Você está na página 1de 26

Optimização de Processos Químicos

Capítulo 2
MÉTODOS CLÁSSICOS

Prof. Dr. Carlos Alberto Rey Mafull


E-mail: carlosrey417@gmail.com
TEMA-1
Taxa de variação e método
diferencial univariável
BREVE REGISTRO HISTÓRICO
Os métodos considerados clássicos têm sua origem em início do
século XVII, quando Johannes Kepler observou que as diferenças nos
valores sucessivos de variável dependente, calculada em intervalos
iguais da variável independente, tendem a desaparecer na vizinhança
do óptimo.
Uma geração depois, Pierre de Fermat desenvolveu um método para
determinar pontos extremos interiores de funções contínuas de uma
única variável. A imprecisão da descrição e certas inconsistências no
método de Fermat, que não foram avisados ​por Newton e Leibniz na
época em que desenvolveram o cálculo infinitesimal. No entanto, elas
foram apontados por George Berkeley, bispo de Cloyne, que forçou
os matemáticos da Século XVIII para procurar uma base rigorosa, e
não foi até 1821 que Cauchy, definiu o conceito de limite.
Existem muitos livros que lidam com os métodos de optimização que
são com base no cálculo diferencial e também é estudado nos
primeiros anos das carreras de engenharia. É por isso que neste
capítulo são apresentados alguns conceitos já estudados, e outros
novos
TAXA DE VARIAÇÂO
Definição: De uma forma geral, se y= f (x) é uma função, a razão Δy/Δx é chamada
de taxa média de variação da função f no intervalo [x, x+Δx] é a derivada:
  𝒇 ( 𝒙 +∆ 𝒙 ) − 𝒇 ( 𝒙 ) é chamada taxa de variação da função f
𝒇 ′ ( 𝒙 )= 𝐥𝐢𝐦
∆ 𝒙→𝟎 ∆𝒙 no ponto x. Toda taxa de variação pode
ser interpretada como uma derivada:
REGRA DA CADEIA
𝒇 ( 𝒙 )=𝐦 [ 𝒏 ( 𝒙 ) ]
 

  ′ ′
𝒇 ( 𝒙 )=𝒎 ′ ( 𝒏 ( 𝒙 )) 𝒏 ( 𝒙 )

𝟐
Exemplo: 𝒇 ( 𝒙 )=𝐬𝐞𝐧 [ 𝒙 + 𝟐 ]
 

n–(x2+2) x
m–sen(x2+2) senx

  ′
𝒏 =𝟐 𝒙 +𝟎   ′ 𝟐
  ′
𝒎 =𝒄𝒐𝒔𝒙 𝒇 ( 𝒙 )=𝒄𝒐𝒔 [ 𝒙 +𝟐 ] 𝟐 𝒙
Problema-1
Suponha que um óleo derramado através da
ruptura do tanque dum navio espalhe-se em forma
circular e cujo raio cresce a uma taxa de 2 m/h.
Com que velocidade a área do derramamento está
crescendo no instante em que o raio atingir 60 m?

r
Problema-2
Um foguete vai ser movimentado num plano
inclinado β=30° com velocidade de 500 m/s.
Encontrar a taxa de variação vertical (dy/dt)?

β=30°
Problema-3
Um tanque de água tem a forma dum cone circular
invertido, com raio da base 2 m e a altura de 4 m. Se a
água esta sendo bombeada para dentro do tanque à
taxa de 2 m3/min, encontre a taxa pela qual o nivel de
água estará-se elevando quando a água estiver a 3 m
de profundidade.
2m

r
4m

h
Problema-4
A areia vai caindo, formando um cono, com uma
taxa=5 m/min de crescimento (h). Quando h=10 m que
quantidade de areia tem caido, considerar (h=d)?
Pasado um tempo de 50 min, qual é o volume de
areia?. Se a densidade da areia, ρ=1,5 g/cm 3, quál
poderia ser o peso e o volume da areia para os tempos
de 5, 8, 17, 30, 43 e 50 min?

d
SOLUÇÃO DOS PROBLEMAS
1,2,3,4
Problema-1
  𝒅𝒓
( ) 𝒅𝒕
=𝟐𝒎 / 𝒉

𝒅𝑨 
( 𝒅𝒕 )=?  𝑨
𝒄𝒊𝒓𝒄𝒖𝒍𝒐 =𝝅 𝒓 𝟐

r Pela regra da cadeia temos que:


 
Problema-2
  𝒄𝒂𝒕𝒆𝒕𝒐 𝒐𝒑𝒖𝒆𝒔𝒕𝒐 𝒀
𝒔 𝒆𝒏 𝜶 = =
𝒉𝒊𝒑𝒐𝒕𝒆𝒏𝒖𝒔𝒂 𝑺
  𝟏 𝒀
h
𝒔 𝒆𝒏 𝟑𝟎° = =
𝟐 ( )
𝑺 𝑺=𝟐𝒀
 

β=30°

  𝒅𝒀 𝒎
( ) 𝒅𝒕
=𝟐𝟓𝟎
𝒔
Optimização de Processos Químicos

Capítulo 3
Método diferencial
univariável

Prof. Dr. Carlos Alberto Rey Mafull


E-mail: carlosrey417@gmail.com
A ABORDAGEM DIFERENCIAL
Alguns problemas de optimização têm uma formulação simples e sua
solução pode ser encontrada pelos métodos clássicos de cálculo diferencial.
Acontece também que, embora o problema não parece simples podem ser
usados esses métodos, apesar de suas limitações, como mostrado neste
capítulo, eles têm certas vantagens que os tornam muito atraentes. Na
verdade, eles têm desenvolvido um número considerável de aplicações deste
método no campo do projecto de reactores. Não é difícil, quando você já tem
alguma prática para determinar por simples inspecção a estrutura do
problema, ser possível a solução dele por esses métodos. Uma regra prática
que pode-se aplicar em qualquer situação é julgá-los primeiro:
a) Especialmente se for um problema com poucas variáveis,
b) Uma expressão matemática da função objectiva relativamente simples
c) Não ter relações muito complexas entre as variáveis.
O método da análise clássica
SEMPRE VAI-SE CUMPRIR
 A função é contínua e diferenciável
 A primeira derivada e as derivadas de ordem
superior são contínuas também
 É possível determinar a variável independente da
equação da primeira derivada quando igualar a
zero.
 Não considera a possível existência de restrições
sobre o valor que possa tomar a variável
independente

Estas são precisamente as limitações do


método, uma vez que nem sempre é possível
cumprir todas as condições mencionadas acima.
Puntos estacionarios
Lo característico del método bajo estudio es la
búsqueda, en primer lugar, de puntos estacionarios,
los cuales se definen de la manera siguiente.
Sea y = y(x), x∈En una función continua y diferenciable
con derivadas continuas; el punto x =a es un punto
estacionario, si y solo si,
Condição suficiente
Problema-1
Temos um cilindro de papelão com um volume= 600 m3, a tampa e base
tem um custo de 3 $/m2 e o lateral de 2 $/m2. Quál será o custo total da
caixa cilíndrica?
Problema-2
Pretende-se estender um cabo de uma usina de força à margem dum rio
de 900 m de largura até uma fábrica situada do outro lado do rio, 3000 m
rio abaixo. O custo para estender um cabo pelo rio é de 500 $/m,
enquanto que para estendé-lo por terra custa 400 $/m. Quál é o
percurso mais econômico para o cabo?
Problema-3
Quermos construir um cilindro equilatero consderando que h f(r). Se o
volume do cilindro =250π. Esta função será maximizada.
Problema-4
Um home quer cercar um espaço em forma rectángular, maximizando a
área total do espaço a cercar. Quál deveria ser a área total se o custo
total da cerca é de 6000 $?. Os precios dos lados são 2$/m e 3$/m
respectivamente.
Problema-5
Quermos maximizar o volume duma caixa, X>0, X≤3
Caixa aberta
Caixa fechada

𝑨𝒃𝒂𝒔𝒆
 
x
x

6m
Problema-6
Temos a calcular a área máxima que poderíamos cercar com 1000 m de
arambe CORREGO

X
Problema-7
O custo total (em miles de peças) do pedido e armazenamentode X
automoveis é:
  𝟗𝟐𝟏𝟔𝟎𝟎
𝑪 𝑿 = 𝟒 𝑿 +𝟕𝟐𝟎+
𝑿
Determinar o pedido e armazenamento de X automoveis que
minimiza o custo total (em miles de peças)?

Problema-8
O processo de produção de pineus recapeados (borrachas),
incrementa os seus valores quando fabricam-se mais pneumáticos do
tipo trator numa relação, Valor de Produção = 50 + 30X + 2X2, não
entanto, os custos de produção também incrementam-se numa
relação do tipo, Custo de produção = 20 + 2X – 4X2. Qual deve ser a
cifra optima de produção de pineus de trator?
Problema-9
O vapor utilizado nos processos de destilação, de etanol e
na concentração do furfural duma Planta de açúcar, é o
vapor de escapamento utilizado na Area de Força da
Planta. O vapor escoa-se até as unidades consumidoras
atraves das tubarias de vapor. O vapor deve manter os
valores de pressão e tempratura, por isso deve-se isolar
totalmente a tubaria. O custo de aquisição e instalação do
isolante podem-se apresentar como:
C1= aX+ b
Os custos das perdas de calor nas tubarias:
C2= c/X + d
Onde: a, b, c, d são constantes positivas e X é a espessura
do isolante. Qual deve ser o custo mínimo total da
espessura do isolante?
SOLUÇÃO DOS PROBLEMAS
1,2,3,4,5,6,7 ,8 e 9
Problema-1
Temos um cilindro de papelão com um volume= 600 m3, a tampa e base
tem um custo de 3 $/m2 e o lateral de 2 $/m2. Quál será o custo total da
caixa cilindrica?
  𝑨𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =𝑨 𝒕𝒂𝒎𝒑𝒂 + 𝑨 𝒃𝒂𝒔𝒆 + 𝑨 𝒍𝒂𝒕𝒆𝒓𝒂𝒍
h
 
𝑨𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =𝝅 𝒓 𝟐𝒕𝒂𝒎𝒑𝒂 + 𝝅 𝒓 𝟐𝒃𝒂𝒔𝒆 + 𝝅 𝑫𝒉
r
𝟐 𝟐
 
𝑨𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =𝝅 𝒓 𝒕𝒂𝒎𝒑𝒂 + 𝝅 𝒓 𝒃𝒂𝒔𝒆 + 𝟐 𝝅 𝒓𝒉
  )
 𝑪𝒖𝒔𝒕𝒐 𝟐
𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =6 𝝅 𝒓 ( $/ m 2   ) +𝟒 𝝅 𝒓 𝒉 ( $/ m 2   )
  𝟔𝟎𝟎 𝒎 𝟑  
 𝒄𝒐𝒎𝒐 : 𝑽
𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =𝟔𝟎𝟎 𝒎 𝟑=𝝅 𝒓 𝒉 𝟐 𝒉= 𝟐
𝝅𝒓
  𝟔𝟎𝟎 𝒎 𝟑  
𝟐
𝑪𝒖𝒔𝒕𝒐 𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =6 𝝅 𝒓 ( $/ m 2   ) +𝟒 𝝅 𝒓
𝝅𝒓
𝟐 ( )
  𝟐 𝟐𝟒𝟎𝟎
𝑪𝒖𝒔𝒕𝒐 𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =6 𝝅 𝒓 ( $/ m 2   ) + como: r>0
𝒓
Você pode dar uma resposta gráfica ou analítica

C total
3000 analítica pela derivada
2700
2400  𝒅𝑪 𝟐𝟒𝟎𝟎
𝟐
=6 𝝅 𝒓 +
2100 𝒅𝒓 𝒓
 𝒅𝑪
1800
−𝟏
1500 =𝟎=12 𝝅 𝒓+ 2400 𝒓
1200
𝒅𝒓
𝟑
900 𝒓= √ 𝟔𝟒=𝟒 𝒎
 

600
0 2 4 6 8 10 12 14
r (m)
𝑪𝒖𝒔𝒕𝒐 𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍=𝟗𝟎𝟏 , 𝟒𝟒 ( $/ m 2   )
 

Para r=4m
𝑪𝒖𝒔𝒕𝒐 𝒕𝒐𝒕𝒂𝒍 =𝟗𝟎𝟏 , 𝟒𝟒 ( $/ m 2   )
 
Problema-2
Pretende-se estender um cabo de uma usina de força à margem dum
rio de 900 m de largura até uma fabrica situada do outro lado do rio,
3000 m rio abaixo. O custo para estender um cabo pelo rio é de 500
$/m, enquanto que para estendé-lo por terra custa 400 $/m. Qual é o
percurso mais econômico para o cabo? 3000
Fábrica x

𝑪𝒖𝒔𝒕𝒐
  𝑻𝒐𝒕𝒂𝒍= ( 𝟑𝟎𝟎𝟎− 𝒙 ) ∗ 𝟒+ 𝒅 ∗ 𝟓
900
𝟐 𝟐
𝑪 𝑻 (𝒙)= (𝟑𝟎𝟎𝟎 − 𝒙 ) ∗ 𝟒+ ( √𝟗𝟎𝟎 +𝒙 ) ∗𝟓
 

𝟐 𝟐   𝟏
𝑪 𝑻 (𝒙)=𝟏𝟐𝟎𝟎 − 𝟒 𝒙+ ( √ 𝟗𝟎𝟎 +𝒙 ) ∗ 𝟓
 

 𝒅𝑪 𝟏
𝟒=
(√ 𝟗𝟎𝟎 + 𝒙
𝟐 𝟐 ) 𝟓𝒙 Usina

𝒅𝒙 (
=−𝟒 +
𝟐 √ 𝟗𝟎𝟎 + 𝒙
𝟐 𝟐 ) (𝟐 𝒙 ) 𝟓
  𝟏
𝟐

 𝒅𝑪
=𝟎=− 𝟒 +
( 𝟏
𝟓𝒙
)
𝟒 =
𝟐

[( √ 𝟐
𝟗𝟎𝟎 + 𝒙
𝟐 ) 𝟓𝒙 
]
𝒅𝒙 𝟐
√ 𝟗𝟎𝟎 + 𝒙𝟐
  𝟏
𝟏𝟔=
( 𝟐
𝟗𝟎𝟎 + 𝒙
𝟐)𝟐𝟓 𝒙
𝟐

𝟐 𝟐
𝟏𝟔(𝟗𝟎𝟎
  ¿ ¿ 𝟐)+𝟏𝟔 𝒙 =𝟐𝟓 𝒙 ¿
𝟐
𝟏𝟔(𝟗𝟎𝟎
  ¿ ¿ 𝟐)=𝟗 𝒙 ¿
 𝒙=𝟏𝟐𝟎𝟎 𝒎
𝟐 𝟐
𝑪 𝑻 (𝒙)= (𝟑𝟎𝟎𝟎 − 𝒙 ) ∗ 𝟒+ √𝟗𝟎𝟎 +𝒙 ) ∗𝟓
 
(
𝟐 𝟐
𝑪 𝑻 =( 𝟑𝟎𝟎𝟎 −𝟏𝟐𝟎𝟎 ) ∗ 𝟒+ ( √ 𝟗𝟎𝟎 +𝟏𝟐𝟎𝟎 ) ∗ 𝟓
 

 𝑪 𝑻 =𝟏𝟖𝟎𝟎 ∗ 𝟒+𝟏𝟓𝟎𝟎 ∗ 𝟓

𝑪
  𝑻 =𝟏𝟒𝟕𝟎𝟎 $