Você está na página 1de 41

SENAI-Paragominas 06/02/2020 1

 Conceitos de Hidráulica
 Aplicação
 Vantagens e Desvantagens
 Princípios básicos da hidráulica
 Componentes do Sistema hidráulico
 Esquemas Básicos
 Normas Recomendadas
 Exercícios
 Referências

SENAI-Paragominas 06/02/2020 2
Fluídos
 A hidráulica consiste no estudo das características e
usos dos fluídos confinados.
 Fluido: É qualquer substância capaz de escoar e
assumir a forma do recipiente que a contém. Líquidos Gases

Água, Óleo Ar

Hidráulica Pneumática

SENAI-Paragominas 06/02/2020 3
Circuito hidráulico:

Conjunto de componentes associados que utilizando um fluído


comprimido como meio de transferência de energia, permite o
controle e transmissão de força e energia.

 Hidráulica estacionária: utiliza a energia potencial do fluido sob pressões


elevadas e baixas velocidades (Prensas).

 Hidráulica móvel: utiliza a energia cinética de um fluido para transmitir potência.


Opera com altas velocidades e baixas pressões ( Freios de automóveis).

SENAI-Paragominas 06/02/2020 4
Máquinas
para
construção
civil
Indústria Máquinas
alimentícia agrícolas

Indústria
Robótica
automobilística
Sistemas
Hidráulicos

Indústria Veículos
têxtil de estrada

Indústria
Mineração
madeireira

SENAI-Paragominas 06/02/2020 5
Prensa Empilhadeira
Caminhão off-road

6
SENAI-Paragominas 06/02/2020
Caminhão de lixo

Caçamba Macaco hidráulico Retroescavadeira

SENAI-Paragominas 06/02/2020 7
Indústria de produção de bebida

SENAI-Paragominas 06/02/2020 8
Vantagens

 Permite elevação de grandes cargas;


B

 Movimentos uniformes e também velocidades variada;


A
 O movimento pode ser iniciado mesmo em plena carga;

 Velocidade, momento de giro, força, aceleração facilmente A B

controláveis; P T

 Proteção simples contra sobrecargas;

 Utilizados para movimentos rápidos e movimentos lentos com alta P T

precisão;

 Durabilidade do equipamento elevada. Ts

SENAI-Paragominas 06/02/2020 9
Desvantagens B

 Em altas pressões, existe perigo inerente;


A

 O rendimento se reduz consideravelmente no vazamento e atrito;


A B
 O óleo hidráulico é caro e de fácil contaminação.

P T

P T

Ts

SENAI-Paragominas 06/02/2020 10
 Princípio de Pascal: A pressão aplicada a um fluido dentro de um recipiente fechado é
transmitida, sem variação, a todas as partes do fluido, bem como ás paredes do recipiente.

Uma pequena força aplicada a uma pequena área de um pistão é transformada em


uma grande força na área de outro pistão.

SENAI-Paragominas 06/02/2020 11
 Pressão: é proporcional á carga, e a leitura do manômetro indica, em kgf/ 𝑐𝑚2 a carga do
trabalho a qualquer momento.

𝐅
P=
𝐀
2
 Área: superfície em 𝑐𝑚 onde é aplicada a força.

Força aplicada

Área onde esta


sendo aplicada a Em seção circular (mais aplicado na
força hidráulica):
𝐷2
A= π x ou A = π x 𝑟 2
4

SENAI-Paragominas 06/02/2020 12
 Pressão

P=F/A
𝟐
[P]= kgf/ 𝒄𝒎

P=100 kgf/10 𝑐𝑚2


𝟐 P=?
P=10 kgf/ 𝒄𝒎
 Força

F= P. A
2 2
F=10 kgf/ 𝑐𝑚 x 100 𝑐𝑚

F=1000 kgf

Podemos considerar que as forças são proporcionais às áreas dos pistões.

SENAI-Paragominas 06/02/2020 13
Atuador

A B
Elementos de
Comando e
P T
regulagem

P T

Acionamentos Ts

SENAI-Paragominas 06/02/2020 14
Acionamentos

SENAI-Paragominas 06/02/2020 15
P T

 Motor Elétrico
 Acoplamento
 Bomba hidráulica Ts

 Reservatório
 Válvula limitadora de pressão
 Tubulações e conexões

SENAI-Paragominas 06/02/2020 16
Elementos de Comando
e Regulagem

SENAI-Paragominas 06/02/2020 18
Válvulas
Válvula Válvula de Válvula de Válvula de
direcional retenção vazão pressão

B
A B

P T
A
Simbologia 06/02/2020 19
Utilizada para estabelecer os caminhos (direções, trajetórias) do óleo hidráulico.
Quando instalada nas tubulações entre a bomba e as alimentações do atuador, é o
componente responsável pelos comandos do movimento desse último (avanço,
retorno e parada).

SENAI-Paragominas 06/02/2020 20
 As posições das válvulas são representadas por meio de
quadrados.

 O número de quadrados indica o número de posições que uma


válvula pode assumir, representando a quantidade de movimentos
que executa através dos acionamentos.

 O funcionamento é representado simbolicamente dentro de quadrados

 As linhas indicam as vias de passagem. As setas indicam o sentido


do fluxo

 Os bloqueios são indicados dentro dos quadrados com traços


transversais
 A união de vias dentro de uma válvula é simbolizada por um
ponto

 As conexões (entrada e saída) são caracterizadas por traços


externos, que indicam a posição de repouso da válvula. O
número de traços indica o número de vias.

 As posições de comando podem ser indicadas por letras


minúsculas (a, b, c, o).

 Válvula com 3 posições de comando. Posição central =


posição de repouso (posição da mola enquanto ela não está
sendo acionada).
Realizam o deslocamento das
partes internas da válvula,
causando mudança das direções
de fluxo
 Musculares
 Mecânicos
 Pneumáticos
 Elétricos
 Combinados

SENAI-Paragominas 06/02/2020 24
SENAI-Paragominas 06/02/2020 25
Válvula de Controle Direcional 3/2 Vias acionada por botão retorno por
mola normalmente fechada.

Válvula de Controle Direcional 2/2 Vias acionada por rolo retorno por
mola normalmente fechada.

Válvula de Controle Direcional 3/2 Vias acionada por


pino retorno por mola normalmente fechada

SENAI-Paragominas 06/02/2020 26
Válvula de Controle Direcional 4/3 Vias .
Centro tandem acionada por alavanca e trava
nas 3 posições.

Válvula de Controle Direcional 4/2 Vias.


Acionamento manual por alavanca e retorno
por molas.

Válvula de Controle Direcional 4/2 Vias.


Acionamento mecânico por rolete e retorno
por molas.

SENAI-Paragominas 06/02/2020 27
Eletroválvula direcional de 4/3 vias, centro de flutuação
(P bloqueada, A, B e T interligadas na posição central),
acionamento elétrico por solenoide de 24 Vcc, centrada
por molas.

Eletroválvula direcional de 4/2 vias, acionamento


elétrico por solenoide de 24 Vcc, retorno por molas.
Possibilidade de acionamento manual de emergência

Eletroválvula direcional de 4/2 vias, com detente,


acionamento elétrico por 2 solenoides de 24.
Possibilidade de acionamento manual de emergência.

SENAI-Paragominas 06/02/2020 28
Para garantir uma identificação e uma ligação correta das
válvulas, marcam-se as vias com letras maiúsculas ou
números.
DIN 24.300 ISO 5599
Vias para utilização A,B,C,D ( 2 , 4, 6 )

Linhas de alimentação P (1)


(Pressão)
Escapes R,S,T ( 3 , 5, 7 )
(exaustão)
Linhas de comando Z,Y,X ( 12 , 14, 16 )
(pilotagem)

SENAI-Paragominas 06/02/2020 29
Atuadores

SENAI-Paragominas 06/02/2020 30
Os atuadores hidráulicos convertem a energia de
trabalho em energia mecânica, podem ser divididos
basicamente em dois tipos:

Rotativos Lineares:

SENAI-Paragominas 06/02/2020 31
Rotativos
Esses mecanismos são compactos, simples e eficientes. Eles produzem um torque alto e requerem
pouco espaço e montagem simples (motores).

Atuador rotativo de pinhão e cremalheira (oscilador hidráulico): são usados para transmitir
movimento rotativo alternado, com ângulo de rotação limitado.
A pressão do fluido acionará um pistão que está ligado à cremalheira que gira o pinhão.

SENAI-Paragominas 06/02/2020 32
 Lineares: Cilindros hidráulicos transformam trabalho hidráulico em energia mecânica
linear, a qual é aplicada a um objeto resistivo para realizar trabalho.

Simples ação

Simples ação com retorno por mola

Dupla ação Haste dupla

Com amortecimento regulável

Telescópicos

SENAI-Paragominas 06/02/2020 33
Cilindro de simples ação Cilindro de simples ação e retorno por mola

SENAI-Paragominas 06/02/2020 34
Cilindro de dupla ação com
Cilindro de dupla ação
amortecimento de fim de curso

SENAI-Paragominas 06/02/2020 35
Cilindros Telescópicos

Cilindro telescópico de ação simples

Cilindro telescópico de ação dupla

SENAI-Paragominas 06/02/2020 36
Esquemas Básicos

SENAI-Paragominas 06/02/2020 37
Válvula controladora
de vazão com pressão
compensada: by pass

SENAI-Paragominas 06/02/2020 38
NBR 8896 - Símbolos gráficos para sistemas e componentes hidráulicos e pneumáticos – símbolos
básicos e fundamentais
NBR10139 - Sistemas hidráulicos de potência - Requisitos gerais para aplicação de equipamento para
sistemas de transmissão e controle
NBR11310 - Sistemas hidráulicos de potência - Filtros - Levantamento das características de fluxo
comparadas com perda de carga
NBR10395 - Sistemas hidráulicos de potência - Elementos filtrantes - Verificação da resistência ao
colapso/estouro
NBR10394 - Sistemas hidráulicos de potência - Elementos filtrantes - Verificação da integridade de
fabricação
NBR7327 - Filtro do óleo hidráulico - Determinação da pressão de abertura e reassentamento da
válvula de segurança
NBR7326 - Filtro do óleo hidráulico - Determinação das características mecânicas
NBR7323 - Filtro do óleo hidráulico - Determinação do colapso do elemento filtrante
NBR7322 - Filtro do óleo hidráulico - Determinação do desempenho - Método multi-pass
NBR7321 - Filtro do óleo hidráulico - Determinação da queda de pressão em função das
características de fluxo

SENAI-Paragominas 06/02/2020 42
Exercícios

SENAI-Paragominas 06/02/2020 43
1. Quando é aplicada uma força de 100 kgf sobre um pistão de uma prensa hidráulica de 2 cm²,
que está comunicado com um outro pistão com 5 cm², teremos uma força resultante de:
a) 50 kgf
b) 100 kgf
c) 200 kgf
d) 250 kgf F1= 100 kgf F2

5 𝐜𝐦𝟐
P

2 𝐜𝐦𝟐

SENAI-Paragominas 06/02/2020 44
Parker Training. Tecnologia Hidráulica Industrial. Apostila M2001-1 BR. Jacarai, São Paulo- jul
1999.
Camargo, Guilherme de Oliveira. Comandos Hidráulicos e Pneumáticos. Curso Técnico em
Mecânica. Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial. Florianópolis, Santa Catarina, 2010
Introdução à hidráulica proporcional. São Paulo: Festo Didactic, 1986. 206 p.
RACINE. Manual de hidráulica básica. 6. ed. Cachoeirinha-RS, 1987. 328p.
UGGIONI, Natalino. Hidráulica industrial. Porto Alegre-RS: Ed. Sagra Luzzatto, 2002. 131 p.
DRAPINSKY, Janusz. Hidráulica e Pneumática Industrial e Móvel. São Paulo: Mcgrow-hill do
Brasil, 1976
SERRAT, José Bonastre. Hidráulica de Motores e Bombas. Barcelona: Labrisa, 1966.
FIALHO, Arivelto Bustamante, Automação Hidráulica - projetos dimensionamento e analise de
circuitos. 2ª ed. São Paulo: Erica, 2004.
AZEVEDO NETTO, Jose Martiniano. Manual de Hidráulica. 8ª ed. São Paulo: Edgard Blucher,
1998.

SENAI-Paragominas 06/02/2020 48
OBRIGADA, até a próxima aula.

SENAI-Paragominas 06/02/2020 49