Você está na página 1de 5

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA

INSTITUTO DE QUÍMICA TABELA PERIÓDICA

- Inicialmente em ordem crescente de massa atômica


(Mendeleev)

- Tabela Periódica Moderna: em ordem crescente de


TABELA E PROPRIEDADES número atômico (Moseley)
PERIÓDICAS
- Lei Periódica: quando os elementos são listados,
sequencialmente, em ordem crescente do número
atômico, é observada uma repetição periódica em suas
propriedades

1 2

TABELA PERIÓDICA TABELA PERIÓDICA

- Grupos: colunas verticais


- Grupos representativos ou grupos A: elementos
representativos
- Grupos de transição ou grupos B: elementos de
transição

- Períodos: filas horizontais


- Estão incluídos os elementos lantanóides e actinóides

3 4

TABELA PERIÓDICA TABELA PERIÓDICA

- A periodicidade nas propriedades dos elementos é o


resultado da periodicidade nas configurações eletrônicas
de seus átomos

- Camada mais externa = camada de valência

- Blocos s, p, d , f

5 6
CARGA NUCLEAR EFETIVA (Zef) EFEITO DE BLINDAGEM (S)

Carga nuclear efetiva é a carga sofrida por um - Efeito “protetor” que os elétrons mais internos
elétron em um átomo polieletrônico; exercem sobre os mais externos;

-A carga nuclear efetiva não é igual à carga no núcleo


devido ao efeito dos elétrons internos;
-Quando aumenta o número médio de elétrons
protetores (S), a carga nuclear efetiva (Zef) diminui;
-A carga nuclear sofrida por um elétron depende da
sua distância do núcleo e do número de elétrons mais
internos;
- Quando aumenta a distância do núcleo, S aumenta
Zef = Z - S e Zef diminui.
7 8

Blindagem
Efeito protetor da carga positiva do núcleo exercido pelos elétrons das
RAIO ATÔMICO
camadas internas em relação à atração dos elétrons da camada mais
externa (camada de valência).
Li (Z = 3) 1s2 2s1 Na (Z = 11) 1s2 2s2 2p6 3s1
no grupo Li Na A distância entre os dois
Li e Na núcleos é denominada
3p 11p
(Grupo 1) distância de ligação;
K L K L M
2 e- 1 e- 2 e- 8 e- 1 e-
Se os dois átomos que
Li (Z = 3) 1s2 2s1 Be (Z = 4) 1s2 2s2 formam a molécula são os
no período Li Be mesmos, metade da
distância de ligação é
Li e Be 3p denominada raio covalente
4p
(1o Período) do átomo.
K L K L 9 10
2 e- 1 e- 2 e- 2 e-

RAIO ATÔMICO

-Quando o número quântico principal aumenta, o


tamanho do orbital aumenta;

-Ao descermos em um grupo, os átomos aumentam;

Ao longo dos períodos da tabela periódica, os átomos


tornam-se menores;

Existem dois fatores agindo:


- Número quântico principal, n, e
- a carga nuclear efetiva, Zef.
11 12
TENDÊNCIAS PERIÓDICAS DOS RAIOS ATÔMICOS PERIODICIDADE NAS PROPRIEDADES ATÔMICAS

GRUPOS:
• Raio atômico
- número quântico principal aumenta
- distância do elétron mais externo ao núcleo aumenta
- raio aumenta

Raio atômico, nm
PERÍODOS:
-número de elétrons mais internos é constante;
- carga nuclear aumenta
- aumenta a atração entre núcleo e elétrons mais
externos;
- raio atômico diminui.
13 14
Número atômico, Z

Tendências nos tamanhos dos íons

O tamanho do íon é a distância entre os íons em um


composto iônico;

O tamanho do íon também depende da carga nuclear,


do número de elétrons e dos orbitais que contenham
os elétrons de valência.

Os cátions deixam vago o orbital mais volumoso e são


menores do que os átomos que lhes dão origem.

Os ânions adicionam elétrons ao orbital mais


volumoso e são maiores do que os átomos que lhe
dão origem.
15 16

Tendências dos tamanhos dos íons ENERGIA DE IONIZAÇÃO

•Para íons de mesma carga, o tamanho do íon aumenta à medida • Ionização: processo de formação de um íon positivo
que descemos em um grupo na tabela periódica; pela remoção de um elétron

•Todos os membros de uma série isoeletrônica têm o mesmo • Energia de ionização: é a mínima energia necessária
número de elétrons; para remover um elétron de um átomo isolado, no seu
estado fundamental
•Quando a carga nuclear aumenta em uma série isoeletrônica, os
íons tornam-se menores : M(g) M+ (g) + e- (g) 1ª energia de ionização

O2- > F- > Na+ > Mg2+ > Al3+ M+(g) M+2(g) + e-(g) 2ª energia de ionização

17 18
ENERGIA DE IONIZAÇÃO ENERGIA DE IONIZAÇÃO
• Diminui à medida que descemos em um grupo;
• Há um acentuado aumento na energia de ionização quando
um elétron mais interno é removido. • O elétron mais externo é mais facilmente removido ao
descermos em um grupo;

• À medida que o átomo aumenta, torna-se mais fácil


remover um elétron do orbital mais volumoso;

• Geralmente aumenta ao longo do período;

• Ao longo de um período, Zef aumenta.


Consequentemente, fica mais difícil remover um
elétron.
19 20

ENERGIA DE IONIZAÇÃO

21 22

AFINIDADE ELETRÔNICA AFINIDADE ELETRÔNICA

• Afinidade eletrônica: quantidade de energia envolvida no


processo em que um átomo isolado gasoso, no seu
estado fundamental, recebe um elétron, formando um
íon negativo

Íon negativo: X(g) + e-(g) X- (g)

23 24
AFINIDADE ELETRÔNICA CARÁTER METÁLICO

• METAIS
– Bons condutores de calor e de eletricidade
– São maleáveis
– São ductéis
– Brilho característico: “brilho metálico”

• AMETAIS
– Pobres condutores de calor e de eletricidade
– São quebradiços
– Não tem alta refletividade

25 26

CARÁTER METÁLICO

BONS ESTUDOS!

27 28