Você está na página 1de 10

MUDANÇAS

NO MODO
DE VIDA
P R O F E S S O R A M S . J U L I A N A VA L E N T I N I
Aldeias e Cidades
Uma consequência imediata do Jericó (Cisjordânia)
desenvolvimento da agricultura e do
aumento populacional foi o surgimento de Por volta de 9.000 a.C., o local onde mais tarde existiria a
grandes conglomerados de habitações de cidade de Jericó já era habitado. Não sabemos, contudo, se já
agricultores. era um grande assentamento, porque o estrato que
corresponde a esse período está sob as ruínas da grande
Com a divisão social do trabalho social se cidade posterior e não pode ser escavado totalmente. Contudo,
tornando cada vez mais complexa, muitas
vezes uma parte da população de uma
sabemos que por volta de 7.000 a.C. já existia uma grande
região conseguiu controlar recursos cidade, fortificada por um espesso muro, onde habitavam 2
importantes (alimentos, matérias-primas, mil pessoas.
força militar, poder religioso) e passou a
dominar o resto da população de sua região.
Assim surgiram as primeiras sociedades Escavação do sítio de Reconstrução
Tell es-Sultan
complexas, com estruturas hierárquicas. (identificado como a
hipotética de Jericó
Jericó histórica)
Em torno destes grupos poderosos se
aglomeravam pessoas que atuavam como
artesãos, comerciantes, auxiliares, entre
outros. Assim surgiram as primeiras
cidades. Eventualmente, os poderosos de
uma região formaram exércitos poderosos o
bastante para dominar outras regiões,
formando os primeiros Impérios.
Aldeias e Cidades
Çatalhüyük (Turquia)
Por volta de 6700 a.C. surgiu na atual Turquia um grande
assentamento conhecido atualmente como Çatalhüyük (não
sabemos o nome que seus moradores dava a essa enorme
aldeia). O assentamento era bastante complexo, possui
vestígios de rituais e cultos bastante refinados e chegou a ter 5
mil habitantes. Existe um debate, contudo, se esta já é uma
cidade ou se é uma grande aldeia, porque não existem muitos
vestígios de uma divisão social do trabalho muito complexa.
Escavação de
Çatalhüyük

Reconstrução hipotética de Çatalhüyük


Aldeias e Cidades
Uruk (Iraque)
Entre 4.000 a.C e 3.200 a.C., Uruk se transformou de uma
pequena aldeia de agricultores em uma grande cidade, com
uma classe dominante que governava a cidade controlando um
corpo administrativo (burocracia) e militar (exército). Estima-
se sua população em 45 mil pessoas no final desse período.
Com o tempo, a elite de Uruk começou a controlar aldeias
outras cidades na região, dando início a um pequeno Império.
Escavações
em Uruk

Reconstrução hipotética de Uruk


Aldeias e Cidades
Ainda que o Crescente Fértil tenha sido o Caral (Peru)
local onde esse processo de Foi ocupada entre 2600 e 1800
complexificação social e urbanização a.C.. Calcula-se uma população de
começou mais cedo e teve mais força 3 mil habitantes. Aqui foram
nesse período, não foi só lá que ele escavadas pirâmides e templos. É
ocorreu. a cidade mais antiga dos Andes.

Harappa e Mohenjo-daro (Paquistão) San Lorenzo (México)


Trata-se das duas cidades
mais importantes dos
Harappianos, a mais
antiga civilização
conhecida a se Foi a principal cidade dos Olmecas, a primeira grande
desenvolver na civilização conhecida a ocupar a Mesoamérica. Entre 1200 e
importante região do vale 900 a.C. Chegou a ter 5 mil habitantes, aos quais se somavam
do rio Indo. mais 7 mil da área ao redor da cidade.
Invenção dos vasos de cerâmica
Cerâmica Jomon
A fabricação de objetos de cerâmica (Japão, 10-8 mil a.C.)
havia se desenvolvido ao longo do
Paleolítico superior. Contudo, foi no
Neolítico que o principal uso da
cerâmica ao longo da história, fazer
vasilhames, foi desenvolvido.
Cerâmica Micênica
(Chipre, 1300-1200 a.C.)
Os vasos de cerâmica são pesado e
Cerâmica de Chavin
frágeis demais para serem úteis a (Peru, 900-400 a.C.)
povos nômades, mas depois da
sedentarização, eles passaram a ser
extremamente úteis: armazenam
líquidos e grãos de maneira eficiente,
são extremamente duradouras e
podem ser utilizadas para levar
alimentos ao fogo. Cerâmica Machiayao
(China, 3500 a.C.)
A invenção da escrita
Escrita Cuneiforme
usada na Mesopotâmia
O aumento da complexidade social tornou cada vez maior o número de nos tempos sumérios e
informações gerenciadas pelos grupos humanos. A capacidade cerebral acadianos
humana tem um certo limite e as informações precisam ser
transmitidas entre as gerações para se manterem acessíveis ao longo do
tempo.

Frente a isso, surgiu pela primeira vez na Suméria em 3200 a.C. e depois
em outros lugares sistemas de escrita, capazes de armazenar
materialmente uma grande quantidade de informações. Por isso, os
primeiros textos escritos da história são simples contabilidades
realizadas por administradores ligados aos primeiros Estados.

De maneira independente, a escrita foi inventada na China por volta de


1200 a.C. e na América central entre 1000 e 500 a.C.. Uma possível
escrita hindu de 3200 a.C. ainda não foi decifrada e não sabemos se é Pedra de Roseta, com
um sistema de escrita de fato. Em outros lugares, ela provavelmente inscrições em Hieroglifos
chegou como adaptação de sistemas adquiridos pelo contato com povos egípcios, demótico e grego
estrangeiros. antigo. Foi undamental
para decifrarmos o código
da escrita egípcia.
Invenção do trabalho com metais
Por volta do 5º milênio a.C., alguns povos começaram a
utilizar cobre para fazer alguns objetos de luxo, sobretudo
joias. Por volta do 4º milênio a.C. a Crescente Fértil
conheceu grande expansão do uso do cobre.

O passo seguinte foi a invenção da liga de cobre com


estanho (ou arsênico) para fazer o Bronze, que se tornou o
metal mais difundido nessa região entre o final do 4º
milênio a.C. e o final do 2º.

Nessa época, a tecnologia de fundição do ferro, que antes


era visto como metal precioso, se desenvolve e este se torna Difusão do Cobre e do Bronze a
o metal predominante na região. partir do Oriente Médio e os Balcãs.

Outras regiões, contudo, desenvolveram de maneira


independente suas tecnologias de trabalho com metais. No
Extremo Oriente da Ásia, entre os 4º e 2º milênios a.C. o
trabalho com bronze foi desenvolvido. Nos Andes, América
do Sul, o trabalho com cobre e ouro se desenvolveu entre o
final do 2º milênio a.C. e o início do 1º.

Espadas de Bronze (Romênia, 1700 a.C.)


Os primeiros Estados e Impérios
Em vários lugares do
mundo o aumento da
complexidade social, da
formação de hierarquias
Egeu Mesopotâmia sociais e de
Minóicos e 3500, 2400 e Vale do Indo
Micênicos
organizações políticas
1800 a.C. Harappianos levou ao surgimento dos
2000 e 1300 2600 a.C.
a.C. Estados.
Vale do Rio
Amaralo Alguns desses Estados
América Central China, Dinastia se tornaram muito
Olmecas Vale do Nilo Xia poderosos, controlando
1200 a.C. Egito e Kush 2000 a.C. a produção de muitas
Altiplano Andino 3100 e 1000 a.C. aldeias e cidades,
Chavin concentrando recursos e
900 a.C. poder militar. Assim se
formaram os primeiros
grandes Impérios da
história em vários
lugares do mundo.
Como consequência do
desenvolvimento da agricultura, da
sedentarização e do aumento
populacional, surgiram aquilo que
chamamos de sociedades
complexas ou Revolução Urbana.
Nesse processo, cresce a divisão
do trabalho, o que leva ao
surgimento de uma grupos
dominantes que consomem os
excedentes produzidos pelos
agricultores.

As O comércio de longa distância, a


escrita, a arquitetura mais

Sociedades monumental, entre outras coisas,


também surge nesse momento.

Complexas