza a Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), constitui


um dos princípios que regem a assistência social:

a) supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de


rentabilidade econômica de acordo com a capacidade de investimento de cada
esfera de governo.

b) universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da ação


assistencial alcançável pelas demais políticas públicas e filantrópicas.

c) divulgação ampla dos benefícios, serviços, programas e projetos assistenciais,


bem como dos recursos oferecidos pelo Poder Público e dos critérios para sua
concessão.

48
d) igualdade de direitos no acesso ao atendimento, sem discriminação de qualquer
natureza, garantindo-se equivalência aos cidadãos de todas as faixas etárias.

e) respeito à dignidade do cidadão, à sua autonomia e ao seu direito a benefícios e


serviços de qualidade, bem como à convivência familiar e comunitária, a partir da
comprovação de necessidade e mérito individuais.

28 - COSEAC - UFF - Assistente social - 2014

Segundo a análise de Simões (2006), a LOAS instituiu algumas instâncias


deliberativas na implementação da referida lei como o(s):

a) Conselho Nacional de Assistência Social.

b) Conselhos Municipais de Saúde.

c) Conselho Municipal da Criança e do Adolescente.

d) Conselho Nacional dos Portadores de Deficiência.

e) Conselho Estadual da Pessoa Idosa.

29 - CESPE - Câmara dos Deputados - Analista Legislativo - 2014

No que se refere à Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o próximo


item.

Conforme a LOAS, é responsabilidade do Estado conduzir a política de


assistência social em cada esfera de governo, cabendo ao Estado assegurar as
condições financeiras, institucionais e políticas necessárias à materialização
dessa política.

( ) Certo ( ) Errado

30 - CEC - Prefeitura de Piraquara - PR - Assistente social - 2014

Assinale a alternativa que completa corretamente o texto a seguir:

Conforme o artigo 16.° da Lei 8.742, de 7 de dezembro de 1993, da Lei Orgânica


de Assistência Social, as instâncias deliberativas do Sistema Único de Assistência

49
Social (Suas), de caráter permanente e composição paritária entre governo e
sociedade civil, são___________________________________________________.

a) O Conselho Nacional de Assistência Social, os Conselhos Estaduais de


Assistência Social e os Conselhos Municipais de Assistência Social.

b) O Conselho Nacional de Assistência Social, os Conselhos Estaduais de


Assistência Social, o Conselho de Assistência Social do Distrito Federal e os
Conselhos Municipais de Assistência Social.

c) O Conselho Nacional de Assistência Social, os Conselhos Estaduais de


Assistência Social, o Conselho de Assistência Social do Distrito Federal e o Sistema
Único de Saúde.

d) O Conselho Nacional de Assistência Social, os Conselhos Estaduais de


Assistência Social, o Conselho de Assistência Social do Distrito Federal e o
Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome

e) O Conselho Nacional de Assistência Social, os Conselhos Estaduais de


Assistência Social, o Conselho de Assistência Social do Distrito Federal e os
Conselhos Municipais de Assistência Social e Fundo Nacional de Assistência Social

31 - CESPE - Polícia Federal - Assistente social - 2014

Tendo como referência a Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), a Política


Nacional de Assistência Social (PNAS) e o Sistema Único da Assistência Social
(SUAS), julgue os próximos itens.

A LOAS apresenta uma concepção de assistência social calcada em uma


perspectiva a-histórica e distanciada da análise da relação entre Estado e
sociedade.

( ) Certo ( ) Errado

32 - TRF - 2ª Região - TRF - 2ª REGIÃO - Juiz federal - 2014

A seguridade social abrange as ações de assistência social. Relativamente ao


benéfico assistencial da Lei nº 8742/1993, mais conhecida como ?LOAS? (Lei
Orgânica da Assistência Social), assinale a opção correta:

a) O critério para aferir miserabilidade é o tipificado na Lei n º 8.742/1993, qual a


renda mensal familiar per capita inferior a ¼ do salário mínimo.

50
b) A Turma Nacional de Jurisprudência dos Juizados Especiais Federais (TNU), em
incidente de uniformização de jurisprudência, pode e deve reanalisar a questão de
fato relativa à miserabilidade para, quando for o caso, conceder o benefício.

c) O benefício previdenciário recebido por membro da família não é considerado,


para fins de deferimento do benefício assistencial, na contagem da renda familiar
referida pela Lei nº 8742/1993.

d) O deferimento do benefício assistencial, no exame da miserabilidade econômica,


exige prova pericial sociológica ou laudo de verificação por assistente social, não
sendo suficiente a mera aferição atestada por Oficial de Justiça.

e) A incapacidade não precisa ser permanente para fins de concessão do benefício


assistencial de prestação continuada.

33 - UPENET/IAUPE - Prefeitura de Paulista - PE - Pedagogo - 2014

Conforme o Art. 2o , da Lei Federal n.º 8.742, de 7 de dezembro de 1993, LOAS, a


assistência social tem por objetivos, considerando o inciso I e suas alíneas, a
proteção social, que visa à garantia da vida, à redução de danos e à prevenção da
incidência de riscos, especialmente:

a) a proteção à família, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice.

b) o amparo a todas as crianças e aos adolescentes, independente de classe e


origem social.

c) a promoção da integração ao mercado de trabalho para os que tiverem


qualificação devida.

d) a habilitação e reabilitação das pessoas com deficiência e a promoção de


integração em espaços próprios para deficientes.

e) a garantia de 1 (um) salário-mínimo mensal à pessoa com deficiência e ao idoso,


independente da renda familiar.

34 - CESPE - Polícia Federal - Assistente social - 2014

Tendo como referência a Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), a Política


Nacional de Assistência Social (PNAS) e o Sistema Único da Assistência Social
(SUAS), julgue os próximos itens.

51
A LOAS objetiva estabelecer normas técnicas para a implementação da
assistência social, além de expressar o esforço coletivo da sociedade em englobar
fatos e valores da vida contemporânea, de modo a atribuir-lhes vigência jurídica.

( ) Certo ( ) Errado

35 - CESPE - Câmara dos Deputados - Analista Legislativo - 2014

No que se refere à Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o próximo


item.

O benefício de prestação continuada é um benefício vitalício garantido a idosos


com mais de sessenta anos de idade e a pessoas com deficiência, desde que eles
sejam considerados incapazes de prover a sua própria manutenção ou de tê-la
provida por suas famílias.

( ) Certo ( ) Errado

36 - CESPE - Polícia Federal - Assistente social - 2014

Tendo como referência a Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), a Política


Nacional de Assistência Social (PNAS) e o Sistema Único da Assistência Social
(SUAS), julgue os próximos itens.

A proteção social básica objetiva especificamente amparar a população que vive


em situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza, da privação e(ou)
que apresenta fragilização de vínculos afetivo-relacionais e de pertencimento
social.

( ) Certo ( ) Errado

37 - CETRO - FUNDAÇÃO CASA - Assistente social - 2014

Analise as assertivas abaixo, que se referem à política de Assistência Social, de


acordo com a LOAS.

52
I. Representa diretriz da Assistência Social a participação da iniciativa privada,
obedecendo a preceitos constitucionais.

II. Representa diretriz da Assistência Social a participação da população, por meio


de organizações representativas, na formulação e no controle das ações em todos
os níveis.

III. Representa diretriz da Assistência Social a contribuição adicional custeada para


complemento do atendimento.

É correto o que se afirma em:

a) I, II e III. d) III, apenas

b) I, apenas e) I e III, apenas.

c) II, apenas.

38 - CESPE - Polícia Federal - Assistente social - 2014

Tendo como referência a Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), a Política


Nacional de Assistência Social (PNAS) e o Sistema Único da Assistência Social
(SUAS), julgue os próximos itens.

A assistência social objetiva a proteção social, que, por sua vez, visa à garantia da
vida, à redução de danos e à prevenção da incidência de riscos por meio de ações
como, por exemplo, a promoção da integração dos cidadãos ao mercado de
trabalho.

( ) Certo ( ) Errado

39 - CESPE - Polícia Federal - Assistente social - 2014

Tendo como referência a Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), a Política


Nacional de Assistência Social (PNAS) e o Sistema Único da Assistência Social
(SUAS), julgue os próximos itens.

As diretrizes da PNAS incluem a centralidade na família para a concepção e a


implementação de benefícios, serviços, programas e projetos de assistência

53
social. Essa concepção também está preconizada no SUAS, que, além de priorizar
a centralidade na família e na matricialidade sociofamiliar, estabelece padrões de
atendimento, nomenclatura dos equipamentos, indicadores de avaliação e
resultados.

( ) Certo ( ) Errado

40 - CEC - Prefeitura de Piraquara - PR - Assistente social - 2014

Numere a coluna da direita de acordo com a sua correspondência com a coluna


da esquerda:

1. Transferência de renda

2. Benefício de Prestação Continuada

3. Benefícios Eventuais

( ) Previstos nos artigos 20 e 21 da Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), n.°


8742/93, é provido pelo governo federal, consistindo no repasse de 1 (um) salário
mínimo mensal ao idosos (com 65 anos ou mais) e à pessoa com deficiência que
comprove não ter meios para suprir sua sobrevivência ou de tê-la suprida por sua
família. Esse benefício compõe o nível de proteção social básica, sendo o repasse
efetuado diretamente ao beneficiário

( ) São previstos no artigo 22 da LOAS, e visam ao pagamento de auxílio por


natalidade ou morte, ou ainda que visem atender às necessidades advindas de
situações de vulnerabilidade temporária, com prioridade para a criança, a família, a
pessoa idosa, a pessoa com deficiência, a gestante, a nutriz e nos casos de
calamidade pública.

( ) Programas que visam ao repasse de recursos dos fundos de assistência social


aos beneficiários como forma de acesso à renda, visando ao combate à fome, à
pobreza e a outras for mas de privatização de direitos que levem à situação de
vulnerabilidade social, criando possibilidades para a emancipação, o exercício da
autonomia das famílias e indivíduos e o desenvolvimento local.

54
Assinale a alternativa que, de cima para baixo, apresenta a sequência correta:

a) 1 - 3 - 2 d) 1 - 2 - 3

b) 2 - 3 - 1 e) 3 - 1 - 2

c) 3 - 2 - 1

41 - CETRO - IF-PR - Assistente social - 2014

Analise as assertivas abaixo referentes à prestação de assistência aos cidadãos


maiores de 60 anos no país e que dizem respeito às diretrizes constantes na Lei
Orgânica da Assistência Social.

I. O benefício já concedido a qualquer membro da família não será computado para


fins de cálculo da renda familiar per capita a que se refere a LOAS.

II. Todas as entidades de longa permanência, ou casa- lar, são obrigadas a firmar
contrato de prestação de serviços com a pessoa idosa abrigada. Se a pessoa idosa
for incapaz, isso caberá a seu representante legal.

III. As entidades filantrópicas ou casa-lar recebem do governo subvenções e


repasse de verbas, estando desautorizadas a realizar a cobrança de participação do
idoso atendido no custeio da entidade.

É correto o que se afirma em:

a) I, apenas. d) I, II e III.

b) III, apenas. e) I e II, apenas.

c) II, apenas.

42 - CONSULPLAN - CBTU - Analista de Gestão - Serviço Social - 2014

A política de Assistência Social, legalmente reconhecida como direito social e


dever estatal pela Constituição de 1988 e pela Lei Orgânica de Assistência Social
(LOAS), vem sendo regulamentada intensivamente pelo Governo Federal, com
aprovação pelo Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS), por meio da
Política Nacional de Assistência Social (2004) e do Sistema Único de Assistência
Social (2005). Sobre os objetivos desse processo, analise.

55
I. Estabelecer critérios objetivos de partilha de recursos entre os serviços
socioassistenciais e entre estados, DF e municípios.

II. Estabelecer uma relação sistemática e interdependente entre programas,


projetos, serviços e benefícios, como o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e
o Bolsa Família.

III. Fortalecer a relação democrática entre planos, fundos, conselhos e órgão


gestor.

IV. Garantir o repasse automático e regular recursos fundo a fundo e para instituir
um sistema informatizado de acompanhamento e monitoramento até então não
existente.

Estão corretas as afirmativas:

a) I, II, III e IV. c) I, II e IV, apenas.

b) I e III, apenas. d) II, III e IV, apenas.

43 - FCC - TRT - 5ª Região (BA) - Analista Judiciário - Serviço Social

Todo o cidadão pode enfrentar uma contingência social que não foi planejada, de
ocorrência incerta, mas possível de acontecer, e que pode implicar riscos
(ameaças de sérios padecimentos), perdas (privação de bens e segurança social)
e danos (agravos sociais e ofensas à integridade moral e cívica de pessoas e
famílias). Parcela da população que enfrenta essas contingências sociais
necessitam de provisões pontuais previstas no Art. 22 da Lei Orgânica da
Assistência Social que podem ser identificadas como:

a) benefícios eventuais que são prestados aos cidadãos e às famílias em virtude de


nascimento, morte, situações de vulnerabilidade temporária e de calamidade
pública.

b) programas de transferência de renda que visam ao repasse direto de recursos


aos beneficiários como forma de acesso à renda, visando ao combate à fome, à
pobreza e outras formas de privação de direitos que levem à situação de
vulnerabilidade social.

c) programas que compreendem ações integradas e complementares, com


objetivos, tempo e área de abrangência, definidos para qualificar, incentivar,
potencializar e melhorar os benefícios e os serviços assistenciais.

56
d) serviços que visam à melhoria da vida da população, cujas ações estejam voltadas
para as necessidades básicas da população, observando os objetivos, princípios e
diretrizes estabelecidas na legislação.

e) projetos que se caracterizam como investimentos econômicos sociais nos


grupos populacionais em situação de pobreza buscando subsidiar técnica e
financeiramente iniciativas que lhes garantam meios e capacidade produtiva e de
gestão, para a melhoria das condições gerais de subsistência.

44 - FCC - AL-PB - Procurador

Nos termos da Lei Orgânica da Assistência Social - Lei no 8.742/93, é correto


afirmar que:

a) é competência estadual a prestação dos serviços assistenciais cujos custos ou


ausência de demanda municipal justifiquem uma rede regional de serviços,
desconcentrada, no âmbito do respectivo Estado.

b) a promoção da integração ao mercado de trabalho não se constitui em objetivo


da assistência social por falta de previsão legal.

c) é da competência concorrente dos Estados e dos Municípios responder pela


concessão e manutenção dos benefícios de prestação continuada definidos no art.
203 da Constituição Federal.

d) o benefício de prestação continuada é a garantia de 02 (dois) salários mínimos


mensais à pessoa com deficiência e ao idoso com 70 (setenta) anos ou mais que
comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção nem de tê-la
provida por sua família.

e) a organização da assistência social tem como base a diretriz da centralização


político-administrativa e o comando único das ações apenas pelos municípios, onde
estarão inseridas as políticas sociais próximas da população carente.

45 - CESPE - MPU - Analista - Serviço Social

Com base nas políticas de seguridade social, julgue o item seguinte.

A implantação da Lei Orgânica de Assistência Social acarretou a extinção de


alguns benefícios existentes anteriormente no âmbito da previdência social,
quais sejam: renda mensal vitalícia, auxílio-natalidade e auxílio-funeral.

( ) Certo ( ) Errado

57
46 - CESPE - UNIPAMPA - Assistente social

Acerca dos benefícios, programas e instâncias de controle social, definidos na Lei


Orgânica da Assistência Social, julgue o item que se segue.

O benefício de prestação continuada, concedido à pessoa com deficiência, será


suspenso pelo órgão concedente quando o beneficiário exercer atividade
remunerada, podendo ser requerida a continuidade do benefício suspenso
quando a atividade trabalhista for extinta e não houver outro benefício
previdenciário sendo pago à pessoa.

( ) Certo ( ) Errado

47 - FGV - FUNDAÇÃO PRÓ-SANGUE - Assistente social

A Lei Orgânica de Assistência Social que assegura à população a assistência social


como um direito de cidadania. Ela instituiu um sistema de órgãos de competência
deliberativa, dentre os quais se destaca o Conselho Nacional de Assistência
Social.

Sobre as competências específicas deste órgão, avalie as afirmativas abaixo e


assinale V para a verdadeira e F para a falsa.

( ) Coordena e executa as ações de prestação dos serviços socioassistenciais em


todo o país.

( ) Aprova os critérios de transferência de recursos para os Estados e Municípios.

( ) Acompanha e avalia a gestão dos recursos e os resultados dos programas


aprovados.

As afirmativas são, respectivamente:

a) F, V e F. d) V, V e F.

b) F, V e V. e) F, F e V.

c) V, F e F.

58
48 - FUNCAB - SESACRE - Assistente social

De acordo com a Lei nº 8.742, de 1993, Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS),
assinale a alternativa que constitui-se como uma de suas diretrizes.

a) Supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de


rentabilidade econômica.

b) Participação da população, por meio de organizações representativas, na


formulação das políticas e no controle das ações em todos os níveis.

c) A promoção de integração ao mercado de trabalho.

d) Universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da ação


assistencial alcançável pelas demais políticas públicas.

e) A proteção à família, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice

49 - IBFC - HEMOMINAS - Assistente social

Aldaiza Sposati, no livro ?A menina LOAS: um processo de construção da


Assistência Social? analisa a Lei Orgânica da Assistência Social - LOAS,
comparando-a a uma família. Neste sentido, afirma que ?A assistência social não
nasce como política no mesmo dia do nascimento da LOAS. Ela é bem mais velha.
É mais um caso de atraso de registro de nascimento.... Fazer o registro de
nascimento em data atrasada pode ser vontade de fazer coincidir com o dia de
padroeiro mas, em geral, é situação de mãe solteira, que fica esperando a
coragem do pai, em pôr seu nome no registro da criança já nascida e crescida?
(p.8). Com base nesta análise, o pai da LOAS é:

a) A Constituição brasileira de 1988.

b) O CFESS - Conselho Federal de Serviço Social

c) O Estado brasileiro

d) Natalio Kisnermann

50 - FCC - TRT - 5ª Região (BA) - Analista Judiciário - Serviço Social

A Lei Orgânica de Assistência Social - LOAS, modificada em 2011 pela Lei no


12.435, define, em seu Artigo 3 , que:

59
a) consideram-se entidades e organizações de assistência social aquelas sem fins
lucrativos que prestam atendimento às famílias de comprovada necessidade, em
consonância com o disposto no artigo 1º dessa mesma Lei que trata sobre a
identificação da necessidade social.

b) consideram-se entidades e organizações de assistência social aquelas sem fins


lucrativos que, isolada ou cumulativamente, prestam atendimento e
assessoramento aos beneficiários abrangidos por esta Lei, bem como as que atuam
na defesa e garantia de direitos.

c) as entidades e organizações assistenciais são aquelas que receberam o atestado


de fins filantrópicos emitido pelo Conselho Nacional de Assistência Social.

d) as entidades e organizações assistenciais são aquelas que receberam o atestado


de fins filantrópicos emitido pelo Departamento de Certificação da rede
socioassistencial privada.

e) consideram-se entidades e organizações de assistência social aquelas sem fins


lucrativos que, isolada ou cumulativamente, prestam atendimento e
assessoramento aos beneficiários abrangidos por esta Lei. Retira-se da atual
edição aquelas destinadas à defesa de direitos, pois estas podem estar vinculadas
a outras políticas sociais.

51 - IBFC - SEPLAG-MG - Serviço Social

Os objetivos da assistência social, conforme redação pela Lei 12.435/2011, a qual


atualiza e dá outras providências constantes na LOAS - Lei Orgânica de
Assistência Social - Lei 8742/93, são:

a) proteção social, que visa a garantia da vida, redução de danos e prevenção de


incidência de riscos ao cidadão brasileiro.

b) protenção biopsicossocial, que visa a garantia de qualidade de vida a todos os


cidadãos brasileiros.

c) visa habilitação e reabilitação das pessoas com deficiência e sua integração à vida
comunitária, garantindo-lhe no mínimo uma salário-mínimo vigente no território
nacional, para prover sua capacitação profissional.

d) proteção social, que visa a garantia da vida, a redução de danos e a prevenção da


incidência de riscos, especialmente, voltada para proteção da família, maternidade,
infância, adolescência e velhice.

60
52 - VUNESP - FUNDAÇÃO CASA - Analista Técnico - Assistente Social

De acordo com a LOAS, art. 24, os programas de assistência social compreendem


ações integradas e complementares com objetivos, tempo e área de abrangência
definidos para qualificar, incentivar e melhorar os benefícios e os serviços
assistenciais. Ainda, conforme prevê o § 1.º, os programas de que trata este
artigo, obedecidos os objetivos e princípios que regem essa Lei, com prioridade
para a inserção profissional e social, serão definidos pelos respectivos:

a) órgãos Municipais Gestores de Assistência Social.

b) Colegiados Nacionais de Assistência Social.

c) Conselhos de Direitos Assistenciais.

d) Consórcios Interestaduais de Desenvolvimento.

e) Conselhos de Assistência Social.

53 - VUNESP - FUNDAÇÃO CASA - Analista Técnico - Assistente Social

A LOAS estabelece uma nova matriz para a assistência social brasileira, iniciando
um processo que tem como perspectiva torná-la visível como política pública e
direito dos que dela necessitarem. A inserção na Seguridade aponta também para
seu caráter de política de proteção social, articulada a outras políticas do campo
social voltadas para a:

a) parametrização das desigualdades sociais.

b) garantia de direitos e de condições dignas de vida.

c) consolidação de um sistema econômico mais justo

d) qualificação do excedente de mão de obra, considerado o crescimento do país.

e) conformação de um estado democrático de direito, igualitário.

54 - VUNESP - FUNDAÇÃO CASA - Analista Técnico - Assistente Social

Conforme previsões contidas na LOAS, artigo 3.º (redação dada pela Lei n.º
12.435/11), consideram-se entidades e organizações de assistência social
aquelas sem fins lucrativos que, isolada ou cumulativamente, prestam
atendimento e _______aos beneficiários abrangidos por esta Lei, bem como as que
atuam na_________e garantia de direitos.

61
Assinale a alternativa que completa, correta e respectivamente, as lacunas do
texto:

a) consultoria - certificação

b) acompanhamento - revogação

c) orientação - definição

d) encaminhamento - revisão

e) assessoramento - defesa

55 - IBFC - SEPLAG-MG - Serviço Social

A organização da assistência social tem por base as seguintes diretrizes


formuladas pela LOAS - Lei Orgânica da Assistência Social:

I. descentralização político-administrativa para os Estados, o Distrito Federal e os


Municípios, e comando único das ações em cada esfera de govemo.

II. participação dos profissionais das ciências humanas e sociais, através de seus
órgãos representativos para a formulação das políticas publicas em todos os níveis.

III. primazia da responsabilidade do Estado na condução da política de assistência


social em cada esfera de governo.

IV. primazia da responsabilidade do Município na condução da política de


assistência social em cada esfera do governo.

Estão corretas as afirmativas:

a) Os itens IV e I, apenas.

b) Os itens III e I, apenas

c) Os itens llel, apenas

d) Somente o item I está correto

62
56 - CESPE - SERPRO - Analista - Serviço Social

Acerca da legislação direcionada ao idoso e às pessoas com deficiência, julgue os


itens a seguir:

A Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS) distingue o benefício assistencial


destinado ao idoso daquele reservado à pessoa com deficiência, mesmo que
nenhum deles consiga prover a própria manutenção nem tê-la atendida por sua
família, uma vez que é exigida do primeiro grupo contribuição previdenciária de,
no mínimo, dezoito meses.

( ) Certo ( ) Errado

57 - VUNESP - FUNDAÇÃO CASA - Analista Técnico - Assistente Social

O processo de implantação do SUAS tem exigido inovações que rebatem na


lógica da gestão dos serviços socioassistenciais, enquanto responsabilidade,
organização e conteúdo próprios que garantem a provisão da seguridade social
no que se refere à política e assistência social. Conforme expressa o art. 23 da Lei
Orgânica da Assistência Social (LOAS) - Lei n. º 8.742/93, entendem-se por
serviços socioassistenciais as atividades continuadas que visem à melhoria de
vida da população e cujas ações, voltadas para:

a) as necessidades básicas, observem os objetivos, princípios e diretrizes


estabelecidos nessa Lei.

b) o equilíbrio entre classes sociais, considerem o atendimento de mínimos sociais.

c) as demandas próprias de um dado contexto social excludente, priorizem a


cobertura eventual de necessidades econômicas

d) toda a população, garantam cobertura igualitária, independentemente do nível


de necessidade identificado.

e) a parcela economicamente ativa, garantam a inclusão produtiva por meio do


trabalho, como contrapartida à inserção social.

58 - PUC-PR - DPE-PR - Assistente social

Entre os principais pilares da assistência social no Brasil estão a Constituição


Federal de 1988, que dá as diretrizes para a gestão das políticas públicas, e a Lei

63
Orgânica da Assistência Social (Loas), de 1993, que estabelece os objetivos,
princípios e diretrizes das ações.

Sobre a Assistência Social no Brasil, afirma-se:

I. Assistência Social como campo de ação governamental registra no Brasil duas


ações inaugurais: a primeira, em 1937, com a criação do Conselho Nacional de
Serviço Social; e a segunda, na década de 40 do século XX, com a criação da Legião
Brasileira de Assistência, a LBA.

II. A partir de 1967, com a criação do Ministério da Previdência e Assistência Social,


a Assistência Social vinculou-se ao sistema de proteção social sem definir a unidade
da política de Assistência Social no novo SINPAS - Sistema Nacional de Previdência
e Assistência Social.

III. A IV Conferência Nacional de Assistência Social, de dezembro de 2003, aprovou


uma nova agenda política para o reordenamento da gestão das ações
descentralizadas e participativas de Assistência Social no Brasil.

IV. A implantação do SUAS, modelo de gestão para todo território nacional, integra
os três entes federativos e objetiva consolidar um sistema descentralizado e
participativo, instituído pela Lei Orgânica da Assistência Social.

É correto o que se afirma APENAS em:

a) I e III. d) III e IV.

b) II e III. e) I, III e IV.

c) II e IV.

59 - VUNESP - SPTrans - Assistente social

Somente com o advento da Constituição Federal de 1988, a Assistência Social é


inscrita como política pública, direito do cidadão e dever do Estado,
regulamentada na Lei Orgânica de Assistência Social, Lei n.º 8.742/93, sendo uma
conquista resultante dos movimentos sociais. Dentre as diretrizes expressas
nessa lei, conforme previsões contidas no art. 5.º, destacam-se:

64
I. a assistência social, direito do cidadão e dever do Estado, é Política de Seguridade
Social, contributiva, que provê os mínimos sociais;

II. descentralização político-administrativa para os Estados, o Distrito Federal e os


Municípios, e comando único das ações em cada esfera de governo;

III. a proteção à família, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice;

IV. participação da população, por meio de organizações representativas, na


formulação das políticas e no controle das ações em todos os níveis;

V. primazia da responsabilidade social do Estado na condução da política de


assistência social na esfera estadual do governo.

Está correto apenas o contido em:

a) I e II. d) III e IV.

b) II e III. e) IV e V.

c) II e IV.

60 - FUNCAB - MPE-RO - Analista - Assistência Social

A assistência social, segundo a Lei Orgânica de Assistência Social - LOAS ?, é


direito do cidadão e dever do Estado, é Política de Seguridade Social:

a) contributiva. d) privada.

b) não contributiva. e) filantrópica.

c) regulatória.

61 - CESPE - MPE-PI - Analista Ministerial - Serviço Social

O princípio da democratização, presente na Constituição Federal de 1988 (CF) e


na Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), materializa-se em diferentes
instâncias, inclusive na deliberativa, na qual estão incluídas as comissões
intergestoras.

( ) Certo ( ) Errado

65
62 - ESAF - MI - Assistente social

A respeito do Benefício de Prestação Continuada (BPC), à luz da Lei Orgânica da


Assistência Social (LOAS), julgue os itens abaixo e assinale a opção correta.

a) A idade mínima para as pessoas idosas terem direito ao BPC é de 60 anos.

b) A concessão do BPC ficará sujeita a exame médico pericial e laudo realizados


pelos serviços de perícia médica do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

c) O direito ao BPC estabelece que a renda mensal per capita da família


considerada incapaz de prover a manutenção da pessoa portadora de deficiência
ou idosa tem que ser inferior a 1 (um) salário mínimo.

d) O BPC pode ser acumulado pelo beneficiário com qualquer outro benefício no
âmbito da seguridade social ou de outro regime, à exceção da assistência médica.

e) A situação de internado impede que a pessoa idosa ou portadora de deficiência


tenha direito ao BPC.

63 - CESPE - MPE-PI - Analista Ministerial - Serviço Social

De acordo com as alterações recentes da LOAS, consideram-se entidades de


assistência social somente as entidades de atendimento no âmbito da proteção
social básica, que executam serviços dirigidos às famílias, desde que em caráter
continuado, permanente e planejado.

( ) Certo ( ) Errado

64 - PUC-PR - DPE-PR - Assistente social

Implantado na década de 90, o modelo do sistema descentralizado e participativo


previsto na Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), em seu artigo 6º, pautou-
se na visão da forma de incorporação dos beneficiários de maneira pontual e
segmentada.

Dado esse contexto, assinale a alternativa INCORRETA:

a) Inicialmente essa forma de compreensão da organização e do acesso não


reforçava a subalternidade, o assistencialismo, os ritos vexatórios da
demonstração das necessidades.

66
b) A incorporação dos beneficiários de maneira pontual e segmentada transformou
as aquisições em um processo de ajuda, de caridade e de benesse.

c) Esse modelo referiu-se à organização de programas pontuais, prioritariamente


em detrimento de serviços de caráter continuado.

d) Esses programas de caráter centralizado, com baixa responsabilidade do Estado,


operados por subvenções sociais, cultuam o clientelismo e primeiro damismo.

e) A construção do SUAS configura-se no esforço de garantir a nova concepção da


assistência social como direito, que impõe aos trabalhadores da política superar a
atuação de viabilizadores de programas para viabilizadores de direitos.

65 - CESPE - TJ-AC - Analista Judiciário - Assistência Social

A Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS) e a política nacional de assistência


social (PNAS) surgiram imediatamente após a extinção da legião brasileira de
assistência social (LBA), devido à necessidade de rompimento com os modelos
autoritários de gestão.

( ) Certo ( ) Errado

66 - VUNESP - SPTrans - Assistente social

A Constituição Federal de 1988 introduziu no Brasil o conceito de Seguridade


Social, nele incluindo a saúde, a previdência e a assistência social. A Lei Orgânica
da Assistência Social, Lei Federal n.º 8.742/93, introduz uma nova forma de
discutir a Assistência Social, substituindo a visão centrada na caridade e no favor.
De acordo com previsões contidas no artigo 4.º da LOAS, dentre outros,
destacam-se como princípios da Assistência Social a:

I. habilitação e reabilitação das pessoas com deficiência e a promoção de sua


integração à vida comunitária;

II. supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de


rentabilidade econômica;

III. promoção da integração ao mercado de trabalho;

IV. definição dos níveis de gestão, respeitadas as diversidades regionais e


municipais;

67
V. universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da ação
assistencial alcançável pelas demais políticas públicas;

VI. igualdade de direitos no acesso ao atendimento, sem discriminação de qualquer


natureza, garantindo-se equivalência às populações urbanas e rurais.

Está correto apenas o contido em:

a) I e II. d) II, V e VI.

b) I e IV. e) III, IV e VI.

c) II, III e V.

67 - OBJETIVA - Prefeitura de Chapecó - SC - Assistente social

Assinalar a alternativa que preenche a lacuna abaixo CORRETAMENTE, de


acordo com MOTA, sobre a história da Assistência Social no Brasil:

A ______________ e a fragmentação são características históricas da Assistência


Social no Brasil. Mesmo com a Constituição de 1988 e a aprovação da Lei
Orgânica da Assistência Social - LOAS, que são considerados divisores de águas
entre o feitiço da ajuda e a criação de uma política públicas, constitutiva de
direitos, essas marcas não foram totalmente superadas.

a) continuidade

b) descontinuidade

c) emancipação

d) popularidade

68 - FUNIVERSA - SES-DF - Especialista em Saúde - Assistente Social

A Constituição Federal de 1988 inaugurou avanços em termos de indicação de


direitos sociais assegurados universalmente. A Seguridade Social inscreve-se
nesse marco, com destaque para a inclusão da assistência social como política
pública, que viria a ser regulamentada em 1993 pela Lei Orgânica da Assistência
Social (LOAS). Com relação à materialização do direito à assistência social,
assinale a alternativa correta.

68
a) Observa-se o predomínio da universalidade e da estatização, em detrimento da
seletividade e da privatização.

b) Assistência e previdência constituem-se políticas complementares e


contraditórias, pois são retroalimentadas financeiramente.

c) A assistência social conseguiu romper por completo com a descontinuidade, a


pulverização e o paralelismo; com a ausência de participação e de controle popular
e com a opacidade entre o público e o privado.

d) A assistência social, com a criação do Sistema Único de Assistência Social, tem


buscado remodelar processos de trabalho e práticas de gestão.

e) A assistência tem-se tornado cada vez mais um direito gratuito e contributivo.

69 - FGV - CAERN - Assistente social

De acordo com a Lei Orgânica da Assistência Social - Lei 8.742/93 - a assistência


social tem por objetivo:

a) universalizar os direitos sociais, respeitando a dignidade do cidadão.

b) amparar as crianças e adolescentes carentes.

c) respeitar a dignidade do cidadão, a sua autonomia e o seu direito aos benefícios


sociais.

d) divulgar os benefícios sociais, programas e projetos sociais oferecidos pelo


poder público.

e) implementar em território nacional e no Distrito Federal a política nacional de


assistência social.

70 - TJ-SC - TJ-SC - Assistente social

Refere o artigo 20 da Lei Orgânica do Assistente Social: "O Benefício de


Prestação Continuada é a garantia de 1 (um) salário mínimo mensal à pessoa
portadora de deficiência e ao idoso com 70 (setenta) anos ou mais e que
comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção e nem tê-la
provida por sua família".

A respeito deste benefício assinale a alternativa INCORRETA.

69
a) O benefício de que trata este artigo não pode ser acumulado pelo beneficiário
com qualquer outro no âmbito da seguridade social ou de outro regime, salvo o da
aposentadoria.

b) A situação de internado não prejudica o direito do idoso ou do portador de


deficiência ao benefício.

c) O beneficio de prestação continuada deve ser revisto a cada 2 (dois) anos para
avaliação da continuidade das condições que lhe deram origem.

d) Para efeito de concessão deste benefício, a pessoa portadora de deficiência é


aquela incapacitada para a vida independente e para o trabalho.

e) A concessão do benefício ficará sujeita a exame médico pericial e laudo


realizados pelos serviços de perícia médica do Instituto Nacional do Seguro Social.

71 - EXATUS - CEFET-RJ - Assistente social

A Lei Orgânica da Assistência Social (Lei n º. 8.742 de 07 de dezembro de 1993)


define a assistência social como direito do cidadão e dever do Estado e consagra
como objetivos da Assistência Social:

I - a proteção à família, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice.

II - a habilitação e reabilitação das pessoas portadoras de deficiência e a promoção


de sua integração à vida comunitária.

III - a garantia de 1/2 (meio) salário mínimo de benefício mensal à pessoa portadora
de deficiência e ao idoso que comprovem não possuir meios de prover a própria
manutenção ou de tê-la provida por sua família.

IV - o amparo aos moradores de rua e desabrigados.

Assinale a alternativa correta:

a) Apenas as afirmativas I e II estão corretas.

b) Apenas as afirmativas I e III estão corretas.

c) Apenas as afirmativas II e IV estão corretas.

d) Apenas as afirmativas I, II e IV estão corretas.

70
72 - CESPE - DPU - Assistente social

A assistência social, na forma como está prevista na Lei Orgânica da Assistência


Social (LOAS), tem, como um dos seus princípios:

a) mobilizar a sociedade civil organizada para a distribuição de auxílios


emergenciais para o enfrentamento da pobreza.

b) reconhecer a supremacia do atendimento aos benefícios assistenciais,


submetida à sociedade civil por meio das organizações não governamentais.

c) buscar a universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da


ação assistencial alcançável pelas demais políticas públicas.

d) preconizar a responsabilidade das entidades filantrópicas e entidades sem fins


lucrativos na coordenação da política de assistência social.

e) fomentar campanhas participativas solidárias e a criação de programas de


transferência de renda por meio de empresas cidadãs.

73 - CESPE - INCA - Tecnologista Júnior - Assistência Social - Serviço Social

O estatuto de política pública da assistência social destaca-se como inovação da


LOAS.

( ) Certo ( ) Errado

74 - FUNIVERSA - SEJUS-DF - Especialista - Contabilidade

Assinale a alternativa correta quanto à Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS).

a) É competência precípua do Distrito Federal e dos municípios, mas não dos


estados, efetuar o pagamento dos auxílios natalidade e funeral e criar programas
de amparo para crianças e adolescentes em situação de risco pessoal e social e para
pessoas que vivam em situação de rua.

b) As prestações oferecidas pelo poder público com base na LOAS são dirigidas
eminentemente às populações urbanas, pois as rurais são atendidas por meio dos
benefícios específicos previstos no Plano de Benefícios da Previdência Social,
objeto da Lei n. º 8.213, de 24/7/1991.

c) Compete de forma concorrente à União, aos estados, ao Distrito Federal e aos


municípios o custeio dos benefícios de prestação continuada a que se refere o art.
203 da Constituição brasileira.

71
d) O Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) é composto por 18 membros
e presidido pelo Presidente da República; seus integrantes possuem mandato de
dois anos; é competência do Conselho aprovar a Política Nacional de Assistência
Social e aprovar critérios de transferência de recursos para os estados, municípios
e Distrito Federal.

e) O benefício de prestação continuada previsto na LOAS consiste no pagamento


de um salário mínimo mensal à pessoa portadora de qualquer deficiência e ao idoso
com 70 anos ou mais que comprovem não possuir meios de prover a própria
manutenção nem de tê-la provida pela família, independentemente da percepção
de benefício previdenciário.

75 - CESPE - MPU - Analista de Saúde - Serviço Social

Acerca da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o item subsequente.

De acordo com a LOAS, é competência do DF a execução dos projetos de


enfrentamento da pobreza, incluindo a parceria com organizações da sociedade
civil.

( ) Certo ( ) Errado

76 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue os itens que se seguem.

Entre as funções da LOAS, destaca-se a de regulamentar o que foi assegurado na


CF, haja vista que o reconhecimento do direito, por si só, não é suficiente para o
seu exercício.

( ) Certo ( ) Errado

77 - TJ-SC - TJ-SC - Assistente social

A Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS) estabelece competências à União,


aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios. Com relação a estas
competências é correto afirmar:

72
a) Compete aos Municípios executar, de forma independente, os serviços, os
programas e os projetos de enfrentamento da pobreza.

b) Compete aos Estados conceder registro e certificado de entidade beneficente


de assistência social.

c) Compete ao Distrito Federal efetuar o pagamento dos auxílios natalidade e


funeral.

d) Compete a União apoiar técnica e financeiramente os serviços, os programas e


os projetos de enfrentamento da pobreza em âmbito regional ou local.

e) Compete aos Municípios e aos Estados prestar os serviços assistenciais


mediante critérios estabelecidos pelo Conselho Nacional de Assistência Social.

78 - COVEST-COPSET - UFPE - Assistente social

De acordo com a Lei Orgânica de Assistência Social - LOAS, compete ao Conselho


Nacional de Assistência Social:

a) conceder atestado de registro e certificado de entidade beneficente de


assistência social, sujeito à renovação anual.

b) estabelecer diretrizes, apreciar e aprovar os programas anuais e plurianuais do


Fundo Nacional de Assistência Social (FNAS).

c) coordenar e articular as ações no campo da assistência social.

d) exercer função propositiva e normativa, fazendo leis e fiscalizando o executivo.

e) responsabilizar-se pelo planejamento e implementação das ações geridas pelo


governo federal, em todas as instâncias político- administrativas.

79 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue o item que se segue.

A descentralização político-administrativa e o comando único inscritos na


LOASconstituem diretrizes cuja finalidade é transferir às instâncias municipais o
poder de execução sob o comando único do Ministério de Desenvolvimento
Social e Combate à Fome.

( ) Certo ( ) Errado

73
80 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue os itens que se seguem.

O pagamento de auxílio por natalidade ou morte às famílias com renda per capita
mensal inferior a um quarto do salário mínimo inclui-se entre os serviços
assistenciais eventuais previstos na LOAS.

( ) Certo ( ) Errado

81 - CESPE - INCA - Tecnologista Júnior - Assistência Social - Serviço Social

São inegáveis os avanços incorporados na política da assistência social a partir da


LOAS, principalmente no que se refere ao enfoque regulatório e centralizado na
assistência social como uma política que visa à rentabilidade econômica.

( ) Certo ( ) Errado

82 - CESPE - IPAJM - Assistente social

Considerando que a Lei n.º 8.742/1993 (Lei Orgânica da Assistência Social)


regulamenta os artigos 203 e 204 da Constituição Federal, assinale a opção
correta acerca da assistência social no Brasil.

a) A assistência social é um direito do cidadão e dever do Estado e se caracteriza


por ser uma política contributiva, com acesso para os que podem pagar.

b) O conselho municipal de assistência social é responsável pela aprovação da


política nacional de assistência social.

c) Entre os objetivos da assistência social está a proteção à família, à maternidade,


à infância, à adolescência e à velhice.

d) O financiamento da assistência social é feito com recursos da seguridade social,


pois não dispõe de um fundo próprio.

e) A assistência social é uma política pública exclusiva para portadores de


deficiência e idosos.

74
83 - TJ-SC - TJ-SC - Assistente social

Dos princípios e das diretrizes estabelecidos para a organização da assistência


social estabelecidos pela Lei Orgânica de Assistência Social, assinale a
alternativa correta.

I. Igualdade de direitos no acesso ao atendimento, sem discriminação de qualquer


natureza, garantindo-se equivalência às populações urbanas e rurais, corresponde
a um dos princípios da LOAS.

II. Participação da população, por meio de organizações representativas, na


formulação das políticas e no controle das ações em todos os níveis, corresponde a
uma das diretrizes da LOAS.

III. Primazia da responsabilidade do Estado na condução da política de assistência


social, corresponde a um dos princípios da LOAS.

IV. Respeito à dignidade do cidadão, à sua autonomia e ao seu direito a benefícios


e serviços de qualidade, bem como à convivência familiar e comunitária, vedando-
se qualquer comprovação vexatória de necessidade, corresponde a uma das
diretrizes da LOAS.

a) Somente a proposição IV está correta.

b) Somente a proposição II está correta.

c) Estão corretas as proposições III e I.

d) Estão corretas as proposições I e II.

e) Estão corretas as proposições I, III e IV.

84 - TJ-SC - TJ-SC - Assistente social

De acordo com a LOAS, "Considera-se incapaz de prover a manutenção da pessoa


portadora de deficiência ou idosa a família cuja renda mensal per capita seja
inferior a ¼ (um quarto) do salário mínimo". É competente para propor ao Poder
Executivo a alteração destes limites de renda.

a) O Conselho Nacional do Idoso.

b) O Conselho Nacional de Assistência Social.

c) O Conselho Municipal do Idoso.

75
d) O Ministério Público.

e) O Juiz.

85 - CESPE - MPU - Analista de Saúde - Serviço Social

Acerca da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o item subsequente.

A organização da assistência social tem como base a centralização político-


administrativa para os estados, o Distrito Federal, os municípios, com comando
único das ações na esfera federal.

( ) Certo ( ) Errado

86 - CESPE - MPU - Analista de Saúde - Serviço Social

Acerca da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o item subsequente.

Benefícios eventuais são aqueles que visam ao pagamento de auxílio por


natalidade ou morte às famílias cuja renda mensal per capita seja inferior a1/4 do
salário mínimo.

( ) Certo ( ) Errado

87 - CESPE - MPU - Analista de Saúde - Serviço Social

Acerca da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o item subsequente.

Considera-se incapaz de prover a sua manutenção a pessoa idosa ou portadora


de necessidades especiais pertencente a família cuja renda mensal seja inferior a
1/4 do salário mínimo.

( ) Certo ( ) Errado

76
88 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue os itens que se seguem.

As comissões intergestoras de assistência social que atuam nas três esferas de


governo configuram o sistema descentralizado e participativo de composição
paritária.

( ) Certo ( ) Errado

89 - CESPE - MPU - Analista de Saúde - Serviço Social

Acerca da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o item subsequente.

Condicionam os repasses financeiros aos municípios, aos estados e ao DF a


efetiva instituição e funcionamento de conselho de assistência social; a
composição paritária entre governo e sociedade civil; o fundo de assistência
social, com orientação e controle dos respectivos conselhos de assistência social;
e o plano de assistência social.

( ) Certo ( ) Errado

90 - CESPE - MPU - Analista de Saúde - Serviço Social

Acerca da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), julgue o item subsequente.

A assistência social realiza-se de forma integrada às políticas setoriais, visando


ao enfrentamento da pobreza, à garantia dos mínimos sociais, ao provimento de
condições para atendimento às contingências sociais e à universalização dos
direitos sociais.

( ) Certo ( ) Errado

77
91 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue os itens que se seguem.

O benefício de prestação continuada, a que fazem jus às pessoas idosas que


atendam aos requisitos previstos em lei para a concessão do benefício, deve ser
revisto anualmente para avaliação da continuidade das condições que lhe deram
origem.

( ) Certo ( ) Errado

92 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue os itens que se seguem.

O Fundo Nacional de Assistência Social, vinculado ao Ministério de


Desenvolvimento Social e Combate à Fome e detentor de personalidade jurídica
própria e autonomia administrativa e financeira, tem por finalidade financiar
prestação de serviços, programas e projetos de assistência social.

( ) Certo ( ) Errado

93 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue os itens que se seguem.

A emissão e a renovação de certificados de entidades beneficentes de assistência


social, de competência do Conselho Nacional de Assistência Social, concretizam-
se por meio de resoluções.

( ) Certo ( ) Errado

78
94 - CESPE - ABIN - Oficial Técnico de Inteligência - Área de Serviço Social

Considerando a Lei n.º 8.742/1993, denominada Lei Orgânica de Assistência


Social (LOAS), julgue os itens que se seguem.

Entre os princípios que regem a política de assistência social, inclui-se o da


supremacia do atendimento às necessidades sociais em relação às exigências de
rentabilidade econômica, o qual está relacionado à garantia de acesso ao seguro
social.

( ) Certo ( ) Errado

95 - IF-SE - IF-SE - Assistente social

Art. 2º A assistência social tem por objetivos (lei 8.742 de 7 de dezembro de 1993-
LOAS):

I. A proteção à família, à infância, à adolescência e à velhice;

II. O amparo às crianças e adolescentes carentes;

III. A promoção da integração ao mercado de trabalho;

IV. A habilitação e reabilitação das pessoas portadoras de deficiência e a promoção


de sua integração à vida comunitária;

V.A garantia de 1 (um) salário mínimo de benefício mensal à pessoa portadora de


deficiência que comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção ou
de tê-la provida por sua família.

Estão certos os itens:

a) I e V. d) I e IV.

b) II, e III. e) II, III e IV.

c) I, II, e IV.

79
96 - IF-SE - IF-SE - Assistente social

Em consonância com o disposto na LOAS, capítulo II, seção I, artigo 4º, a Política
Nacional de Assistência Social rege-se pelos seguintes princípios democráticos:

I. Supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de


rentabilidade econômica;

II. Universalização dos direitos sociais, a fim de tornar o destinatário da ação


assistencial alcançável pelas demais políticas públicas;

III. Respeito à dignidade do cidadão, ao seu direito a benefícios e serviços de


qualidade, bem como à convivência familiar e comunitária, vedando-se qualquer
comprovação vexatória de necessidade;

IV. Igualdade de direitos no acesso ao atendimento, sem discriminação de qualquer


natureza, garantindo-se equivalência às populações urbanas e rurais;

V.Divulgação ampla dos benefícios, programas e projetos assistenciais, bem como


dos recursos oferecidos pelo Poder Público e dos critérios para sua concessão;

Estão certos os itens:

a) I e V. d) I e IV.

b) I, II, e III. e) I, III e V.

c) I, II, e IV.

97 - CESPE - DETRAN-DF - Analista - Serviço Social

De acordo com a lei orgânica de assistência social, é competência dos estados o


pagamento dos auxílios natalidade e funeral.

( ) Certo ( ) Errado

98 - FCC - MPE-SE - Analista do Ministério Público - Especialidade Serviço Social

A Assistência Social está constituída como política pública, fruto de conquistas e


lutas travadas desde a Constituição Federal de 1988. São marcos na história da
Assistência Social no Brasil a:

80
I. Lei Orgânica de Assistência Social e o Estatuto da Criança e do Adolescente.

II aprovação da NOB-RH/SUAS e o Plano Decenal de Assistência Social.

III. instalação do Conselho Nacional de Assistência Social e a criação do Ministério


de Desenvolvimento Social e combate à fome.

Está correto o que se afirma em:

a) I e II, apenas. d) II, apenas.

b) I, II e III. e) II e III, apenas.

c) I e III, apenas.

99 - FUNRIO - INSS - Analista - Serviço Social

A LOAS, em seu Art. 12, afirma ser competência da União, dentre outras funções:

a) destinar recursos financeiros aos Municípios, a título de participação no custeio


do pagamento dos auxílios natalidade e funeral.

b) executar os projetos de enfrentamento da pobreza, incluindo a parceria com


organizações da sociedade civil

c) atender, em conjunto com os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, as ações


assistenciais em caráter emergencial

d) estimular e apoiar, técnica e financeiramente, as associações e consórcios


municipais na prestação de serviços de assistência social.

e) assumir a direção de entidades filantrópicas ou beneficentes que estejam em


dificuldades financeiras.

100 - CESPE - FUB - Assistente social

A Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), Lei n.º 8.742/1993, é uma lei
secundária à política de assistência social.

( ) Certo ( ) Errado

81
GABARITO

1 D 36 E 70 A
2 E 37 C 71 A
3 A 38 C 72 C
4 B 39 C 73 C
5 E 40 B 74 A
6 E 41 E 75 C
7 C 42 A 76 C
8 B 43 A 77 C
9 C 44 A 78 B
10 C 45 C 79 E
11 C 46 E 80 E
12 C 47 B 81 E
13 E 48 B 82 C
14 B 49 C 83 D
15 B 50 B 84 B
16 D 51 D 85 E
17 E 52 E 86 C
18 B 53 B 87 E
19 D 54 E 88 E
20 B 55 B 89 C
21 A 56 E 90 C
22 D 57 A 91 E
23 A 58 E 92 E
24 A 59 C 93 E
25 E 60 B 94 E
26 E 61 E 95 E
27 C 62 B 96 C
28 A 63 E 97 E
29 C 64 A 98 E
30 B 65 E 99 C
31 E 66 D 100 E
32 E 67 B
33 A 68 D
34 C 69 B
35 E 36 E

82
83
84