P. 1
Apostila de Exercícios completa de Gramatica - Prof Alessandra

Apostila de Exercícios completa de Gramatica - Prof Alessandra

|Views: 673|Likes:

More info:

Published by: Raquel Alves Ornelas on Oct 01, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/06/2013

pdf

text

original

1

EXERCÍCIOS
(Acentuação Gráfica)

Julgue os itens a seguir, marcando (V) se
todas as palavras forem acentuadas pela
mesma regra e (F) se forem acentuadas por
razões diferentes:

1º GRUPO

1. ( ) municípios / proíbam / saída
2. ( ) balaústre / caí / argúi
3. ( ) história / indivíduos / tênue
4. ( ) náufrago / idéia / chapéu
5. ( ) chaminé / será / papéis
6. ( ) distúrbio / papéis / sério
7. ( ) súbito / pânico / insólito
8. ( ) país / Macunaíma / saúde
9. ( ) útil / últimos / húngaro
10. ( ) polícia / edifícios / série

2º GRUPO

1. ( ) freguês / três / cortês
2. ( ) vírus / ânus / ônibus
3. ( ) fácil / imóvel / amável
4. ( ) máximo / hábitat
5. ( ) Crusoé / café / rodapé
6. ( ) juá / sofá / crachá
7. ( ) Há / vê / pôr
8. ( ) pôr / pára / pêlo
9. ( ) vôo / saída / enjôo
10.( ) paletó / cipó / pó

EXERCÍCIOS

1. (Câmara dos Deputados) Alternativa em
que as sílabas em destaque de ambos os
vocábulos são as sílabas to-nicas:
a) ( ) aVAro - ureTER
b) ( ) póLIpo - Ibero
c) ( ) PUdico - duPLEX
d) ( ) RUbrica - NObel
e) ( ) CIclope - ínteRIM



2. (UnB/STJ) Acentua-se a forma
sublinhada em pô-la na cadeia porque
se trata de:
a. ( ) forma tônica em hiato
b. ( ) paroxítona terminada em o fechado
c. ( ) forma verbal em que, depois de o,
assimilou-se o r ao i do pronome
d. ( ) acento distinto de timbre

3. (CEUB) Assinale a alternativa em que
todos os vocábulos são acentuados por
serem oxítonos:
a. ( ) paletó, avô, pajé, café, jiló
b. ( ) parabéns, vêm, hífen, saí, oásis
c. ( ) vovô, capilé, Paraná, lápis, régua
d. ( ) amém, amável, filó, porém, além
e. ( ) caí, aí, ipê, abricó

4. (UnB/TCU) Assinale a opção em que a
acentuação gráfica das palavras está correta:
a. ( ) Para combater incêndios, o Corpo de
Bombeiros mantém no Centro Histórico
cinqüenta hidrantes e uma viatura própria para
ações de emergência.
b. ( ) O perfil sócial e econômico dos
quarteirões foi planejado para agrupar
comercio em geral, empreendimentos na área
de alimentação, além de iniciativas culturais.
c. ( ) Cenário de alguns romances de Jorge
Amado, o Pelourinho reune hoje todos os
ingredientes de um sofisticado pólo de lazer e
cultura.
d. ( ) Diversos órgãos oficiais tem contribuído
na reconstrução do patrimônio histórico e
arquitetônico de Salvador.
e. ( ) A ausência de um controle estrategico
durante séculos facilitou a descaracterização de
uma área importantíssima da história da
arquitetura braslileira.

5. (UnB/CAESB) Assinale a opção correta
em que todas as palavras são acentuadas em
obediência à mesma regra:
a. ( ) hidrológico, possível, atmosférica
b. ( ) necessário, subterrâneo, sábios
c. ( ) provém, três, contínua
d. ( ) reservatórios, caráter, córregos
e. ( ) às, água, dúvida

6. (UnB/MEC) Assinale a opção em que
ocorre exemplo de vocábulo acentuado
devido à mesma regra de acentuação
gráfica que se aplica a “caráter”:
a. ( ) já
b. ( ) hífen
c. ( ) vários
d. ( ) saúde
e. ( ) assembléia

7. (UnB/FUB) São acentuadas pela mesma
regra de acentuação gráfica todas as
palavras da opção:
a. ( ) ótimas/prognósticos/só
b. ( ) Isaías/Diária/Felício
c. ( ) Inabalável/impossível/invisível
d. ( ) Português/tênue/também
e. ( ) lá/está/sábado


2
8. (IDR/Metrô) Assinale a alternativa cujos
vocábulos NÃO são acentuados pela mesma
regra:
a. ( ) público, jurídico, técnico
b. ( ) econômico, caráter, político
c. ( ) exercício, área, médio
d. ( ) auxílio, tênue, nódoa

9. (UnB/FUB) Identifique a opção em que
todas as palavras são acentuadas
graficamente por causa da mesma regra:
a. ( ) proteína / reúnem / céu
b. ( ) demência / negócio / difícil
c. ( ) atrás / áspero / entusiástico
d. ( ) alguém / contêm / abdômen
e. ( ) paraíso / daí / destituído

10. (EMBRAPA) Aponte o grupo de palavras
que são acentuadas pela mesma razão de
“usufruímos”:
a. ( ) ímãs, lápis, hífen
b. ( ) viúva, saída, faísca
c. ( ) típico, crítico, últimas
d. ( ) concluímos, tínhamos, previsível

11. (UnB/CAESB) Assinale a opção
gramaticalmente correta:
a. ( ) Os usuários crêm que o atendimento
tende a melhorar.
b. ( ) É necessário que eles dêm atenção às
instalações hidráulicas.
c. ( ) O cliente vêem reclamar do serviço na
agência central.
d. ( ) Os técnicos lêem as instruções antes
do trabalho.
e. ( ) As obras vem resolver o problema do
abastecimento.

12. (UnB/TCU) Assinale a opção correta
quanto à grafia dos verbos sublinhados:
a. ( ) Os artistas crêem que a restauração do
Centro Histórico é uma conquista cultural
comunitária.
b. ( ) Os intelectuais vêem com bons olhos a
consolidação da consciência em relação ao
patrimônio.
c. ( ) Os empresários vem instalando lojas,
cafés, restaurantes, escritórios e estúdios no
Centro.
d. ( ) É preciso que os cidadãs deem valor
ao trabalho de restauração e preservem as
características originais do estilo barroco.
e. ( ) Cores, formas, detalhes em madeira e
em alvenaria compoêm o cenário de casarões
coloniais do Centro Histórico.

13. (ESAF/TRT) Assinale a opção que
apresenta a acentuação incorreta das
palavras:
a. ( ) Tivéssemos recursos, empreenderíamos
algum negócio.
b. ( ) Pela síntese da exposição dos
projetos, vê-se que trarão ônus para o
governo.
c. ( ) Esta área está interditada por um breve
período.
d. ( ) Atletas mais ágeis obtém melhores
resultados nas competições.
e. ( ) Três jovens advogados esperam os juízes
para o início da sessão.











GABARITO





1 2 3 4 5 6 7 8 9 10

Grupo
F F V F F F V V F F

Grupo
F F V V F F F V F F
01 - A 02 - C 03 - A 04 - A 05 - B 06 - B 07 – C
08 - B 09 - E 10 - B 11 - D 12 - A 13 - D

3
MAIS EXERCÍCIOS
(Acentuação Gráfica)

1. (IDR) No que se refere a acentuação
gráfica, é correto afirmar que:
a. ( ) três, terá e será recebem acento gráfico
por serem palavras oxítonas, terminadas,
respectivamente, em s e a.
b. ( ) comunitário, imprudência e
homicídio seguem a mesma regra de
acentuação gráfica.
c. ( ) código e trânsito seguem a regra de
acentuação gráfica das palavras trissílabas
terminadas em o.
d. ( ) o acento gráfico da forma verbal está
justifica-se pela existência do pronome
demonstrativo esta.

2. (IDR) Assinale o trecho que apresenta erro
de acentuação gráfica:
a. ( ) Sem dúvida, é corrupto alguém que
sistematicamente desvia dinheiro público.
b. ( ) A orígem da nossa corruptíssima
república se encontra na História do Brasil
colonial.
c. ( ) A malandragem chegou a tais níveis que
o brasileiro anseia, freqüentemente, por ética e
dignidade.
d. ( ) Mesmo os religiosos reconhecem que os
mandamentos bíblicos não bastam para
sustentar referenciais éticos.

3. (UM-SP) Assinale a alternativa em que
pelo menos um vocábulo não seja acentuado:
a. ( ) voo, orfão, taxi, balaustre
b. ( ) itens, parabens, alguem, tambem
c. ( ) tactil, amago, cortex, roi
d. ( ) papeis, onix, bau, ambar
e. ( ) hifen, cipos, leem, pe

4. (FUVEST-SP) Assinale a alternativa em
que todas as palavras estão corretamente
acentuadas:
a. ( ) Tietê, órgão, chapéuzinho, estrêla,
advérbio
b. ( ) fluido, geléia, Tatuí, armazém, caráter
c. ( ) saúde, melância, gratuito, amendoím,
fluído
d. ( ) inglês, cipó, cafézinho, útil, Itú
e. ( ) canôa, heroismo, crêem, Sergipe, bambú

5. (UM-SP) Assinale a alternativa em que
todos os vocábulos estejam corretamente
acentuados:
a. ( ) rítmo, impossível, enjôos, alcatéia
b. ( ) pôquer, sanduíche, seminú, afáveis
c. ( ) sótão, môsca, portátil, coronéis
d. ( ) carnaúba, caracóis, ítens, vintém
e. ( ) ensaísta, antevéspera, protótipo,
orquídea

6. (AMAN-RJ) Assinale o vocábulo
acentuado graficamente por imposição de
regra diferente das demais:
a. ( ) inúmeros
b. ( ) calmíssima
c. ( ) cédulas
d. ( ) cálculo
e. ( ) uísque

7. (UECE) São acentuadas graficamente pela
mesma razão as palavras da opção:
a. ( ) há, até, atrás
b. ( ) história, ágeis, você
c. ( ) está, até, você
d. ( ) ordinário, apólogo, insuportável

8. (UNIRIO/RJ) Assinale o item em que
ambas as palavras foram acentuadas segundo
a mesma regra:
a. ( ) ausência, saúde
b. ( ) jóqueis, pensávamos
c. ( ) pôr, pôde
d. ( ) último, baú
e. ( ) má, vocês

9. (UEPG-PR) O item em que
necessariamente deve receber acento gráfico
é:
a. ( ) historia
b. ( ) ciume
c. ( ) amem
d. ( ) numero
e. ( ) ate

10. (AMAN-RJ) Das palavras seguintes, uma
admite duas formas de justificar o acento
gráfico, por enquadrar-se em duas regras de
acentuação:
a. ( ) combustível
b. ( ) está
c. ( ) três
d. ( ) países
e. ( ) veículos

11. (FMU-SP) Assinale a alternativa que
apresenta palavras acentuadas pela mesma
regra de pólos:
a. ( ) lápis, lótus, tênis
b. ( ) avós, dominó, paletó
c. ( ) pôr, pêlo, pêra
d. ( ) herói, faróis, asteróide
e. ( ) pólen, sêmen, abdomen

12. (FUMEC-MG) Assinale o item em que
todas as palavras são acentuadas pela mesma
regra de também, incrível e caráter:
4
a. ( ) alguém, inverossímil, tórax
b. ( ) hífen, ninguém, possível
c. ( ) têm, anéis, éter
d. ( ) há, impossível, crítico
e. ( ) pólen, magnólias, nós


13. (UEPG-PR) Num dos itens abaixo, a
acentuação gráfica de um vocábulo não está
devidamente justificada. Assinale este item:
a. ( ) círculo: vocábulo proparoxítono
b. ( ) além: vocábulo oxítono terminado em –
em
c. ( ) órgão: vocábulo proparoxítono terminado
em til
d. ( ) dócil: vocábulo paroxítono terminado em
l
e. ( ) pôde: acento diferencial

14. Assinale o item em que as palavras estão
acentuadas segundo a mesma regra:
a. ( ) miúdo, pêndulo
b. ( ) história, distância
c. ( ) pedrês, porém
d. ( ) respeitável, pálpebra
e. ( ) Lucília, três

15. (UFP-RS) A alternativa que corresponde
à série cujas palavras não devem ser todas
acentuadas é:
a. ( ) forceps, sanguineo, apaziguas
b. ( ) dispar, polo(subst) quinquenio
c. ( ) abdomen, constituido, refem
d. ( ) bilingue, subita, uisque
e. ( ) (ele) intervem, fluor, porque (subst)

16. (UFV-MG) Observe os itens abaixo:
1 – caráter, tatú, rubrica, juízo
2 – benevolência, cáqui, avaro, raiz
3 – abdômen, construí, ibero, caires
4 – verossímil, rapé, trânsfuga, graúna
5 – caquí, jiló, árvore, rainha
Assinale a alternativa cujos números
correspondem aos itens em que não ocorre
erro de acentuação:
a. ( ) 3,4,5
b. ( ) 2,4
c. ( ) 1,3,5
d. ( ) 2,4,5
e. ( ) 1,2,3

17. (ITA-SP) Assinale a palavra que, no
singular, tem acento gráfico, mas se for
colocada no plural, deixará de receber o
acento:
a. ( ) bebê
b. ( ) útil
c. ( ) hífen
d. ( ) revólver
e. ( ) aríete

18. (ACAFE-SC) Assinale a alternativa cujas
palavras são acentuadas graficamente com
base na mesma regra:
a. ( ) idéia, céu, porém, além
b. ( ) ingênuo, água, matéria, dromedário
c. ( ) concluí, saí, lá, está
d. ( ) lá, já, calçá-las, saí
e. ( ) época, desagradável, solícito, apanha-las

19. (AMAN-RJ) Assinale o vocábulo
acentuado graficamente por imposição de
regra diferente das demais:
a. ( ) inúmeros
b. ( ) calmíssima
c. ( ) cédulas
d. ( ) cálculo
e. ( ) uísque

20. (UFP-RS) Ele.......... sua rápi-da...........a
uma............ persuasiva.
a. ( ) atribuía, ascenção, eloqüência
b. ( ) atribuía, ascenção, eloqüência
c. ( ) atribuía, ascensão, eloqüência
d. ( ) atribuia, ascensão, eloqüência
e. ( ) atribuia, ascensão, eloqüência

21. (UEFS-BA) Quero que vocês................
todas as encomendas: é preciso que
tudo.........em ordem para a entrega.
a. ( ) averíguem, esteje
b. ( ) averíguem, esteja
c. ( ) averígüem, esteja
d. ( ) averigúem, esteje
e. ( ) averigúem, esteja

22. (UEPG-PR) Obedecendo às regras,
coloque, se necessário, acento gráfico nas
palavras em destaque, depois,
respectivamente, marque a alternativa
correta:
O juiz inflexivel foi a ruina de Estevão, o
qual não atendia aos reclames dos orfãos.

a. ( ) não há, agudo, agudo, circunflexo, não

b. ( ) agudo, agudo, agudo, não há, não há
c. ( ) não há, agudo, agudo, circunflexo,
agudo
d. ( ) agudo, agudo, não há, não há, agudo
e. ( ) não há, agudo, não há, circunflexo, agudo

23. (FAFEOD-MG) Indique a alternativa que
contém duas palavras oxítonas, duas
paroxítonas e duas proparoxítonas:
a. ( ) anil, zebu, rubrica, vicio, ibero,
infância
b. ( ) metro, rapidez, nobel, vende, es-
pontâneo, carbônico
5
c. ( ) rosa, funil, avaro, régua, remédio,
capítulo
d. ( ) talvez, melhor, reles, meteoro,bêbedo,
coágulo

24. (MACK-SP) Aponte a alternativa em que
haja uma palavra incorretamente grafada:
a. ( ) Para pôr em evidência o personagem
principal e repor a equipe da faxina, o diretor
do filme gastou dois milhões de dólares.
b. ( ) As forças governistas fazem concessões
só com o propósito de que o lider apazigúe a
rebelião.
c. ( ) Por que a análise do porquê tem gerado
dúvidas a todos os alunos interessados nesse
assunto? Por quê?
d. ( ) Os comerciantes estréiam um produto
novo através da exibição de letreiros na
fachada ascendente dos prédios.
e. ( ) A freqüência assídua dos alunos no
curso de Lingüística deve-se à tranqüilidade
do ambiente e à eloqüência dos professores.

25. (USF-SP) ............do herói sem causa,
era.........de arriscar a vida por um....... nada.
a. ( ) Protótipo, capás, quase
b. ( ) Prototipo, capaz, quaze
c. ( ) Protótipo, capaz, quase
d. ( ) Prototipo, capáz, quasi
e. ( ) Protótipo, capás, quazi

26. (Center-BA) São acentuadas por razões
diferentes:
a. ( ) caráter, lábia, provável
b. ( ) antipático, páginas, próximo
c. ( ) cópias, monetários, intransponíveis
d. ( ) acadêmica, antropóloga, sinônimo
e. ( ) há, é, dá

27. (ITA-SP) Assinalar a alternativa em que
todas as palavras estejam com acentuação
gráfica correta:
a. ( ) bênção, caráter, climax, ambíguo
b. ( ) bênção, caráter, clímax, ambíguo
c. ( ) bênção, caráter, clímax, ambígüo
d. ( ) bênção, carater, climax, ambíguo
e. ( ) bênção, carater, clímax, ambígüo

28. (Mackenzie-SP) Assinale a alternativa
que contém vocábulos que obedecem à
mesma regra de acentuação da palavra
tênue.
a. ( ) agrônomo, índex, fóssil, díspar
b. ( ) boêmia, herói, amáveis, imundície
c. ( ) amêndoa, mágoa, supérfluo, bilíngüe
d. ( ) míope, ímã, médiuns, volúvel
e. ( ) argênteo, viúvo, baía, esferóide

29. (Cesgranrio-RJ) Assinale a série que leva
acento agudo, do mesmo modo que herói,
com base na mesma regra ortográfica:
a. ( ) assembléia, doído
b. ( ) chapéu, geléia
c. ( ) heróico, área
d. ( ) jibóia, jóquei
e. ( ) rouxinóis, saía

30. (FGV-RJ) Assinale a alternativa que
completa corretamente as frases:
I Cada qual faz como melhor lhe
___________________
II O que _______________estes frascos?
III Neste momento, os teóricos
__________________os conceitos.
IV Eles ____________ a casa do necessário.

a. ( ) convém, contêm, revêem, provêem
b. ( ) convém, contém, revêem, provém
c. ( ) convém, contém, revêm, provém
d. ( ) convêm, contém, revêem, provêem
e. ( ) convêm, contêm, revêem, provêem

31. (Cesgranrio-RJ) Assinale a opção em que
os vocábulos obedecem à mesma regra de
acentuação gráfica:
a. ( ) terá, límpida
b. ( ) necessário, verás
c. ( ) dá-lhes, necessário
d. ( ) incêndio, também
e. ( ) extraordinário, incêndio










GABARITO

01 -
B
02 -
B
03 -
B
04 -
B
05 -
E
06 -
E
07 –
C
08 -
C
09 -
B
10 -
E
11 –
C
12 -
A
13 -
C
14 –
B
15 -
A
16 -
B
17 -
C
18 -
B
19 -
E
20 -
C
21 –
C
22 -
C
23 -
D
24 -
D
25 -
C
26 -
A
27 -
B
28 –
C
29 -
B
30 -
A
31 -
E







6
ORTOEPIA (OU ORTOÉPIA)

PROSÓDIA

ACENTUAÇÃO GRÁFICA



Chama-se ortoepia a parte da Gramática que trata da correta pronúncia dos fonemas.
Observe a diferença de timbre das vogais dos vocábulos abaixo.


Timbre aberto: ( ´ ) Timbre fechado: ( ^)

*abrolhos (= dificuldades) *abrolho
*molho (= feixe) ambidestro
Coldre alcova
Obsoleto camioneta (te)
Dolo (= má fé) *molho (= caldo)
Coeso (= coerente) choldra (= bando)
Refrega (= luta) fecha
Grelha (= grade de ferro para assar corça (= fêmea do veado)
Tropos (= figuras) foro (= jurisdição)
Coevo (= coetâneo) grumete (= marinheiro)
Antolhos (= pala) crebo (= freqüente)
Obeso enxaqueca
Coleta destra (= a mão direita)
Ciclope (= gigante) destro (= a mão esquerda)
Paredro (= diretor) cerebelo
Lerdo (= lento) rouba
Inodoro (= sem odor) festeja
*morna corso (= da Córsega; cardume
Pandora (= instr. Mus. : person. Mitol.) de sardinhas)
torpe (= desonesto)
crosta
filantropo
*morno
extra
controle (subst.)
Antônio
corbelha (cesto para flores)
solfejo (exercício musical)
badejo (peixe)


Observação: suor (ó ou ô) – ileso (ê ou é) – ignoto (ô ou ó)




4 – PROSÓDIA

Chama-se prosódia a parte da Gramática que trata da correta acentuação de vocábulos. Ao erro de
prosódia dá-se o nome de silabada.

São oxítonas
condor sutil Gibraltar
Nobel reféns novel
ruim mister refém
7
Hangar (abrigo aviões) Obus (peça artilharia) recém
Cister Ureter (canal – rins/bexiga)


São paroxítonas
avaro batavo decano
erudito fluido gratuito
inaudito (extraordinário) maquinaria pegada
refrega tulipa necropsia
aziago caracteres dispar
Exegese (interpretação) fortuito Hungria
autópsia libido meteorito
policromo rubrica boêmia=boemia
têxteis Barbaria (barbárie) ciclope
Efebo (ê = moço) filantropo grácil
ibero látex misantropo
(im)pudico têxtil estratégia
Sinonímia

Proparoxítonas
Aerólito (meteorito) Ábibi (lat) Aríete (máq.guerra antiga)
chavena Égide (proteção) Hégira (fuga)
lêvedo Prófugo (desertor) Revérbero (reflexo)
Trânsfuga (desertor) alcoólatra Aeróstato (balão)
amálgama Arquétipo (modelo) improbo (desonesto)
Niágara Protótipo (modelo) Sátrapa (déspota)
Zéfiro (vento suave) Bátega (aguaceiro) Álcali
Anátema (excomunhão) Azáfama (barulho) Bólido (e) (meteoro)
Éolo (vento forte) Hábitat (lat.) Ínterim
ômega quadrúmano Bímano
Cotilédone (folhas embrionárias) Fac-simile (reprodução) Tamisa
crisântemo Gárrulo (tagarela)







Dupla prosódia
Para alguns vocábulos há, mesmo a língua culta, oscilações de pronúncias
Áfono/afono Acrobata/acróbata Anidrido/anidrido (liq.ácido)
Homilia/homília Oceania/Oceânia Colméia/colméia
Cátion/cátion/cátion (carga+) Ânion/aníon (carga -) Ortoepia/ortoépia
Projétil/projétil Réptil/réptil Sóror/sóror
Zangão/zângão Xerox/xérox Boemia/boêmia












8
ACENTUAÇÃO GRÁFICA


Regras de acentuação gráfica

Caso Regra Exemplos
1. Monossílabos tônicos Acentuam-se os monossílabos
tônicos terminados em a(s), e(s),
o(s)
Pá, pás, pé, pés, pó, pós, lê, crê,
gás, três
2. Oxítonas Acentuam-se as palavras
oxítonas terminadas em a(s),
e(s), o(s), em, ens
Sofá(s), atrás, você, após,
ninguém, parabéns
3. Paroxítonas Acentuam-se as palavras
paroxítonas terminadas em:

l Fácil, desagradável
i(s) Júri, táxi, lápis
n Pólen
us, um, uns Vênus, fórum, fóruns
r Açúcar, éter
x Tórax
ã(s) Órfã, órfãs
ão(s) Órgão, órgãos
ps Bíceps, fórceps
on(s)/om Próton, nêutrons, rádom
ditongo oral, seguido de s História, comércios
4. Proparoxítonas Todas as palavras são
acentuadas
Fósforos, elétrico, cápsula
5. Ditongos abertos Acentuam-se os ditongos
abertos:

éi Assembléia
éu Céu
ói dói







CRASE

há – tempo passado
IMPORTANTE: A # À # HÁ a - tempo futuro
à – (regras vistas há pouco)















9
EXERCÍCIOS

I- PREENCHA AS LACUNAS COM A, AS, À, ÀS:

1. Monumento erigido ....... memória do mestre.
2. Dirigi-me ...... piscina.
3. O Brasil manifestou ......... Argentina toda a
solidariedade.
4. Fiéis ....... aspirações.
5. Chegaram ....... Estocolmo
6. Quando voltarás ...... Curitiba da Rua das
Flores?
7. Graças ....... Deus obedecemos .........
sinalização.
8. ...... minha mãe, que lhe dei eu?
9. Voltamos ........ casa antes da chuva.
10. Após ......... compras, retornemos .........
casa de tua avó.
11. De volta ..... terra, o pescador descansou.
12. A medalha foi dada .......... aluna mais
aplicada, mas não ........ qualquer aluna.
13. Pedrinho traja-se ....... antiga.
14. Fui ...... São Paulo, ........ tardinha.
15. Sentei-me ........ beira do rio e passei ........
meditar.
16. Vaguei ...... míngua e sem conforto.
17. Eis a menina ..... quem dei um presente.
18. ......... noite estava clara, e os namorados
foram ........... praia ver a chegada dos
pescadores que voltavam ....... terra.
19. Visava .......... vaga de chefe mais do que
aspirava ........... de diretor.
20. O fenômeno ........ que aludi é visível ........
noite e .......... olho nu.



II- CRASEIE QUANDO NECESSÁRIO:

1. Refiro-me aquilo que não ensinam na escola.
2. Aquela sua desculpa não engana a ninguém.
3. Aqueles vestibas que aprenderam aquelas regras da crase não passarão aquilo a que se chama
“maus momentos”.
4. Os garimpeiros assistiam a cena em silêncio, entreolhando-se a luz das candeias.
5. Exige-se a assistência as aulas.
6. O aluno parecia entregue a alegres recordações.
7. Chegamos a cidade a uma hora morta.
8. Tomou o remédio gota a gota.
9. Iremos a Curitiba e depois a Natal.
10. Dedicaram templos a Minerva e a Júpiter.
11. Indo a casa, você só me encontrará as 14 horas.
12. Ninguém estava pronto a falar.
13. Falava a torto e a direito.
14. Viajaram, a pé, a Fortaleza dos jangadeiros.
15. O ladrão se achava as escondidas, quando a polícia o encontrou, as 20 horas.
16. Estou aqui desde as sete horas.
17. Você anda escrevendo cartas a Fernanda?
18. A incrível Jordana, o pai só permite que escrevam histórias infantis.
19. As segundas-feiras, almoço a paulista; as terças, a mineira.
20. Dirigiu-se a Casa do Estudante para adquirir canetas novas.
21. Ontem, saldou seus compromissos: pagou a mensalidade do colégio, a empregada, as contas e a
pessoas a quem devia.













10

QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Complete os espaços em branco com A, À ou HÁ:
Lembro-me muito bem que, ........... dez anos atrás, ficávamos os dois, lado ....... lado, ....... porta do
bar, aguardando ....... passagem do ônibus que levava ..... Lapa.

2. (UFSC) Reescreva o período abaixo, corrigindo-o, se necessário, quanto à acentuação gráfica e
crase. Justifique, mesmo se você não fizer a correção.
Ele ia, pouco a pouco, falando aquela linguagem monossilábica, e à seus pés, a cachorra esgaravatava
a seca vegetação.
Correção:____________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
Justificativa:_________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________

3. Complete as lacunas com uma das formas dos parênteses:
a. Vamos tirar ............ (à sorte – a sorte) para decidir quem iniciará o jogo.
b. Maria deu ............ (a luz – à luz) uma criança defeituosa.

4. (FUVESTE) Leia atentamente as frases abaixo:
1. “... trouxe até à nuca, bem atrás de uma orelha, uma das patas de trás, para se coçar.”
(Guimarães Rosa)
2. “ Tiritando de frio, andei até a estra-da e comecei a pedir carona.”
(P.M.Campos)
Justifique a presença e a ausência do acento indicativo da crase nas expressões destacadas acima:
Resposta:.........................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
.............................................................................................................
...............................................................................................................................

5. (CÁSPER LIBERO) “Iremos, à pé, à fazenda.” Está correta esta oração? Por quê?
Resposta:..........................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
.......................................................................................................................................................................

6. (FUVEST) No texto a seguir, apenas um a deve receber o acento de crase. Transcreva o
segmento em que ele aparece e justifique a crase.
“Dirigiu-se a ela a passos lentos e disse: estou disposto a contar tudo a senhora; não tenho coragem de
falar a Mário sobre o ocorrido.”
Resposta:..........................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
.......................................................................................................................................................................

7. (E.S. PROPAGANDA E MARKETING) Preencha os espaços vazios com a ou as, marcado ou
não com acento grave, indicador de crase:
“Eu já conhecia............fazenda, por isso fui......... cidade apreciar praças onde fiz referências ........ V.Sª e
não ............ Srª que o acompanha”.

8. (FAAP) Explique o emprego do acento grave nas expressões destacadas:
a. Eu compro à vista aos donos do mundo.
Resposta:..........................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
11
b. Digo adeus à ilusão.
Resposta:..........................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................

9. (CESGRANRIO) Preencha os espaços vazios com a, à, as, às:
1. “(...)Rubião teimava em dizer que ......... noites do Rio não podiam comparar-se......... de
Barbacena(...)” (Machado de Assis)
2. “.............. queda do Homem persiste, como .......... das cachoeiras.” (Guimarães Rosa)
3. “É uma história curiosa ........ que vou lhe contar, minha prima.” (José de Alencar)
4. A camisa que ganhei de minha mãe é idêntica ........ que você está usando hoje.
5. “(...) de quantas famílias iguais ........ dele não saíam cangaceiros, criminosos?” (José Lins do Rego)

10. Complete os espaços vazios com há, a, à, às:
6. “........muito, por uma combinação tácita, nenhum deles traz mulher para casa no meio da noite.”
(Rubem Braga)
7. “Daí ........ meia hora vieram de novo os vômitos; cresceram-lhe as agonias.” (Aluísio Azevedo)
8. “Vinha chegando a ele a grande batalha que Deus lhe reservara ........ vinte anos.” (José Lins do Rego)
9. “deixei-me ficar pelas ruas até ........... quatro horas da tarde, quando me dirigi ........ sua casa, saudoso
dele, ............ quem não via ....... mais de vinte dias.” (Lima Barreto)

11. Complete as alternativas, usando os pronomes demonstrativos, com ou sem crase:
I- “E entre o sono e o medo, ouviu como se fosse de verdade o apito de um trem igual ............ que ouvira
em Limoeiro.” (José Lins do Rego) (aquele/àquela)
II- “Habituara-se ...... boa vida, tendo de um tudo, regalada.” (Jorge Amado) (aquela/àquela)
III. “Os adultos são gente crescida que vive sempre dizendo pra gente fazer isso e não fazer
...............................” (Millôr Fernandes) (aquilo/àquilo)

12. (UFSC) Reescreva o período abaixo assinalando todas as ocorrências de crase. Em seguida,
justifique a correção feita.
Amarrou as tranças, uma a outra, a moda campestre, a fim de ir a festa junina.
Correção:........................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
.........................................................................................................................................................................
Justificativa:....................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................























12

TESTES


01- (UFPR) Em qual alternativa o vocábulo a
deve receber acento grave?
a. ( ) Pintou o quadro a óleo.
b. ( ) Fomos a uma aldeia.
c. ( ) Dirigiram-se a Vossa Excelência.
d. ( ) Voltou a casa paterna.
e. ( ) Começou a chover.

02- (UFPR) Em qual das frases o a não deve
receber acento grave?
a. ( ) Todos se referiam à casa de João.
b. ( ) Todos aspiravam à posição de João.
c. ( ) Todos visavam à exaltação de João.
d. ( ) Todos se dirigiram à casa de joão.
e. ( ) Todos pretendiam à amizade de João.

03- (UFPR) Assinale a alternativa cujas
formas preenchem corretamente as lacunas:
1. Veio ............ Curitiba.
2. Referia-se ........... revistas publicadas.
3. Relatei o fato ............. certa pessoa.
4. Não irei ............ festa.
5. Fez alusão ............. viagem.
a. ( ) à, a, a, aquela, à
b. ( ) a, a, a, àquela, á
c. ( ) a, à, à, aquela, a
d. ( ) a, a, a, aquela, a
e. ( ) à, à, à, àquela, à

04- (UCP) Assinale a opção que preencha
corretamente os pontilhados:
1. Vamos ...... cidade pagar os impostos.
2. Fui ........... lojas fazer compras.
3. Iremos ........... festas de aniversários.
4. Iriam ........... Curitiba no final do ano.
a. ( ) à, à, às, à
b. ( ) a, a, as, a
c. ( ) a, à, às, a
d. ( ) à, às, às, à
e. ( ) à, à, as, à

05- (DIR-CTBA) Indique a alternati-va em
que o sinal indicativo da crase foi mal
empregado:
a. ( ) Fui à Bahia e a Brasília.
b. ( ) A doçura da caridade aliviará à
vencedores e à vencidos.
c. ( ) Não vades à toa pelas trilhas da vida.
Realizai alguma coisa.
d. ( ) Não se vai à glória por um caminho de
flores.
e. ( ) Nada neste mundo se compara à
consciência do dever cumprido.


06- (MACK) Assinale a alternativa que não
apresenta erro quanto ao emprego da crase:
a. ( ) Dirigindo-se as mesmas jovens e
obedecendo às ordens disciplinares, ela
começou a reunião com tranqüilidade.
b. ( ) Embora dissesse a verdade e deixasse às
claras suas intenções à todas as pessoas
presentes, ninguém acreditava em suas
palavras.
c. ( ) Escreveu a carta à lápis, apesar de ter
recebido determinação para redigi-la à
maquina.
d. ( ) As observações eram dirigidas à Vera,
porém as referências eram feitas àquela jovem
que estava a seu lado.
e. ( ) Falava à moça que dele se aproximava
naquele momento e não a que se via à distância.

07- (STA CASA) Em meio .......... neblina,
esboçou-se, ........... poucos metros de nós, o
vulto do potrinho ............ busca do qual
saíramos.
a. ( ) a – a – a
b. ( ) a – à – à
c. ( ) à – a – à
d. ( ) à – à – à
e. ( ) à – à – a

08- (FCC) Aconselhei-o ........ que, daí .........
pouco, assistisse ........ novela.
a. ( ) a – à – a
b. ( ) a – a – à
c. ( ) à – à – a
d. ( ) à – à – a
e. ( ) à – a – a

09- (ITA) Analisando as sentenças:
1. Ele foi assassinado a canivete.
2. Sua explicação é igual a que escutei ontem.
3. Nunca fui a festa alguma.

Constatamos que o acento indicador da crase
do “a” DEVE ocorrer:
a. ( ) apenas na sentença nº 1.
b. ( ) apenas na sentença nº 2.
c. ( ) apenas na sentença nº 3.
d. ( ) em todas as sentenças.
e. ( ) n.d.a








13

10- (FAC.OBJ.SP) Assinale a frase em que se
admite o acento indicativo de crase:
a. ( ) Chegaram a margem do rio.
b. ( ) ... pôs-se a chorar.
c. ( ) A seca parecia-lhe como um fato
necessário.
d. ( ) Pelo espírito atribulado do sertanejo
passou a idéia.
e. ( ) O menino mais velho e a cachorra Baleia
iam atrás.

11- (DIR-CTBA) Indique a alternativa que
preenche corretamente as lacunas das frases
a seguir:
1. Chegava .... minha casa quase sempre .....
tardinha.
2. É grande a distância de Curitiba ........
Brasília.
3. Abrimos ....... loja ....... cinco horas.
4. Comprar ...... prestação, jamais!
a. ( ) à, à, a, a, às, à
b. ( ) a, à, à, a, às, a
c. ( ) à, a, à, a, as, à
d. ( ) a, à, a, a, às, a
e. ( ) a, a, à, à, as, à

12- (UFRS) ......igreja cabe propugnar pelos
princípios éticos e morais que devem reger
........ vida das comunidades, enquanto
..........política deve visar ao bem comum.
a. ( ) A – à – à
b. ( ) À – a – a
c. ( ) À – à – a
d. ( ) À – à – à
e. ( ) A – a – a

13- (UFRS) ...... alguns meses o ministro
revelou-se disposto ...... abrir ....... discussões
em torno do acesso dos candidatos e dos
partidos ........ televisão.
a. ( ) A – a – as – à
b. ( ) Há – a – às – a
c. ( ) A – à – às – a
d. ( ) Há – à – as – à
e. ( ) Há – a – as – à


14- (PUC-RS) A notícia de que a
Associação dos Cientistas do Meio
Ambiente denunciou as transgressões .........
normas de progressão ......... natureza não
surpreendeu .............. ninguém.
a. ( ) às – à – a
b. ( ) às – à – à
c. ( ) as – a – a
d. ( ) às – a – a
e. ( ) as – à – a

15- (ITA) Dadas as sentenças:
1. Meu irmão dedicou-se à áreas literárias.
2. Estamos à espera de socorro.
3. Transmita esta informação à Sua Excelência.

Deduzimos que:
a. ( ) apenas a sentença nº 1 está correta
b. ( ) apenas a sentença nº 2 está correta
c. ( ) apenas a sentença nº 3 está correta
d. ( ) todas estão corretas
e. ( ) n.d.a.



16- (ITA) Dadas as informações:
1. O acento grave (`), atualmente, só é usado
para indicar a crase do “a”. E.g.: Dei uma
pulseira de ouro àquela moça.
2. O “u” no grupo gua, guo, qua, quo recebe
trema quando for pronunciado atonamente. E.g.:
longínquo.
3. O “u” no grupo gue, gui, que, qui recebe
trema quando for pronunciado atonamente. E.g.:
freqüente.

Deduzimos que:
a. ( ) apenas a afirmação nº 1 está correta.
b. ( ) apenas a afirmação nº 2 está correta.
c. ( ) apenas a afirmação nº 3 está correta.
d. ( ) todas estão corretas.
e. ( ) n.d.a.

17- (ITA) Dadas as sentenças:
1. Lançaram-se a novas conquistas.
2. Não sei a quem puxastes.
3. Procurei você de ponta a ponta.

Constatamos que o acento indicador da crase
do “a” DEVE ocorrer:
a. ( ) apenas na sentença nº 1
b. ( ) apenas na sentença nº 2
c. ( ) apenas na sentença nº 3
d. ( ) em todas as sentenças
e. ( ) n.d.a.

18- (SANTA CASA-FCC) Veja ......... quanto
montam os gastos e, se não estiver .......... seu
alcance cobri-los, recorra ...........
financiadora.
a. ( ) a – à – a
b. ( ) à – à – à
c. ( ) a – a – à
d. ( ) à – a – à
e. ( ) à – à – a







14

19- (FAC OBJ-SP) Assinale a frase em que os
acentos graves, indicadores de crase, estão
colocados corretamente:
a. ( ) Saiu à correr, dizendo que chegaria tarde
à escola.
b. ( ) Leve-o à porta e indique-lhe a saída, à
direita.
c. ( ) Não me refiro à provas realizadas este
ano, mas à outras.
d. ( ) Irei à Europa, visitarei a Itália, onde
me dirigirei à Roma.
e. ( ) Solicito à V. Sª que volte à tarde.

20- (UCP) Observando a acentuação dos
períodos:
1. A mesa fica à esquerda de quem entra.
2. A bem dizer, não sei por que não gosta de ir à
Roma.
3. O quê? Você acha que os juízes são
infalíveis?
4. O professor faltou a algumas aulas, mas
prometeu repô-las.
5. “Tombaram gotas duras sobre a terra.”

Conclui-se que estão inteiramente certos:
a. ( ) 1, 2, 4 e 5
b. ( ) 1, 3, 4 e 5
c. ( ) 1, 2, 3 e 4
d. ( ) 1, 4 e 5
e. ( ) todos.

21- A utilização da crase está correta:
1. ( ) Ele confessou à garota que a amava.
2. ( ) As vezes, o mal faz às vezes de bem.
4 . ( ) As moças andam à cavalo e à pé.
8. ( ) Esta redação é aquela à que me referi.
16.( ) Regressou à casa paterna, à noite.
32.( ) O menino voltou à escola.
64.( ) Apresento minhas desculpas à Vossa
Excelência.

22- Todas as frases estão corretas quanto à
utilização da crase:
1. ( ) A moça veio à janela e começou à gritar.
2. ( ) Iremos à cidade à pé.
4. ( ) Os marinheiros voltaram à terra somente
hoje.
8. ( ) Volto à casa toda noite às 21 horas.
16.( ) Abriremos às quatro em ponto.
32.( ) Resolvi as questões uma à uma.
64.( ) Não podendo ir à missa das dez, irei à do
meio-dia.

23- As alternativas em que o uso da crase é
facultativo:
1. ( ) Refiro-me a tua mãe e ao teu pai.
2. ( ) A vela tinha queimado até a metade.
4. ( ) Deu um passo a frente, arrependeu-se,
tornou a voltar.
8. ( ) Ofereceu a Maria um dos seus doces
prediletos.
16.( ) Compreendeu que aquela altura não
poderia fazer mais nada.
32.( ) O Ministro chegou a Curitiba da Rua
das Flores, ontem.

24- A crase está corretamente empregada:
1. ( ) O peixe emergiu à flor do lago.
2. ( ) Usava meias à jogador de futebol.
4. ( ) Nada falei àqueles que estavam perto.
8. ( ) Referiu-se à cenas passadas há tempos.
16.( ) Voltou à casa, à tardinha.
32.( ) Viu o monstro à uma distância de 100
metros.
64.( ) Não ligo à esta que me perturba.

25- A crase é proibitiva nas alternativas:
1. ( ) O carro é movido à álcool.
2. ( ) Estavam frente à frente, à distância.
4. ( ) Estava à porta da miséria.
8. ( ) Não se deve ir à festas sem convite.
16.( ) Nada sei sobre àquilo.
32.( ) Não viso àquilo que dizem por aí.

26- (U.AM) ........... vezes em que vou ..........
casa de Maria, só para ouvi-la resmungar.
a. ( ) Há - à
b. ( ) A – à
c. ( ) A – a
d. ( ) A – à

27- (FUVESTE) Assinale a alternativa que
preenche corretamente as lacunas:
Diga ........... elas que estejam daqui ......... pouco
........ porta da biblioteca.
a. ( ) à, há, a
b. ( ) a, há, à
c. ( ) a, a, a
d. ( ) à, a, a
e. ( ) a, a, à










15

GABARITO

EXERCÍCIOS
I
1- à 6- à 11- a 16- à
2- à 7- a, à 12- à, a 17- a
3- à 8- À (ou A) 13- à 18- a, à, a
4- às 9- a 14- a, à 19- à, à
5- a 10- as, à 15- à, a 20- a, à, a

II
1- àquilo 12- sem
2- sem 13- sem
3- sem 14- à Fortaleza dos jangadeiros
4- à cena, à luz 15- às escondidas, às 20 horas
5- às aulas 16- sem
6- sem 17- à (ou) a Fernanda
7- à cidade 18- à incrível
8- sem 19- às segundas-feiras, à paulista, às
9- sem Terças, à mineira
10- sem 20- à Casa do Estudante
11- às 14 horas 21- à empregada

DISCURSIVA
1- há, a, à, a, à
2- pouco a pouco, a seus pés, seca.
3- a) a sorte b) àluz
4- Com a expressão até a (à), a crase é facultativa, pois a prepos. “a” é facultativa.
5- A pé, sem crase diante de masculinos.
6- à senhora – prepos. “a” regida pelo verbo “contar” mais art. “a” do subst. “senhora”
7- a, à, as, a à
8- a) à vista – crase obrigatória com expressões adverbiais femininas.
b) à ilusão – fusão da prep. “a” (regida por digo) mais o art. defin. a que precede o
Substantivo ilusão.
9- (1) as, às (2) a, a (3) a (4) à (5) à
10- (6) há (7) a (8) há (9) às ou as, à ou a, a, há
11- (I) àquele (II) àquela (III) aquilo
12- à moda campestre – loc. adv. fem.; à festa – contração artigo a com preposição a
regida pelo verbo ir.

TESTES
1- d 2- e 3- b 4- d 5- b
6- d 7- c 8- b 9- b 10- a
11-d 12-b 13- e 14- a 15- b
16- a 17- e 18- c 19- b 20- a
21- 49 22- 80 23- 11 24- 07 25- 27
26- a 27- e









16
ORTOGRAFIA

Noções Gerais


a- Palavra derivada mantém a grafia da primitiva:
ânSia - anSioso
LuíS - LuiSinho

b- Substantivos abstratos em EZ, EZA:
a sensatez; a surdez; a polidez
a beleza ; a realeza; a gentileza
Obs: são sempre femininos.

c- Adjetivos e gentílicos em ÊS; ESA:
o francês - a francesa
o montês - a montês (esa)
o marquês - a marquesa

Obs: Flexionam-se, e são masculinos os terminados em ês.

d- Sufixos terminados em ISA, ESA, ESSA:
profeta - profetisa
duque - duquesa
conde - condessa

e- Emprego do X:
1- depois de ditongos: caixa; rouxinol
2- depois da sílaba inicial EN:
enxada; enxoval, enxerga

* Cuidado: enCHer (cheio)
* Exceções: gaúcho e enchova

f- Verbos em (IS)AR e IZAR:
(IS)AR: derivados de primitiva com S
liso - alisar
bis - bisar

IZAR: derivados de primitiva sem S:
deslize - deslizar
concreto - concretizar

* exceções:
catequese - catequizar
batismo - batizar
cristianismo - cristianizar
traumatismo - traumatizar
g- Verbos em UIR; OER; e AIR; 2ª e 3ª pessoas do Presente do Indicativo com i:

POSSUIR: possuo, possuis, possui, ...
CONTRIBUIR: contribuo, contribuis, contribui, ...
CORROER: corrôo, corróis, corrói, ...
ATRAI: atraio, atrais, atrai, ...
UAR - E:
Atenuar: atenue
Continuar: continue

h- Verbos PÔR, USAR, QUERER e seus derivados, sempre com S:

17
Usei, usasse; quis, quisesse; pus, pusesse, recompusesse; etc.

i- Quando for possível a correlação ND - NS:

Ascender- ascensão - ascensorial, descenso, ...
Apreender- apreensão, apreensivo, ...
Fundir- fusão, fusível, ...
Expandir- expansão, expansionismo, ...
Tender- tensão

j- Escrevem-se com J:

1. As palavras de origem árabe, africana ou ameríndia: canjica, cafajeste, canjerê.
2. Palavras derivadas de outras que têm J: laranjinha (laranja), enrijecer (rijo).
3. Formas verbais que têm o infinitivo em JAR: viajar: viajei, viaje, viajem.
despejar: despeje, despejei, despejem.
4. O final AJE: laje, ultraje, traje.

l- Escrevem-se com G:

1. O final dos substantivos em GEM: coragem, vertigem, ferrugem.
*exceções: pajem e lambujem.
2. Os finais em GIO:
estágio, prodígio, refúgio.
3. Os verbos em GER e GIR:
fugir, mugir, reger, tanger.

m- Uso do H:

- O h desapareceu do interior dos vocábulos permanecendo apenas nos dígrafos ch, lh, nr:
- exceção: Bahia (o estado)
- Nas palavras em que o prefixo não se separa do hífen, não se usa o h.
des + honra = desonra
re + haver = reaver
sub + humano = subumano

- No início dos vocábulos, escreve-se o h somente nas palavras que, na origem, possuem h:
homem (do latim homine)
honesto ( do latim honestu)
mas:
ombro (do latim umero)
onerar (do latim onerare)


n- HERBI (pref) ----------- H ---- herbáceo
herbívoro
herbicida...

ERVA (rad)-------------X-----ervateiro
ervanário
ervicida

o- O sufixo ÇÃO, formador de substantivo a partir de verbo, grafa-se com Ç:
Intuir-----intuição
Deter-----detenção
Conter---contenção




18
-S
p- Final inho
-Z

- Palavras com S (na última sílaba do radical) = Sinhô.
Ex: caSa = caSinha
lápiS = lapiSinho
chinês = chineSinho
roSa = roSinha

- Palavras sem S (na última sílaba) = Zinho:
Ex: pai = paZinho
chuchu = chuchuZinho
raiz = raiZinha







Símbolos das unidades de medidas

Os símbolos de qualquer unidade de medida se escrevem sem ponto, com letra minúscula, sem (s) para
indicar o plural e, de preferência, imediatamente após o número. Ex:

1 cm 1 m 1 km 1 kg 1 h 1 km/h
2 cm 2 m 2 km 2 kg 2 h 2 km/h
100 cm 100 m 100 km 100 kg 2h15min 80 km/h

O símbolo do real antecede o número: R$ 500,00


EXERCÍCIOS

É ESCREVENDO QUE SE APRENDE A ESCREVER!


1) Leia a palavra em voz alta e, a lápis, complete a lacuna com a(s) letra(s) correspondente(s),
marcando as palavras em que você tenha tido dúvidas; após, consulte o Dicionário.
estran........eiro
po........essão
can........ica
pi........ina
lambu........em
ape........ar
ma........estade
talve........
assun........ão
atravé........
exce........ão
fu........ível
exce........o
parali........ar
maci........o
ga........e
ob........ecar
gá........
so........obrar
xadre........
Suí........a
embriague........
ascen........ão
va........o(subst.)
excur........ão
va........io
e........tensão
Á........ia
e........tender
a........ia
preten........ão
e........plêndido
preten........ioso
e........pontâneo
e........trava.......ar
di........ernir








19
2) Achou fácil? Então continuemos!
ob........essão
mi........tura
a........essor
fle........a
can........ar
atravé........
alcan........ar
talve........
dan........ar
te........te
ân........ia
te........to
anali........ar
mi........to
pesqui........ar
sar........ento
catali........ar
sar........eta
desli........ar
ti........ela
satisfa........a
ê........ito
cansa........o
he........ito
ab........esso
ab........issa
ob........ecado
a........essório

AGORA, VAMOS ACABAR COM A DÚVIDA!

3) Complete com S ou Z:
extrava........ar
ala........ão
anali........ar
bra........ão
an.........ioso
re........ar
mai........ena
va........io
bu........inar
obe........idade
fu........il
avestru........
lambu........ar
tra........
sínte........e
pi........ar
grani........o
li........o
catali........ar
ali........ar
vi........inho
desli........e
bali........a
desli........ar
aneste........ia
ob........équio
avi........ar
revé........
corte........ia
cafu........o
pra........o
atrá........
sinteti........ar
vi........ar
trapé........io
co........inha
pre........ado
fregue........ia
go........ar
reve........ar
despre........o
va........ar
bu........ina
a........edume
assa........(adv.)
gro........a
quero........ene
co........ido


4) Complete com J ou G:
mon........e
........eito
........ejum
pa........ear
........esto
estran........eiro
gor........eio
tra........e
pa........em
via........em (subst.)
ti........ela
verti........em
berin........ela
sar........eta
la........e
ma........estoso
regur........itava
........érsei
........en........ibre
........iz
gen........iva
fuli........em
via........em (v.)
li........eiro

ar........ila
me........era
a........iota
su........estão
........eada
ob........eção
........ente

pa........elança
........eringonça
o........eriza
........íria
su........eira
........ingar
rabu........em
........erico
here........e
lambu........em
can........ica
fria........em
cafa........este
ferru........em
........ir
ma........estade
........ibóia
sar........ento
........ló

man........erona
........enipapo
pro........eção
........erimum
rabu........ice
ri........eza
re........eição
ri........idez
20
ru........ido
selva........em
tan........ível
tan........erina
tre........eito
ultra........e

vir........em
va........em
vare........ista
su........eito
falan........e
al........ibeira
alfor........e
pa........é
........irau
a........eitar
o........iva
........inete







5) Complete com CH ou X:
abacá........i
atarra........ar
amei........a
bi........o
bru........a
bro........e
bu........a
be........iga
bo........e........a
bai........ada
boli........e
bai........ela
ca........o
........u........u
........arque
.......imarrão
ca........umba
........aruto
........ope
cai........ote
........umaço
........urrasco
col........ão
ca........aça
co........icho
ca........imbo
co........ilo
debo........e
en........ada
engra........ate


en........ugar
em........er
en........adrista
m........arcar
fi........a
fle........a
fanto........e
guin........o
ha........urar
in........ar
la........ante
li........o
ma........ixe
lu........o
me........er
mo........ila
pi........e
pran........a
pe........incha
pa........á
pena........o
pu........ar
quei........a
ri........a
salsi........a
rin........ar
ve........ame
........erife
........ícara
........avante
........ampu
........ucro
........ereta
........ará
quei........o
........ale
ni........o
........alé
abro........ar
in……..ada



VAMOS MUDAR UM POUCO? VOCÊ É CAPAZ DE ELIMINAR A ERRADA SEM
TITUBEAR? VAMOS LÁ!

6) Risque a errada: cuidado!

1. em cima encima
2. em baixo embaixo
3. abóbada abóboda
4. cabeleireiro cabelereiro
5. caranguejo carangueijo
6. frustar frustrar
7. prazerosamente prazeirosamente
8. discóbolo discóbulo
9. bicabornato bicarbonato
10. figadal fidagal
11. receoso receioso
12. discreção discrição
13. mendingo mendigo
14. ovos estrelados ovos estalados
15. reinvindicação reivindicação
16. aterrizar aterrissar
17. cataclismo cataclisma
18. previlégio privilégio
19. por isso porisso
20. a fim de afim de
21. manteigueira mantegueira
22. mortadela mortandela
23. cincoenta cinqüenta
24. impecilho empecilho
25. óbulo óbolo
26. oque o que
27. octogésimo octagésimo
28. subjulgado subjugado
29. tv a cores tv em cores
30. entregas a domicílio entregas em domicílio
31. maucriado malcriado
32. descortínio descortino
33. beneficente beneficiente
34. desinteria disenteria
35. dignatário dignitário
36. cestite cistite
37. cuspida guspida
38. decote degote
39. persuasão persuação
40. circunavegação circum-navegação
41. dispender despender
42. irrequieto irriquieto
21
43. cuscuz cuzcus








7) Complete com O ou U:
ab........lição
b........zina
jab........ti
b........liçoso
b........lir
b........bina
b........eiro
c........eiro
c........rrupto
m........queca
c........mprimento
c........tia
caç........ar
c........bri
jab........ticaba
farând........la
ab........lir
m........ela
mág........a
m........lambo
s........ar
tab........ada
trib........
cam........ndongo
táb........a
c........chicho
eng........lir
míng........a
Man……..el
nód……..a
êmb……..lo
f……..cinho
név........a
t........ssir
mag........ar
tri........
ob........lo
c........curuto
tab........leiro
tab........leta
t........lipa
........rtiga
us........fruto
p........lir
p........leiro
rég........a
p........lenta
c........rtume
ca........s
emb........tir
cap........eira
ent........pir
c........biça
enc........brir
escap........lir
ch........pim
c........spir
c........mprimentar
g........ela
íng........a
r........meno
z........ada
b........cal (adj.)
b........cal (subst.)

8) Complete com E ou I:
crân........o pát........o
aboríg........ne mer........tíssimo
arr........piar quas........
requ........sito ........mpecilho
esqu........sito indiscr........ção
........ncanar pr........vilégio
casar........ana d........gladiar
........lucidar g........rino
contribu........ influ........
cum........eira cad........eiro
mó........ conclu........
habitu........ atenu........
d........spender diss........minar
d........stilaria cr........ação
d........senteria s........quer
F........lipe ........figênia
mim........ógrafo retribu........
um........decer irr........quieta
cran........ano d........lapidar

9) Preencha o espaço vazio com H, se for o caso:
........élice ........esitação
........óbito ........álito
........úmido ........ombro
........umildade ........ombridade
........ábil ........erbívoro
........erva ........alteres
........ulha ........erege
........ábito ........abito
........óstia ........ortênsia
........ombrear ........orto

10) Complete os espaços vazios com s, ss, c, ç, sc, xc:
a) e........eção, e........elente, e........esso
b) preten........ão, can........aço, compreen........ão
c) a........ensão, ob........eno, ressu........itar
d) ob........ecar, ob........ecação, ob........ecado
e) ob........ediar, ob........essão, ob........essivo

11) Complete com sc, c, ç, s, ou ss:
a........ude ne........essário
ab........issa com........iência
ab........esso di........en........ão
ob........eno dan........ar
22
can........ar so........ego
alcan........ar a........en........ão
exce........o a........úcar
exce........ão pê........ego
far……..a al……..a
disfar……..ar gan........o
preten........ioso ân........ia
suí........a o........ilação





QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Preencha as lacunas com os
fonemas corretos:
O c........rtume d........spendeu uma soma
vult........sa.

2. (CEFET) O colunista sempre a elogiava, pois
considerava uma moça ......................
(grã fina, granfina, grã-fina)

3. (CEFET) Complete com SC, XC, Ç, SS ou
S:
e........eção de........ida

4. (FAAP) Copie, dando forma correta
aos vocábulos em que haja erro de
ortografia:
Eu não quis realizar a pesquisa de que fora
incumbido por que andava desassocegado
e angustiado com os revezes da vida e
anceava por um descanço prolongado.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
............................................................................

5. (FUVEST) Preencha os espaços vazios com
a forma adequada do verbo indicado entre
parênteses:
a) Cada um ........................como quiser.
(contribuir)
b) É bom que te ...................ao trabalho.
(habituar)
c) Esperemos que se ..............o barulho.
(atenuar)
d) Exige-se dele uma competência que não
.....................(possuir)

6. (CEFET) Complete os espaços vazios
conforme o modelo:
MODELO: possuir ------ ele possui.
distribuir --- ele ....................................
moer -------- ele .....................................
concluir ---- ele .....................................
distrair ----- ele .....................................
roer --------- ele ....................................
decair ------- ele ...................................




TESTES

1. (MACK) Assinale a alternativa em que
todas as palavras estejam corretamente
grafadas:
a.( ) Nas proximidades dos charcos, onde a
água estagnada exalava mal cheiro,
estrebuchavam extranhas largatixas.
b. ( ) Improvisaram-se cochichos, afastaram-
se mexericos, para esconder no tumultado
contexto, aquelas chucras fuguras.
c. ( ) Resolvido o qüiproquó, todos obtiveram a
tranqüilidade perdida, sem regeitar a linha
seqüencial do processo lingüístico.
d. ( ) Para diminuir a trégua, o diretor
desprezou as mágoas, aboliu arruaças, tentou
pulir as arestas até que veio a solução
almejada.
e. ( ) O administrador, experto no assunto,
encerrou espontaneamente a reunião, para
abrandar as expectativas e eliminar as
extravagâncias dos sócios participantes.

2. (FCC) Essa ........... dentro do grupo não
............. a................ dos ânimos.
a. ( ) discensão, amenisa, exaltação.
b. ( ) dissensão, ameniza, exaltação.
c. ( ) dissenção, amenisa, exautação.
d. ( ) discenção, ameniza, exautação.
e. ( ) dissensão, amenisa, exaltação.

3. (ITA) Dadas as palavras:
1. taboada
2. abcissa
3. meretíssimo
23
Constatamos que está (estão) devidamente
grafada(s):
a. ( ) apenas a palavra nº 1.
b. ( ) apenas a palavra nº 2.
c. ( ) apenas a palavra nº 3.
d. ( ) todas as palavras
e. ( ) n.d.a.

4. (ITA) Dadas as palavras:
1. reaver
2. inabilitado
3. habilidade
Constatamos que está (estão) devidamente
grafada(s):
a. ( ) apenas a palavra nº 1.
b. ( ) apenas a palavra nº 2.
c. ( ) apenas a palavra nº 3.
d. ( ) todas as palavras.
e. ( ) n.d.a.

5. (ITA) Dadas as palavras:
1. atravez
2. cortez
3. atrás
Constatamos que está (estão) devidamente
grafada(s):
a. ( ) apenas a palavra nº1.
b. ( ) apenas a palavra nº 2.
c. ( ) apenas a palavra nº3.
d. ( ) todas as palavras.
e. ( ) .d.a.

6. (PONTA GROSSA) A alternativa em que
todas as palavras estão grafadas
corretamente:
a. ( ) costear, torvo, suar, fucinho, jabuti.
b. ( ) obsceno, rescisão, bolir, boeiro, polenta.
c. ( ) iminência, cumprimento, tussir, óbulo,
adolescente.
d. ( ) encarnar, previlégio, disenteria, criar,
Ifigênia.
e. ( ) penico, crânio, pátio, Filipe, candeeiro.

7. (UFPR) Quais as alternativas em que todos
os espaços ficam corretamente preenchidos
com a letra colocada entre parênteses ao final
de cada série?
1. ( ) pr......vilégio, mim......ógrafo, retribu......
(i)
2. ( ) irr......quieto, d......stilação, ......mpecilho.
(e)
4. ( ) d......spender, um......decer, cor......ano.
(e)
8. ( ) eng.....lir, mág.....a, c...rtume. (o)
16.( ) b......eiro, cam......ndongo,
c......mprimentar. (u)
32.( ) trib....., ent......pir, tab......ada. (u)

8. Assinale as alternativas onde todas as
palavras estejam graficamente corretas e
some os valores que lhes são atribuídos:
1. vagem, selvagem, pagem, folhagem,
viagem.
2. extravasar, analisar, paralisar, bisar, alisar.
4. deslizar, conscientizar, esvaziar, concretizar,
batizar.
8. herege, monge, tigela, giz, gelo.
16. traje, majestade, berinjela, jiló, jeito.
32. extensão, excessão, extenso, obsessão,
êxtase.
64. avidez, palidez, êxtase, sensatez,
embriaguez.

9. Assinale a(s) alternativa(s) em que as
palavras sejam completadas,
respectivamente, por J, CH, S, I:
1. ......iló, ......u......u, e......tender, pr......vilégio.
2. berin......ela, em......oval, e......tensão,
d......gladiar.
4. cafa......este, ......ucro, e......plendor,
d......senteria.
8. pa......em, ......afariz, e......tático, F......lipe.
16. alfor......e, salsi......a, e…...pontâneo,
discr......ção.
32. ai......ibeira, ......ale, e......clamar, pát......o.
64. cora......oso, ......alé, e......travasar,
cand......eiro.

10. Assinale a(s) afirmativa(s) em que se
encontra(m) vocábulo(s) erroneamente
grafada(s):
1. abscissa, excesso, exceção, excessivo.
2. obsessão, obcecado, excêntrico, discernir.
4. assessoria, deslizar, pulir, óbolo.
8. obsceno, bulir, bueiro, privilégio.
16. jabuti, jabuticaba, poleiro, tussir.
32. consciência, adolescente, displicência,
dissidência.

11. As alternativas onde as palavras da série
estejam corretas:
1. paralisar, pesquisar, ironizar, alisar.
2. alteza, empresa, francesa, miudeza.
4. cuscus, chimpanzé, emcharcar, enxegar.
8. incenso, abcesso, obsessão, Luís.
16. Teresinha, chinesa, marquês, garrucha.
32. meretriz, vexado, xícara, xarope.

12. Assinale a(s) alternativa(s) onde todas as
palavras se completam com a mesma letra:
1. ve......ado, lagarti......a, me......er, pon......o.
2. discu......ão, submi......ão, suce.....ão,
exce......ão.
4. diver......ão, compreen......ão, disten......ão,
conce......ão.
8. rique......a, robuste......, reali......ar,
anali......ado.
16. prince......a, cortê......, talve......, atravé......
24
32. rendi......ão, presun......ão, conten......ão,
fixa......ão.
64. ar......ila, can......ica, rabu......em, o......eriza.

13. (UCP) Assinale a opção em que os
pontilhados devem ser preenchidos com a
mesma letra:
a. ( ) disten......ão, aten......ão.
b. ( ) imer......ão, can......ão.
c. ( ) devo......ão, erro......ão.
d. ( ) exce......ão, como......ão.
e. ( ) dimen......ão, refle......ão.

14. (UCP) Assinale a alternativa em que
todos os pontilhados devem ser preenchidos
com Z:
a. ( ) canali......ar, civili......ar, pesqui......ar.
b. ( ) normali......ar, anali......ar, agili......ar.
c. ( ) finali......ar, utili......ar, imortali......ar.
d. ( ) generali......ar, inferiori......ar, bi......ar.
e. ( ) vulgari......ar, tranqüili......ar, parali......ar.

15. (UCP) Assinale a opção que preenche
corretamente os pontilhados do texto a
seguir:
Que ...........! Como ................. bem os seus
sentimentos!
a. ( ) poetisa, poetisa.
b. ( ) poetisa, poetiza.
c. ( ) poetiza, poetiza.
d. ( ) poetiza, poeta.
e. ( ) poeta, poetisa.

16. (SANTA CASA) Os ........................ de
...................... são mais indicados para isso.
a. ( ) fuziveis, cartucho.
b. ( ) fusíveis, cartuxo.
c. ( ) fuzíveis, cartucho.
d. ( ) fusíveis, cartuxo.
e. ( ) fusíveis, cartucho.

17. (FAC-OBJETIVO) Dadas as palavras:
1. distorcido
2. distorção
3. distratar
Constatamos que está(ao) devidamente
grafadas(s):
a. ( ) apenas a palavra nº1.
b. ( ) apenas a palavra nº2.
c. ( ) apenas a palavra nº3.
d. ( ) todas as palavras.
e. ( ) n.d.a.

18. (UFPR) Assinale a alternativa
correspondente à grafia correta dos
vocábulos:
1. desli......e
2. vi......inho
3. atravé......
4. empre......a
a. ( ) z, z, s, s
b. ( ) z, s, z, z
c. ( ) s, z, s, s
d. ( ) s, s, z, s

19. (UFPR) A partir dos substantivos a
seguir, forme verbos da primeira conjugação.
Assinale a alternativa em que todas as
palavras têm a letra S antes do sufixo verbal
AR:
1. – preso - ......
2. – vez - ......
3. – agonia - ......
4. – piso - ......
5. – bis - ......
6. – raso - ......
7. – atrás - .....
8. – anarquia - ......
9. – poeta - ......
10. – análise - .....

a. ( ) 1, 2, 3, 5, 6 e 7.
b. ( ) 1, 3, 4, 5, 8 e 9.
c. ( ) 2, 4, 7, 8, 9 e 10.
d. ( ) 3, 5, 6, 7, 9 e 10.
e. ( ) 1, 4, 5, 6, 7, e 10

20. (UCP) Assinale a opção que deve ser
preenchida com ÊS:
a. ( ) estupid.......
b. ( ) sensat........
c. ( ) solid........
d. ( ) cort…….
e. ( ) honrad…..

21. (UCP) Assinale a opção que preencha
corretamente os pontilhados:
1. O chine.....inho estava cansado.
2. Tinha na mão um lapi......inho.
3. Sentia uma dor......inha incômoda.
4. Afagava a cabeça do cão......inho.

a. ( ) z, z, s, s
b. ( ) s, s, z, z
c. ( ) z, s, z, s
d. ( ) s, z, s, z
e. ( ) z, z, z, z

22. (DIR.CTBA) Indique a alternativa em
que todas as lacunas podem ser completadas
com a mesma letra:
a. ( ) gui.....o, anali.....ar, desli.....ar,
pra....erosamente.
b. ( ) can.....aço, ma....i.....o, alma....o, à
be......a.
c. ( ) alvi.......areiro, anti........ético,
conce.....ão, te.....itura.
d. ( ) ardó.....ia, fiscali.....ação, ojeri.....a,
descorte.....ia.
25
e. ( ) falan.....e, rique.....a, encora......em,
impin.....ir.

23. (Alfenas-MG) Grafam-se com S todas as
palavras do grupo:
a. ( ) pobresa, chinês, realisar.
b. ( ) atrasado, cortês, analisar.
c. ( ) princesa, montês, civilisar.
d. ( ) suavisado, francês, economisar.
e. ( ) riquesa, robustês, encamisar.

24. (Unisinos-RS) “Pesquisar” termina em
“isar”. Assinale, nos itens abaixo, aquele com
erro neste sentido:
a. ( ) paralizar, suavizar, improvisar.
b. ( ) catequizar, batizar, amortizar.
c. ( ) amenizar, alisar, deslizar.
d. ( ) sintonizar, catalisar, analisar.
e. ( ) sintetizar, agonizar, contemporizar.

25. (Mackenzie-SP) Assinale a alternativa
em que todas as palavras estão corretamente
grafadas:
a. ( ) assessores, exceção, incansável.
b. ( ) pretencioso, aspectos, sossego.
c. ( ) excessivo, expontâneo, obseção.
d. ( ) quiseram, essência, impecílio.
e. ( ) obscecado, reinvindicação, repercussão.

26. (FMU-SP) Assinale a alternativa em que
todas as palavras estão grafadas
corretamente:
a. ( ) paralisar, pesquisar, ironizar, deslizar.
b. ( ) alteza, empreza, francesa, miudeza.
c. ( ) cuscus, chimpanzé, encharcar, encher.
d. ( ) incenso, abcesso, obsessão, Luiz.
e. ( ) chineza, marquês, garrucha, meretriz.

27. (FMU-SP) Na palavra murchum
aparece o dígrafo CH representando o som
que, às vezes, pode ser grafado com a letra
X. Aponte qual a alternativa em que tal som
aparece corretamente grafado:
a. ( ) piche, inxar, xícara, flexa, mexer, bruxa.
b. ( ) cachumba, laxativo, xícara, inxar, pixe,
xereta.
c. ( ) flexa, broche, pixe, inchar, caxumba,
ficha, mexer.
d. ( ) broche, bruxa, pixe, xereta, flexa, inxar,
penacho.
e. ( ) ficha, broche, xereta, xícara, bruxa,
inchar, piche.

28. (Fac. Brás Cubas-SP) Indicar a vogal que
completa corretamente os vocábulos:
a. ( ) i – d....stilar, pr....vilégio, cr....ação,
d....senteria.
b. ( ) e – quas..., .....mpecilho, cand....eiro,
crân....o.
c. ( ) o – cap.....eira, g.....ela, b.....eiro, b....lir.
d. ( ) u – táb....a, jab....ticaba, ch....visco,
b....liçoso.
e. ( ) i – s....quer, efetu....., cr.....ador, pát.....o.

29. (UFCE) Em que alternativa todas as
palavras se completam com L ou com U?
a. ( ) a.....godão, a....mento, a....têntico,
a.....tópsia.
b. ( ) a....ditivo, a....tor, a...gúrio, a.....tomático.
c. ( ) a....tivo, ca....ças, a....to-falante, ca....tela.
d. ( ) a....cançar, a....bumina, a....queire,
a....tomóvel.

30. Pelas nossas convenções ortográficas,
certas palavras são escritas com U, como pau
e vau (= trecho raso do rio ou mar); outras
são grafadas com L, como tal e val (variante
da forma verbal vale). Das opções abaixo,
assinale a única em que a lacuna deve ser
preenchida com a letra U, e não com L:
a. ( ) As crianças vão ma.... de saúde.
b. ( ) Quebrou o as....to do sapato.
c. ( ) Coloque uma pá de ca..... na massa.
d. ( ) Não a....tenticou a fotocópia.
e. ( ) Entornou a ca.....da do doce.

31. (FUVEST) Estava ........... a ............ da
guerra, pois os homens ......... nos erros do
passado.
a. ( ) eminente, defraglação, incidiram.
b. ( ) iminente, deflagração, reincidiram.
c. ( ) eminente, conflagração, reincidiram.
d. ( ) preste, confraglação, incidiram.
e. ( ) prestes, flagração, recindiram.




.







26











EMPREGO DO HÍFEN



O emprego do hífen é matéria extremamente complexa e mal disciplinada pelo Pequeno Vocabulário
Ortográfico da Língua Portuguesa, sobretudo no que diz respeito ao uso desse sinal em palavras formadas
por prefixação. Para quem escreve, o emprego do hífen é um autêntico quebra-cabeça.
Eis, em resumo, o que o PVOLP preceitua acerca do emprego do embaraçoso traço unitivo:

Emprega-se o hífen:

1) em compostos cujos elementos conservam sua autonomia fonética e acentuação própria mas perderam
sua significação individual para constituir uma unicidade semântica, um conceito único: água-marinha,
guarda-pó, quinta-feira, corre-corre, sempre-viva, água-de-colônia, capitão-de-mar-e-guerra, etc.
Observação:
Note a diferença de significação:
. dia a dia = dia após dia
o dia-a-dia = cotidiano
. meio dia = metade do dia
ao meio-dia = às 12h
. pão duro = pão endurecido
pão-duro = avarento
. cara suja = rosto sujo
cara-dura = espécie de periquito
. copo de leite = copo com leite
copo-de-leite = nome de uma flor

2) para ligar pronomes enclíticos e mesoclíticos a formas verbais, à palavra “eis” e aos pronomes nos e
vos: vê-los-ás, dir-se-ia, dava-se-lhe, ei-lo, no-lo, amá-la, etc.

3) nos adjetivos compostos: anglo-latino, sino-japonês, rio-grandense, mato-grossense, verde-amarelo, à-
toa, cor-de-rosa, sem-vergonha, sem-par, etc.

4) em vocábulos formados pelos sufixos açu, guaçu, mirim, se o elemento anterior acaba em vogal
acentuada (anda-açu, sabiá-guaçu, cajá-mirim) ou quando a pronúncia o exige (capim-açu).

5) nos compostos de BEM, antes de palavras que têm vida autônoma e quando a pronúncia o requer: bem-
querer, bem-vindo, bem-estar, bem-amado, bem-aventurado.

6) em vocábulos formados por prefixos que têm acentuação própria (tônicos) ou evidência semântica:
recém ----- recém-nascido
sem -------- sem-cerimônia
pré --------- pré-escolar
além ------- além-mar
Hífen com prefixo - sempre

7) os catorze prefixos que seguem devem ser separados por hífen, independentemente da letra com que se
inicia o segundo elemento:

27
Exemplos Prefixos
a) além-, aquém-, recém-,
oxítonos:
Além-túmulo, além-mar, aquém-fronteiras,
aquém-mar, recém-chegado, recém-nascido.
b) pós-, pré-, pró-,
monossílabos tônicos:
Pós-datar, pós-meridiano, pré-cabralino, pré-
carnavalesco,pró-paz, pró-alfabetização.
c) bem-, sem-, terminados em ditongo nasal: Bem-aventurado, bem-querer, sem-vergonha, sem-
fim.
d) sota-, soto-, vice-, com idéia de substituição Sota-vento, soto-mestre, soto-ministro, vice-rei,
vice-diretor.
e) nuper-, prefixo erudito: Nuper-falecido, nuper-publicado.
f) ex-, no sentido de “que já foi”, “estado
anterior”:
Ex-aluno, ex-diretor, ex-presidente.
g) co-, no sentido de “a par”, juntamente, em
palavras justapostas modernas:
Co-produção, co-autor, co-seno, co-educação.
Nota: ficam excluídas da regra as formas, co-
adjutor, coeficiente, coirmão, cologarítmo,
coessência, etc.
h) pára (forma verbal) Pára-raios, pára-quedismo.


8) fora do âmbito da ortografia imposta, como recurso de estilo e com valor expressivo:
“Começou daí um Brasil-sem-história-certa.” (Raul Bopp)

“Foi o boi-grande-que-berra-feio-e-carrega-uma-cabeça-na-carcunda.” (Guimarães Rosa)

“Não vou daqui sem uma resposta definitiva, disse meu pai. De-fi-ni-ti-va! repetiu, batendo as sílabas
com o dedo.” (Machado de Assis)

Observações: Em formações como não-intervenção, não-cumprimento, não-existência, não-agressão, não-
alinhado, etc. que o uso vai consagrando, considera-se o não um prefixo negativo, daí o uso do hífen:

“O sonho gandiano de não-violência.” (Cecília Meireles)

9) Se o segundo elemento principiar por h, r, s ou qualquer vogal, os prefixos que seguem devem ser
separados por hífen:


(VER TABELA ABAIXO)


auto, contra, extra,
infra, intra, neo, proto,
pseudo, semi, supra e
ultra
vogal h, r, s extraordinário ultra-rápido, semi-
selvagem, extra-oficial.
Mas: neolatino,
ultravioleta,
superpotência,
autodestruição.
ante, anti, sobre, arqui h, r, s sobre, sem hífen,
quando aglutinado, sem
autonomia fonética:
sobressair, sobressaltar,
sobressalente.
ante-sala, anti-
higiênico, sobre-
humano. Mas:
anteontem, antiaéreo,
sobreloja, sobressaia ou
sobre-saia.
pan, mal, circum h, vogal mal-humorado, pan-
americano, circum-
hospitalar. Mas:
malcriado,
circunlóquio.
hiper, inter, super h, r super-homem, inter-
humano. Mas:
supermercado,
interurbano,
28
supersensível.
ab, ob, ad, sob r abrupto sob-roda, ab-rodar
sub r, b, h (fac) sub-humano ou
subumano
sub-bibliotecário, sub-
raça. Mas: subaéreo,
subdesenvolvido,
subseção.



Obs: Advirta-se, por fim, que as abreviaturas e os derivados desses compostos conservam o hífen: ten.-
cel. (tenente-coronel).
Macetes para o uso do hífen com prefixos:

1) Prefixo + Palavra que não inicia por vogal, H, R, S ---- não uso hífen.
Ex: contracheque; subtenente; extraconjugal.

2) Prefixo acentuado (tôn.) + qualquer palavra ----- hífen sempre.
Ex: pré-modernismo; ex-diretor; bem-vindo.


Não se usa o hífen:

1) sempre que se obliterou a consciência da composição da palavra, o que acontece quando um elemento
se adaptou foneticamente ao vizinho ou perdeu a sua vida autônoma: aguardente, girassol, madrepérola,
sobremesa, etc.

2) quando o prefixo (ou elemento de composição) pode ser aglutinado sem prejuízo da clareza ou sem
promover pronúncias errôneas: subdiretor, aeroporto, bimotor, bioquímico, termoelétrico (ou
termelétrico), pretônica, anticomunista, antevéspera, superlotado, infravermelho, semibárbaro,
radiouvinte, radioatividade, retropropulsão, etc.

3) nas locuções: da gem (= legítimo), um a um, de vez em quando, à toa (loc. adverbial), a fim de, ora
bolas!

Mas, de mão cheia, vice-versa, de meia-tigela, sem-par, sem-sal, tão-somente, à-toa (adj), por serem
consideradas palavras compostas, e não locuções.

4) em expressões do tipo:estrada de ferro, doce de leite, cor de café, anjo da guarda, relógio de bolso,
farinha de trigo, etc.

5) com o radical RADIO, sem hífen, sempre: radiouvinte, radiopatrulha, radiocomunicação, etc.

6) os elementos prefixo-radicais não se ligam às palavras por meio de hífen.






EXERCÍCIOS

I) Assinale a única forma correta:
01. ( ) autocrítica ( ) auto-crítica
02. ( ) contramestre ( ) contra-mestre
03. ( ) extraoficial ( ) extra-oficial
04. ( ) abaixoassinado ( ) abaixo-assinado
05. ( ) infraassinado ( ) infra-assinado
06. ( ) sobrenatural ( ) sobre-natural
07. ( ) sobpor ( ) sob-pôr
08. ( ) subsolo ( ) sub-solo
29
09. ( ) subgerente ( ) sub-gerente
10. ( ) subaéreo ( ) sub-aéreo
11. ( ) suboficial ( ) sub-oficial
12. ( ) subdesenvolvido ( ) sub-desenvolvido
13. ( ) subconsciente ( ) sub-consciente
14. ( ) maleducado ( ) mal-educado
15. ( ) autodestruição ( ) auto-destruição
16. ( ) infravermelho ( ) infra-vermelho
17. ( ) protomártir ( ) proto-mártir
18. ( ) semicírculo ( ) semi-círculo
19. ( ) semiinternato ( ) semi-internato
20. ( ) supervisão ( ) super-visão
21. ( ) superelegante ( ) super-elegante
22. ( ) anteclatar ( ) ante-clatar
23. ( ) antiaéreo ( ) anti-aéreo
24. ( ) bialuno ( ) bi-aluno
25. ( ) sobreaviso ( ) sobre-aviso
26. ( ) minissaia ( ) mini-saia
27. ( ) contracheque ( ) contra-cheque
28. ( ) retroprojetor ( ) retro-projetor
29. ( ) audiovisual ( ) áudio-visual
30. ( ) radiopatrulha ( ) radio-patrulha
31. ( ) mal-formação ( ) malformação

II) Forme palavras derivadas, unindo ou não pelo hífen, o prefixo ao radical:

pref. + radical = palavra derivada

além + túmulo= ..........................
recém + nascidos = .....................
pré + datar = ................................
pró + paz = .................................
co + presidente = .........................
co + seno = ..................................
vice + rei = ...................................
ex + diretor = ...............................
co + autor = .................................
co + irmão = .................................
bem + querer = ............................
sem + vergonha = ........................
auto + retrato = ............................
neo + humanismo = ....................
proto + história = ........................
pseudo + sábio = .........................
auto + biografia = ........................
neo + clássico = ..........................
proto + plasma = ..........................
pseudo + zoário = .........................
intra + uterino = ...........................
extra + secular = ...........................
infra + hepático = .........................
supra + renal = ..............................
ultra + humano = ..........................
intra + medular = ..........................
extra + conjugal = .........................
infra + vermelho = ........................
extra + ordinário = .......................

pref. + radical = palavra derivada

supra + natural = .........................
ultra + democrático = .................
contra + dança = .........................
contra + senso = .........................
semi + esférico = .......................
contra + prova = ........................
semi + vogal = ............................
ante + histórico = .......................
anti + rábico = ............................
arqui + secular = .........................
sobre + humano = ........................
sobre + aviso = ............................
arqui + duque = ...........................
anti + ofídico = .............................
ante + ato = ...................................
inter + mural = .............................
inter + resistente = ........................
super + sônico = ...........................
super + homem = ...........................
circum + hospitalar = .....................
circum + lóqui = .............................
com + aluno = ...............................
com + passo = ...............................
mal + formado = ...........................
mal + humorado = ........................
mal + criado = ..............................
pan + helênico = ...........................
pan + demônio = ...........................
30
ab + rogar = ..................................
ob + longo = ..................................
ob + rogar = ...................................
sob + roda = ...................................
sob + por = .....................................
sub + raça = ....................................
sub + base = ....................................
sub + aéreo = ..................................
sub + delegado = .............................
mal + andança = .............................

III) Uma os elementos formando palavras compostas, com ou sem hífen:
água + rás = ...............................
pisca + pisca = ...........................
quebra + cabeça = ......................
reco + reco = ..............................
roda + pé = .................................
bem + me + quer = ......................
sempre + viva = ...........................
Deus + nos + acuda = ...................
manda + chuva = ..........................
passa + tempo = ..........................
clara + bóia = ................................
porta + voz = ..................................
alça + pão = ....................................
vai + vem = ...................................
bem + te + vi = .............................
mal + me + quer = .........................
má + criação = ...............................
verde + amarelo = ..........................
madre + pérola = ............................
louva + a + deus = ..........................
guarda + mor = ................................
revira + volta = ................................
pão + de + ló = .............................
bota + fora = .................................
bem + vindo = .............................





QUESTÕES DISCURSIVAS

01. (FUVEST) Nas frases que seguem, foram suprimidos os hífens que eventualmente deveriam
ocorrer nas expressões destacadas. Torne a emprega-los quando necessário:
1. “Eis me na grande corte, que aliás me parece estúpida (...)” (Aluísio Azevedo)
2. “João de barro é um bicho bobo que ninguém pega (...)” (Rubem Braga)
3. “Capitão mor, onde é o Congo?” (Jorge de Lima)
4. “A mãe tinha ido para dentro a fim de não ver os dois partirem.” (Autran Dourado)
5. “(...) há de haver alguém que ensine esta verde aos homens.” (Machado de Assis)

02. (CEFET) Qual é a diferença de significado entre: copo-de-leite e copo de leite?
Copo-de-leite é ...................................................................................................e Copo de leite é
..........................................................................................................................................................................








TESTES

1. (SANTA CASA) Considerando-se que o
hífen é empregado corretamente: nos
compostos, cujos elementos, reduzidos ou
não, perderam a sua significação própria;
nos compostos com o primeiro elemento de
forma adjetiva, reduzida ou não, assinale a
alternativa que contém apenas exemplos
certos, de acordo com a regra:
a. ( ) extraordinário, sobre-mesa, anti-
higiênico.
b. ( ) aleducado, mal-humorado, subreino.
c. ( ) arco-íris, tenente-coronel, luso-brasileiro.
d. ( ) paraquedista, panamericano, bel-prazer.
e. ( ) auto-sugestão, extraregimental, pró-
cônsul.

2. (ESAN) Assinale a alternativa em que o
emprego do hífen nas palavras esteja correto:
a. ( ) sempre-viva, mato-grossense, verde-
amarelo.
b. ( ) auto ônibus, semi-selvagem, ultra-
sensível.
c. ( ) bem vindo, estrada-de-ferro, sobremesa.
31
d. ( ) infra-vermelho, anjo-da-guarda, bem-
querer.
e. ( ) n.d.a.

3. (Univ.Fed. São Carlos)
Fez um esforço ................................ para
vencer o campeonato ...................................
a. ( ) sobre-humano, inter-regional.
b. ( ) sobrehumano, interregional.
c. ( ) sobreumano, interregional.
d. ( ) sobrehumano, inter-regional.
e. ( ) sobre-humano, interegional.





4. (Fundação Lusíada) Assinale a
alternativa que contém as palavras
corretamente formadas:
a. ( ) bem-vindo, pan-americana, sub-base,
protomártir.
b. ( ) pré-histórico, mal-estar, panamericano,
prematuro.
c. ( ) auto-afirmação, autocrítica,
excombatente, neolatinas.
d. ( ) pós-graduação, antitérmico, malmequer,
sub-aéreo.
e. ( ) autocontrole, anti-corrosivo, grão-mestre,
aero-espacial.

5. (Unisinos-RS) “Matéria-prima” escreve-se
com hífen. Assinale o item com palavra
errada neste sentido:
a. ( ) subdesenvolvido, minimercado, bem-
estar.
b. ( ) protomártir, protótipo, proto-história.
c. ( ) benvindo, bem-amado, malmequer.
d. ( ) bem-me-quer, recém-vindo, além-mar.
e. ( ) supermercado, super-herói, vice-diretor.

6. (UFPR) Na junção dos elementos
seguintes, para formar uma só palavra,
indique a alternativa que corresponde ao
emprego ou não do hífen:

super + homem; pan + americano; sub +
reptício; infras+ estrutura; intra + muscular;
extra + terreno.
a. ( ) sim, não, não, sim, sim, não.
b. ( ) não, não, não, não, sim, sim.
c. ( ) sim, sim, sim, sim, não, não.
d. ( ) sim, sim, sim, não, não, sim.
e. ( ) sim, sim, não, sim, não, não.

7. (Unisinos-RS) “Compra-las” escreve-se
com hífen. Assinale o item com palavra ou
palavras que não de-ve(m) ter este sinal:
a. ( ) infra-estrutura, super-homem, auto-
educação.
b. ( ) bem-vindo, ante-sala, contra-regra.
c. ( ) proto-história, contra-mestre, infra-
vermelho.
d. ( ) neo-escolástico, ultra-som, pseudo-herói.
e. ( ) extra-oficial, infra-hepático, semi-reta.

8. (UFMG) Marque a opção onde o hífen
aparece de forma incorreta:
a. ( ) pseudo-sigla
b. ( ) contra-indicação
c. ( ) supra-renal
d. ( ) tele-sistema
e. ( ) n.d.a.


9. (Fund.M.E.S/Marília) Os compostos estão
grafados corretamente em:
a. ( ) O aero-moço ambidestro permaneceu na
ante-sala.
b. ( ) Anteontem, na cirurgia, o doutor fez um
corte anteroposterior para que o resultado não
ficasse antiestético.
c. ( ) Quando preciso de um anti-
alcoólico ou de um anti-ácido tomo água
com açúcar que é ambi-valente.
d. ( ) Uma secreção broncopulmonar não
pode ser tratada por cardiodilatadores; é
contraindicado.
e. ( ) Para contradizer, o fisiopatologista
disse-lhe que a hiper-acidez voltará.

10. (Fac.Med.Catanduva) Assinale a
alternativa que contém os substantivos
compostos corretos:
a. ( ) sub-base, subabitação,malbaratar.
b. ( ) infra-renal, anti-ácido, ante-saça.
c. ( ) ultramar, vice-versa, sub-chefe.
d. ( ) mal-educado, abrogar, ex-aluno.
e. ( ) rodapé, ultraliberal, panamericano.



11. (ITA) Dadas as palavras:
1. pão duro
2. copo de leite
3. sub raça
Constatamos que o uso do hífen é
obrigatório:
a. ( ) apenas na palavra nº 1.
b. ( ) apenas na palavra nº 2.
c. ( ) apenas na palavra nº 3.
d. ( ) em todas as palavras.
e. ( ) n.d.a.
32

12. As alternativas que contêm todas as
palavras corretas quanto ao uso do hífen:
1. ( ) contra-ordem, contraveneno, proto-
revolução.
2. ( ) intra-uterino, infra-vermelho, extra-legal.
4. ( ) auto-crítica, além-mar, pós-operatório.
8. ( ) pseudo-sábio, pseudo-profeta, ultra-som.
16.( ) semipopular, anti-reumático, anti-
ofídico.
32.( ) arqui-duque, neo-romano, neoclássico.
64.( ) super-mulher, supra-renal, sobre-carga.

13. Todas as palavras estão corretas, exceto:
1. ( ) subtenente, subácido, subseção.
2. ( ) sob-roda, ultra-fértil, anti-ciclone.
4. ( ) ex-diretor, pré-carnavalesco, pre-dizer.
8. ( ) pró-vestiba, além-fronteira, co-autor.
16.( ) abelha-mirim, tamanduá-mirim, cajá-
mirim.
32.( ) infra-som, intra-ocular,
inframencionado.
64.( ) autodefesa, autocrítica, autodestruição.

14. Estão corretas as frases:
1. ( ) Entregamos um abaixo-assinado ao
Prefeito.
2. ( ) O marido acabou de mata-la a ponta-pés.
4. ( ) Percebi que era mal-educado, quando o
vi no elevador.
8. ( ) Foi mal-educado pelos pais.
16.( ) Com a herança, tornou-se um boa-vida.
32.( ) No campo, leva-se boa-vida.
64.( ) Corremos à-toa, pois o aviso era falso,
dado por uma pessoa à-toa.

15. Não houve erro no uso do hífen:
1. ( ) Moji-guaçu, el-rei, pontapés.
2. ( ) contra-ataque, ultrapatriota, infra-
estrutura.
4. ( ) anti-aéreo, anti-herói, super-mercado.
8. ( ) super-herói, sub-estimar, sub-raça.
16.( ) bem-casado, benquisto, vice-governador.
32.( ) agro-pecuária, áudio-visual, geo-
político.
64.( ) multinacional, rádio-técnico, termo-
elétrica.

16. (U.AM) Munido de um .........................,
Pedro fazia, no centro da praça, um comício
.................................
a. ( ) autofalante, anticlerical.
b. ( ) alto-falante, anticlerical.
c. ( ) autofalante, anteclerical.
d. ( ) alto-falante, anteclerical.





HOMÔNIMOS E PARÔNIMOS


HOMÔNIMOS
São palavras que se pronunciam e/ou se escrevem da mesma maneira:

PERFEITOS: quando a grafia e a pronúncia são idênticas.
Ex: A ama e ele ama.

IMPERFEITOS: quando, somente, ou grafia ou a pronúncia é idêntica. Serão neste caso:
Homófonos: quando possuem o mesmo som.
Ex: sessão, seção, cessão.
Homógrafos: quando possuem a mesma grafia.
Ex: o governo e eu governo.

PARÔNIMOS
São palavras que possuem semelhança, porém têm significação diversa. A pronúncia e a grafia são apenas
parecidas.
Ex: fruir = desfrutar
fluir = correr

arrear = pôr arreios; aparelhar
arriar = abaixar; descer

1. HÁ – A – À = TEMPO

Macete I:

33
HÁ = tempo passado – Saí HÁ pouco.
A = tempo futuro – Sairei daqui A pouco.
À = loc. adv. tempo – Saí À tarde.
HÁ = existe(m) – HÁ alunos estudiosos.

Macete II:

HÁ = substitui por FAZ
A = NÃO se substitui por FAZ.
veja:
Saí HÁ pouco. (Saí FAZ pouco).
Sairei daqui A pouco. (Sairei daqui FAZ pouco).
EXERCÍCIOS

I. Complete com HÁ, A ou À:

1. Daqui .......... pouco rezaremos pelo sucesso da cirurgia.
2. Parece que foi ........ tão pouco tempo.
3. .......... alguns anos, os vestibulares se constituíam de questões dissertativas.
4. .......... bem pouco tempo, todos os vestibulares no Brasil constarão de questões subjetivas.
5. Ela chorava de medo ........ muitas horas e sempre ........ tardinha.
6. O governador assumiu ........ poucos meses, mas as próximas eleições serão daqui ....... alguns anos.
7. O litoral nordestino foi feito ........ séculos por Deus.
8. O porto de Paranaguá fica ........ uma hora de Curitiba.
9. Esperava seu recado daí ........ meia hora, mas ele foi dado ........ duas horas atrás, somente.
10. ....... bem pouco tempo, ninguém sabia a diferença destes homônimos.
11. Voltaremos ao Brasil daqui ....... alguns meses, para rever os amigos.
12. O início do curso aconteceu ........ semanas.
13. Cristo morreu ........ quase dois mil anos.
14. ......... pessoas interessadas nesta obra.
15. Fomos ........ Fortaleza ......... duas semanas atrás e iremos a Manaus daqui ......... três dias.
16. Se não o vejo ......... anos, nada posso falar dele.
17. Vi-o ......... noite e não, .......... tarde, como supunham.
18. Minha cidade natal fica ......... quilômetros daqui, e ......... muitas horas de lá.
19. Nasci ......... 26 de fevereiro de 1950.
20. Do Rio ........ São Paulo são 400 km.


2. MAL e MAU

Macete:
MAL = BEM
MAU = BOM

II. Complete com MAL ou MAU:


1. Ela sentiu-se ......... e foi embora.
2. Não fiquemos de ........-humor.
3. A ambição é o .......... deste mundo.
4. A empresa está ........ administrada.
5. Sinto-me ....... quando como demais.
6. Se você não é .........., por que faz o ........ ?
7. Cuecas .......... costuradas e de muito ......... gosto.
8. Porque ele é ......... pratica o .........
9. Ele não é ........., apenas raciocina ...........
10. Ele vive .........-humorado por não conter o seu ...........-humor.
11. Foi um ..........-estar súbito.
12. Quem recebe ............-tratos é maltradado.

3. OS PORQUÊS
34

Macetes:

1. o(s)
um(s) PORQUÊ (s) = substantivo
nosso
este

2 . POR QUE...? = nas interrogações, ou troque por POR QUAL MOTIVO, POR QUAL RAZÃO,
PELO QUAL, PELA QUAL(s), PARA QUE

3. POR QUÊ? – idem = final de frase.

4. PORQUE – nas respostas, ou troque por PORQUANTO, POIS.

III. Complete com um dos PORQUÊS:

1. Vestiba, ................ você faz aviõezinhos durante a aula?
2. Ora, faço ............. me agrada.
3. O senhor vai me punir, ................?
4. Depois da aula o Diretor dirá o ..............
5. Não vejo razões .................. desconfiar dele.
6. Você erra, ainda, .................. quer.
7. Se eu erro ................. quero, qual o ................ do ...................?
8. Todos temos um ........................ em nossa vida.
9. Você não gosta de mim e eu quero saber ...................
10. Espero que tenha aprendido, ............ o vestibular não perdoa aos “fajutos” que não sabem aplicar
os ....................... corretamente.
11. ................. você me procura, se nem mesmo o delegado sabe explicar o .................... de tamanho
desinteresse pela apuração dos desmandos?

4. ESTE, ESSE, AQUELE

Macete I:
ESTE: perto de quem fala; tempo presente; início de carta (aquilo que será nominado) = AQUI

ESSE: perto de com quem se fala; tempo passado ou futuro; fim de carta (aquilo que já foi nominado) =


AQUELE: longe de quem fala e de com quem se fala; passado vago ou remoto = LÁ, ALI.


Macete II:
AQUELE = (termo 1) mais distante
ESTE = (termo 2) mais próximo

Ex: Visitei as cidades de Manaus (1) e de Recife (2); naquela conheci a Zona Franca e nesta a famosa
praia da Boa Viagem.
termo 1 = aquela (mais distante)
termo 2 = esta (mais próxima)


IV. Corresponda as colunas:
( 1 ) ESTE tomate.
( 2 ) ESSE pepino.
( 3 ) AQUELE jiló.
( ) Está comigo.
( ) Está com você.
( ) Está perto de mim.
( ) Está perto de nós dois.
35
( ) Está ali.
( ) Está aqui.
( ) Não está comigo nem com você..
( ) Se não está aqui, deve estar com a vovozinha.
( ) Se não está lá ou ali.


V. Complete com o demonstrativo correto:
1. ................ ano de 1994, implantou-se o Plano Real.
2. ................... próximo ano, talvez haja eleição para presidente.
3. ................ próximo vestibular certamente será mais fácil que ....................... último.
4. o d................ ano longínquo foi fácil.
5. .................. vestibular em que se colocou novamente a redação foi difícil.
6. Vestiba, cuide d................... apostila em que você sentou em cima.
7. .................. aqui é minha.
8. Cuidado com .................. pensamentos!
9. Farei os vestibulares na UFCE e na UFPE; .................. em Fortaleza e .................... em Recife.

5. SESSÃO, SEÇÃO ou SECÇÃO e CESSÃO

SESSÃO: é o tempo de algo, um evento.
Ex: Fomos à sessão de cinema.

SEÇÃO: é o departamento, o local.
Ex: Fomos à seção de artigos infantis.

SECÇÃO: é o corte, a divisão.
Ex: Fez-se a secção do abastecimento de água.

CESSÃO: é o ato de ceder, a doação.
Ex: Fez a cessão do local para o treinamento.

VI. Complete:
1. Fizeram a ............................... da cancha esportiva aos funcionários da................... de pessoal durante a
.................... de lazer.
2. Assistiu à ................... de cobertura do Congresso Nacional como conviddo.
3. O professor fez a .................... do tema de redação do vestibular para o próximo ano, para os alunos que
participaram de todas as ..................... de redação.
4. Se uma .................. de macumba ajuda vestiba desesperado? Sim! ajuda a não passar no vestibular.

6. ONDE e AONDE

ONDE – Em algum lugar (cessação de movimento).
AONDE – A algum lugar (movimento).

VII. Complete:
1. ...............iremos amanhã?
2. .............. nos encontraremos amanhã?
3. ............ chegará ele com tanta pressa?
4. Dormir ................ ? Ora, ................ pudermos ir.
5. .............. moro? Resido .............. você não conhece, .................... ninguém vai sem proteção policial.
6. ................. você esteve até agora?
7. Quero saber ............... você quer chegar com essa conversa de calouro primeiro-colocado.


7. INFRINGIR e INFLIGIR

INFLIGIR – é aplicar pena ou castigo. = TDI
INFRINGIR – é transgredir, violar. = TD

36
VIII. Complete:
1. Porque o menino ...................... as regras da casa, o pai .................-lhe severo castigo.
2. Não .................. as leis de tráfego, ouviu!
3. Se você ...................... as normas, como poderão os diretores não lhe ..................... uma admoestação
severa?
4. Aluno, não ....................... as normas do colégio, conversando em sala de aula, pois tuas aspirações
coincidem com as de todos!

8. ANTE e ANTI

ANTE – indica anterioridade (antediluviano).
ANTI – indica contrariedade (antinacional).

* Hífen antes de h – r – s.

IX. Complete:
1. Não havia na cidade soro ................ rábico, somente ................... ofídico.
2. Seguiram ................ ontem para cá.
3. De início, os romanos foram .............. helênicos.
4. Restos de animais ..................... diluvianos foram encontrados.
5. Ser .................. tóxico não é ser .............. social.
6. Isto é ........................ higiênico.
7. As vacinações ............. poliomielite são fundamentais às crianças. Esta vacina é também conhecida
como ............... pólio.

9. DESCRIÇÃO e DISCRIÇÃO

DESCRIÇÃO: é o ato de descrever.
DISCRIÇÃO: é a qualidade de ser discreto.

X. Complete:
1. Havia ........................ no seu modo de vestir e não houve nenhuma ................. de atitudes suspeitas.

10. CENSO e SENSO

CENSO: é contagem, alistamento.
SENSO: é bom juízo, sentido, raciocínio.

XI. Complete:
1. O último ................. revelou Curitiba com mais de um milhão de habitantes.
2. Tenhamos o ................... de perceber que dissertação não é bilhete de amor.

11. CUMPRIMENTO e COMPRIMENTO

CUMPRIMENTO: saudação.
COMPRIMENTO: dimensão, medida.

XII. Complete:
1. Pelo ................................. de sua ignorância não espere nenhum ...........................

12. EXTERNO e ESTERNO

EXTERNO: exterior (do lado externo).
ESTERNO: osso dianteiro do peito.

XIII. Complete:
1. Quebrou o ............................... ao cair do lado ..................... da sacada.

13. ESPECTADOR e EXPECTADOR

37
ESPECTADOR: aquele que contempla.
EXPECTADOR: aquele que está na expectativa.

XIV. Complete:
1. Sendo ......................... de todas as aulas, não seremos eternos ................................. da Universidade.


14. ESTADA e ESTADIA

ESTADA: período de permanência em determinado lugar.
ESTADIA: prazo para carga e descarga do navio em um porto.

XV. Complete:
1. Paguei caro sua ................. em minha casa, pois era impertinente nas atitudes.
2. A ................... do meu carro é paga mensalmente.
3. Em hotel, pagam-se as diárias relativas a nossa ................................

15. INSOSSO e INSULSO

INSOSSO: sem sal bastante.
INSULSO: sem graça.

XVI. Complete:
1. A refeição, achei-a ....................; a garçonete, .............................

16. RATIFICAR e RETIFICAR

RATIFICAR: confirmar, validar (o que foi dito).
RETIFICAR: corrigir, emendar.

XVII. Complete:
1. Espero que ......................... os vestibulares da UFAM marcados para janeiro; caso contrário, a data
poderia ser ..................................., passando para dezembro.

17. VULTOSO e VULTUOSO

VULTOSO: de grande vulto, volumoso.
VULTUOSO: atacado de vultuosidade (congestão da face).

XVIII. Complete:
1. São ............................. os erros quando são ............................. as dúvidas.
2. Para um roubo .................., o assaltante não pode estar com o rosto .......................

18. CELA e SELA

CELA: quarto de frades ou freiras, ou de presos; cubículo.
SELA: arreios para montaria.

XIX. Complete:
1. Se sua ...................... o monge contemplava a ...................... brilhante do cavaleiro.

19. EMINENTE e IMINENTE

EMINENTE: ilustre, elevado.
IMINENTE: próximo, que está por acontecer.


XX. Complete:
1. Ao .................... aluno a derrota nunca se apresenta ............................
2. O vestibular está ....................... e, nele, só os vestibas encontrarão guarida.
38

20. EMERGIR e IMERGIR

EMERGIR: sair, mostrar-se.
IMERGIR: mergulhar, afundar.

XII. Complete:
1. O moleque ......................... na multidão.
2. Seu rosto ...................... da janela, brilhante.
3. O nadador ................... na piscina após o mergulho.


21. EXPERTO e ESPERTO

EXPERTO: perito.
ESPERTO: inteligente.

XIII. Complete:
1. Porque era .................... em Química, foi convidado a trabalhar no exterior.
2. Criança ...................... aprende fácil.

22. INCIPIENTE e INSIPIENTE

INCIPIENTE: principiante.
INSIPIENTE: ignorante, não sapiente.

XXIII. Complete:
1. Não se deve levar em consideração as afirmações de pessoas ..........................
2. Devemos preservar a vida ............................... das pequenas árvores, pois elas serão florestas.












Para Consulta



Palavras Homônimas
e Parônimas
Significado
absolver inocentar, perdoar
absorver sorver, consumir, esgotar
acender pôr fogo, alumiar
ascender subir
acento tom de voz, sinal gráfico
assento lugar de sentar-se
acerca de sobre, a respeito de
cerca de aproximadamente
há cerca de faz
acerto ato de acertar
asserto afirmação
acostumar contrair hábito
costumar ter por hábito
acurado feito com muito cuidado
apurado seleto, fino, refinado
afear tornar feio
afiar aguçar, amolar
afeito habituado
afoito corajoso
aferir conferir, comparar
auferir colher, obter
afim de semelhante a, parente de
a fim de para
ante antes
anti contra
aonde usa-se com verbos
dinâmicos; prep. a
onde usa-se com verbos estáticos;
prep. em
amoral indiferente à moral
imoral contra a moral, libertino,
devasso
apóstrofe figura de linguagem,
interpelação
apóstrofo sinal gráfico
aprender instruir-se
apreender assimilar
arrear pôr arreios
arriar abaixar, descer
arrochar apertar
arroxar deixar roxo
assoar limpar o nariz
assuar vaiar, apupar
avir-se com entender-se com, conciliar-
39
se com
haver-se com ajustar contas com,
defrontar-se com
bem-vindo bem recebido, quando se
chega
Benvindo nome de pessoa
broxa pincel grande, indivíduo
sem potência
bucho estômago
buxo arbusto
caçar apanhar animais ou aves
cassar anular
cadafalso patíbulo
catafalco estrado alto em que se
coloca o féretro
cardeal prelado do Sacro Colégio,
principal,
fundamental
cardial relativo à cárdia, cardíaco
cartucho canudo de papel ou papelão
cartuxo frade da ordem cartuxa
cavaleiro aquele que sabe andar a
cavalo
cavalheiro homem educado
cela pequeno quarto de dormir
sela arreio
cemento substância para metais
cimento pó para argamassa
censo recenseamento
senso raciocínio, juízo claro
cerração nevoeiro denso
serração ato de serrar
cerrar fechar
serrar cortar
cervo veado
servo escravo
cessão ato de ceder
seção/secção corte, divisão
sessão evento, atividade
cesto balaio
sexto ordinal de seis
chá bebida
xá título do ex-imperador do
Irã
chácara sítio
xácara narrativa popular em verso
cheque ordem de pagamento
xeque lance de jogos de xadrez;
perigo; chefe de tribo árabe
cidra fruto
sidra vinho de maçã
comprimento extensão
cumprimento saudação, execução
concelho município
conselho sugestão, nome coletivo
conjetura suposição, hipótese
conjuntura situação, circunstância
concerto sessão, musical, acordo
conserto reparo
coser costurar
cozer cozinhar
deferimento concessão
diferimento adiamento
deferir atender, conceder
diferir distinguir-se, ser diferente,
adiar
defeso proibido
defesso cansado
degredado desterrado, exilado
degradado estragado, rebaixado,
aviltado
delatar denunciar
dilatar alargar, ampliar
descargo avio
desencargo desobrigação de um
encargo
descrição ato de descrever, expor
discrição reserva, qualidde de
discreto
descriminar inocentar
discriminar dintingüir
despensa lugar de guardar
mantimentos
dispensa isenção, licença
despercebido não notado
desapercebido desprovido, desaparelhado
destratar insultar
distratar desfazer
édito ordem judicial publicada
em editais
edito parte de lei, mandato;
decreto
emergir vir à tona
imergir mergulhar
emigrar sair da pátria
imigrar entrar num país estranho
para nele morar
eminente notável, célebre, elevado
iminente próximo, prestes a
acontecer
esbaforido ofegante, cansado
espavorido apavorado, assustado
espectador assistente
expectador aquele que espera
esperto ativo,inteligente, vivo
experto perito, entendido
espiar observar, espionar
expiar sofrer castigo
estada permanência de pessoa
estadia permanência de veículo
ou navio
estádio fase, período
estágio preparação
estância propriedade
instância insistência, urgência
estático firme, imóvel
extático admirado, pasmado
estrato tipo de nuvem
extrato resumo, essência
estreme puro, genuíno
extremo distante
flagrante evidente
fragrante perfumado
fluir correr
fruir gozar, desfrutar
fuzil carabina, espingarda
fusível dispositivo de proteção
elétrica
genitor pai
40
progenitor avô
glosa comentário, interpretação
grosa doze dúzias, lima
história narrativa de fatos reais
estória narrativa de ficção
incerto não certo
inserto incluído
incidente episódio
acidente acontecimento casual
incipiente principiante
insipiente ignorante
indefeso desarmado, fraco
indefesso incansável, laborioso
inerme sem arma
inerte parado
inflação desvalorização do
dinheiro, expansão
infração violação, transgressão
infligir aplicar pena ou castigo
infringir transgredir, violar, não
respeitar
insolúvel que não se pode dissolver
ou resolver
insolvível que não se pode pagar
insípido sem sabor, monótono,
tedioso
insosso sem sal, insulso, alvenaria
sem argamassa
insulso sem graça, sem sal
intemerato puro, íntegro, incorrupto
intimorato destemido, valente,
corajoso
intercessão ato de interceder, de
intervir
interse(c)ção ato de cortar
laço nó
lasso frouxo, gasto, bambo,
cansado, fatigado
lactante que amamenta, que
produz leite
lactente que ainda mama
lenimento suavização
linimento remédio de fricção
lista relação, rol
listra linha, risco
locador proprietário, o que dá pro
aluguel
locatário inquilino
lustre candelabro
lustro período de cinco anos
lutulento lamacento
lutuoso fúnebre, triste
mal antônimo de bem
mau antônimo de bom
malgrado apesar de
mau grado má vontade
mandado ordem judicial
mandato período de missão política
moradia ato de morar
morada lugar onde se mora,
habitação
ótico relativo ao ouvido
óptico relativo à visão
paço palácio
passo passada
peão aquele que anda a pé,
trabalhador
pião brinquedo
pequenez qualidade de pequeno
pequinês raça de cães, de Pequim
plaga região, país
praga maldição
pleito disputa
preito homenagem
precedente antecedente
procedente proveniente, oriundo
preeminente nobre, distinto
proeminente saliente
prescrição ordem expressa
proscrição eliminação, expulsão
previdência qualidade daquele que
prevê as coisas
providência medida prévia para
conseguir um fim; a
suprema sabedoria
atribuída a Deus
prostrar-se humilhar-se, curvar-se
postar-se colocar, permanecer por
muito tempo
ratificar confirmar
retificar corrigir
reboco argamassa
reboque ato ou efeito de rebocar,
ou seja, de comboiar;
veículo puxado por outro
veículo
romeno da Romênia
romaico idioma grego moderno
ruço grisalho, desbotado
russo da Rússia
sexta numeral correspondente a
seis
sesta descanso depois do
almoço
cesta utensílio de transporte
sobrescrever ou
subescritar
escrever sobre, endereçar
subscrever ou
subscritar
escrever embaixo, assinar
sustar suspender
suster sustentar
tacha pequeno prego; mancha
taxa imposto, percentagem
tachar censurar, pôr defeito
taxar estipular; qualificar, seja
positiva, seja
negativamente; julgar
tenção propósito, intento,
intenção
tensão esticamento
terço fracionário
correspondente a três
terso puro, limpo
tilintar soar
tiritar tremer
tráfego movimento, trânsito
tráfico comércio lícito ou não
vadear passar ou atravessar a vau,
a pé ou a cavalo
vadiar levar vida de vadio
41
válido sadio, vigoroso
valido protegido
vasa fundo lodoso do rio, do
mar; lodo, lodaçal, limo
vaza cartas; forma verbal
viagem substantivo
viajem verbo
vivido experiente
vívido vivaz, ardente
vultoso volumoso, de grande vulto
vultuoso vermelho, inchado
zumbido sussurro de insetos alados
zunido som agudo do vento











EXERCÍCIOS


I- Complete as lacunas com as palavras que
estão destacadas:

BRIZA – ALIZAR - IMORAL -
BALSA
BRISA - ALISAR - AMORAL -
BALÇA

1. O rapaz não era ............................, isto é,
nunca mostrou-se indiferente aos preceitos
morais.
2. Não contava piada ................., pois era bem-
educado.
3. Passou o formão até ........................... bem a
madeira.
4. O friso de madeira que guarnece a porta se
chama ............................
5. Navegou numa .......................... até chegar à
praia.
6. Penetrou numa ............................ de
navegação variada.
7. A ............................. matinal agitava a
plantação.
8. Em nosso jardim há um gênero de gramíneas
que se chama ........................

XEQUE - XÁ - BUXO -
COMPRIMENTO
CHEQUE - CHÁ - BUCHO -
CUMPRIMENTO

1. O ................ do Irã morreu no exílio.
2. Os ingleses importam .............. da Índia.
3. Assinou um .................. no valor do imóvel.
4. O enxadrista pôs o rei adversário em
...............................
5. Acabada a cerimônia, os noivos receberam os
...............................
6. Qual é o ...................... desta parede?
7. Foi ao açougue comprar .................... de boi.
8. Em nosso jardim há um gênero de gramíneas
que se chama ......................

DIFERENTE - DISCRIMINAR -
DISCRIÇÃO - CONSERTO
DEFERENTE - DESCRIMINAR -
DESCRIÇÃO - CONCERTO

1. Iremos todos ao ................. sinfônico.
2. O mecânico terminou o ................... do
automóvel.
3. O diretor mostrou-se .......................... com
todos: concedeu-nos tudo.
4. Seu trabalho é ..................... de todos.
5. Solicitamos uma ..............................
detalhada da peça.
6. Como era prudente e reservado, não foi
necessário pedir-lhe ....................
7. O juiz decidiu ......................... o réu.
8. Cumpre .......................... o certo do errado.

DESPENSA - EMINENTE -
IMIGRANTE - EMERGIU
DISPENSA - IMINENTE -
EMIGRANTE - IMERGIU

1. Os enlatados estão guardados na ....................
2. Requereu ao diretor ....................... da prova
de matemática.
3. Era um filósofo ......................, graças aos
seus estudos.
4. A eclosão de uma nova guerra é
..............................
5. Os novos .................... chegaram hoje ao
nosso país.
6. Os ......................... viajarão à procura de
trabalho.
7. Logo que começou a tormenta, o submarino
..................... pois, sob as águas, estaria mais
seguro.
8. Passada a tormenta, o submarino
............................ e vimos o sol.

ESTÁTICO - ESTERNO -
ESPECTADOR - FASES
EXTÁTICO - EXTERNO -
EXPECTADOR - FAZES

1. Permaneceu ...................... atrás da cortina
para não ser descoberto.
2. Ele ficou .................. ao vê-la assim tão bela.
3. Um dos seus ossos do peito, o
........................., estava lhe causando dores.
42
4. Quando os pais viajaram, ele ficou interno;
poucos meses depois, voltou a estudar
............................
5. O .................. não gostou do filme.
6. Quem tem expectativa é .....................
7. Este calendário não assinala as .......... da lua.
8. Ou ............... os deveres, ou serás
repreendido.

FLAGRANTE - INSIPIENTE -
INDEFESSO - INFLAÇÃO
FRAGRANTE - INCIPIENTE -
INDEFESO - INFRAÇÃO

1. O criminoso foi preso em ............. com o
produto do roubo.
2. Que serás eleito vereador é uma verdade
.......................
3. Esta loção é muito .......................
4. Admitido há dois dias, ainda é um
funcionário ............... porém, como procede
com inteligência, não pode ser considerado
............................
5. Era um administrador ........................ por
isso, elogiado por todos.
6. Porque estava .................., o exército invasor
foi derrotado.
7. A ................ exige os reajustes dos salários.
8. Aquele que desobedece à lei comete uma
...........................

INFRINGIR - INTERSEÇÃO -
INTEMERATO - PAÇO
INFLIGIR - INTERCESSÃO -
INTIMORATO - PASSO

1. Aquele que ................ a lei será punido.
2. O juiz não hesitará em .................... a pena
máxima ao criminoso.
3. Solicitou a ............. do advogado para que
seus direitos não fossem desrespeitados.
4. Marque com um xis a ..................... das
linhas.
5. É um político ............; aliás, a integridade e a
incorruptibilidade também caracterizavam seu
pai.
6. Estava sempre à frente, pois era um soldado
.........................
7. Mal deu o primeiro ............... tropeço na
cadeira.
8. O embaixador ficou hospedado no
........................ imperial.

LAÇO - MAL - PEQUENEZ -
PRECEDENTE
LASSO - MAU - PEQUINÊS -
PROCEDENTE

1. Depois de correr oito quilômetros, esticou o
corpo .................. na grama.
2. O peão preparou o .................. para prender o
cavalo.
3. Ao tomar posse, prometeu trabalhar tanto
quanto o diretor ............................
4. Este vinho é .......................... da Europa.
5. O cão ............................ arranhou a porta com
suas patas.
6. Devido à ......................... dos caracteres, só
podia lê-los com uma lupa.
7. O seu trabalho não está ............................
organizado.
8. Ninguém o acusou de ser um
............................... advogado.

PREEMINENTE - PREVIDÊNCIA -
RETIFICAR - SESSÃO
PROEMINENTE - PROVIDÊNCIA -
RATIFICAR - SEÇÃO

1. Com a fratura, o osso ficou ................
2. Era o mais .................... entre os médicos do
hospital.
3. O comandante acaba de ..................... a sua
licença, ela não será cancelada.
4. O diretor expediu nova portaria para
..................... os erros da anterior.
5. É preciso que se tome uma ................
definitiva para que isto não volte a acontecer.
6. Graças a sua ............. não faltarão alimentos
durante o inverno.
7. Compramos os ingressos para a ......... de
cinema.
8. Vá a ................................. de Pessoal receber
o seu salário.

TACHA - TENÇÃO - VADEAR -
VIAGEM
TAXA - TENSÃO - VADIAR -
VIAJEM

1. Use uma ................... para fixar o bilhete no
quadro.
2. A ................... de contribuição comunitária
ajudará os menos favorecidos.
3. Se a sua ........................ durante a prova é
grande, tome um calmante.
4. Se a sua .............. é não perder, corra.
5. O “Vestiboca” ficou a ....................... durante
as aulas.
6. Para chegar à outra margem, foi necessário
.................. um trecho raso do rio.
7. Faremos uma longa ............ a cavalo.
8. Espero que eles .................... conosco nas
férias.




43











II- Preencha os espaços vazios com a palavra adequada:

1. O orçamento previa investimentos ......................... (vultosos, vultuosos)
2. Por falta de estrutura, o prédio ........................... (arreou, arriou)
3. As empresas construtoras solicitaram uma ............................ do prazo. (delação, dilação)
4. Afinal, um conseguiu ............... a contento os lucros auferidos. (fruir, fluir)
5. O juiz ........................ de indecorosa a atitude da meretriz. (tachou, taxou)
6. Contra a vontade, o diretor .......................... o pedido. (diferiu, deferiu)
7. Não há bem que sempre dure, nem ................... que nunca acabe. (mau, mal)
8. Desembarcou em Santos nova leva de .........................(emigrantes, imigrantes)
9. Uma ................. rosa despontou. (flagrante, fragrante)
10. O investimento nos deu .................... lucros. (vultosos, vultuosos)
11. Há um ataque ................. (eminente, iminente)
12. Durante o concorrido ....................... não houve nenhuma irregularidade. (pleito, preito)
13. O governo ................... a notícia que fora redigida com ambigüidade. (ratificou, retificou)
14. A .............. de inscrição era elevada. (taxa, tacha)
15. O guarda ......................-lhe pesada multa. (infringiu, infligiu)
16. As reformulações não ..................... efeito algum. (sortiram, surtiram)
17. Na .................. do monge não havia nenhuma cama. (sela, cela)






Questões discursivas

1. (FUVEST) Reescreva as frases usando
a forma adequada dos porquês.
Justifique o emprego de cada um:
a) ......................... é que você disse isto?
b) Não sei bem ........................
c) Não será ....................... tem inveja dele?
d) Acho que não. Vou dizer-lhe a razão
............................ o disse.

2. Copiar, corrigindo, se for necessário:
- Porque não veio?
- Não vim porque não quis; esta é a razão
porque não vim.
- Afinal, não se sabe bem o porque das coisas.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

3. (FEI) Reescreva o texto, corrigindo, se for
necessário, o emprego da palavra porque:
- Porque me julgas tão mal?
- Por que tenho minhas razões.
- E não as declara, porque?
- Nem eu sei o porque.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................



4. (PUC-RJ) Sublinhe a palavra que
completa corretamente cada sentença:
a) Ao fim das investigações, a verdade .......... e
tudo ficou muito bem esclarecido. (emergiu,
imergiu)
b) Incrivelmente, todas as nossas petições fora
............. (diferidas, deferidas)
c) Não é absolutamente aceitável que se ..........
pessoas por religião, sexo ou cor. (descriminem,
discriminem)
d) Para que todos ........... bem confortáveis,
vamos alugar um ônibus maior. (viagem,
viajem)

44
5. (CESGRANRIO) Use a correta grafia dos
porquês neste fragmento de uma crônica de
Fernando Sabino:
- .............................. não posso ficar vendo
televisão?
- .............................. você tem de dormir.
- ..............................?
- .............................. está na hora, ora essa.

6. (FUVEST) Suponha que, por algum
motivo, você não queira empregar
possessivos. Indique os demonstrativos a que
recorreria para designar:
a) sua própria mão;
b) a mão do seu interlocutor.
c) ......................................................
d) ......................................................




Testes

1. (ITA) Dadas as sentenças:
1) Meu pai é corço e não salvadorenho.
2) Confesso que ela é uma pessoa indefessa.
3) O Passo da Cidade era revestido de mármore.

Constatamos que está(ão) correta(s):
a. ( ) apenas a sentença nº 1.
b. ( ) apenas a sentença nº 2.
c. ( ) apenas a sentença nº 3.
d. ( ) todas as sentenças.
e. ( ) n.d.a.

2. (FAC. OBJETIVO-SP) Assinale a
alternativa cujas palavras preenchem
corretamente as lacunas:
Foi preso em ....................., na ocasião do
..................... por haver .........................o
regulamento do ............................

a. ( ) flagrante, acidente, infringido, tráfego.
b. ( ) fragrante, incidente, infligido, tráfico.
c. ( ) fragrante, acidente, infrigido, tráfego.
d. ( ) flagrante, acidente, infligido, tráfico.
e. ( ) flagrante, incidente, infringido, tráfego.

3. (UFPR) Assinale a alternativa em que as
formas completam corretamente as lacunas
das frases, pela ordem:
1. Ele foi logo embora e ninguém sabe o
......................
2. Nomearam-no ................?
3. ............... vos entristeceis?
4. Muita maldade acontece .................. o
dinheiro é o grande envenenador da alma.

a. ( ) por que, por quê, porquê, porque.
b. ( ) por quê, por que, porquê, porque.
c. ( ) porque, porquê, por quê, por que.
d. ( ) porquê, porquê, por que, por quê.
e. ( ) porquê, por quê, por que, porque.

4. (UCPR) Assinale a opção que preencha
corretamente os pontilhados:
- ............. muitos erram a grafia do ..............?
- ............. não há lógica no seu uso.

a. ( ) por quê, por que, por que.
b. ( ) porque, porque, porque.
c. ( ) por que, porquê, por quê.
d. ( ) porque, porque, porquê.
e. ( ) por que, porquê, porque.

5. (UCPR) Assinale a opção em que não há
correspondência de significado:
a. ( ) retificar – corrigir.
b. ( ) surtir – abastecer.
c. ( ) infringir – transgredir.
d. ( ) espiar – observar.
e. ( ) fruir – desfrutar.

6. (MACK) Assinale a alternativa em que há
erro na palavra ou expressão que exprime
causa:
a. ( ) Por que você não se cala?
b. ( ) Eu sei o motivo por que você está rindo.
c. ( ) Essa é a razão porque não me calo.
d. ( ) Você vai ser castigado.
- Por quê?
e. ( ) Quem sabe o porquê de tudo?

7. (ITA) Dadas as afirmações:
1. Discriminar: destrinçar; separar; discernir.
2. Ruço: forma incorreta de Russo quando este
significa grisalho, pardacento.
3. Peão: espécie de brinquedo.

Constatamos que está(ão) correta(s):
a. ( ) apenas a afirmação 1.
b. ( ) apenas a afirmação 2.
c. ( ) apenas a afirmação 3.
d. ( ) todas as afirmações.
e. ( ) n.d.a.

8. (UCPR) Assinale a opção que preencha
corretamente os pontilhados:
O pai diz para o filho:
- ............. livro que você está lendo não é bom
quanto ............. que está comigo, nem quanto
................. que está com sua irmã.

a. ( ) este, esse, aquele.
b. ( ) aquele, esse, este.
c. ( ) esse, este, aquele.
d. ( ) aquele, este, esse.
e. ( ) este, aquele, esse.

45
9. Assine a opção que preenche corretamente
os pontilhados:
1. Você se interessa ............. tipo de assunto?
2. Não disse ........... países passou.
3.. Não esclareceu ............. motivo não veio.

a. ( ) porque, porque, porque.
b. ( ) por que, por que, por que.
c. ( ) por que, porque, por que.
d. ( ) porque, por que, porque.
e. ( ) por que, porque, porque.



10. (UCPR) Complete:
1. Ninguém o tinha visto. Passara ................
2. Estava com sorte! No jogo, veio-lhe um
.................
3. Quando falta luz, acenda-se o .....................
4. As primeiras respostas, o chefe o ....................
de ignorante.

a ordem correta é:
a. ( ) despercebido, coringa, candeeiro, tachou.
b. ( ) desapercebido, curinga, candeeiro,
tachou.
c. ( ) despercebido, coringa, candieiro, taxou.
d. ( ) despercebido, curinga, candeeiro, tachou.
e. ( ) desapercebido, coringa, candieiro,
taxou.

11. (DIR.CTBA) Assinale a frase em que
“onde” está usado adequadamente:
a. ( ) Onde vais?
b. ( ) Onde vive um vivem dois.
c. ( ) Chegou onde queria.
d. ( ) Chegaste no lugar onde deseja-vas.
e. ( ) Todas as opções estão corretas.

12. (FUVEST) A ................... científica do
povo levou-o a ........... de feiticeiros os
................ em astronomia.
a. ( ) insipiência, tachar, expertos.
b. ( ) insipiência, taxar, expertos.
c. ( ) incipiência, taxar, espertos.
d. ( ) incipiência, tachar, espertos.
e. ( ) insipiência, taxar, espertos.

13. (UFCE) Assinale a alternativa correta:
a. ( ) O ladrão foi apanhado em flagrante.
b. ( ) Ponto é a intercessão de duas linhas.
c. ( ) As despesas da mudança serão
vultuosas.
d. ( ) Assistimos a uma violenta coalizão de
caminhões.
e. ( ) O artigo incerto na Revista das
Ciências foi lido por todos nós.

14. (MEDICINA TAUBATÉ) Complete as
orações a seguir escolhendo um dos
vocábulos indicados e numerado entre
parênteses, para completar o sentido correto
das mesmas:
I. ............... o erro, o documento foi aceito.
(1) ratificado
(2) retificado
II. O jovem portou-se com ................ e boas
maneiras.
(3) descrição.
(4) discrição
III. Não tenho capacidade para conversar com
pessoa tão ...........
(5) iminente
(6) eminente
IV. O ........... é tão intenso na época de férias
que preferimos andar a pé.
(7) tráfego
(8) tráfico
V. Se as leis forem ..........., as penalidades
serão aplicadas.
(9) infringidas
(10) infligidas

a. ( ) 1, 4, 6, 8, 10
b. ( ) 2, 3, 5, 7, 10
c. ( ) 2, 4, 6, 7, 9
d. ( ) 1, 4, 5, 8, 9
e. ( ) 1, 3, 5, 8, 9

15. (ACAFE) Indique os homônimos ou
parônimos, cujos significados estão trocados:
a. ( ) cínico (relativo à China), sínico
(desavergonhado).
b. ( ) laço (nó), lasso (cansado).
c. ( ) assento (banco), acento (sinal gráfico).
d. ( ) tacha (prego), taxa (imposto).
e. ( ) arrolhar (pôr rolha), arrulhar (som
emitido pelos pombos).

16. (UFPR) Que frases terão suas três
lacunas corretamente preenchidas por “há”,
“por que”, e “à”, respectivamente:
1. Se estavam ...... três passos da margem,
........... não veriam o peixe quando viesse
............... tona?
2. O trem partiu de Paranaguá .............. duas
horas ............ ainda não chegou ...........
Curitiba?
4. O prédio só estará pronto daqui
...............dois meses .............. as chuvas
impediram o transporte de material até ...............
obra.
8. Então .............. um só inscrito no curso?
................ não se fez referência ................ isso
antes?
16. Se não .................. avião para Curitiba, não
sei .................. não vamos imediatamente
............. Estação Rodoviária.
32. Estamos ................ três semanas da prova de
História e vocês ainda ignoram as razões
46
..................... Jânio Quadros renunciou
.................. presidência.

17. (UFCE) Assinale as opçoes em que a
forma “Por que” se encontra também
graficamente justificada:
1. ( ) Não sei por que você duvida de mim.
2. ( ) Estudo por que desejo vencer na vida.
4. ( ) Cheguei atrasado por que meu carro
enguiçou.
8. ( ) Foi esta a razão por que não passaste no
concurso.
16.( ) Quero saber por que motivo minha
amiga chorou.
32.( ) Por que não começas a agir ime-
diatamente?
64.( ) Vieste aqui por que estavas com saudade
de mim?




18. Assinale as opções onde as formas dos
homônimos/parônimos estão corretas:
1. ( ) Conhecemos o imérito professor que
comprou a chácara.
2. ( ) As reprimendas não surtiram efeito
no ladrão que foi prescrito da comunidade.
4. ( ) Não deves delatar os colegas que não
compareceram à sessão de educação física.
8. ( ) Onde ele chegará tão apressado? Está
faltando bom-censo.
16.( ) A discrição do vestiba trouxe elogios
vultuosos.
32.( ) O monge rezava em sua sela com ar
insosso.
64.( ) No cumprimento do dever o guarda
infligiu uma multa severa.

19. Assinale os itens onde houve troca de
sentido quanto ao emprego dos
homônimos/parônimos:
1. ( ) açodar-apressar; açudar-represar; finesa-
finlandesa; fineza-polidez.
2. ( ) vadear-passar o rio a pé; vadiar-viver no
ócio; vultoso-elevado; vultuoso-inchado
4. ( ) arrear-aparelhar; arriar-abaixar;
esbaforido-ofegante; espavorido-apavorado.
6. ( ) amoral-indiferente à moral; imoral-
contra a moral; delação-denúncia; dilação-
adiamento.
16.( ) lenimento-que suaviza; linimento-
remédio para fricção; preeminente-elevado,
alto, saliente; proeminente-distinto, nobre.
32.( ) estada-permanência; estadia-prazo para
descarga; incipiente-ignorante; insipiente-
principiante.

20. Estão corretamente empregados os
homônimos/parônimos:
1. ( ) A sessão de terapia educacional teve
resultados excepcionais.
2. ( ) Ele anda mal-humorado em função do
vestibular.
4. ( ) Era expectador do luar no momento
em que choveu.
8. ( ) Foi preso em fragrante porque infringiu
a lei.
16.( ) O xá de hortelã fez mau ao vestiba.
32.( ) O mendigo foi descriminado à entrada
da sociedade.
64.( ) No concerto da orquestra compareceram
os mais eminentes convidados.

21. Estão corretamente empregados os
homônimos:
1. ( ) Há muito não a vejo na seção de pessoal.
2. ( ) Explique por quê motivo está chateado.
4. ( ) Passava mal no momento da secção do
duodeno.
8. ( ) Pediu a intercessão do advogado
proeminente.
16.( ) Esticou o corpo lasso e permaneceu
extático na cama.
32.( ) O espectador dos fatos imergiu da janela,
acenando.
64.( ) Os emigrantes que chegaram ao nosso
país ratificam seu desejo de prosperar.

22. (FUVEST) Assinale a frase
gramaticalmente correta:
a. ( ) Não sei por que discutimos.
b. ( ) Ele não veio por que estava doente.
c. ( ) Mas porque não veio ontem?
d. ( ) Não respondi porquê não sabia.
e. ( ) Eis o porque da minha viagem.

23. (UFPR) Assinale as alternativas em que
ambas as frases têm suas lacunas
adequadamente preenchidas pelos vocábulos
grifados:
01. ( ) I - Os nadadores .................... da água e
subiram na lancha. (imergiram/emergiram).
II- O coral ensaiou uma ........... para a
abertura do concerto. (ária/aria).
02. ( ) I - A comissão decidiu .............. o prazo
para a inscrição de trabalhos. (dilatar/delatar).
II- As medidas adotadas ............... efeito.
(surtiram/sortiram).
04. ( ) I – Estamos na ........... de um conflito
nuclear. (iminência/eminência).
II- No século XIX, muitos europeus
................. de seus países.
(imigraram/emigraram).
08. ( ) I - O gerente do restaurante de-
terminou que os gêneros alimentícios fossem
guardados na .................(dispensa/despensa).
II- Em silêncio, os estudantes esperaram
............ a bandeira. (arriar/arrear).
47
16. ( ) I – Somente uma das solicitações
encaminhadas ao diretor foi ............
(diferida/deferida).
II- O capataz da fazenda solicitou ao
................... que recolhesse os animais.
(peão/pião).

















EXERCÍCIOS
(Estrutura e Formação de Palavras)



01. (IDR/FEDF) Marque a alternativa em
que o processo de formação das palavras
destacadas é o mesmo e está corretamente
indicado:
a. ( ) ensacar e acolchoar – derivação
parassintética.
b. ( ) manobra e percorrer – derivação prefixal.
c. ( ) pausa e rápida – derivação regressiva.
d. ( ) insensibilidade e fosforescentes –
derivação prefixal e sufixal.

02. (IDR/FEDF) A seqüência que não
apresenta palavra com derivação regressiva
na criação de substantivos deverbais é:
a. ( ) jogo, espera, luta.
b. ( ) ensino, começo, toque.
c. ( ) quesito, ponte, moto.
d. ( ) desmame, busca, início.

03. (IDR/FEDF) Marque a alternativa em
que a análise nos termos destacados
encontra-se incorreta:
a. ( ) “Ele só retornou o olhar em mim” / há
derivação imprópria relativa à área de
semântica.
b. ( ) “Nossa mãe, vergonhosa, se portou” / o
sufixo apresenta o significado de provido ou
cheio de.
c. ( ) “não queria falar: doideira.” / o sufixo
traz a idéia de intensidade, aumento.
d. ( ) “Nosso pai entrou na canoa e
desamarrou” / o prefixo tem o sentido de ação
contrária, separação, seguido pela vogal
temática do verbo.

04. (UnB/MEC) Com referência a “pé-no-
chão”, todas as assertivas são corretas,
exceto:
a. ( ) No plural, flexiona-se como pé-de-
moleque.
b. ( ) É substantivo composto por justaposição.
c. ( ) Ocorre, em sua formação, contração de
preposição com artigo.
d. ( ) Pode-se substituir por descalço.
e. ( ) Identificam-se, em sua formação, dois
substantivos monossílabos tônicos.







EXERCÍCIOS

01. (IDR/FEDF-93) Nas formas verbais
“configura, ocorrer, desconsiderar e
chegamos”, o elemento estrutural destacado
é:
a. ( ) desinência modo-temporal.
b. ( ) vogal temática.
c. ( ) radical.
d. ( ) tema.

02. (IDR/FEDF-93) As palavras trânsito,
análise, abandono e demanda são formadas
pelo processo de derivação:
a. ( ) regressiva.
b. ( ) prefixal.
c. ( ) sufixal.
d. ( ) parassintética.

03. Associe as alternativas com os números
que indicam os elementos componentes da
palavra proposta:
I – amássemos
A) tema ( ) am
b) vogal temática ( ) a
C) desin.do imp.do subj. ( ) ama
D) desin.da 1ª p. plural ( ) sse
E) radical ( ) mos

II- sapateiros
48
A) suf. desig.de profissão ( ) sapat
B) desin. do gênero masc. ( ) eir
C) desin.de num. plural ( ) o
D) radical ( ) s

04. Associe letra e número, de acordo com o
significado dos radicais gregos:
A) antropófago ( ) vida + escrita
B) biografia ( ) tempo + estudo
C) cronologia ( ) homem + comer
D) democracia ( ) livro + medo
(aversão)
E) bibliofobia ( ) povo + poder

05. (MACK) Dentre as alternativas abaixo,
assinale aquela em que ocorrem dois prefixos
que dão idéia de negação:
a. ( ) impune/acéfalo
b. ( ) pressupor/ambíguo
c. ( ) anarquia/decair
d. ( ) importar/soterrar
e. ( ) ilegal/refazer

06. (PUC-RJ) Relacione os sinônimos nas
duas colunas abaixo e assinale a resposta
correta:
1 – translúcido ( ) contraveneno
2 – antídoto ( ) metamorfose
3 – transformação ( ) diáfano
4 – adversário ( ) antítese
5 – oposição ( ) antagonista
a. ( ) 1, 3, 4, 2, 5
b. ( ) 2, 3, 4, 5, 1
c. ( ) 2, 3, 1, 5, 4
d. ( ) 1, 4, 5, 2, 3
e. ( ) 4, 3, 1, 5, 2

07. (GAMA FILHO) Assinale o vocábulo
cujo prefixo não tem o mesmo valor
semântico do prefixo de inconsolável:
a. ( ) ilegal
b. ( ) desventuroso
c. ( ) incorrer
d. ( ) inútil
e. ( ) impuro

08. (UFSC) Assinale a alternativa em que o
elemento mórfico em desta está corretamente
analisado:
a. ( ) menina (-a-) = desinência nominal de
gênero.
b. ( ) vendeste (-e-) = verbo de ligação.
c. ( ) gasômetro (-o-) = vogal temática de 2ª
conjugação.
d. ( ) amassem (-sse-) = desinência de 2ª
pessoa do plural.
e. ( ) cantaríeis (-is-) = desinência do
imperfeito do subjuntivo.

09. (MACK) Relacione as duas colunas, de
acordo com o significado do sufixo, e assinale
a alternativa correta:
1) jogador ( ) lugar
2) preguiçoso ( ) tendência
3) ratoeira ( ) agente
4) aflitivo ( ) posse abundante
a. ( ) 3, 4, 1, 2
b. ( ) 4, 3, 2, 1
c. ( ) 3, 2, 1, 4
d. ( ) 4, 1, 2, 3
e. ( ) 3, 2, 4, 1

10 (CESGRANRIO) Assinale o par de
vocábulos cujos prefixos guardam entre si
oposição semântica:
a. ( ) inconsciente/anormal
b. ( ) antevisão/predestinação
c. ( ) contracultura/anticorpo
d. ( ) interplanetário/entrelinha
e. ( ) importado/exposto

11. (CESGRANRIO) Assinale a opção em
que o elemento auto apresente significado
diferente do que tem em auto-estima:
a. ( ) autodidata
b. ( ) autopeça
c. ( ) auto-suficiente
d. ( ) autobiografia
e. ( ) auto-sugestão

12. (MED-TAUBATÉ) Numere as palavras
da coluna da direita de acordo com o
significado dos prefixos indicados à esquerda.
Indique a alternativa correta:
1) oposição, ação contrária ( ) dispnéia
2) dificuldade ( ) antibiótico
3) superioridade ( ) diagnóstico
4) posição interna, superior ( ) hipertensão
5) através de, por meio de ( ) encéfalo
a. ( ) 2, 4, 5, 3, 1
b. ( ) 1, 2, 5, 3, 4
c. ( ) 2, 1, 5, 3, 4
d. ( ) 5, 1, 4, 3, 2
e. ( ) 2, 1, 5, 4, 3

13. (CESGRANRIO) Assinale o par de
vocábulos que guardam entre si a mesma
relação significativa existente entre
considerar/consideração:
a. ( ) desenvolver/desenvolvimento
b. ( ) realizar/realizável
c. ( ) opor/oponente
d. ( ) operar/operador
e. ( ) criar/criativo

14. (BRÁS CUBAS) Entre os textos abaixo,
aponte o correto:
a. ( ) teocracia = governo de privilegiados
b. ( ) plutocracia = governo de muitos
49
c. ( ) oligarquia = governo de pequeno grupo
d. ( ) aristocracia = governo de dinheiro
e. ( ) anarquia = governo de povo

15. Assinale a alternativa que descreva
corretamente o processo de formação das
palavras que seguem:
desdizer / expatriar / mestre-sala / bondoso
a. ( )
derivação/derivação/composição/composição
b. ( )
composição/composição/derivação/composição
c. ( )
derivação/composição/composição/derivação
d. ( )
derivação/derivação/composição/derivação

16. Indique o processo de derivação que
formou as palavras abaixo:
a) refazer ................................................
b) matinal ...............................................
c) rivalidade ...........................................
d) amanhecer ..........................................
e) afinar ..................................................

17. Assinale a série de palavras em que todas
são formadas por parassíntese:
a. ( ) acorrentar, amolecer, infelizmente.
b. ( ) avizinhar, aflorar, hidrogênio.
c. ( ) entristecer, enriquecer, enraivecer.
d. ( ) encastelar, embalsamar, idiotismo.
e. ( ) enclausurar, engordar, referenda.

18. As palavras endurecer, repensar, dito
(subst.), combate, são formadas pelo processo
de derivação:
a. ( ) parassintética, prefixal, imprópria,
regressiva.
b. ( ) sufixal, prefixal, imprópria, regressiva.
c. ( ) prefixal, prefixal, regressiva, imprópria.
d. ( ) prefixal, prefixal, imprópria, regressiva.

19. As palavras pernilongo, pontapé,
pontiagudo e alto-falante são compostas por:
a. ( ) aglutinação, aglutinação, aglutinção,
justaposição.
b. ( ) aglutinação, aglutinação, aglutinação,
aglutinação.
c. ( ) justaposição, justaposição, justaposição,
aglutinação.
d. ( ) aglutinação, justaposição, aglutinação,
justaposição.

20. Assinale a alternativa em que todas as
palavras foram formadas pelo mesmo
processo de composição:
a. ( ) aeromoça, couve-flor, pernalta.
b. ( ) girassol, guarda-civil, planalto.
c. ( ) contramão, pontiagudo, aguardente.
d. ( ) boquiaberto, fidalgo, sobremesa.
e. ( ) furta-cor, varapau, vaivém.

21. Assinale a alternativa em que as palavras
dadas apresentam esta ordem de
classificação:
1) composição por justaposição
2) composição por aglutinação
3) derivação prefixal
4) derivação sufixal
5) derivação parassintética
a. ( ) passatempo, boquiaberto, pré-história,
amolecimento, entristecer.
b. ( ) boquiaberto, pré-história, passatempo,
amolecimento, entristecer.
c. ( ) amolecimento, passatempo, boquiaberto,
entristecer, pré-história.
d. ( ) boquiaberto, passatempo, pré-história,
amolecimento, entristecer.

22. Aponte a alternativa em que não ocorre
hibridismo:
a. ( ) automóvel
b. ( ) televisão
c. ( ) sociologia
d. ( ) monóculo
e. ( ) aristocracia

23. Assinale a relação em que todos os
vocábulos são cognatos:
a. ( ) ópera, cooperar, opinião, obra.
b. ( ) locução, coloquial, interlocutor, loquaz.
c. ( ) remover, locomoção, imolação, demover.
d. ( ) incolor, descorar, corante, colosso.
e. ( ) pedestre, pedestal, bípede, pedraria.

24. (OSWALDO CRUZ) As palavras
claramente, bonzinho e homenzarrão são
formadas por derivação:
a. ( ) regressiva
b. ( ) sufixal
c. ( ) prefixal
d. ( ) parassintética

25. (UNISINOS) Embora é palavra formada
pelo processo de aglutinação, assim como:
a. ( ) cajaleira
b. ( ) madressilva
c. ( ) adormecer
d. ( ) fidalgo
e. ( ) bem-te-vi

26. (TAUBATÉ) Se a partir da palavra tarde
formarmos tardar e entardecer, essas duas
últimas serão (quanto à formação):
a. ( ) derivadas por sufixação e prefixação.
b. ( ) derivadas por prefixação e
parassintetismo.
c. ( ) derivadas por prefixação e prefixação.
d. ( ) derivadas por sufixação e
parassintetismo.
50

27. (TAUBATÉ) Indique nas colunas à
direita o numeral correspondente aos
processo de formação das palavras da coluna
da esquerda. Escolha depois a alternativa que
apresenta a seqüência correta dos numerais:
1) peixe-espada ( ) composição por aglutinação
2) livraria ( ) composição por
justaposição
3) deter ( ) derivação parassintética
4) planalto ( ) derivação por sufixo
5 desalmado ( ) derivação por prefixo
a. ( ) 4, 5, 1, 3, 2
b. ( ) 4, 1, 5, 2, 3
c. ( ) 5, 1, 3, 2, 4
d. ( ) 2, 1, 3, 5, 4
e. ( ) 3, 2, 1, 4, 5

28. (UFG) Na frase “Ela tem um quê
misterioso.”, o processo de formação da
palavra sublinhada chama-se:
a. ( ) composição
b. ( ) aglutinação
c. ( ) justaposição
d. ( ) derivação imprópria
e. ( ) parassíntese

29. (UFSC) Aponte a alternativa cujas
palavras são respectivamente formadas por
justaposição, aglutinação e parassíntese:
a. ( ) penugem, plenilúnio, despedaçar
b. ( ) vaivém, pontiagudo, enfurecer
c. ( ) varapau, girassol, enfaixar
d. ( ) maldizer, petróleo, embora
30. (UFMG) Em: “O girassol da vida e o
passatempo do tempo que passa não brincam
nos lagos da lua” há respectivamente:
a. ( ) um elemento formado por aglutinação e
outro por justaposição.
b. ( ) um elemento formado por justaposição e
outro por aglutinação.
c. ( ) dois elementos formados por
justaposição.
d. ( ) dois elementos formados por aglutinação.

31. (ACAFE) A única alternativa que só tem
palavras formadas por parassíntese é:
a. ( ) indestrutível, envelhecido, destacado.
b. ( ) matacavalos, remoçar, inconfundível.
c. ( ) desalmado, emudecer, desmiolado.
d. ( ) namorar, incompreensível, gesticular.
e. ( ) descrente, ensurdecer, deslealdade.

32. (ESC. DE COM. ÁLVARES
PENTEADO) Considere o quadro abaixo:
I - derivação por prefixação
II - derivação por sufixação
III- composição por aglutinação
IV- derivação imprópria
V - parassíntese

Assinale a opção que indica corretamente o
processo de formação das palavras cinzento,
irregular, boquiaberto, acertar e alto:
a. ( ) I, II, III, IV, V
b. ( ) II, I, III, V, IV
c. ( ) V, III, IV, II, I
d. ( ) III, I, II, V, IV
e. ( ) II, V, IV, III, I

33. (VIÇOSA) Todas as relações entre a
palavra e seu processo de formação estão
corretas, exceto em:
a. ( ) pulseira: derivação sufixal
b. ( ) felizardo: derivação sufixal
c. ( ) subterrâneo: parassíntese
d. ( ) arco-íris: composto por justaposição
e. ( ) plenilúnio: derivação sufixal

34. (FFCL TUIUTI) A palavra endomingado
(=vestido com a melhor roupa) é formada
pelo processo de:
a. ( ) parassíntese
b. ( ) prefixação
c. ( ) aglutinação
d. ( ) hibridismo
e. ( ) n.r.a.

35. (VIÇOSA) Estão destacados abaixo os
elementos constituintes das palavras e
indicados os processos de formação. Assinale
a alternativa incorreta:
a. ( ) engordar = em + gord(o) + ar (derivação
prefixal)
b. ( ) prazerosamente = prazerosa + mente
(derivação sufixal)
c. ( ) planalto = plano + alto (composição por
aglutinação)
d. ( ) malmequer = mal + me + quer
( composição por justaposição)
e. ( ) automóvel = auto(grego) + móvel(latino)
(hibridismo)

36. (UFSC) Assinale com V as
correspondências verdadeiras e F as falsas:
( ) maluquice – derivação prefixal e sufixal
( ) ensalmouradas – composição por
aglutinação
( ) extra – derivação regressiva
( ) o porquê – derivação imprópria
( ) subterrâneo – derivação parassintética
( ) desencaminhar – derivação sufixal
( ) vaivém – composição por justaposição
( ) ingrato – redução
( ) monocultura – hibridismo
A seqüência correta das letras, de cima para
baixo, é:
a. ( ) F, F, F, V, V, F, V, F, V
b. ( ) V, V, F, V, F, F, V, F, V
c. ( ) V, F, V, F, F, V, F, V, F
51
d. ( ) F, F, V, V, V, F, F, F, F
e. ( ) V, V, V, F, F, V, V, V, F

37. (FUVEST) Assinale a alternativa em que
uma das palavras não é formada por
prefixação:
a. ( ) readquirir, predestinado, propor
b. ( ) irregular, amoral, demover
c. ( ) remeter, conter, antegozar
d. ( ) irrestrito, antípoda, prever
e. ( ) dever, deter, antever

38. (CONCURSO MAGISTÉRIO RJ) Na
forma verbal perguntou, a letra o:
a. ( ) faz parte do radical do verbo
b. ( ) não faz parte do tema verbal
c. ( ) representa o sufixo modo-temporal
d. ( ) é parte da desinência número-pessoal
e. ( ) é a vogal temática a modificada

39. (E.S.UBERABA-MG) Todos os verbos
seguinte são formados por parassíntese,
exceto:
a. ( ) endireitar
b. ( ) adormentar
c. ( ) enlouquecer
d. ( ) desvalorizar

40. (FUFPI-94) Na forma verbal reconhece:
a. ( ) a vogal temática e aparece em todas as
pessoas gramaticais.
b. ( ) a desinência número-pessoal da primeira
pessoa do singular é idêntica à da terceira.
c. ( ) a desinência número-pessoal da segunda
pessoa é s.
d. ( ) a vogal temática e a desinência modo-
temporal são ausentes em todas as pessoas
gramaticais.
e. ( ) a desinência modo-temporal é ausente em
todas as pessoas gramaticais.










GABARITO
Estrutura e Processos de Formação das Palavras



01 - A 02 - C 03 - D 04 - D

Exercícios

01 – c 17 – c 32 – b
02 – a 18 – a 33 – e
03 – e, b, a, c, d, d, a, b, c 19 – d 34 – a
04 – b, c, a, e, d 20 – e 35 – a
05 – a 21 – a 36 – a
06 – c 22 – e 37 – e
07 – c 23 – b 38 – e
08 – a 24 – b 39 – d
09 – a 25 – d 40 – e
10 – e 26 – d
11 – b 27 – b
12 – c 28 – d
13 – a 29 – d
14 – c 30 – c
15 – d 31 - c
16 – prefixal, sufixal, sufixal,
parassíntese,
parassíntese




52











SUBSTANTIVO

A- EXERCÍCIOS

1. Dê o feminino de:
a. conde:................................................
b. czar:...................................................
c. diabo:.................................................
d. embaixador:.......................................
e. cônego:..............................................
f. eleitor:................................................
g. felá:...................................................
h. zangão:..............................................
i. servente:.............................................

2. Siga o modelo:
a. O aldeão chegou.
Chegaram o aldeão e a aldeã.
b. O poeta declamou.
...............................................................
c. O réu levantou-se.
................................................................
d. O profeta rezava.
...............................................................
e. O sacerdote mantinha-se.
...............................................................

3. Complete a lacuna:
a. O herói e a .............................. beijaram-se no
escuro.
b. O cavalheiro e a .......................... hospedaram
o ............................... e a amazona.
c. Também posso chamar a ............................ de
cavaleira.

4. Siga o modelo: camelo – camela.
a. espião ............................................
b. monge ...........................................
c. parente ..........................................
d. juiz ...............................................
e. barão ............................................
f. pianista .........................................
g. intérprete ......................................
h. selvagem .....................................
i. ateu ...............................................
j. ator ...............................................

5. Siga o modelo: Se vi um cidadão, também
vi uma cidadã.
a. Quando vi o leão, também vi a ......................
b. O hortelão e a ................................ trabalham.
c. Ele se diz valentão; ela, porém, ......................
d. Encontrei o tabelião com a .............................
e. Quando despachou o cliente, entrou a
.....................................
f. Se há alfaiate, há também ...............................
g. O hóspede saiu e a ........................... voltou.
h. Ele é meu parente; ela, minha ........................
i. O feminino de oficial é ...................................
j. O feminino de juiz é .......................................
k. o feminino de bispo é ....................................
l. O feminino de visconde é ..............................
m.O feminino de cônsul é ..................................

6. No texto que segue, classifique os
substantivos destacados de acordo com o
código:
a. substantivo próprio
b. substantivo comum, concreto
c. substantivo comum, abstrato
“A Rita matou nosso amor
De vingança, nem herança deixou
Não levou um tostão
Porque não tinha não
Mas causou perdas e danos.”
(Chico Buarque de Holanda)

1. Rita ( ) 4. tostão ( )
2. amor ( ) 5. perdas ( )
3. vingança ( ) 6. danos ( )

7. Forme substantivos abstratos por
sufixação, de acordo com os modelos:
belo – beleza
abolir – abolição

1. menino ......................................
2. magro .......................................
3. covarde .....................................
4. amargo ......................................
5. moleque .....................................
6. matar .........................................
7. julgar .........................................
8. reter ...........................................

53
8. Sublinhe o(s) substantivo(s) coletivo(s) que
ocorre(m) nas frases e indique o(s) ser(es) a
que ele(s) se refere(m):
a. “A frota britânica zarpou domingo da ilha de
Ascensão, no Atlântico Sul (...)”
(Folha de São Paulo)
.............................................................................
b. “Desmantelada quadrilha que assaltava
coreanos.”
(Diário Popular)
.............................................................................
c. “O museu possui o acervo mais completo da
arte brasileira do século XIX.”
(Jornal do Brasil)
.............................................................................
d. “A mudança mais importante do gabinete foi
a nomeação do Ministro das Finanças (...)”
(Gazeta do Povo)
.............................................................................

9. Permute o substantivo destacado pelo
coletivo correspondente, fazendo as
adaptações necessárias:
a. A presença de búfalos nas ruas centrais
causou espanto.
.............................................................................
b. A comissão técnica ainda não revelou os
jogadores escalados para a próxima Copa.
.............................................................................
c. Os cachorros da casa saudaram o assaltante
com mordidas fatais.
.............................................................................
d. Não se justifica a criação de abelhas em
caixotes impróprios.
.............................................................................


B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (MAUÁ) Dê o substantivo correspondente
a:
a. agredir: ...........................................................
b. divergir: .........................................................

2. (FUVEST) Passe para o feminino:
a. O monge tentou convencer o ateu.
.............................................................................
b. O vice-cônsul manteve entendimentos com o
visconde.
.............................................................................

3. (FEI) Reescreva as frases no feminino:
a. O abade, o frei e o frade reuniram-se no
convento.
.............................................................................
b. Aquele grã-fino sempre foi um ótimo
anfitrião.
.............................................................................
c. O embaixador acaba de ser recebido pelo
czar.
.............................................................................

4. (CEFET) Passe para o feminino:
a. Ele é um trabalhador, sempre foi um homem
trabalhador.
.............................................................................


C- TESTES

1. (PIRACICABA) Classificam-se como
substantivos as palavras destacadas, exceto:
a. ( ) “... o idiota com quem os moleques
mexem...”
b. ( ) “... visava a me acostumar à morna
tirania”.
c. ( ) “Adeus, volto para meus caminhos.”
d. ( ) “... conheço até alguns automóveis...”
e. ( ) “... todas essas coisas se apagarão em
lembranças...”

2. (CESCEM) A questão abaixo diz respeito
ao seguinte trecho:
“Aurélia a princípio entregara-se ao encanto
daquela noite brasileira,que lhe parecia um
sonho de sua alma no azul diáfano do céu.”
(José de Alencar)
Aurélia é um substantivo:
a. ( ) concreto
b. ( ) abstrato
c. ( ) coletivo
d. ( ) próprio
e. ( ) comum

3. (UF-JUIZ DE FORA) Assinale a
alternativa onde ocorrem substantivos
simples, respectivamente, concreto e
abstrato:
a. ( ) água – vinho
b. ( ) Pedro – Jesus
c. ( ) Pilatos – verdade
d. ( ) Jesus – abaixo-assinado
e. ( ) Nova Iorque – Deus

4. (MED. TAUBATÉ) Assinale a alternativa
em que não há relação entre as duas colunas
quanto à classificação dos substantivos:
a. ( ) madeira – concreto
b. ( ) árvore – concreto
c. ( ) maravilhas – abstrato
d. ( ) ramalhete – abstrato
e. ( ) ramos – concreto

5. (TAUBATÉ) Indique a correspondência de
colunas, respectivamente, dos seguintes
substantivos coletivos:
1. feixe, ramalhete ( ) lenha, flores
2. vara, malhada ( ) bananas, cebolas
3. herbário, hinário ( ) cães, cavalos
4. penca, réstia ( ) porcos, ovelhas
5. matilha, manada ( ) plantas, hinos

54
a. ( ) 3, 4, 5, 2, 1
b. ( ) 4, 3, 5, 1, 2
c. ( ) 1, 4, 5, 2, 3
d. ( ) 1, 4, 2, 5, 3
e. ( ) 1, 5, 3, 2, 5

6. (CTA) Cáfila, matilha, alcatéia, manada
são coletivos, respectivamente, de:
a. ( ) camelos, cães, lobos, cavalos
b. ( ) insetos, cabras, lobos, cavalos
c. ( ) moscas, carneiros, lobos, bois
d. ( ) gafanhotos, cães, ladrões, bois
e. ( ) n.d.a

7. (MACK) Assinale a alternativa incorreta
quanto à classificação dos substantivos:
a. ( ) modificação é substantivo abstrato.
b. ( ) moradia é substantivo concreto.
c. ( ) comezinho é substantivo concreto.
d. ( ) atenção é substantivo abstrato.
e. ( ) abusão é substantivo abstrato.

8. (UFPR) “Depois, Iracema quebrou a flecha
homicida, deu a haste ao desconhecido,
guardando consigo a ponta farpada.” (José
de Alencar)
Em qual das alternativas todas as palavras,
tiradas do texto acima, são substantivos?
a. ( ) Iracema, farpada, consigo, ponta, flecha.
b. ( ) ponta, Iracema, desconhecido, flecha,
haste.
c. ( ) homicida, farpada, deu, ponta, Iracema.
d. ( ) desconhecido, depois, Iracema, flecha,
ponta.
e. ( ) flecha, consigo, guardando, Iracema,
quebrou.

9. A questão abaixo diz respeito ao seguinte
trecho; “Aurélia a princípio entregara-se ao
encanto daquela noite brasileira, que lhe
parecia um sonho de sua alma no azul
diáfano do céu.” (José de Alencar)
sonho é substantivo:
a. ( ) concreto
b. ( ) abstrato
c. ( ) coletivo
d. ( ) próprio
e. ( ) comum

10. (ESAN) Elenco, malta, legião, feixe são,
respectivamente, coletivos de:
a. ( ) assuntos, padres, anjos, lápis.
b. ( ) atores, desordeiros, heróis, capim.
c. ( ) atores, leite, cutias, lenha.
d. ( ) soldados, malandros, santos, capim.
e. ( ) n.d.a

11. (CEFET) Galeria, fauna, molho, réstia e
década são coletivos de:
a. ( ) quadros, animais de uma região,
ferramentas, couve, 10 anos.
b. ( ) estátuas, plantas de uma região, capim,
alhos, 10 dias.
c. ( ) quadros, plantas de uma região, chaves,
raízes, 10 anos.
d. ( ) estátuas, animais de uma região, chaves,
alhos, 10 anos.
e. ( ) quadros, animais de uma região, chaves,
alhos, 10 dias.

12. Assinale a(s) alternativa(s) que
apresenta(m) a seqüência correta de coletivos
referentes, respectivamente, a desordeiros,
quadros e navios:
1. ( ) súcia, galeria, frota
2. ( ) malta, pinacoteca, esquadra
4. ( ) corja, hemeroteca, flotilha
8. ( ) matula, galeria, esquadrilha
16.( ) caterva, carrada, esquadra
32.( ) elenco, pinacoteca, frota

13. Estão corretos os femininos:
1. ( ) bacharel/bacharela; garçom/garçonete
2. ( ) felá/felaína; cônsul/consulesa
4. ( ) sultão/sultã; ateu/atéia
8. ( ) aprendiz/aprendiza; anfitrião/anfitrioa
16.( ) abade/abadessa; bispo/bispa
32.( ) ilhéu/ilhéia; hóspede/hóspeda
64.( ) píton/pitonisa; peão/peã

14. Idem ao anterior:
1. ( ) padrinho/padrinha; genro/nora
2. ( ) cavaleiro/dama; zangão/abelha
4. ( ) cavalheiro/amazona; maestro/maestrina
8. ( ) marajá/marajoara; judeu/judia
16.( ) perdigão/perdigona; pierrô/pierrete
32.( ) capiau/capioa; estudante/estudanta

15. Assinale a(s) alternativa(s) que
apresenta(m), respectivamente, substantivos
masculino, feminino, masculino:
1. ( ) telefonema, cataplasma, plasma
2. ( ) dó, tribo, comichão
4. ( ) xérox, alface, eclipse
8. ( ) pijama, fruta-pão, formicida
16.( ) tapa, soja, orbe
32.( ) coma, hélice, clã
64.( ) grei, púbis, cãs


D- EXERCÍCIOS

1. Escreva o(s) plural(ais) dos substantivos:
peão...............................................
guardião.........................................
órgão.............................................
corrimão........................................
sótão..............................................
obus...............................................
55
cônsul............................................
assessor.........................................
raiz................................................
tórax..............................................
lápis...............................................
pomar............................................
dez.................................................
cânon.............................................
gérmen..........................................
totem.............................................
corcel............................................
fóssil.............................................
réptil.............................................
esmeril..........................................
paiol..............................................
caráter...........................................
estupidez.......................................
hambúrguer...................................
Júpiter...........................................
sênior.............................................
júnior............................................
arroz.............................................
geografia......................................
hífen.............................................

2. Aponte o plural:
1. obra-prima.......................................
2. arroz-doce........................................
3. fruta-pão..........................................
4. bota-fora..........................................
5. amor-perfeito..................................
6. guarda-costas..................................
7. mal-de-fígado.................................
8. tique-taque.......................................
9. guarda-comida.................................
10. guarda-pó........................................
11. guarda-sol........................................
12. guarda-civil.....................................
13. água-furtada.....................................
14. ferro-de-engomar..............................
15. abelha-mestra....................................
16. pára-quedas.......................................
17. mata-borrão......................................
18. pôr-do-sol.........................................
19. ave-maria.........................................
20. cavalo-vapor....................................
21. sempre-viva.....................................
22. xeque-mate......................................
23. decreto-lei.......................................
24. guarda-vida.....................................
25. reco-reco..........................................
26. grão-de-bico....................................
27. grão-vizir.........................................
28. grã-duquesa.....................................
29. vice-cônsul......................................
30. chefe-de-seção................................
31. saia-balão.........................................
32. pára-choque....................................
33. pombo-correio.................................
34. arco-íris...........................................
35. mapa-múndi....................................
36. joão-ninguém..................................
37. auto-rádio........................................
38. auto-escola......................................
39. salve-rainha.....................................
40. pai-nosso..........................................


E- QUESTÕES DISCURSIVAS


1. (CEFET) Siga o modelo:
Não chegou apenas um padrinho: vieram dois
padrinhos. Não chegou apenas um cônsul,
vieram dois .......................................

2. (FAAP) Empregue no plural as palavras
indicadas entre parênteses:
Os ................. (escrivão) providenciaram as
.............................(pública-forma) dos
documentos pedidos.

3. (FEI) Empregue na lacuna o diminutivo
plural de balão:
“Na feira-livre do arrabaldezinho, um homem
loquaz apregoa .................... de cor (...)” (Manuel
Bandeira)

4. (FEI) Coloque no plural os versos da
questão anterior:
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

5. (FUVEST) Indique o plural dos
substantivos destacados: “Opõe o peito
magro ao pára-choque do ônibus.” (Dalton
Trevisan)

“O amor-perfeito, traindo
A sempre-viva, morrendo
E a rosa, cheirando mal.” (Chico Buarque)

“Até o próprio velho tenente-coronel já lhe tinha
ido pessoalmente falar (...)
(Manuel A. de Almeida)

pára-choque..................................................
amor-perfeito................................................
sempre-viva..................................................
tenente-coronel............................................

6. (CEFET) Coloque no plural os elementos
destacados:
“(...) começava o corre-corre, pega-pega, arreia-
arreia, aos gritos benditos de confusão.”
(Guimarães Rosa)

corre-corre......................................................
pega-pega.......................................................
arreia-arreia....................................................
56

7. (FAAP) Dê o plural dos termos destacados:
a. “O mestre-de-cerimônia era um padre de
meia idade.” (Manuel de A. Bandeira)
........................................................................
b. “No labirinto urbano persegue a morte com o
trim-trim da campainha.”
(Dalton Trevisan)
.......................................................................
c. “O que me encantava eram aqueles modos de
garota estabanada..., o glu-glu da espuma...”
(Graciliano Ramos)
........................................................................

8. (FUVEST) Dê o singular de reses e o plural
de rol:
........................................................................







F- TESTES


1. (UFAM) Desejava transformar os ...............
em .................... do céu.
a. ( ) pagões/cidadões
b. ( ) pagãos/cidadões
c. ( ) pagões/cidadãos
d. ( ) pagãos/cidadãos

2. (FMU) Os plurais álcoois, caracteres e
anãos, respectivamente de álcool, caráter e
anão, são:
a. ( ) todos corretos
b. ( ) todos incorretos
c. ( ) corretos os dois últimos
d. ( ) incorretos os dois últimos
e. ( ) corretos o primeiro e o último

3. (AMAN) Indique a opção que apresenta
erro na forma do plural:
a. ( ) sol/sóis; fusível/fusíveis; anão/anões.
b. ( ) peão/peões; guardião/guardiões;
caráter/caracteres.
c. ( ) órgão/órgãos; corrimão/corrimãos;
mel/méis.
d. ( ) sótão/sótãos; álcool/álcoois;
cônsul/cônsules.
e. ( 0 faisão/faisães; anil/anis; capitão/capitães.

4. (FAC.LUÍS MENEGHEL) Identifique o
substantivo que só se usa no plural:
a. ( ) lápis
b. ( ) pires
c. ( ) tênis
d. ( ) ônibus
e. ( ) idos

5. (FCH-OLINDA) Observe:
1. Alguns cidadãos ajudaram o governo a
dissolver os males daquela cidade.
2. Enquanto a gurizada soltava balãozinhos, os
anciãos admiravam as nuvenzinhas.
3. Os cirurgiões tiveram que seccionar os tórax
dos animaizinhos.
4. Através de fósseis, encontrados em regiões
ocidentais, pesquisas arqueológicas confirmam
a existência, no passado, de grandes reptis.

Quanto a flexão de número, dentre os
períodos acima, estão corretos:
a. ( ) todos
b. ( ) nenhum
c. ( ) 1, 3 e 4
d. ( ) 1, 2 e 4
e. ( ) 1, 2 e 3




6. (UF-VIÇOSA) O plural dos nomes
compostos está correto em todas as
alternativas, exceto:
a. ( ) Ele gosta de amores-perfeitos e cultiva-
os.
b. ( ) Os vice-diretores reunir-se-ão na próxima
semana.
c. ( ) As aulas serão dadas às segundas-feiras.
d. ( ) Há muitos beijas-flores no meu quintal.
e. ( ) A moda está voltando às saias-balão.

7. (UF-UBERLÂNDIA) Qual dos seguintes
nomes composto abaixo não está com seu
respectivo plural correto?
a. ( ) os vice-diretores
b. ( ) os grão-duques
c. ( ) os pontapés
d. ( ) os pé-de-moleques
e. ( ) os leva-e-traz

8. Assinale a alternativa em que as formas do
plural de todos os substantivos se apresentam
de maneira correta:
a. ( ) alto-falantes, coraçãozinhos, afazeres,
víveres
b. ( ) espadas, frutas-pão, pé-de-moleques,
peixe-bois
c. ( ) vai-volta, animaizinhos, beija-flores,
salvo-condutos
d. ( ) animalzinhos, vai-voltas, vai-vens,
salvos-condutos

9. (UMC-MOJI) Indique o vocábulo que
muda de sentido no plural:
a. ( ) fóssil
b. ( ) féria
c. ( ) réptil
57
d. ( ) cânon
e. ( ) broto

10. Assinale a opção em que todos os
substantivos, quando no plural, apresentam
mudança de timbre da vogal tônica,
conforme acontece com o povo (ô) povos (ó):
a. ( ) tijolo, piloto, adorno
b. ( ) ovo, pescoço, olho
c. ( ) globo, posto, bolo
d. ( ) esforço, imposto, jogo
e. ( ) osso, cachorro, transtorno

11. (UFPR) Marque a alternativa formada de
vocábulos compostos cujo último elemento é
o único a flexionar-se:
a. ( ) saca-rolha, surdo-mudo, azul-escuro
b. ( ) guarda-florestal, pára-raio, abaixo-
assinado
c. ( ) beija-flor, segunda-feira, todo-poderoso
d. ( ) guarda-civil, pró-reitor, agro-pastoril
e. ( ) guarda-roupa, anglo-americano, verde-
claro

12. (MACK) Aponte a alternativa em que a
forma esteja errada para indicar o plural:
a. ( ) obras-primas, pés-de-moleque, amarelo-
canários
b. ( ) porta-bandeiras, salários-família,
animaizinhos
c. ( ) abaixo-assinados, louva-a-deus, frutas-
pão
d. ( ) sempre-vivas, luso-brasileiras, grãos-de-
bico
e. ( ) n.d.a

13. Assinale a(s) alternativa(s) que
apresenta(m) todos os substantivos
corretamente flexionados:
1. guarda-pós, canetas-tinteiro, altares-mores
2. abaixo-assinados, caça-níqueis, bicos-de-
lacres
4. papéis-moeda, bananas-maçã, altos-relevos
8. chefes-de-seção, guardas-marinha, tique-
taques
16. segundas-feiras, guardas-marinhas, arranha-
céus
32. guarda-florestais, peixes-boi, pés-de-
moleque
64. mulas-sem-cabeças, pontapés, guardas-
noturnos

14. Idem ao anterior:
1. padres-nossos, ave-marias, tenentes-
coronéis
2. relógios-pulseiras, mestres-salas, cães-de-
filas
4. salvos-conduto, pombos-correio, contra-
ordens
8. malmequeres, amores-perfeitos, cafés-
concerto
16. vices-almirantes, os tira-teimas, arranha-
céus
32. piscas-piscas, guarda-chuvas, grãos-mestres
64. os pisa-mansinhos, águas-marinhas, cartas-
bilhetes

15. Marque a(s) alternativa(s) verdadeira(s):
1. Ancião, girassol, abaixo-assinado e salário-
família fazem, respectivamente, o plural de
anciãos, girassóis, abaixo-assinados e salários-
família.
2. As palavras sentinela, estudante,
personagem, capitalista e doente têm a mesma
forma para o masculino e o feminino.
4. Os substantivos aldeão, sultão, vilão,
corrimão e anão apresentam mais de uma forma
para o plural.
8. Os substantivos adeus, obus, cós, vírus e
ananás são invariáveis quanto à flexão de
número.
16. Nos substantivos caráter, sênior, júnior e
Júpiter ocorre hiperbibasmo na formação do
plural, ou seja, há deslocamento da sílaba
tônica.
32. Apresentam mais de uma forma para o
plural os substantivos aval, fel, mel e totem.
64. Estão corretos os plurais de paisinhos,
cânones, íons e cônsules.

16. (ITA) Assinale a alternativa em que nem
todas as palavras estão corretamente
flexionadas:
a. ( ) fogões-a-gás, os pisa-mansinho,
lobisomens.
b. ( ) tenentes-coronéis, quintas-feiras, sempre-
vivas.
c. ( ) abaixos-assinados, altares-mor, capitães-
aviadores.
d. ( ) os bem-me-queres, amores-perfeitos,
quero-queros.
e. ( ) olhos castanho-claros, gravatas amarelo-
abóbada, técnicas sino-luso-afro-brasileiras.

G- EXERCÍCIOS

1. Indique o gênero, antepondo o artigo o ou
a:
a. ...... alface
b. ...... análise
c. ...... apendicite
d. ...... cal
e. ...... hampanha
f. ...... cronista
g. ...... diadema
h. ...... eclipse
i. ...... elipse
j. ...... estratagema
l. ...... estudante
58
m. .....faringe
n. ...... guaraná
o. ...... laringe
p. ...... comichão
q. ...... dó
r. ...... telefonema
s. ...... omoplata
t. ...... lança-perfume
u. ...... aluvião
v. ...... bacanal
x. ...... sabiá
y. ...... sósia
z. ...... contralto

2. Dê o significado de:
A capital ....................................................
O cabeça ...................................................
O língua ....................................................
O moral .....................................................
O lotação ...................................................
O rádio .......................................................
O lente .......................................................
O águia ......................................................

3. Associe letra e número, de acordo com o
código que segue:
a. comum-de-dois
b. epiceno
c. sobrecomum
1. ( ) o carrasco
2. ( ) a cobra
3. ( ) a vítima
4. ( ) a herege
5. ( ) o selvagem
6. ( ) a tainha
7. ( ) a criança
8. ( ) o artista
9. ( ) a pessoa
10.( ) o cônjuge
11.( ) o consorte
12.( ) o mártir
13.( ) a onça
14.( ) a avestruz

4. Os substantivos que seguem são
heterônimos. Aponte a forma feminina:
carneiro ..........................................................
cavaleiro ........................................................
cavalheiro ......................................................
compadre ......................................................

5. Novamente, indique o gênero, antepondo
os artigos o ou a:
.......... lança-perfume
.......... anátema
.......... estratagema
.......... ferrugem
.......... nauta
.......... plasma
.......... bílis
.......... cal
.......... dó (compaixão)
.......... champanha
..........chaminé
.......... ágape
.......... libido
.......... cãs
.......... soja
.......... personagem
.......... cataplasma
.......... bólide
.......... apendicite
.......... faringe
.......... laringe
.......... omoplata
.......... eclipse
.......... dinamite
.......... apêndice
.......... matinê
.......... suéter
.......... estigma
.......... xérox
.......... alface

6. Indique o feminino de:
a. juiz .......................................................
b. ator ......................................................
c. autor ....................................................
d. monge .................................................
e. burro .....................................................
f. javali .....................................................
g. herói ....................................................
h. solteirão ..............................................
i. compadre .............................................
j. cavalheiro ............................................
l. genro ...................................................
m.padre ..................................................
n. elefante ..............................................
o. presidente ...........................................
p. sultão ..................................................
q. ladrão .................................................
r. frei ......................................................
s. czar .....................................................
t. diácono ...............................................
u. oficial ................................................
v. pavão .................................................
x. poeta .................................................
z. visconde ............................................


H- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST) Complete os espaços em branco
com o ou a, conforme o gênero do substantivo
destacado:
a. Desta vez .......... eclipse da Lua será apenas
parcial.
b. Uma gorjeta, e o empregado lhe conseguiu
.......... champanha.
59
c. .......... sentinela sofria nas mãos de seu
capitão.
d. Apesar da ameaça, não explodiram ..........
dinamite.
e. É possível que se libere .......... lança-
perfume para o próximo carnaval.

2. (FEI) O feminino de capiau, pierrô,
hebreu, judeu, marajá é, respectivamente:
.............................................................................
.............................................................................

3. O texto abaixo foi extraído de um conto de
Rubem Fonseca:
“(...) pouco tempo depois a campainha tocou
novamente; era a polícia. Abri a porta e o
polícia me deu uma intimação para depor na
segunda-feira (...)”
Descreva a diferença de significado que a
variação de gênero determina nos
substantivos destacados:
Respostas:
a. a polícia:
.............................................................................
b. o polícia:
.............................................................................

4. (CEFET) Complete com o artigo
adequado: O ou A:
..(1).. CHAMPANHE já mostrava seus efeitos
sobre ..(2).. CURA da aldeia. Em sua longa
exposição, falava ora da invenção d..(3)..
DINAMITE, ora d..(4).. CISMA havido por
ocasião da revolta de Lutero, sem se dar conta
da confusão de suas idéias e do tédio que
provocava nos demais convidados.
(1) ...........
(2) ...........
(3) ...........
(4) ...........


I- TESTES

1. (FMU) Os substantivos cônjuge, consorte e
criança, quanto ao gênero são:
a. ( ) sobrecomum os dois primeiros, e comum-
de-dois o último.
b. ( ) comuns-de-dois o primeiro e o segundo, e
sobrecomum o último.
c. ( ) sobrecomum o primeiro, e comum-de-
dois o segundo e o último.
d. ( ) sobrecomuns o primeiro e o último, e
comum-de-dois o segundo.
e. ( ) todos comuns-de-dois.

2. (PUC-SP) Assinale a alternativa incorreta:
a. ( ) Borboleta é substantivo epiceno.
b. ( ) Rival é comum de dois gêneros.
c. ( ) Omoplata é substantivo masculino.
d. ( ) Vítima é substantivo sobrecomum.
e. ( ) n.d.a.

3. (UFAC) Assinale a opção correta:
a. ( ) diabo: substantivo próprio
b. ( ) o algoz: substantivo próprio
c. ( ) o cônjuge: substantivo comum de dois
gêneros
d. ( ) a águia: substantivo epiceno
e. ( ) democrata: substantivo sobrecomum

4. ( FGV) Assinale o item em que houve troca
de sentido dos substantivos:
a. ( ) o cisma = a desconfiança
a cisma = a separação
b. ( ) o crisma = o óleo santo
a crisma = cerimônia religiosa
c. ( ) o moral = a coragem
a moral = a ética
d. ( ) o grama = a unidade de massa
a grama = a relva
e. ( ) o lenho = o tronco
a lenha = a madeira para queimar

5. (MACK) Assinale a alternativa correta
quanto ao gênero das palavras:
a. ( ) A lança-perfume foi proibida no carnaval.
b. ( ) Os observadores terrestres esperavam
atentos a eclipse da Lua.
c. ( ) A gengibre é uma erva de grande
utilidade medicinal.
d. ( ) A dinamite é um explosivo à base de
nitroglicerina.
e. ( ) Não sei.

6. ( FESP) Assinale a alternativa cujos
artigos correspondam ao gênero de cada
substantivo:
guaraná/comichão/dó/cataplasma
a. ( ) o, o, o, a
b. ( ) a, o, a, o
c. ( ) a, o, a, a
d. ( ) o, a, o, a
e. ( ) n.d.a.

7. (CESGRANRIO) Assinale a série de nomes
masculino, feminino e masculino:
a. ( ) tribo, eclipse, tabu
b. ( ) telefonema, alvará, telefonada
c. ( ) bílis, rês, ágape
d. ( ) fibroma, poema, perdiz
e. ( ) anátema, cal, estratagema

8. (UFAC) Nas séries de palavras a seguir, há
uma em que todos os substantivos, apesar de
terminados em a, são masculinos:
a. ( ) banana, cura, poeta, profeta
b. ( ) profeta, omoplata, corneta, nauta
c. ( ) profeta, nauta, agiota, pirata
d. ( ) pampa, praça, cura, corneta
60
e. ( ) banana, cura, profeta, pirata

9. (Fundação Lusíada) Assinale a alternativa
que contém a exata classificação dos
substantivos pessoa, barata, lojista, abelha:
a. ( ) sobrecomum, epiceno, comum-de-dois,
heterônimo.
b. ( ) epiceno, comum-de-dois, heterônimo,
sobrecomum.
c. ( ) comum-de-dois, heterônimo,
sobrecomum, epiceno.
d. ( ) heterônimo, sobrecomum, comum-de-
dois, epiceno.
e. ( ) sobrecomum, heterônimo, epiceno,
comum-de-dois.

10. (Ponta Grossa) Indique a alternativa em
que todas as palavras são femininas:
a. ( ) cal, faringe, dó, alface, telefonema
b. ( ) omoplata, apendicite, cal, ferrugem
c. ( ) criança, cônjuge, champanha, dó, afã
d. ( ) cólera, agente, pianista, guaraná, vitrina
e. ( ) jacaré, ordenança, sofisma, análise, nauta

11. (UCP) Assinale a alternativa em que a
relação não é verdadeira:
a. ( ) O moral – ânimo
b. ( ) O grama – unidade de massa
c. ( ) O cisma – desconfiança
d. ( ) O cura – sacerdote
e. ( ) A crisma – sacramento

12. (UMC/MOJI) Indique a alternativa em
que há substantivo epiceno:
a. ( ) personagem
b. ( ) palmeira
c. ( ) galo
d. ( ) pianista
e. ( ) leoa

13. A(s) alternativa(s) que apresenta(m),
respectivamente, substantivos epicenos,
sobrecomuns e comuns-de-dois:
1. ( ) jacaré, testemunha, apóstolo
2. ( ) abelha, carrasco, mártir
4. ( ) porco, criança, pianista
8. ( ) onça, vítima, indígena
16.( ) leão, cônjuge, paciente
32.( ) tigre, monstro, consorte
64.( ) borboleta, rival, testemunha

14. A(s) alternativa(s) que apresenta(m)
todos os substantivos determinados
corretamente, quanto ao gênero:
1. ( ) o ágape, a alface, o alvará
2. ( ) a anátema, a aluvião, a apendicite
3. ( ) o aneurisma, a champanhe, a cal


J- EXERCÍCIOS

1. Qual o normal dos seguintes diminutivos?
1. álula .......................................................
2. capréola .................................................
3. barraquim ..............................................
4. barrilete ..................................................
5. caliça .....................................................
6. capuz .....................................................
7. semínula ................................................
8. cavalete .................................................
9. cintilho ..................................................
10. cordel ....................................................
11. corpúsculo .............................................
12. febrícula ................................................
13. flautim ...................................................
14. fogacho .................................................
15. galispo ..................................................
16. glóbulo .................................................
17. régulo ...................................................
18. flósculo .................................................
19. célula ....................................................
20. molécula ...............................................
21. homúnculo .............................................
22. opúsculo ................................................
23. película ..................................................
24. porciúncula ............................................
25. questiúncula ...........................................
26. rabicho ......................................................
27. cartilha ......................................................
28. veranico ....................................................
29. vermículo ..................................................
30. versículo ....................................................
31. vidrilho ......................................................
32. selim ..........................................................
33. viela ...........................................................
34. aselha .........................................................
35. nucléolo ......................................................
36. moçoila .......................................................
37. fórmula .......................................................
38. lobato ..........................................................
39. grânulo ........................................................
40. cavalicoque .................................................
41. saquitel .......................................................
42. corpúsculo ..................................................
43. animáculo ...................................................
44. radícula ......................................................

2. Qual o normal dos seguintes
aumentativos?
1. balanço ........................................................
2. carantonha ...................................................
3. barracão .......................................................
4. bocarra .........................................................
5. boqueirão .....................................................
6. cabeçalho ......................................................
7. canzarrão .....................................................
8. corpanzil ......................................................
9. fatacaz .........................................................
10. facalhaz .......................................................
11. fornalha .......................................................
61
12. fumaça ........................................................
13. galeão .........................................................
14. galera ..........................................................
15. pedinchão ...................................................
16. povaréu .......................................................
17. pratarraz ......................................................
18. beiçola ........................................................
19. vagalhão .....................................................
20. vozeirão ......................................................
21. balázio ........................................................
22. naviarra ......................................................
23. ladravaz ......................................................
24. cabeçorra ....................................................


L- TESTES

1. Substantivo no grau normal:
a. ( ) animalzinho
b. ( ) carinho
c. ( ) peixinho
d. ( ) cachorrinho

2. (FSJT) Assinale a relação correta na
formação do grau:
a. ( ) prata – pratarraz
b. ( ) copa – copázio
c. ( ) pele – película
d. ( ) raio – radícula
e. ( ) n.d.a.

3. (UCP) Observe os seguintes enunciados:
1. Aquele sim é que é um carrão.
2. O livreco que acabara de ler não o
convencera.
3. Você é “aplicadíssimo”: chega sempre no
final da aula.
4. Ela faz hoje cinco aninhos.
5. Limpou a casa todinha.

As palavras sublinhadas expressam
respectivamente:
a. ( ) elogio, desprezo, amizade, capricho,
ironia.
b. ( ) elogio, desprezo, ironia, carinho,
capricho.
c. ( ) elogio, elogio, ironia, desprezo, capricho.
d. ( ) capricho, elogio, ironia, desprezo,
capricho.
e. ( ) desprezo, ironia, ironia, carinho,
desprezo.

4. Esse doutorzinho não acerta um
diagnóstico sequer! O diminutivo de doutor
revela:
a. ( ) tamanho
b. ( ) intensidade
c. ( ) ironia
d. ( ) forma
e. ( ) n.d.a.

5. (MACK) Não há correspondência:
a. ( ) bico – bicanço
b. ( ) boca – bocarra
c. ( ) prata – pratázio
d. ( ) prato – pratalhão
e. ( ) moço – mocetão

6. (PUC/SP) Ao escrever a um amigo, você
lhe envia um “abração”.
“- Filhinho, vem com a mamãe.”
O aumentativo de abraço e o diminutivo de
filho denotam, respectivamente:
a. ( ) tamanho, tamanho
b. ( ) forma, afetividade
c. ( ) intensidade, forma
d. ( ) intensidade, afetividade
e. ( ) forma, forma

7. Há erro na correspondência entre
substantivo e seu diminutivo erudito:
a. ( ) radícula – raiz
b. ( ) álula – asa
c. ( ) aurícula – orelha
d. ( ) grânulo – grão
e. ( ) n.d.a.

8. Faça a correlação, observando a conotação
da palavra destacada:
(1) ironia
(2) carinho
(3) desprezo
(4) elogio

( ) Você é muito bonzinho, seu sabidão!
( ) Ele nos serviu um vinhozinho qualquer.
( ) Pedro sempre se revelou um amigão.
( ) Fernandinho é um menino serelepe.
( ) Esse povinho não tem muita coragem.
( ) Aquele espertalhão foi preso ontem.
a. 1, 3, 4, 2, 1, 3
b. 1, 3, 4, 2, 3, 1
c. 3, 1, 2, 4, 3, 1
d. 1, 1, 4, 2, 1, 3
e. 3, 1, 2, 4, 3, 1

9. Assinale a(s) alternativa(s) que só
contenha(m) diminutivos sintéticos:
1. ( ) O vagalhão destruiu o lajedo onde a
barcaça estava amarrada.
2. ( ) A nevasca atrapalhou o banquete
oferecido aos habitantes do lugarejo.
4. ( ) Com seu espadim, o rapazote cortou o
bastonete.
8. ( ) O canaz intimidava os habitantes da
aldeola com sua boquinha.
16.( ) O livreto trazia historietas sobre
namoricos de rapazolas com moçoilas.
32.( ) O pobre burrico puxava o carroção e o
poetastro.
62
64.( ) O fortim foi invadido por rapazotes com
saiotes e moçoilas que agitavam os braços como
álulas.

10. A(s) alternativa(s) que só apresenta(m)
aumentativos:
1. ( ) homenzarrão, pedregulho, muralha
2. ( ) banqueta, torreão, fortaleza
4. ( ) narigão, farolete, canzarrão
8. ( ) medicastro, estatuetas, cruzeiro
16. ( ) cruzeiro, palacete, balanço
32. ( ) poviléu, mulherona, cartapácio

11. As alternativas que apresentam o grau
normal correto dos substantivos:
1. ( ) catênula/cadeia; apícula/abelha;
gotícula/gota
2. ( ) moçoila/moço; ossículo/osso;
homúnculo/homem
4. ( ) piscículo/piscina; semínula/semente;
canutilho/canudo
8. ( ) fornalha/forno; fogaréu/fogo;
película/filme
16. ( ) mocetona/moça; fortaleza/forte;
cruzeiro/cruz


32. ( ) fatacaz/fatia; sacolão/saco;
vagonete/vagão










GABARITO - SUBSTANTIVO

A- EXERCÍCIOS

1. a) condessa
b) czarina
c) diaba/boa/bra
d) embaixadora/embaixatriz
e) canonisa/cônega
f) eleitora
g) felaína
h) abelha
i) serventa/a servente

2. b) Declamaram o poeta e a poetisa.
c) Levantaram-se o réu e a ré.
d) Rezavam o profeta e a profetisa.
e) Mantinham-se o sacerdote e a sacerdotisa.

3. a) heroína
b) dama, cavaleiro
c) amazona

4. espiã, monja, parenta/a parente, juíza, baro-
nesa, a pianista, a intérprete, a selvagem,
atéia, atriz.

5. leoa, horteloa, valentona, tabeliã/ao, clien-
te/a, alfaiata, hóspede/a, parente/a, oficiala,
juíza, episcopisa, viscondessa, consulesa.

6. a, c, c, b, c, c

7. meninice, magreza, covardia, amargura, mo-
lecagem, matança, julgamento, retenção.

8. a) frota - de navios de guerra
b) quadrilha - ladrões
c) acervo – de obras de arte
d) gabinete – de ministros

9. a) manada
b) equipe
c) cainçada/caterva
d) enxames/colméias/cortiços





B- DISCURSIVAS

1. agressão, divergência

2. a) monja, atéia
b) vice-consulesa, viscondessa

3. a) abadessa, sóror, freira
b) grã-fina, anfitriã/ao
c) embaixadora, czarina

63
4. trabalhadora, mulher trabalhadeira

C- TESTES
1. c 5. c 9. a 13. 75
2. d 6. a 10. b 14. 00
3. c 7. c 11. d 15. 61
4. d 8. b 12. 27

D- EXERCÍCIOS
I. peões/ães, guardiões/ães, órgãos, tótenes/totens, corcéis, fósseis, corrimãos/ões, sótãos, obuses,
cônsules, assessores, raízes, os tórax, os lápis, pomares, os dez, cânones, germens/gérmenes, réptis,
esmeris, paióis, caracteres, estupidezes, hambúrgueres, júpiteres, seniores, juniores, arrozes, Geografias, hífens,
ou hífenes.

II
1) obras-primas 11) guarda-sóis 21) sempre-vivas 31) saias-balão(balões)
2) arrozes-doces 12) guardas-civis 22) xeques-mate(s) 32) pára-choques
3) frutas-pão (pães) 13) águas-furtadas 23) decretos-leis 33) pombos-correio(s)
4) os bota-fora 14) ferros-de-engomar 24) guarda-vidas 34) os arco-íris
5) amores-perfeitos 15) abelhas-mestras 25) reco-recos 35) mapas-múndi
6) os guarda-costas 16) os pára-quedas 26) grãos-de-bico 36) joões-ninguém
7) males-de-fígado 17) mata-borrões 27)grão-vizires 37) auto-rádios
8) tique-taques 18) pores-do-sol 28) grã-duquesas 38) auto-escolas
9) guarda-comidas 19) avemarias 29) vice-cônsules 39) salve-rainhas
10)guarda-pós 20) cavalos-vapor 30) chefes-de-seção 40) pais-nossos

E- DISCURSIVAS
1) cônsules
2) escrivães, públicas-formas
3) balõezinhos
4) Nas feiras-livres dos arrebaldezinhos, uns homens loquazes apregoam balõezinhos de cor.
5) pára-choques, amores-perfeitos, sempre-vivas, tenentes-coronéis
6) corre(s)-corres, pega(s)-pegas, arreia-arreias
7) mestres-de-cerimônia, trim-trins, glu-glus
8) rês, róis

F- TESTES
1– d 5 – c 9 – b 13 – 31
2 – a 6 – d 10 – d 14 – 11
3 – b 7 – d 11 – c 15 – 55
4 – c 8 - c 12 – c 16 - c

G- EXERCÍCIOS
1.
a) a b) a c) a d) a e) o f) o/a g) o h) o i) a j) o l) o/a m) a
n) o o) o/a p) a q) o r) o s) a t) o u) a v) a x) o y) o z) o
3.
1) C 2) B 3) C 4) A 5) A 6) B 7) C
8) A 9) C 10) C 11) A 12) A 13) B 14) B
4.
ovelha, amazona/cavaleira, dama, comadre
5.
o lança-perfume a chaminé o/a laringe
o anátema o ágape a omoplata
o estratagema a libido o eclipse
a ferrugem as cãs a dinamite
o nauta a soja o apêndice
o plasma o/a personagem a matinê
a bílias a cataplasma o suéter
a cal a bólide o estigma
o dó (compaixão) a apendicite o/a xérox
o champanha a faringe a alface
6.
a) juíza n) elefanta
64
b) atriz o) presidenta
c) autora p) sultana
d) monja q) ladra
e) besta r) sóror
f) javalina s) czarina
g) heroína t) diaconisa
h) solteirona u) oficiala
i) comadre v) pavoa
j) dama x) poetisa
l) nora z) viscondessa
m) madre

H- DISCURSIVAS
1. a) o b) o c) a d) a e) o
2. capioa, pierrete, hebréia, judia marani
3. a) a polícia = a organização b) o polícia = o indivíduo, o policial
4. 1) o 2) o 3) a 4) o


I- TESTES
1 - d 4 - a 7 - e 10 - b 13 - 40
2 - c 5 - d 8 - c 11 - c 14 - 41
3 - d 6 - d 9 - a 12 - b

J- EXERCÍCIOS
1.
1) asa 11) corpo 21) homem 31) vidro 41) saco
2) cabra 12) febre 22) obra 32) sela 42) corpo
3) barraca 13) flauta 23) pele 33) via 43) animal
4) barril 14) fogo 24) porção 34) asa 44) raiz
5) cal 15) galo 25) questão 35) núcleo
6) capa 16) globo 26) rabo 36) moça
7) semente 17) rei 27) carta 37) forma
8) cavalo 18) flor 28) verão 38) bolo
9) cinto 19) cela 29) verme 39) grão
10) corda 20) mole 30) verso 40) cavalo
2.
1) bala 5) boca 9) fatia 13) galé 17) prato 21) bala
2) cara 6) cabeça 10) faca 14) galé 18) beiço 22) navio
3) barraca 7) cão 11) forno 15) pedinte 19) vaga 23) ladrão
4) boca 8) corpo 12) fumo 16) povo 20) voz 24) cabeça

L- TESTES
1 - b 2 - c 3 - b 4 - c 5 - c 6 - d 7 - e 8 - b 9 - 84 10- 01 11 - 17





















65












ADJETIVO


A- EXERCÍCIOS

1. Escreva no espaço em branco, o adjetivo
correspondente à locução destacada:
a) bênção de bispo.
........................................................................
b) problemas da cidade.
........................................................................
c) comida sem sabor.
........................................................................
d) pedra de fogo.
........................................................................
e) corpo sem sangue.
................................................................................
f) carreira sem freio.
................................................................................
g) funcionário sem aptidão.
................................................................................
h) afeição de irmão.
................................................................................
i) dentes de marfim.
................................................................................
j) nariz de águia.
................................................................................
l) essência de rato.
................................................................................
m) palavras da boca.
................................................................................
n) lábios de lebre.
................................................................................
o) cirurgia da maçã do rosto.
...............................................................................
p) objeto de madeira.
...............................................................................
q) água com enxofre.
...............................................................................
r) artesanatos em cobre.
...............................................................................
s) soldadinhos de chumbo.
...............................................................................
t) leite da mãe.
...............................................................................
u) atitudes próprias de pai.
...............................................................................

2. Complete os claros conforme a
conveniência:
a) Nasceu em Lima é ..........................................
b) Nasceu na Guatemala é ..................................
c) Nasceu em .................................... é malgaxe.
d) Nasceu em ................................... é capixaba.
e) Nasceu em ........................... ...... é catarineta.
f) Nasceu em Três Corações é ............................
g) Nasceu em ............................... é ludovicense.
h) Nasceu em ................................... é pequinês.
i) Nasceu em ............................ é soteropolitano.
j) Nasceu em ......................................... é asteca.
l) Nasceu em Pindamonhangaba é ......................
m) Nasceu em Londres é ....................................
n) Nasceu em ............................... é londrinense.
o) Nasceu em Brasília é ......................................
p) Nasceu em ................................... é portenho.
q) Nasceu em ................................. é paulistano.
r) Nasceu em ............................. é ulissiponense.
s) Nasceu em .................................. é goianense.
t) Nasceu em ............................. é hierosolimita.
u) Nasceu no Minho é ........................................
v) Nasceu no Acre é ............................................
x) Nasceu em ............................... é noronhense.
z) Nasceu no estado do Rio é ..............................

3. Flexione no plural:
1) guarda-chuva azul-marinho
...........................................................................
2) pára-quedas amarelo-claro
.............................................................................
3) saia azul-pavão
.............................................................................
4) conflito sino-russo-japonês
.............................................................................
5) vestido cor-de-rosa
.............................................................................
6) rapazinho mal-educado
.............................................................................
7) rei todo-poderoso
.............................................................................
8) o sem-vergonha do papagaio
.............................................................................
9) calça azul-escura
.............................................................................

4. Faça a concordância:
1) nuvem rox........-escur..........
2) reflexos furt........-cor..........
3) piteiras vermelh........-clar........
4) doenças psic........-somátic........
5) lentes côncav.......-convex........
6) guerra sino-russ........-japones........
7) capas amarel........-enxofre........
8) céus azu........-cinzent........
66
9) meninas surd........-mud........
10) alianças eur........-afr........-búlgar........
11) olhos verde........-mar........
12) olhos castanh........-esverdead........

5. Usando radicais latinos, substitua as
expressões em destaque por um adjetivo
correspondente:
a. carne de boi:
........................................................................
b. soldado de chumbo:
........................................................................
c. amor de irmão:
........................................................................
d. clima de inverno:
........................................................................
e. chuvas de verão:
........................................................................
f. navegação dos lagos:
..........................................................
g. testemunha de vista:
..........................................................
h. punição de lei:
..........................................................
i. atitudes de criança:
..........................................................
j. jornal da tarde:
..........................................................
l. voz de prata:
.........................................................
m. carta do bispo:
.........................................................



B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FEI) Siga o modelo:
Modificação da paisagem: modificação
paisagística.

a. água da chuva:
.......................................................................
b. exageros da paixão:
.......................................................................
c. atitudes de criança:
.......................................................................
d. soro contra veneno de serpente:
.......................................................................

2. (MAUÁ) Passe para o plural:
a. borboleta azul-clara:
......................................................................
b. borboleta cor de laranja:
.....................................................................

3. (CEFET) Indique, em cada caso, o
significado do adjetivo em destaque:
- Todos sabiam que era um homem pobre.
POBRE =
.......................................................................

- Tínhamos pena dele, pois era um pobre
homem.
POBRE =
.......................................................................

4. (FEI) Substitua a locução adjetiva grifada
pelo adjetivo correspondente:
- (Modelo: amor de mãe = amor materno).

a. Esta é uma pedra de fogo.
(.................................................................)
b. Recebi o título de cidadão de Três Corações.
(..................................................................)
c. Será divulgada hoje a mensagem do bispo.
(..................................................................)
d. Quando criança, brincava com soldadinhos de
chumbo.
(.................................................................)

5. (CEFET) Se o plural de livro é livros, os de
guardião e jaqueta cor-de-rosa serão:

.............................................................................


C- TESTES

1. (UFPR) Marque a alternativa formada de
vocábulos compostos cujo último elemento é
o único a flexionar-se:
a. ( ) saca-rolha, surdo-mudo, azul-escuro
b. ( ) guarda-florestal, pára-raio, abaixo-
assinado
c. ( ) beija-flor, segunda-feira, todo-poderoso
d. ( ) guarda-civil, pró-reitor, agro-pastoril
e. ( ) guarda-roupa, anglo-americano, verde-
claro

2. (CAXIAS) As colegiais usavam saias ..........
blusas ................., sapatos e meias ............
a. ( ) verde-musgo, rosas, pérola
b. ( ) verdes-musgo, rosa, pérolas
c. ( ) verde-musgo, rosa, pérola
d. ( ) verde-musgo, rosa, pérolas
e. ( ) verdes-musgo, rosas, pérolas

3. (MARINGÁ) Numere a segunda coluna de
acordo com a primeira, observando os vários
significados da preposição utilizada, e
assinale a alternativa que indica a seqüência
correta:

(1) Casa de Pedro ( ) Posse
(2) Piano de cauda ( ) Classificação
(3) Caixa de jóias ( ) Finalidade
(4) Copo de vidro ( ) Matéria
(5) Fatos da Irlanda ( ) Lugar
67

a. ( ) 5, 4, 2, 1, 3
b. ( ) 1, 2, 3, 4, 5
c. ( ) 5, 3, 2, 4, 1
d. ( ) 5, 3, 2, 1, 4
e. ( ) 1, 2, 4, 3, 5

4. (FET) Em que caso a palavra sublinhada
não tem valor de adjetivo?
a. ( ) Um branco, velho, pedia esmolas.
b. ( ) Um velho, branco, pedia esmolas.
c. ( ) Era um dia cinzento.
d. ( ) O sabão usado desbotou o verde da
camisa.
e. ( ) Os viajantes dormiam tranqüilos.


5. (FMU) Quanto ao gênero, os adjetivos
carioca, breve e só:
a. ( ) são todos comparativos.
b. ( ) são todos uniformes.
c. ( ) são uniformes os dois primeiros, e
biforme o último.
d. ( ) são todos relativos.
e. ( ) são todos uniformes, assim como o
adjetivo histórico.

6. (CTA) Assinale a alternativa que contém
uma locução adjetiva:
a. ( ) Esta é a torneira de água fria.
b. ( ) Ele é um homem corajoso.
c. ( ) Este quadro é muito feio.
d. ( ) A bicicleta dela é inglesa.
e. ( ) Achei um lápis azul.

7. (FEI) Corresponda o adjetivo com o seu
substantivo. Na alternativa a escolher, todos
os cinco pares devem estar corretos:
1. chinês A. episcopal
2. raposa B. argênteo
3. baço C. esplênico
4. bispo D. sínico
5. prata E. vulpino

a. ( ) 1-E, 2-A, 3-C, 4-D, 5-B
b. ( ) 1-D, 2-B, 3-E, 4-C, 5-A
c. ( ) 1-D, 2-E, 3-C, 4-A, 5-B
d. ( ) 1-B, 2-A, 3-E, 4-C, 5-D
e. ( ) 1-b, 2-E, 3-C, 4-A, 5-D

8. (UFPR) Em qual dos casos o primeiro
elemento do adjetivo composto não
corresponde ao substantivo entre parênteses?
a. ( ) Indo-europeu (Índia)
b. ( ) Ítalo-brasileiro (Itália)
c. ( ) Luso-brasileiro (Portugal)
d. ( ) Sino-árabe (Sião)
e. ( ) Anglo-americano (Inglaterra)

9. (CTA) As expressões cabelo castanho-
escuro e calça azul-marinho ficarão corretas
no plural:
a. ( ) cabelos castanho-escuros e calças azul-
marinho.
b. ( ) cabelos castanho-escuros e calças azul-
marinhos.
c. ( ) cabelos castanhos-escuros e calças azul-
marinho.
d. ( ) cabelos castanhos-escuros e calças azuis-
marinho.
e. ( ) n.d.a.



10. (UFPR) As frases abaixo deverão ter suas
lacunas preenchidas conforme o modelo:
A Lua não é constante: é inconstante.
Assim:
Apresentou uma redação sem mácula: uma
redação ..................................
Um argumento sem defesa: um argumento
................................................
Aquela casa não é habitada: é
....................................................................
Meu amigo não tem habilidade: é
....................................................................
O rapaz não foi escrupuloso: foi
....................................................................

Qual das alternativas abaixo contém as
palavras apropriadas?
a. ( ) imaculada; indefensível; inabitável;
inabilitado; desescrupuloso.
b. ( ) imaculável; indefensível; inabitável;
inabilitado; desescrupuloso.
c. ( ) imaculada; indefensível; inabitada; inábil;
desescrupuloso.
d. ( ) imaculável; indefensável; inabitável;
inábil; inescrupuloso.
e. ( ) imaculada; indefensável; inabitada;
inábil; inescrupuloso.

11. (CESGRANRIO) Assinale a opção em
que ambos os termos não admitem flexão de
gênero:
a. ( ) inglesa pálida.
b. ( ) jovem leitor.
c. ( ) alguns mestres.
d. ( ) semelhante criatura.
e. ( ) moça ideal.

12. (UFSC) Observe as proposições abaixo:
I - Poucos autores escrevem poemas herói-
cômicos.
II - Os cabelos castanhos-escuros
emolduravam-lhe o semblante juvenil.
III - Vestidos vermelhos e amarelo-laranja
foram os mais vendidos na exposição.
68
IV - As crianças surdo-mudas foram
encaminhadas à clínica para tratamento.
V - Discutiu-se muito a respeito de ciências
político-sociais na última assembléia dos
professores.
VI - As sociedades luso-brasileira adquiriam
novos livros de autores portugueses.

A opção que contém apenas períodos
corretos quanto à flexão de número dos
adjetivos é:
a. ( ) III, V, VI
b. ( ) I, III, V
c. ( ) II, IV, VI
d. ( ) III, IV, V
e. ( ) I, II, V

13. Assinale a(s) alternativa(s) em que todos
os adjetivos compostos estão flexionados
corretamente no plural:
1. ( ) problemas sócios-econômicos, conflitos
sino-sovíéticos.
2. ( ) tratados luso-brasileiros, blusas azuis-
marinho.
4. ( ) vestidos azul-celeste, crianças surdas-
mudas.
8. ( ) olhos cor-do-céu, olhos castanhos-
claros.
16. ( ) olhos verde, bolsas gelo.
32. ( ) faixas amarelo-laranja, meias verde-
musgo.
64. ( ) cachorrinhos recém-nascido, manchas
amarelo-sujo.

14. A(s) alternativa(s) correta(s) quanto à
locução adjetiva e o adjetivo correspondente:
1. ( ) de chuva - pluvial
de terra - terrestre
2. ( ) de prata - argênteo
sem piedade - impiedoso
4. ( ) de paixão - apaixonado
de gelo - glacial
8. ( ) de verão - veranal
de fogo - ígneo
16. ( ) de criança - pueril
da cor do céu – cerúleo
32. ( ) do céu - celeste
de chumbo - chúmbeo
64. ( ) de águia - aguinal
sem cheiro - inodoro

15. A(s) alternativa(s) que está(ão)
incorreta(s) quanto ao adjetivo gentílico:
1. ( ) Montevidéu - montevideano
natal - papa-jerimum
2. ( ) Londres - londrinense
Lisboa - ulissiponense
4. ( ) São Paulo (estado) - paulista
São Paulo (cidade) - paulistano
8. ( ) Rio de Janeiro (estado) - fluminense
Rio de Janeiro (cidade) - carioca
16. ( ) São Luís (MA) - ludovicense
Rio Grande do Norte - potiguar
32. ( ) Salvador - soteropolitano
El Salvador - salvadorense
64. ( ) Guatemala - guatemalco
Índia - hindu


D- EXERCÍCIOS

1. Diga o grau dos adjetivos:
a. Minha vida é importante.
.............................................................................
b. Minha vida é tão importante quanto a sua.
.............................................................................
c. Minha vida não é mais importante do que a
sua.
.............................................................................
d. Minha vida não é menos importante do que a
sua.
.............................................................................
e. Nossas vidas são verdadeiramente
importantes.
.............................................................................
f. Nossas vidas hão de ser extraordinariamente
úteis à Pátria.
.............................................................................
g. Tua vida é importantíssima, ó jovem.
.............................................................................
h. Naquele instante, a vida dela era a mais
importante de todas.
.............................................................................
i. Era o máximo, agradava a todos.
.............................................................................
j. A segunda resposta foi pior que a primeira.
.............................................................................

2. Qual o normal dos superlativos eruditos
abaixo?
1) voracíssimo
......................................................
2) amicíssimo
......................................................
3) velocíssimo
......................................................
4) vaníssimo
.......................................................
5) saníssimo
.......................................................
6) antiguíssimo
......................................................
7) atrocíssimo
.......................................................
8) audacíssimo
.......................................................
9) comuníssimo
.......................................................
10) notabilíssimo
......................................................
69

3. Escreva o superlativo absolutivo sintético
correspondente:
1) O líquido tinha um gosto ................... (acre).
2) Passamos uma tarde ..................(agradável).
3) Encontramos um senhor ............... (amável).
4) Prédio .......................................... (antigo).
5) Ditador ........................................ (cruel).
6) Torta ............................................ (doce).
7) Atitude ......................................... (eficaz).
8) Administrador .............................. (íntegro).
9) Moça ............................................ (magra).
10) Nuvem .......................................... (negra).
11) Castelo .......................................... (tétrico).
12) Imagem ........................................ (sagrada).
13) Palavra ......................................... (livre).
14) Atitudes ........................................ (simples).
15) Cão ............................................... (fiel).

4. Assinale as frases incorretas:
1. ( ) Pedro é mais bom do que Antônio.
2. ( ) Este livro é mais bom do que o outro.
3. ( ) Este menino é mais bom do que o mau.
4. ( ) Esta mansão é mais grande do que
aquela.
5. ( ) Esta mansão é mais grande do que
arejada.
6. ( ) Pedro é mais bom do que mau.
7. ( ) Maria é mais pequena do que Lúcia.
8. ( ) Maria é mais pequena do que magra.


E- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Siga o exemplo:
- Não chamo a torre de alta, mas de altíssima.
- Não considero sua atitude nobre, mas
..........................................

2. (FEI) Dê a forma erudita do superlativo
absoluto sintético dos adjetivos:
a. dócil: ....................................................
b. negro: ...................................................

3. Dê o superlativo absoluto sintético de:
a. branco: ..................................................
b. humildade: ............................................

4. (FUVESTE) “Cecília, és libérrima e exata
como a concha.” (Manuel Bandeira)
Se libérrima corresponde a muito livre,
corresponda a:
a. muito cruel:
.............................................................
b. muito doce:
.............................................................
c. muito bom:
..............................................................
d. muito pobre:
...........................................................
e. muito soberba:
........................................................

5. (FAAP) Indique o gênero, número e grau
dos adjetivos desculpável e razoável em “a
mais desculpável, a mais razoável de todas.”
.............................................................................
.............................................................................


F- TESTES


1. (FEI) Assinale o grau correto do adjetivo
“completa” na frase: “...que me deu ao corpo
a mais completa imobilidade.”
a. ( ) superlativo absoluto sintético.
b. ( ) comparativo de superioridade.
c. ( ) superlativo absoluto analítico.
d. ( ) superlativo relativo.
e. ( ) n.d.a.

2. (FMU) Nas orações “Este livro é melhor do
que aquele” e “Este livro é mais lindo que
aquele” há os graus comparativos:
a. ( ) de superioridade, respectivamente
sintético e analítico.
b. ( ) de superioridade, ambos analíticos.
c. ( ) de superioridade, ambos sintéticos.
d. ( ) relativo.
e. ( ) superlativo.

3. (FMU) Assinale a única alternativa em que
se encontram as formas corretas do
superlativo erudito dos adjetivos: soberbo,
malévolo e magro.
a. ( ) soberbíssimo, malevolíssimo, magérrimo.
b. ( ) magríssimo, malevoléssimo, soberbílimo.
c. ( ) soberbérrimo, magrílimo, macérrimo.
d. ( ) soberbérrimo, magrílimo,
malevolentérrimo.
e. ( ) magérrimo, superbérrimo,
malevolentílimo.

4. Em “A torre é muito alta”, a expressão em
negrito é:
a. ( ) superlativo relativo de superioridade.
b. ( ) superlativo absoluto sintético.
c. ( ) comparativo de superioridade.
d. ( ) superlativo absoluto analítico.
e. ( ) comparativo relativo.

5. (CTA) As expressões: um homem sábio e
clima salubre ficarão corretas com o adjetivo
no superlativo absoluto sintético erudito:
a. ( ) um homem sabidíssimo e clima
salubríssimo.
b. ( ) um homem sapientíssimo e clima
salubérrimo.
70
c. ( ) um homem muito sábio e clima muito
salubre.
d. ( ) um homem sabidíssimo e clima
salubridíssimo.
e. ( ) n.d.a.

6. (CTA) Os superlativos sintéticos eruditos
de negro, veloz e bom são, respectivamente:
a. ( ) negríssimo, velocíssimo, ótimo.
b. ( ) nigérrimo, velocíssimo, ótimo.
c. ( ) nigérrimo, velocíssimo, boníssimo.
d. ( ) negríssimo, velocíssimo, boníssimo.
e. ( ) n.d.a.

7. (PUC) Ponha no superlativo absoluto
sintético erudito: magro, negro, sábio, jovem,
doce, acre:
a. ( ) macérrimo, nigérrimo, sapientíssimo,
juventíssimo, dulcíssimo, acérrimo.
b. ( ) macérrimo, negríssimo, sabíssimo,
jovenzinho, docíssimo, acrérrimo.
c. ( ) macérrimo, nigérrimo, sapientíssimo,
joveníssimo, dulcíssimo, acérrimo.
d. ( ) macérrimo, nigérrimo, sabidíssimo,
joveníssimo, dulcíssimo, acríssimo.
e. ( ) n.d.a.

8. (MED.EVANG.) Se a altíssimo
corresponde alto, a celebérrimo, libérrimo,
crudelíssimo, humílimo, paupérrimo,
respectivamente, há de corresponder:
a. ( ) célebre, líbero, cruel, úmido, pobre.
b. ( ) célebre, livre, cru, úmido, pobre.
c. ( ) célebre, livre, cruel, humilde, pau.
d. ( ) célebre, livre, cruel, humilde, pobre.
e. ( ) célebre, livre, cru, humilde, pobre.

9. (FAC.S.MARCOS) Assinale a frase
incorreta, quanto à flexão do grau adjetivo:
a. ( ) Que tristezas são mais ruins que as
nossas?
b. ( ) A proposta era mais boa do que má.
c. ( ) A proposta era mais má do que boa.
d. ( ) Minha casa é mais grande do que
pequena.

10. (MARINGÁ) Quanto ao superlativo
erudito, há uma proposição errada em:
a. ( ) Amargo dá amaríssimo, assim como doce
dá dulcíssimo.
b. ( ) Feroz dá ferocíssimo, assim como frio dá
frigidíssimo.
c. ( ) Sagrado dá sagradíssimo, assim como
nobre dá nobilíssimo.
d. ( ) Magro dá macérrimo, assim como dócil
dá docílimo.
e. ( ) Sábio dá sapientíssimo, assim como
humilde dá humildíssimo.

11. (PONTA GROSSA) Assinale a
alternativa em que o superlativo entre
parênteses não se refere ao adjetivo:
a. ( ) alto (supremo).
b. ( ) doce (dulcíssimo).
c. ( ) mau (péssimo).
d. ( ) pequeno (ínfimo).
e. ( ) n.d.a.

12. Assinale a(s) alternativa(s) que não
contém(êm) a forma correta do adjetivo no
superlativo absoluto sintético erudito:
1. ( ) atrozíssimo (atroz), ferozíssimo (feroz).
2. ( ) libérrimo (livre), nigérrimo (negro).
4. ( ) nobilíssimo (nobre), paupérrimo
(pobre).
8. ( ) sabientíssimo (sábio), humílimo
(humilde).
16. ( ) cruelsíssimo (cruel), aspérrimo (áspero).
32. ( ) agílimo (ágil), amaríssimo (amargo).
64. ( ) fidelíssimo (fiel), generalíssimo (geral).

13. Assinale a(s) alternativa(s) que
contenha(m) o adjetivo no grau comparativo
de superioridade:
1. ( ) Sua atitude foi a mais adequada de
todas.
2. ( ) Ele é pior do que o irmão.
4. ( ) A sala é menor do que a copa.
8. ( ) Este tipo de teste é melhor do que o
tradicional.
16. ( ) A sala é mais pequena do que grande.
32. ( ) Esta música é o máximo.
64. ( ) Não seja o mais ínfimo dos seres.

14. A(s) alternativa(s) incorreta(s), quanto ao
absoluto sintético erudito:
1. ( ) maledicentíssimo - maledicente.
2. ( ) macérrimo - magro.
4. ( ) sagradíssimo - sagrado.
8. ( ) simílimo - semelhante.
16. ( ) salubérrimo - salubre.
32. ( ) frigidíssimo - frio.
64. ( ) negríssimo - negro.


DESCONTRAIA


- CARTA (De Públio Lêntulo, governador da
Judéia, no reinado de Tibério, ao Senado
Romano).

“Apareceu em nossos dias um homem
de grande virtude, chamado Jesus Cristo, o qual
ainda vive entre nós. Os gentios o têm recebido
como um profeta de verdade; mas os seus
discípulos lhe chamam o Filho de Deus.
Ressuscita os mortos, e cura todo gênero de
enfermidades.
71
Sua estatura é mais que mediana; seu
porte, circunspecto; sua presença, venerável; de
modo que, quantos o vêem, o amam e o temem.
Seu cabelo é castanho, basto e liso até as
orelhas; delas para baixo é de cor mais loura e
anelado, caindo-lhe em ondas sobre os ombros,
e no meio da testa se divide à maneira dos
nazarenos. Tem a testa lisa e fina; em seu rosto
não há mancha, sinal, nem ruga alguma,
aformoseando-o uma bela cor rosada; no nariz e
na boca não se pode encontrar defeito algum;
sua barba é um pouco espessa e da cor do
cabelo, mas não é comprida, e tem a forma de
um garfo; sua fisionomia respira inocência e
sabedoria; e seus olhos são pardos, claros e
vivos.
Quando condena, é terrível; quando
repreende ou admoesta, é cortês e moderado nas
expressões. Em sua conversação é agradável e
cheio de gravidade. Ninguém o viu jamais rir;
porém muitos o tem visto chorar.
As proporções de seu corpo são
excelentes; suas mãos e seus braços são os mais
perfeitos que se podem ver. Em seu falar é
muito parco, modesto e sensato. Homem de
singular beleza, que excede a todos os filhos dos
homens.”


-----------------------------------------------------------






GABARITO - ADJETIVO


A- EXERCÍCIOS
1.
a) episcopal f) desenfreada l) murina q) sulfúrea
b) urbanos g) inapto m) orais r) cúpricos
c) insípida h) fraterna n) leporinos s) plúmbeos
d) ígnea i) ebúrneos o) malar t) materno
e) exangue j) aquilino p) lígneo u) paternais
2.
a) limenho g) São Luís (MA) n) Londrina t) Jerusalém
b) guatemalteco h) Pequim o) brasiliense u) minhoto
c) Madagáscar i) Salvador (BA) p) Buenos Aires v) acreano
d) Espírito Santo j) México q) São Paulo (capital) x)Fernando de Noronha
e) Santa Catarina l) pindense r) Lisboa z) fluminense
f) tricordiano m)londrino s) Goiânia (GO)
3.
1) guarda-chuvas azul-marinho 6) rapazezinhos mal-educados
2) pára-quedas amarelo-claros 7) reis todo-poderosos
3) saias azul-pavão 8) os sem-vergonha dos papagaios
4) conflitos sino-russo-japoneses 9) calças azul-escuras
5) vestidos cor-de-rosa
4.
1) roxo-escura 5) côncavo-convexas 9) surdas-mudas
2) furta-cor (cores) 6) sino-russo-japonesa 10) euro-afro-búlgaras
3) vermelho-claras 7) amarelo-enxofre 11) verde-mar
4) psico-somáticas 8) azul-cinzentos 12) castanho-esverdeados
5.
a) bovina d) hibernal g) ocular j) vespertino
b) plúmbeo e) estivais h) legal l) argêntea
c) fraterno f) lacustre i) pueris m) episcopal

B- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) pluvial, passionais, pueris, antiofídico
2) borboletas azul-claras; borboletas cor de laranja
3) sem recursos; infeliz
4) ígnea, tricordiano, episcopal, plúmbeos
5) guardiães/ões, jaquetas cor-de-rosa

C- TESTES
72
1 - e 4 - d 7 - c 10 - e 13 - 36
2 - c 5 - b 8 - d 11 - d 14 - 23
3 - b 6 - a 9 - a 12 - b 15 - 46





D- EXERCÍCIOS
1.
a) normal f) superlativo absoluto analítico
b) comparativo de igualdade g) superlativo absoluto sintético
c) comparativo de superioridade h) superlativo relativo de superioridade
d) comparativo de inferioridade i) superlativo absoluto sintético
e) superlativo absoluto analítico j) comparativo de superioridade
2.
voraz, amigo, veloz, vão, são, antigo, atroz, audaz, comum, notável.
3
1) acérrima 6) dulcíssima 11) tetérrimo
2) agradabilíssima 7) eficacíssima 12) sacratíssima
3) amabilíssimo 8) integérrimo 13) libérrimas
4) antiguíssimo 9) macérrima 14) simplicíssima
5) crudelíssimo 10) nigérrima 15) fidelíssimo
4.
1, 2, 4, 7

E- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) nobilíssima
2) docílimo, nigérrimo
3) branquíssimo, humílimo
4) crudelíssimo, dulcíssimo, boníssimo/ótimo, paupérrimo, superbíssimo
5) gênero: uniforme; número: singular; grau: superlativo relativo de superioridade

F- TESTES
1 - d 2 - a 3 - c 4 - d 5 - b 6 - c 7 - a
8 - d 9 - a 10 - e 11 - d 12 - 25 13 - 30 14 - 68



























73

















ARTIGO

A- EXERCÍCIOS

1. Propositadamente, foram retirados os
artigos do fragmento de texto a seguir.
Copie-o, acrescentando artigos definidos ou
indefinidos nas lacunas:
“De .... dos cabeços da Serra dos Órgãos desliza
........ fio de água que se dirige para ........ norte,
e engrossado com ........ mananciais que recebe
no seu curso de dez léguas, torna-se rio caudal.
É ....... Paquequer, saltando de cascata em
cascata, enroscando-se como ........ serpente, vai
depois de espreguiçar na várzea e embeber no
Paraíba, que rola majestosamente em seu vasto
leito.” (José de Alencar)

2. Examine os nomes próprios geográficos a
seguir e retire os que não exigem artigo
definido anteposto:
a. ( ) São Paulo
b. ( ) Brasil
c. ( ) Portugal
d. ( ) Paris
e. ( ) Pernambuco
f. ( ) Itália
g. ( ) Brasília
h. ( ) Campinas
i. ( ) Rio de Janeiro
j. ( ) Alemanha

3. Observe:
- Veja, a TV está preparando uma
superprogramação especial para o natal, a
ser transmitida por satélite para o mundo
inteiro!
- Tem violência? Tem violência?

Responda: por que não foi utilizado o artigo
antes da palavra violência?
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

4. Acrescentando artigos ou contrações de
artigos com preposição:
“Quatro dias antes ........ previsto, Amyr Klink
alcançou ........ Antártida. ........ ritmo ........
atividades a bordo impuseram ........ rotina de 21
horas de trabalho diário, que resultou inclusive
em perda de peso.
Amyr partiu ....... Brasil com 77 quilos.
Chegou a perder sete logo ....... primeiros dias
........ expedição, mas recuperou ........ travessia
mais de quatro quilos.
........ começo ........ viagem, para pegar ........
boas lufadas de mar aberto, Amyr chegou a se

distancias quase 450 quilômetros ........ costa
brasileira.” (Horizonte Geográfico, ano 3, n. 9)

5. Empregue ou não o artigo diante das
palavras destacadas:
a) “Risquei .... fósforo para acender-lhe ....
cigarro. Senti forte .... seu perfume.” (Lygia F.
Telles)
b) “Engana-se ..... Vossa Senhoria, disse o
barbeiro.” (Machado de Assis)
c) “Tive .... susto, senti .... vergonha e muito ....
orgulho.” (Rubem Braga)
d) “E depois de .... Missa do Galo bem mal
rezada, se deu .... nosso mais maravilhoso
Natal.” (Mario de Andrade)
e) “.... Sono desfeito como.... novelo
amontoado, sem .... começo nem .... fim.” (Otto
Lara Resende)
f) Estavam ali todos .... dez homens que haviam
feito reclamações trabalhistas.
g) Toda .... nação passava medo por causa dos
bombardeios aéreos.
h) “... para estar no mesmo momento de ambos
.... lados.” (Cecília Meirelles)

6. As frases a seguir são lemas de Campanha
da Fraternidade (CNBB) já realizadas no
Brasil. Copie, acrescentando os artigos,
retirados propositadamente, quando for
necessário:
a) “Lembre-se: você também é .... igreja.”
(1964)
b) “Faça de sua paróquia .... comunidade de fé,
culto e amor.” (1965)
c) “Somos responsáveis .... outros.” (1966)
d) “Somos todos .... irmãos.” (1967)
e) “Crer com .... mãos.” (1968)
f) “Para .... outro, .... próximo é você.” (1969)
g) “Descubra .... felicidade de servir.” ( 1972)
h) “.... egoísmo escraviza, .... amor liberta.”
(1973)
74
i) “Onde está .... teu irmão.” ( 1974)
j) “Repartir .... pão.” ( 1975)
l) “Ouvi .... clamor deste povo.” (1988)

7. Observe as frases:
a) Em toda a festa há gente briguenta.
b) Em toda festa há gente briguenta.
As duas frases têm o mesmo sentido?
Justifique.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

8. Nas frases a seguir, há um mesmo
substantivo precedido de artigos diferentes.
Identifique em qual das opções o substantivo
tem significação mais genérica:
a. ( ) O delegado fez referência a um carro
roubado.
b. ( ) O delegado fez referência ao carro
roubado.

9. (FATEC-SP) Identifique o erro quanto ao
emprego do artigo:
a. ( ) Em certos momentos, as pessoas mais
corajosas se acovardam.
b. ( ) Em certos momentos, pessoas as mais
corajosas se acovardam.
c. ( ) Em certos momentos, as mais corajosas
se acovardam.
d. ( ) Em certos momentos, as pessoas as mais
corajosas se acovardam.
e. ( ) n.d.a.

10. (EEM SP) Qual a diferença de sentido da
palavra homem na frase: “Suponho que
nunca teria visto um homem e não sabia,
portanto, o que era o homem.” (Machado de
Assis)
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

11. (FATEC-SP) Identifique em qual
alternativa é errado colocar, após a palavra
destacada, o artigo definido:
a. ( ) Afundou na lama ambos pés.
b. ( ) Todos dias passava por lá, sem vê-la.
c. ( ) Toda noite gotejou a torneira, não pude
dormir.
d. ( ) A todo passante perguntei, nenhum me
informou.
e. ( ) n.d.a.

12. (OSEC-SP) A preposição de combina-se
com os artigos definidos: de + o = do; de + a
= das, etc. Justifique a grafia de os neste
período: “Não há, santo Deus, possibilidade
de os homens se unirem?”
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................




---------------------------------------------------



GABARITO - ARTIGO

A - EXERCÍCIOS

1.
um um o os o uma
2.
a c d e g h
3.
Porque se trata de um substantivo abstrato usado em sentido genérico e indeterminado.
4.
Parágrafo 1: do/ a / o/ das/ uma
Parágrafo 2: do/ nos/ da/ na
Parágrafo 3: No/ da/ as/ da
5.
a) o fósforo, o cigarro, (o) seu
b) Não se usa artigo diante de pronome de tratamento.
c) um susto
d) uma Missa do Galo, o nosso
75
e) o sono, um novelo
f) os dez
g) a nação
h) os lados
6.
b) uma c) uns,
pelos
e) as f) o, o g) a h) O, o j) o l) o



7.
Não; na primeira toda a designa a festa inteira, na sua totalidade. Na segunda, toda designa qualquer
festa.

8. a

9. d

10.
Precedido de artigo indefinido um, a palavra homem tem o sentido vago, genérico e indica qualquer ser
da raça humana. Precedida do art. def. o, a palavra homem tem o sentido de a própria espécie humana.

11. d

12.
Na frase, a preposição de relaciona as palavras possibilidade e unirem e, não, possibilidade e os
homens.
O sujeito de unirem é os homens, razão pela qual não se faz a contração dos, mantendo-se a forma
de + os.































76










NUMERAL


A- EXERCÍCIOS

1. Escreva por extenso os seguintes ordinais:
1) 111
.............................................................................
2) 222
.............................................................................
3) 333
.............................................................................
4) 444
.............................................................................
5) 555
.............................................................................
6) 666
.............................................................................
7) 777
.............................................................................
8) 888
.............................................................................
9) 999
.............................................................................
10) 10.126ª
.............................................................................

2. Escreva por extenso o numeral adequado:
1) João Paulo II
............................................................................
2) Capítulo X
............................................................................
3) Século XI
............................................................................
4) Tutmósis III
............................................................................
5) Tomo X
............................................................................
6) Parágrafo X
............................................................................
7) Artigo IX
............................................................................
8) Canto XI
............................................................................
9) Pio X
............................................................................
10) Pio XI
............................................................................

3. Escreva o cardinal correspondente:
1) DCCLXXVIII ...............................................
2) MCMLXXXVII ............................................
3) CMLI ............................................................
4) DCCCXXXIX ..............................................
5) XDXI ...........................................................
6) IVCLXVI .....................................................
7) MDCXLIII ...................................................
8) CDXLIV ......................................................
9) MC ...............................................................
10) DCLXVI ......................................................

4. Estabeleça correspondência entre as duas
colunas, relacionando o numeral cardinal ao
ordinal correspondente:
(a) 91 ( ) qüinquagésimo quinto
(b) 901 ( ) qüingentésimo quinto
(c) 55 ( ) nonagésimo primeiro
(d) 505 ( ) noningentésimo primeiro
(e) 704 ( ) setingentésimo quarto
(f) 74 ( ) setuagésimo quarto

5. Faça a correlação:
(1) biênio ( ) dez anos
(2) triênio ( ) cinco anos
(3) lustro ( ) seis meses
(4) decúria ( ) dois anos
(5) centúria ( ) dez coisas
(6) decênio ( ) dois dias
(7) semestre ( ) seis anos
(8) bíduo ( ) mil anos
(9) sexênio ( ) três anos
(10) milênio ( ) cem anos

6. Escreva o multiplicativo ou o fracionário
correspondente:
a) três vezes mais
.............................................................................
b) cem vezes mais
.............................................................................
c) doze vezes mais
.............................................................................
d) oito vezes mais
.............................................................................
e) 2/100
.............................................................................
f) 1/1000
.............................................................................
g) 7/63
.............................................................................
77
h) 17/51
.............................................................................


B- TESTES

1. (UFPR) Se a cinco vem a corresponder
quinto, a onze, quarenta, cinqüenta, sessenta
e setenta, respectivamente, correspondem:
a. ( ) undécimo, quadragésimo, cinqüentésimo,
sexagésimo, setuagésimo.
b. ( ) décimo-primeiro, quaresma,
qüinquagésimo, sexagésimo, setuagésimo.
c. ( ) undécimo, quadragésimo,
qüinquagésimo, sexagenário, setuagésimo.
d. ( ) décimo-primeiro, quadragésimo,
qüinquagésimo, sexagésimo, setuagenário.
e. ( ) undécimo, quadragésimo,
qüinquagésimo, sexagésimo, setuagésimo.

2. (MARINGÁ) O numeral aparece
registrado de forma incorreta na alternativa:
a. ( ) Só duzentas gramas de queijo?
b. ( ) Na página cento e dois encontrarás as
respostas.
c. ( ) Em que ano nasceu o papa Pio Décimo?
d. ( ) O artigo 10 diz que...
e. ( ) Interromperam a novela depois do
trigésimo capítulo.

3. (DIR.CTBA) “No seu curso ele foi o 11º
colocado, porém na classificação geral do
vestibular obteve o 688º lugar.”
Os ordinais acima sublinhados correspondem
corretamente a:
a. ( ) undécimo; seiscentésimo octogésimo,
oitavo.
b. ( ) undécimo; seiscentésimo octogésimo
oitavo.
c. ( ) décimo primeiro; sexcentésimo
octogésimo oitavo.
d. ( ) décimo primeiro; sexcentésimo
octogésimo, oitavo.
e. ( ) undécimo; seiscentésimo, octogésimo
oitavo.

4. (CTA-COMP) O ordinal
quadringentésimo septuagésimo corresponde
ao cardinal:
a. ( ) quarenta e setembro
b. ( ) quarenta mil e setembro
c. ( ) quatrocentos e setenta
d. ( ) quatro mil e setenta
e. ( ) n.d.a.

5. (UFES) A opção em que o ordinal não é o
correspondente ao cardinal é:
a. ( ) cinqüenta - qüingentésimo
b. ( ) seiscentos - seiscentésimo
c. ( ) setenta - setuagésimo
d. ( ) trezentos - trecentésimo
e. ( ) sessenta - sexagésimo

6. (FMU) Triplo e tríplice são numerais:
a. ( ) ordinal o primeiro e multiplicativo o
segundo.
b. ( ) ambos ordinais.
c. ( ) ambos cardinais.
d. ( ) ambos multiplicativos.
e. ( ) multiplicativo o primeiro e ordinal o
segundo.

7. Indique o item em que os numerais estão
corretamente empregados:
a. ( ) Ao Papa Paulo Seis sucedeu João Paulo
Primeiro.
b. ( ) Após o parágrafo nono virá o parágrafo
décimo.
c. ( ) Depois do capítulo sexto, li o capítulo
décimo primeiro.
d. ( ) Antes do artigo dez vem o artigo nono.
e. ( ) O artigo vigésimo segundo foi revogado.

8. (U.F.OURO PRETO) Indicou-se
corretamente o ordinal correspondente aos
algarismos abaixo em:
a. ( ) 349 = trecentésimo quadragésimo nono.
b. ( ) 684 = sexcentésimo octagésimo quarto.
c. ( ) 793 = setuagésimo nonagésimo terceiro.
d. ( ) 867 = octigentésimo sexagésimo sétimo.
e. ( ) 972 = nongentésimo setingentésimo
segundo.

9. (F. São Judas Tadeu) Numeral correto:
a. ( ) 653 = seiscentos e cinqüenta e três.
b. ( ) Tomo XII = décimo segundo.
c. ( ) 56º = qüingentésimo sexto.
d. ( ) 60º seiscentésimo.
e. ( ) n.d.a.

10. (Fund. Valeparaibana de Ensino)
Assinale o item em que o numeral ordinal,
por extenso, esteja correto:
a. ( ) 2.860º = dois milésimos, octogésimo,
sexagésimo sexto.
b. ( ) 6.222º = sexto milésimo, ducentésimo,
vigésimo segundo.
c. ( ) 3.478º = três milésimos,
quadringentésimo, septuagésimo oitavo.
d. ( ) 1.899º = milésimo, octogésimo,
nongentésimo nono.
e. ( ) 989º = nonagésimo, octogésimo nono.

11. (UNESP) Assinale a alternativa em que
apresenta as formas corretas dos ordinais:
Não é a 86ª mas a 85ª vez que o fato se repete
na 956ª tentativa.
a. ( ) octogenária sexta; octogenária quinta;
nongentésima qüinquagésima sexta.
78
b. ( ) octogésima sexta; octogésima quinta;
nongentésima qüinquagésima sexta.
c. ( ) octogésima sexta; octogésima quinta;
nongentésima qüinquagésima sexta.
d. ( ) octingentésima sexta; octingentésima
quinta; noningentésima qüinquagésima sexta.
e. ( ) octogésimo sexta; octogésimo quinta;
nongentésimo qüinquagésimo sexta.

12. (FMU) Sabendo-se que os numerais
podem ser cardinais, ordinais, multiplicativos
e fracionários, podemos dar os seguintes
exemplos:
a. ( ) uma (cardinal), primeiro ( ordinal), Leão
onze (multiplicativo) e meio (fracionário).
b. ( ) um (cardinal), milésimo (ordinal),
undécuplo (multiplicativo) e meio (fracionário).
c. ( ) um (ordinal), primeiro (cardinal), Leão
onze (multiplicativo) e meio (fracionário).
d. ( ) um (ordinal), primeiro (cardinal),
cêntuplo (multiplicativo) e meio (fracionário).

13. Assinale as alternativas incorretas:
1. ( ) 874º = octingentésimo setuagésimo
quarto.
2. ( ) 398º = trezentésimo nonagésimo oitavo.
4. ( ) 486º = quadringentésimo octogésimo
sexto.
8. ( ) 2.860º = dois milésimos octogésimo
sexagésimo sexto.
16. ( ) 989º = nonagésimo octogésimo nono.
32. ( ) 6.222º = sexto milésimo ducentésimo
vigésimo segundo.
64. ( ) 3.478º = três milésimos
quadringentésimo septuagésimo oitavo.

14. Assinale a(s) alternativa(s) incorreta(s):
1. ( ) Tomo XI = onze.
2. ( ) Henrique VIII = oitavo.
4. ( ) Canto IX = nono.
8. ( ) Século X = décimo.
16. ( ) XI século = décimo primeiro.
32. ( ) Parágrafo IX = nono.
64. ( ) Artigo X = décimo.

15. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):
1. ( ) Cabina 5 = cinco.
2. ( ) Casa 22 = vinte e dois.
4. ( ) Folha 32 = trinta e duas.
8. ( ) 5/10 = cinco dez avos.
16. ( ) 3/24 = três e vinte quatro avos.
32. ( ) 4/53 = quatro cinqüenta e três avos.
64. ( ) séptuplo = setenta vezes.





-------------------------------------------------------




GABARITO - NUMERAL


A- EXERCÍCIOS
1.
1) centésimo décimo primeiro
2) ducentésimo vigésimo segundo
3) trecentésimo trigésimo terceiro
4) quadringentésimo quadragésimo quarto
5) qüingentésimo qüinquagésimo quinto
6) sexcentésimo sexagésimo sexto
7) septingentésimo septuagésimo sétimo
8) octingentésimo octogésimo oitavo
9) noningentésimo nonagésimo nono
10) dez milésimos (ou décima milésima) centésima vigésima sexta
2.
1) segundo 6) dez
2) décimo 7) nono
3) onze 8) onze
4) terceiro 9) décimo
5) décimo 10) onze
3.
1) 778 6) 4166
79
2) 1986 7) 1643
3) 951 8) 444
4) 839 9) 1.100.000
5) 10511 10) 666
4.
c, d, a, b, e, f
5.
6, 3, 7, 1, 4, 8, 9, 10, 2, 5
6.
a) triplo e) dois centésimos
b) cêntuplo f) um milésimo
c) duodécuplo g) sete setenta e três avos
d) óctuplo h) dezessete cinqüenta e um avos

B- TESTES
1) e 4) c 7) d 10) b 13) 26
2) a 5) a 8) a 11) c 14) 64
3) c 6) d 9) a 12) b 15) 35










































80










PRONOME



A- EXERCÍCIOS

1. Complete com a forma adequada:
1) Acho que esta tarefa não é para .......... fazer.
(mim, eu)
2) Perante .......... e você ninguém há de falar
mal. (eu, mim)
3) Não há mais desentendimentos entre .......... e
.......... (eu e ti / ti e mim)
4) A efetivação do plano será problemática sem
.......... e o teu concurso. (eu, mim)
5) O professor entregou o problema para ..........
examinar. (eu, mim)
6) O diretor proferiu palavras ásperas contra
.......... e os alunos. (tu, ti)
7) Esta matéria é para .......... aprender e não
para .......... (mim e ti/ eu e ti/ eu e tu)
8) O céu está cheio de estrelas para ..........
enlevadamente contemplar. (eu, mim)
9) Entre .......... e .......... está a Cruz
ensangüentada do Calvário. (eu, tu / ti e mim)
10) Isto é para .......... fazer ou para ..........
fazeres, pois entre .......... e .......... está tudo
bem.
(eu e tu/ mim e ti/ eu e ti); (mim e tu/ eu e ti/
mim e ti)

2. Assinale a frase incorreta:
a. ( ) Colegas há que vivem brigando entre si.
b. ( ) O velho mestre gostava de ter sempre os
discípulos ao pé de si.
c. ( ) Espero que você leve consigo o
passaporte.
d. ( ) Desejo falar consigo um instante, ó
aluna!
e. ( ) Cada um faça por si mesmo a redação.

3. Substitua os termos sublinhados pelos
pronomes O, A, LHE:
a) Antônio viu a José. Viu-..........
b) José ama Maria. Ama-..........
c) Maria espera José. Espera-..........
d) José convidou a Antônio. Convidou-..........
e) Pedro observa Maria. Observa-..........

4. Nos espaços, escreva eu ou mim, conforme
convier:
a) Entre .......... e Filipe nada houve.
b) Trazem livros para .......... ler.
c) Nunca houve brigas entre .......... e ela.
d) Já é tempo de .......... criar juízo.
e) Nada poderia fazer sem ..........
f) Sem .......... ler, não assino isso.
g) Isso é para .......... ?
h) Deixam tudo para .......... fazer.
i) Não deu para .......... vir ontem.






j) Não dá para .......... fazer isso.

5. Nos espaços, escreva uma das formas
propostas:
a) As crianças ficarão .................. (conosco/com
nós)
b) Quero conversar .........................., Jeni. (com
você/consigo)
c) Cantei para ............... quando eras criança.
(tu/ti)
d) Vossa Excelência trouxe ...................... isso?
(consigo/convosco)
e) ........................... mesmos vieram as crianças.
(convosco/com nós)
f) Isabel veio ........................dois. (conosco/com
nós)
g) Ifigênia chegará ....................... (conosco/com
nós)
h) Juçara conversou ........................... todos.
(conosco/com nós)
i) Luís cantou para ................... dormires. (tu/ti)
j) Veja quem veio ........................... Jordana.
(conosco/com nós)

6. Empregue:
a) com nós
b) com vós
c) conosco
d) convosco
e) com nós ou com vós
1. Ficamos todos os dias ....................................
2. Fiquei ................................... todos.
3. Ficastes zangados ...........................................
81
4. Ficamos todos os dias ...................... mesmos.
5. ................................ ficastes zangados.
6. ................................ ambos ficastes zangados.

7. Substitua os complementos pelas
combinações correspondentes, conforme o
modelo:
Mandaram um recado ao Pedro. Mandaram-
lho.
1. Eu vos entrego as correspondências.
.......................................................................
2. Disse a verdade à sua mãe.
.......................................................................
3. Disse a eles a verdade.
.......................................................................
4. Disse a ele as verdades.
.......................................................................
5. Disseram-me mentiras
.......................................................................
6. Falei a verdade a vós.
........................................................................
7. A vocês falei a verdade.
.........................................................................
8. Falo a V.S.ª belas palavras.
.........................................................................
9. Dei-te a maçã na mesa.
........................................................................
10. Falo a V.Ex.ªs a verdade.
........................................................................

8. Proponha o pronome ao verbo, conforme o
modelo; se houver complemento, substitua-o
pelo pronome conveniente:
Modelo: Eu a vi ontem = Vi-a ontem.
1. Põe a mão no bolso. ......................................
2. Pões a mão no bolso. ....................................
3. Põem a mão no bolso. ...................................
4. Faz o dever. ...................................................
5. Fazes o dever. ..............................................
6. Fazer o dever. ..............................................
7. Fazem isto. ...................................................
8. Amar os deveres. .........................................
9. Amas os pais. ...............................................
10. Pus a comida no prato. .................................
11. Engraxamos os sapatos. ...............................
12. Entregamos a eles. ........................................
13. Entregamos a ele. ..........................................
14. Quis o tecido em metro. ................................
15. Tens o recado aí? ..........................................
16. Tem o recado aí? ..........................................
17. Tenho o recado aqui. ....................................
18. Vocês têm o recado? ....................................
19. Tendes o recado? ..........................................
20. Faz as orações dormindo. ............................

9. Complete com: Excelência, Vossa
Excelência, Sua Excelência:
a) Emprega-se ........................................... para
chamar a pessoa.
b) Emprega-se ........................................... para
falar com a pessoa.
c) Emprega-se ........................................... para
mencionar a pessoa.
d) Alguém quer falar-lhe, .................................
e) Você quer falar com ....................................?
f) Eis-me aqui, .................................................!
g) ........................................... , o carro chegou!
h) Quando vou falar com o Sr. Governador,
digo-lhe: “Quero falar com ...............................”
i) Antes de viajar, ..............................................
atendeu-me cordialmente.

10. Faça conforme o modelo:
Tremiam as suas pernas.
Tremiam-lhe as pernas.
a) Quebro a tua cara!
............................................................................
b) Roubaram o meu carro.
...........................................................................
c) Nadam os teus olhos em pranto. (G. Dias)
...........................................................................
d) Arfa o teu peito. (G. Dias)
.............................................................................
e) Doem as minhas pernas..
.............................................................................

11. Faça conforme o modelo:
Mandou que eu saísse.
Mandou-me sair.
a) Permitiram que eu falasse.
.............................................................................
b) Deixei que ele fosse embora.
.............................................................................
c) Deixem que eu saia.
.............................................................................
d) Mandou que eu ficasse quieto.
.............................................................................
e) Mandaram que fôsseis agora.
.............................................................................

12. Observe:
a) Ela não gostou da atitude dele.
b) É hora de ele mudar de vida.
Complete as lacunas com dele ou de ele:
a) O comportamento ................... irritou a todos.
b) Já chegou a hora ......................... sair de casa.
c) As mãos ....................estavam cheias de tinta.
d) Em vez .......................... prosseguir no curso,
desistiu ........................
e) O professor reprimiu a atitude ........................

13. Assinale C (certo) ou E (errado),
considerando a adequação da combinação
efetuada:
1. ( ) “Ele me contou isso sem mágoa nenhuma
(...)” (Rubem Braga)
Ele mo contou sem mágoa nenhuma.
2. ( ) “A poetisa traz-nos seu primeiro livro
(...)” (Carlos Drummond de Andrade)
82
A poetisa no-lo traz.
3. ( ) “Deram-lhe o nome de Pio.” (Paulo Mendes
Campos)
Deram-lho.
4. ( ) “Peço-lhe desculpas - e prometo
silêncio.” (Rubem Braga)
Peço-lha - e prometo silêncio.


B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Complete com a forma
pronominal adequada:
Carlos, querem falar .................................. (com
você/consigo)

2. (CEFET) Complete com O ou LHE:
a) Prefiro- .......... aos outros candidatos por ser
mais moço.
b) Encolerizava-se, quando o filho ....................
desobedecia.


3. (CEFET) Resolva:
1. Passe para o tratamento você, usando os
pronomes oblíquos sempre que possível:
Reitero-te o convite: traze os teus livros.
Reitero-......... o convite: ................. os
................ livros.
2. Passe para o tratamento vós:
Reitero-.......... o convite: ................ os
................ livros.
3. Siga o exemplo:
Eu vou com ele: ele vai comigo.
O Sr. vai comigo: eu vou
........................................................
4. Siga o exemplo:
Nós vamos com o menino: o menino vai
conosco.
Nós dois vamos com o professor: o professor
vai ...............................dois.
5. Transforme pelo exemplo:
Comprou os livros: comprou-os.
Compramos os livros:
.......................................................
6. A abreviatura de Senhor é Sr.
A abreviatura de Vossa Excelência é ...............
7. É 7 ........... a abreviatura de 7 quilômetros.
8. Se V. Ex.ª consentir, indicaremos .................
nome para paraninfo da turma. (seu/vosso)
9. Rose, é melhor levar a bolsa ..........................
pois podem roubá-la. (consigo/com você)
10. Reescreva o período a seguir, substituindo o
possessivo por um pronome oblíquo, guardando
o mesmo sentido da oração:
O ódio estampava-se em sua face.
.............................................................................
11. Complete com O ou LHE:
a) Ainda não ............. informaram da morte do
irmão.
b) O velho queria- ........ como a um filho.
12. Complete com uma das formas indicadas:
a) Senhor Presidente, espero que V. Ex.ª tenha
ficado ................................... com o andamento
das obras. (satisfeito/satisfeita)
13. Às 10 ................ (horas), recebeu os três
.................... (decigramas) de ouro, vindos da
Serra Pelada.

5. (CEFET) Complete a lacuna, substituindo
o objeto direto ou indireto pelo pronome
pessoal oblíquo correspondente:
Exemplo: Eu quero o livro para mim.
Eu o quero para mim.
1. Todos obedecem a seus superiores.
Todos ........... obedecem.
2. Comprei o livro para os meninos.
Comprei- ........ o livro.
3. O neto quer muito a seu avô.
O neto ........... quer muito.

6. (MED-ABC) Reescreva as frases abaixo,
substituindo a expressão destacada pelo
pronome oblíquo adequado:
a) Mas todos obedeciam a ele.
.............................................................................
b) Até o povo censurava aquelas maneiras.
.............................................................................

7. (FEI) Substitua os termos destacados pelos
pronomes oblíquos correspondentes:
a) Encontraram o corpo na estufa.
.............................................................................
b) Arrancara do peito uma cruz de ametista.
.............................................................................
c) A disposição das plantas não permite um
esconderijo.
.............................................................................

8. (FUVEST) Reescreva as orações abaixo,
substituindo em cada uma o pronome de 1ª
pessoa pelo de 3ª:
a) “... às vezes me repreendia ...”
.............................................................................
b) “... me negara uma colher de doce...”
.............................................................................

9. (CEFET) Use eu ou mim:
- É difícil para .......... esquecer tantas injustiças.
- Se é para ............ pagar, desista; não tenho
dinheiro.

10. (FUVEST) “- Vossa Excelência, por
obséquio, queira falar mais alto, que não ouvi
bem - e apontava, agoniado, um dos
deputados mais próximos.” (Fernando Sabino)
Usou-se o pronome de tratamento Vossa
Excelência por referir-se a um deputado. Que
pronome de tratamento seria usado para
referir-se a:
83
a) Um ministro de Estado:
.............................................................................
b) O papa:
.............................................................................
c) Um príncipe:
.............................................................................

11. (FEVEST) Substituindo-se o
complemento da frase por pronome oblíquo,
obtém-se:
Felicitamos os alunos.
R:
.............................................................................

12. (UFSC) Reescreva a frase a seguir de
acordo com as normas gramaticais da língua
padrão.
Justifique a sua resposta.
Se a polícia pegar a gente, não há problema.
Mas se pegar tu?
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................


C- TESTES

1. (UCP) Observe o modelo:
Ele me entregou o dinheiro.
Ele mo entregou.

1. Deram-nos a carta. Deram-.........
2. Entregaram-lhes a cópia. Entregaram-...........
3. Devolveram-te os trabalhos. Devolveram-
.............
4. Emprestei-lhes o livro. Emprestei-............
Assinale a alternativa que preenche
corretamente os pontilhados:
a. ( ) na, lhas, tos, lho
b. ( ) no-la, nas, tos, lhos
c. ( ) nas, nas, nos, lhos
d. ( ) no-la, lha, tos, lho
e. ( ) no-la, lha, nos, lhos

2. (Ponta Grossa) Onde estão os livros?
Colocaram-nos na estante.
O pronome em destaque pertence à:
a. ( ) primeira pessoa do plural
b. ( ) segunda pessoa do plural
c. ( ) terceira pessoa do plural
d. ( ) a e b estão corretos
e. ( ) todas as alternativas corretas

3. (UFPR)
1. Comprei um carro para ...........
2. Comprei uma casa para .......... revender.
3. Se todos viajarem, vai ser mais difícil para
...........
4. É mais fácil para .......... terminar o trabalho
do que para ele.
a. ( ) eu, eu, eu, eu
b. ( ) mim, mim, eu, eu
c. ( ) mim, mim, mim, mim
d. ( ) eu, eu, mim, eu
e. ( ) mim, eu, mim, mim

4. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
o pronome lhe apresenta o mesmo valor
significativo que possui em - “uma espécie de
riso sardônico e feroz contraía-lhe as negras
mandíbulas.”
a. ( ) A mãe apalpava-lhe o coração.
b. ( ) Aconteceu-lhe uma desgraça.
c. ( ) Tudo lhe era indiferente.
d. ( ) Ao inimigo não lhe nego perdão.
e. ( ) Não lhe contei o susto por que passei.

5. (UNIFICADO-RS) Se é para .......... dizer o
que penso, creio que a escolha se dará entre
.........
a. ( ) mim, eu e tu
b. ( ) mim, mim e ti
c. ( ) eu, mim e tu
d. ( ) eu, mim e ti
e. ( ) eu, eu e ti

6. (CEFET) O resultado das combinações
“fez + os”, “fizestes + as”, “entregarei + lhe +
os”, “cumprimentaram + as”, e “demos +
lhes”, será:
a. ( ) fez-los, fizeste-as, entregá-los-ei a eles,
cumprimentaram-nas, demos-lhes.
b. ( ) fê-los, fizeste-las, entregar-lhos-ei,
cumprimentaram-na, demo-lhes.
c. ( ) fe-los, fizeste-las, entregar-lho-ei,
cumprimentaram-na, demo-lhes.
d. ( ) fê-los, fizestes-as, os entregar-lhe-ei,
cumprimentaram-a, demos-lhes.
e. ( ) fez-os, fizeste-as, entregar-lhos-ei,
cumprimentaram-a, demo-lhes.

7. (ITA) O pronome de tratamento usado
para cardeais é:
a. ( ) Vossa Santidade
b. ( ) Vossa Magnificência
c. ( ) Vossa Eminência
d. ( ) Vossa Reverendíssima
e. ( ) n.d.a.

8. (UNESP) Aponte a letra em que o se dá
apenas a idéia de reflexibilidade:
a. ( ) Não se dorme naquele hotel.
b. ( ) Falam-se verdades, brincando.
c. ( ) Fique, não se vá.
d. ( ) Você se alegra com minha presença?
e. ( ) n.d.a.
84

9. (FMU) Suponha que você deseje dirigir-se
a personalidades eminentes, cujos títulos são:
papa, juiz, cardeal, reitor, coronel
Assinale a alternativa que contém a
abreviatura certa da “expressão de
tratamento” correspondente ao título
enumerado:
a. ( ) Papa ................. V. S.ª
b. ( ) Juiz .................. V. Em.ª
c. ( ) Cardeal ............ V. M.
d. ( ) Reitor ............... V. Mag.ª
e. ( ) Coronel ............. V. A.

10. (Fund. Valeparaibana de Ensino)
V. Ex.ª .............. que posso ...................?
a. ( ) julgais, auxilia-lo
b. ( ) julga, auxiliar-vos
c. ( ) julga, auxiliá-lo
d. ( ) julgas, auxiliar-vos
e. ( ) julgais, auxiliar-vos

11. (UFSC) Observe os períodos abaixo e
assinale a alternativa em que o lhe é adjunto
adnominal:
a. ( ) “...anunciou-lhe: “Filho, amanhã vais
comigo.”
b. ( ) O peixe cai-lhe na rede.
c. ( ) Ao traidor, não lhe perdoaremos jamais.
d. ( ) Comuniquei-lhe o fato ontem pela
manhã.
e. ( ) Sim, alguém lhe propôs emprego.

12. (MARINGÁ) A respeito dos pronomes
Vossa Excelência e Sua Excelência, assinale a
alternativa correta:
a. ( ) Ambos os tratamentos fazem
concordância na terceira pessoa do singular.
b. ( ) Vossa Excelência requer verbo na
segunda pessoa do plural e Sua Excelência na
terceira pessoa do singular.
c. ( ) Vs. Exas. é abreviatura correta no plural,
para V. Exa.
d. ( ) Quanto ao uso, Vossa Excelência e Sua
Excelência empregam-se indistintamente um
pelo outro.
e. ( ) Referindo-se ao Presidente da República,
pode-se empregar, Sua Excelência de forma
abreviada.

13. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s)
quanto ao emprego dos pronomes de
tratamento:
1. ( ) Vossa Majestade é bondoso, Sr.
Príncipe.
2. ( ) Sua Excelência Reverendíssima, o padre
Francisco, esteve visitando a nossa casa.
4. ( ) Sua Excelência Reverendíssima, padre
Francisco, esteve visitando a nossa casa.
8. ( ) S. Ex.ª, O Presidente da República,
inaugurou obras sociais em Curitiba.
16. ( ) V. Ex.ª, Senhor Embaixador, deve ter
viajado por muitos países.
32. ( ) Sua Eminência, o Cardeal-Arcebispo de
S. Paulo, dirigiu mensagem ao povo brasileiro.
64. ( ) Suas Excelências, os reitores das
universidades, participam de um congresso em
Londrina.

14. A(s) alternativa(s) correta(s) quanto ao
emprego dos pronomes pessoais:
1. ( ) Vou pôr ele a par do assunto.
2. ( ) Entre eu e você a amizade continua a
mesma.
4. ( ) A mim, não me parece correto esta
atitude.
8. ( ) João, estarei consigo amanhã!
16. ( ) As crianças irão com nós mesmos, e não
com vós outros.
32. ( ) Vossa Excelência chegou com vossos
auxiliares diretos.
64. ( ) Não deram o doce a ti? = Não te deram?

15. As alternativas que não estão corretas:
1. ( ) Estou solidário consigo, e espero que ele
esteja comigo.
2. ( ) Tuas jóias e teus perfumes são
necessários a tu e ao mundo.
4. ( ) Entre ele e eu se estabeleceu curiosa
camaradagem.
8. ( ) “... o maior defeito deste livro, és tu,
leitor.”
16. ( ) Feriu-se quando brincava com o
revólver e o virou para si.
32. ( ) Quando V. As. vier, traga consigo a
informação pedida.
64. ( ) Quando V. Exa. vier, traga convosco a
informação pedida.

16. (FUVEST) Assinale a alternativa que
preenche corretamente as lacunas:
Eu .......................... desconheço.
Roubaram-............. o carro
Os carros? Roubaram-...............
Não ........... era permitido ficar na sala.
Obrigaram-.............. a sair daqui.
a. ( ) o, lhe, nos, lhe, nos
b. ( ) lhe, o, o, o, no
c. ( ) o, os, lhe, lhe, lhe
d. ( ) lhe, lhe, lhe, se, os
e. ( ) o, o, os, lhe, no


D- EXERCÍCIOS

1. Sublinhe, nas frases abaixo, os pronomes o,
a, os, as que estiverem funcionando como
demonstrativos:
85
a) “Escrava tu!... não o és, nunca o foste, e
nunca o serás.”
b) Imagino o que você sofreu.
c) A máquina anulou o homem; todos o sabem.
d) Não sabemos o que fazer.
e) É o que sonhei para mim.
f) A que chegar primeiro será a premiada.
g) Ele foi o que mais contribuiu para o sucesso
da festa.
h) Não o vejo há muito tempo. Ele é o que mais
se destacou no filme.

2. Escreva nos parênteses:
(S) se o pronome for substantivo;
(A) se o pronome for adjetivo.
a. ( ) Algo a incomoda?
b. ( ) Acreditam em tudo o que dizem
c. ( ) Cada questão vale dez pontos.
d. ( ) Encontrei quem pode trabalhar comigo.
e. ( ) Certos alunos não fizeram o trabalho.
f. ( ) Havia muitas pessoas no local.

3. Preencha a lacuna, transformando os dois
períodos simples num composto:
a) Tu deves cuidar bem do cachorro.
Ele é um bicho muito fiel.
Resp.: O cachorro, ............................................,
é um bicho muito fiel.
b) Minha casa fica no bairro do Limão.
Os quartos da minha casa são grandes.
Resp.: Minha casa, ..........................................,
fica no bairro do Limão.
c) O filho de seu Manuel foi aprovado no
vestibular.
Falávamos dele ontem.
Resp.: O filho do seu Manuel, ...........................,
foi aprovado no vestibular.
d) O filme foi premiado na Europa.
Nós nos referíamos a esse filme.
Resp.: O filme, ..................................................,
foi premiado na Europa.
e) O dinheiro é pouco para obra tão vasta.
Dispomos do dinheiro.
Resp.: O dinheiro, ............................................é
pouco para obra tão vasta.

4. Preencha as lacunas das frases abaixo com
o pronome relativo adequado, precedido ou
não de preposição:
a) Tenho vários amigos ............. idades vão de
16 a 18 anos.
b) A cidade ............................ moro é pequena.
c) São pessoas ..................................................
simpatizo.
d) São pessoas ..................................................
tenho simpatia.
e) O diretor recebeu os alunos ..........................
manteve longa conversa.
f) O jornal .................................... me refiro foi
apreendido.
g) São pessoas ........................................ confio.
h) Gosto muito desse compositor .......................
músicas são alegres.
i) Os recursos expressivos .................................
se valeu o autor são muito retóricos.
j) Estes são os recursos ......................................
dispomos.

5. Empregue nas lacunas o demonstrativo
conveniente:
a) ......................... caneta que está com você, é
mesmo de ouro?
b) Os documentos, ............. que João levou, são
muito importantes.
c) .................... meu paletó foi feito em Londres.
d) ......................... problemas que estamos
resolvendo são mesmo complexos.
e) Que guardava ele ................................ bolsa?
f) Espero que ......................... linhas
despretensiosas consigam convencê-lo a vir ter
conosco. (no início da carta)
g) Na certeza de que ................ palavras tenham
sido suficientemente claras, termino esta carta.
h) Nosso Brasil, ......................... país que acaba
de sair do subdesenvolvimento cultural, há de
conquistar também sua libertação econômica.
i) Estudei ambas, a peça e o romance:
...................................... porque contava uma
história fascinante; ........................ porque
apresentava novas técnicas dramáticas.
j) ..................... projetos ainda se encontram lá
engavetados?
l) A mulher é mais tolhida socialmente do que o
homem.
A ............................... se permitem direitos
que se negam ...............................
m) O que dizer d................... opiniões que você
acaba de expor?
n) Em 1944 ainda havia guerra ...........................
época traumatizou a humanidade.
o) A entrevista exigia que o reportes retificasse
............................ notícias que o jornal veiculara
um dia antes.
p) ............dados que tenho aqui, não os
revelarei tão cedo.

6. Faça conforme o modelo:
a) Apresentaram-me soluções. Estas soluções
pouco me convenciam.
b) Apresentaram-me soluções que pouco me
convenceram.

7. a) Apresentaram-me soluções. Nessas
soluções eu não acreditava.
b) .....................................................................

8. a) Apresentaram-me soluções. Essas soluções
eu recusei.
b) .....................................................................

86
9. a) Telefonou-me um senhor. As informações
deste senhor não me convenceram.
b) .....................................................................

10. a) Telefonou-me um senhor. Nas
informações deste senhor eu não acreditei.
b) .....................................................................

11. a) Telefonou-me um senhor. Das
informações deste senhor eu duvidei.
b) .....................................................................


E- QUESTÕES DISCURSIVAS


1. (FUVEST) Na frase seguinte, o indefinido
alguma tem valor positivo:
“Muitas vezes encontro sua lembrança em
alguma esquina de cidade.”
Construa uma frase em que alguma tenha
valor negativo, correspondendo a nenhuma:
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

2. (CEFET) Faça conforme o modelo:
Não li o livro. O resumo do livro foi pedido pelo
professor.
Não li o livro, cujo resumo foi pedido pelo
professor.
1) Conheci o poeta mineiro. Seus poemas foram
publicados na edição de ontem do Jornal do
Brasil.
.............................................................................
.............................................................................

Modelo:
A ponte foi derrubada pela força do vento. Sob
suas arcadas se abrigavam os retirantes.
A ponte, sob cujas arcadas se abrigavam os
retirantes, foi derrubada pela força do vento.
2) O filme era de Fellini. Poucos gostaram do
seu final.
.............................................................................
.............................................................................

3) O rio Barigüi marcou minha infância.
Costumava brincar em suas margens com meus
irmãos.
.............................................................................
.............................................................................

3. (FEI) Indique o sentido da palavra toda
nas duas frases abaixo:
a) “Toda vez que Maria Elvira arranjava
namorado, Misael mudava de casa.” (Manuel
Bandeira)
.............................................................................
.............................................................................
b) “Imaginava-se em carne viva, toda
vermelha.” (Graciliano Ramos)
.............................................................................
.............................................................................

4. (FUVEST) “Vi uma fotografia sua no
metrô.”
Explique, pelo menos, dois dos vários
sentidos que podem ser atribuídos à frase
acima.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

5. (CÁSPER LÍBERO) “Quem é esse que
está com você?” - “Quem é este que está com
você?”
Qual a forma a que você daria preferência?
.............................................................................
.............................................................................

6. (FUND. LUSÍADAS) Dê a classificação
morfológica e a função sintática da palavra
destacada em “Seria vista mais animação, se
houvesse disciplina.”
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

7. (FUVEST) Dê o significado de todo em:
a) “Ai! por que todo ser nasce chorando?”
b) “Chegou com o rosto todo manchado.”
A).........................................................................
.............................................................................
B).........................................................................
.............................................................................

8. (FAAP) Fazendo as alterações necessárias,
encaixe a frase I na frase II, usando para isso
um dos seguintes pronomes relativos: que,
que, o qual, cujo, onde:
a) Os candidatos à carreira diplomática
apresentaram-se impecáveis ao coquetel do
embaixador.
b) Entre eles estava seu noivo.
Os candidatos à carreira diplomática,
........................................................................
apresentaram-se impecáveis no coquetel do
embaixador.

9. (FAAP) Como na questão anterior:
a) As tropas da OTAN estavam confiantes.
b) Suas manobras vinham sendo preparadas por
grandes estrategistas.
As tropas da OTAN,
.............................................................. estavam
confiantes.


87
F- TESTES

1. (UCP) Assinale a alternativa cujos
elementos preenchem corretamente os
pontilhados:
1. Há leis ................ não gostamos de obedecer.
2. Este é o escritor ............... obras muitas vezes
recorri.
3. Aqui está o poeta ............. todos simpatizam.
4. Chegou o rapaz .................... idéias discordo.
a. ( ) que, cujas, com quem, de cujas
b. ( ) a que, a cujas, a quem, cujas
c. ( ) a que, de cujas, de quem, de cujas
d. ( ) que, a cujas, com quem, por cujas
e. ( ) a que, a cujas, com quem, de cujas

2. (PUC CAMPINAS) Assinale a alternativa
onde as palavras grifadas, são pronomes:
a. ( ) Um só aluno não nos prestou nenhuma
colaboração.
b. ( ) Quem a ajudará a alcançar todo o
sucesso?
c. ( ) Aquele ao qual se entregou o prêmio,
ficou muito feliz.
d. ( ) Todos os que ajudam são nossos amigos.
e. ( ) n.d.a.

3. (UFPR) Preencha convenientemente as
lacunas das frases seguintes, indicando o
conjunto obtido:
1. A planta .............. frutos são venenosos foi
derrubada.
2. O estado ............ capital nasci, é este.
3. O escritor .......... obra falei, morreu ontem.
4. É este o livro ......... páginas sempre me
referi.
5. Este é o homem ............. causa lutei.
a. ( ) em cuja, cuja, de cuja, a cuja, por cuja.
b. ( ) cujos, em cuja, de cuja, cujas, cuja.
c. ( ) cujos, em cuja, de cuja, a cujas, por cuja.
d. ( ) cujos, cuja, cuja, a cujas, por cujas.
e. ( ) cuja, em cuja, cuja, cujas, cuja.

4. (U.F.VIÇOSA) Assinale o item em que há
erro no emprego do demonstrativo:
a. ( ) Paulo, que é isso que você leva?
b. ( ) “amai vossos irmãos! são essas as
verdadeiras palavras de amor.
c. ( ) Trinta de dezembro de 1077! foi
significativo para mim esse dia.
d. ( ) Pedro, esse livro que está com José é
meu.
e. ( ) Não estou de acordo com aquelas
palavras que José pronunciou.

5. (PONTA GROSSA) Convivi, durante
largos anos, com Machado e Alencar; ..........
me seduziu pela suavidade romântica do seu
estilo .............., pela ironia às vezes amarga
com que tonifica o discurso narrativo.
a. ( ) aquele, aquele.
b. ( ) este, este.
c. ( ) este, aquele.
d. ( ) esse, esse.
e. ( ) aquele, este.

6. (U.F.BRASÍLIA) À CAROLINA
1. Querida, ao pé do leito derradeiro
2. Em que descansas dessa longa vida,
3. Aqui venho e virei, pobre querida,
4. Trazer-te o coração do companheiro.
No verso 2, o demonstrativo essa:
a. ( ) Pode alternar-se com esta
indiferentemente, uma vez que se refere a fato
passado.
b. ( ) Deve ser substituído por esta no
português contemporâneo, porque demonstra
um fato próximo da primeira pessoa do
discurso.
c. ( ) É insubstituível, porque demonstra um
fato junto da segunda pessoa com quem, apesar
de morta, fala o poeta.
d. ( ) nenhuma dessas.

7. (BRAZ CUBAS) “Alguém, antes que
Pedro o fizesse, teve vontade de falar o que
foi dito.”
Os pronomes assinalados dispõem-se nesta
ordem:
a. ( ) de tratamento, pessoal, oblíquo,
demonstrativo
b. ( ) indefinido, relativo, pessoal, relativo
c. ( ) demonstrativo, relativo, pessoal,
indefinido
d. ( ) indefinido, relativo, demonstrativo,
relativo
e. ( ) indefinido, demonstrativo, demonstrativo,
relativo

8. (UCP) Observe a transformação:
Este é o livro. O professor gostou dele.
Este é o livro de que o professor gostou.
Assinale a transformação em que deverá
aparecer o relativo CUJO:
a. ( ) A rua é estreita. Existem nela vários
prédios.
b. ( ) O cargo é importante. Ele ansiava por ele.
c. ( ) Eram interessantes as notícias. Os jornais
dedicaram a elas grandes manchetes.
d. ( ) Aqui está o livro. A capa dele está toda
rasgada.
e. ( ) Este é o trabalho. O professor se referiu a
ele com entusiasmo.

9. (MACKENZIE) Indique a alternativa
onde um dos pronomes grifados tem valor de
adjetivo:
a. ( ) Não sei que diz aquele anúncio.
b. ( ) Já pensei em tudo o que ele disse.
c. ( ) De que se queixa o cliente?
88
d. ( ) Este livro é o que comprei ontem.
e. ( ) Acreditei que fosse outra pessoa.

10. (F.E.SÃO JOSÉ) A única frase em que há
erro no emprego do pronome pessoal é:
a. ( ) Para eu estudar à noite, preciso de muito
café.
b. ( ) Para mim, estudar à noite é muito difícil.
c. ( ) Devemos ser honestos com nós mesmos.
d. ( ) Não há muita diferença de idade entre eu
e você.
e. ( ) Fi-lo sentar-se.

11. (PUC-SP) João amava Teresa que amava
Raimundo que amava Maria que amava
Joaquim que amava Lili que não amava
ninguém.
A primeira parte do poema (versos 1 a 3) se
fecha com um:
I - Vocábulo II - Pertencente à classe dos
a. ( ) paroxítono pronomes indefinidos
b. ( ) oxítono adjetivos indefinidos
c. ( ) paroxítono advérbios de negação
d. ( ) oxítono pronomes demonstrativos
e. ( ) oxítono pronomes indefinidos

12. Assinale a(s) alternativa(s) que
contenha(m) o correto emprego do pronome
demonstrativo:
1. ( ) Nesse instante, está sendo iniciado o
jogo aqui em Curitiba.
2. ( ) Todos aceitam esta máxima do
vestibular: quem estuda, passa.
4. ( ) Aquilo que me foi dito não é aquilo que
vou dizer agora.
8. ( ) Esta gravura que tens aí na mão é antiga.
16. ( ) Elas próprias vieram atrasadas naquele
mês.
32. ( ) Trabalhei um dia e uma noite; durante
este fez sol e durante aquela choveu.
64. ( ) Esse assunto a que se referiram na
reunião é importante.



13. Assinale as alternativas em que não
ocorra ambigüidade:
1. ( ) O diretor comentou com a secretária que
haviam recusado a sua proposta.
2. ( ) Ele pediu a ela a sua carteira.
4. ( ) O chefe de seção anunciou à funcionária
a sua demissão dela.
8. ( ) Ele não aceitou a sua nomeação.
16. ( ) João foi ao cinema com a mãe dele.
32. ( ) João foi ao cinema com sua mãe dele.
64. ( ) João já retornou com seu carro.

14. A função sintática do pronome relativo
está corretamente indicada:
1. ( ) As grades que defendiam as janelas
eram fortes. (sujeito)
2. ( ) Prenderam o cidadão por quem fui
roubado. (predicativo do sujeito)
4. ( ) Decidi verificar melhor o lugar onde
estávamos. (objeto direto)
8. ( ) Voltou triste para a casa que lhe haviam
emprestado. ( adjunto adverbial)
16. ( ) Ela não reparou bem no menino triste
que eu era. (predicativo do sujeito)
32. ( ) E tornei a fazer o trabalho a que me
referi antes. ( objeto direto)


89

GABARITO - PRONOME

A- EXERCÍCIOS
1.
1) eu 2) mim 3) ti e
mim
4) mim 5) eu 6) ti 7) eu e ti 8) eu 9) ti e
mim
10) eu e
tu/ mim
e ti
2. d
3.
o a o o a
4.
mim, eu, mim, eu, mim, eu, mim, eu, eu, eu
5.
conosco, com você, ti, consigo, Com nós, com nós, conosco, com nós, tu, conosco.
6.
1) conosco 2) com vós 3) conosco 4) com nós 5) Conosco 6) Com nós 7) Com vós
7.
1) Eu vo-las entrego 6) Eu vo-la falei
2) Disse-lha 7) Falei-lha
3) Disse-lha 8) Falo-lhas
4) Disse-lhas 9) Dei-ta na mesa
5) Disseram-mas 10) Falo-lha
8.
1) Põe-na 12) Entregamo-lhes
2) Põe-la 13) Entregamos-lhe
3) Põem-na 14) Qui-lo em metro
4) Fá-lo 15) Tem-lo aí?
5) Faze-lo 16) Tem-no aí?
6) Faze-lo 17) Tenho-o aqui
7) Fazem-no 18) Vocês têm-no?
8) Amá-los 19) Tende-lo?
9) Ama-los 20) Sei-o sobre os ombros
10) Pu-la no prato 21) Fá-las dormindo
11) Engraxamo-los
9.
a) Ex.ª b) V.Ex.ª c) S.Ex.ª d) Exª e) S.Ex.ª f) Ex.ª g) Ex.ª h) V.Ex.ª i) S.Ex.ª
10.
a) Quebro-te a cara
b) roubaram-me o carro
c) nadam-te os olhos em prantos
d) arfa-te o peito
e) doem-me as pernas
11.
a) Permitiram-me falar
b) deixei-o ir embora
c) deixem-me sair
d) mandou-me ficar quieto
e) mandaram-me ir agora
12.
a) dele b) de ele c) dele d) de ele / dele e) dele
13.
c, c, c, e

B- QUESTÕES DISCURSIVAS
1.
com você
2.
o, lhe
3.
1) lhe, traga, seus 8) seu
2) vos, trazei, vossos 9) consigo
3) com o Sr. 10) o ódio estampava-se-lhe na face
4) com nós 11) o, lhe
90
5) compramo-los 12) satisfeito
6) V. Ex.ª 13) 10h, dg
7) km
5.
1) lhes 2) lhes 3) lhe
6.
lhe, as
7.
a) - no b) - a c) não o
8.
a) me = o b) me = lhe
9.
mim, eu
10.
a) V. Ex.ª b) V.S. c) V.A.
11.
felicitamo-los
12.
... mas se te pegar. (justificativa: na função de complemento verbal emprega-se o pronome oblíquo (TE).

C- TESTES
1. d 5. d 9. d 13. 52
2. c 6. b 10. c 14. 20
3. e 7. c 11. b 15. 71
4. a 8. d 12. a 16. a

D- EXERCÍCIOS
1.
a) o és, o foste, o serás c) o sabem e) o que g) o que
b) o que d) o que f) A que h) o que
2.
S, S, A, S, A, A
3.
a) ... do qual deves cuidar bem...
b) ... cujos quartos são grandes...
c) ... de quem falávamos ontem...
d) ... a que nos referíamos...
e) ... de que dispomos...
4.
Cujas, onde, com quem, por quem, com quem, a que, em quem, cujas, de que, de que.
5.
Essa, aqueles, Este, Estes, naquela, estas, essas, este, deste/daquela, Aqueles, este/àquela, dessas, Essa,
Aquelas, Estes.
6. (modelo)
7.
Em que eu pouco acreditava.
8.
Que eu recusei.
9.
Cujas informações não me convenceram.
10.
Em cujas informações eu não acreditei.
11.
De cujas informações eu duvidei.

E- QUESTÕES DISCURSIVAS
1.
Não encontro sua lembrança em esquina alguma desta cidade.
2.
1) ... cujos poemas foram...
2) O filme, de cujo final poucos gostaram, era de Fellini.
3) O rio Barigüi, em cujas margens costumava brincar com meus irmãos, marcou minha infância.
3.
a) Cada vez b) totalmente
91
4.
a) à fotografia do interlocutor
b) fotografia de alguém a quem o interlocutor está se referindo.
5.
Quem é esse...?
6.
Advérbio de intensidade; adjunto adverbial de intensidade.
7.
a) a qualquer ser b) totalmente, por inteiro.
8.
Entre os quais estava o seu noivo.
9.
Cujas mano as vinham sendo preparadas por grandes estrategistas.

F- TESTES
1 – 2 4 – d 7 – e 10 – d 13 – 52
2 – d 5 – c 8 - d 11 – e 14 - 49
3 – c 6 – c 9 – e 12 – 82





































92
COLOCAÇÃO PRONOMINAL


A- EXERCÍCIOS

1. Conjugue o verbo TRAZER no futuro do
presente com o pronome oblíquo OS:
Eu ............................ Nós ...................................
Tu ............................ Vós ...................................
Ele ........................... Eles ..................................

2. Faça o mesmo com o verbo TER, no futuro
do pretérito, com o pronome AS:
Eu ............................ Nós ...................................
Tu ............................ Vós ...................................
Ele .......................... Eles ..................................

3. Coloque o pronome átono
convenientemente:
a) Ninguém ..... ajudou ..... naquela situação
difícil. (o)
b) Nada ..... deixa ..... preocupado. (o)
c) Não ..... firas ..... com palavras grosseiras. (o)
d) Nunca ..... peça ..... nada. (lhe)
e) Aqui está o livro que ..... pediram ..... (me)
f) Achei o livro que ..... interessa ..... (nos)
g) Quem ..... chamou .....? (o)
h) Como ..... chama ..... a criança? (se)
i) Quando ..... disseram ..... isso? (lhe)
j) Quanto ..... custou ..... o livro? (lhe)
l) Por que ..... aborreceu ..... tanto? (se)
m) Qual dos livros ..... emprestas ..... ? (me)
n) Bons ventos ..... levem ..... ! (te)
o) Que a terra ..... seja ..... leve! (te)
p) Que os seus sonhos ..... realizem ..... (se)
q) ..... comuniquei ..... a notícia para que não .....
ignorasse ..... (lhe/a)
r) ..... convenceu ..... de que nada ..... devia .....
(me/mo)
s) Raios ..... partam ..... ! (o)
t) Bons olhos ..... vejam ..... ! (te)
u) Ninguém ..... ama ..... ninguém ..... quer .....
(me/me)
v) É árdua a missão que ..... deram ..... (lhe)
x) Logo que ..... vi ..... fiquei apaixonado. (te)
z) Não ..... (delatarei) (delatá- ..... ei), posto que
..... peçam ..... (a/me)

4. O mesmo que o anterior:
a) Deus ..... ouve ..... (o)
b) Já não ..... lembro ..... do dia em que .....
telefonei ..... (me/lhe)
c) Alguém ..... chamou ..... (me)
d) Espero que ..... divirtam ..... (se)
e) ..... dê ..... o lápis, por favor. (me)
f) Ninguém ..... ama ..... (nos)
g) Nada ..... impede ..... de aceitar o convite.
(me)
h) Se ..... trata ..... de casamento, ela aceita. (se)
i) Sempre ..... disse ..... a verdade. (lhes)
j) Não posso ..... esquecer ..... de você. (me)

5. Marque as frases incorretas:
a. 1) ( ) Se pudesse, vos contaria o que nos
aconteceu.
2) ( ) Se pudesse, contar-vos-ia o que
aconteceu-nos.
3) ( ) Se pudesse, contar-vos-ia o que nos
aconteceu.
b. 1) ( ) Me impuseram que permanecesse lá
por quinze dias.
2) ( ) Impuseram-me que permanecesse lá
por quinze dias.
3) ( ) Não me imporão que lá permaneça por
quinze dias.
c. 1) ( ) Acho que não encontrá-lo-emos mais.
2) ( ) Acho que não o encontraremos mais.
3) ( ) Ele se perdeu; talvez alguém o
encontre.
d. 1) ( ) Em se concluindo o expediente,
cerraram-se as portas.
2) ( ) Concluindo-se o expediente, se
cerraram as portas.
3) ( ) Em concluindo-se o expediente,
cerraram-se as portas.
e. 1) ( ) Ela me havia acenado com alguma
esperança...
2) ( ) Ela havia acenado-me com alguma
esperança...
3) ( ) Havia-me ela acenado com alguma
esperança...

6. Use o código:
A) Quando somente a I estiver correta;
B) Quando I e II estiverem corretas.
1. ( ) I - “O gado ia finar-se, até os espinhos
secariam.” (Graciliano Ramos)
II- O gado ia-se finar, até os espinhos
secariam.
2. ( ) I - “Compadre, eu não lhe quero dizer
coisa alguma.” (José Lins do Rego)
II- Compadre, eu não quero dizer-lhe
coisa alguma.
3. ( ) I - “Preciso contar, Sr. Juiz, como se foi
formando entre nós esse estado de espírito.”(A.
Machado)
II - Preciso contar, Sr. Juiz, como foi
formando-se entre nós esse estado de espírito.
4. ( ) I - “As visões do sono tinham-se
dissipado.” (Graciliano Ramos)
II - As visões do sono tinham dissipado-
se.








93
B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Nas questões abaixo, reescreva
as orações substituindo os complementos
verbais sublinhados pelos pronomes
correspondentes, combinando-os quando
necessário:
I) Os cristãos amam a Deus.
.............................................................................
II) Já que você irá precisar dos livros, tratarei
de trazer os livros amanhã mesmo.
.............................................................................
III) Tão logo o banco abra, entregarei os
cheques ao caixa.
.............................................................................

2. (CEFET) Reescreva a frase, intercalando o
pronome do parênteses, fazendo as
modificações que se fizerem necessárias:
Se Regina não estiver na fazenda, procurarei em
Campinas. (A)
.............................................................................
.............................................................................

3. (CEFET) Reescreva os períodos,
substituindo a forma verbal pela do Futuro
do Presente do Indicativo, mantendo a
mesma pessoa, número e fazendo acertos se
necessário.
Modelo: Divido-o com cuidado.
Dividi-lo-ei com cuidado.
1) Trago-lhe o trigo da Argentina.
.............................................................................
2) Põem-no sobre a mesa.
.............................................................................
3) Faço-o com muito prazer.
.............................................................................

4. (UFSC) Reescreva o período abaixo,
corrija-o, se necessário, quanto à colocação
pronominal. Em seguida, justifique a
resposta dada:
Nas mesas que encontram-se à esquerda,
estavam os petiscos.
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................


C- TESTES

1. (ITA) Dadas as sentenças:
1) Seria-nos mui conveniente perceber tal
orientação.
2) Em hipótese alguma enganaria-te.
3) Você e a pessoa que delatou-me.
Constatamos que está(ao) correta(s):
a. ( ) apenas a sentença número 1.
b. ( ) apenas a sentença número 2.
c. ( ) apenas a sentença número 3.
d. ( ) todas as sentenças.
e. ( ) n.d.a.

2. (UCP) Assinale o período em que a
colocação do pronome pode ser alterada:
a. ( ) Passe-me o livro, por favor!
b. ( ) Foi este o artigo que vocês leram e me
recomendaram?
c. ( ) A criancinha veio, mal se equilibrando
nos pezinhos.
d. ( ) Ter-se-ão retirado, quando você chegar.
e. ( ) Não lhe quero falar sobre o caso.

3. (UCP) Indique a opção que contém erro de
colocação pronominal:
a. ( ) Resolveram faze-la tomar um calmante.
b. ( ) Quando conheci-a era uma jovem de
apenas 16 anos.
c. ( ) - Pelo amor de Deus, salve-me!
d. ( ) Veio de novo o rapaz que era médico,
mas a velha o rejeitou com um gesto.
e. ( ) Assim que o viu, Dona Dalva agarrou-lhe
a mão.

4. (Londrina)
Tanto .......... que não .......... para o novo
projeto, que .......... a apresenta-lo durante a
reunião.
a. ( ) dissemos-lhe, convocasse-nos, se
recusou.
b. ( ) dissemos-lhe, nos convocasse, se
recusou.
c. ( ) dissemos-lhe, convocasse-nos, recusou-
se.
d. ( ) lhe dissemos, nos convocasse, se recusou.
e. ( ) lhe dissemos, nos convocasse, recusou-se.

5. (MACKENZIE) Assinale a incorreta:
a. ( ) Nunca se ouviu falar dele.
b. ( ) Apelidar-te-ei de “formoso”.
c. ( ) Me impuseram severo castigo.
d. ( ) Largaste-me só e desamparado.
e. ( ) Apressa-te porque já é dia.

6. (DIR.CTBA) “Um Delfim à venda”.
“Um Delfim está à venda em Curitiba, não
trata-se propriamente do Ministro mas sim,
de um de seus smokings, presenteado a um
curitibano que o colocou a venda.”
Na notícia acima, o pronome grifado em “não
trata-se...” está empregado:
a. ( ) erroneamente, porque o advérbio de
negação é palavra atrativa e, neste caso, a
próclise é obrigatória.
b. ( ) corretamente, porque nunca o pronome
deve ser usado procliticamente, quando depois
do verbo houver um advérbio de modo.
94
c. ( ) corretamente, porque o verbo tratar é
transitivo indireto e, neste caso, a ênclise é
obrigatória.
d. ( ) erroneamente, porque o verbo tratar é
transitivo direto e, neste caso, deve ocorrer a
próclise.
e. ( ) a colocação do pronome é facultativa
(próclise ou ênclise) uma vez que antes e depois
do verbo há um advérbio.

7. (MARINGÁ) A próclise em Deus me livre!
obedece à mesma regra que obedece um dos
períodos abaixo. Indique-o:
a. ( ) Na desventura, muitos se entregam a
Deus!
b. ( ) Bons ventos o levem!
c. ( ) Quem me explicou este assunto?
d. ( ) Deus nos convida, embora pouca atenção
lhe demos.
e. ( ) Mal me lembrei da resposta, vibrei.

8. (MARINGÁ) O oblíquo o coloca-se
proclítico nos períodos abaixo, exceto em:
a. ( ) Deus ..... livre ..... de um tropeço na
prova!
b. ( ) Como ..... achou ..... ontem?
c. ( ) Não quis o rapaz aqui, ..... mandei-.....
embora.
d. ( ) Talvez ..... encontre ..... na outra sala.
e. ( ) Nada ..... perturba ..... nas provas.

9. (DIR.CURITIBA) O pronome está
corretamente colocado na alternativa:
a. ( ) Jamais arrepender-me-ei do que fiz.
b. ( ) Venha imediatamente, ou já não
encontrar-me-á.
c. ( ) Não iniciou-se na hora prevista.
d. ( ) Sei onde colocaram-no.
e. ( ) Quando me viu, perturbou-se.

10. (UFPR) Quais são as frases que têm o
pronome oblíquo mal empregado?
Assinale a seqüência correta:
1. Ninguém falou-me jamais dessa maneira.
2. Bons ventos o levem!
3. Ele recordar-se-á com certeza do vexame
sofrido.
4. As pastas que perderam-se, não foram as
mais importantes.
6. Me empreste o livro?
7. Por que permitir-se-iam esses abusos?
a. ( ) 1, 4, 6, 7
b. ( ) 2, 3, 5, 7
c. ( ) 1, 2, 3, 6
d. ( ) 3, 4, 5, 6
e. ( ) 1, 3, 5, 7

11. (ACAFE) Assinale a incorreta:
a. ( ) Nunca o vi assim.
b. ( ) Fi-lo com prazer.
c. ( ) Amam-a muito.
d. ( ) Amá-la-ei sempre.
e. ( ) Amei-o como irmão.

12. Assinale a(s) alternativa(s) incorreta(s):
1. ( ) Se apresentar-lhe os pêsames, faça-o
discretamente.
2. ( ) Você não devia calar-se.
4. ( ) O filho não atendeu-o prontamente.
8. ( ) Ninguém quer aconselhá-lo.
16. ( ) Não dar-lhe-ei qualquer informação.
32. ( ) Por que não me havias dito que o
presente iria custar-te tão caro?
64. ( ) Se me tivessem perguntado, ter-lhes-ia
respondido.

13. Assinale a(s) alternativa(s) incorreta(s):
1. ( ) Não se preocupe com o trabalho, o
faremos esta semana.
2. ( ) Não preocupe-se com o trabalho, fá-lo-
emos esta semana.
4. ( ) Não se preocupe com o trabalho, fá-lo-
emos esta semana.
8. ( ) Quanto à sua parte, façam-la tranqüilos.
16. ( ) Pareceu-me bom comprá-la agora.
32. ( ) Em se ausentando, entristeceu-me.
64. ( ) Hoje pude deitar-me mais cedo.

14. Estão corretas as alternativas:
1. ( ) Já notam-se mudanças na administração.
2. ( ) Em tratando-se de caso grave, procure-
me!
4. ( ) Vamos, crianças, se levantem!
8. ( ) Jamais perdoar-te-ei, Luísa!
16. ( ) Visitarei-te amanhã de manhã.
32. ( ) Quando entregaram-lhe o resultado!
64. ( ) Argumentando, lhe mostrei os pontos
favoráveis.

15. Estão corretas as alternativas:
1. ( ) Com quem não simpatizas-te?
2. ( ) Nada te autoriza a fazer isso.
4. ( ) Recusei a idéia que apresentaram-me.
8. ( ) Qui-la como namorada sempre.
16. ( ) Sempre vi-a sair à tarde.
32. ( ) Quando cumprimentaram-na, desmaiou.
64. ( ) Os soldados não obedeceram-lhes as
ordens.






95

GABARITO - COLOCAÇÃO PRONOMINAL

A- EXERCÍCIOS
1.
Trá-los-ei, trá-los-ás, trá-los-á, trá-los-emos, trá-los-eis, trá-los-ão
2.
Tê-las-ia, tê-las-ias, tê-las-ia, tê-las-íamos, tê-las-íeis, tê-las-iam
3.
a) próclise g) próclise n) próclise t) próclise
b) próclise h) próclise o) próclise u) próclise/próclise
c) próclise i) próclise p) próclise v) próclise
d) próclise j) próclise q) ênclise/próclise x) próclise
e) próclise l) próclise r) ênclise/próclise z) próclise/próclise
f) próclise m) próclise s) próclise
4.
a) próclise ou ênclise f) próclise
b) próclise/próclise g) próclise
c) próclise h) próclise
d) próclise i) próclise
e) ênclise j) ênclise
5.
a) 1 e 2 b) 1 c) 1 d) 2 e 3 e) 2
6. B, B, B, A

B- QUESTÕES DISCURSIVAS
1.
I- amam-nO
II- de traze-los
III- entregar-lho-ei.
2.
... procurá-la-ei
3.
1) Trá-lo-ei
2) Pô-lo-ão
3) Fá-lo-ei
4.
Nas mesas que se encontravam... (relativo que exige próclise).

C- TESTES
1 - e 4 - d 7 - b 10 - a 13 - 11
2 - e 5 - c 8 - c 11 - c 14 - 00
3 - b 6 - a 9 - e 12 - 21 15 - 10




















96
VERBO

A- EXERCÍCIOS

Complete as lacunas:
VERBOS PART. REGULAR PART. IRREGULAR
aceitar
entregar
expressar
expulsar
isentar
fritar
frigir
limpar
matar
morrer
pegar
salvar
soltar
acender
benzer
eleger
prender
suspender
imprimir
submergir
* gastar x.......x.......x.......x......
* pagar x.......x.......x.......x.......
* ganhar x.......x.......x.......x.......
escrever
pôr
abrir
benquerer
cobrir
malmequer
enxugar
incorrer
vir x.......x.......x.......x.......
extinguir

B- EXERCÍCIOS

1) Flexione o imperativo de IR:
Presente do
Indicativo
Imperativo
Afirmativo
Presente do
Subjuntivo
Imperativo
Negativo
vou - vá
vais ------------ - vás ------------ não -
vai -
----
vá ------------ não -
vamos -
----
vamos ---------- não -
ides ------------- - vades ---------- não -
vão -
----
vão ----------------- não -





97
2) Formação do Futuro do Subjuntivo. Siga o
modelo:
VIR: Talvez quando eu vier.
a) Ver, talvez quando eu .....................................
b) Ter, talvez quando tu ......................................
c) Rever, quem sabe quando eu ..........................
d) Pôr, talvez quando eu .....................................
e) Deter, talvez quando eu ..................................
f) Ir, talvez quando eu ........................................
g) Provir, talvez quando eu ................................
h) Ser, talvez quando eu .....................................
i) Fazer, talvez quanto tu ....................................
j) Poder, se você .................................................
l) Ir, somente se tu ................................... agora.
m) Querer, talvez quando eles ...........................
n) Reaver, somente quando ele ................. tudo.
o) Prover, quando eles .......................................

3) Passe da voz passiva analítica para a
passiva sintética:
a) Os metalúrgicos serão remunerados
condignamente.
.............................................................................
.............................................................................
b) Todos os portões do estádio foram abertos ao
meio-dia.
.............................................................................
.............................................................................
c) A nave seria lançada ao espaço à uma hora.
.............................................................................
.............................................................................
d) Estas casas são vendidas a preço baixo.
.............................................................................
.............................................................................
e) Aqui são dadas aulas particulares de
Português gratuitamente.
.............................................................................
.............................................................................

4) Qual seria a voz passiva dos verbos
sublinhados?
a) “Já as mulheres tinham improvisado uma
trempe (...)” (R.Q)
.............................................................................
.............................................................................
b) “As cousas do mundo estavam reduzindo
minhas admirações do menino.” (J.L.R.)
.............................................................................
.............................................................................
c) “Podia sentir seu cheiro, tão perto estava
(...)” (A. Dourado)
.............................................................................
.............................................................................

5) A voz ativa dos verbos destacados?
a) Tentei abrir a porta, mas o ferrolho tinha
sido corrido (...) (Cornélio Pena)
.............................................................................
.............................................................................
b) As pessoas têm sido amadas por Deus.
.............................................................................
.............................................................................
c) Hei de ser amado pelo filho.
.............................................................................
.............................................................................

6) Dê as formas solicitadas dos verbos abaixo
no Presente do Subjuntivo.
a) 1ª p. pl. do v. falar:
.............................................................................
b) 2ª p. sing. do v. vender:
……………………………...........................…..
c) 3ª p. pl. do v. partir:
.............................................................................
d) 2ª p.pl. do v. fazer:
.............................................................................
e) 1ª p. sing. do verbo poder:
.............................................................................
f) 3ª p. sing. do verbo sair:
.............................................................................
g) 2ª p. pl. do v. nascer:
.............................................................................

7) Complete adequadamente as frases
seguintes com os verbos indicados entre
parênteses:
a) Talvez eu .......... hoje à noite. ( sair)
b) Se o dinheiro der, talvez nós .......... um carro
novo. (comprar)
c) Talvez eu .......... ao teatro amanhã. (ir)
d) É provável que nós .......... os resultados da
prova. (saber)
e) É preciso que vós ............ (morrer)
f) É necessário que nós .......... este compromisso
urgentemente. (assumir)
g) É necessário que eu .......... o exercício
proposto. (fazer)

8) Dê as formas solicitadas dos verbos abaixo
no Imperativo Afirmativo:
a) 2ª p. sing. do v. beijar:
.............................................................................
b) 1ª p. pl. do v. adquirir:
.............................................................................
c) 2ª p. pl. do v. partir:
.............................................................................
d) 2ª p. sing. do v. abraçar:
………………………................................…….
e) 3ª p. pl. do v. poder:
.............................................................................
f) 2ª p. pl. do v. repreender:
.............................................................................

9) Passe para a forma negativa as frases
seguintes:
a) Sai depressa
.............................................................................
b) Dizei a verdade
.............................................................................
98
c) Faze o exercício
.............................................................................
d) Parte depressa
.............................................................................
e) Comei tudo
.............................................................................
f) Pensa em ti
.............................................................................

10) Preencha com a forma correta do
particípio:
a) Infelizmente, tinha .............. em desgraça.
(incorrer)
b) Suas mãos estavam ............. porque ele as
tinha ............. (enxugar)
c) As mercadorias estavam ............ de imposto,
mas não o haviam ................ dos impostos.
(isentar)
d) Na segunda-feira já estavam .......... todas as
notas, exceto daqueles que tinham .......... a
prova com atraso. (entregar)
e) As notas foram .......... hoje, pois ontem
ninguém as tinha .................... (pegar)


C- QUESTÕES DISCURSIVAS


1. (CEFET)
a) Siga o modelo:
Se você cantar, eu também cantarei.
Se você .........., eu também virei de novo
aqui.
b) Siga o exemplo do item anterior:
Se você .......... as contas, eu também vou
rever as minhas contas.
c) Siga o exemplo:
Vender a mercadoria? Ora, ele já vendeu.
Deter os assaltantes? Ora, a polícia já os
.............................................................................
d) Siga o exemplo:
Ela coloca os pratos na mesa. Não: são elas
que colocam.
Ela põe os pratos na mesa. Não: são elas que
.............................................................................
e) Siga o exemplo:
Brincar com barbante? Claro: a criança
brinca.
Entreter-se com barbante? Claro: a criança
.............................................................................

2. (FUVEST) Os verbos e o pronome
destacados estão na segunda pessoa do
singular. Reescreva o período, usando a
segunda pessoa do plural.
“Eia! Chora os dois recentes mortos, se tens
lágrimas. Se só tens riso, ri-te!” (M.Assis)
.............................................................................
.............................................................................

3. (FEI) Passe a frase para a segunda pessoa
do singular:
“Meu caro Dom Casmurro, não cuide que o
dispenso do teatro amanhã; venha (...)” (M.Assis)
.............................................................................
.............................................................................

4. (FUVEST) Passe o texto para a forma
negativa:
“Sai daqui! Foge! Abandona o que é teu e
esquece-me.”
.............................................................................
.............................................................................

5. (FEI) Na expressão: “Deus te favoreça!”,
substitua o verbo favorecer por:
a) abençoar b) ouvir c) proteger
a)
.............................................................................
b)
.............................................................................
c)
.............................................................................

6. (FEVEST) Reescreva as frases abaixo,
substituindo convenientemente as formas
verbais destacadas pelos verbos colocados
entre parênteses:
a) Se você se colocasse em meu lugar,
perceberia melhor o problema. (pôr)
.............................................................................
.............................................................................
b) Quando descobrirem o logro em que caíram,
ficarão furiosos. (ver)
.............................................................................
.............................................................................

7. (UNIFAAP) Dê nova redação à frase que
segue, passando para a voz ativa, sem
mudança de tempo e modo verbais: “Foi
nomeada tutora.”
.............................................................................
.............................................................................

8. (FUVEST) Reescreva as duas frases
seguintes, de acordo com o modelo:
Os preços irreais afetaram a previsão
orçamentária.
A previsão orçamentária foi afetada pela
irrealidade dos preços.
a) Os rostos impassíveis disfarçavam a emoção
do povo.
.............................................................................
.............................................................................
b) A noite negra assustava os viajantes.
.............................................................................
.............................................................................

99
9. (FUVEST) Altere a redação do período
abaixo, empregando os verbos na voz
passiva:
“... e se às vezes me repreendia, à vista de gente,
fazia-o por simples formalidade.” (M.A.)
.............................................................................
.............................................................................

10. (FEI) Reescreva na voz passiva o trecho
abaixo, conservando o verbo no mesmo
tempo e modo.
“Se os filhos dos pescadores ouvissem o ruído
da vaca, eu escutaria o rangido longínquo dos
carros de bois.”
.............................................................................
.............................................................................

11. (FUVEST) Coloque na forma adequada
os verbos entre parênteses:
a) Ficarei feliz se você (manter) a calma.
.............................................................................
.............................................................................
b) Quando ele (intervir) na disputa, foi inábil.
.............................................................................
.............................................................................

12. (CEFET) Transcreva o período abaixo na
voz passiva sintética:
Vendia relógios no contrabando.
.............................................................................
.............................................................................


D- TESTES

1. (UCP) Assinale a opção que preenche
corretamente os pontilhados:
Se o ...........................-lhe que me procure.
a. ( ) vir, dize
b. ( ) vir, diga
c. ( ) virem, dizei
d. ( ) vires, diga
e. ( ) ver, dize

2. (UFPR)
1. Se você ..............., virei também.
2. Se você ..............., caberei também.
3. Se você ..............., verei também.
4. Se você ..............., irei também.
5. Se você ..............., poderei também.


a. ( ) vir, couber, ver, for, puder.
b. ( ) vier, couber, vir, for, puder.
c. ( ) vier, caber, vir, ir, puder.
d. ( ) vir, couber, ver, ir, poder.
e. ( ) vier, caber, vir, for, poder.

3. (MACK) Nos períodos extraídos do texto 1,
o único que não contém uma forma nominal
do verbo é:
a. ( ) “... os atenienses saltaram, logo,
espinoteando com a novidade.”
b. ( ) “... os inúmeros professores, de
gramática, incapazes de escrever um período
original, declararam que era preciso meter-lhe o
pau!”
c. ( ) “Escová-lo, para se não fazer de atrevido
e desrespeitador das coisas mais sagradas desta
vida.”
d. ( ) “... eram observações do real, trabalhadas
com estilo, pintaram espirituosamente os
costumes e os tipos ridículos do Maranhão.”
e. ( ) “Por desfastio, escreveu e publicou
alguns folhetins; não agradaram - falavam muito
a sério!”

4. (UFPR) Indique a alternativa em que as
duas frases são seguidas de formas
adequadas ao preenchimento de suas
lacunas:
a. ( ) I - O advogado tudo fez para que o cliente
.......... seus bens. (reouvesse)
II- O texto estava ..........em caracteres
góticos. (imprimindo)
b. ( ) I - Admites .......... o culpado? (seres)
II- Se .......... Antônio, comunique-lhe o
fato. (vires)
c. ( ) I - Se é para requerer desquite, eu ..........
(requeiro)
II- O rapaz tinha .......... o bonde errado.
(pegado)
d. ( ) I - Não sei o que farei se ele se .......... a
esta solução. (opuser)
II- Se ele quer .......... aqui, que venha.
(vim)
e. ( ) I - Tudo farei para que você .......... seus
bens. (reaja)
II- Só descansarei quando .......... a minha
família. (revir)

5. (UFPR) Qual é o período gramaticalmente
incorreto quanto à forma do verbo no
particípio?
a. ( ) As luzes estão acesas.
b. ( ) O motorista tinha soltado o volante.
c. ( ) Havia expulsado o chefe de sua casa.
d. ( ) A conta foi pagada pelo irmão.
e. ( ) Tenho aceitado dinheiro.

6. (CESGRANRIO) Assinale a opção que
completa corretamente as lacunas da
seguinte frase:
Quando .............. mais aperfeiçoado, o
computador certamente ............ um eficiente
meio de controle de toda a vida social.
a. ( ) estivesse/será
b. ( ) estiver/seria
100
c. ( ) esteja/era
d. ( ) estivesse/era
e. ( ) estiver/será

7. (SANTA CASA-SP) Assinale a alternativa
correta quanto ao uso de verbos abundantes:
a. ( ) Por haver aceitado as normas o candidato
foi aceito na Faculdade.
b. ( ) Por haver morto o passarinho, o menino
chorou. Realmente o bicho estava bem morto.
c. ( ) Foi elegido pelas mulheres apesar de
haver eleito a maioria dos homens.
d. ( ) O pastor tinha emergido os crentes depois
de ser emergido ele mesmo pelo bispo. Era
emersão que não acabava mais.
e. ( ) Todos os casos serão omitidos da pauta
tal como você já tivera omisso os seus casos
ontem.

8. (MARINGÁ) Há verbos com particípios
duplos. Assinale a alternativa em que está
INCORRETO o emprego do particípio:
a. ( ) Longa vela foi acendida para que pudesse
fazer a prova com sucesso.
b. ( ) Todos ficaram isentos? Quem é que o
fiscal havia isentado?
c. ( ) A vela era benta?
d. ( ) A prova está sendo aceita.
e. ( ) O vigário teria benzido a água?

9. (FCC) Transpondo para a voz ativa a frase
“O processo deve ser revisto pelos dois
funcionários”, obtém-se a forma verbal:
a. ( ) deve-se rever.
b. ( ) será revisto.
c. ( ) devem rever.
d. ( ) reverão.
e. ( ) rever-se-á.

10. (FCC) Transpondo para a voz passiva a
oração “Estava terminando o bordado
naquele momento”, o verbo apresentará a
forma:
a. ( ) fora terminado.
b. ( ) estava sendo terminado.
c. ( ) estava para ser terminado.
d. ( ) estava a terminar.
e. ( ) tendo terminado.

11. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s)
quanto ao emprego da forma verbal:
1. ( ) Faça o possível, estuda bem a prova.
2. ( ) Se vieres ao colégio, trazes meu livro.
4. ( ) Age com calma, não te importes com os
exageros.
8. ( ) Saia de casa e anda um pouco todo dia.
16. ( ) Não esqueça nunca tuas obrigações.
32. ( ) “Ame o teu próximo como a ti mesmo.”
64. ( ) “Amas o teu próximo como a ti
mesmo.”

12. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s)
quanto ao emprego da forma verbal:
1. ( ) Se eles intervirem junto ao presidente,
receio que consigam o adiantamento.
2. ( ) Receiamos os manifestantes violentos.
4. ( ) Ainda que você odeie, eu não odiarei.
8. ( ) Ainda que você varie, eu não variarei.
16. ( ) Ainda que você se apiade, eu não me
apiadarei.
32. ( ) Ainda que você aga, eu não agiarei.
64. ( ) As pernas arreiam e ele fica estendido,
desmanchado, no chão.

13. Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s):
1. ( ) Meu amigo, seja inteligente; vá ao nosso
departamento e requeira um cupom de
descontos.
2. ( ) Meu amigo, sê inteligente; vai ao nosso
departamento e requere um cupom de
descontos.
4. ( ) Meus amigos, sejais inteligentes; ides ao
nosso departamento e requereis um cupom de
descontos.
8. ( ) Meus amigos, sejamos inteligentes;
vamos ao nosso departamento e requeiramos um
cupom de descontos.
16. ( ) Meus amigos, sede inteligentes; ide ao
nosso departamento e requerei um cupom de
descontos.
32. ( ) Meu amigo, não sejas inteligente; não
vás ao nosso departamento e não requeiras um
cupom de descontos.
64. ( ) Meu amigo, não sejais inteligentes; não
ides ao nosso departamento e não requeireis um
cupom de descontos.


E- EXERCÍCIOS

1. Continue a conjugação iniciada dos verbos
irregulares abaixo:
a) Imperfeito do subjuntivo do verbo dar:
desse, desses,
.............................................................................
.............................................................................
b) Presente do indicativo do verbo mobiliar:
mobílio,
.............................................................................
.............................................................................
c) Presente do indicativo do verbo magoar:
magôo,
.............................................................................
.............................................................................
d) Presente do indicativo do verbo apiadar-se:
apiado-me,
.............................................................................
.............................................................................
101
2. Complete as frases abaixo com os verbos
indicados entre parênteses, nos tempos e
modos pedidos:
a) Eu ........ por notícias suas. (ansiar - Pres.
Ind.)
b) É importante que nós ........ agora. (cear -
Pres. Subj.)
c) Talvez nós ........ em outro jornal. (anunciar -
Pres. Subj.)
d) É preciso que eles ........ a situação. (remediar
- Pres. Subj.)
e) Não oculte suas emoções. Se necessário,
........ seu inimigo. (odiar - Imp. Afirm.)
f) Há anos que nós ........ uma vaga naquela
faculdade. (pleitear - Pres. Ind.)

3. Conjugue:
INCENDIAR - Pres. Ind. ODIAR - Pres. Subj.







HASTEAR - Pres. Ind. CEAR - Pres. Subj.







APAZIGUAR - Pres. Ind. AVERIGUAR - Pres. Subj.








4. Nas frases que seguem o verbo destacado
está no tempo composto. Analise o código
abaixo:
a) mais-que-perfeito comp. do subj.;
b) infinit. impessoal perfeito;
c) perfeito composto do subj.;
d) mais-que-perfeito composto do ind.;
e) perfeito composto do indicativo.

I. ( ) “Germiniano recebeu elogios por ter
sabido pôr o homem em seu lugar.” (J.J.Veiga)
II. ( ) “Se você soubesse como eu tenho
andado preocupado, por sua causa.” (M.Assis)
III. ( ) “O menino tinha armado a rede no
peitoril, recusando a sala ou a varanda (...)”
IV. ( ) “Talvez esta mútua repulsa não tenha
surgido agora à primeira vista (...) (E.Veríssimo)
V. ( ) “Mas, como se não me tivesse ouvido,
Eugênio caminha para mim (...)” (E.Veríssimo)

5. Assinale certo (C) ou errado (E) à frente de
cada uma das alternativas que seguem,
observando o uso do infinitivo pessoal ou
impessoal:
a) A ti seria útil estudar mais e falar menos. ( )
b) Não querias afastares-te daqui. ( )
c) Não podias recusar o trabalho que te
propusemos. ( )
d) Mande-os saírem. ( )
e) Havia casos difíceis de solucionar. ( )
f) O comandante gritou do alto da colina:
avançar! ( )
g) Suponho não ser culpados. ( )
h) Ouvimos caírem as árvores. ( )

6. Preencha o espaço em branco com uma das
formas entre parênteses, de acordo com as
normas do uso do infinitivo:
a) O conflito das Ilhas Falkland faz-nos ......... a
nossa defesa. (rever, revermos)
b) “Candidatos querem .......... professores.”
(agradar, agradarem) (Jornal do Brasil)
c) “É certo que as naturezas capazes de ..........
ao choque das paixões humanas são
inteiramente raras.” (resistir, resistirem) (M.Assis)



102
7. Indique o aspecto dos verbos destacados,
de acordo com o código que segue:
a) cursivo b) incoativo c) freqüentativo

a.( ) “E começava a ter os meus medos dos
pecados pelo castigo do alto.” (J.L.do Rego)
b. ( ) “Estamos saindo da Rua de Cima, por
onde as vacas de seu Antonico Borges
transitam.” (G.Rosa)
c. ( ) A barra do dia vai clareando.
d. ( ) “(...) em seguida sapateava, miúdo e
cerrado, freneticamente (...)” (A.Azevedo)
e. ( ) “Sempre se falou mal dos funcionários
públicos, inclusive dos que passam a hora do
expediente escrevinhando literatura.”
(C.D.Andrade)


F- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (ENG.MAUÁ) Reescreva a frase abaixo
com os verbos no presente do indicativo:
“Apiedei-me; tomei-a na palma da mão e fui
depô-la no peitoril da janela.” (Machado de Assis)
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

2. (FUVEST) Na frase: “Esse homem que
enriquecera no fabrico de albardas, tinha
tido sempre o sonho de uma casa magnífica
(...)” (Machado de Assis)
Um dos verbos está na forma simples: o
outro, na composta. Identifique modo e
tempo.
enriquecera
.............................................................................
.............................................................................
tinha tido
.............................................................................
.............................................................................

3. (FEI) Nas frases que seguem, os verbos
destacados ocorrem na forma composta.
Qual é a forma simples correspondente?
a) “O perigo dos barbeiros, o modo pelo qual os
malditos agiam (...), tudo isso ele havia
explicado ao Maximino.” (Mário Palmério)
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

b) “Nestes últimos tempos tenho convivido mais
intimamente com Eugênio Fontes.” (E.Veríssimo)
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

c) “Veja que tudo tem mudado: (...)” (M.Palmério)
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

4. (FEI) Com relação à frase de Mário
Palmério: “Todos perceberam que João
Fanhoso dera rebate falso”, responda:
a) Em que tempo está a forma verbal dera?
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................
b) Qual é a forma verbal composta
correspondente?
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................
c) Como se justifica o seu emprego?
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

5. (FUVEST) Reescreva as frases a seguir,
segundo o modelo:
Mandou que ele entrasse.
Mandou-o entrar.
a) Isso fez com que elas caíssem.

.............................................................................
.............................................................................
b) Deixaram que eles saíssem.

.............................................................................
.............................................................................

6. (CEFET) Escreva a forma verbal que
preenche corretamente as lacunas:
a) É bom que ele ............ (averiguar) o saldo.
b) Agora traz o material, mas ontem ele não o
............ (trazer)
c) ............ (manter)-te atento, para não seres
espoliado!
d) ............ (pôr) mais ânimo nesse teu rosto e
mexe-te!


G- TESTES

1. (CESGRANRIO) Não há a devida
correlação temporal das formas verbais em:
a. ( ) Seria conveniente que o leitor ficasse sem
saber quem era Miss Dollar.
b. ( ) É conveniente que o leitor ficaria sem
saber quem é Miss Dollar.
c. ( ) Era conveniente que o leitor ficasse sem
saber quem foi Miss Dollar.
d. ( ) Será conveniente que o leitor fique sem
saber quem é Miss Dollar.
e. ( ) Foi conveniente que o leitor ficasse sem
saber quem era Miss Dollar.

103
2. (PONTA GROSSA) “E ela teria esquecido
as rosas e a sua beleza.” (C.Linspector)
O tempo do verbo, nesta oração, é o :
a. ( ) fut. pres. simples do indic.
b. ( ) fut. pass. simples do indic.
c. ( ) mais-que-perf. composto do indic.
d. ( ) imperf. composto do indic.
e. ( ) fut. pret. composto do indic.

3. (FATEC) A flexão do infinitivo está errada
em que período?
a. ( ) Não saíres, tu que não paravas em casa.
b. ( ) Deixai-os saírem, eu vos peço.
c. ( ) Vi as nucas se curvarem mais e mais.
d. ( ) Julgo serdes os representantes do clube.
e. ( ) n.d.a.

4. (CEET) Em que alternativa seria incorreto
o emprego do infinitivo flexionado? (O verbo
está dado entre parênteses).
a. ( ) Permitiu-nos .......... aqui. (permanecer)
b. ( ) É nossa oportunidade, .......... a ocasião
não é temeridade. (aproveitar)
c. ( ) Dar-te-ei o suficiente para não ............
aperto. (passar)
d. ( ) “É para se .............!” Assim estava no
cartão que nos enviou. (divertir)
e. ( ) n.d.a.

5. (CESESP-PE) Assinalar o único item em
que o emprego do infinitivo está errado:
a. ( ) Deixei-os sair, mas procurei orientá-los
bem.
b. ( ) De hoje a três meses podes voltar aqui.
c. ( ) Disse ser falsas aquelas assinaturas.
d. ( ) Depois de alguns instantes, eles parecia
estarem mais conformados.
e. ( ) Viam-se brilhar as primeiras estrelas.

6. (U.F.JUIZ DE FORA) Assinale a
alternativa em que aparecem os três modos
verbais: indicativo, subjuntivo e imperativo:
a. ( ) “... os peixes, que se recusavam a Pedro,
enchiam a rede que Jesus mandara lançar.”
b. ( ) “Uma noite, perante os discípulos
turbados, caminhou lisamente sobre o mar,
como nós outros pisamos o chão.”
c. ( ) “Finalmente, e sem que para isso pudesse
restar sombra de dúvida, disse ao cadáver de
uma jovem: Anda, e o cadáver abriu os olhos,
andou.”
d. ( ) “Não se calou, como poderia ser a forma
de sua amargura...”
e. ( ) “Não concordou, propiciando o sinal que
atestasse aos espíritos mais escuros a evidência
da sua natureza.”




7. (SÃO LEOPOLDO) “Embora tivesse
testado o aparelho antes de usá-lo, no
momento da apresentação, ele falhou. Na
semana passada, tinha acontecido o mesmo
problema.”
No texto acima os verbos destacados estão,
respectivamente, no:
a. ( ) pretérito perfeito do indicativo e pretérito
perfeito do subjuntivo.
b. ( ) pretérito mais-que-perfeito do indicativo
composto e pretérito imperfeito do subjuntivo.
c. ( ) pretérito mais-que-perfeito do subjuntivo
composto e pretérito mais-que-perfeito do
indicativo composto.
d. ( ) pretérito perfeito do indicativo composto
e pretérito mais-que-perfeito do indicativo
composto.
e. ( ) pretérito imperfeito do indicativo
composto e presente do subjuntivo.

8. (FMU) Compare os verbos destacados no
verso 1 e no verso 2:
“Andorinha lá fora está dizendo”
“Andorinha, andorinha, minha cantiga é mais
triste.”
Temos respectivamente:
a. ( ) um verbo de ação e um verbo de ligação.
O primeiro sugere ação em curso; o segundo,
permanência.
b. ( ) um verbo de ligação e um verbo de
ligação. Ambos sugerem permanência.
c. ( ) um verbo de ação e um verbo de ação.
Ambos sugerem ação passageira.
d. ( ) um verbo de ligação e um verbo de ação.
O primeiro sugere permanência; o segundo,
ação passageira.
e. ( ) um verbo de ação e um verbo de ligação.
O primeiro sugere permanência; o segundo,
ação passageira.

9. (FAC. SÃO MARCOS) Classifique os
verbos conforme as indicações que seguem,
quanto ao sufixo:
1 - sinalizar
2 - amadurecer
3 - bebericar
4 - apedrejar

a) verbo freqüentativo
b) verbo diminutivo
c) verbo incoativo
d) verbo causativo

a. ( ) 1a; 2b; 3c; 4d
b. ( ) 1d; 2c; 3b; 4a
c. ( ) 1c; 2d; 3a; 4b
d. ( ) 1c; 2d; 3b; 4a

104
10. “Depois de ter passado o dia inteiro
gastando sola.” A forma simples do verbo
destacado é:
a. ( ) passado
b. ( ) tido
c. ( ) passar
d. ( ) tido passado
e. ( ) n.d.a.

11. (ÁLVARES PENTEADO) “Os infantes
não chegariam lá, ou, se chegassem, seria a
duras penas...” As formas verbais compostas
correspondentes às formas simples
destacadas são, respectivamente:
a. ( ) tinham chegado - tivessem chegado
b. ( ) não há - tinham chegado
c. ( ) teriam chegado - têm chegado
d. ( ) terão chegado - tivessem chegado
e. ( ) teriam chegado - não há

12. (UFPR) Estudarem pode preencher uma
das lacunas abaixo:
a. ( ) Mandou-os ............ a questão.
b. ( ) Eles devem ............ a questão.
c. ( ) Todos querem .......... a questão.
d. ( ) Pediu-lhes para ........... a questão.
e. ( ) Eles talvez possam ............ a questão.

13. Assinale a(s) alternativa(s) em que há
correspondência entre as formas verbais
compostas e as simples correspondentes:
1. ( ) Ainda que você tenha jurado eu não
acredito. (jurou)
2. ( ) Caso eles tenham saído, avisaremos
depois. (saiam)
4. ( ) Quando todos tiverem terminado as
tarefas, será pago o salário. (terminarem)
8. ( ) Se nós tivéssemos estudado,
passaríamos. (estudássemos)
16. ( ) Quando você me telefonou eu já lhe
havia escrito. (escrevera)
32. ( ) Eu teria saído, se soubesse das
condições. (sairia)
64. ( ) Ele terá apresentado aproximadamente
dez provas contrárias à acusação. (tiver
apresentado)

14. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s)
quanto à indicação da forma verbal:
1. ( ) Assim eu quereria a minha última
crônica. (fut. do pret. do ind.)
2. ( ) Se alguém escrevesse uma história, diria
como o senhor (...) (pret. imp. do subj.)
4. ( ) O tempo verbal que expressa um fato
anterior a outro acontecimento que também é
passado. (é o pret. perf. do ind.)
8. ( ) “Amanhã, em minha casa, faço o
exercício.” O verbo foi empregado para indicar
o futuro próximo.
16. ( ) Ainda que você tenha perdido o jogo, eu
não perdi. (pret. perf. comp. do subj. e pret.
perf. simples do ind.)
32. ( ) Ainda que ele tivesse anunciado com
antecedência... (pret. imp. comp. do subj.)
64. ( ) Eu tenho falado sempre a verdade. (pret.
perf. comp. do ind.)


H- EXERCÍCIOS

1. Preencha as lacunas com os verbos
indicados entre parênteses:
a) Se nós nos .......... amanhã, conversaremos
sobre as férias. (ver)
b) Se os Estados Unidos .......... na guerra,
haveria protestos no mundo todo. (intervir)
c) Quando nós .......... as aulas, ficaremos em dia
com a matéria. (repor)
d) Quem .......... o contrário, cometerá um
engano. (supor)
e) Ontem, os palhaços .......... as crianças
durante horas. (entreter)
f) Ele .......... na discussão, mas se saiu mal.
(intervir)
g) Resolva o problema quando .......... razões
ponderáveis ou quando isso lhe .......... (ver -
convir)
h) Se eles .......... os motivos, todos aceitarão a
proposta. (expor)

2. Preencha as lacunas com o presente do
subjuntivo do verbo indicado entre
parênteses:
a) É urgente que eles .......... o passaporte ainda
esta semana. (requerer)
b) É urgente que este grupo .......... às nossas
idéias. (aderir)
c) Talvez todas as crianças .......... neste quarto.
(caber)
d) É necessário que seu argumento ..........
(valer)
e) Eles duvidam de que nós .......... a casa.
(prover)
f) É fundamental que você .......... o dinheiro
perdido. (reaver)
g) É muito importante que você .......... as
plantas amanhã. (aguar)
h) Ainda que eles .......... os resultados, tornarei
a fazê-lo. (averiguar)
i) Por mais que você se .........., essa viagem é
muito perigosa. (precaver)

3. Preencha as lacunas das frases abaixo com
o verbo indicado entre parênteses:
a) Se nós .......... todos nossos bens, deixaríamos
de importuná-los. (reaver - imperf. subj.)
b) Eu não .......... uma figa! (valer - pres. ind.)
c) .......... você os fatos com exatidão. (averiguar
- imperf. afirm.)
105
d) Adalberto .......... a casa que havia perdido.
(reaver - pret. perf. ind.)
e) O empregado .......... a despensa de todos os
mantimentos necessários. (prover - pret. perf.
ind.)
f) Ele se .......... para a morte, confessando-se.
(precaver - pret. perf. ind.)
g) Eu não .......... nesta poltrona. (caber - pres.
ind.)
h) Sempre que eu .......... a um projeto seu, não
sou bem sucedido. (aderir - pres. ind.)


4. Conjugue os verbos ver e vir no futuro do subjuntivo:

QUANDO OU SE:

VER VIR
eu eu
tu tu
ele ele
nós nós
vós vós
eles eles


5. Siga o modelo:
a) Mantendo o preço, alugarei a casa.
Se eu mantiver o preço, alugarei a casa.
b) Sobrevindo imprevistos, não ficarei em Curitiba.
......................................................................................................................................................................
c) Transpondo os termos, deixarei a frase mais elegante.
......................................................................................................................................................................
d) Contendo meus instintos, deixá-la-ei em paz.
......................................................................................................................................................................
e) Prevendo os gastos, ficarei mais tranqüilo.
......................................................................................................................................................................


I- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Na questão a e b, indique as
formas dos verbos entre parênteses que
completam corretamente as lacunas:
a) Se .......... de tempo, ajudá-lo-emos. (dispor)
Não .......... naquilo que não lhe diga respeito.
(intervir)
b) Pagar-te-ei somente quando .......... o livro
que encomendei. (trazer - 2ª p. do sing.)
O delegado .......... todos os envolvidos no
conflito. ( deter - pret. perf. do ind.)

2. (FUVEST) Complete com a forma verbal
indicada:
a) Eu nunca .......... contratos já assinados.
(desfazer - pres. ind.)
b) Se tuas propostas .........., serás contratado.
(satisfazer - fut. subj.)
c) Vós .......... e .......... eternamente o mesmo
trabalho? (fazer e refazer - pres. ind.)
d) Sua dívida já .......... trezentos mil cruzeiros.
( perfazer - pret. mais-que-perfeito do ind.)

3. (MAPOFEI) Pôr os verbos seguintes no
presente do subjuntivo, começando as frases
com as palavras; É preciso que nós.
1. Nascer:
.............................................................................
.............................................................................
2. Ver:
.............................................................................
.............................................................................
3. Divertir-se:
.............................................................................
.............................................................................
4. Cantar:
.............................................................................
.............................................................................

4. (MED. POUSO ALEGRE) Complete as
lacunas com os verbos intervir e deter no
pret. perf. do ind.:
A polícia .......... no assalto e .......... os
ladrões.




106
5. (FUVEST) Escreva as formas dos verbos
indicados que preenchem corretamente as
lacunas:
a) Quando eu .......... os livros, nunca mais os
emprestarei. (reaver)
b) Os alienados sempre .......... neutros. (manter-
se)
c) As provas que .......... mais erros seriam
comentadas. (conter)
d) Quando ele .......... uma canção de paz, poderá
descansar. (compor)

6. (FUVEST) Reescreva as frases abaixo,
obedecendo ao modelo:
“Se ele voltou cedo, eu também voltei.”
“Se ele voltar cedo, eu também voltarei.”
a) Se ele viu o filme, eu também vi.
.............................................................................
.............................................................................
b) Se tu te dispuseste, eu também me dispus.
.............................................................................
............................................................................

7. (CÁSPER LÍBERO) Está correto o texto:
“Quando Carlos soube que o Delegado nos
detera, veio logo.” Por quê?
.............................................................................
.............................................................................

8. (CEFET) Utilizando o verbo dos
parênteses, preencha as lacunas dos períodos
com o tempo, pessoa e número adequados:
a) É conveniente que te .......... (aprazer) o
trabalho.
b) Agora que a mulher o abandonou, é ele
mesmo quem .......... (frigir), todos os dias, os
bolinhos para os filhos.
c) .......... (pôr) as barbas de molho. A polícia
está te procurando.

9. (FEI) “Pôs-se a correr como pôde.”
Fazendo as necessárias adaptações, reescreva
a frase com o verbo grifado no:
a) Presente do indicativo
b) Futuro do presente do indicativo
c) Futuro do pretérito do indicativo
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

10. Substitua o negrito pela palavra dos
parênteses, flexionando-a no mesmo modo,
tempo e pessoa:
a) Leônidas e seus soldados barravam o avanço
das tropas de Ciro. (deter)
.............................................................................
.............................................................................
b) Os animais pressentiram a catástrofe.
(prever)
.............................................................................
.............................................................................
c) A polícia recuperou as jóias. (reaver)
.............................................................................
.............................................................................
d) Amigos, arranjemos alimentos para o longo
inverno. (prover)
.............................................................................
.............................................................................


J- TESTES

1. (UCP) Assinale a opção que preenche
corretamente os pontilhados:
Os interessados serão atendidos se .................
a. ( ) requererem
b. ( ) requeriam
c. ( ) requerer
d. ( ) requiserem
e. ( ) requeiram

2. (UFPR)
1. Desconfia de quem .......... muito dinheiro.
2. Felizes o que .......... saúde.
3. Quem .......... de São Paulo?
4. Os animais .......... mesmo no escuro.
5. Eles não .......... hoje.
a. ( ) têm, tem, vêm, vêem, vêm
b. ( ) têm, têm, vêm, vêem, vêm
c. ( ) tem, tem, vem, vêem, vem
d. ( ) tem, têm, vem, vêem, vêm
e. ( ) tem, tem, vem, vem, vêm

3. (UFPR)
“Se todos .......... o que já perderam, talvez
não cuidassem do que ...........”
a. ( ) reavessem, têm
b. ( ) reovessem, têm
c. ( ) reouvessem, têm
d. ( ) rehavessem, têem
e. ( ) rehouvessem, tem

4. (UFPR) Na frase seguinte faltam os verbos
fazer e querer no imperativo. Qual a
alternativa que preenche as lacunas com as
palavras adequadas?
“-Não .......... aos outros o que não .......... que
vos façam.”
a. ( ) fazei, quereis
b. ( ) faça, quer
c. ( ) façais, quereis
d. ( ) façam, querem
e. ( ) faze, queres

5. (UFPR)
1. Se vocês .......... alguma dificuldade, avisem.
2. Não podemos fazer só o que nos ..........
3. Talvez, eu o .......... de ir ao colégio.

107

a. ( ) preverem, apraz, impeça
b. ( ) preverem, apraza, impeça
c. ( ) previrem, apraze, impeça
d. ( ) previrem, apraz, impeça
e. ( ) previrem, apraza, impeça

6. (LONDRINA)
Foi preciso que eu .......... para que eles ..........
a calma, sem se .......... um com o outro.
a. ( ) intervisse, mantivessem, indisporem
b. ( ) interviesse, mantivessem, indisporem
c. ( ) interviesse, mantessem, indisporem
d. ( ) intervisse, mantivessem, indispuserem
e. ( ) interviesse, mantessem, indispuserem

7. (UCP) observe:
Atender, eu atendo.
Precaver, eu ..........................................
Reaver, eu ............................................
Polir, eu ...............................................
Abolir, eu ............................................
Requerer, eu ........................................
Quantos períodos não podem ser
completados de maneira análoga?
a. ( ) quatro
b. ( ) três
c. ( ) dois
d. ( ) todos
e. ( ) um

8. (UCP) Complete seguindo o exemplo:
Andar, eles andaram.
1. Intervir, eles ...........................................
2. Prever, eles ............................................
3. Reaver, eles ...........................................
4. Trazer, eles ............................................
5. Prover, eles ............................................

a. ( ) intervêm, prevêem, reouveram,
trouxeram, proviram
b. ( ) intervieram, previram, reouveram,
trouxeram, proveram
c. ( ) intervêm, preverão, reaviam, trazem,
proveram
d. ( ) interviram, previram, reouveram,
trouxeram, prouveram
e. ( ) interviram, previam, reaviam, traziam,
proviam

9. (PONTA GROSSA) Se nós o .......... em
Paris, poderemos dar-lhe o recado.
a. ( ) veríamos
b. ( ) víssemos
c. ( ) viermos
d. ( ) vermos
e. ( ) virmos

10. (LONDRINA) Não sei que conseqüências
.......... se ele não .......... o carro na faixa.
a. ( ) adveria, detesse
b. ( ) adviria, detivesse
c. ( ) adveriam, detesse
d. ( ) adviriam, detivesse
e. ( ) adviriam, detesse

11. (UFPR) Na frase abaixo faltam os verbos
trazer e saber; qual a alternativa correta
para as respectivas lacunas?
-“Uma vez que fui eu quem .......... esta
novidade para cá, .......... todos que ela será de
minha exclusiva distribuição na praça.”
a. ( ) trazi, saberão
b. ( ) trouxe, sabiam
c. ( ) truxe, sabem
d. ( ) trousse, saibam
e. ( ) trouxe, saibam

12. (MACK) Assinale a alternativa em que
não há erro no emprego da forma verbal:
a. ( ) Se nós requiséssemos, seríamos
atendidos.
b. ( ) Ceiemos hoje com nossos amigos.
c. ( ) Não nos convém tais atitudes.
d. ( ) Quando tu repuseres as aulas, avisa-me.
e. ( ) Ontem ninguém pode comparecer.

13. Assinale a(s) alternativa(s) em que as
formas verbais estão corretas:
1. ( ) Não se preocupes se precisar de mais
material.
2. ( ) É necessário que você reaveja aquele
dinheiro.
4. ( ) Creia em ti; mas nem sempre duvides
dos outros.
8. ( ) Peça, se necessário, e faças o trabalho
com calma.
16. ( ) As linhas convirgem para um ponto e
depois se esvaem no infinito.
32. ( ) Sempre que há vagas, afluem candidatos
que provêm de todos os lugares do Brasil.

14. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):
1. ( ) Não odeie teu semelhante!
2. ( ) Não odies teu semelhante!
4. ( ) Ama o seu próximo como a si mesmo!
8. ( ) Ame a seu próximo como a si mesmo!
16. ( ) Ame a teu próximo como a ti mesmo!
32. ( ) Amamos o nosso próximo como a nós
mesmos!

15. Aponte a(s) alternativa(s) em que o verbo
reaver está correto:
1. ( ) É importante que você reavenha o
conceito.
2. ( ) É importante que você reaveja o
conceito.
4. ( ) É importante que nós reavamos o
conceito.
8. ( ) É importante que você reaja o conceito.
108
16. ( ) É importante que vós reajais o conceito.
32. ( ) É importante que vocês reavenham o
conceito.
64. ( ) É importante que eu reavenha o
conceito.

16. (FUVEST) “Se ele .......... (ver) o nosso
trabalho, .......... (fazer) um elogio.” Assinale a
alternativa em que as formas dos verbos ver
e fazer preencham corretamente as lacunas
da frase acima:
a. ( ) ver, fará
b. ( ) visse, fará
c. ( ) ver, fazerá
d. ( ) vir, fará
e. ( ) vir, faria


------------------------------
------------------------




GABARITO - VERBO


A- EXERCÍCIOS
aceitado/aceito; entregado/entregue;
expressado/expresso; expulsado/expulso;
isentado/isento; fritado/
frito; frigido/frito; limpado/limpo; matado/morto;
pegado/pego; salvado/salvo; soltado/solto; acendido/
aceso; benzido/bento; elegido/eleito; prendido/preso;
suspendido/suspenso; imprimido/impresso;
submergido/submerso; gasto; pago; ganho; escrito;
posto; aberto; benquerido/benquisto; coberto;
malquerido/malquisto; enxugado/enxuto;
incorrido/incurso; vindo; extinguido/extinto.

B- EXERCÍCIOS
1) IR-IMPERATIVO Afirmativo: vai, vá, vamos ide,
vão. Negativo: vás, vá, vamos, vades, vão.
2) a) vir b) tiveres c) revir d) puser e) detiver f) for
g) provier h) for i) fizeres j) puder l) fores
m) quiserem n) reouver o) proverem
3) a) remunerar-se-ão... b) Abriram-se... c) Lançar-
se-ia... d) Vendem-se... e) Aqui se dão...
4) a) tinha sido improvisada b) estavam sendo
reduzidas c) podia ser sentido
5) a) tinham corrido... b) tem amado c) há de (me)
amar-me
6) falemos, vendas, partam, façais, possa, saia,
nasçais, solicitemos.
7) a) saia b) compremos c) vá d) saibamos e)
morais f) assumamos g) faça.
8) beija, adquiramos, parti, abraça, possamos,
repreendei.
9) Não saias... b) Não digais... c) Não faças... d)
Não partas... e) Não comais... f) Não penses...
10) a) incorrido b) enxutas/enxugado c)
isentas/isentado d) entregues/entregado e)
pegas/pegado
C- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) a) vier b) revir c) deteve d) põem e) se entretém.
2) chorai, se tendes, tendes, ride-vos.
3) não cuides que te ...; vem.
4) Não saias! Não fujas! Não abandones... e não me
esqueças.
5) a) abençoe b) ouça c) proteja.
6) a) pusesse b) virem.
7) nomearam-na tutora.
8) a) A emoção do povo era disfarçada pela
impassividade dos rostos.. b) Os viajantes eram
assustados
pela negrura da noite.
9) ... eu era repreendido, ..., (isto) era feito por...
10) Se o ruído da vaga fosse ouvido pelos filhos dos
pescadores, o rangido... seria escutado por mim.
11) a) mantiver b) interveio.
12) Vendiam-se relógios...
D- TESTES
1 - b 5 - d 9 - c 13 - 59
2 - b 6 - e 10 - b
3 - e 7 - a 11 - 04
4 - c 8 - a 12 - 08








E- EXERCÍCIOS
1) a) desse, déssemos, désseis, dessem.
b) mobílias, mobília, mobiliamos, mobiliais,
mobíliam.
c) magoas, magoa, magoamos, magoais, magoam.
d) apiado-me, apiadas-te, apiada-se, apiedamo-nos,
apiedai-vos, apiadam-se.
e) odiaras, odiara, odiáramos, odiáreis, odiaram.
2) anseio, ceemos, anunciemos, remedeiem, odeie,
pleiteamos.
3) incendeio, incendeias, incendeia, incendiamos,
incendiais, incendeiam.
odeie, odeies, odeie, odiemos, odieis, odeiem.
hasteio, hasteias, hasteia, hasteamos, hasteais,
hasteiam.
ceie, ceies, ceie, ceemos, ceeis, ceiem.
apaziguo, apaziguas, apazigua, apaziguamos,
apaziguais, apaziguam.
averigúe, averigüeis, averigúe, averigüemos,
averigüeis, averigúem.
4) B, E, D, C, A
5) C, E, C, E, C, C, E, C
6) a) rever b) agradar c) facult.
7) B, A, A, C, C
F- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) Apiado-me; tomo-a... vou depô-la...
2) enriquecera: mais-que-perfeito simples do
indicativo.
tinha tido: mais-que-perfeito composto do
indicativo.
3) a) explicara b) convivi c) mudou
4) a) mais-que-perfeito simples do indicativo b)
tinha dado c) expressa fato anterior a outro que
também é passado.
5) a) Isso fê-las cair. b) Deixaram-nos sair.
109
6) averigúe, trouxe, Mantém, Põe.
G- TESTES
1- B 2- E 3- B 4- A 5- C 6- C 7- C
8-
A
9- B 10-
C
11-
E
12-
D
13-
52
14-
91
H- EXERCÍCIOS
1) a) virmos b) interviessem c) repusermos d)
supuser e) entretiveram f) interveio g) vir
h) expuserem
2) a) requeiram b) adira c) caibam d) valha e)
provejamos f) (recupere) g) ágüe
h) averigúem i) (previna)
3) a) reouvéssemos b) valho c) Averigúe d)
reouve e) proveu f) precaveu g) caibo
h) requeiro i) adiro
4) VER - vir, vires, vir, virmos, virdes, virem.
VIR - vier, vieres, vier, viermos, vierdes, vierem.
5) b) Se sobrevierem.... c) Se transpuser... d) Se
contiver... e) Se previr...
I- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) a) dispusermos; intervenha b) trouxeres; deteve
2) desfaço; satisfizerem; fazeis e refazeis; perfizera
3) nasçamos, vejamos, nos divirtamos, cantemos.
4) interveio, deteve.
5) reouver, se mantiverem, contivessem, compuser.
6) a) Se ele vir... verei. b) Se tu te dispuseres...
disporei.
7) Não. Detivera (mais-que-perfeito)
8) apraza, frege, põe.
9) a) põe-se... pode; b) por-se-á... puder; c) por-
se-ia... pudesse.
10) detinham, previram, reouve, provejamos.
J- TESTES
1 - a 2 - d 3 - c 4 - c 5 - d 6 - b
7 - b 8 - b 9 - e 10 - d 11 - e 12 - d
13 -
32
14 -
08
15 -
00
16 - d
TESTE 4 - pela pergunta não há resposta; pelas
alternativas é a C.









ADVERBIO

A- EXERCÍCIOS

1. Transcreva e classifique os advérbios da
frase: “Os gritos de alegria e sustos das
crianças já não se ouviam mais: era bem
mais tarde e o sol tinha enfraquecido...”
(Clarice Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

2. Substitua as locuções adverbiais por
advérbios correspondentes:
a) Agiu com franqueza.
.............................................................................
b) Comportou-se como criança.
.............................................................................
c) Trataram-me como irmão.
.............................................................................
d) Falava com coragem.
.............................................................................
e ) Discursava no mesmo tom.
.............................................................................
f) A medo, fez novo caminho.
.............................................................................
g) Mãos e pés se movem ao mesmo tempo.
.............................................................................
h) A vaidade picou-o de leve.
.............................................................................

3. Classifique os advérbios em destaque:
a) Foi realmente meu pai quem me custeou os
estudos.
.............................................................................
b) Está muito tarde para sairmos.
.............................................................................
c) A padaria fica perto de casa.
.............................................................................
d) Raramente eu falto à escola.
.............................................................................
e) Não demore, meu filho!
.............................................................................
f) Talvez eu volte depressa.
.............................................................................
g) Éramos bastante aplicados.
.............................................................................
h) Aqui é o seu lugar.
.............................................................................
i) Brevemente traremos novidades.
.............................................................................
j) Fui ao cinema ontem.
.............................................................................

4. Empregue o advérbio interrogativo
correto:
a) .............. você estava até esta hora?
b) .............. você gosta de chá? Quente ou frio?
c) ............... era criança, ele costumava ir ao
circo?
d) ............... vocês não vieram à aula ontem?
e) ............... eles vão amanhã pela manhã?
f) Afinal, ............... vocês estavam tão alegres?

5. Escreva nos parênteses:
(1) para adjetivo
(2) para advérbio
a. ( ) Comi meia fruta.
b. ( ) Ela saiu meio nervosa.
c. ( ) Não fale por meias palavras.
d. ( ) Bebi duas meias xícaras.
110
e. ( ) Estavam meio preocupadas.
f. ( ) Saiu meio aflito do cinema.
g. ( ) Pareceu-me meio afobado.
h. ( ) Apareceu-me com meio saco de pipocas.

6. Escreva em que grau se encontram os
advérbios das seguintes frases:
a) Ele vem tão raramente a nossa casa quanto
você.
.............................................................................
b) Pedro vem aqui mais constantemente que
Maria.
.............................................................................
c) Eles comportaram-se menos polidamente que
nossas crianças.
.............................................................................
d) Li o texto pausadissimamente.
.............................................................................
e) Fizemos a lição muito vagarosamente.
.............................................................................
f) O estádio é pertinho daqui.
.............................................................................
g) Nuvens tênues passavam alto, muito alto.
.............................................................................



B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST) Na frase: “Homem não chora”,
o advérbio expressa negação. Escreva uma
frase empregando esse advérbio sem idéia de
negação.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

2. (FUVEST) Leia a frase que segue: “Tenho,
já, já, de correr, de me atirar pelo mato, seja
como for!” (G. Rosa)
Que efeito consegue o Autor ao repetir o
advérbio já?
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

3. (FUVEST) Reescreva a passagem:
“Humildemente pensando na vida...”,
substituindo o advérbio por uma locução
adverbial correspondente.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

4. (FEI) Substitua a expressão destacada por
um advérbio de significação equivalente:
a) Recebeu a repreensão sem dizer palavras.
.............................................................................
b) Falava sempre no mesmo tom.
.............................................................................
c) Aceitou tudo sem se revoltar.
.............................................................................
d) Trataram-me como irmão.
.............................................................................

5. (PUC) Empregue corretamente os
advérbios onde e aonde nas lacunas:
a) “.......... o jegue me quiser levar, nós vamos,
porque estamos indo é com Deus! (...)” (G. Rosa)
b) “Todos sabem nesta cidade ........... é o
Oratório de Pedra (...)” (Manuel A. Almeida)

6. (FUVEST) Na passagem “... apresentando
a inventário tão-somente a casinha do
povoado.”
Classifique tão-somente sob o ponto de vista
gramatical:
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................



C- TESTES

1. (UFCE) A opção em que há um advérbio
exprimindo circunstância de tempo é:
a. ( ) Possivelmente viajarei para S. Paulo.
b. ( ) Maria tinha aproximadamente 15 anos.
c. ( ) As tarefas foram executadas
concomitantemente.
d. ( ) Os resultados chegaram demasiadamente
atrasados.

2. (U.F.VIÇOSA) Em todas as alternativas há
dois advérbios exceto:
a. ( ) Ele permaneceu muito calado.
b. ( ) Amanhã, não iremos ao cinema.
c. ( ) O menino, ontem, cantou
desafinadamente.
d. ( ) Tranqüilamente, realizou-se, hoje, o jogo.
e. ( ) Ela falou calma e sabiamente.

3. (UFMG) Em todas as frases, grifou-se um
substantivo, um adjetivo e um advérbio,
exceto em:
a. ( ) Timidez não é tão ruim moeda como
parece, disse-nos sorrindo.
b. ( ) A pintura escureceu muito, mas ainda
dá uma idéia de ambos.
c. ( ) Poeta e músico recebem pontualmente
os seus direitos autorais.
d. ( ) Cantei um duo terníssimo, depois um
trio, depois um quatuor...
e. ( ) Então Capitu abanava a cabeça com uma
grande expressão de desengano.

4. (C.CHAGAS) Assinale a alternativa em
que o termo destacado tem valor de
advérbio:
111
a. ( ) Achei-o meio triste, com o ar abatido.
b. ( ) Não há meio mais fácil de estudar.
c. ( ) Só preciso de meio metro dessa renda.
d. ( ) Encarou-nos, esboçando um meio
sorriso.
e. ( ) Ela caiu bem no meio do jardim.

5. (MEDICINA TAUBATÉ) Indique a
alternativa gramaticalmente incorreta:
a. ( ) A casa onde moro é excelente.
b. ( ) Disseram-me por que chegaram tarde.
c. ( ) Aonde está o livro?
d. ( ) É bom o colégio donde saímos.
e. ( ) O sítio aonde vais é pequeno.

6. (UNISINOS) Assinale a alternativa cujas
palavras completam corretamente a frase:
Entre os vestibulandos, existem pessoas que
não se sabe .......... vêm, ........ trabalham no
momento, nem .......... irão após a conclusão
do curso.
a. ( ) aonde, donde, aonde
b. ( ) donde, onde, aonde
c. ( ) de onde, aonde, onde
d. ( ) donde, aonde, onde

7. (PUC-SP) No trecho: “Todo romancista,
todo poeta, quaisquer que sejam os rodeios
que possa fazer a teoria literária, deve falar
de .... o mundo existe e o escritor fala, eis a
literatura.”
A palavra destacada é:
a. ( ) advérbio de inclusão
b. ( ) advérbio de designação
c. ( ) conjunção subordinativa
d. ( ) palavra denotadora de inclusão
e. ( ) palavra denotadora de designação






8. (STO AMARO) “... o papa clara e
insistentemente expôs em Puebla.” Ao que
está destacado cabe a seguinte observação:
a. ( ) temos um adjetivo e um advérbio.
b. ( ) eliminou-se a terminação mente do
primeiro advérbio para se evitar o eco.
c. ( ) a forma clara torna a seqüência adverbial
mais enfática.
d. ( ) a forma clara não é escorreita.
e. ( ) n.d.a.

9. (PUC-SP) Assinale a alternativa em que
ocorre um advérbio de modo:
a. ( ) Anteriormente eles haviam dito o
contrário.
b. ( ) Sempre esperei este dia.
c. ( ) Ninguém viajará para cá.
d. ( ) Não reagiu favoravelmente ao discurso.
e. ( ) Há pessoas mais antigas que você.

10. (FUVEST) Assinale a alternativa em que
ocorre advérbio no grau comparativo de
superioridade:
a. ( ) Ninguém mora tão longe quanto ela.
b. ( ) Ninguém mora muito longe.
c. ( ) Ninguém mora mais longe do que ela.
d. ( ) Ninguém mora menos longe do que ela.
e. ( ) Ninguém mora tão longe.

11. (MARINGÁ) Relacione menos dos
períodos da 1ª coluna com o seu significado
na 2ª coluna, indicando a alternativa correta:
1ª COLUNA
1. A chácara produziu menos fruto, devido à
seca.
2. O trem é menos rápido que o avião.
3. Deram-lhe tudo, menos a bicicleta.
4. Não irei à lua, a menos que a viagem ofereça
garantia.

2ª COLUNA
( ) exclusão
( ) condição
( ) inferioridade
( ) diminuição

a. ( ) 3, 2, 1, 4
b. ( ) 3, 4, 2, 1
c. ( ) 1, 4, 3, 2
d. ( ) 4, 3, 1, 2
e. ( ) 3, 1, 2, 4

12. (CTA/COMPUTAÇÃO) Assinale a
alternativa em que “meio” funciona como
advérbio:
a. ( ) Achei-o meio triste.
b. ( ) Só quero meio metro.
c. ( ) Parei no meio da avenida.
d. ( ) Comprei um metro e meio.
e. ( ) Descobri o meio de acertar.
13. (MARINGÁ) Mais é advérbio de tempo
em:
a. ( ) Você terminou a prova mais cedo do que
nós.
b. ( ) A prova parece mais fácil agora.
c. ( ) Espero não ser mais vestibulando em 98.
d. ( ) Convém ler mais uma vez.
e. ( ) Este mais é demais.

14. (MARINGÁ) Meio, de meio-dia,
apresenta o mesmo valor morfológico
(gramatical) que no período de uma das
alternativas abaixo. Assinale-a:
a. ( ) A prova está meio fácil.
b. ( ) Encontrou-o meio enterrado.
c. ( ) Rasgou 50 folhas, exatamente meio livro.
112
d. ( ) Estes exercícios deixam-me meio
maluco.
e. ( ) O uniforme do Grêmio é meio preto,
meio branco.

15. Assinale a(s) alternativa(s) em que a(s)
palavra(s) destacada(s) pode(m), com inteira
propriedade, ser(em) classificada(s) como
advérbio:
1. ( ) “Não permaneceria ali muito tempo.” (G.
Ramos)
2. ( ) “Mas enfim cada qual tem lá o seu
modo de matar pulgas.” (G. Ramos)
4. ( ) “Todos, inclusive a mãe sofrida da
noiva, imploraram ao noivo que fingisse ainda
amá-la (...)” (C.Lispector)
8. ( ) Então mete-se um homem na cadeia
porque ele não sabe falar direito?” (G. Ramos)
16. ( ) “Eu, que era branca e linda, eis-me
medonha e escura.” (Manuel Bandeira)

16. (CTA/COMPUTAÇÃO/ITA)
Caro pintor Bandeira,
que tua mão certeira
encontre a cada dia
essa fina alegria
de reinventar o mundo,
tornando-o mais profundo.

Gramaticalmente, “a cada dia” funciona
como:
a. ( ) Locução adverbial
b. ( ) Locução adjetiva
c. ( ) Locução pronominal
d. ( ) Complemento verbal
e. ( ) Locução prepositiva







GABARITO - ADVÉRBIO

A- EXERCÍCIOS
1) já (tempo), não (negação), mais (intensidade), bem (modo), mais (intensidade), tarde (tempo).
2) a) francamente b) puerilmente c) fraternalmente d) corajosamente e) monotonamente
f) medrosamente g) sincronicamente h) levemente
3) a) afirmação b) intensidade/tempo c) lugar d) tempo e) negação f) dúvida/modo g) intensidade
h) lugar i) tempo j) tempo
4) a) onde b) Como c) Quando d) Por que e) Aonde f) por que
5) 1, 2, 1, 1, 2, 2, 2, 1
6) a) comparativo de igualdade b) comparativo de superioridade c) comparativo de inferioridade
d) superl. absol. sintét. e) superl. absol. analít. f) superl. sint. (dimin.) g) superl. absol. analít.
B- DISCURSIVAS
1) Você vai ao cinema, não vai?
2) recurso de intensificação.
3) com humildade.
4) silenciosamente, monotonamente, resignadamente, fraternalmente.
5) a) Aonde b) onde
6) expressão denotativa de restrição.
C- TESTES
1 - c 5 - c 9 - d 13- a
2 - a 6 - b 10- c 14- c
3 - b 7 - e 11- b 15- 01
4 - a 8 - b 12- a 16- a
















113






















PREPOSIÇÕES


A- EXERCÍCIOS

1. Sublinhe todas as preposições que
aparecem no texto abaixo:
“Sentia-se naquela fermentação sangüínea,
naquela gula viçosa de plantas rasteiras que
mergulhavam os pés vigorosos na lama preta e
nutriente da vida, o prazer animal de existir, a
triunfante satisfação de respirar sobre a terra.”
(Aluísio Azevedo)

2. Escreva nos parênteses os números
correspondentes às relações estabelecidas
pelas preposições destacadas abaixo, de
acordo com o seguinte código:
(1) tempo (4) lugar
(2) modo (5) meio ou instrumento
(3) causa (6) finalidade

a. ( ) Daqui a três anos sairei desta cidade.
b. ( ) Vão à escola buscar os diplomas.
c. ( ) Dormem de cansaço.
d. ( ) Muita gente morre de fome.
e. ( ) Venho ao colégio de ônibus.
f. ( ) Estudem para a vida.
g. ( ) Caiu de bruços.

3. Indique a relação estabelecida por cada
uma das preposições em destaque nas frases
abaixo:
a) “Em toda a sua vida, sempre longe da pátria,
entre povos diversos, cheia de impressões
diferentes, tomada de preocupações de estudos,
jamais conseguira chegar a uma dedução lógica
e satisfatória a respeito da sua procedência.”
(Aluísio Azevedo)
em: ................................................................
entre: .............................................................
de: .................................................................
a: ...................................................................

b) “Mas, tomada de uma idéia súbita, ergueu-se
e gritou, apontando vagamente para o lado da
vila.” (Aluísio Azevedo)
de: .................................................................
para: .............................................................

c) Corria de medo!
de: ................................................................

4. Em cada uma das frases que seguem
ocorre uma preposição destacada. Indique o
tipo de relação que ela estabelece, de acordo
com o código abaixo:
A - relação de companhia
B - relação de tempo
C - relação de instrumento
D - relação de causa

( ) “Voltou a limpar as unhas com o grampo.”
(Lygia F. Telles)
( ) “Estive com Lalino aqui no Colégio um
ano.” (José L. do Rego)
( ) “Era nosso agregado desde muitos anos
(...)” (Machado de Assis)
( ) “Aristarco arrebentava de júbilo.” (Raul
Pompéia)

5. “Meu caro senhor, o dedo dela foi
arrancado a dente.” (Carlos D. de Andrade)
A preposição a, nesse caso, poderia ser
substituída por:
a. ( ) com
b. ( ) de
c. ( ) sob
114

6. Assinale a alternativa em que a preposição
de estabelece relação de lugar:
a. ( ) “Dos mares da China não mais virão as
quinquilharias.” (Murilo Rubião)
b. ( ) “O apito do capataz mandava a turma
abandonar o trabalho.” (Jorge Amado)
c. ( ) “Estendeu o braço e fez com a mão um
gesto de rei (...)” (José de Alencar)

7. Assinale a alternativa em que a preposição
de estabelece o mesmo tipo de relação que na
frase que segue: “E jorrou a água dos céus,
nasceram os rios, brotou a relva (...)” (Érico
Veríssimo)
a. ( ) “Não posso atinar no que eu fazia: se
meditava, se morria de espanto (...)” (Manuel
Bandeira)
b. ( ) “A sorte tem sido contrária às armas do
governo.” (Érico Veríssimo)
c. ( ) “Da outra extremidade do salão parte um
longo gemido.” (Érico Veríssimo)

8. Assinale a alternativa que indica
corretamente o tipo de relação estabelecido
pela preposição destacada nas frases que
seguem:
a) “Durante dois anos o cortiço prosperou de
dia para dia (...)” (Aluísio Azevedo)
a. ( ) tempo
b. ( ) lugar
c. ( ) modo

b) “Estou entre o começo do mato e um braço
de lagoa (...)” (Guimarães Rosa)
a. ( ) tempo
b. ( ) lugar
c. ( ) modo

9. Assinale a alternativa em que ocorre uma
preposição combinada com um pronome
demonstrativo:
a. ( ) “Teu corpo moreno
É da cor da praia.” (Manuel Bandeira)
b. ( ) “Estou numa esquina de Copacabana,
são duas horas da madrugada.” (Fernando Sabino)
c. ( ) “Todo mundo sabia da existência desses
trens que estavam sendo ocultados.” (Bernardo
Élis)

10. Analise as palavras destacadas, das frases
que seguem, de acordo com o código:
1 - artigo feminino a(s);
2 - preposição a;
3 - pronome demonstrativo a (=aquela);
4 - pronome demonstrativo a (=aquela) +
preposição a;
5 - pronome oblíquo a (=ela).

“(...) a ( ) nossa cozinha, se era simples, era
menos pobre que a ( ) dele.” (Machado de Assis)
“(...) a ( ) minha capacidade de amar, discernir
as ( ) coisas, é bem superior à ( ) dos seres
que por mim passam assustados.” (Murilo Rubião)
“Passei a ( ) me comportar mal na sala.”
(Clarice Lispector)
“A ( ) solidão, carrego-a ( ) no bolso (...)”
(C.D. de Andrade)



B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST)
a) “Brown começa a recitar um sermão negro
sobre a Criação.” (Érico Veríssimo)
b) “Novas notícias chegaram sobre os
missionários.” (C.D. de Andrade)
Observando a preposição sobre, que ocorre nas
duas frases acima, responda:
Ela estabelece o mesmo tipo de relação em
ambas as frases?
R.:
.............................................................................

2. (FEI)
“Corria sangue de sua cabeça branca.” (José L. do
Rego)
Corria sangue por sua cabeça.
a) As duas frases acima têm o mesmo sentido?
.............................................................................
.............................................................................

3. (FUVEST) Em óculos sem aro, a
preposição sem indica ausência, falta.
Explique o sentido expresso pelas preposições
destacadas em:
“Cale-se ou expulso a senhora da sala.”
“Interrompia a lição com piadinhas.”
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

4. (FUVEST) Na frase: “Estamos a bordo”, a
preposição indica relação de lugar. Escreva
duas frases em que o emprego dessa
preposição indique, respectivamente:
a) relação de tempo habitual:
.............................................................................
.............................................................................
b) relação de instrumento:
.............................................................................
.............................................................................

5. (FUVEST) Na passagem “...apresentando a
inventário tão-somente a casinha do
povoado.” Classifique o termo a em seus dois
empregos:
.............................................................................
.............................................................................


115
C- TESTES

1. (UFAM) Assinale a alternativa em que a
expressão destacada não e´uma locução
prepositiva.
a. ( ) “E um grande vazio se formou em torno
de João da Fonseca Nogueira.” (Autran Dourado)
b. ( ) “(...) foi ter com o sujeito que o
procurava e assentou-se defronte dele (...)”
c. ( ) “(...) não poderia fazer nada para ajudá-
la, a não ser sentar-se à beira da cama (...)”
(C.D. de Andrade)
d. ( ) “(...) as casinhas do cortiço, à proporção
que se atravancavam, enchiam-se logo (...)”
(Aluísio Azevedo)

2. (UNIMEP) “Depois a mãe recolhe as velas,
torna a guardá-las na bolsa.” Os vocábulos
destacados são, respectivamente:
a. ( ) pronome pessoal oblíquo, preposição,
artigo.
b. ( ) artigo, preposição, pronome pessoal
oblíquo.
c. ( ) artigo, pronome demonstrativo, pronome
pessoal oblíquo.
d. ( ) artigo, preposição, pronome
demonstrativo.
e. ( ) preposição, pronome demonstrativo,
pronome pessoal oblíquo.

3. (ITA) Assinalar a alternativa que
corretamente preenche a lacuna da sentença:
“.............. meus conselhos, ele pediu demissão.”
a. ( ) Entrementes.
b. ( ) Máxime.
c. ( ) Mormente.
d. ( ) Malgrado.
e. ( ) Destarte.

4. (SÃO MARCOS) Em que alternativa salvo
não é preposição, e sim adjetivo?
a. ( ) Partiram todos, salvo os doentes.
b. ( ) Agora todos estão salvos, exceto o velho
barqueiro que ainda não retornou.
c. ( ) No desastre todos se feriram, embora
levemente, salvo o motorista que morreu.
d. ( ) Salvo melhor juízo, julgo a que expressão
é correta.

5. (FAC. RUI BARBOSA) Assinale a
alternativa em que ocorre combinação de
uma preposição com um pronome
demonstrativo:
a. ( ) Estou na mesma situação.
b. ( ) Neste momento, encerramos nossas
transmissões.
c. ( ) Daqui não saio.
d. ( ) Ando só pela vida.
e. ( ) Acordei num lugar estranho.

6. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
a preposição com traduz uma relação de
instrumento:
a. ( ) “Teria sorte nos outros lugares, com
gente estranha.”
b. ( ) “Com o meu avô cada vez mais perto do
fim, o Santa Rosa seria um inferno.”
c. ( ) “Não fumava, e nenhum livro com força
de me prender.”
d. ( ) “Trancava-me no quarto fugindo do
aperreio matando-as com jornais.”
e. ( ) “Andavam por cima do papel estendido
com outras já pregadas no breu.”

7. (CESGRANRIO) Assinale o item em que a
relação expressa pela preposição não está
corretamente indicada:
a. ( ) contra isso não posso fazer nada
(oposição)
b. ( ) teria sido indiscreto, se a minuciasse em
todos os seus pormenores físicos (modo)
c. ( ) cada um criou Fräulein segundo a própria
fantasia (conformidade)
d. ( ) o leitor continuará com a dele
(conseqüência)
e. ( ) apenas por curiosidade, vamos cotejá-las
agora (causa)

8. (PONTA GROSSA) “Ele foi escolhido
como chefe e teve que fazer um discurso.” As
palavras sublinhadas têm valor de:
a. ( ) pronome
b. ( ) adjetivo
c. ( ) advérbio
d. ( ) conjunção
e. ( ) preposição


9. (MARINGÁ) Numere a 2ª coluna de
acordo com a 1ª, observando os vários
significados da preposição utilizada, e
assinale a alternativa que indica a seqüência
correta.

1ª COLUNA
(1) Casa de Pedro
(2) Piano de cauda
(3) Caixa de jóia
(4) Copo de vidro
(5) Fatos da Irlanda

2ª COLUNA
( ) Posse
( ) Classificação
( ) Finalidade
( ) Matéria
( ) Lugar

a. ( ) 5, 4, 2, 1, 3
b. ( ) 1, 2, 3, 4, 5
116
c. ( ) 5, 3, 2, 4, 1
d. ( ) 5, 3, 2, 1, 4
e. ( ) 1, 2, 4, 3, 5

10. (PUC-SP) Assinale a alternativa em que a
preposição com estabelece o mesmo tipo de
relação que na frase seguinte: Divertia-se
com os amigos até anoitecer.
a. ( ) Chorou com os conhecidos a perda do
irmão.
b. ( ) Não falo isso com mágoa nenhuma.
c. ( ) Não concordo com o que dizem dele.
d. ( ) Com mais de cem anos, ainda tem bom
raciocínio.
e. ( ) O poço secou com o calor.

11. (UFCE) Numere a 2ª coluna de acordo
com a 1ª, tendo em vista a relação que a
preposição denota:
1ª COLUNA
(1) fim
(2) substituição
(3) meio
(4) condição
(5) exclusão
(6) causa
(7) assunto

2ª COLUNA
( ) Conquistaram os vizinhos pelas armas.
( ) Tudo perdeu, salvo a honra.
( ) Saíram a procurá-lo.
( ) Farei o trabalho por você.
( ) Não viajo sem documento.

A seqüência correta, de cima para baixo, na
2ª coluna, é:
a. ( ) 3, 5, 1, 2, 4
b. ( ) 6, 1, 5, 7, 2
c. ( ) 3, 4, 7, 1, 5
d. ( ) 6, 2, 4, 3, 1

12. (SANTA CASA) Assinale em que
alternativa ocorre combinação de uma
preposição com um advérbio:
a. ( ) Estou na mesma situação.
b. ( ) Neste momento, encerramos nossas
transmissões.
c. ( ) Daqui não saio.
d. ( ) Ando só pela vida.
e. ( ) Acordei num lugar estranho.

13. (FAC. SÃO JUDAS TADEU) A
preposição que há na frase: “Muitos
morreram de fome” expressa relação de:
a. ( ) causa
b. ( ) modo
c. ( ) intensidade
d. ( ) meio
e. ( ) n.d.a.

14. (FAC. MOEMA) Em qual das opções
abaixo, o uso da preposição acarreta
mudança total no sentido do verbo?
a. ( ) Usei todos os rimos da metrificação
portuguesa.
Usei de todos os rimos da metrificação
portuguesa.
b. ( ) Cuidado, não bebas esta água.
Cuidado, não bebas desta água.
c. ( ) Enraivecido, pegou a vara e bateu no
animal.
Enraivecido, pegou da vara e bateu no
anima.
d. ( ) Precisou a quantia que gastaria nas férias.
Precisou da quantia que gastaria nas
férias.

15. (UFCE) A função das preposições aparece
corretamente indicada nas opções:
1. ( ) Introduz o objeto indireto em: tudo
entregara ao Abdula.
2. ( ) Expressa a idéia de companhia em: Jacó
não se satisfez com a explicação.
4. ( ) Introduz um complemento nominal em:
como um círio votivo aos deuses marinhos.
8. ( ) Forma expressão adjetiva com o
substantivo subseqüente em: as dunas de prata
que copiavam o luar.
16. ( ) Introduz objeto indireto oracional em: O
homem se casa para ter filhos.







GABARITO - PREPOSIÇÕES

A- EXERCÍCIOS
1) naquela, de, na, e, da, de, de, sobre
2) 1, 4, 3, 3, 5, 6, 2
3) a) em = duração; entre = lugar/situação; de = agente; a =
movimento/direção.
b) de = agente (da passiva); para = direção
c) de = causa.
117
4) C, A, B, D.
5) com
6) a
7) c
8) a) a b) b
9) c
10) (1) (3); (1) (1) (4); (2); (1) (5)
B- DISCURSIVAS
1) Sim; relação de assunto, de referência.
2) Não; de = origem, procedência; por = lugar por onde, através de.
3) da = origem, lugar donde; com = indica meio ou instrumento.
4) a) Recolhe-se à tardinha. b) Matou-o a canivete.
5) a inventário = é preposição; a casinha = é artigo definido feminino singular.
C- TESTES
1 - d 4 - b 7 - d 10 - a 13 - a
2 - b 5 - b 8 - e 11 - a 14 - d
3 - c 6 - d 9 - b 12 - c 15 - 13




CONCORDÂNCIA NOMINAL


A- EXERCÍCIOS

1. Escreva nos espaços em branco os
adjetivos entre parênteses, de acordo com as
normas de concordância nominal:
a) Tinha a barba e o cabelo ..................... (preto)
b) Tinha o cabelo e a barba ..................... (preto)
c) Tinha .................... a barba e o bigode. (preto)
d) Estou com a mão e o rosto .................. (sujo)
e) Estavam à procura de meninos e
meninas............................. no bosque. (perdido)
f) Solicitamos tecnologia e financiamento ..........
(estrangeiro)
g) Manifestaram ............ dor e pesar. (profundo)
h) Piano, órgão e viola ........................ (afinado)
i) ........................ o vale e a montanha. (deserto)
j) O vale e a montanha ........................ (deserto)
l) Os corpos e as mentes ......................... (sadio)
m) ................ os braços e as pernas. (bronzeado)
n) O furor e a raiva ............................. (humano)
o) Visitei meu avô e avó ........................ (idoso)
p) Oitava, sétima, sexta e quinta .............. (série)
q Terminou o primeiro e o segundo ...................
(grau)

2. Escreva nos parênteses:
(A) se for correta apenas a frase 1.
(B) se for correta apenas a frase 2.
(C) Se forem corretas as frases 1 e 2.
(D) se nenhuma das frases for correta.

I. ( ) 1. Estava abandonada a casa, a vila e o
campo.
2. Refiro-me aos antigos cursos ginasial
e primário.
II- ( ) 1. O produto brasileiro agradou o
mercado europeu e americano.
2. O produto brasileiro agradou o
mercado europeu e o americano.
III-( ) 1. O idioma grego e latino influenciaram
o português.
2. Socorreu-se da marinha americana e
inglesa.
IV-( ) 1. Estavam silenciosos o bosque e o
arvoredo.
2. O continente americano é banhado
pelo oceano Atlântico e Pacífico.


B- EXERCÍCIOS

1. Preencha as lacunas, efetuando a
concordância cabível:
1. Remeto-lhe em .......... as certidões. (anexo)
2. Cometeu crime de .......... -patriotismo.
(leso)
3. Os soldados estavam .......... (alerta)
4. Seguem .......... os requerimentos. (incluso)
5. É .......... cautela com os .......... líderes.
(necessário/pseudo)
6. As declarações devem seguir .......... ao
processo. (anexo)
7. .......... alunos sabem esta lição. (bastante)
8. Os alunos sabem .......... esta lição. (bastante)
9. Foi acusado de crime de .......... -justiça.
(leso)
10. Antônio e Maria chegaram .......... (junto)
11. Daqui a alguns minutos será meio-dia e
..........(meio)
12. Os rapazes estavam .......... entusiasmados.
(bastante)
13. Ela parecia .......... desanimada. (meio)
14. .......... com a carta segue a encomenda.
(junto)
15. É .......... entrada a pessoas estranhas.
(proibido)
16. Ela .......... tomou a decisão. (mesmo)
118
17. Água-de-colônia é .......... (bom)
18. Ela .......... tomou a decisão. (próprio)
19. É .......... a entrada a pessoas estranhas.
(proibido)
20. A água-de-colônia é ........... (bom)
21. Ouvi da moça um “Muito ..........” sincero.
(obrigado)
22. O rapaz disse à moça: “Muito ..........”
(obrigado)
23. Eles seguem .......... para Pelotas. (mesmo)

2. as frases que seguem, preencha o espaço
em branco com a palavra que ocorre entre
parênteses, fazendo a concordância exigida
pela estrutura:
1. “Rubião abriu os olhos, ......... fechados, e deu
com o cocheiro (...)” (Machado de Assis) (meio)
2. “Os cavalos, metidos até ........ canela na
correnteza, dobravam o pescoço (...)” (Guimarães
Rosa) (meio)
3. Não temos razões .......... para impugnar sua
candidatura. (bastante)
4. Estavam .......... preocupados com a situação.
(bastante)
5. “A carteira era .......... velha e ela não ligou
muito.” (Lygia F. Telles) (meio)
6. “Mãe Cândida, ela .........., tomou parte nessa
violenta luta (...)” (Dinah S. de Queiroz) (mesmo)
7. “(...) a melancolia da paisagem está em nós
..........” (Machado de Assis) (mesmo)
8. “A conversa era longa, mas cada um prestava
atenção às .......... palavras (...)” (Graciliano Ramos)
(próprio)

3. Assinale a alternativa em que ocorra
algum erro de concordância nominal:
a. ( ) Saiba que você cometeu um crime de
lesa-majestade.
b. ( ) Estejam alerta, pois o inimigo não manda
aviso.
c. ( ) Há menos indecisão do que parece.
d. ( ) Permitam-me que as deixe só.
e. ( ) Ele sentiu que precisava ficar a sós.

4. Nas frases que seguem, encontramos a
palavra SÓ. Marque:
A) se ela for um adjetivo (equivalente a
sozinho);
B) se ela for um advérbio (equivalente a
somente);
a) “Vivia só; podia ser que se retirasse para
Minas.” (Machado de Assis)
Resposta:
.............................................................................
b) “Derrubou-se a casa velha, que era só um
ranchinho de capim.” (Guimarães Rosa)
Resposta:
.............................................................................


C- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Escolha a forma correta dentre
as dos parênteses e complete a lacuna:
É ........................... muita coragem e prudência.
(necessário/necessária)

2. (FUVEST) “Disse com cuidado e sabedoria
de ancião, como se precisasse tomar esse ar
para falar como velho (...)”. (Clarice Lispector)
a) Se, em vez da locução adjetiva de ancião
usássemos o adjetivo venerando, que formas o
adjetivo poderia assumir, segundo a
concordância nominal?
Resposta:
.............................................................................
b) E se colocássemos o mesmo adjetivo antes
dos substantivos cuidado e sabedoria?
Resposta:
.............................................................................

3. (FUVEST) Qual a seqüência correta obtida
a partir do seguinte código:
A) só a I está correta.
B) I e II estão corretas.

( ) I. “Era-me necessária a carreira política
(...)”. (Machado de Assis)
II. Era-me necessário a carreira política.
( ) I. “Aos espiões nunca foi necessária essa
liberdade (...)”. (Mário de Andrade)
II. “Aos espiões nunca foi necessário
liberdade.”
( ) I. “(...) para melhor compreender a
existência é necessário um pouco de ignorância
(...)”. (Millôr Fernandes)
II. Para melhor compreender a existência é
necessária ignorância.
Resposta:
.............................................................................
4. (CEFET) Indique as formas dos parênteses
que completam corretamente as lacunas:
- Ainda não estou .............. (quite/quites) com o
Serviço Militar.
- É meio-dia e ............. (meio/meia)

5. (FEI-SP) Passe para o plural:
Houve uma conversa meio longa.
Resposta:
.............................................................................
.............................................................................

6. (UNIFAAP) Observando as regras de
concordância nominal e verbal, reescreva a
frase que segue:
Ao meio-dia e meio, depois de penosa escalada,
durante a qual houveram perigos o mais
surpreendentes possíveis, o grupo de alpinistas
franceses atingiu o ponto mais elevado da
cordilheira.
119
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

7. (FMU) Complete, fazendo a concordância
das palavras entre parênteses:
“Vai .............. (incluso) à carta minha
fotografia.”
Essas pessoas cometeram crime de .............
(leso)-patriotismo. Elas ............. (mesmo) não
quiseram colaborar.”

8. (CESP) Complete com a forma adequada:
As moças, estando ............, tiveram, elas
..............., de tomar as providências que a
situação exigia. (só, mesmo)

9. (PUC-RIO) Preencha as lacunas com a
forma adequada das palavras entre
parênteses, fazendo a flexão quando
necessário:
a) Por ................. que sejam as conseqüências,
esta é a única tentativa possível. (pior)
b) Seus propósitos são ................... claros.
(bastante)
c) As informações prometidas seguem
.................... a esta carta. (anexo)

10. (FUVEST) Complete os espaços vazios
das frases que seguem com a palavra só:
Elas estão ...........................................
Os gatos estão ....................................
A árvore está ......................................

11. (UFGO) Complete os espaços com as
palavras (obrigado, certo, sensato),
respectivamente, flexionando-as se
necessário:
“Muito ....................., disse ela. Vocês
procederam ............................, considerando
meu ponto de vista e minha argumentação
.......................”

12. (CEFET) Faça a concordância com as
palavras indicadas nos parênteses:
a) Essas meninas são .................. a mãe. (tal
qual)
b) Há sempre menos ocorrências, quando os
bombeiros estão ................... (alerta)

13. (CEFET) Reescreva o período,
substituindo o termo grifado pelo do
parênteses, estabelecendo a concordância
devida:
Não há meio termo. (palavras)
.............................................................................
.............................................................................

14. (UFSC) Reescreva o período abaixo.
Corrija-o, se necessário, quanto à
concordância. Justifique, porém, sempre a
sua resposta:
É proibido a entrada de pessoas estranhas no
recinto.
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................


D- TESTES

1. (PONTA GROSSA) Vão ..................... as
faturas e os documentos ...............................
a. ( ) anexo, requisitados.
b. ( ) anexas, requisitados.
c. ( ) anexos, requisitadas.
d. ( ) em anexo, requisitadas.
e. ( ) em anexo, requisitados.

2. (ACAFE) Há concordância inadequada
em:
a. ( ) campo e restingas devastadas.
b. ( ) campo e restinga devastados.
c. ( ) restingas e campo devastadas.
d. ( ) restingas e campo devastado.
e. ( ) restingas e campo devastados.

3. (UFPR) Assinale a alternativa que contém
adjetivos corretamente empregados, quanto à
concordância nominal, em:
1. Comprei um terno e um sapato escuros.
2. Comprei capas e sapatos escuros.
3. Comprei uma capa e um sapato escuro.

a. ( ) 1
b. ( ) 2
c. ( ) 3
d. ( ) 1 e 2
e. ( ) 1, 2 e 3

4.(PUC-PR) Completando o período com o
elemento que falta:
1. Ofereceram prêmios para os primeiro e
segundo ..................
2. Ofereceram prêmios para o primeiro e
segundo .....................
3. Hastearam ......................... brasileira e
inglesa.
4. Hastearam ......................... brasileira e a
inglesa.
A seqüência correta deve ser:
a. ( ) colocado, colocados, a bandeira, as
bandeiras.
b. ( ) colocados, colocados, as bandeiras, as
bandeiras.
120
c. ( ) colocados, colocado, as bandeiras, a
bandeira.
d. ( ) colocado, colocado, a bandeira, a
bandeira.
e. ( ) colocado, colocados, a bandeira, a
bandeira.

5. (MACK) Aponte a alternativa em que há
erro:
a. ( ) Ante o perigo, os guardas se mantinham
alertas.
b. ( ) Sua família tinha muito menos riquezas
que a nossa.
c. ( ) Há bastantes meses, falou-me de seu
grande amor.
d. ( ) Seus quadros eram os mais clássicos
possíveis.
e. ( ) n.d.a.

6. (FMU) Assinale a alternativa que preenche
corretamente as lacunas das frases a seguir:
Vão ...................... aos processos várias
fotografias.
Paisagens as mais belas .............................
Ela estava ............................ narcotizada.
a. ( ) anexas, possíveis, meio.
b. ( ) anexas, possível, meio.
c. ( ) anexo, possíveis, meia.
d. ( ) anexo, possível, meio.
e. ( ) anexo, possível, meia.

7. Elas .............. providenciaram os atestados,
que ................ enviaram às procurações,
como instrumentos .............. para os fins
colimados.
a. ( ) mesmas, anexos, bastante.
b. ( ) mesmo, anexos, bastantes.
c. ( ) mesmas, anexo, bastante.
d. ( ) mesmo, anexo, bastante.
e. ( ) mesmas, anexos, bastantes.

8. (MED-ABC) Assinale a alternativa em que
a concordância nominal está errada:
a. ( ) Os braços e as mãos trêmulas erguiam-se
para o céu.
b. ( ) Chegada a sua hora e a sua vez,
intimidou-se.
c. ( ) Tinha belos olhos e boca.
d. ( ) Todos se moviam cautelosamente alertas
ao perigo.
e. ( ) A terceira e a quarta série tiveram bom
índice de aprovação.

9. (PUC-PR) Assinale a opção que preenche
corretamente os pontilhados:
1. Segue, ......... a procuração.
2. Pedro está ........ como o serviço militar.
3. Os vigias estão sempre ..............
4. Maria estava ........... encabulada.

a. ( ) anexo, quites, alerta, meio.
b. ( ) anexo, quites, alertas, meia.
c. ( ) anexa, quite, alerta, meio.
d. ( ) anexo, quites, alertas, meio.
e. ( ) anexa, quite, alertas, meia.

10. (CESGRANRIO) Há concordância
inadequada em:
a. ( ) clima e terras desconhecidas.
b. ( ) clima e terra desconhecidos.
c. ( ) terras e clima desconhecidas.
d. ( ) terras e clima desconhecido.
e. ( ) terras e clima desconhecidos.

11. (ACAFE) Assinale a alternativa em que
ocorra algum erro de concordância nominal:
a. ( ) Seguem em anexo as faturas.
b. ( ) Estou quite com meus credores.
c. ( ) Cometeu um crime de lesa-majestade.
d. ( ) Incluso estão os processos.
e. ( ) Maria saiu meio decepcionada.

12. (PONTA GROSSA) Marque a frase
absolutamente inaceitável, do ponto de vista
da concordância nominal:
a. ( ) É necessária paciência.
b. ( ) Não é bonito ofendermos aos outros.
c. ( ) É bom bebermos cerveja.
d. ( ) Não é permitido presença de estranhos.
e. ( ) Água de melissa é ótimo para os nervos.

13. (UFPR) Em que casos a forma entre
parênteses deve ficar no plural?
1. ( ) O advogado se muniu de argumentos
(bastante) para inocentar seu cliente.
2. ( ) Seguem (anexo) os comprovantes
solicitados.
4. ( ) Eles (mesmo) admitiram que tudo não
passou de farsa.
8. ( ) Os livros estão muito (caro).
16. ( ) Eles vestiam calças (cinza).
32. ( ) Encontraram os portões (meio) abertos.
64. ( ) Os brinquedos de madeira custam mais
(barato).

14. Assinale a(s) alternativa(s) incorreta(s)
quanto à concordância nominal e some os
valores que lhe(s) é(são) atribuído(s):
1. ( ) Entrada proibida.
2. ( ) É proibido entrada.
4. ( ) A entrada é proibida.
8. ( ) Entrada é proibido.
16. ( ) Para quem a entrada é proibido?
32. ( ) É proibida a entrada.
64. ( ) Será proibido a entrada aos
retardatários.

15. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s)
quanto à concordância nominal e some o(s)
valor(valores) que lhe(s) é (são) atribuído(s):
121
1. ( ) Cerveja é boa para a saúde.
2. ( ) É necessário paciência.
4. ( ) É necessária muita paciência.
8. ( ) O governo destinou bastante recursos ao
BNH.
16. ( ) Seguem anexo três certidões.
32. ( ) Julguei-os capacitados, o aluno e a
aluna.
64. ( ) Dado as circunstâncias, retirou-se.
















GABARITO - CONCORDÂNCIA NOMINAL


A- EXERCÍCIOS
1) a) preto/s b) preta/os c) preta d) sujo/s e) perdidas/dos f) estrangeiro/s g) profunda
h) afinada/dos i) Deserto j) deserta/tos l) sadias/os m) Bronzeados n) humana o) idosa/os
p) série/s q) grau/s.
2) I- C II- B III- D IV-A
B- EXERCÍCIOS
I- 1. anexo 2. leso- 3. alerta 4. inclusos 5. necessário 6. anexas 7. bastantes 8. bastante
9. lesa- 10. juntos 11. meia 12. bastante 13. meio 14. junto 15. proibido 16. mesma
17. bom 18. própria 19. proibida 20. boa 21. obrigada 22. obrigado 23. mesmo.
II- 1. meio 2. meia 3. bastantes 4. bastante 5. meio 6. mesma 7. mesmos 8. próprias.
III- d
IV- a) A b) B
C- DISCURSIVAS
1) necessária
2) a) veneranda/os b) venerando
3) A, B, A
4) quite, meia
5) Houve umas conversas meio longas.
6) Ao meio-dia e meia... houve perigos os mais...
7) inclusa, leso-, mesmas
8) sós, mesmas
9) piores, bastante, anexas
10) sós, sós, só
11) obrigada, certo, sensata/os
12) a) tal qual b) alerta
13) meias palavras
14) é proibida a entrada de pessoas estranhas no recinto. JUSTIFICATIVA: o adjetivo proibida concorda
com o substantivo entrada que está determinado.
D- TESTES
1- e 4- c 7- e 10- c 13 - 15
2- c 5- a 8- d 11- d 14 - 80
3- e 6- a 9- c 12- a 15 - 38








122




















CONCORDÂNCIA VERBAL

A- EXERCÍCIOS

1. Assinale com E a oração que apresentar
erro de concordância e com C a que estiver
correta. Reescreva aquelas que você assinalar
com E:
1. ( ) Falharam a técnica e os argumentos
utilizados.
2. ( ) Chegou as notas e o diploma.
3. ( ) Tu e teus amigos chegastes bem cedo.
4. ( ) Chegaste cedo tu e teus amigos.
5. ( ) Tu e eu fizestes o trabalho.
6. ( ) Jamais poderiam juntar-se o governador e
seus aliados.
7. ( ) Norberto e Filomena tem grande chance
de aprovação.
8. ( ) Foi o que fizemos Capitu e eu.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

2. Responda às questões que seguem, de
acordo com o seguinte código:
(A) se for correta apenas a oração I.
(B) se for correta apenas a oração II.
(C) se forem corretas as orações I e II.
(D) se nenhuma das orações for correta.

1. ( ) I. Quantos de nós ficaram sabendo
disso?
II. Algum de nós está errado.
2. ( ) I. Poucos de nós conseguiram.
II. Quem de vós me atirareis a pedra?
3. ( ) I. Qual de vós sois mais competente?
II. Muitos de vós ficastes em casa.
4. ( ) I. Algum de nós já viu este filme?
II. Qual de vós vieste?

3. Escreva nos parênteses (E) se a oração
apresentar erro de concordância e (C), caso
ela esteja correta:
1. ( ) Ele foi um dos que mais insistiu.
2. ( ) Um dos que mais falou foi um dos que
menos cumpriu.
3. ( ) Fernando ou Filomena serão o
representante da classe.
4. ( ) Um e outro descendiam de velhas
famílias gaúchas.
5. ( ) Nem um nem outro ficou.
6. ( ) A cidade era tão pequena que um grito ou
uma gargalhada forte a atravessava de ponta a
ponta.
7. ( ) Nem um nem outro chegou.


4. Escreva nos parênteses (E) para as orações
erradas e (C) para as corretas:
1. ( ) Fostes vós que reclamou.
2. ( ) Fostes vós quem reclamou.
3. ( ) Fomos nós que erramos.
4. ( ) Fomos nós quem erramos.
5. ( ) Vossas Senhorias me compreendereis.
6. ( ) Sua Majestade se ausentou por alguns
dias.
7. ( ) Vossa Excelência sois ignorante.
8. ( ) Hoje quem pagas és tu.

5. Preencha os espaços vazios com as formas
indicadas entre parênteses. Caso seja
possível, coloque as duas formas:
a) Aí está um dos que mais ...................... essa
obra. (criticou, criticaram)
b) Tomou a palavra um dos embaixadores que
......................... o projeto. (defendia, defendiam)
c) Mais de um motivo ................... a agir assim.
(leva-nos, levam-nos)
123
d) Mais de um veículo .................... na esquina.
(se chocou, se chocaram)
e) Mais de um vestígio, mais de um sinal
................... nas escavações. (foi encontrado,
foram encontrados)
f) Um e outro caso ................... para justificar a
regra. (presta-se, prestam-se)
g) Nem eu nem os vendedores ..........................
com as condições do mercado. (concordamos,
concordaram)
h) Nem um nem outro ..................
comparecendo ao debate. (acabou, acabaram)
i) Vossas Senhorias não ................. de seus
interesses. (cuidaram, cuidastes)
j) Gostaria de que Vossa Senhoria nos
.................... com sua preciosa ajuda. (acudisse,
acudisses)


B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Passe para o tratamento VÓS:
Seja puro e humilde em seu coração e
encontrará o caminho que o levará a Deus.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

2. (CEFET) Reescreva as orações, colocando
os verbos nas pessoas indicadas nos
parênteses, conservando os mesmos tempos e
modos em que se encontram:
a) Ponha o dever à frente do prazer. (2ª pessoa
do plural):
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
b) Se quiserdes vencer na vida, sede esforçados
e persistentes. (3ª pessoa do singular):
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

3. (CÁSPER LÍBERO) Qual das duas
orações é correta: “Sou um dos cidadãos
brasileiros que mais trabalha.” ou “Sou um
dos cidadãos brasileiros que mais
trabalham.”?
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

4. (FUVEST) “És tu que deves pensar e
querer por mim.” (José de Alencar)
a) permute tu por você:
.............................................................................
b) permute tu por vós:
.............................................................................

5. (FUVEST) “(...) fui eu que me atirei aos
pés dela (...)” (Machado de Assis)
a) permute eu por ele:
.............................................................................
b) permute que por quem:
.............................................................................


C- TESTES

1. (UFPR) Observe a concordância verbal:
1. Algum de vós conseguireis a bolsa de estudo?
2. Sei que pelo menos um terço dos jogadores
estavam dentro do campo naquela hora.
3. Os Estados Unidos são um país muito rico.
4. No relógio do Largo da Matriz bateu cinco
horas: era o sinal esperado.

a. ( ) Somente a frase 1 está errada.
b. ( ) Somente a frase 2 está errada.
c. ( ) As frases 2 e 3 estão erradas.
d. ( ) As frases 1 e 4 estão erradas.
e. ( ) As frases 2 e 4 estão erradas.

2. (DIR-CTBA) Indique a opção correta:
a. ( ) Pratique o bem e terá felicidade.
b. ( ) Pratica o bem e terá felicidade.
c. ( ) Pratique o bem e terás felicidade.
d. ( ) Praticas o bem e tereis felicidade.
e. ( ) Praticai o bem e terás felicidade.

3. (FCC) Enquanto ......... a lei e o
regulamento, não se .......... infrações dessa
espécie.
a. ( ) forem observados, admitirão.
b. ( ) forem observados, admitirá.
c. ( ) for observada, admitirá.
d. ( ) for observado, admitirão.
e. ( ) for observado, admitirá.

4. (MED.ABC) O verbo concorda em número
e pessoa com o sujeito. Portanto, não está
correta a alternativa:
a. ( ) Faltam ainda seis meses para o
vencimento.
b. ( ) Existem fortes indícios de melhoria geral.
c. ( ) Não provém daí os males sofridos.
d. ( ) Os fatos que o perturbam são bem
poucos.
e. ( ) Serão considerados válidos tais
argumentos?

5. (FED. ODONTO DIAMANTINA) Em uma
das frases apresentadas nas opções seria
correta a variação da concordância verbal.
Assinale-a:
a. ( ) “A presença do Capitão-General causou
grande rebuliço na sala.”
b. ( ) “Bastavam-lhe a paz, a promessa.”
124
c. ( ) “De nada valeram as lágrimas de
Mariana, os gritos da mãe, os ataques do pai.”
d. ( ) “As coisas eram tristes, frias e
silenciosas, opacas e duras.”
e. ( ) “Meu Deus, agora trouxeram flores,
grandes vasos de flores.”

6. (FAC.MED.CATANDUVA) Nas cinco
alternativas, há duas concordâncias verbais
erradas. Indique-as:
a. ( ) Eu, tu e nossos amigos iremos no mesmo
avião.
b. ( ) Tu e meus amigos ireis no mesmo trem.
c. ( ) Tu e meus amigos irão no mesmo trem.
d. ( ) V. Exa., eles e aqueles garotos seguireis
depois.
e. ( ) Margarida e vossa tia seguireis primeiro.

7. (FUVEST) Num dos provérbios a seguir
não se observa a concordância prescrita pela
gramática. Indique-a:
a. ( ) Não se apanham moscas com vinagre.
b. ( ) Casamento e mortalha no céu se talha.
c. ( ) Quem ama o feio, bonito lhe parece.
d. ( ) De boas ceias, as sepulturas estão cheias.
e. ( ) Quem cabras não tem e cabritos vende,
de algum lugar lhe vêm.

8. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
a lacuna pode ser preenchida por qualquer
das duas formas verbais indicadas entre
parênteses:
a. ( ) Um dos seus sonhos ........... morrer na
terra natal. (era, eram)
b. ( ) Aqui não ......... os sítios onde eu
brincava. (existe, existem)
c. ( ) Uma porção de sabiás ............ na
laranjeira. (cantava, cantavam)
d. ( ) Não .......... em minha terra belezas
naturais. (falta, faltam)
e. ( ) Sou eu que ......... morrer ouvindo o canto
do sabiá. (quero, quer)

9. (PONTA GROSSA) Assinale a alternativa
incorreta, segundo a norma gramatical:
a. ( ) Os Estados Unidos, em 1942, declararam
guerra à Alemanha.
b. ( ) Aqueles casais parecia viverem felizes.
c. ( ) Cancelamos o passeio, haja visto o mau
tempo.
d. ( ) Mais de um dos candidatos se
cumprimentaram.
e. ( ) Não tínhamos visto as crianças que
faziam oito anos.

10. (FECAP) A concordância verbal
incorreta é:
a. ( ) Os Lusíadas imortalizaram Camões.
b. ( ) Quais de vós ireis à escola?
c. ( ) Outrora poderia existir opiniões
diferentes sobre o assunto.
d. ( ) Quem de nós pagará as despesas?

11. (FUVEST) Indique a alternativa correta:
a. ( ) Filmes, novelas, boas conversas, nada o
tiravam da praia.
b. ( ) A pátria não é ninguém: são todos.
c. ( ) Se não vier as chuvas, como faremos?
d. ( ) É precaríssima as condições do prédio.
e. ( ) Vossa Senhoria vos preocupais
demasiadamente com vossa imagem.

12. (UCP) Combine as duas colunas:
1. Sabemos
2. Sabeis
3. Sabem

( ) Eles ou elas
( ) Eu, tu e ele
( ) Tu e ele
( ) Tu e eu

A seqüência correta deve ser:
a. ( ) 2, 1, 3, 2
b. ( ) 3, 2, 3, 2
c. ( ) 3, 2, 2, 1
d. ( ) 3, 1, 2, 1
e. ( ) 3, 1, 2, 2

13. (UFCE) Como a frase: “fui eu quem fez o
casamento”, também estão corretos os
períodos abaixo:
1. ( ) fui eu que fiz o casamento.
2. ( ) foi eu quem fez o casamento.
4. ( ) fui eu que fez o casamento.
8. ( ) foste tu que fizeste o casamento.
16. ( ) foste tu quem fez o casamento.
32. ( ) fostes vós que fez o casamento.
64. ( ) fostes vós quem fez o casamento.

14. (UFCE) Marque as alternativas certas
quanto à concordância verbal:
1. ( ) Fomos nós quem se responsabilizou
pela operação de resgate.
2. ( ) Os estudantes somos, em geral, muito
vibradores.
4. ( ) Se V. Exa. determinardes o que se deve
fazer, a obra será executada imediatamente.
8. ( ) Os jovens parece ficarem cônscios da
responsabilidade de votar.
16. ( ) Quando cuidamos, restava apenas
alguns objetos imprestáveis.
32. ( ) Não sabemos quais de nós deve se
submeter ao concurso.

15. Marque as alternativas certas quanto à
concordância do verbo destacado:
1. ( ) Vossa Excelência não devia preocupar-
se com um inimigo tão medíocre.
125
2. ( ) Mais de um motivo levam-no a agir
com precaução.
4. ( ) Mais de mil pessoas já acertaram na
Loteria Esportiva.
8. ( ) Mais de um olhar, mais de um aceno,
avisavam-no do perigo.
16. ( ) Não parece justo condenar essas
pessoas.
32. ( ) Joaquim ou Antônio casarão com
Maria.
64. ( ) Nenhum dos participantes do encontro
confirmaram a sugestão.


D- EXERCÍCIOS

1. Preencha as lacunas com uma das opções:
a) ...................... alguns meses que ela partiu.
(faz, fazem)
b) ...................... haver reclamações. (vão, vai)
c) ...................... de existir novas opções. (há,
hão)
d) ...................... de haver novas provas.
(deverá, deverão)

2. Preencha as lacunas com os verbos entre
parênteses nos tempos e modos indicados:
1. Fui eu quem .......... o médico. (providenciar:
pret. perf. do ind.)
2. Quantos de vós .......... uma atitude? (tomar:
pret. perf. do ind.)
3. Menos de cinco .......... o braço. (levantar:
pret. perf. do ind.)
4. Algum de vós .......... responder? (saber: fut.
do pret.)
5. Mais de um aluno .......... o braço. (levantar:
pret. perf. do ind.)
6. Uma e outra .......... mais tarde. (chegar: pret.
perf. do ind.)
7. Mais de um dos candidatos se ..........
(insultar: pret. perf. do ind.)
8. Os problemas que .......... haver serão
solucionados. (poder: fut. do pres. do ind.)
9. Mandei-os .......... as malas. (fazer:
infinitivo)
10. ..........-se sapatos. (consertar: pres. do ind.)

3. Siga o modelo: Foram encerradas as
competições. Encerraram-se as competições.
a) Foram consultados os especialista.
.............................................................................
b) Eram admitidas todas as respostas.
.............................................................................
c) São elaborados novos projetos diariamente.
.............................................................................

4. Preencha as lacunas com as formas verbais
indicadas nos parênteses:
a) ..........-se de empregados. (precisa, precisam)
b) ..........-se os restos do material. (vende,
vendem)
c) Aqui se .......... a bons filmes. (assiste,
assistem)
d) ..........-se os horizontes. (ampliou,
ampliaram)
e) Não se .......... mais esses assuntos. (discute,
discutem)

5. Preencha as lacunas das frases a seguir
com os verbos indicados entre parênteses:
1. .......... poucos assuntos que nos interessam.
(haver: pres. do ind.)
2. .......... poucos assuntos que nos interessam.
(existir: pres. do ind.)
3. .......... seres vivos em outros planetas?
(haver: fut. pres. ind.)
4. .......... seres vivos em outros planetas?
(existir: fut. pres. ind.)
5. .......... muitos empecilhos na venda deste
apartamento. (haver: pret. perf. ind.)
6. .......... muitos empecilhos na venda deste
apartamento. (existir: pret. perf. ind.)
7. .......... haver protestos. (dever: pres. ind.)
8. .......... existir bons motivos para isso. (dever:
pres. ind.)
9. .......... haver casos mais complicados que
este. (costumar: pres. ind.)
10. .......... existir muitas razões para que ela
proceda assim. (poder: pres. ind.)
11. .......... Dias melhores ainda .......... haver. (ir:
pres. ind.)
12. .......... séculos que não a vejo. (fazer: pres.
ind.)
13. .......... fazer dois anos que moro em São
Paulo. (dever: pres. ind.)
14. .......... fazer uns quatro anos que deixei de
estudar. (poder: fut. pres. ind.)
15. .......... dias límpidos no inverno. (fazer: pres.
ind.)
16. Se não .......... guerras, o mundo seria
melhor. (haver: pret. imp. subj.)
17. Se não .......... guerras, o mundo seria
melhor. (existir: pret. imp. subj.)

6. Preencha as lacunas das frases a seguir
escolhendo uma ou duas formas entre
parênteses:
1. A vida .......... as lutas de todos os dias. (é,
são)
2. Pedrinho .......... as desgraças da família. (era,
eram)
3. Os envolvidos na questão .......... nós. (eram,
éramos)
4. Tudo .......... tolices, Manuel. (é, são)
5. Aquilo não .......... condições de vida humana.
(era, eram)
6. Quinze mil reais .......... pouco para construir
aquela casa. (foi, foram)
126
7. Dez anos .......... muito para esperar alguém.
(é, são)

7. Aponte a concordância errada:
( ) Precisa-se de operários.
( ) O sino da capela soou seis horas.
( ) Deu cinco horas no relógio da torre.

8. Preencha as lacunas com o verbo SER nos
tempos e modos indicados:
1. A resposta .......... dois números. (pres. ind.)
2. Quem .......... os convidados? (pret. imperf.)
3. Até a sua casa .......... dez metros. (pres. ind.)
4. Luís .......... as alegrias dos pais. (pres. ind.)
5. Três guardas .......... o bastante. (pres. ind.)
6. Os escolhidos .......... vós. (pres. ind.)
7. O escolhido .......... tu. (pres. ind.)
8. Seis anos .......... muito. (pres. ind.)

9. Assinale a(s) incorreta(s):
a. ( ) Quantos anos pode fazer que Maria
partiu?
b. ( ) Há dias, estando Pedro distraído, uma
flecha o pegou.
c. ( ) Dois meses estão fazendo que a jangada
partiu.
d. ( ) Deve fazer muitos anos que ninguém
atravessa estas regiões.
e. ( ) A menos que saiamos daqui, seremos
mortos no desabamento.

10. Aponte a alternativa que preenche
adequadamente os claros:
a) há (= faz)
b) há (= existe [m])
c) há (= tem)
d) há (= é possível)
e) a

1. Não .......... duvidar de sua honestidade.
2. Já .......... cinco meses não me escreves.
3. .......... oito anos que não envias informações.
4. Ainda .......... muitos meios de salvá-lo.
5. Cheguei .......... ponto de abandonar a tarefa.
6. Se come em casa de amigos, não ..........
contentá-lo.
7. .......... de ficar contente em ver-me doutor.
8. Com esta gente convivo .......... muitos anos.
9. Que estás aí .......... ler, ó Maria?

11. Assinale as frases incorretas:
1. ( ) Que horas é?
2. ( ) Que horas são?
3. ( ) Já são duas horas.
4. ( ) Ainda é uma hora.
5. ( ) São duas horas e um minuto.
6. ( ) É um minuto para as duas horas.
7. ( ) É zero hora.
8. ( ) São zero horas.
9. ( ) É meio-dia.
10. ( ) São meio-dia.
11. ( ) Que dia é hoje?
12. ( ) Quantos são hoje?
13. ( ) Que dias é hoje?
14. ( ) Hoje é quinze de março.
15. ( ) Hoje são quinze de março.
16. ( ) Hoje são dia quinze de abril.


E- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Escolha a forma correta dentre
as dos parênteses e complete as lacunas:
a) Neste teatro, .................., anualmente, a
grandiosos espetáculos. (assistem-se, assiste-se)
b) Após o desastre, ................ cenas de tristeza e
desespero. (houve, houveram)

2. (CEFET) Complete com a forma correta:
- Seus métodos são eficientes ........... os
resultados alcançados. (hajam vista, haja visto)

3. (FUVEST) Preencha os espaços com a
forma verbal adequada:
a) “As bichas excomungadas .................... a
causa da seca.” (G. Ramos) (era, eram)
b) “Toda língua .................. rastros de velho
mistério.” (G. Rosa) (é, são)
c) As crianças ............. a paixão de Lady Diana.
(é, são)
d) “Ele acabou confessando um dia: ..................
eu mesmo.” (F. Sabino) (foi, fui)

4. (CÁSPER LÍBERO) Qual das orações é
correta: “As estrelas parece brilharem” ou
“As estrelas parecem brilhar.”?
Resposta:..............................................................
.............................................................................

5. (FUVEST) Reescreva as frases,
substituindo existir por haver e vice-versa:
a) “Existiam jardins e manhãs naquele tempo:
havia paz em toda a parte.”
.............................................................................
............................................................................
b) “Se existissem mais homens honestos, não
haveria tantas brigas por justiça.”
.............................................................................
............................................................................

6. (CEFET) Passe as orações das questões a e
b para o plural:
a) Chorava muito sem que houvesse motivo.
.............................................................................
.............................................................................
b) Faz um ano que me formei.
.............................................................................
.............................................................................

127
7. (CEFET) Complete as lacunas com uma
das formas indicadas, atendendo às normas
da concorrência:
a) ............. (era, eram) 15 de abril de 1979.
b) Senhor Presidente, espero que V. Exa. tenha
ficado .............. (satisfeita, satisfeito) com o
andamento das obras.
c) A casa era idêntica às que se .................. (vê,
vêem) nos livros de contos de fada.
d) ............ (trata-se, tratam-se) de movimentos
contrários à formação democrática de nosso
povo.

8. (UFSC) Reescreva o período a seguir,
observando o emprego da forma de
tratamento. Caso haja erro de concordância,
corrija-o. Justifique a sua resposta.
Não está direito que vocês me dê comer todo
dia.
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................


F- TESTES

1. (UFPR) Observe a concordância nestas
frases:
1. A sala está meio escura.
2. Eles estavam alerta.
3. Quando bate seis horas, eles vem acender as
luzes.

a. ( ) Somente a frase 1 está correta.
b. ( ) Somente a frase 2 está correta.
c. ( ) As frases 1 e 2 estão corretas.
d. ( ) As frases 2 e 3 estão corretas.
e. ( ) As frases 1, 2 e 3 estão corretas.

2. (PONTA GROSSA) O programa está
cancelado, ................... as dificuldades
surgidas.
a. ( ) hajam vista
b. ( ) hajam vistas
c. ( ) haja visto
d. ( ) haja vistas
e. ( ) hajam vistos

3. (UFCE) Se pluralizarmos as expressões
grifadas, a opção em que o verbo não pode
ficar no plural é:
a. ( ) Vê-se ao longe viçoso mangueiral.
b. ( ) Não se atribua ao colega este insucesso.
c. ( ) Aqui, precisa-se de muito operário.
d. ( ) Urge que se venda a fazenda.
e. ( ) n.d.a.

4. Indique a única frase em que a
concordância verbal proposta é inadmissível:
a. ( ) Na Páscoa, a tradição manda que se
presenteiem os amigos com ovos.
b. ( ) Nas eleições para prefeito, o candidato do
PT ou do PSDB vencerá.
c. ( ) Sei que pelo menos um terço dos
jogadores estavam fora do campo naquele
momento.
d. ( ) Tu e minha irmã ficareis esperando do
lado de fora.
e. ( ) No relógio da Lapa, no Largo da Matriz,
bateu cinco horas: era o sinal esperado.

5. (PONTA GROSSA) Não ......... haver
ilusões ......... não .......... esperanças.
a. ( ) pode, aonde, existe.
b. ( ) podem, onde, existem.
c. ( ) podem, onde, existe.
d. ( ) pode, onde, existem.
e. ( ) podem, aonde, existe.

6. (CESCEM) Já ....... anos, ....... neste local
árvores e flores. Hoje, só ......... ervas
daninhas.
a. ( ) fazem, haviam, existe.
b. ( ) fazem, havia, existe.
c. ( ) fazem, haviam, existem.
d. ( ) faz, havia, existem.
e. ( ) faz, havia, existe.

7. (UFPR) Qual a alternativa em que a
concordância está errada?
a. ( ) Precisa-se de empregados.
b. ( ) Precisam-se de empregados.
c. ( ) Vendem-se refrigerantes.
d. ( ) Consertam-se pianos de cauda.
e. ( ) Compram-se jornais velhos.

8. (UFPR) Qual a alternativa em que as
formas dos verbos bater, consertar e haver,
nas frases abaixo, são usadas na
concordância correta?
- As aulas começam quando ........ oito horas.
- Nessa loja ........ relógios de parede.
- Ontem ........ ótimos programas na televisão.

a. ( ) batem, consertam-se, houve
b. ( ) bate, consertam-se, havia
c. ( ) bateram, conserta-se, houveram
d. ( ) batiam, consertar-se-ão, haverá
e. ( ) batem, consertarei, haviam

9. (DIREITO-CTBA) Observe:
1. Sou eu que pago.
2. A maioria dos acidentes de trânsito ocorrem
em dia de chuva.
3. A maioria dos trabalhadores recebeu ontem a
notificação.
4. Devem-se escolher bons livros.
128
5. Davam nove horas, na matriz, quando
chegamos à praça.

Nas frases acima a concordância está:
a. ( ) correta em todas.
b. ( ) incorreta em todas.
c. ( ) incorreta na 4.
d. ( ) incorreta na 1 e 2.
e. ( ) incorreta na 2 e 4.

10. (MED.TAUBATÉ) Indique a alternativa
gramaticalmente incorreta:
a. ( ) Deram duas horas.
b. ( ) O relógio deu duas horas.
c. ( ) Tinha soado seis horas.
d. ( ) Bateu uma hora.
e. ( ) O sino bateu duas horas.

11. (PUC-CAMPINAS) Apenas uma das
alternativas a seguir contém erro de
concordância. Assinale-a:
a. ( ) Ainda não existe levantamentos
definitivos sobre os estragos causados pela
geada no Brasil, em 1982.
b. ( ) Na Silésia, é comum haver traços de
costumes alemães, como a presença de anões de
pedra nos jardins das casas.
c. ( ) Quatro anos faz que houve uma
preocupação mundial em torno da questão do
“Skylab”.
d. ( ) Durante quinze dias, atletas do mundo
todo receberam medalhas de ouro, prata e
bronze em Porto Rico.
e. ( ) n.d.a.

12. (SANTA CASA) Assinale a alternativa
que completa correta e respectivamente as
lacunas das frases que seguem:
I. “........ sete e meia da noite, quando
avistamos as luzes de Benfica.” (Fernando Sabino)
II. “........ 130 quilômetros até lá.” (Fernando
Sabino)
III. Hoje ......... 25 de novembro.
IV. “O 26 de dezembro de 1896 ........ uma noite
de glória para Manaus.” (Revista Isto É)
V. Ainda ....... meio-dia e meia.
VI. Quinze minutos ....... pouco para realizar a
prova.

a. ( ) eram, é, é, foi, é, é.
b. ( ) era, são, é, foram, são, são.
c. ( ) eram, são, é, foi, é, é.
d. ( ) eram, são, foram, são, e.
e. ( ) eram, são, é, foi, são, é.

13. (EVANG. MED.) Indique os casos em que
o verbo entre parênteses deve tomar a forma
da 3ª pessoa do plural:
1. ( ) Ainda não (SAIR) as notas de Física.
2. ( ) Julgo (ESTAR) os alunos ansiosos pelos
resultados.
4. ( ) Mandaram-nos (ESTUDAR) mais.
8. ( ) Os engenheiros estavam decididos (IR)
em frente com a obra.
16. ( ) Creio que doravante não (HAVER) mais
dúvidas sobre o assunto.
32. ( ) Já (FAZER) três semanas que não
chovia.
64. ( ) Eram muitos os problemas que nos
(CABER) resolver com urgência.

14. (EVANG. MED.) Indique os casos em que
o verbo entre parênteses deve tomar a forma
da 3ª pessoa do singular:
1. ( ) Já não (EXISTIR) razões para temer
novo incêndio.
2. ( ) Antigamente, aqui (HAVER) muitos
animais silvestres.
4. ( ) Num país civilizado não se (ADMITIR)
discriminações raciais.
8. ( ) Parece-nos (ESTAR) eles dispostos a
qualquer coisa.
16. ( ) Aqui já não se (PRECISAR) de tantos
auxiliares.
32. ( ) Os Estados Unidos (PRODUZIR)
enormes quantidades de trigo.

15. Assinale as alternativas erradas quanto à
concordância verbal e some os valores
atribuídos:
1. ( ) Sabeis Vossas Excelências das vossas
responsabilidades.
2. ( ) Precisa-se de novos calouros na Federal.
4. ( ) Haviam ali pessoas de vários países.
8. ( ) Eles haviam dito a verdade.
16. ( ) Houveram muitos casos de epidemia.
32. ( ) Haverão lugares suficientes para todos.
64. ( ) Eles se houveram muito bem na prova.

16. (MED. EVANG.) Qual o uso correto para
o verbo haver?
a. ( ) Deve haver muitos interessados em dar
solução a este caso.
b. ( ) Muitos interessados em dar solução a este
caso, devem haver.
c. ( ) Muitos interessados devem haver em dar
solução a este caso.
d. ( ) Devem haver muitos interessados em dar
solução a este caso.
e. ( ) A este caso, devem haver muito
interessados em dar solução.

17. (U.AM) Já ......... uns bons quinze minutos
que ............. caído os últimos pingos de chuva.
a. ( ) fazia, havia
b. ( ) fazia, haviam
c. ( ) faziam, havia
d. ( ) faziam, haviam

18. (FUVEST) Quantas semanas ........ para
eles ........ o trabalho?
129
a. ( ) é necessário, terminassem
b. ( ) é necessário, terminar
c. ( ) são necessários, terminarem
d. ( ) são necessárias, terminem
e. ( ) são necessárias, terminarem

19. (UFPR) Assinale as alternativas nas quais
a lacuna pode ser preenchida com o verbo
entre parênteses na terceira pessoa do plural:
1. ( ) ...........-se, para espanto de todos,
problemas absurdos. (alegar)
2. ( ) Naquele pomar ........... muitas laranjas.
(haver)
4. ( ) ........... apenas dois minutos para o
término do jogo. (faltar)
8. ( ) ...........-se alguns apartamentos. (vender)
16. ( ) Em muitas fábricas .........-se de
funcionários. (precisar)
32. ( ) Não nos ................, nesta oportunidade,
palavras de conforto. (bastar)

20. (ITA) Escolha a alternativa que melhor se
ajuste ao padrão de língua culta proposto
pela teoria gramatical, quanto à forma de
tratamento e suas conseqüências no processo
de concordância:
“Tomamos a liberdade, Senhor Ministro de
pedir ............... a .............. interferência nos
canais de televisão. Se ................, V. Exa. será
................... dos nossos veementes aplausos”.
a. ( ) vos, vossa, intervirdes, merecedora.
b. ( ) lhe, sua, intervier, merecedor.
c. ( ) te, tua, intervieres, merecedora.
d. ( ) lhe, sua, intervir, merecedora.
e. ( ) vos, sua, intervir, merecedor.

130


GABARITO - CONCORDÂNCIA VERBAL

A- EXERCÍCIOS
1. C, E, C, C, E, C, E, C 2. chegaram 5. fizemos
7. têm
2. C, A, B, A
3. C, C, E, C, C, E, C
4. E, C, C, C, E, C, E, C
5. a) facult. b) facult. c) leva-nos d) se chocaram
e) foi encontrado f) facult. g) concordamos
h) facult. i) cuidaram j) acudisse.
B- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) Sede puros e humildes em vossos corações e
encontrareis o caminho que vos levará a Deus.
2) a) Ponde... b) Se quiser... seja esforçado e
persistente.
3) ambas.
4) a) É você que deve b) Sois vós que deveis.
5) a) foi ele que se atirou b) fui eu quem me
atirei/atirou.
C- TESTES
1 - D 4 - C 7 - B 10 - C 13 - 89
2 - A 5 - B 8 - C 11 - B 14 - 11
3 - A 6 - D/E 9 - C 12 - D 15 - 29
D- EXERCÍCIOS
1) faz, vai, hão, deverá
2) 1. providenciei/ciou 2. tomastes/ram 3.
levantaram 4. saberia 5. levantou 6. chegou/ram
7. insultaram 8. poderá 9. fazer 10. consertam.
3) a) consultaram-se... b) admitiam-se... c)
elaboraram-se...
4) a) precisa b) vendem c) assiste d) ampliaram
e) discutem.
5) 1. há 2. existem 3. haverá 4. existirão 5.
houve 6. existiram 7. deve 8. devem 9. costuma
10. podem 11. vai 12. faz 13. deve 14. poderá
15. faz 16. houvesse 17. existissem.
6) 1. são 2. era 3. éramos 4. são 5. eram 6. foi
7. é.
7) deu cinco horas...
8) 1. são 2. eram 3. são 4. é 5. é 6. sois 7. és
8. é.
9) C
10) 1.D 2. A 3. A 4. B 5. E 6. D 7. C 8. A 9.
E
11) 01, 08, 10, 13, 16.
E- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) assiste-se, houve
2) hajam vista
3) a) eram b) são c) são d) fui
4) ambas
5) a) havia... existia b) se houvesse... existiriam
6) a) choravam... houvesse motivos b) Faz (dois)
uns anos que nos formamos.
7) a) facult. b) satisfeito c) vêem d) trata-se
8) Não está direito que vocês me dêem de comer todo
dia.
Justificativa: O pronome vocês, sujeito do verbo
dar, exige concordância na 3ª pessoa do plural.
F- TESTES
1 - C 5 - D 9 - A 13- 67 17- B
2 - A 6 - D 10- C 14- 18 18- E
3 - C 7 - B 11- A 15- 53 19- 45
4 - E 8 - A 12- C 16- A 20- B
























































REGÊNCIA VERBO-NOMINAL


131
A- EXERCÍCIOS

1) Marque com E as frases erradas e com C
as frases corretas quanto à regência verbal:
a. ( ) O filme que assisti foi excelente.
b. ( ) Assistiu-se a um belo filme ontem à
noite.
c. ( ) O espetáculo foi assistido por uma grande
multidão.
d. ( ) Ao show, eu lhe assisti realmente.
e. ( ) Esta faculdade é aspirada por todos.
f. ( ) Este ar é aspirado por todos.
g. ( ) Este ar, já o aspirei mais puro.
h. ( ) Que cargo aspiras?
i. ( ) A doente foi assistida por um bom
médico.
j. ( ) Era visado o bem de todos.

2. Responda às questões que seguem,
utilizando o seguinte código.
(A) se somente I é correta;
(B) se I e II são corretas;
(C) se II e III são corretas;
(D) se todas são corretas;
(E) se nada disso ocorrer.

1. ( ) I. Não obedeces a teu avô?
II. As leis foram obedecidas
compulsoriamente.
III. Por que não obedecem ao chamado
dele?
2. ( ) I. Você já pagou o funcionário?
II. Perdoaram o ladrão!
III. O padeiro foi pago.
3. ( ) I. Avisei-lhe do perigo.
II. Avisei-lhe de que se prevenisse.
III. Informei-lhes o resultado.
4. ( ) I. Prefiro futebol a basquete.
II. Esqueceram-me aqueles tristes dias.
III. Esqueci do seu nome.
5. ( ) I. Ainda não foi visado o teu
passaporte.
II. Prefiro fazer do que falar.
III. Era visado o bem da coletividade.

3. Preencha os vazios adequadamente, se
necessário:
a. Devemos obedecer ................... regulamentos
do colégio.
b. Informei-os .................. notas.
c. Informei-lhes ..................... notas.
d. Esqueci .................. livro.
e. Esqueci-me .................... livro.
f. Esqueceu-me ................ livro.
g. O caçador visou .................. animal.
h. Avisei-lhe .............. que havia muita
complicação.
i. ............... este filme eu ainda não assisti.
j. - Já pagou ................ empregados?
- Sim, já .............. paguei.
l. - Já pagou ............ conta?
- Sim, já .............. paguei.

4. Preencha as lacunas adequadamente, se
necessário:
1. Procederemos .................. o debate.
2. Cheguei muito tarde ................. local
arrombado.
3. Não antipatizei .............. ninguém.
4. Quero muito bem .................. estas pessoas.
5. Não ................ simpatizo muito ............
aquele professor.

5. Empregue lhe(s), o(s), a(s) nas frases
abaixo:
1. Prometo obedecer ........... de agora em diante.
2. O pai cumprimentou ................ pela vitória.
3. Nós ............. queremos muito bem.
4. Nós sempre .............. ajudamos.
5. Eu .................. abracei pelo êxito conseguido
nos exames.
6. Vocês receberam as ordens. Não vão
obedecer ................?
7. Informei .......... de que a festa seria hoje.
8. Informei ........... que a festa seria hoje.

6. Preencha as lacunas com o pronome
relativo que, precedido ou não de preposição:
1. O caso .......... te referes me assusta muito.
2. A peça ............ assistimos foi muito longa.
3. O aperfeiçoamento humano é o fim ...........
visam todas as religiões.
4. Esta é a conclusão ................. chegamos.
5. Aquele foi o filme ................ assisti três
vezes.
6. Qual é o cargo .............. aspiras na firma?
7. Este foi o livro .............. mais gostei até hoje.
8. Este foi um detalhe ............... todos
esqueceram.
9. Este foi um detalhe ............... todos se
esqueceram.
10. Esta é uma situação ............. não me lembro
mais com muita clareza.

7. Reescreva a frase proposta, permutando a
expressão em destaque pelo verbo solicitado,
e use a preposição adequada antes do
pronome relativo, se convier.
A pátria que quisera ter era um mito.
1. almejar:
.............................................................................
2. aspirar:
.............................................................................
3. simpatizar:
.............................................................................
4. visar:
.............................................................................
5. precisar:
.............................................................................
132
6. referir-se:
.............................................................................
7. lembrar:
.............................................................................
8. esquecer-se:
.............................................................................
9. lembrar-se:
.............................................................................
10. esquecer:
.............................................................................


B- TESTES

1. (UCP) Indique o período que corresponde
ao que segue: O garçom lhe informa que não
servem cafezinho na mesa. (Fernando Sabino)
a. ( ) O garçom o informa que não servem
cafezinho na mesa.
b. ( ) O garçom lhe informa de que não servem
cafezinho na mesa.
c. ( ) O garçom o informa de que não servem
cafezinho na mesa.
d. ( ) O garçom informa-o isto: não servem
cafezinho na mesa.
e. ( ) O garçom informa-lhe de que não servem
cafezinho na mesa.

2. (UCP) Considere cada frase abaixo e sua
equivalente ao lado:
1. Confiar em Deus = confiar nele.
2. Criticar os maus governos = criticá-los.
3. Resistir ao cerco = resistir-lhe.
4. Zelar pelas crianças = zelá-las.
5. Necessitar de dinheiro = necessitar-lhe.

Estão corretas:
a. ( ) 1, 2, 3, 4, 5.
b. ( ) 1, 2, 3, 5.
c. ( ) 1, 3, 4, 5.
d. ( ) 1, 2, 3.
e. ( ) 2, 3, 4.

3. (MARINGÁ) Observando a correção e
clareza, assinale o período construído
adequadamente:
a. ( ) Ontem assistimos o filme, na sessão das
dez.
b. ( ) Muito obrigado, disse a jovem, eu mesmo
farei a tarefa.
c. ( ) Pedro visitou seu amigo, depois saiu com
sua noiva.
d. ( ) Conquanto estudasse em ótimo colégio,
mostrava-se mal-educado.
e. ( ) Se você obedecer a gramática, resolverá
parte da prova.

4. (MACK) Assinale a alternativa em que há
erro de regência verbal.
a. ( ) Os alunos ficaram ansiosos a fazer a
prova.
b. ( ) Ele tinha asco de olhar as cobras no
Butantã.
c. ( ) A atitude do aluno com o mestre foi
surpreendente.
d. ( ) Sabia que o cerco à Fortaleza não duraria
cinco minutos.
e. ( ) Os médicos estavam acostumados com
tais imprevistos.

5. (MACK) Assinale a alternativa em que há
erro de regência:
a. ( ) Esqueceu-me o livro de contas.
b. ( ) Ela lhe quer muito bem.
c. ( ) Este é o homem. Você lhe obedecerá.
d. ( ) Altos cargos são aspirados por gente
medíocre.
e. ( ) Minhas palavras não lhe agradaram.

6. (DIR.CTBA) Assinale a alternativa
incorreta quanto à regência:
a. ( ) As batalhas a que assistimos naqueles
dias foram sangrentas.
b. ( ) Roberto assistia o espetáculo com muito
prazer.
c. ( ) Naturalmente, meu amigo, assiste-lhe o
direito de reclamar.
d. ( ) Os filmes de terror, ele assistiu a todos,
com serenidade.
e. ( ) Durante sua longa doença, assistiu-o uma
delicada enfermeira.

7. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
o verbo lembrar está empregado de maneira
inaceitável em relação à norma culta da
língua:
a. ( ) Pediu-me que o lembrasse a meus
familiares.
b. ( ) É preciso lembrá-lo o compromisso que
assumiu conosco.
c. ( ) Lembrou-se mais tarde que havia deixado
as chaves em casa.
d. ( ) Não me lembrava de ter marcado médico
para hoje.
e. ( ) Na hora das promoções, lembre-se de
mim.

8. (CESGRANRIO) Assinale a frase que não
se completa adequadamente com a forma
colocada entre parênteses:
a. ( ) Trata-se de condições especiais, .......
convém à sociologia da ciência estudar. (que)
b. ( ) Trata-se de condições especiais, .......
estudo será feito pela sociologia da ciência.
(cujo)
c. ( ) Trata-se de condições especiais, ........
deve cuidar a sociologia da ciência. (de que)
133
d. ( ) Trata-se de condições especiais, ........
devem ser investigadas pela sociologia da
ciência. (que)
e. ( ) Trata-se de condições especiais, ......... a
sociologia da ciência decerto fará referência.
(que)

9. (MED.STA CASA) Observe as frases
seguintes:
I. Pedro pagou os tomates.
II. Pedro pagou o feirante.
III. Pedro pagou os tomates e ao feirante.

Assinale a alternativa que tece considerações
corretas sobre tais frases:
a. ( ) Estão corretas apenas a I e a II porque o
verbo pagar é transitivo direto.
b. ( ) A II está errada, porque, quando pagar
tem por objetivo um nome de pessoa, é
transitivo indireto (o certo seria “ao feirante”).
c. ( ) Apenas a I está correta.
d. ( ) A frase III é a única correta e pagar é
transitivo direto nesta frase.
e. ( ) Todas as frases estão construídas
conforme as regras de regência do verbo pagar.

10. (UCP) Assinale a alternativa cujo
pontilhado seve ser preenchido por LHE:
a. ( ) Informaram-......... de que os resultados
haviam saído.
b. ( ) Já .......... avisaram da visita?
c. ( ) Toda a equipe visa-........... um bom
resultado.
d. ( ) O doente está fora de perigo.
Assiste-......... uma excelente equipe
médica.
e. ( ) Informaram-........ que os resultados
haviam saído.

11. (FUVEST) Indique a alternativa correta:
a. ( ) Preferia brincar do que trabalhar.
b. ( ) Preferia mais brincar do que trabalhar.
c. ( ) Preferia brincar a trabalhar.
d. ( ) Preferia brincar à trabalhar.
e. ( ) Preferia mais brincar que trabalhar.

12. (DIR.CTBA) Indique a opção em que o
verbo ASPIRAR tem o mesmo significado do
empregado em:
“È conveniente, em tais situações, aspirar o ar
da montanha.”
a. ( ) Aspiro a livrar-me desta situação.
b. ( ) O cargo a que aspiro é alto.
c. ( ) Ele sempre aspirou voltar às montanhas.
d. ( ) Você aspirou éter?
e. ( ) Você aspira à carreira militar?

13. (UFPR) Que frases podem ser
completadas com as formas colocadas entre
parênteses?
1. ( ) ....... quanto tempo não ..... via! (há, lhe)
2. ( ) O professor avisou-...... de que deveria
ir ........ secretaria do colégio. (o, à)
4. ( ) Os amigos ....... cumprimentaram
vivamente pela solução que deu ....... questões.
(o, aquelas)
8. Não ........ obedeço porque não reconheço
...... sua autoridade. (lhe, a)
16. ( ) O distinto colega esteja certo de que
........ estimamos e de que receberá nossa visita
......... qualquer momento. (lhe, a)
32. ( ) O pai lembrou-....... a necessidade de
voltar ......... estudar. (lhe, a)

14. (UFSC) Assinale as alternativas
gramaticalmente corretas e depois faça a
soma dos valores a elas atribuídos:
1. ( ) Estas poesias são para eu ler hoje?
2. ( ) Ele trouxe consigo mesmo um volume
das Poesias Completas de Cruz e Souza.
4. ( ) Perdoei Paulo tanto esquecimento.
8. ( ) Prefiro ler o livro a assistir ao filme.

15. Assinale as afirmativas corretas:
1. ( ) Assistimos um belo espetáculo ontem.
2. ( ) Alguns chamam-no de traidor.
4. ( ) Procedo um inquérito.
8. ( ) Lembro-me que sua voz era suave.
16. ( ) Eu lhes perdôo, irmãos, todas as suas
faltas.
32. ( ) Sempre preferiu mais o estudo que a
diversão.
64. ( ) Informei-lhe a nota obtida.

16. (UFPR) Observe o modelo e considere as
frases em que, na língua culta, é possível o
mesmo tipo de construção:
Modelo: Informaram o diretor do resultado.
Informaram o resultado ao diretor.
1. ( ) Não pagamos os salários aos
empregados.
2. ( ) Perdoaram o crime ao criminoso.
4. ( ) Já preveni o aluno de que a situação
exigia cuidados.
8. ( ) O soldado notificou sua ausência ao
comandante.
16. ( ) A moça lembrou o fato à amiga.

17. (ITA) Considerando que o pronome
relativo deve ser examinado em relação ao
verbo que lhe vem imediatamente depois,
quais frases abaixo estão corretas:
1. Apresento as provas do concurso de que fui
por vós designado a elaborar.
2. Apresento as provas do concurso a que fui
por vós designado a fiscalizá-lo.
3. Apresento as provas do concurso de cuja
organização me destes a honra.
4. Apresento as provas do concurso para cuja
fiscalização fui por vós designado.
134

a. ( ) todas.
b. ( ) apenas a 1 e a 3.
c. ( ) apenas a 2 e a 4.
d. ( ) apenas a 3 e a 4.
e. ( ) apenas a 1 e a 2.


C- EXERCÍCIOS

1. Complete as frases abaixo de forma que
fiquem corretas quanto à regência nominal:
a. Lirialdo estava acostumado ....... andar a
cavalo.
b. Estamos ansiosos ....... terminar o trabalho.
c. Um homem deve ser fiel .......... suas idéias.
d. Meus alunos têm muito jeito ........ redação.
e. Todos estavam prontos ........ fazer a prova,
mas o professor não chegou.
f. O respeito ....... vida é uma obrigação de
todos.
g. Nossa escola está situada ........... a Penha e a
Praça Tiradentes.
h. Nossos amigos vivem próximos ...........
Buenos Aires.
i. O amor ........ seus semelhantes é muito
importante.
j. Trabalhadores manifestam seu repúdio ...........
pacote da Previdência.
l. O chanceler manifestou a posição do Itamarati
favorável ......... convocação de uma assembléia.


D- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CÁSPER LÍBERO) Qual a forma correta:
“Custa-me crer que ele foi eleito” ou “Custo a
crer que ele foi eleito”?
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

2. (FAC.ENG.ARARAQUARA) “Nunca lhe
esquecera a observação, nem a longa resposta
que dera.” Reescreva a frase empregando
outra regência correta do verbo da oração
principal:
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

3. (FUVEST) Reescreva as orações abaixo,
substituindo em cada uma o pronome de 1ª
pessoa pelo de 3ª:
a) “... às vezes me repreendia...”
.............................................................................
b) “... porque me negara uma colher de doce...”
.............................................................................

4. (CEFET) Reescreva os períodos
substituindo os termos grifados pelos dos
parênteses e fazendo as adaptações
necessárias com vista à norma culta da
linguagem:
a) Todos gostam mais do elogio que da censura.
(preferir).
.............................................................................
.............................................................................
b) Foi difícil eu compreender o que você quis
dizer. (custar-me)
.............................................................................
.............................................................................

5. (CEFET) Troque o verbo grifado pelos
verbos indicados, fazendo as devidas
adaptações no pronome relativo:
Modelo: Este é o filme que todos viram.
(assistir) = Este é o filme a que todos assistiram.
São posições a que me oponho.
a) (bater-se) =
.............................................................................
.............................................................................
b) (aspirar) =
.............................................................................
.............................................................................

6. (FEI) Explique a presença das preposições
de e em nas seguintes passagens:
a) “Não puderam pois ocultar o embaraço de
que se achavam tomados.”
.............................................................................
.............................................................................
b) “Começou então a retraçar um antigo plano,
em cuja execução por muito tempo trabalhava.”
.............................................................................
.............................................................................

7. (UFSC) Reescreva o período, corrigindo-o
se necessário, quanto à regência. Justifique
sua resposta.
Lembro de você, com seus gestos nervosos...
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................

8. (CEFET) Reescreva os períodos, fazendo
as adaptações necessárias com vistas à norma
culta de linguagem, substituindo as palavras
em destaque pelas dos parênteses:
a) Todos viram, pela televisão, o espetáculo da
pororoca. (assistir)
.............................................................................
.............................................................................
b) Tenha sempre em mira o supremo bem da
Pátria. (visar)
135
.............................................................................
.............................................................................
c) Esta é a terra que tanto amamos. (gostar)
.............................................................................
.............................................................................
d) Não pretendemos a auto-satisfação mas o
bem comum. (aspirar)
.............................................................................
.............................................................................
e) Amava a escola como seu lar. (querer)
.............................................................................
.............................................................................
f) Eu gosto mais da verdade que da mentira.
(preferir)
.............................................................................
.............................................................................

9. (CEFET) Complete a lacuna nos períodos,
substituindo o objeto direto ou indireto pelo
pronome pessoal oblíquo correspondente:
Modelo: Eu quero o livro para mim.
Eu o quero para mim.
a) Todos obedecem a seus superiores.
Todos .......... obedecem.
b) Comprei o livro para os meninos.
Comprei-........ o livro.
c) O neto quer muito a seu avô.
O neto ......... quer muito.

10. (UFSC) Reescreva o período abaixo,
corrigindo-o, se necessário, quanto ao
emprego do pronome relativo e quanto à
regência. Em seguida, justifique.
Minha cidade cujo o jardim eu gosto está em
festa.
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................

11. (UFSC) Reescreva o período abaixo.
Corrija-o, se necessário, quanto à regência
nominal. Justifique, sempre, a correção feita.
O calor do sol, através a vidraça, aquecia seu
corpo rígido.
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................


E- TESTES

1. (UFPR) Os elementos sublinhados nas
frases:
Antônio viu a José.
José ama Maria.
Maria espera José.
José convidou a Antônio.
Pedro observa Maria.
podem ser substituídos, respectivamente por:

a. ( ) lhe, lhe, lhe, lhe, lhe
b. ( ) lhe, a, o, lhe, a
c. ( ) o, a, o, o, a
d. ( ) o, lha, o, o, lha
e. ( ) lhe, a, lhe, lhe, a

2. (UCP) Se substituirmos a parte sublinhada
dos períodos pelos pronomes adequados:
1. Fomos abraçar os noivos.
.............................................................................
.............................................................................
2. Esperavam o artista ansiosos.
.............................................................................
.............................................................................
3. O jogador agradou aos técnicos.
.............................................................................
.............................................................................
4. Informarei a todos a mudança.
.............................................................................
.............................................................................
5. Avisarei a todos da mudança.
.............................................................................
.............................................................................

A substituição correta deve ser:
a) ....... abraçá-los, esperavam-nos ......., .......
agradou-lhes, informá-la-ei ....., avisá-los-ei .....
b) ....... abraçá-los, esperavam-lo ......, ........
agradou-os, informá-la-ei ......., avisá-los-ei .......
c) ....... abraçá-los, esperavam-no ......., ......
agradou-os, informar-lhe-ei ......, avisar-lhes-ei
.....
d) ....... abraça-los, esperavam-lo ......., .......
agradou-lhes, informá-la-ei ......., avisar-lhe-ei
......
e) ....... abraçá-los, esperavam-no ......, .......
agradou-os, informá-la-ei ........., avisá-los-ei
.......

3. (UFPR) Em qual das alternativas a
regência verbal está incorreta?
a. ( ) Prefiro sofrer injustiças do que praticá-
las.
b. ( ) Assisti a um jogo de futebol.
c. ( ) Amar a Deus sobre todas as coisas.
d. ( ) Aonde você irá domingo?
e. ( ) Sempre se esforçou por fugir à
mediocridade.

4. (CESGRANRIO) Assinale a opção que
completa corretamente as lacunas da
seguinte frase:
A obra de Huxley, ......... se faz alusão no texto,
descreve uma sociedade ......... os atos dos
136
indivíduos são controlados por um sistema de
televisão e microfones.
a. ( ) a que/ em que
b. ( ) a qual/ que
c. ( ) que/ de quem
d. ( ) de que/ a qual
e. ( ) da qual/ cujos

5. (LONDRINA)
Não ......... queira mal, mas saiba ........ ele é
pessoa ........ palavra duvido.
a. ( ) o/ de que/ cuja
b. ( ) o/ que/ à cuja
c. ( ) lhe/ que/ de cuja
d. ( ) lhe/ que/ à cuja
e. ( ) lhe/ de que/ de cuja

6. (LONDRINA)
Concedi-....... prontamente ....... licença
solicitada, permitindo-....... ausentar-se por
quinze dias.
a. ( ) o/ com a / o
b. ( ) o/ com a/ lhe
c. ( ) lhe/ da/ o
d. ( ) lhe/ a/ lhe
e. ( ) o/ a/ lhe

7. (UFPR) Preencha convenientemente as
lacunas das frases seguintes, indicando o
conjunto obtido:
1. A planta ....... frutos são venenosos foi
derrubada.
2. O estado ...... capital nasci, é este.
3. O escritor ....... obra falei, morreu ontem.
4. É este o livro ....... páginas sempre me referi.
5. Este é o homem ....... causa lutei.

a. ( ) em cuja, cuja, de cuja, a cuja, por cuja.
b. ( ) cujos, em cuja, de cuja, cujas, cuja.
c. ( ) cujos, em cuja, de cuja, a cujas, por cuja.
d. ( ) cujos, cuja, cuja, a cujas, por cujas.
e. ( ) cuja, em cuja, cuja, cujas, cuja.

8. (UCP) Observe:
Modelo: Este é o homem; eu confio nele.
O homem em quem confio, é este.
1. Este é o texto; eu me refiro a ele: O texto .......
me refiro, é este.
2. Estas são as frutas; eu gosto delas: As frutas
....... gosto, são estas.
3. Este é o livro; eu o li: O livro .......... li, é este.
4. Esta é a criança; conheço os pais dela: A
criança ........ pais conheço, é esta.

Observando o modelo, assinale a alternativa
que preenche corretamente os pontilhados:
a. ( ) que, de que, que, de cujos.
b. ( ) a que, de que, que, cujos.
c. ( ) a que, que, a que, cujos.
d. ( ) que, de que, que, cujos.
e. ( ) que, de que, que, a cujos.

9. (UFSC) Observe os períodos abaixo:
I. Falar muito ou bem não implica em ter
idéias viáveis.
II. Os heróis idealistas preferem morrer a fugir
como covardes.
III. Eu me simpatizo com você.
IV. Preciso que você colabore conosco.
V. Avisei-lhe a mudança dos horários.
VI. Avisei-o da mudança dos horários.

A alternativa em que os períodos estão
corretos, quanto à regência, é:
a. ( ) I, II, IV, V
b. ( ) I, III, V
c. ( ) II, V, VI
d. ( ) II, III, VI
e. ( ) I, II, IV, V

10. (FCC) São candidatos ...........
a. ( ) de cujo preparo pouco sabemos.
b. ( ) que de seu preparo pouco se sabe por nós.
c. ( ) o preparo dos quais pouco se nós é
sabido.
d. ( ) cujo o preparo pouco sabemo-lo.
e. ( ) dos quais pouco sabemos o preparo deles.

11. (UFPR) Quais as frases são incorretas?
a. ( ) Ouça com atenção o que lhe vamos dizer.
b. ( ) Espere um pouco; preciso lhe falar.
c. ( ) Se quiseres, nós te avisaremos logo que
chegarem.
d. ( ) Queremos cumprimentar-lhe pela
nomeação.
e. ( ) Quando fores, iremos contigo.

12. (MARINGÁ) Assinale a alternativa que
preencha, corretamente, as lacunas dos
períodos abaixo:
I. Sempre obedeci ........ mais velhos.
II. Vocês já pagaram ........ motorista?
III. Prefiro reprovar ....... copiar do vizinho.
IV. Você lembra ....... explicação dada pelo
professor?

a. ( ) os, o, do que, da
b. ( ) os, ao, do que, a
c. ( ) aos, ao, do que, da
d. ( ) aos, ao, a, a
e. ( ) aos, o, do que, a

13. (UFPR) Que frases terão suas lacunas
corretamente preenchidas com as formas
entre parênteses, obedecida à seqüência
destas?
1. ( ) E ...... menino traz ...... uma carta para
......, Senhor Presidente. (este, consigo, Vossa
Excelência)
137
2. ( ) Vossa Excelência ...... em ...... mãos o
poder ...... confiou o povo. (tem, suas, lhe)
4. ( ) Senhor Diretor! Passo às mãos de ...... o
pedido de aposentadoria do Sr. J. Silva e de D.
M. Ferreira, sendo ...... funcionária estatutária e
...... funcionário contratado pela CLT. (V. Sª,
esta, aquele)
8. ( ) Vossa Excelência, Senhor Presidente,
...... estar ...... do apoio de todo ...... Ministério.
(deveis, seguro, vosso)
16. ( ) Excelência! Nós gostaríamos de falar
...... exatamente sobre ...... documento que
acabamos de ...... entregar. (consigo, esse, lhe)

14. (MED. EVANG.) Indique todos os casos
em que não haja erro de regência:
1. ( ) Não se lembrou de que estava em sala
de aula.
2. ( ) Não se lembrou que estava em sala de
aula.
4. ( ) É este o livro de que mais gostei.
8. ( ) É este o rapaz que eu vim com ele de
Florianópolis.
16. ( ) São aqueles os homens que os malvados
zombaram.

15. Assinale as afirmativas em que ocorre
erro de regência verbal:
1. ( ) Comuniquei-lhe sobre o ocorrido.
2. ( ) Informaram-me sobre o acontecido.
4. ( ) Informaram-se o acontecido.
8. ( ) Sua atitude implicou na suspensão dos
jogos.
16. ( ) Não obedeceu a nenhuma advertência.
32. ( ) Obedeceu a mãe, prontamente.

16. (FUVEST) Assinale a alternativa que
preenche corretamente as lacunas
correspondentes:
A arma ...... se feriu desapareceu.
Estas são as pessoas ...... lhe falei.
Aqui está a foto ...... me referi.
Encontrei um amigo de infância ...... nome não
me lembrava.
Passamos por uma fazenda ...... se criam
búfalos.

a. ( ) que, de que, à que, cujo, que
b. ( ) com que, que, a que, cujo qual, onde
c. ( ) com que, das quais, a que, de cujo, onde
d. ( ) com a qual, de que, que, do qual, onde
e. ( ) que, cujas, as quais, do cujo, na cuja.

17. (UFPR) Assinale as alternativas em que o
que deve ser antecedido de preposição:
1. ( ) João pensa que vai chover.
2. ( ) Ignorava os problemas que se
defrontaria no caminho.
4. ( ) O livro que Maria se referiu é um dos
líderes de vendagem.
8. ( ) Depois que você tiver falado, falarei eu.
16. ( ) Encontraram o pé-de-cabra que o ladrão
se serviu para entrar na casa.
32. ( ) Quero apresentar-te o doutor que te falei
durante a viagem.



DESCONTRAIA

Tragédia brasileira

Misael, funcionário da Fazenda, com 63 anos de idade.
Conheceu Maria Elvira na Lapa - prostituída, com sífilis, dermite nos dedos, uma aliança
empenhada e os dentes em petição de miséria.
Misael tirou Maria Elvira da vida, instalou-a num sobrado do Estácio, pagou médico, dentista,
manicura... Dava tudo quanto ela queria.
Quando Maria Elvira se apanhou de boca bonita, arranjou logo um namorado.
Misael não queria escândalo. Podia dar uma surra, um tiro, uma facada. Não fez nada disso:
mudou de casa.
Viveram três anos assim.
Toda vez que Maria Elvira arranjava namorado, Misael mudava de casa.
Os amantes moraram no Estácio, Rocha, Catete, Rua General Pedra, Olaria, Ramos, Bonsucesso,
Vila Isabel, Rua Marquês de Sapucaí, Niterói, Encantado, Rua Clapp, outra vez no Estácio, Todos os
Santos, Catumbi, Lavradio, Boca do Mato, Inválidos...
Por fim na Rua da Constituição, onde Misael, privado de sentidos e de inteligência, matou-a com
seis tiros e a polícia foi encontrá-la caída em decúbito dorsal, vestida de organdi azul.
Bandeira, Manuel.
“Tragédia Brasileira.”
in: Poesia Completa e Prosa.



138

GABARITO - REGÊNCIA VERBO-NOMINAL

A- EXERCÍCIOS
I- E, C, E, E, E, C, C, E, C, E
II- E, E, C, B, A
III- a) aos b) sobre as c) as d) o e) do f) o g) o h) - i) A j) aos/lhes l) a/a
IV- 1. ao 2. ao 3. com 4. a 5. -/com
V- 1. lhe 2. o 3. lhe 4. o 5. o 6. lhes 7. o 8. lhe
VI- 1. a que 2. a que 3. a que 4. a que 5. a que 6. a que 7. de que 8. que 9. de que 10. de que
VII- 1. que almejara 2. a que aspirara 3. com que simpatizara 4. a que visara 5. de que precisara
6. a que se referira 7. que lembrara 8. de que se esquecera 9. de que se lembrara
10. que esquecera.
B- TESTES
1. C 4. A 7. B 10. E 13. 42 16. 28
2. D 5. D 8. E 11. C 14. 11 17. D
3. D 6. B 9. B 12. D 15. 82
C- EXERCÍCIOS
a) a b) por c) às d) para e) a f) à g) entre h) a/de i) por/a/de j) ao/pelo l) à
D- DISCURSIVAS
1) Custa-me crer...
2) Nunca esquecera a observação...
3) a) ...às vezes o repreendia b) ...porque lhe negara uma colher de doce...
4) a) Todos preferem o elogio à censura b) Custa-me compreender o que você quis dizer.
5) a) São posições por que me bato (pelas quais). b) São posições a que aspiro.
6) a) é prepôs. regida pela loc. verbal “se acham tomados”. b) é prep. regida pelo verbo “trabalhar”.
7) Lembro você, ... JUSTIFICATIVA: o verbo “lembrar” usado sem pron. reflexivo é TD.
8) a) Todos assistiram, pela televisão, ao espetáculo da pororoca b) Vise sempre ao supremo...
c) Esta é a terra de que tanto gostamos. d) Não aspiramos à auto-satisfação, mas ao bem-comum
e) Queria à escola... f) Prefiro a verdade à mentira.
9) a) lhes b) lhes c) lhe.
10) Minha cidade, de cujo jardim eu gosto, está em festa.
JUSTIFICATIVA: o verbo “gostar” é TI e rege prep. de; não se usa artigo após pron. relat. cujo.
11) O calor do sol, através da vidraça, aquecia seu corpo rígido.
JUSTIFICATIVA: com o sentido “de um lado para outro” “por entre”, usa-se a loc. adv. através de.
E- TESTES
1. c 4. a 7. c 10. a 13.07 16. c
2. e 5. c 8. b 11. d 14. 05 17. 54
3. a 6. d 9. c 12. d 15. 41













139











ANÁLISE SINTÁTICA - TERMOS DA
ORAÇÃO


A- EXERCÍCIOS

1. Classifique o sujeito dos verbos destacados
nas orações abaixo:
a) “Terei a mulher que eu quero...” (M. Bandeira)
.............................................................................
b) “Não há mais poesia.” (M. Bandeira)
.............................................................................
c) Ficavam correndo o dia todo.
.............................................................................
d) “Cai balão.” (M. Bandeira)
.............................................................................
e) Ias triste e lúcido pela rua.
.............................................................................
f) “Homens e mulheres mantêm-se quietos ante
o enorme chicote de Abelardo II.” (O. de Andrade)
.............................................................................
.............................................................................
g) Deve haver enganos nesta classificação dos
poetas modernistas.
.............................................................................
.............................................................................
h) Necessita-se de outras explicações.
.............................................................................
i) Onde estavas?
.............................................................................
j) Haverá outros poetas tão irreverentes quanto
Oswald de Andrade?
.............................................................................
.............................................................................
l) Hoje é 2 de julho de 1981.
.............................................................................
m) No Rio faz dias muito quentes.
.............................................................................
n) Faltam alguns minutos para o término da
aula.
.............................................................................
o) Ontem fez 40 graus à sombra.
.............................................................................
p) Trabalha-se muito nesta cidade.
.............................................................................
q) Por toda a parte era reconhecida a figura
humilde e meiga da mãe preta.
.............................................................................
.............................................................................
r) Choveram comentários maldosos a seu
respeito.
.............................................................................
s) Havia alegria e rumor ao pé das fogueiras.
.............................................................................
t) “Andorinha, andorinha, minha cantiga é mais
triste.” (M. Bandeira)
.............................................................................
.............................................................................
u) Como seria o seu corpo?
.............................................................................

v) “Fosse uma manhã de sol
O índio tinha despido o português.” (O. de
Andrade)
.............................................................................
.............................................................................
x) “Para dizerem milho dizem mio.” (O. de
Andrade)
.............................................................................

2. Faça a correlação, tendo em vista o tipo de
predicado, e sublinhe o predicativo, se
houver:
(a) Predicado verbal
(b) Predicado nominal
(c) Predicado verbo-nominal

1. ( ) “O homem parecia assustado.” (J. L. do
Rego)
2. ( ) O freguês saiu da loja.
3. ( ) “Nossos guerreiros voltaram
vitoriosos.” (E. Veríssimo)
4. ( ) O mágico parece ágil.
5. ( ) Nossos guerreiros voltaram.
6. ( ) Nossos guerreiros lutaram bravamente.
7. ( ) “Natividade ficou atônita...” (M. de Assis)
8. ( ) O homem enfrentou seu adversário.
9. ( ) O freguês saiu da loja satisfeito.
10. ( ) “Não sou o herói do dia.” (C. Ricardo)
11. ( ) “Os sapos gargarejavam alto.” (R.
Pompéia)
12. ( ) “Virgília entrou tristonha e sossegada.”
(M. de Assis)
13. ( ) Virgília entrou cautelosamente.
14. ( ) “Os guindastes rangiam.” (J. Amado)
15. ( ) Os rapazes receberam alegres as
medalhas.

3. Escreva nos parênteses:
(S) para predicativo do sujeito
(O) para predicativo do objeto

a. ( ) Carmela e Marina assistiram alegres ao
espetáculo.
b. ( ) Consideramos Luzia uma excelente
datilógrafa.
c. ( ) Estava irritado com as brincadeiras.
d. ( ) O inverno será rigoroso.
e. ( ) Encontramos Maria Clara mais
envelhecida.
140
f. ( ) A lei foi considerada injusta.
g. ( ) Consideraram a lei injusta.
h. ( ) Estou farto do lirismo comedido.
i. ( ) O meu verso é bom.
j. ( ) Na calçada os homens caminhavam
descobertos.
l. ( ) Qual dos dois era o melhor?
m. ( ) Vocês nem parecem brasileiros.

4. Classifique os verbos em destaque nas
orações abaixo quanto à predicação:
a) Alcântara Machado retrata a nova realidade
social e urbana do começo do século.
.............................................................................
.............................................................................
b) “Diante da mãe e do chinelo parou.” (A.
Machado)
.............................................................................
.............................................................................
c) Referimo-nos aos cronistas urbanos.
.............................................................................
.............................................................................
d) “Primeiro ficou desapontado. (1)
Depois quase chorou de ódio.” (2) (A.
Machado)
1.
.............................................................................
............................................................................
2.
.............................................................................
.............................................................................
e) “Você conhecia o pai do Afonso, Pepino?” (A.
Machado)
.............................................................................
.............................................................................
f) “Seu Pepino lhe deu um cocre danado de
doído.” (A. Machado)
.............................................................................
.............................................................................
g) O primeiro ensaio foi à noite.
.............................................................................
.............................................................................
h) Fiquem atentos, por favor!
.............................................................................
.............................................................................
i) Permaneceram atônitos.
.............................................................................
.............................................................................
j) Permaneceram em casa.
.............................................................................
.............................................................................
l) As fábricas apitavam.
.............................................................................
.............................................................................



B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FEI) No período: “Toda a humanidade
estaria condenada à morte se houvesse um
tribunal para os crimes imaginários.” (Paulo
Bonfim)
a) Qual o sujeito da primeira oração?
.............................................................................
b) Qual o sujeito da segunda oração?
.............................................................................

2. (CEFET) Dar o sujeito da oração:
“Vendem-se livros de Engenharia.”
Resp.:
.............................................................................

3. (FUVEST) Na frase: “Precisa-se de um
técnico em previsão do tempo (...)” (Leon
Eliachar). O sujeito é:
Resp.:
.............................................................................

4. (FUVEST) “Quando o ataque passou, fui
para casa, tirei o calção e arriei na cama,
esgotado, mas logo tocaram a campainha e,
quando olhei pelo olho mágico, vi no
corredor escuro uma figura toda
encapuçada.” (Rubem Fonseca)
Indique o sujeito dos seguintes verbos:
- passou:
.............................................................................
- tocaram:
.............................................................................
- vi:
.............................................................................

5. (FAAP) Classifique o sujeito da frase:
“Soaram no silêncio, nítidos, os primeiros
passos do burro.” (Osman Lins)
Resp.:
............................................................................

6. (VUNESP) Em: “com as últimas chuvas, o
verde rebentou verdíssimo.”
Identificar as funções sintáticas dos
segmentos destacados:

Resposta: com as últimas chuvas:
............................................................................
o verde:
.............................................................................
verdíssimo:
.............................................................................

7. (F.E.S.VALE DO SAPUCAÍ) Retire do
período abaixo um predicativo:
O rapaz ali estava para ser julgado e receava que
o considerassem responsável pela acusação.
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

8. (F.ENG. ARARAQUARA)
“O poeta ia bêbedo no bonde,
141
O dia nascia atrás dos quintais,
As pensões alegres dormiam tristíssimas.”
(C.D.A.)
Dê a função sintática de:
a) bêbedo:
.............................................................................
b) alegres:
.............................................................................
c) tristíssimas:
............................................................................


C- TESTES

1. (UFPR) Qual a oração sem sujeito?
a. ( ) Falaram mal de você.
b. ( ) Ninguém se apresentou.
c. ( ) Precisa-se de professores.
d. ( ) Aqui não me cheira bem.
e. ( ) A noite estava agradável.

2. (UNESP) Analisando-se a oração “Há
neste meu recurso um artifício e mesmo
deturpação”, verifica-se que:
a. ( ) o sujeito está elíptico.
b. ( ) há sujeito simples: “um artifício”.
c. ( ) o sujeito é indeterminado.
d. ( ) há sujeito composto: “um artifício e
mesmo deturpação”.
e. ( ) não existe sujeito.

3. (SANTO ANDRÉ) Nas frases das
alternativas abaixo, uma só apresenta sujeito
indeterminado. Assinale-a:
a. ( ) Os dois companheiros aproximaram-se da
casa e bateram à porta.
b. ( ) Vendem-se casas.
c. ( ) Um indivíduo fê-la ouvir o que não
queria.
d. ( ) Há dias que não chove.
e. ( ) Só se necessita de bom-senso para a
resolução da maioria dos problemas.

4. (FMU) “Ouviram do Ipiranga as margens
plácidas, De um povo heróico o brado
retumbante...”
O sujeito desta afirmação com que se inicia o
Hino Nacional é:
a. ( ) indeterminado.
b. ( ) um povo heróico.
c. ( ) as margens plácidas do Ipiranga.
d. ( ) do Ipiranga.
e. ( ) o brado retumbante.

5. (OSEC) Das seguintes orações:
“Pede-se silêncio. “A caverna anoitecia aos
poucos”, “Fazia um calor tremendo naquela
tarde” - o sujeito se classifica
respectivamente como:
a. ( ) indeterminado, inexistente, simples.
b. ( ) oculto, simples, inexistente.
c. ( ) inexistente, inexistente, inexistente.
d. ( ) oculto, inexistente, simples.
e. ( ) simples, simples, inexistente.

6. (MACK) No período: “O homem andava
triste porque não conseguiu que seu irmão
lhe desse apoio naquela difícil empresa”, os
verbos andar, conseguir e dar classificam-se,
respectivamente, em:
a. ( ) intransitivo, transitivo direto, transitivo
indireto.
b. ( ) de ligação, transitivo direto, transitivo
direto e indireto.
c. ( ) de ligação, transitivo direto e indireto,
transitivo direto e indireto.
d. ( ) transitivo direto, transitivo direto,
transitivo direto e indireto.
e. ( ) intransitivo, transitivo direto, transitivo
direto.

7. (ODONTO SANTOS) Assinale a
alternativa correta em relação à classificação
dos predicados das orações abaixo:
I- Todos nós consideramos a sua atitude
infantil.
II- A multidão caminhava pela estrada
poeirenta.
III- A criançada continua emocionada.

a. ( ) I - predicado verbal
II- predicado nominal
III- predicado verbo-nominal
b. ( ) I - predicado nominal
II- predicado verbal
III- predicado verbo-nominal
c. ( ) I - predicado verbo-nominal
II- predicado verbal
III- predicado nominal
d. ( ) I - predicado verbo-nominal
II- predicado nominal
III- predicado verbal
e. ( ) I - predicado verbal
II- predicado verbal
III- predicado verbo-nominal

8. (UFSC) Observe os períodos a seguir:
“Reordálio nunca ia à praia. Caçava
passarinhos. Era uma vidinha vazia. Propôs
independência, no centro, num emprego. A mãe
chorou. Ordálio saiu pro mar.”
Assinale a seqüência em que a predicação de
todos os verbos está correta:
a. ( ) intransitivo, transitivo direto, transitivo
indireto, intransitivo, transitivo direto, transitivo
indireto.
b ( ) transitivo direto, transitivo direto, ligação,
transitivo indireto, transitivo direto-indireto,
intransitivo.
142
c. ( ) ligação, transitivo indireto, intransitivo,
transitivo indireto, intransitivo, transitivo
indireto.
d. ( ) intransitivo, transitivo direto, ligação,
transitivo direto, intransitivo, intransitivo.
e. ( ) transitivo indireto, ligação, ligação,
transitivo direto-indireto, transitivo direto,
intransitivo.

9. (DIR/CTBA) No mesmo texto, na oração:
“Não se trata do Ministro” todas as
alternativas estão corretas, EXCETO:
a. ( ) A oração não tem sujieto.
b. ( ) O sujeito da oração é “Ministro”.
c. ( ) O verbo (trata) é transitivo indireto.
d. ( ) “Ministro” é objeto indireto.
e. ( ) O predicado é verbal.

10. (UCP) Na frase “Todos o consideravam
um santo”, o predicado é:
a. ( ) nominal
b. ( ) transitivo
c. ( ) verbo-nominal
d. ( ) verbal
e. ( ) intransitivo

11. (FCS/ANHEMBI) Assinale a frase com
sujeito indeterminado:
a. ( ) Quantos doentes havia no hospital?
b. ( ) Naquela manhã ventava perigosamente.
c. ( ) Falam mal de nós.
d. ( ) Pouco a pouco, a noite vem chegando.
e. ( ) Choviam balaços sobre a cidade.

12. Assinale a(s) alternativa(s) em que o
sujeito é indeterminado:
1. ( ) Soa um toque áspero de trompa.
2. ( ) Falou-se de tudo na reunião.
4. ( ) Precisa-se de carpinteiro.
8. ( ) Batem à porta.
16. ( ) Vendeu-se a pá.
32. ( ) Vendem pás.
64. ( ) Vendem-se pás.

13. O predicado é verbo-nominal, exceto em:
1. ( ) Após três meses, os montanhistas
retornaram cansados.
2. ( ) Os viajantes chegaram cedo ao destino.
4. ( ) Comparecem todos atrasados à reunião.
8. ( ) Estava irritado com as brincadeiras.
16. ( ) O presidente nomeou-o secretário.
32. ( ) O professor atravessou o pátio
apressado.
64. ( ) Encontrei o vestiba mais alegre.

14. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):
1. ( ) Contaram-me coisas estranhas. (sujeito
indeterminado)
2. ( ) Narramos estórias para enganar o
tempo. (sujeito simples)
4. ( ) Não soubeste viver a vida. (sujeito
oculto “vós”)
8. ( ) Pede-se silêncio. (sujeito simples
“silêncio”)
16. ( ) Havia tempo suficiente para as
comemorações. (sujeito “as comemorações”)
32. ( ) Faltavam três dias para o batismo.
(oração sem sujeito)

15. Assinale a(s) alternativa(s) em que ocorre
oração sem sujeito:
1. ( ) Caiu a noite repentinamente sobre a
cidade.
2. ( ) Nesse mês, vai fazer um ano de seu
regresso.
4. ( ) Choveram tomates sobre o orador.
8. ( ) Bastante límpido amanheceu o dia.
16. ( ) Não havia existido ninguém com tantas
qualidades.
32. ( ) Não havia ninguém com tantos
atributos.
64. ( ) Só me resta uma esperança.

16. (UFPR) Assinale as alternativas em cujas
frases se sublinhou o objeto direto:
1. ( ) Aos chefes da tribo ofereceram os
bandeirantes objetos valiosos.
2. ( ) Ainda faltam alguns quilômetros para
chegarmos à cidade.
4. ( ) Não há dúvida, suas qualidades a todos
encantam.
8. ( ) Nessa ocasião, discutiram-se todos os
problemas da comunidade.
16. ( ) E agora, a quem ama sua irmã?
32. ( ) Quatro contos já tenho; faltam-me
apenas mais dois.


D- EXERCÍCIOS

1. Faça a correlação, tendo em vista o tipo de
complemento verbal:
a) objeto direto
b) objeto indireto
c) objeto direto + objeto indireto
d) objeto direto preposicionado
e) objeto direto pleonástico

1. ( ) Santos deu as explicações pedidas.
2. ( ) Meu amigo queixa-se das livrarias...
3. ( ) A vida, tenho-a como um bem precioso.
4. ( ) ... Deus ao Cristo definiu.
5. ( ) Os outros reparos, aceitei-os todos.
6. ( ) Gosto da voz dele, dos olhos bonitos e
da cabeleira.
7. ( ) A essas meninas nada se deve perguntar.
8. ( ) Digam-lhe adeus com a possível ternura.
9. ( ) Comereis de todos os frutos.
10.( ) Meu rio, meu Tietê, onde me levas?

143
2. Preencha as lacunas com os pronomes o(s),
a(s) ou lhe(s):
1. - O professor repreendeu o aluno?
- Sim, ele ......... repreendeu.
2. - Eles fizeram alguma recomendação aos
atletas?
- Sim, eles ........ recomendaram calma.
3. - Você já conhecia a moça?
- Sim, eu já ........ conhecia.
4. - Você entregará os livros a eles?
- Sim, eu ........ entregarei a eles.
5. - Você já forneceu o material aos
empregados?
- Sim, eu já ........ forneci o material.

3. Dê a função sintática dos termos
destacados:
1. “Uso conscientemente a palavra.” (C. D. de
Andrade)
Resp.:
.............................................................................
2. “Obedeciam aos pais sem grande esforço...”
(M de Assis)
Resp.:
.............................................................................
3. “Não lhe peçam explicações.” (M. Quintana)
Resp.:
.............................................................................
4. “Essa coisa, como defini-la?” (C. D. de Andrade)
Resp.:
.............................................................................
5. “Ouro que serve para louvar a Deus.”
(R.Braga)
Resp.:
.............................................................................

4. Dê a função sintática dos pronomes
oblíquos em destaque nas seguintes orações:
a) Convocaram-nos para a reunião.
.............................................................................
b) Este livro nos pertence.
.............................................................................
c) Já te repreenderam várias vezes.
.............................................................................
d) Desejamos-te feliz aniversário.
.............................................................................
e) Já me deram esse conselho.
.............................................................................
f) Procuram-me há algum tempo.
.............................................................................
g) Bernardo se atribui um grande valor.
.............................................................................
h) O menino feriu-se.
.............................................................................
i) Negaram-lhe o documento.
.............................................................................
j) Já o adverti do perigo.
.............................................................................

5. Substitua as expressões em destaque pelo
pronome oblíquo correspondente:
a) Os homens esfolavam uma rês.
.............................................................................
.............................................................................
b) As mulheres iam ferver uma lata de
querosene.
.............................................................................
.............................................................................
c) “A Limpa-Trilho gania e parava, lambendo
os pés queimados.” (R. de Queiroz)
.............................................................................
.............................................................................
d) “O vaqueiro também se achou no direito de
tomar seu quinhão de abrigo.” (R. de Queiroz)
.............................................................................
.............................................................................
e) “E para comemorar o achado, executavam no
ar grandes rondas festivas.” (R. de Queiroz)
.............................................................................
.............................................................................
f) Deram água para ele.
.............................................................................
.............................................................................
g) Empurrou a porta.
.............................................................................
.............................................................................
h) Ouviram o barulho do cabriolé.
.............................................................................
.............................................................................
i) Pediram farinha aos coronéis da cidade.
.............................................................................
.............................................................................
j) Negaram uma cuia de água ao menino.
.............................................................................
.............................................................................

6. Reescreva as frases de modo a aparecerem
objetos diretos ou indiretos pleonásticos:
a) Estes casos já comentei.
.............................................................................
b) Ao mestre não convém a resposta.
.............................................................................
c) Estas recomendações eu faço com insistência.
.............................................................................
d) Ao povo não interessam essas leis.
.............................................................................


E- QUESTÕES DISCURSIVAS


1. (FEI) Classifique sintaticamente o termo
destacado:
“Todos ouviam a ela com atenção e respeito.”
Resp.:
.............................................................................

2. (CEFET) Substituindo os complementos
verbais destacados pelos pronomes oblíquos
correspondentes, da frase abaixo, obtém-se:
144
“A mulher serviu um prato de mingau ao
marido.”
Resp.:
.............................................................................

3. (FUVEST) Analise sintaticamente os
pronomes oblíquos que ocorrem nos versos
abaixo:
“Ferve-me o sangue. Acalma-o com teu beijo.
Beija-me assim.” (O. Bilac)
me (ferve-me)
.......................................................................
o (acalma-o)
..........................................................................
me (beija-me)
........................................................................

4. (FUVEST) Dê a função sintática do
pronome ME nas frases:
a) “Deu-me um botão de flor de laranjeira (...)”
(R. Pompéia)
.............................................................................
b) “O diretor arremessou-me ao chão.” (R.
Pompéia)
.............................................................................

5. (FEI) Qual a função sintática do termo
sublinhado?
“Meto a mão no colete e não acho o relógio.
Última desilusão! o Borba furtara-mo no
abraço.”
Resp.:
.............................................................................

6. (FAAP) Dê a função sintática dos termos
sublinhados:
a) “Desesperado, deixou o cravo, pegou do
papel escrito e rasgou-o.” (M.de Assis)
.............................................................................
b) Não desconfiei do negociante e fechei a
porta.
.............................................................................


F- TESTES

1. (SANTA CASA) Assinale a alternativa em
que há objeto direto preposicionado:
a. ( ) Concederam perdão ao condenado.
b. ( ) Refiro-me a quem esteve aqui ontem.
c. ( ) Esperei por você até anoitecer.
d. ( ) Assistiram emocionados ao espetáculo.
e. ( ) Dirigiu-se a nós com muita delicadeza.

2. (SANTA CASA) Quando “chamar” tem
sentido de qualificar, pode-se construir o
período, por exemplo, com objeto direto
MAIS predicativo. Tudo isso se observa na
alternativa:
a. ( ) “João é alto, mas treinador nenhum
chamou-o para jogar.”
b. ( ) “Era a viúva a chamar pelo falecido.”
c. ( ) “Os inimigos chamam-lhe de traidor do
povo.”
d. ( ) “Chamei pelo colega em voz alta.”
e. ( ) “Alguns chamam-no de fiscal.”

3. (UMC-MOJI) Indique a alternativa em
que há objeto direto:
a. ( ) O tempo vai melhorar.
b. ( ) Insisto nesta idéia.
c. ( ) O livro que você me deu, é ótimo.
d. ( ) Perdôo-lhe.
e. ( ) Você chegou atrasado.

4. Assinale a alternativa cujos elementos
preenchem corretamente os pontilhados:
1) Não ........ convidei para a festa.
2) Eu ........ visitarei na semana que vem.
3) Só ......... chamarei se for necessário.
4) Não fui eu quem ......... viu assim.

a. ( ) lhe, o, lhe, o
b. ( ) o, lhe, o, lhe
c. ( ) o, o, o, o
d. ( ) lhe, lhe, lhe, lhe
e. ( ) o, o, lhe, lhe

5. (UFPR) Assinale a alternativa que contém
um objeto indireto:
a. ( ) O bom filho é obediente aos pais.
b. ( ) A festa decepcionou a todos.
c. ( ) O bom filho obedece aos pais.
d. ( ) Os pais são obedecidos pelo bom filho.
e. ( ) A obediência aos pais é dever do bom
filho.

6. (FAC. ZONA LESTE SP) “Não é mister
dizer que dormia pouco; acordava duas a
três vezes por noite, passeava à toa, sentia-se
com febre.”
A função sintática de com febre é de:
a. ( ) adjunto adverbial de modo.
b. ( ) adjunto adverbial de causa.
c. ( ) predicativo do objeto.
d. ( ) objeto indireto.
e. ( ) predicativo do sujeito.

7. (PONTA GROSSA) Qual a função
sintática?
O velho parecia cansado.
a. ( ) sujeito
b. ( ) aposto
c. ( ) predicativo
d. ( ) objeto direto
e. ( ) objeto indireto

8. (FMU) Observe os termos destacados:
“Passei o dia à toa, à toa.”
“Passei a vida Pa toa, à toa.”
Tais termos exercem:
145
a. ( ) a mesma função sintática: sujeito do
verbo passar.
b. ( ) a mesma função sintática: objeto direto
do verbo passar.
c. ( ) a mesma função sintática: adjunto
adverbial de modo.
d. ( ) funções sintáticas diferentes: o primeiro é
adjunto adverbial; o segundo, sujeito.
e. ( ) funções sintáticas diferentes: o primeiro é
objeto direto; o segundo, sujeito do verbo
passar.

9. (MARÍLIA) Classifique corretamente os
termos integrantes destacados:
“Mulher que a dois ama, a ambos engana.”
a. ( ) objeto direto preposicionado e objeto
direto preposicionado.
b. ( ) objeto indireto e objeto direto.
c. ( ) objeto indireto pleonástico e
complemento nominal.
d. ( ) objeto direto e objeto direto
preposicionado.
e. ( ) objeto direto preposicionado e objeto
indireto.

10. (FEFASP) Em que alternativa há objeto
direto preposicionado?
a. ( ) Passou aos filhos a herança recebida dos
pais.
b. ( ) Amou a seu pai com a mais plena
grandeza da alma.
c. ( ) Naquele tempo era muito fácil viajar para
os infernos.
d. ( ) Em dias ensolarados, gosto de ver nuvens
flutuarem nos céus de agosto.

11. (UBERLÂNDIA) Assinale a frase em que
o objeto direto é pleonástico:
a. ( ) A borboleta negra, encontrei-a à noite, no
quarto.
b. ( ) Eu a sacudi de novo.
c. ( ) Fiquei a contemplar o cadáver com
alguma simpatia.
d. ( ) Um golpe de toalha rematou a aventura.
e. ( ) Vi dali o retrato de meu pai.

12. Assinale a(s) alternativa(s) em que o
verbo ocorre como transitivo direto:
1. ( ) Comprei um terreno e construí a casa.
2. ( ) Os guerreiros dormem agora.
4. ( ) Aluga-se sala mobiliada.
8. ( ) O cego não vê.
16. ( ) O aluno parece zangado.
32. ( ) Choveu chuva grossa.
64. ( ) Esqueceu-se de dizer “até logo”.

13. Assinale a(s) afirmação(ções) correta(s)
dos termos sublinhados:
1. ( ) O alvo foi atingido por uma bomba
formidável. (agente da passiva)
2. ( ) Mas de há muito não há pássaros.
(sujeito)
4. ( ) Um dia um tufão furibundo abateu-se
pela raiz. (sujeito)
8. ( ) Esqueci o recado. (objeto direto)
16. ( ) Esqueci-me do recado. (objeto direto)
32. ( ) Esqueceu-me o passado. (sujeito)


G- EXERCÍCIOS

1. Escreva nos parênteses:
1) para complemento nominal.
2) para agente da passiva.
3) para objeto indireto.

a. ( ) Ele logo chegou com a cabeça cheia de
água suja.
b. ( ) Obedecemos aos regulamentos.
c. ( ) Somos obedientes aos regulamentos.
d. ( ) Temos necessidade de diálogo.
e. ( ) Necessitamos de diálogo.
f. ( ) Essa terra é habitada de selvagens.
g. ( ) A assistência às aulas é indispensável.
h. ( ) Gostaria de não ser ouvido pela
vizinhança.
i. ( ) Referiram-se aos alunos da outra classe.
j. ( ) Fizeram referência aos alunos da outra
classe.
l. ( ) Nenhuma palavra foi dita pelo coronel.
m.( ) Muitos alunos são refratários aos estudos.
n. ( ) Esse lugar se habita de gente ignorante.

2. Faça a correlação, tendo em vista a função
sintática do termo destacado:
(a) sujeito
(b) objeto direto
(c) objeto indireto
(d) complemento nominal
(e) predicativo do sujeito
(f) agente da passiva

1. ( ) “Ele gosta tanto de você.” (F. Sabino)
2. ( ) “Não chamemos de inimigos da pátria
aos nossos contendores.” (R. Barbosa)
3. ( ) “Não tinha tomado o menor
conhecimento das leis. “ (P. M. Campos)
4. ( ) “Você é muito querido pelos leitores.”
(P. M. Campos)
5. ( ) “Os quarenta e um anos não lhe
trouxeram arrepio.” (M. de Assis)
6. ( ) “Arrancaram-se depois os pedais e os
ornatos de metal.” (A. M. Machado)
7. ( ) “Também se pode bordar nada.” (M. de
Assis)
8. ( ) “O Quilombo dos Palmares era formado
por vários núcleos.” (E. Veríssimo)
9. ( ) “O pai pediu contra ele toda a
severidade.” (R. Pompéia)
146
10. ( ) “Sua aplicação à defesa do corpo
feminino é mais ou menos recente.” (C. D. de
Andrade)
11. ( ) “Perderam-se os meus suspiros.” (C.
Meireles)
12. ( ) “Abri violentamente a janela.” (R.
Pompéia)
13. ( ) “Para os rapazes a chuva foi novo sinal
de desordem.” (R. Pompéia)
14. ( ) “Ouvi a voz de minha mãe, viúva.” (V. de
Moraes)
15. ( ) “O dote, pode o senhor leva-lo já.” (A.
Azevedo)
16. ( ) “O filme é proibido para 75 anos.” (C. D.
de Andrade)
17. ( ) “Lentz achou-o venerável como um
santo.” (G. Aranha)
18. ( ) “Ouviram-se sucessivas e medonhas
descargas de um tiroteio.” (G. Aranha)
19. ( ) “Que lhes importa a eles a
recompensa?” (H. de Campos)
20. ( ) “Aquela voz sempre lhe comunicava
vida nova.” (L. Jardim)

3. Seguem algumas frases na voz ativa. Se
possível, faça a transformação para a voz
passiva e classifique o verbo quanto à
predicação:
1. Voz ativa: “Garrafas dançam na prateleira.”
(A. Torres)
Voz passiva:
..........................................................................
Verbo:
.........................................................................

2. Voz ativa: “Os anjos não compreendem os
homens.” (M. Bandeira)
Voz passiva:
........................................................................
Verbo:
..........................................................................

3. Voz ativa: “Gosto muito de você, leãozinho.”
(Caetano Veloso)
Voz passiva:
...........................................................................
Verbo:
........................................................................

4. Voz ativa: “O amor dera-me esta coragem de
leão.” (J. L. do Rego)
Voz passiva:
...........................................................................
Verbo:
........................................................................

4. Passe as frases abaixo para a passiva
pronominal:
1. Seja feita a vossa vontade.
.............................................................................
2. Vários soldados foram enviados para a colina.
.............................................................................
3. Gostos não são discutidos.
.............................................................................
4. Geladeiras são pintadas no local.
.............................................................................
5. Tinha sido usado mais de um artifício.
.............................................................................
6. Foi perdida uma caneta esferográfica.
.............................................................................
7. Seria visto o eclipse se o tempo estivesse
claro.
.............................................................................
8. Vasos ruins não são quebrados.
.............................................................................

5. Passe as frases abaixo para a passiva
analítica:
1. Os favores se esquecem facilmente.
.............................................................................
2. Pelo dedo se conhece o gigante.
.............................................................................
3. Contam-se histórias incríveis.
.............................................................................
4. Construam-se casas populares.
.............................................................................
5. Descobriram-se novos componentes
eletrônicos.
.............................................................................


H- TESTES

1. (EVANG/MED) Na oração: “Não foi aceita
por mim a recompensa oferecida”, os termos
por mim e recompensa são, respectivamente:
a. ( ) sujeito e agente da passiva.
b. ( ) agente da passiva e sujeito.
c. ( ) adjunto adverbial de instrumento e objeto
direto.
d. ( ) objeto direto e sujeito.
e. ( ) adjunto adverbial de modo e sujeito.

2. (CESCEM) Assinale a análise correta do
termo destacado: A terra era povoada de
selvagens.
a. ( ) objeto direto.
b. ( ) objeto indireto.
c. ( ) agente da passiva.
d. ( ) complemento nominal.
e. ( ) adjunto adverbial.

3. (UBERLÂNDIA) No período: “Quando
enxotada por mim foi pousar na vidraça”,
qual a função sintática de por mim?
a. ( ) objeto direto.
b. ( ) sujeito.
c. ( ) objeto indireto.
d. ( ) complemento nominal.
e. ( ) agente da passiva.

147
4. (CTA/COMPUTAÇÃO) Na oração: “Um
dia um tufão furibundo abateu-o pela raiz”,
um dia é:
a. ( ) sujeito.
b. ( ) adjunto adnominal.
c. ( ) adjunto adverbial de tempo.
d. ( ) adjunto adverbial de modo.
e. ( ) n.d.a.

5. (UFPR) Na oração: “O alvo foi atingido
por uma bomba formidável”, a locução por
uma bomba formidável tem a função de:

a. ( ) objeto direto.
b. ( ) agente da passiva.
c. ( ) adjunto adverbial.
d. ( ) complemento nominal.
e. ( ) adjunto adnominal.

6. (UBERLÂNDIA) Qual a função sintática
da palavra destacada no período seguinte:
“É a hora em que o pássaro volta,
mas de há muito não há pássaros.”
a. ( ) complemento nominal.
b. ( ) predicativo do sujeito.
c. ( ) objeto direto.
d. ( ) sujeito.
e. ( ) objeto indireto.

7. (MED/ABC) Na oração: “Sem dúvida, esta
menina toca piano muito bem” a palavra
piano e a palavra menina são,
respectivamente:
a. ( ) sujeito e agente da passiva.
b. ( ) agente da passiva e sujeito.
c. ( ) adjunto adverbial de instrumento e
sujeito.
d. ( ) objeto direto e sujeito.
e. ( ) adjunto adverbial de modo e sujeito.


8. (E. S. SOCIAL/ARARAQUARA)
Ele gostava de vinhos bons.
O termo destacado é:
a. ( ) objeto indireto.
b. ( ) predicativo do sujeito.
c. ( ) agente da passiva.
d. ( ) sujeito.

9. (E.S.P. E MARKETING) -“Sorvete Kibon
decora sua cozinha. E dá nome às latas.”
Os termos destacados são, respectivamente:
a. ( ) sujeito, objeto direto, objeto indireto.
b. ( ) objeto direto, sujeito, objeto indireto.
c. ( ) sujeito, objeto indireto, objeto direto.
d. ( ) sujeito, sujeito, objeto indireto.
e. ( ) objeto direto, sujeito, objeto direto.

10. (FMU/FIAM) “... os muros com os quais
me comunicava com todos os quintais do
quarteirão sem solução de continuidade...” a
expressão grifada é, respectivamente,
morfológica e sintaticamente:
a. ( ) locução adjetiva/adjunto adnominal
b. ( ) locução adjetiva/objeto indireto
c. ( ) locução adverbial/adjunto adverbial
d. ( ) locução adjetiva/complemento nominal
e. ( ) locução adverbial/complemento nominal

11. (FCC) Transpondo para a voz ativa a
oração “Os processos estavam sendo
estudados pelo juiz”, obtém-se a forma
verbal...
a. ( ) haviam de ser estudados.
b. ( ) haviam sido estudados.
c. ( ) haviam estudado.
d. ( ) eram estudados.
e. ( ) estava estudando.

12. (FCC) Transpondo para a voz ativa a
frase “Todo o material seria trazido pelos
fiscais antes das duas horas”, obtém-se a
forma verbal...
a. ( ) trariam.
b. ( ) deviam trazer.
c. ( ) trar-se-ia.
d. ( ) vão trazer.
e. ( ) deve-se trazer.

13. (UCP) A sentença correlata de Reviam-se
os manuscritos com cuidado:
a. ( ) Os manuscritos foram revistos com
cuidado.
b. ( ) Os manuscritos eram revistos com
cuidado.
c. ( ) Nós revíamos com cuidado os
manuscritos.
d. ( ) Revia-se os manuscritos com cuidado.
e. ( ) Reviram os manuscritos com cuidado.

14. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):
1. ( ) Fui favorável ao aluno. (complemento
nominal)
2. ( ) Fui-lhe favorável. (complemento
nominal)
4. ( ) Hiroshima foi destruída pela bomba
atômica. (adj. adv. de causa)
8. ( ) Esta apostila se constitui de testes.
(agente da passiva)
16. ( ) Comentaram-se as questões. (part. de
indet.. do sujeito)
32. ( ) Os homens esfolavam-na. (objeto
indireto)

15. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):
1. ( ) Todos acreditavam na sabedoria do
professor. (objeto indireto)
2. ( ) O Detran recomenda aos motoristas a
máxima cautela. (objeto indireto)
148
4. ( ) A recomendação aos motorista é de
máxima cautela. (complemento nominal)
8. ( ) O bêbado resmungava ameaças
confusas. ( objeto direto)
16. ( ) Eles puxaram do dinheiro na hora do
acerto. (objeto indireto)
32. ( ) As colheitas foram levadas pela chuva.
(adj. adv. de causa)
64. ( ) Fiquei ouvindo aquilo por longo tempo.
(agente da passiva)

16. (U.AM) Marque a opção em que o
enunciado não está na voz passiva:
a. ( ) O Governador vinha adotando.
b. ( ) Mendonça Furtado, nessa subida ao Rio
Negro, vinha acompanhado de um séqüito
grande.
c. ( ) Óbidos foi declarada vila.
d. ( ) (Esses homens) vinham sendo
considerados de menor idade.


I- EXERCÍCIOS

1. Faça a correlação, de acordo com as
seguintes opções:
a) complemento nominal
b) adjunto adnominal
c) adjunto adverbial
d) aposto
e) vocativo

1. ( ) “O estômago acompanhava a dor do
coração.” (M.A.)
2. ( ) “Segure o garfo direito.” (F.S.)
3. ( ) “Fiel à disciplina religiosa, compreendia
celestialmente as almas.” (P.M.C.)
4. ( ) “Quem foi que teve a idéia dessa
brincadeira repulsiva? (C.D.A.)
5. ( ) “Sua leitura é rigorosamente
especializada: livros coloridos sobre bichos.”
(P.M.C.)
6. ( ) “Pescadores, onde está Ariana?” (V. de
Moraes)
7. ( ) “Na brutalidade do ferreiro tem uma
delicadeza escondida.” (J. J.Veiga)
8. ( ) “Sentiu um grande desgosto de si
mesmo.” (J. de Souza)
9. ( ) “Passava-se isto na Rua da Lapa, em
1870.” (M.A.)
10. ( ) “O inquiridor despediu-se com um
muxoxo.” (C.D.A.)
11. ( ) “Arrancaram-se depois os pedais e
ornatos de metal.” (A. M. Machado)
12. ( ) “Com repugnância pela obra de
misericórdia que ia praticar, ele aproximou-se
da gaiola.” (C.D.A.)
13. ( ) “O povo, Doroteu, é como as moscas.”
(T.A.G)
14. ( ) “O pintor Laurentino foi saindo.” (J.L.R.)
15. ( ) “Você teve saudades de mim?” (F.S.)

2. Nas questões que seguem, faça o seguinte
trabalho:
1. Transforme dois períodos em um só, usando
o pronome relativo;
2. Identifique a função sintática do pronome
relativo.
Modelo: Você me aconselhou um livro. Este
livro me agradou muito.
1. Transformação: Você me aconselhou um
livro que me agradou muito.
2. Função sintática do pronome relativo: sujeito.

Continue:
a) Eu visitei a casa. Essa casa foi desapropriada.
1. Transformação:
.............................................................................
............................................................................
2. Função sintática do pronome relativo:
............................................................................

b) Eu visitei a casa. Nessa casa você morou.
1. Transformação:
.............................................................................
.............................................................................
2. Função sintática do pronome relativo:
............................................................................

c) Eu visitei a casa. Você comprou a casa.
1. Transformação:
.............................................................................
.............................................................................
2. Função sintática do pronome relativo:
............................................................................

d) Eu visitei a casa. A essa casa você se referiu.
1. Transformação:
.............................................................................
.............................................................................
2. Função sintática do pronome relativo:
....................................................................

3. Nas frases que seguem há um pronome
relativo:
- indique o seu antecedente; classifique
sintaticamente esse pronome.
a) “Meu pai, que me não esperava, abraçou-me
cheio de ternura (...)” (M. de Assis)
Antecedente do pronome relativo:
.............................................................................
Função sintática do pronome:
.............................................................................

b) “Ninguém se mexeu do lugar em que estava.”
(A. Azevedo)
Antecedente do pronome relativo:
............................................................................
Função sintática do pronome:
............................................................................

149
c) “Despia a roupa que vestira para ir ver o
homem.” (C. Lispector)
Antecedente do pronome relativo:
.............................................................................
Função sintática do pronome:
.............................................................................

d) O policial contava casos em que ninguém
acreditava.
Antecedente do pronome relativo:
.............................................................................
Função sintática do pronome:
.............................................................................






J- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FEI) Resolva as questões a seguir
conforme o código que segue:
a) adjunto adverbial de lugar;
b) adjunto adverbial de tempo;
d) adjunto adverbial de modo;
e) adjunto adverbial de causa.
I- Segunda-feira haverá um jogo importante.
II- Com o mau tempo não podemos trabalhar ao
relento.
III- O livro foi acolhido com entusiasmo pelos
leitores.
IV- O automóvel parou perto do rio.
Resposta: ............................................................

2. (FUVEST) Leia com atenção o texto que
segue:
“E todos principiaram muito calmos, falando de
papai. A imagem dele foi diminuindo e virou
uma estrelinha brilhante do céu. Agora todos
comiam o peru com sensualidade, porque papai
fora muito bom, sempre se sacrificara por nós,
fora um santo...” (Mário de Andrade)
Indique que tipo de circunstância exprimem os
adjuntos adverbiais destacados no texto acima:
a) muito = adjunto adverbial de
.............................................................................
b) Agora = adjunto adverbial de
.............................................................................
c) com sensualidade = adjunto adverbial de
.............................................................................
d) sempre = adjunto adverbial de
.............................................................................
e) por nós = adjunto adverbial de
.............................................................................

3. (CÁSPER LÍBERO) “As flores que
adornam nosso jardim são lindas.” Nesse
texto qual a função do pronome relativo
“que”:
Resp.:
.............................................................................

4. (MAPOFEI) “... o espírito do ex-professor,
vexado daquele pensamento, arrepiou caminho,
buscou outro assunto, uma canoa que ia
passando; o coração, porém, deixou-se estar a
bater de alegria. Que lhe importa a canoa nem o
canoeiro, que os olhos de Rubião acompanham,
arregalados?...”
Quais as respectivas funções sintáticas do que
em:
a) “uma canoa que ia passando...”
.........................................................................

b) “... nem o canoeiro, que os olhos...”
..........................................................................

5. (FUVEST) Leia atentamente o texto
seguinte:
“Quando hoje acordei, ainda fazia escuro
(Embora a manhã já estivesse avançada).
Chovia.
Chovia uma triste chuva de resignação
Como contraste e consolo ao calor tempestuoso
da noite. Então me levantei.
Bebi o café que eu mesmo preparei.
Depois me deitei novamente, acendi um cigarro
e fiquei pensando.
Humildemente pensando na vida e nas mulheres
que amei.”
(Manuel Bandeira, “Poema só para Jaime Ovalle”)

a) Transcreva a frase cujo verbo, geralmente
intransitivo, está empregado transitivamente no
poema:
.............................................................................
.............................................................................
b) Nas passagens: “Bebi o café que eu mesmo
preparei...” e “...pensando na vida e nas
mulheres que amei”, tem o que a mesma função
sintática? Sim ou não? Justifique a resposta.
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

6. (FEI) Analise os termos destacados ,
sintaticamente: A crítica do jornalista ao
jogador foi exagerada e maldosa.
a) do jornalista
.............................................................................
b) ao jogador
.............................................................................



L- TESTES

1. (UBERLÂNDIA) Todos os períodos abaixo
possuem vocativo, exceto:
150
a. ( ) “Laffont, dono de quase todos os cassinos
e estádios de corridas de cães, um dos tipos
mais ricos da China, quer que madame cante na
recepção que vai dar na quinta-feira.”
b. ( ) “Mas me lembrei deste lugar justamente
porque não quero que você se arrisque, meu
anjo.”
c. ( ) “Você pode sair amanhã, você pode sair
todos os dias, mas pelo amor de Deus, Lu, fica
hoje!”
d. ( ) “Sente-se aí, meu caro, já estou saindo do
banho.”
e. ( ) “Tom, você acha que esta luva
combina?... Tom, estou falando, responda!”





2. (UFPR) “Sinto o mundo examine a meus
pés.” Na frase, a palavra EXÂMINE tem a
função sintática de:
a. ( ) adjunto adnominal.
b. ( ) adjunto adverbial de modo.
c. ( ) aposto.
d. ( ) predicativo do sujeito.
e. ( ) predicativo do objeto.

3. (UFSC) Marque o conjunto que
corresponde sintaticamente e de forma
respectiva às funções desempenhadas por
APRESSADO e ESQUERDO, na frase
seguinte: “Dario vinha apressado, o guarda-
chuva no braço esquerdo...”
a. ( ) adjunto adnominal, adjunto adverbial.
b. ( ) predicativo do objeto, adjunto adverbial.
c. ( ) predicativo do sujeito, adjunto
adnominal.
d. ( ) adjunto adverbial, adjunto adnominal.
e. ( ) predicativo do sujeito, predicativo do
objeto.

4. (UFPR) “Entre o lago e as flores, desliza
alegria nas areias quietas, cantos de ciranda,
sapatinhos brancos, asas velozes DE
BORBOLETAS.” A expressão em destaque
é:
a. ( ) adjunto adnominal.
b. ( ) adjunto adverbial.
c. ( ) complemento nominal.
d. ( ) objeto direto.
e. ( ) n.d.a.

5. (UFSC) Observe os períodos abaixo e
assinale a alternativa que o LHE é adjunto
adnominal:
a. ( ) “...anunciou-lhe: Filho, amanhã vais
comigo.”
b. ( ) O peixe caiu-lhe na rede.
c. ( ) Ao traidor, não lhe perdoaremos jamais.
d. ( ) Comuniquei-lhe o fato ontem pela
manhã.
e. ( ) Sim, alguém lhe propôs emprego.

6. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
o pronome lhe apresenta o mesmo valor
significativo que possui em: “uma espécie de
riso sardônico e feroz contraía-lhe as negras
mandíbulas.”
a. ( ) A mãe apalpava-lhe o coração.
b. ( ) Aconteceu-lhe uma desgraça.
c. ( ) Tudo lhe era indiferente.
d. ( ) Ao inimigo não lhe rogo perdão.
e. ( ) Não lhe contei o susto por que passei.

7. (U.E. MARINGÁ) O Brasil jovem está
“curtindo” o vestibular.
Os termos destacados, no período acima, são
respectivamente:
a. ( ) adjunto adverbial e objeto direto.
b. ( ) predicativo do sujeito e objeto direto.
c. ( ) adjunto adnominal e complemento
nominal.
d. ( ) adjunto adnominal e objeto direto.
e. ( ) adjunto adverbial e predicativo do sujeito.

8. (FMU/FIAM) Em “Eu era enfim, senhores,
uma graça de alienado”, os termos da oração
em destaque são respectivamente, do ponto
de vista sintático:
a. ( ) adjunto adnominal, vocativo e predicativo
do sujeito.
b. ( ) adjunto adverbial, aposto e predicativo do
objeto.
c. ( ) adjunto adverbial, vocativo e predicativo
do sujeito.
d. ( ) adjunto adverbial, vocativo e objeto
direto.
e. ( ) adjunto adnominal, aposto e predicativo
do sujeito.

9. (CESCEA) Aponte a alternativa em que
ocorre adjunto adverbial de causa:
a. ( ) Compro livros com o dinheiro.
b. ( ) O poço secou com o calor.
c. ( ) Estou sem amigos.
d. ( ) Vou ao Rio.
e. ( ) Pedro é efetivamente bom.

10. (VUNESP) “Para ser sincero, todos os
fregueses aqui dentro têm o rosto vermelho,
são gordos...”
Indique a alternativa em que a expressão
destacada exerça a mesma função sintática
de aqui dentro, do trecho acima transcrito:
a. ( ) Sentamo-nos numa das mesas ao fundo,
depois de apanharmos a nossa cerveja...”
b. ( ) “Na mesa próxima, gordos irlandeses de
rosto vermelho e olhar azul...”
151
c. ( ) “Mas o seu braço agora estendido deixa
entrever o princípio de uma tatuagem.”
d. ( ) “... não se dá ao trabalho de tirar o
chapéu.”
e. ( ) “Os únicos diferentes somos nós e um
sujeito de cara larga...”

11. (EPUSP) “Os ilhais da fera arfam de
fadiga, a espuma franja-lhe a boca, as pernas
vergam, e os olhos amortecem de cansaço.”
Os termos de fadiga, e de cansaço funcionam
como:
a. ( ) adjuntos adverbiais de modo.
b. ( ) adjuntos adverbiais de causa.
c. ( ) adjunto adverbial de causa e adjunto
adverbial de modo, respectivamente.
d. ( ) adjunto adverbial de modo e adjunto
adverbial de causa, respectivamente.
e. ( ) adjuntos adnominais.

12. (UNIMEP) “Três seres esquivos que
compõem em torno à mesa a instituição
tradicional da família, célula da sociedade.”
O trecho destacado é:
a. ( ) complemento nominal.
b. ( ) vocativo.
c. ( ) agente da passiva.
d. ( ) objeto direto.
e. ( ) aposto.

13. (FMU) Leia as expressões destacadas na
seguinte passagem: “E comecei a sentir falta
das pequenas brigas por causa do tempero na
salada - o meu jeito de querer bem.”
Tais expressões exercem, respectivamente, a
função sintática de:
a. ( ) objeto indireto e aposto.
b. ( ) objeto indireto e predicativo do sujeito.
c. ( ) complemento nominal e adjunto
adverbial de modo.
d. ( ) complemento nominal e aposto.
e. ( ) adjunto adnominal e adjunto adverbial de
modo.

14. Os termos destacados estão corretamente
classificados, exceto em:
1. ( ) Ficaram encantados com sua gentileza.
= objeto indireto.
2. ( ) Com as mãos no rosto, parecia
petrificado. = predicativo do sujeito.
4. ( ) Quanto tempo perdido em brincadeiras!
= adjunto adnominal.
8. ( ) Procurava alívio para seus sofrimentos.
= complemento nominal.
16. ( ) A mim, pobre infeliz, todos abandonam.
= aposto.
32. ( ) A mim, todos me abandonam. = objeto
direto pleonástico.
64. ( ) Respeite-me as cãs. = adjunto
adnominal.

(ITA) As questões de nº 15 e 16 referem-se ao
seguinte texto:

Plena nudez

Eu amo os gregos tipos de escultura:
Pagãs nuas no mármore entalhadas;
Não essas produções que a estufa escura
Das modas cria, tortas enfezadas.

Quero em pleno esplendor, viço e frescura
Os corpos nus; as linhas onduladas
Livres: da carne exuberante e pura
Todas as saliências destacadas.

Não quero, a Vênus opulenta e bela
De luxuriantes formas, entrevê-la
Da transparente túnica através:

Quero vê-la, sem pejo, sem receios,
Os braços nus, o dorso nu, os seios
Nus... toda nua, da cabeça aos pés!

15. (ITA) Gramaticalmente, os termos “de
escultura”, “no mármore” e “entrevê”
classificam-se como:
( ) A. locução adjetiva, locução adverbial,
verbo transitivo direto.
( ) B. locução adverbial, locução adverbial,
verbo transitivo direto e indireto.
( ) C. locução adjetiva, locução adjetiva, verbo
transitivo indireto.
( ) D. complemento nominal, adjunto
adnominal, predicado verbal.
( ) E. adjetivo, substantivo, verbo intransitivo.

16. (ITA) Qual das afirmativas abaixo é
correta para a palavra “que” do 3º verso:
( ) A. gramaticalmente: pronome relativo;
sintaticamente: sujeito.
( ) B. gramaticalmente: conjunção integrante;
sintaticamente: objeto direto.
( ) C. gramaticalmente: conjunção consecutiva;
sintaticamente: a mesma função de “os
corpos nus”.
( ) D. gramaticalmente: conjunção conclusiva;
sintaticamente: sujeito.
( ) E. gramaticalmente: pronome relativo;
sintaticamente: a mesma função de
“essas produções”.


152



DESCONTRAIA

O ciclista

“Curvado no guidão lá vai ele numa chispa.
Na esquina dá com o sinal vermelho e não se perturba
- levanta vôo bem na cara do guarda crucificado. No
labirinto urbano persegue a morte com o trim-trim da
campainha: entrega sem derreter sorvete a domicílio.
É sua lâmpada de Aladino, a bicicleta e, ao
sentar-se no selim, liberta o gênio acorrentado ao
pedal. Indefeso homem, frágil máquina, arremata
impávido colosso, desvia de fininho o poste e o
caminhão; o ciclista por muito favor derrubou o boné.
Atropela gentilmente e, vespa furiosa que
morde, ei-lo defunto ao perder o ferrão. Guerreiros
inimigos trituram com chio de pneus o seu diáfano
esqueleto. Se não estrebucha ali mesmo, bate o pó da
roupa e - uma perna mais curta - foge por entre as
nuvens, a bicicleta no ombro.
Opõe o peito magro ao pára-choque do
ônibus. Salta a poça d’água no asfalto. Num só corpo,
touro e toureiro, golpeia ferindo o ar nos cornos do
guidão.
No fim do dia, José guarda no canto da casa
o pássaro de viagem. Enfrenta o sono trim-trim a pé
e, na primeira esquina avança pelo céu na contramão,
trim-trim.”




GABARITO - Análise Sintática: Termos da Oração

A- EXERCÍCIOS
I - a) suj. simples (oculto) “eu” b) inexistente c)
indeterminado d) simples “balão” e) simples (ocul-
to) “tu” f) composto “homens e mulheres g)
inexistente h) indeterminado i) simples (oculto) “tu”
j) inexistente l) inexistente m) inexistente n) simples
“alguns minutos” o) inexistente p) indeter-
minado q) simples “a figura humilde e meiga da mãe
preta” r) simples “comentários maldosos”
s) inexistente t) simples “minha cantiga” u) simples “o
seu corpo” v) inexistente x) indet.
II- 1.b 2.a 3.c 4.b 5.a 6.a 7.b 8.a 9.c 10.b 11.a
12.c 13.a 14.a 15.c
III- a)S b)O c)S d)S e)O f)S g)O h)S i)S j)S l)S
m)S
IV- a)TD b)VI c)TI d)1.VL 2.VI e)TD f)TDI g)VI
h)VL i)VL j)VI l)VI
B-DISCURSIVAS
1) a) Toda a humanidade b) inexistente
2) livros de Engenharia
3) indeterminado
4) passou - o ataque; tocaram - indeterminado; vi - eu
(implícito)
5) “os primeiros passos do burro” - suj. simples.
6) adj. adv. causa; suj.; predicativo do suj.
7) responsável (predic. do obj.)
8) a) predic. do suj. b) adj. adn. c) predic. do suj.
C- TESTES
1. d 5. e 9. b 13. 10
2. e 6. b 10. c 14. 11
3. e 7. c 11. c 15. 34
4. c 8. d 12. 46 16. 52
D- EXERCÍCIOS
I- a, b, e, d, e, b, b, a/b, d, a.
II- 1)o 2)lhes 3)a 4)os 5)lhes.
III- 1)OD 2)OI 3)OI 4)OD plen. 5)OD prep.
IV- a)OD b)OI c)OD d)OI e)OI f)OD g)OI h)OD
i)OI j)OD
V- a) ...esfolavam-na b) ...ferve-la c) ...lambendo-os d)
...tomá-lo e) ...comemorá-lo, executavam-nas no ar. f)
Deram-lhe... g)Empurrou-a h)Ouviram-no. i)Pediram-
lha. j)Negaram-lhe uma...
VI- a) Estes casos, já os comentei. b)Ao mestre, não lhe
convém a resposta. c)Estas recomendações,
eu as faço com consistência. d) Ao povo, não lhe
interessam essas leis.
E- DISCURSIVAS
1) OD prepos.
2) A mulher serviu-lho.
3) ferve-me adj. adn. (=meu); acalma-o: OD; beija-me: OD.
4) a) OI b) OD.
5) mo (me + o) = OI + OD.
6) a) OD prep. b) OI.
F- TESTES
1.c 4.c 7.c 10.b 13.
41
2.e 5.c 8.b 11.a
3.c 6.c 9.a 12. 33
G- EXERCÍCIOS
I - 1, 3, 1, 1, 3, 2, 1, 2, 3, 1, 2, 1.
II - c, e, d, f, b, a, a, f, b, d, a, b, a, e, b, d, e, a, c, c.
III- 1) não é possível (VI). 2) os homens não são
compreendidos pelos anjos (VYD). 3) não é possível
(VTI). 4) Esta coragem de leão fora-me dada pelo amor
(VTDI).
IV- 1. Faça-se a vossa vontade. 2. Enviaram-se vários
soldados... 3. Não se discutem gostos.
4. Pintam-se geladeiras no local. 5. Tinha-se usado
mais de um artifício. 6. Perdeu-se uma caneta
esferográfica. 7. Ver-se-ia o eclipse se o tempo... 8.
Vasos ruins não se quebram.
V- 1. São esquecidos. 2. é conhecido. 3. são contadas. 4.
sejam construídas. 5. foram descobertos.
H- TESTES
1. b 5. b 9. a 13. b
2. c 6. c 10. d 14. 11
3. e 7. d 11. e 15. 14
4. c 8. a 12. a 16. a

I- EXERCÍCIOS
I - b, c, a, a, d, e, b, a, d, c, b, b, e, d, a.
II- a) Eu visitei a casa que foi desapropriada (suj.) b) eu
visitei a casa onde (em que) você morou (adj.
adv. lugar) c) eu visitei a casa que você comprou (OD)
d) eu visitei a casa a que você se referiu OI .
III- a) antec. pai (suj.) b) antec. lugar (adj. adv. lugar) c)
antec. roupa (OD) d) antec. casos (OI)
J- DISCURSIVAS
1) B, D, C, A.
2) a) intensidade b) tempo c) modo d) tempo e) causa
3) sujeito.
4) a) suj. b) OD
5) a) chovia uma triste chuva de resignação. b) Sim, os dois
são OD.
6) a) adj. adn. b) compl. nominal.
L- TESTES
1. a 5. b 9. b 13. d
2. e 6. a 10. b 14. 01
3. c 7. d 11. b 15. a
4. a 8. c 12. e 16. e




153

































ANÁLISE SINTÁTICA - ORAÇÕES
COORDENADAS


A- EXERCÍCIOS

1. Classifique as orações destacadas, de
acordo com a seguintes opções:
a) coordenada sindética aditiva;
b) coordenada sindética adversativa;
c) coordenada sindética alternativa;
d) coordenada sindética conclusiva;
e) coordenada sindética explicativa;
f) coordenada assindética.

1. ( ) Somos estudiosos, todavia não gostamos
de matemática.
2. ( ) Somos estudiosos, portanto queremos
aprender.
3. ( ) Somos estudiosos e não gostamos de
faltar às aulas.
4. ( ) Bem-aventurados os que ficam, porque
eles serão recompensados.
5. ( ) Tem de comer tudo: você acaba virando
um palito.
6. ( ) Vou contar só mais uma, que está na
hora de dormir.
7. ( ) A chuvinha caía mansa, porém caía.
8. ( ) Teus pais financiam os teus estudos, sê-
lhes grato, pois.
9. ( ) É apenas um sino, mas é ouro.
10. ( ) Multiplicai a família e tereis a pátria.
11. ( ) Ele não levou a lista, então não fará as
compras.
12. ( ) Ele não entendeu ou não gostou do
filme.
13. ( ) Ninguém ali me queria, eu não queria a
ninguém.
14. ( ) O trocador olhou, viu e não aprovou.
15. ( ) O trocador olhou, viu e não aprovou.
16. ( ) “Papai lia jornais, mamãe cerzia meias.”
(C.D.A.)
17. ( ) “Havia uma galinha, mas não havia
ninho.” (M. de Assis)
18. ( ) “Deixa em paz meu coração, Que ele é
um pote até aqui de mágoa.” (Chico Buarque)
19. ( ) “Não é nada a minha experiência de
preso político, por isso a omiti das memórias.”
(Paulo Francis)
20. ( ) Não queiras uma resposta imediata para
esse tipo de problema, pois ele envolve uma
rede muito variada de acontecimentos.
21. ( ) “Vão assaltar a rocinha; mas, antes,
piam e contrapiam.” (G. Rosa)
22. ( ) “Sou mulher, logo, só posso falar
palavrão em língua estrangeira.” (L. F. Telles)
23. ( ) Os jogadores, no seu conjunto, não só
exibiam excelente técnica, mas também um
preparo físico surpreendente para os europeus.
24. ( ) “O ladrão pegou a chave, abriu o baú,
revirou a roupa, achou o dinheiro.” (R. de Queiroz)
25. ( ) “Agora, o couro - o senhor ou me dá
dinheiro por ele, ou me dá farinha.” (R. de Queiroz)


B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST) Seguem três orações
independentes. Organize-as num só período,
criando entre elas apenas relações de
coordenação:
- As suspeitas recaíam sobre um loiro alto, com
um forte sotaque germânico.
- O rapaz apreendido sequer conhecia o bê-a-bá
do alemão.
- Não demonstrava a menor preocupação.
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
............................................................................

2. (UFGO) Transforme o período abaixo em
um período composto por coordenação,
sendo a primeira oração assindética e a
segunda sindética adversativa: “embora
154
achasse graça na birutice de Pio, (Zanine)
acabou saturado.”
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

3. (IMES) Classifique as orações destacadas,
de acordo com o código abaixo e indique a
seqüência obtida.
a) coordenada sindética aditiva;
b) coordenada sindética adversativa;
c) coordenada sindética explicativa;
d) coordenada sindética conclusiva;
e) coordenada assindética.

I- ( ) “De outras ovelhas cuidarei, que não de
vós.” (Garret)
II- ( ) “José entendeu os testes, portanto pode
fazer as provas.”
III- ( ) “Você não pode desanimar, pois, afinal
de contas, tudo anda muito bem.”
Resp.
..........................................................................


C- TESTES

1. (DIR/CTBA) Observe, ainda, nesse texto:
“... lá fora quem quer entrar...”
“... e entrará, quer eu queira, quer não.”
As palavras em destaque são, respectivamente:
a. ( ) verbo e conjunção coordenada
alternativa.
b. ( ) conjunção coordenada alternativa e
locução conjuntiva.
c. ( ) conjunção coordenada explicativa e
locução conjuntiva.
d. ( ) verbo e locução conjuntiva.
e. ( ) conjunção coordenada explicativa e
conjunção coordenada alternativa.

2. (UFPR) Numere a segunda coluna de
acordo com a primeira, estabelecendo o tipo
de relação existente entre as orações de cada
período e assinale a seqüência obtida:
1. relação de causa
2. relação de conclusão
3. relação de conseqüência

( ) Não pudemos sair porque chovia
torrencialmente.
( ) Chovia torrencialmente; portanto, não
pudemos sair.
( ) Chovia tanto, que não pudemos sair.

a. ( ) 1, 2, 3
b. ( ) 1, 3, 2
c. ( ) 2, 1, 3
d. ( ) 2, 3, 1
e. ( ) 3, 2, 1

3. (SANTA CASA) Por definição, oração
coordenada que seja desprovida de conectivo
é denominada ASSINDÉTICA. Observando-
se os períodos seguintes:
I- “Não caía um galho, não balançava uma
folha.”
II- “O filho chegou, a filha saiu, mas a mãe
nem notou.”
III- “O fiscal deu o sinal, os candidatos
entregaram a prova. Acabaram o exame.”
Nota-se que existe coordenação assindética em:
a. ( ) I apenas.
b. ( ) II apenas.
c. ( ) III apenas
d. ( ) I, II e III.
e. ( ) nenhuma delas.

4. (CESGRANRIO) A oração “Não se
verificou, todavia, uma transplantação
integral de gosto e de estilo” tem valor:
a. ( ) conclusivo
b. ( ) adversativo
c. ( ) concessivo
d. ( ) explicativo
e. ( ) alternativo

5. (MARINGÁ) “Estudamos, logo deveremos
passar nos exames.”
A oração em destaque é:
a. ( ) coordenada explicativa
b. ( ) coordenada adversativa
c. ( ) coordenada aditiva
d. ( ) coordenada conclusiva
e. ( ) coordenada alternativa

6. (PUC/SP) No verso, “Tenta chorar e os
olhos sente enxutos”, o conectivo oracional
indica:
a. ( ) junção de idéias, logo é conjunção
aditiva.
b. ( ) disjunção de idéias, logo é conjunção
alternativa.
c. ( ) contraste de idéias, logo é conjunção
adversativa.
d. ( ) oposição de idéias, logo é conjunção
concessiva.
e. ( ) seqüência de idéias, logo é conjunção
conclusiva.

7. (MED/EVANGÉLICA) (A)Fez isso ........
(B) não conseguiu o resultado.

Qual das alternativas abaixo preenche a
lacuna, indicando que B é um fato anterior a
A?
a. ( ) entretanto
b. ( ) pois
c. ( ) porém
d. ( ) enquanto
155
e. ( ) e

8. (PUC/SP) “Deus não fala comigo, e eu sei
que Ele me escuta.” (Cecília Meireles)
O conectivo e pode ser substituído, sem
contrariar o sentido, por:
a. ( ) ou.
b. ( ) no entanto.
c. ( ) porém.
d. ( ) porquanto.
e. ( ) nem.

9. (CESGRANRIO) No trecho - “... o preço
do progresso inclui o deslocamento de
pessoas e a mudança de hábitos de trabalho.
O que não impede, porém, que a notícia da
introdução de um novo sistema
computadorizado seja muitas vezes
acompanhada de insegurança...” o termo
“porém” pode ser substituído, sem alteração
de sentido, por:
a. ( ) conseqüentemente.
b. ( ) pois.
c. ( ) portanto.
d. ( ) contudo.
e. ( ) por conseguinte.

10. (SANTA CASA) Por definição, “oração
coordenada que se prende à anterior por
conectivo é denominada sindética e é
classificada pelo nome da conjunção
coordenativa que a encabeça.”
Assinale a alternativa onde aparece uma
coordenada sindética explicativa, conforme a
definição:
a. ( ) “A casaca dele estava remendada, mas
estava limpa.”
b. ( ) “Ambos se amavam, contudo não se
falavam.”
c. ( ) “Todo mundo trabalhando: ou varrendo o
chão ou lavando as vidraças.”
d. ( ) “Chora, que lágrimas lavam a dor.”
e. ( ) “O time ora atacava, ora defendia e no
placar aparecia o resultado favorável.”

11. (SANTA CASA) O período pode conter
uma ou mais orações. Observando os
exemplos abaixo:
“Talvez o quadro tivesse sido pintado por
Tuneu.”
“Grossos pingos de chuva começavam a rufar
nas árvores.”
“A noite vinha chegando.”
Contamos:
a. ( ) respectivamente, 3, 2 e 1 orações.
b. ( ) respectivamente, 3, 1 e 1 orações.
c. ( ) respectivamente, 2, 1 e 1 orações.
d. ( ) duas orações em cada exemplo.
e. ( ) uma oração apenas em cada exemplo.

12. A(s) alternativa(s) que contêm
coordenadas adversativas:
1. ( ) Estudam, porém não trabalham.
2. ( ) A torcida incentivou os jogadores;
esses, contudo, não conseguiram vencer.
4. ( ) Sérgio foi bom filho; logo será bom pai.
8. ( ) Adão comeu a maçã, e nossos dentes até
hoje doem.
16. ( ) Jaime trabalha depressa, no entanto
produz pouco.
32. ( ) Que saibam, não creio; mas desconfiam.
64. ( ) Os meninos ora brigavam, ora
brincavam.

13. Todas as orações são coordenadas, exceto
em:
1. ( ) Colhemos frutos, jogamos bola.
2. ( ) Bem depressa chegou o trem;
despedimo-nos sem demora.
4. ( ) Não chores, que a vida é luta.
8. ( ) Chora, que lágrimas lavam a dor.
16. ( ) Eu me sentia mais livre do que todos.
32. ( ) Choveu durante a noite, pois as ruas
estão molhadas.
64. ( ) Choveu durante a noite; as ruas estão,
pois, molhadas.

14. Do período: “Paredes ficaram tortas,
animais enlouqueceram e as plantas caíram”
é correto afirmar-se:
1. ( ) Existem três orações coordenadas.
2. ( ) Existe uma oração principal e duas
subordinadas.
4. ( ) Na 1ª oração ocorre predicativo do
sujeito.
8. ( ) Existe um verbo de ligação e dois
intransitivos.
16. ( ) Na 2ª e 3ª orações ocorre objeto direto.
32. ( ) Na 1ª oração ocorre objeto direto.
64. ( ) Na 1ª oração o sujeito é simples; nas
demais, indeterminado.

15. Assinale a(s) alternativa(s) em que a
conjunção entre parênteses não alteraria o
significado da coordenada sindética:
1. ( ) Não chores, que a vida é luta. (pois)
2. ( ) Os alicerces cederam; a casa ruiu, pois.
(porém)
4. ( ) Segue teu ritmo e não contraries a tua
índole. (nem)
8. ( ) O filho chegou, mas a mãe não notou.
(contudo)
16. ( ) Chora, que lágrimas lavam a dor.
(embora)
32. ( ) São todos cegos, portanto não podem
ver. (logo)

(CTA/COMPUTAÇÃO/ITA)
As questões de números 16 e 17 referem-se ao
texto abaixo:
156

Caro pintor Bandeira,
que tua mão certeira
encontre a cada dia
essa fina alegria
de reinventar o mundo,
tornando-o mais profundo.

16. Sintaticamente, qual alternativa
apresenta termo que desempenha a mesma
função de “o” em “tornando-o”?
a. ( ) tua mão certeira
b. ( ) a cada dia
c. ( ) Bandeira
d. ( ) o mundo
e. ( ) caro pintor

17. Os verbos que aparecem no texo podem
ser classificados como:
a. ( ) ligação
b. ( ) transitivo direto
c. ( ) transitivo indireto
d. ( ) intransitivo
e. ( ) transitivo direto e indireto





GABARITO - Análise Sintática Orações Coordenadas

A- EXERCÍCIOS
I - 1.B 2.D 3.A 4.E 5.F 6.E 7.B 8.D 9.B
10.A 11.D 12.C 13.F 14.A 15.F 16.F 17.B
18.E 19.D 20.E 21.B 22.D 23.A 24.F
25.C
B- DISCURSIVAS
1) As suspeitas recaíam sobre o loiro alto, com um
forte sotaque germânico, mas o rapaz apreendido
sequer conhecia o bê-a-bá do alemão, portanto não
demonstrava a menor preocupação.
2) Zanine achou graça na birutice de Pio, mas acabou
saturado.
3) B, D, C
C- TESTES
1. a 4. b 7. b 10. d 13. 16 16. d
2. a 5. d 8. b 11. e 14. 13 17. b
3. d 6. a 9. d 12. 51 15. 41






































































157
ANÁLISE SINTÁTICA – ORAÇÃO
SUBORDINADA

A- EXERCÍCIOS


I- Dê a função sintática da oração
subordinada substantiva em destaque:
1. “Meu Deus, por que me abandonaste se
sabias que eu não era Deus...” (C.D.A.)
.............................................................................
2. Referiram-se a que não havia mais vagas.
.............................................................................
3. Nunca duvidei de que estivessem certos.
.............................................................................
4. Não tive dúvidas de que estivessem certos.
.............................................................................
5. Sou contrário a que se conceda tal regalia.
.............................................................................
6. Sabemos de uma coisa: que podemos
esquecer sua ajuda.
.............................................................................
7. Acontece que meu coração ficou frio.
.............................................................................
8. Que nós e o presente não somos mais
dignos dela é verdade.
.............................................................................
9. Se o mar é bonito não sei.
.............................................................................
10. Ignoramos por que tomaste esta atitude.
.............................................................................

II- Transforme os períodos simples em
compostos e classifique a oração subordinada
substantiva:
Modelo:
a) A participação de todo é necessária.
É necessário que todos participem.
Oração subordinada substantiva subjetiva.
b) A aceitação de todos é importante.
.............................................................................
.............................................................................
c) Queremos o comparecimento de todos.
.............................................................................
.............................................................................
d) Precisamos de tua ajuda.
.............................................................................
.............................................................................
e) Sou favorável à sua renúncia.
.............................................................................
.............................................................................
f) Algumas tribos temiam a chegada do inverno.
.............................................................................
.............................................................................
g) Insistiam na participação do aluno.
.............................................................................
.............................................................................
h) Era urgente a aprovação do diretor.
.............................................................................
.............................................................................

III- Classifique as orações destacadas, de
acordo com as seguintes opções:
a) subordinada substantiva subjetiva
b) subordinada substantiva objetiva direta
c) subordinada substantiva objetiva indireta
d) subordinada substantiva completiva nominal
e) subordinada substantiva predicativa
f) subordinada substantiva apositiva

1. ( ) “Para ser franco, declaro que esses
infelizes não me inspiram simpatia.” (G.Ramos)
2. ( ) “É impossível que gastássemos tanto
dinheiro.” (A.Azevedo)
3. ( ) “Isso depende de que ele a convença.”
(E.Veríssimo)
4. ( ) “Conserva a ilusão de que teu vôo te
leva sempre para mais alto.” (M. del Picchia)
5. ( ) “Convém que o enfrentemos com
dignidade.” (E.Veríssimo)
6. ( ) “A verdade é que o fizeram com igual
ternura.” (M. de Assis)
7. ( ) “Catarina viu então que sua mãe estava
envelhecida...” (C. Lispector)
8. ( ) “Dizem que chegaste às falas com
autoridades.” (A. Meyer)
9. ( ) Diz-se que chegaste às falas com
autoridades.
10.( ) “Também é bom que o estado de graça
demore pouco.” (C. Lispector)
11.( ) “Parece que os netos da velha eram
uns pequenos malfeitores...” (R. de Queiroz)
12.( ) O marido não veio por razões óbvias:
não queria ver os irmãos.” (C. Lispector)
13.( ) “Aconteceu, porém, que certo domingo
houve falta de galos para completar o
programa.” (R. de Queiroz)
14.( ) “Fora desrespeitada a recomendação de
se preservar a pessoa do réu.” (A. M. Machado)
15.( ) “Não sei se disse que isto se passava em
casa de uma baronesa.” (M. de Assis)

IV- Transforme agora a oração substantiva
em um substantivo, de acordo com o modelo:
1. Tínhamos interesse em que você colaborasse.
Tínhamos interesse na sua colaboração.
2. A solução é que você desista.
.............................................................................
.............................................................................
3. O vendedor dava uma garantia: que o produto
valorizaria.
.............................................................................
.............................................................................
4. Estávamos certos de que você se recuperaria.
.............................................................................
.............................................................................
5. Ninguém duvidou de que a propaganda
mentiu.
.............................................................................
.............................................................................

158
V- Classifique as orações substantivas
destacadas:
1. Não sei se estou sofrendo.
.............................................................................
.............................................................................
2. É claro que não concordamos.
.............................................................................
.............................................................................
3. O único empecilho era que a prova seria à
noite.
.............................................................................
.............................................................................
4. Somos favoráveis a que o ponham em
liberdade.
.............................................................................
.............................................................................
5. De uma coisa sei: ninguém entrará neste
colégio.
.............................................................................
.............................................................................
6. Ele era quem mais falava.
.............................................................................
.............................................................................


B- QUESTÕES DISCURSIVAS

1) (MAPOFEI) Reescreva a oração de acordo
com o modelo:
A colaboração dele nos surpreende.
Surpreende-nos que ele colabore.

A intervenção dele nos convém.
.............................................................................

2) (FUVEST) Modelo:
Observou que a lenha verde agonizava.
Observou a agonia da lenha verde.
Seguindo o modelo acima, reescreva a
seguinte frase:
“Percebeu que os homens se aproximavam.”
.............................................................................
.............................................................................

3) (FEI) Classifique a oração subordinada do
período abaixo:
O estudo e o tempo não me convenceram de
que as leis do cosmos sejam compatíveis com
uma suprema causa.
Resposta:
.............................................................................
.............................................................................

4) (CÁSPER LÍBERO) Classifique a oração
destacada:
“Não julgo que eles saibam.”
Resposta:
.............................................................................
.............................................................................

5) (CÁSPER LÍBERO) Classificar a oração
destacada:
“É evidente que ele não sabe.”
Resposta:
.............................................................................
.............................................................................

6) Classifique sintaticamente as orações
destacadas nos períodos abaixo:
A mulher objetou-lhe que não havia lugar em
casa para mais uma cadeira.
Resposta:
.............................................................................
.............................................................................

7) (FEI) Classifique sintaticamente a oração
destacada:
“Todos perceberam que João Fanhoso dera
rebate falso.”
Resposta:
.............................................................................
.............................................................................

8) (FUVEST) Indique o objeto direto do
verbo destacado:
“... fui dizer à minha mãe que a escrava é que
estragara o doce.”
Resposta:
.............................................................................
.............................................................................


C- TESTES

1. (AMAN) No seguinte grupo de orações
sublinhadas:
1. É bom que você venha.
2. Não esqueças que és falível.
Temos orações subordinadas
respectivamente:
a. ( ) objetiva direta, subjetiva.
b. ( ) subjetiva, objetiva direta.
c. ( ) objetiva direta, adverbial temporal.
d. ( ) subjetiva, predicativa.
e. ( ) predicativa, objetiva direta.

2. (MED/ITAJUBÁ) Em todos os períodos a
oração subordinada funciona como sujeito da
oração principal, exceto em:
a. ( ) É claro que eles virão.
b. ( ) Acontece que ela mentiu.
c. ( ) Sabe-se eu é um golpe.
d. ( ) O certo é que tudo morre.
e. ( ) Agora parece que é dia.

3. (FASP) No seguinte período: “Aí eu tive o
fervor de que ele carecesse de minha
proteção, toda a vida”, a expressão destacada
é:
a. ( ) oração subordinada substantiva apositiva.
159
b. ( ) oração subordinada substantiva objetiva
indireta.
c. ( ) oração subordinada substantiva
completiva nominal.
d. ( ) oração subordinada substantiva
predicativa.

4. (UFPR) Qual o período em que há oração
subordinada substantiva predicativa?
a. ( ) Meu desejo é que você passe nos exames
vestibulares.
b. ( ) Sou favorável a que o aprovem.
c. ( ) Desejo-te isto: que sejas feliz.
d. ( ) O aluno que estuda consegue superar as
dificuldades do vestibular.
e. ( ) Lembre-se de que tudo passa neste
mundo.

5. (P. GROSSA) Reconheça a oração
subordinada substantiva subjetiva:
a. ( ) Veja se está tudo em ordem.
b. ( ) Perguntou quem era.
c. ( ) Que ele não compareceu, souberam.
d. ( ) É necessário que tenhamos paciência.
e. ( ) n.d.a.

6. (EVANGÉLICA/PR) “Parecia que o
morro se tinha distanciado muito.”
No período acima, a oração subordinada é:
a. ( ) substantiva objetiva direta.
b. ( ) substantiva subjetiva.
c. ( ) adjetiva explicativa.
d. ( ) substantiva predicativa.
e. ( ) adverbial consecutiva.

7. (UFPR) Julieta ficou à janela na esperança
de que Romeu voltasse.
A oração em destaque é:
a. ( ) subordinada substantiva subjetiva.
b. ( ) subordinada substantiva completiva
nominal.
c. ( ) subordinada substantiva predicativa.
d. ( ) subordinada adverbial causal.
e. ( ) subordinada adjetiva explicativa.

8. (PUC/CAMPINAS) Assinale o período em
que a oração destacada é substantiva
apositiva:
a. ( ) Não me disseram onde moravas.
b. ( ) A rua onde moras é muito movimentada.
c. ( ) Só me interessa saber uma coisa: onde
moras.
d. ( ) Morarei onde moras.
e. ( ) n.d.a.

9. (MACKENZIE) No período: “Sabe-se que
Jacó propôs a Labão que lhe desse todos os
filhos das cabras...”, a alternativa que contém
a análise correta das orações, na seqüência
em que vêm no período é:
a. ( ) principal, subordinada substantiva
subjetiva, subordinada substantiva objetiva
direta.
b. ( ) coordenada sindética aditiva, subordinada
substantiva objetiva direta, subordinada
substantiva apositiva.
c. ( ) absoluta, subordinada substantiva
objetiva direta, subordinada substantiva objetiva
direta.
d. ( ) principal, subordinada substantiva
subjetiva, subordinada substantiva objetiva
indireta.
e. ( ) coordenada assindética, subordinada
substantiva subjetiva, subordinada substantiva
objetiva direta.

10. (PUC/CAMPINAS) “Se ele confessou não
sei.” A oração destacada é:
a. ( ) subordinada adverbial temporal.
b. ( ) subordinada substantiva objetiva direta.
c. ( ) subordinada substantiva objetiva indireta.
d. ( ) subordinada substantiva subjetiva.
e. ( ) subordinada substantiva predicativa.

11. (PUC/SP) “Pode-se dizer que a tarefa
crítica é puramente formal.”
No texto acima, temos uma oração destacada
que é:
a. ( ) substantiva objetiva direta.
b. ( ) substantiva predicativa.
c. ( ) relativa.
d. ( ) substantiva subjetiva.
e. ( ) adverbial consecutiva.

Um se que é:
a. ( ) partícula apassivadora.
b. ( ) índice de indeterminação do sujeito.
c. ( ) pronome reflexivo.
d. ( ) partícula apassivadora.
e. ( ) índice de indeterminação do sujeito.

12. (UBERLÂNDIA) Na frase: “Suponho que
nunca teria visto um homem”, a subordinada
é:
a. ( ) substantiva objetiva direta.
b. ( ) substantiva completiva nominal.
c. ( ) substantiva predicativa.
d. ( ) substantiva apositiva.
e. ( ) substantiva subjetiva.

13. Ocorre substantiva objetiva direta em
todas as alternativas, exceto:
1. ( ) O certo é que você veio.
2. ( ) Agora parece que é dia.
4. ( ) Sei que ele não virá.
8. ( ) O aluno que trabalha é bom.
16. ( ) Que venhas amanhã espero.
32. ( ) Sonhei que não existias.

160
14. Em todos os períodos a oração
subordinada funciona como sujeito da oração
principal, exceto:
1. ( ) É claro que eles virão.
2. ( ) Acontece que ela mentiu.
4. ( ) Sabe-se que não virão.
8. ( ) Hoje parece que é verão.
16. ( ) O certo é que todos já sabem.
32. ( ) Meu desejo é que todos sejam
aprovados.
64. ( ) Espera-se que não chova mais.

15. Assinale a(s) alternativa(s) que
apresenta(m) classificação correta da oração
subordinada:
1. ( ) Espero que tenhas estudado. (objetiva
direta)
2. ( ) Não fez referência a que a situação era
delicada. (objetiva indireta)
4. ( ) Convenci-me de que tudo era tolice.
(completiva nominal)
8. ( ) O importante é que ela conseguiu sair de
lá. (objetiva direta)
16. ( ) É raro que não tenha seu caso a contar.
(subjetiva)
32. ( ) Compreendo por que os noivos se
presenteiam. (objetiva indireta)


D- EXERCÍCIOS


1. Transforme o adjunto adnominal em
oração adjetiva.
Modelo: a) Os casos insolúveis não são raros.
b) Os casos que não se solucionam
não são raros.
1) a) Os galhos maiores foram cortados.
b)
.............................................................................
.............................................................................
2) a) As notícias divulgadas confirmaram
nossas previsões.
b)
.............................................................................
.............................................................................
3) a) Há crimes imperdoáveis.
b)
.............................................................................
.............................................................................
4) a) Jogadores criadores de caso não serão
convocados.
b)
.............................................................................
.............................................................................
5) a) Destinaram-se recursos às regiões
produtoras de feijão.
b)
.............................................................................
.............................................................................
2. Substitua as orações em destaque pelos
adjetivos correspondentes:
a) É uma letra que não se pode ler
.............................................................................
b) Trata-se de um bem que não se pode
destruir ...............................................................
c) É uma comida que não tem gosto
.............................................................................
d) É um feijão que não tem sal
.............................................................................
e) É uma tinta que não se apaga
.............................................................................
f) É um projeto que não se pode realizar
.............................................................................
g) É uma substância que não tem odor
.............................................................................
h) É um texto que não se pode compreender
.............................................................................

3. Dê a função sintática exercida pelos
pronomes relativos que estão em destaque
nas frases abaixo:
a) “... porque o saci-pererê não fazia mal a
ninguém / limitando-se moleque a dançar
maxixes desenfreados / no mundo das garotas /
que meu tio habilidoso fazia para mim.” (Murilo
Mendes)
.............................................................................
c) “... estou diante do mundo deitado na rede
mole que todos os países embalançam.” (Murilo
Mendes)
.............................................................................
d) “Não há outro espetáculo que me invoque.”
(Murilo Mendes)
.............................................................................
e) “O anjo pousa de leve
No quarto onde a moça pura
Remenda a roupa dos pobres.” (Murilo Mendes)
.............................................................................
f) “Minha visão é universal e tem dimensões
que ninguém sabe.” (Jorge de Lima)
.............................................................................
g) O aluno a que me refiro saiu da sala.
.............................................................................

4. Classifique as orações destacadas , de
acordo com as seguintes opções:
a) subordinada adjetiva restritiva;
b) subordinada adjetiva explicativa;
c) subordinada substantiva subjetiva;
d) subordinada substantiva objetiva direta;
e) subordinada substantiva objetiva indireta;
f) subordinada substantiva completiva nominal;
g) subordinada substantiva predicativa.

1. ( ) O juiz entregou os prêmios a quantos se
classificaram.
2. ( ) O juiz entregou os prêmios de quantos
se classificaram.
3. ( ) Antônio, que nunca entrou em campo,
não joga futebol.
161
4. ( ) Que mais me pode exigir a mulher a
quem dou o meu amor?
5. ( ) O melhor procedimento é ignorar o
ocorrido.
6. ( ) Jorge, que sempre entendeu de
mecânica, descobriu logo o defeito.
7. ( ) Quero saber como chegou aqui.
8. ( ) O professor a quem me referi acaba de
chegar.
9. ( ) O juiz era quem mais se esforçava em
campo.
10. ( ) Tentei convence-lo de que estava
errado.
11. ( ) Viam-se pássaros voando.
12. ( ) Veja quem está batendo palmas no
portão.
13. ( ) Era muito educado o rapaz com quem
fui jantar.
14. ( ) Ele era quem dava as ordens.
15. ( ) O museu, onde estão os pertences de
Getúlio Vargas, fica na Rua do Catete.
16. ( ) “Quem passava na rua não enxergava
a casa.” (O. França Jr.)

5. Através do pronome relativo adequado,
estabeleça relação entre as orações,
transformando a segunda em subordinada
adjetiva:
Modelo: Recebi todos os livros. Eles foram
indicados pela crítica.
Transformação: Recebi todos os livros que
foram indicados pela crítica.
1. Encontrei os amigos. Estava precisando
deles.
.............................................................................
.............................................................................
2. Todos vaiaram o jogador. O técnico escalara
o jogador na última hora.
.............................................................................
.............................................................................


E- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST)
Modelo: Observou a lenha verde que agonizava.
Observou a lenha verde agonizante.
Seguindo o modelo acima, reescreva a
seguinte frase:
“Ele se arrogava o direito de inventar leis que
determinavam o comportamento do povo.”
Ele se arrogava o direito de inventar leis
.............................................................................
.............................................................................

2. (CÁSPER LÍBERO) “O Mar Vermelho,
onde a chuva é uma exceção durante todo o
ano, banha Israel, que é o berço da
Humanidade.” Neste texto, indique:
a) oração principal:
.............................................................................
.............................................................................
b) como se chama a oração: “que é o berço da
Humanidade?
.............................................................................
.............................................................................

3. (FEI) Classifique as orações em negrito,
sintaticamente:
a) “Poucas eram as árvores que o inverno
despira.” (E. Veríssimo)
.............................................................................
.............................................................................
b) “(...) Mora em alguma fazenda, onde se
entregara à contemplação da natureza e a
leitura de bons livros.” (R. Braga)
.............................................................................
.............................................................................

4. (FUVEST) Grife as orações adjetivas dos
períodos abaixo e classifique-as:
a) “As pessoas que contam esses casos nunca
mentem em outras coisas.” (R. de Queiroz)
.............................................................................
.............................................................................
b) “Ele, que era arguto, entendeu-me (...)” (M. de
Assis)
.............................................................................
.............................................................................

5. (CEFET) Ligue o par de orações,
transformando-as num único período
composto por subordinação:
I- a) Os autores foram expulsos do país.
b) Os livros deles continham críticas ao
governo.
a)
.............................................................................
.............................................................................
b)
.............................................................................
.............................................................................

II- a) Os fatos ocorreram no nordeste.
b) Refiro-me a eles no artigo “Miséria e
Fome”.
a)
.............................................................................
.............................................................................
b)
.............................................................................
.............................................................................

III-a) Construímos uma sociedade justa.
b) A legislação dessa sociedade é boa.
a)
.............................................................................
.............................................................................
b)
.............................................................................
.............................................................................
162
IV- a) O vestibular é uma barreira composta de
inúmeras inconseqüências.
b) Por essa barreira deverão passar todos os
que aspiram aos cursos superiores.
a)
.............................................................................
.............................................................................
b)
.............................................................................
.............................................................................

6. (FCS-ANHEMBI) Classificar
corretamente as orações grifadas, indicando
a seqüência obtida:
a) subordinada adverbial final
b) subordinada adverbial concessiva
c) subordinada adverbial consecutiva
d) subordinada adverbial comparativa
e) subordinada substantiva subjetiva

1. ( ) Criminoso que seja, não deve ser
maltratado.
2. ( ) Não és mais prudente que eu.
3. ( ) Fiz-lhe sinal que se calasse.
4. ( ) Sabido é que a alma não morre.
5. ( ) Bebia que era uma lástima.
6. ( ) Por mais que gritasse, ninguém a
socorreu.
Resposta: ...............................................


F- TESTES

1. (PUC/SP) “João amava Teresa que amava
Raimundo que amava Maria que amava
Joaquim que amava Lili que não amava
ninguém. João foi para os Estados Unidos,
Teresa para o convento, Raimundo Morreu
de desastre, Maria ficou para titia, Joaquim
suicidou-se e Lili casou com J. Pinto
Fernandes que não tinha entrado na história.
(C. D. de Andrade)
A primeira parte do poema (versos de 1 a 3) é
marcada, sintaticamente, pela presença de:

I- Orações:
a. ( ) subordinadas adjetivas restritivas.
b. ( ) coordenadas sindéticas explicativas.
c. ( ) Subordinadas adverbiais comparativas.
d. ( ) subordinadas adjetivas explicativas.
e. ( ) coordenadas sindéticas aditivas.

II- cujo termo introduzido atua como:
a. ( ) conectivo-sujeito
b. ( ) simples conectivo
c. ( ) simples conectivo
d. ( ) conectivo-sujeito
e. ( ) simples conectivo

2. (MACK) Em “É difícil o dia em que não
acontece um acidente”, temos uma oração:
a. ( ) subordinada substantiva predicativa.
b. ( ) subordinada substantiva completiva
nominal.
c. ( ) subordinada substantiva subjetiva.
d. ( ) subordinada adjetiva restritiva.
e. ( ) subordinada adjetiva explicativa.

3. (UMC/MOJI) Indique a alternativa em
que há oração subordinada adjetiva
restritiva:
a. ( ) Fique no lugar onde está.
b. ( ) Deus, que é nosso Pai, nos salvará.
c. ( ) Tenho receio de que você se engane.
d. ( ) Meu desejo é que sejam felizes.
e. ( ) Desejo que sejam felizes.

4. (FCS/ANHEMBI) Na frase “Há enganos
que nos deleitam”, a oração grifada é:
a. ( ) substantiva subjetiva
b. ( ) substantiva objetiva direta
c. ( ) substantiva completiva nominal
d. ( ) substantiva apositiva
e. ( ) adjetiva restritiva

5. (MARINGÁ) As orações sublinhadas
abaixo são, respectivamente:
I. O filme a que assistimos era trágico.
II. Assim que souberdes do paradeiro de
Luciana, avisai-me imediatamente.
III. É preciso que saias imediatamente da
cidade.

a. ( ) subordinada substantiva objetiva direta,
subordinada adverbial condicional, subordinada
substantiva predicativa.
b. ( ) subordinada substantiva completiva
nominal, subordinada adverbial concessiva,
subordinada substantiva objetiva direta.
c. ( ) subordinada adjetiva restritiva,
subordinada adverbial consecutiva, subordinada
substantiva subjetiva.
d. ( ) subordinada substantiva objetiva indireta,
subordinada adverbial final, subordinada
substantiva predicativa.
e. ( ) subordinada adjetiva restritiva,
subordinada adverbial temporal, subordinada
substantiva subjetiva.

6. (P.GROSSA) Qual a função sintática?
Eis uma oferta a que não posso resistir.
a. ( ) conectivo subordinativo.
b. ( ) conectivo coordenativo
c. ( ) sujeito.
d. ( ) objeto direto.
e. ( ) objeto indireto.

163
7. (UNIMEP) “O pai, depois de contar o
dinheiro que discretamente retirou do bolso,
aborda o garçom (...)” A oração destacada é:
a. ( ) oração subordinada adjetiva explicativa.
b. ( ) oração subordinada substantiva apositiva.
c. ( ) oração subordinada substantiva
completiva nominal.
d. ( ) oração subordinada adjetiva restritiva.
e. ( ) oração subordinada substantiva objetiva.

8. (FAAP) “Não compreendíamos a razão por
que o ladrão não montava a cavalo.” A
oração destacada é:
a. ( ) subordinada adjetiva restritiva.
b. ( ) subordinada adjetiva explicativa.
c. ( ) subordinada adverbial causal.
d. ( ) subordinada adverbial final.
e. ( ) subordinada substantiva completiva
nominal.

9. (UnB) Dentre as orações destacadas,
indique aquela que tem a mesma função que
a da frase matriz:
“(...) recebi o pagamento das mãos de meu pai,
que me deu uma sova de vara de
marmeleiro.” (M. de Assis)
a. ( ) “Dr. Fontoura, que na realidade era
dentista, socorreu com uns ferrinhos, uma
pinça.” (F. Sabino)
b. ( ) “Era esta a hora em que as duas
costumavam ir para o caramanchão.” (L. F.
Telles)
c. ( ) “É sempre bom dar preferência aos
legumes que podem ser comidos crus.” (Folha
de S.P.)
d. ( ) “D. Custódia era uma portuguesa que
alugava quartos na Rua da Misericórdia...”
(A. Caminha)

10. (EPCAR) Determine a função sintática
morfológica das palavras sublinhadas,
confrontando as colunas abaixo e, depois de
numerar a segunda de acordo com a
primeira, marque a opção correta:
(1) pronome relativo.
(2) pronome indefinido.
(3) pronome demonstrativo.
(4) conjunção adversativa.
(5) advérbio.
(6) conjunção temporal.
(7) conjunção integrante.
(8) conjunção concessiva.
(9) conjunção consecutiva.
(10) função não constante desta relação.

( ) Já cinco dias eram passados, que dali nos
partíramos.
( ) Estudava, contudo, não tinha método.
( ) O juiz verificará se as provas estão nos
autos.
( ) Tudo que previra aconteceu.
( ) Poucos compareceram.
( ) Ainda que soubesse, não diria.
( ) Ninguém virá.
( ) Não sei o que dizes.
( ) Falava tão baixo, que mal se ouvia.
( ) Que medonho é um temporal em alto mar!
a. ( ) 1, 4, 10, 1, 5, 8, 2, 10, 9, 5.
b. ( ) 6, 4, 10, 1, 2, 5, 2, 3, 10, 2.
c. ( ) 6, 4, 7, 10, 5, 8, 5, 3, 9, 2.
d. ( ) 1, 4, 7, 1, 5, 9, 2, 2, 8, 5.
e. ( ) 6, 4, 7, 1, 2, 8, 2, 3, 9, 5.

11. (UnB) Assinale a alternativa em que o
pronome relativo funciona como objeto
direto:
a. ( ) “Há muitas pessoas que sofrem do mal da
solidão.” (Cecília Meireles)
b. ( ) “Washington e Teerã estavam prestes a
concluir o acordo que permitiu a libertação dos
reféns.”
c. ( ) “Pelas frinchas da janela, entrava o mato
em insônia, com vozes que eu não entendia.” (G.
R.)
d. ( ) “Lembro-me do dia em que fui perto da
sua casa apanhar o retrato (...)” (R. Braga)

12. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s)
quanto à classificação das orações:
1. ( ) As pessoas que contam esses casos
nunca mentem. (adjetiva restritiva)
2. ( ) Ele, que era arguto, entendeu-me.
(substantiva apositiva)
4. ( ) Mora em uma fazenda, onde se cria
gado leiteiro. (adverbial de lugar)
8. ( ) Ele lembrou a necessidade de sermos
amigos. ( objetiva indireta)
16. ( ) Pedra que rola não cria limo. ( adjetiva
explicativa)
32. ( ) O aluno, que é estudioso, fez boas
provas. (adjetiva explicativa)


G- EXERCÍCIOS

1. Classifique as orações destacadas, de
acordo com o seguinte código:
(a) oração subordinada adverbial causal.
(b) oração subordinada adverbial condicional.
(c) oração subordinada adverbial conformativa.
(d) oração subordinada adverbial concessiva.
(e) oração subordinada adverbial consecutiva.

1. ( ) “Se o rádio não fosse tão fanhoso,
compreender-se-ia a letra do samba muito bem.”
(M. Rebelo)
2. ( ) “Como vocês vêem, meu primeiro
contato com o Tiro de Guerra não foi dos
melhores.” (M. D.)
3. ( ) “Conquanto V. Exa. aprove a reforma,
sentirá comigo a separação da outra.” (M. de Assis)
164
4. ( ) “Se eu fosse deputado federal, estaria
muito apreensivo.” (C. D. de Andrade)
5. ( ) “Por mais que lhes diga (...) que o
modernismo não é moda nem convenção, (...)
eles insistem em se declararem modernos.” (M.
de Assis)

2. Classifique as orações destacadas de
acordo com o seguinte código:
a) oração subordinada adverbial causal.
b) oração subordinada adverbial temporal.
c) oração subordinada adverbial proporcional.
d) oração subordinada adverbial condicional.
e) oração subordinada adverbial consecutiva.
f) oração subordinada adverbial final.

1. ( ) Quanto menor é o juízo dos homens,
tanto maior deve ser o seu saber.
2. ( ) Não me acode imagem capaz de dizer
sem quebra de dignidade do estilo o que eles
foram e me fizeram.
3. ( ) Só não morri à míngua porque o povo
daqui me socorreu.
4. ( ) Fizeram-se todos os remédios para
chover.
5. ( ) Tão longo foi o abraço que me tomou o
resto do capítulo.
6. ( ) Quanto a miragem do sol se desfez, já a
louca tinha subido pela torre de ouro até o céu.

3. Classifique as orações subordinadas
adverbiais em destaque:
a) “O arco-íris saltou como serpente multicor
nessa piscina de desenhos delicados.” (C.
Meireles)
.............................................................................
b) “Quando vier de novo o céu de Maio
largando estrelas Eu irei, lá onde os pinheiros
recendem nas manhãs úmidas.” (Vinícius de
Moraes)
.............................................................................
c) “Como sabia bem tudo isso..., fiquei sem
poder chorar.” (C. Meireles)
............................................................................
d) Ainda que estivesse ferido, lutava.
............................................................................
e) Choveu tanto, que a várzea inundou.
...........................................................................

g) “Não permita Deus que eu morra sem que eu
volte para lá.” (G. Dias)
...........................................................................
h) Á medida que o trem se aproximava, o
barulho aumentava.
...........................................................................

4. Indique a circunstância expressa pela
oração em destaque nos períodos abaixo:
a) Como havia pouca gente presente, a
reunião foi suspensa.
Circunstância de ...............................................
b) “Eu o exasperava tanto que se tornara
doloroso para mim ser objeto do ódio daquele
homem.” (C.L.)
Circunstância de ..................................................
c) Ele agiu como devia.
Circunstância de ..................................................
d) Mal chegou, começou a reclamar da vida.
Circunstância de ..................................................
e) Nada farei sem que me auxilies.
Circunstância de ..................................................
f) Lêem como analfabetos.
Circunstância de ..................................................

5. Escreva, no espaço vazio, o tipo de relação
existente entre a oração adverbial destacada
e a oração principal:
Modelo: “Mas o chá saiu tão bom, que os
parentes vivem me pedindo um pouco.”
(C.D.A.)
Resposta: Relação de conseqüência.
1. “(...) resolveu não dormir, porque valia a
pena esperar de pé.” (A. Azevedo)
.............................................................................
2. “De soslaio atrás do jornal – tremia tanto que
nem podia ler.” (Dalton Trevisan)
.............................................................................
3. “O povo não gosta de assassinos, embora
inveje os valentes.” (C. D. de Andrade)
.............................................................................
4. “Um amigo pintor trouxe um cavalete e tintas
para que os pintores amigos possam pintar.”
(R.B.)
.............................................................................
5. “Se me telefonarem, só estou para Maria.”
(Vinícius de Moraes)
............................................................................
6. “Quanto mais eu gritava, mais os prejuízos
brotavam de todos os lados.” (J. C. de Carvalho)
.............................................................................
7. “Quando chegou o domingo, chegou,
também a preguiça (...)” (C. D. de Andrade)
.............................................................................
8. “(...) o mistério explica mais que a claridade
(...)” (Clarice Lispector)
.............................................................................
9. “Como ele próprio diz com certa
melancolia, levou uma vida medíocre.” (Folha de
S.P.)
.............................................................................


H- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST) Segue uma lista de conjunções
subordinativas. Preencha os espaços vazios
com a conjunção que lhe parecer adequada a
cada situação. Indique o tipo de relação que a
conjunção estabeleceu.
Modelo: Os irmãos resolveram vender o circo
.............. o patriarca da família havia morrido.
a) porque b) se c) embora
165
Resposta: porque; relação de causa.
a) ........ seja simples, o programa TV-Mulher
não se arrasta em superficialidades.
a. ( ) caso b. ( ) embora c. ( )
quando
Resposta:
....................................................................
b) A casa é tão bem situada ...... dali se avista o
bairro inteiro.
a. ( ) que b. ( ) segundo c. ( ) para
que
Resposta:
.............................................................................
c) ........ leio este livro, mais quero que ele não
acabe.
a. ( ) ainda que b. ( ) que c. ( )
quanto mais
Resposta:
............................................................................

2. (FUVEST) Dê o valor (explicação,
conseqüência ou causa) da seqüência
destacada em relação à sua antecedente:
“Eu o exasperava tanto que se tornara
doloroso para mim ser o objeto do ódio
daquele homem.”
Resposta:
..........................................................................

3. (FUVEST) As orações subordinadas
adverbiais vêm introduzidas, geralmente, por
uma conjunção típica. Há, entretanto,
conjunções que assumem valores diversos,
dependendo do contexto em que ocorrem.
Uma delas é como.
Tente descobrir o tipo de relação estabelecida
pela conjunção como nas questões que
seguem:
a) “Como os recursos de expressão eram
minguados, tentavam remediar a deficiência
falando alto.” (Graciliano Ramos)
Resposta:
.............................................................................
b) “Os colegas ajudaram Biguá como foi
possível (...)” (C. D. de Andrade)
Resposta:
.............................................................................
c) “Eu deixo a vida como deixa o tédio
Do deserto, o poente caminheiro (...)” (Álvares de
Azevedo)
Resposta:
............................................................................


I- TESTES

1. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
se altera o sentido da oração “porque o gênio
de um não se confunde com o do outro.”
a. ( ) uma vez que o gênio de um não se
confunde com o do outro.
b. ( ) porquanto o gênio de um não se confunde
com o do outro.
c. ( ) em vista de o gênio de um não se
confundir com o do outro.
d. ( ) por não se confundir o gênio de um com
o do outro.
e. ( ) não obstante o gênio de um não se
confundir com o do outro.

2. (UFPR) Na frase: “Se eu te amasse,
morrerias”, classifique as orações, pela
ordem em que se encontram:
1ª oração 2ª oração
a. ( ) subord. adv. conc. principal
b. ( ) subord. adv. cond. principal
c. ( ) subord. adj. coord. advers.
d. ( ) subord. subst. subj. coord. assind.
e. ( ) principal coord. sindét.

3. (CESGRANRIO) Num dos seguintes
períodos abaixo não ocorre a idéia de
proporção despreensível em: Quanto mais
prolongada era a seca, tanto mais violenta se
tornava a angústia da sede. Indique este
período:
a. ( ) Quanto mis leio este texto, menos o
entendo.
b. ( ) À medida que a idade avança, a nossa
experiência é maior.
c. ( ) Ao passo que nos elevávamos, o ar se
tornava mais puro.
d. ( ) O tiro acerta o alvo mais fortemente
quanto mais se retesa o arco.
e. ( ) Tanto na sala de aula quanto no recreio,
ela estava sempre retraída e calada.

4. (UFSC) Assinale a oração subordinada
adverbial final:
a. ( ) “... mal o sol havia raiado, Pedrinho
entrou em casa...”
b. ( ) “Nos dias que se seguiram foram
aparecendo as folhas.”
c. ( ) “Uma tarde, ao voltar da sanga, Ana viu
Maneco Terra e o neto...”
d. ( ) “Depois viraram a terra, trabalhando de
sol a sol.”
e. ( ) “...Maneco e Antônio aprontaram a terra
para plantar o trigo.”

5. (CESGRANRIO) Assinale a opção cuja
conjunção é de uso adequado ao sentido da
oração realçada do período – “Casasse com
ela mais cedo, o marido veria no fim da vida
a terra e os cobres repartidos entre 21
generaizinhos infelizes.”
a. ( ) embora
b. ( ) quando
c. ( ) conquanto
d. ( ) ainda que
e. ( ) se
166

6. (CESGRANRIO) No enunciado “fez com a
mão um gesto de rei, que rei das florestas ele
era, intimando aos cavaleiros que
continuassem a sua marcha”, os dois
conectivos grifados correspondem,
respectivamente, a:
a. ( ) dado que/até que
b. ( ) quando/antes que
c. ( ) porque/ainda que
d. ( ) pois que/para que
e. ( ) se/de modo que

7. (CESGRANRIO) No enunciado “como o
vapor e a eletricidade produziram uma nova
sociedade, os computadores se constituirão
no centro de uma ainda mias profunda
transformação” – o termo destacado pode ser
substituído, sem alteração de sentido, por:
a. ( ) uma vez que
b. ( ) porque
c. ( ) do mesmo modo que
d. ( ) visto que
e. ( ) à medida que

8. (ESAN) Na frase: “Como anoitecesse,
recolhi-me pouco depois e deitei-me.” (Monteiro
Lobato)
A oração destacada é:
a. ( ) oração subordinada sindética explicativa
b. ( ) oração subordinada adverbial causal
c. ( ) oração subordinada adverbial
conformativa
d. ( ) oração subordinada adjetiva explicativa
e. ( ) oração subordinada adverbial final

9. (FUND. LUSÍADA) No período:
“Procederam segundo ordenava a lei”, existe
uma oração subordinada:
a. ( ) consecutiva
b. ( ) conformativa
c. ( ) condicional
d. ( ) causal
e. ( ) concessiva

10. (PUC/CAMPINAS) “Nunca chegará ao
fim, por mais depressa que ande.”
A oração destacada é:
a. ( ) subordinada adverbial causal
b. ( ) subordinada adverbial concessiva
c. ( ) subordinada adverbial condicional
d. ( ) subordinada adverbial consecutiva
e. ( ) subordinada adverbial comparativa

11. Criminoso que seja, não deve ser
maltratado. A oração destacada é:
a. ( ) subordinada adverbial final
b. ( ) subordinada adverbial concessiva
c. ( ) subordinada adverbial consecutiva
d. ( ) subordinada adverbial comparativa
e. ( ) subordinada substantiva subjetiva

12. (MACKENZIE) No período: “Era tal a
serenidade da tarde, que se percebia o sino de
uma freguesia distante, dobrando a finados”,
a segunda oração é:
a. ( ) subordinada adverbial causal
b. ( ) subordinada adverbial concessiva
c. ( ) subordinada adverbial consecutiva
d. ( ) subordinada adverbial condicional
e. ( ) subordinada adverbial temporal
13. Assinale a(s) alternativa(s) em que a
classificação das orações está correta:
1. ( ) Embora lhe desaprovassem a forma,
justificavam a essência. (adv. concessiva)
2. ( ) A estrela que nascia tinha tanto brilho
que a elegi minha predileta. (adv.
comparativa)
4. ( ) Se soubessem que ele voltaria,
ficariam tristes. (adv. consecutiva)
8. ( ) Se ele não veio, não sei. (adv.
condicional)
16. ( ) Investigue se o rapaz é de fora ou não.
(obj. direta)
32. ( ) Como era dia de chuva, dormi a tarde
toda. (adv. causal)
64. ( ) Teria uma surpresa se o elegessem
deputado. (subjetiva)

14. Dentre as orações destacadas, assinale
a(s) que indica(m) circunstância de tempo:
1. ( ) “Não permita Deus que eu morra sem
que volte pra São Paulo.” (O.de Andrade)
2. ( ) “Se tentasse contar-lhes a minha
infância, precisava mentir.” (G. Ramos)
4. ( ) “Passaram-se dez anos depois que o
conheci.” (O. Lessa)
8. ( ) “(...) todos gostaram logo dele, porque
era meio doido e meio santo (...)” (G. Rosa)
16. ( ) “Como todo bom caloteiro, Clarindo
tinha sempre uns cobres a receber (...)” (O. Lessa)
32. ( ) Quando a mãe apareceu, todos se
puseram a cantar.
64. ( ) “Como as aves do céu e as flores
puras, abro meu peito ao sol e durmo à lua.” (A.
de Azevedo)

15. (FUVEST) No período: “Ainda que fosse
bom jogador, não ganharia a partida”, a
oração sublinhada encerra idéia de:
a. ( ) causa
b. ( ) concessão
c. ( ) fim
d. ( ) condição
e. ( ) proporção

16. (UFPR) Em que alternativas a frase tem
sentido equivalente a: “Embora fosse tarde,
decidimos concluir o trabalho”?
1. ( ) Apesar de ser tarde, decidimos concluir
o trabalho.
167
2. ( ) Decidimos concluir o trabalho, contanto
que fosse tarde.
4. ( ) Mesmo que fosse tarde, decidimos
concluir o trabalho.
8. ( ) Decidimos concluir o trabalho,
conquanto fosse tarde.
16. ( ) Uma vez que era tarde, decidimos
concluir o trabalho.
32. ( ) Decidimos concluir o trabalho,
entretanto era tarde.

17. (ITA) Em qual dos períodos abaixo há
uma oração subordinada adverbial que
expressa idéia de concessão?
( ) A. Diz-se que a obra de arte é aberta;
possibilita, portanto, várias leituras.
( ) B. Pode criticar, desde que fundamente sua
crítica em argumentos.
( ) C. Tamanhas são as exigências da pesquisa
científica, que muitos desistem de realiza-la.
( ) D. Os animais devem ser adestrados, ao
passo que os seres humanos devem ser
educados, visto que possuem a faculdade de
inteligência.
( ) E. Não obstante haja concluído dois cursos
superiores, é incapaz de redigir uma carta.

18. (AMAN) “... onde o Mercedes produz
monóxido de carbono e outros gases
venenosos” é uma oração subordinada:
a. ( ) adjetiva restritiva
b. ( ) adverbial locativa
c. ( ) adverbial temporal
d. ( ) adverbial comparativa
e. ( ) adverbial proporcional


J- EXERCÍCIOS

1. Baseado no modelo abaixo, procure
estabelecer a correta classificação das
orações reduzidas:
Modelo: Urge tomarmos uma posição.
Desdobramento: Urge que tomemos uma
decisão.
O.S.S.Subjetiva

1. Chegando, foi logo procurá-la.
desdobramento:
.............................................................................
2. Vimos o mar arrastá-lo.
desdobramento:
.............................................................................
3. Seria necessário fazermos algo.
desdobramento:
.............................................................................
4. Faltando água, começaram a escavar o chão.
desdobramento:
5. Reconheço não ser boa a vossa situação.
desdobramento:
.............................................................................
6. Há sombras vagueando...
desdobramento:
.............................................................................
7. Concluídos os trabalhos, a mesa suspendeu
a reunião.
desdobramento:
.............................................................................
8. Bernardo contemplou, lá fora, as pedras
faiscando ao sol. (O. Lins)
desdobramento:
.............................................................................
9. Fazendo a sua parte, ficará livre de culpas.
desdobramento:
.............................................................................
10. O técnico da seleção disse não ter armado
nenhum esquema especial.
desdobramento:
.............................................................................

2. Transforme as orações destacadas em
orações reduzidas, de acordo com o modelo.
Classifique a oração obtida:
Modelo: “Se pudesse ver o rosto do pai,
compreenderia (...)” (G. Ramos)
Resposta: Podendo ver o rosto do pai,
compreenderia.
(Oração subord. adv. condic. red. de gerúndio)

1. “Quando me surpreendo ao fundo do
espelho, assusto-me.” (C. Lispector)
Resposta: .............................................................
assusto-me.
(...........................................................................)
2. O importante é que entremos no próximo
ano com tudo bem definido.
Resposta: O importante é
.............................................................................
(...........................................................................)

3. Classifique as orações reduzidas
destacadas seguindo o código que segue:
a) or. subord. adv. causal reduz. de infinitivo;
b) or. subord. adv. temporal reduz. de infinitivo;
c) or. subord. adv. final reduz. de infinitivo;
d) or. subord. subst. predict. reduz. de infinitivo;
e) or. subord. subst. subjet. reduz. de infinitivo;
f) or. subord. adv. temporal reduz. de particípio.

1. ( ) “Para serenar a roda, propus novo
chope (...)” (Cyro dos Anjos)
2. ( ) “Ao acordar, dona Aparecida virou-se
para Rufino.” (D. da Silva)
3. ( ) “Ditos os últimos adeuses, entramos.”
(M. de Assis)
4. ( ) Por trabalhar como manobrista, ele se
dizia corredor de automóveis.
5. ( ) “A grande estupidez é vivermos num
conflito constante.” (C. dos Anjos)
6. ( ) “Seria feio não acreditar.” (C. D. A.)
168
4. Classifique as orações reduzidas em
destaque nos seguintes períodos:
a) “Tinha vontade de afundar na areia.” (C.
Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
b) Precisando, disponha.
.............................................................................
.............................................................................
c) Apesar de advertido do perigo, continuou a
praticar aquele esporte.
.............................................................................
.............................................................................
d) Aberta a porta, todos saíram.
.............................................................................
.............................................................................
e) Chegando ao local combinado, só encontrou
um bilhete.
.............................................................................
.............................................................................
f) Apesar de trabalhar muito, não estava
cansado.
.............................................................................
.............................................................................
g) “Até esbarrar com o anúncio (por acaso),
nunca pensara em possuir cadeira de balanço.”
(C.D.A.)
.............................................................................
.............................................................................

5. Faça uma revisão do período composto por
subordinação e classifique as orações em
destaque nos períodos abaixo:
a) “Compreendia que o pai acabara.” (C.
Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
b) “Ela era uma pessoa que já começara...” (C.
Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
c) E todas as noites, quando ficasse escuro, ela
vestiria a camisola.” (C. Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
d) “Sentindo necessidade imediata de ordem,
(...) apelidou-a de Pequena Flor.” (C. Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
e) “- Mamãe, se eu botasse essa mulherzinha
africana na cama de Paulinho enquanto ele
está dormindo?” (C. Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
f) “... ela era ainda menor que o mais agudo da
imaginação inventaria.” (C. Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
g) “No coração de cada membro da família
nasceu, nostálgico, o desejo de ter para si
aquela coisa miúda indomável...” (C. Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
h) “Ao ajeitar o capacete, o explorador
recuperou com severidade a disciplina de
trabalho.” (C. Lispector)
.............................................................................
.............................................................................

6. Divida e classifique as orações dos
períodos:
1. “Levantam-se às cinco horas, tomam um gole
de café preto e vão para o roçado.” (R. de Queiroz)
1ª or.
.............................................................................
2ª or.
.............................................................................
3ª or.
.............................................................................

2. “Só percebi que era torpedo quando aquela
coluna d’água veio para cima de mim.” (O. Lessa)
1ª or.
.............................................................................
2ª or.
.............................................................................
3ª or.
.............................................................................

3. “Quando eu descobrir o que me assusta,
saberei também o que amo aqui.” (C. Lispector)
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

4. “Roda meu carro, que é curto o caminho.” (C.
Meireles)
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

5. “Um dia, como lhe dissessem que iam dar o
passarinho, caso continuasse a comportar-se
mal, correu para a área e abriu a porta da
gaiola.” (P. M. Campos)
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

6. “Garantiram-me que, depois de preenchido o
formulário, que me enviaram pelo correio na
segunda-feira sem falta e pagar a minha taxa de
inscrição, eu seria atendido em menos de
quarenta e oito horas.” (F. Sabino)
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

169
L- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (CEFET) Faça conforme o modelo:
Quando se despediu, chorou copiosamente.
Ao se despedir, chorou copiosamente.

Quando terminaram a prova, todos se retiraram
da sala.
.............................................................................
.............................................................................

2. (FUVEST) O texto que segue foi extraído
de uma música de Chico Buarque. Leia-o
com atenção e analise as orações reduzidas
destacadas:
“Se eu demorar uns meses,
Convém às vezes você sofrer.
Mas, depois de um ano, eu não vindo, ...........
Ponha a roupa de domingo
E pode me esquecer.”

Resposta:
a.
.............................................................................
.............................................................................
b.
.............................................................................
.............................................................................

3. (CÁSPER LÍBERO) “Conhecendo os
alunos, o professor não os teria castigado.”
Classifique a oração: “Conhecendo os
alunos.”
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................


M- TESTES

1. (PONTA GROSSA) “Terminada a tarefa,
parou no meio da sala.” (E. Veríssimo)
A oração que inicia o período é:
a. ( ) principal
b. ( ) coordenada assindética
c. ( ) reduzida de gerúndio
d. ( ) subordinada substantiva
e. ( ) reduzida de particípio

2. (CESGRANRIO) Perseguido pelo branco,
o negro no Brasil escondeu as suas crenças
nos terreiros das macumbas e dos
candomblés.
A oração: “Perseguido pelo branco” pode ser
substituída, sem alteração fundamental de
sentido, por:
a. ( ) Mesmo tendo sido perseguido pelo
branco.
b. ( ) Por ter sido perseguido pelo branco.
c. ( ) Apesar de ser perseguido pelo branco.
d. ( ) Antes de ser perseguido pelo branco.
e. ( ) Até sendo perseguido pelo branco.

3. No período: “Eu creio que tenho dado
provas de não ser nenhum ignorante, a
última oração é:
a. ( ) reduz. de infinit., subord. subst. complet.
nominal.
b. ( ) reduz. de partic., subrod. adv. final.
c. ( ) reduz. de infinit., subord. subst. obj. ind.
d. ( ) reduz. de partic., subord. adj. restritiva.
e. ( ) reduz. de infinit., subord. subst.
predicativa.

4. (PONTA GROSSA) Marque a alternativa
onde se encontra a oração reduzida de
infinitivo, substantiva objetiva direta:
a. ( ) Tenho esperança de seres aprovado.
b. ( ) Ao chegar, o candidato foi ovacionado.
c. ( ) Nada me impede de ir agora.
d. ( ) Recomendo-te seres paciente.
e. ( ) n.d.a.

5. (UFPR) Dizer é urgente ele vir é o mesmo
que dizer:
a. ( ) Urgia que ele viesse.
b. ( ) Urge que ele viesse.
c. ( ) É urgente que ele viesse.
d. ( ) É urgente que ele venha.
e. ( ) Urgia a vinda dele.

6. (EVANG/PR) “No Peru, as crianças, ao
nascerem, têm o berço embalado pelas
vibrações da terra.”
No período acima, as palavras em destaque:
a. ( ) não constituem oração, porque o período
é simples.
b. ( ) formam uma locução verbal.
c. ( ) formam uma oração subordinada
adverbial temporal.
d. ( ) têm a função de adjunto adverbial de
tempo.
e. ( ) constituem a oração principal.

7. (UFMG) A oração reduzida está
corretamente desenvolvida em todas as
alternativas, exceto em:
a. ( ) Mesmo correndo muito, não alcançarás o
expresso da meia-noite. Se corres muito, não
alcançarás o expresso da meia-noite.
b. ( ) Assentando-te aqui, não verás os
jogadores. Se te assentares aqui, não verás os
jogadores.
c. ( ) Estando ela de bom humor, a noite era
das melhores. Quando ela estava de bom
humor, a noite era das melhores.
d. ( ) Chegando a seca, não se colheria um só
fruto. Quando chegasse a seca, não se colheria
um só fruto.
170
e. ( ) No princípio, querendo impor-se, adotava
atitudes postiças. No princípio, porque queria
impor-se, adotava atitudes postiças.

8. (ACAFE) No período: “Bentinho seria
metido no seminário para não mais se
encontrar com Capitu”, a oração destacada
é:
a. ( ) subordinada adverbial final
b. ( ) subordinada adverbial consecutiva
c. ( ) subordinada adverbial proporcional
d. ( ) subordinada adverbial comparativa
e. ( ) subordinada adverbial concessiva

9. (STA CECÍLIA) Todas as orações
destacadas nos itens abaixo são subordinadas
reduzidas. Assinale o item cuja oração
destacada se classifica como subordinada
reduzida do particípio adverbial condicional:
a. ( ) “Feita a partilha, Leão tomou a
palavra.”
b. ( ) “Armado com tais provas, até que eu o
enfrentaria.”
c. ( ) “A tropa, acampada às margens do
Iguaçu, foi surpreendida.”
d. ( ) “Ernestina estava certa de ser amiga.”
e. ( ) “Transposto o rio, seguimos viagem.”

10. (MACK) No período “Eu creio que tenho
dado provas de não ser nenhum ignorante”, a
última oração é:
a. ( ) reduzida de particípio subordinada
adverbial final
b. ( ) reduzida de infinitivo subordinada
substantiva completiva nominal
c. ( ) reduzida de infinitivo subordinada
substantiva objetiva indireta
d. ( ) reduzida de particípio subordinada
adjetiva restritiva
e. ( ) reduzida de infinitivo subordinada
substantiva predicativa

11. (UnB) A oração destacada em “mas sou
forçado a escrever”, classifica-se como:
a. ( ) subordinada adverbial final
b. ( ) subordinada substantiva completiva
nominal
c. ( ) subordinada substantiva objetiva indireta
d. ( ) subordinada adverbial causal

12. Assinale a(s) alternativa(s) em que a
forma reduzida permanece fiel à
desenvolvida:
1. ( ) Que não podes sair é verdade. = Não
poderes sair é verdade.
2. ( ) Não permitais que eles o vejam. = Não
lhe permitais vê-los.
4. ( ) Quando te viu, escapou. = Tendo te
visto, escapou.
8. ( ) Para que não saias, aqui estamos. = Para
não sairdes, aqui estamos.
16. ( ) Vendo-te, lembrei o fato. = Quando lhe
vi, lembrei o fato.
32. ( ) Havia apenas um meio de ajuda-la:
contar-lhe a verdade. = Havia apenas um meio
de ajuda-la: que a verdade lhe fosse contada.

(ITA) Instruções para as questões 13 e 14.
Para que os enunciado soltos, apresentados
nas questões 13 e 14, se reduzam a um só
período, algumas adaptações são necessárias.
Escolha a alternativa em que encontramos a
estrutura que estilística e gramaticalmente
expressa, com a necessária clareza, ênfase e
correção, a relação de sentido sugerida nos
parênteses:

13.
I- Conheço um florentino esguio e rijo. (oração
principal)
II- Um punhal é esguio e rijo. (indicação de
uma comparação)
III- Ele condena a guerra com o espírito.
(atributo do obj. direto de “I” = oração subord.
adj.)
IV- Ele a ama desesperadamente com a alma.
(oposição à idéia do predicado de “III”)

( ) A. O florentino que conheço, esguio e rijo
como um punhal, condena a guerra com o
espírito, embora a ame com a alma.
( ) B. Conheço um florentino que, esguio e rijo
como um punhal, condena a guerra com o
espírito, mas a ama com a alma.
( ) C. Conheço um florentino que é esguio e
rijo como um punhal, e ele, condenando a
guerra com o espírito, a ama com a alma.
( ) D. Conheço um florentino esguio e rijo
como um punhal que condena a guerra com o
espírito e a ama com a alma.
( ) E. Um florentino, que é esguio e rijo como
um punhal, e que é conhecido por mim, condena
a guerra com o espírito mas a ama
desesperadamente com a alma.

14.
I- Houve certa vez uma festa no céu (atributo
do adjunto adv. de III, sugerido pelo verbo “ir”)
II- Todos os animais compareceram a ela.
(atributo do obj. direto de I, oração subord.
adjetiva)
III- O cágado não pôde ir. (oração principal)
IV- O cágado anda muito devagar. (causa de III)

( ) A. Na festa que houve, certa vez, no céu,
todos os animais compareceram, exceto o
cágado que, por andar muito devagar, não pôde
se fazer presente.
171
( ) B. Houve, certa vez, uma festa no céu em
que compareceram todos os bichos, menos o
cágado, que anda muito devagar e por isso não
pôde ir nela.
( ) C. Certa vez houve uma festa no céu; todos
os bichos lá foram; com exceção do cágado, o
qual não pôde ir porque andava muito devagar.
( ) D. Com exceção do cágado que, como
andava muito devagar, não pôde ir na festa,
todos os bichos compareceram na mesma.
( ) E. Por andar muito devagar, o cágado não
pôde ir à festa que certa vez houve no céu, à
qual compareceram todos os bichos.





























































GABARITO

Análise Sintática – Orações subordinadas

A- EXERCÍCIOS
I- 1. OD 2. OI 3. OI 4. CN 5. CN 6. APO 7.
Suj. 8. Pred. Suj. 9. OD 10. OD
II- b) É importante que todos aceitem. (subj.)
c) Queremos que todos compareçam. (OD)
d) Precisamos de que ajudes. (OI)
e) Sou favorável a que você renuncie. (CN)
f) Algumas tribos temiam que o inverno chegasse.
(OD)
g) Insistiam em que o aluno participasse. (OI)
h) Era urgente que o diretor aprovasse. (Subj.)
III- 1.B 2.A 3.C 4.D 5.A 6.E 7.B 8.B 9.A
10.A 11.A 12.F 13.A 14.D 15B.
IV- 2... a sua desistência. 3...: a valorização do
produto. 4... de sua recuperação. 5...da mentira da
propaganda.
V- 1. OD 2. Subj. 3. Pred. 4. CN 5. APO 6.
Pred.
B- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) Convém-nos que ele intervenha.
2) Percebeu a aproximação dos homens.
3) O. S. S. Obj. Ind.
4) O. S. S. Obj. Dir.
5) O. S. S. Subj.
6. O. S. S. Obj. Dir./O. S. S. Compl. Nom.
7) O. S. S. Obj. Dir.
8) que a escrava é ...
C- TESTES
1. B 4. A 7. B 10. B 13. 11
2. D 5. D 8. C 11. D 14. 48
3. C 6. B 9. A 12. A 15. 17
D- EXERCÍCIOS
I- 1) que eram maiores 2) que foram divulgadas 3)
que não se perdoam 4) que criam caso
5) que produzem feijão.
II- a) ilegível b) indestrutível c) insípida d)
insosso e) indelével f) irrealizável g) inodora
h) incompreensível.
III- a) OD b) Suj. c) OD d) Suj. e) Adj. Adv.
Lugar f) OD g) OI.
IV- 1.E 2.A 3.B 4.A 5.G 6.B 7.D 8.A 9.G
10.E 11.A 12.D 13.A 14.G 15.B 16.C
V- 1... de que estava precisando. 2... a quem o
técnico escalara na última hora.
E- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) ...determinantes do comportamento do povo.
2) a) O Mar Vermelho banha Israel. b) Or. Subord.
Adj. Explicat.
3) a) O.S. Adj. Restritiva b) O.S. Adj. Explicativa.
4) a) O.S. Adj. Restritiva b) O.S. Adj. Explicativa
5) I) Os autores, cujos livros continham críticas ao
governo, foram expulsos do país.
172
II) Os fatos a que me refiro no artigo “Miséria e
Fome” ocorreram no Nordeste.
III) Construímos uma sociedade injusta, cuja
legislação é boa.
IV) O vestubular, por cuja barreira deverão passar
todos os eu aspiram aos cursos superiores, é
composto de inúmeras conseqüências.
6) B, D, A, E, C, B.
F- TESTES
1. a 4. e 7. d 10. e
2. d 5. e 8. a 11. c
3. a 6. e 9. a 12. 33
G- EXERCÍCIOS
I- B, C, D, B, D.
II- C, D, A, F, E, B.
III- a) comprar b) temporal c) causal d)
concessiva e) consec. f) causal g) condic. h)
proporc.
IV- a) causa b) conseqüência c) conformidade d)
tempo e) condição f) comparação.
V- 1) relação de causa 2) relação de conseqüência
3) relação de concessão 4) relação de finalidade
5) relação de condição 6) relação de proporção
7) relação de tempo 8) relação de comparação
9) relação de conformidade.
H- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) a) embora (concessão) b) que ( conseqüência) c)
quanto mais (proporcionalidade)
2) conseqüência
3) a) causa b) conformidade c) comparação.
I- TESTES
1. e 4. e 7. c 10. b 13. 49 16. 13
2. b 5. e 8. b 11. b 14. 36 17. e
3. e 6. d 9. b 12. c 15. b 18. a
J- EXERCÍCIOS
I- 1) Quando chegou, ... (O.S.Adv. Temporal Red.
Ger.)
2) … que o arrastava. (O.S.Adj. Restr. Red. Inf.)
3) … que fizéssemos algo. (O.S.S. Subjet. Red.
Infin.)
4) Quando faltou água, ... (O.S. Adv. Temporal
Red. Ger.)
5) ... que a vossa situação não é boa. (O.S.S.Obj.
Dir. Red. Infin.)
6) ... que vagueiam. (O.S.Adj. Restr. Red. Ger.)
7) Quando concluíram … (O.S. Adv. Temporal
Red. Partic.)
8) ... que faiscavam ao sol. (O.S.Adj. Restr. Red.
Ger.)
9) Se você fizer a sua parte, ... (O.S.Adv.
Condicional Red. Ger.)
10) ... que não armou nenhum esquema especial.
(O.S.S.Obj.Dir.Red.Infin.)
II- 1) Surpreendo-me ao fundo... (O.S.Adv.Temp.
Red. Ger.)
2) … é entrarmos no próximo ano … (O.S.Subst.
Predic. Red. Ger.)
III- C, B, F, A, D, E.
IV- a) O.S.S. Compl. Nom. Red. Inf. b)
O.S.Adv.Cond.Red. Ger. c) O.S.Adv. Conces. Red.
Part.
d) O.S.Adv. Temp. Red. Partic. e) O.S. Adv.
Temp. Red. Ger. f) O.S.Adv. Conces. Red. Infin.
g) O.S.Adv. Temp. Red. Infin.
V- a) O.S. Subst. O.D. b) O.S. Adj. Restr. c) O.S.
Adv. Temporal d) O.S. Adv. Causal Red. Ger.
e) O.S. Adv. Condic. f) O.S. Adv. Compar. g)
O.S. Subst. Compl. Nom. Red. Infin.
h) Or. Principal.
VI- 1) 1ª Levamtam-se às cinco horas – coord. assind.
2ª tomam um gole de café preto – coord.
assind.
3ª e vão para o roçado – coord. sind. aditiva
2) 1ª Só percebi – Or. Principal
2ª que era torpedo – O.S.S.O.D. e Or. Principal
da 3ª
3ª quando aquela coluna d’água veio. – O.S.
Adv. Temporal
3) 1ª Saberei também – Or. Principal
2ª O que amo aqui – O.S.Adj. Restrit. e Or.
Principal da 3ª
3ª quando eu descobrir – O.S.Adv. Temporal e
Or. Principal da 4ª
4ª o que me assusta – O.S. Adj. Restrit.
4) 1ª Roda meu carro – Coord. assind.
2ª que é curto o caminho – coord. sind.
explicativa.
5) 1ª Um dia correu para a área – coord. assind.
2ª e abriu a porta da gaiola – coord. sind. adit. e
Or. Principal da 3ª
3ª como lhe dissessem – O.S. Adv. Causal e Or.
Principal da 4ª
4ª que iam dar o passarinho – O.S.S.O.D. e Or.
Principal da 5ª
5ª caso continuasse a comportar-se mal –
O.S.Adv. Condicional.
6) 1ª Garantiram-me – Or. Principal
2ª que eu seria atendido em menos... –
O.S.S.O.D.
3ª depois de preenchido o formulário – O.S.
Adv. Temporal e Princ. da 4ª
4ª que me enviaram pelo correio... – O.S. Adj.
Restrit.
5ª e pagar a minha taxa de inscrição – coord.
sind. adit. (em relação à 3ª) e sub. adv. tempor. (em
Relação à 1ª).
L- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) Ao terminarem a prova, todos...
2) a) O.S.S. Subjetiva Red. Infin. b) O.S. Adv.
Condicional Red. Ger.
3) O.S. Adv. Condicional Reduzida de Gerúndio
M- TESTES
1. e 2. b 3. a 4. d 5. d 6. c 7. a
8. a 9. b 10. b 11. b 12.
36
13. b 14.e
















173
VALORES E FUNÇÕES DO SE E DO QUE



A- EXERCÍCIOS

1. Indique o valor morfológico do “que”, de
acordo com o seguinte código:
a) pronome substantivo indefinido;
b) pronome adjetivo indefinido;
c) conjunção coordenativa;
d) conjunção subordinativa;
e) pronome relativo.

1. ( ) Seja um deles, que não eu.
2. ( ) Que boatos incômodos!
3. ( ) Disseram-lhe que esperasse sentado.
4. ( ) Todos sabem o motivo por que ele não
compareceu.
5. ( ) Não se sabe de que é feito isso.

2. Indique o valor morfológico do “que” nas
orações abaixo:
1. Ele decidiu não se sabe bem o quê.
............................................................................
2. Que pretende ele com essas palavras?
...........................................................................
3. Ele confundiu o meu quê com um gê.
............................................................................
4. Que horrendo acidente vimos!
...........................................................................
5. Eu que trabalho, ele que colhe os frutos.
...........................................................................
6. Que morenas bonitas!
...........................................................................
7. Que alegres estamos hoje!
...........................................................................
8. Diga-lhe o que é que houve.
...........................................................................
9. Veio tão rápido, que nos surpreendeu.
............................................................................
10. O relógio que está na sala é antigo.
............................................................................
11. Quê!? Ele não te recebeu!?
............................................................................
12. Pode entrar, que a casa é sua.
............................................................................
13. Leva-se que tempo daqui à casa dos teus
pais?
.............................................................................
14. Afinal, que decisão tomastes?
.............................................................................
15. O certo é que a melhor equipe vencerá.
.............................................................................

3. Indique a função sintática do “que”, de
acordo com o seguinte código:
a) sujeito;
b) objeto direto;
c) objeto indireto;
d) predicativo;
e) complemento nominal.

1. ( ) O fim a que visa o ensino é o progresso
do homem.
2. ( ) O artilheiro que o julgaram ser não se
revelou na nossa equipe.
3. ( ) À janela, que dava para o mar,
assomavam todos.
4. ( ) A prova de que tenho mais receio é a de
Matemática.
5. ( ) Os exames que terá pela frente não o
assustam.

4. Dê a função sintática do “que” nas orações
abaixo:
1. Vi uma gaivota que sumiu no horizonte.
.............................................................................
2. As maçãs que colhi estavam maduras.
.............................................................................
3. Aquele que pareces ser não és.
.............................................................................
4. O cargo a que aspiras está vago.
.............................................................................
5. Observou calmamente a cobra que se
enrolara para o bote.
.............................................................................
6. Não encontrei o poema a que fizeste
referência.
.............................................................................
7. Admirávamos a clareza com que expunha
suas idéias.
.............................................................................
8. Dedico-lhe o mesmo amor que teria por um
filho.
.............................................................................
9. Você sabe o que é acordar antes dos galos?
.............................................................................
10. Era imensa a euforia de que estávamos
possuídos.
.............................................................................
11. Serão menores os impostos sobre as terras
que foram cultivadas.
.............................................................................
12. A carta por que estava ansioso acaba de
chegar.
.............................................................................
13. Devemos agradecer a atenção com que ele
se manifestou.
.............................................................................
14. Perdeu o único aliado a que se unira.
.............................................................................
15. Estavam assustados com a enxurrada que
inundara a cidade.
.............................................................................
16. Tratamos do assunto de que te falamos.
.............................................................................
17. De vez em quando passava uma fagulha que
a chaminé da locomotiva botava.
.............................................................................
174
5. Faça a correlação, de acordo com as
seguintes opções:
a) objeto direto
b) objeto indireto
c) pronome apassivador
d) índice de indeterminação do sujeito
e) partícula expletiva ou de realce
1. ( ) Aqui se vive tranqüilo.
2. ( ) Ergueu-se acima da multidão.
3. ( ) Passaram-se vários anos.
4. ( ) Pedro enxugou-se com muita pressa.
5. ( ) As dívidas iam-se acumulando.
6. ( ) Ela atribui-se uma culpa que não tem.

6. Dê a função sintática do “se”, e, na falta
desta, outra classificação.
1. Ele se ocultou entre as folhagens.
.............................................................................
2. Meus sonhos adolescentes foram-se embora.
.............................................................................
3. Isto se chama falta de camaradagem.
.............................................................................
4. Assista-se às boas aulas.
.............................................................................
5. Evitem-se as más companhias.
.............................................................................
6. Enquanto se é jovem, as responsabilidades
são poucas.
.............................................................................
7. Chegarei cedo, se encontrar condução.
.............................................................................
8. O prisioneiro viu-se escapar.
.............................................................................
9. À saída da capela, ajoelhou-se mais uma vez.
.............................................................................
10. Ele sempre se pergunta isso.
.............................................................................

7. Use o código abaixo:
a) partícula apassivadora (PA)
b) partícula de indeterminação do sujeito (PIS)
c) partícula expletiva (PE)
d) objeto direto (OD)
e) objeto indireto (OI)
f) conectivo subordinante (CS)
g) parte integrante do verbo (PIV)
1. ( ) Por aqui não SE cruza mais.
2. ( ) Passou-SE a ponte.
3. ( ) Passou-SE pela ponte.
4. ( ) Nossos amigos orgulham-SE de estudar
no Dom Bosco.
5. ( ) Cortam-SE as árvores.
6. ( ) No Dom Bosco SE aprende Português.
7. ( ) Falava-SE em guerras.
8. ( ) Vocês SE lavaram este mês?
9. ( ) Ama-SE a paz.
10. ( ) Ama-SE à paz.
11. ( ) SE gritares, mordo-te!
12. ( ) Foi-SE a última esperança.
13. ( ) Foi-SE a uma festa.

B- TESTES

1. (UFPR) Qual é a função do SE em “Não sei
se ela vem”?
a. ( ) conjunção subordinativa condicional.
b. ( ) conjunção subordinativa integrante.
c. ( ) partícula expletiva (de realce).
d. ( ) pronome pessoal.
e. ( ) conjunção subordinativa concessiva.

2. (PONTA GROSSA) Classifique o “se” na
oração: “Ele queixou-se dos maus-tratos
recebidos”:
a. ( ) parte integrante do verbo.
b. ( ) conjunção condicional.
c. ( ) pronome apassivador
d. ( ) símbolo de indeterminação do sujeito
e. ( ) conjunção integrante.

3. (PUC/SP) Na oração “O ilustre deputado
arrogou-se o direito de discordar...” o
pronome SE exerce a função de:
a. ( ) objeto indireto.
b. ( ) objeto direto.
c. ( ) adjunto adnominal.
d. ( ) partícula de realce.
e. ( ) partícula apassivadora.

4. (UFSC) No período “Avistou o pai, que
caminhava para a lavoura”, a palavra “que”
classifica-se morfologicamente como:
a. ( ) conjunção subordinativa integrante.
b. ( ) conjunção subordinativa final.
c. ( ) pronome relativo.
d. ( ) partícula expletiva.
e. ( ) conjunção subordinativa causal.

5. (AMAN) “Mas não precisa de correr, que
não é sangria desatada...” classifica-se,
exatamente, a palavra sublinhada, como:
a. ( ) pronome relativo, sujeito de “é”.
b. ( ) conjunção integrante, conectivo.
c. ( ) conjunção concessiva, conectivo.
d. ( ) pronome indefinido, sujeito de “é”.
e. ( ) conjunção explicativa, conectivo.

6. (P. GROSSA) Qual a função sintática? Não
quero que você se aborreça por isso.
a. ( ) objeto direto.
b. ( ) sujeito simples.
c. ( ) conectivo subordinativo integrante.
d. ( ) objeto indireto.
e. ( ) conectivo subordinativo consecutivo.

7. (BANDEIRANTES) Indique o período em
que o “se” funciona como sujeito:
a. ( ) Lutou-se bravamente.
b. ( ) Agitam-se as ondas do mar.
c. ( ) A moça sentiu-se desfalecer lentamente.
175
d. ( ) Sabe-se que hoje não mais choverá.
e. ( ) Esses homens se odeiam.

8. Na oração: “Tem-se a vaga impressão de
que eles não receberam o recado...”, o “se”
exerce a função de:
a. ( ) partícula apassivadora e “impressão” é
sujeito.
b. ( ) é índice de indeterminação do sujeito.
c. ( ) é expletivo e “impressão” é objeto direto
de espontaneidade.
d. ( ) objeto direto reflexivo.
e. ( ) partícula idiomática.

9. (FED/VIÇOSA) Em todos os itens o
pronome SE é apassivador, exceto:
a. ( ) Sabe-se que ele é honesto.
b. ( ) Organizou-se, ontem, esta prova.
c. ( ) Não se deverá realizar mais a festa.
d. ( ) Nada mais se via.
e. ( ) Assistiu-se à cerimônia inteira.

10. (CESGRANRIO)
Mas se tu queres
Melhor morada,
Vem, minha amada,
Que eu te darei.
O termo sublinhado em “que eu te darei” é:
a. ( ) conjunção explicativa.
b. ( ) conjunção conclusiva.
c. ( ) pronome relativo.
d. ( ) conjunção final.
e. ( ) conjunção integrante.

11. (PONTA GROSSA) “Se” (... o combate
demora-se) é:
a. ( ) partícula expletiva.
b. ( ) partícula apassivadora.
c. ( ) símbolo do sujeito indeterminado.
d. ( ) objeto direto.
e. ( ) conjunção integrante.

12. (ÁLVARES PENTEADO) Assinale a
frase na qual o SE não é pronome
apassivador e nem índice de indeterminação
do sujeito:
a. ( ) Estudou-se este assunto.
b. ( ) Ela se suicidou ontem.
c. ( ) Falou-se muito sobre aquela festa.
d. ( ) Aos inimigos não se estima.
e. ( ) Fizeram-se reformas na casa.

13. Em “Diz que era uma velhinha que sabia
andar de lambreta”,. é correto afirmar-se:
1. ( ) O primeiro “que” é conjunção
integrante.
2. ( ) O segundo “que” é pronome relativo.
4. ( ) O primeiro “que” é objeto direto de
“diz”.
8. ( ) O segundo “que” é sujeito de “sabia”.
16. ( ) “de lambreta” é adjunto adverbial.
32. ( ) O sujeito da primeira oração é
inexistente.
64. ( ) “uma velhinha” é objeto direto de “era”.

14. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s)
quanto à classificação do quê:
1. ( ) Corre, que o ônibus está chegando.
(conjunção explicativa)
2. ( ) Malfeitor é que ninguém é. (expressão
de realce)
4. ( ) Crio estas crianças que vês, que
refrigério sejam da minha velhice. (conjunção
final)
8. ( ) “Oh! que saudades que eu tenho...”
(pronome indefinido)
16. ( ) “Oh! que saudades que eu tenho...”
(partícula expletiva)
32. ( ) Quero que me ouças com atenção.
(conjunção integrante)

15. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):
1. ( ) Em “Ele se lança à luta”, a palavra
grifada é pronome recíproco e objeto direto.
2. ( ) Em “Eles se odeiam” a palavra grifada é
pronome recíproco e objeto indireto.
4. ( ) Em “Ele se impôs severa dieta”, a
palavra grifada é pronome reflexivo e objeto
indireto.
8. ( ) Em “Dão-se aulas particulares”, a
palavra grifada é pronome apassivador com
indeterminação do sujeito.
16. ( ) Em “Não sei se vou ou fico”, a palavra
grifada é conjunção subordinativa condicional.
32. ( ) Em “Se ele tivesse ficado, nada teria
acontecido”, a palavra grifada é conjunção
integrante.

ITA – As questões de nº 16 a 17 referem-se ao
texto abaixo:
As funções da linguagem
Para compreendê-las, é preciso levar em conta
que a linguagem tem, pelo menos, três funções
primordiais, que não se resolvem em unidade.
Ela é um meio precípuo de exteriorização
psíquica, de manifestação espontânea de estados
dalma. Com isso não se confunde,
evidentemente, o seu papel de meio de atuação
sobre o próximo na vida em comum. Enfim,
estrutura a nossa experiência mentada (para
usarmos o neologismo filosófico dos
espanhóis), dando-lhe uma pauta para
desenvolver-se e uma forma para
consubstanciar-se. Há para considerar, em
conseqüência, a manifestação anímica, a
atuação social ou apelo e a representação
mental.
(J. Mattoso Câmara Jr.)
Contribuição à Estilística Portuguesa

176
16. Em “que não se resolvem em unidade”, as
palavras grifadas classificam-se,
respectivamente, como:
( ) A. conjunção integrante – partícula
apassivadora.
( ) B. pronome relativo – partícula
apassivadora.
( ) C. conjunção explicativa – pronome
reflexivo.
( ) D. conjunção integrante – pronome oblíquo
átono.
( ) E. pronome relativo – partícula expletiva.

17. Assinale a alternativa em que os termos
apresentados desempenhem a mesma função
sintática de “las” em “compreendê-las”:
( ) A. que a linguagem tem – o seu papel;
( ) B. três funções primordiais – estados dalma.
( ) C. a nossa experiência – uma forma.
( ) D. um meio precípuo – a manifestação
anímica.
( ) E. levar em conta – em unidade.

18. (AMAN) Assinale a alternativa em que o
vocábulo que exerce a função de objeto
indireto:
a. ( ) “... em que se transformaram as estradas
do município...”
b. ( ) “... e confesso que não sei se prefiro o
carro ou a besta.”
c. ( ) “... os ponteiros que sobem e descem no
painel...”
d. ( ) “... depois que foram transformados em
vazadouro...”
e. ( ) “... aqueles que viram suas minas
secando...”








GABARITO – Funções do SE e do QUE

A- EXERCÍCIOS
I- C, B, D, E, A
II- 1. pron. subst. ind. 2. pron. subst. interrog. 3.
subst. 4. adv. intens. 5. part. expl. 6. pron. adj.
ind. 7. adv. intens. 8. part. expl. 9. conj. subord.
consec. 10. pron. rel. 11. interjeição 12. conj.
coord. expl. 13. pron. adj. indef. 14. pron. adj.
interrog. 15. conj. subord. integrante.
III- C, D, A, E, B.
IV- 1. Suj. 2. OD 3. Predic. 4. OI 5. Suj. 6. CN
7. Adj. adv. modo 8. OD 9. Predic.
10. Ag passiva 1. Suj. 12. CN 13. Adj. adv.
modo 14. OI 15. Suj. 16. OI 17. OD
V- D, A, E, A, C, B.
VI- 1. OD 2. Part. explet. 3. Pron. apassivador 4.
PIS (IIS) 5. Pron. Apass. 6. PIS 7. Conj. subord.
cond. 8. Suj. do infin. 9. PIV (parte integrante do
verbo) 10. OI
VII- B, A, B, G, A, A, B, D, A, B, F, C, B.
B- TESTES
1.
b
2.
a
3.
a
4.
c
5.
e
6.
c
7.
c
8.
a
9.
e
10.
a
11.
a
12.
b
13.
11
14.
63
15.
04
16.
b
17.
a
18.
a




















PONTUAÇÃO


A- EXERCÍCIOS


1. Proceda à pontuação, de acordo com os
casos estudados:
1. Hoje porém domamos os ventos as ondas as
correntes.
2. “Abre a porta de teus mares Colombo!”
3. Rua XV de Novembro 1200.
4. Sou disse ele um homem procurado.
5. O estudo na minha opinião torna-os
inteligentes.
6. Vestiboca venha aqui!
7. Soluciona partiu inesperadamente em meio
da dança porque Rabiquino o bom de tango
apertava-a com exagero.
8. O síndico homem probo queixa-se dos
problemas administrativos.
9. Os alunos neste semestre estão convictos de
que não desistirão de seus objetivos.
10. “Eis que aos poucos lá para as bandas do
oriente clareia um cantinho do céu.”

2. Com base nas explicações do uso da
vírgula, pontue as frases abaixo, se convier:
1. Ele porém não obteve classificação.
2. Nós médicos salvamos os outros.
3. Mas veja bem não me aborreça.
4. Terminando desejo que todos sejam felizes.
5. Da morte ele tinha um medo doentio.
177
6. Juro que senti certo alívio quando nossos
olhos se encontraram.
7. Nada diminuirá portanto as probabilidades
de perigo.
8. Não és filha mas hóspeda da casa.
9. A História diz Cícero é a mestra da vida.
10. Rio em 24 de maio de 1833.
11. A todos nós só nos deram milho.
12. Os passantes chegam olham perguntam e
prosseguem.
13. Se eu deixar de namorar não me caso.
14. Olha vestiba você me chateia.
15. Vento chuva geadas insetos tudo ameaça as
plantações.
16. Caindo as “colas” o vestiba empalideceu.
17. Terminando agora este trabalho faço votos
que todos tenham entendido o uso da vírgula.

3. O período abaixo é de Machado de Assis.
Omitimos do original duas vírgulas e um
ponto-e-vírgula. Tente recuperá-los,
colocando-os nos lugares adequados:
“Não tardou em perceber que os olhos de
Rubião e os de Sofia caminhavam uns para os
outros notou porém que os de Sofia eram menos
freqüentes e menos demorados (...)”

4. Do fragmento abaixo, de Graciliano
Ramos, foram omitidos os parênteses. Tente
reconstituí-los no lugar adequado:
“Uma tarde surpreendi no oitão da capela a
capela estava concluída; faltava pintura Luís
Padilha discursando (...)”

5. Segue um trecho de Paulo Mendes Campos
no qual há uma parte destacada que
reproduz um diálogo entre o vigário e um
menino. Transcreva essa parte, pontuando-a
de maneira a dar-lhe sentido:
CONTINHO
“Era uma vez um menino triste, magro e
barrigudinho, do sertão de Pernambuco.
Na soalheira danada do meio-dia, ele estava
sentado na poeira do caminho, imaginando
bobagem, quando passou um gordo vigário a
cavalo:
Você aí menino para onde vai essa estrada ela
não vai não nós é que vamos nela engraçadinho
duma figa como você se chama eu não me
chamo não os outros é que me chamam Zé.”
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

6. Do período abaixo, de Rubem Braga,
foram omitidos os seguintes sinais de
pontuação: uma vírgula, um ponto-e-vírgula,
os dois pontos e as aspas. Tente recuperar
esses sinais nos lugares adequados:
“Estava solitário mas não triste lembrei o velho
dito dos bêbados A noite ainda é uma criança.”

7. Do fragmento da crônica “A Fugitiva”, de
Carlos Drummond de Andrade, omitiram-se
os sinais de pontuação: três travessões,
quatro pontos finais, duas vírgulas e duas
exclamações. Recoloque-os, a fim de dar-lhe
a forma original:
“Daqui vocês não me tiram respondeu-lhes a
bomba O primeiro que me tocar eu explodo
Talvez este tempo de verbo não exista mas
pouco estou ligando à gramática de vocês À
gramática e ao resto Estou farta Farta”


B- TESTES

1. (UFPR) A frase: “O assunto desta reunião
– voltou a afirmar o presidente – é sigiloso.”
Qual das alternativas apresenta as
possibilidades corretas dentre as numeradas
de I a V?
I- O assunto desta reunião... voltou a afirmar o
presidente... é sigiloso.
II- O assunto desta reunião (voltou a afirmar o
presidente) é sigiloso.
III- O assunto desta reunião; voltou a afirmar o
presidente; é sigiloso.
IV- O assunto desta reunião, voltou a afirmar o
presidente, é sigiloso.
V- O assunto desta reunião: voltou a afirmar o
presidente: é sigiloso.
a. ( ) I, II, III, IV, V.
b. ( ) II, IV.
c. ( ) I, III, V.
d. ( ) I, IV, V.
e. ( ) II, IV, V.

2. (UCP) O período foi pontuado de cinco
formas diferentes; selecione a alternativa
correta:
a. ( ) Ela, se chama Carmem; a irmã: Judite.
b. ( ) Ela, se chama, Carmem, a irmã: Judite.
c. ( ) Ela se chama, Carmem; a irmã Judite.
d. ( ) Ela se chama Carmem; a irmã, Judite.
e. ( ) Ela se chama Carmem, a irmã; Judite.

3. (AMAN) Numa das opções, o emprego das
vírgulas é facultativo:
a. ( ) “Vam’bora, lerdeza!”
b. ( ) “Carece de ficar aí a vida inteira, feito
estaca de dentro d’água, feito esteio de
moinho?!...”
c. ( ) “Vamos, Canindé!...”
d. ( ) “Oi, seu mocinho, tu agora mesmo cai de
nariz na lama!”
178
e. ( ) “Então, ele abaixa as mãozinhas juntas, e
bebe.”

4. (UCP) Observe os seguintes enunciados:
1. Aos homens, que são racionais, coube o
domínio da natureza.
2. Os brasileiros que moram no Sul estão mais
habituados ao frio.
3. O livro que comprei ontem é de um autor
brasileiro.
4. Esta é a casa onde nasci.
Quanto à pontuação:
a. ( ) todas as frases acima estão corretas.
b. ( ) somente a primeira e a terceira estão
corretas.
c. ( ) somente a quarta está correta.
d. ( ) somente a terceira e a quarta estão
corretas.
e. ( ) somente a primeira e a quarta estão
corretas.

5. (DIREITO/CTBA) Observe neste trecho a
colocação das vírgulas e os números que lhes
correspondem:
“Foi no Rio de Janeiro, (1) começou ele, (2)
defronte da Capela Imperial, (3) que era então
Real, (4) em dia de grande festa; minha avó
saiu, (5) atravessou o adro, (6) para ir ter à
cadeirinha, (7) que a esperava no largo do
Paço.”
No trecho acima:
a. ( ) justificam-se as duas primeiras vírgulas,
por separarem oração intercalada.
b. ( ) justificam-se a 2ª, 3ª e 4ª vírgulas, por
separarem, respectivamente, adjunto adverbial
de lugar e de tempo.
c. ( ) justificam-se a 5ª e 6ª vírgulas, por
separarem orações coordenadas assindéticas e a
7ª por separar oração subordinada adjetiva
explicativa.
d. ( ) as opções a e b estão corretas.
e. ( ) as opções a, b e c estão corretas.

6. (UFPR) Assinale a alternativa que
apresenta o período devidamente pontuado:
a. ( ) Creio, porém, que, ainda admitidas as
exagerações do Jornal do Comércio, pode-se
assegurar que a guerra está concluída.
b. ( ) Creio porém, que ainda admitidas as
exagerações do Jornal do Comércio, pode-se
assegurar que a guerra está concluída.
c. ( ) Creio, porém, que ainda admitidas as
exagerações do Jornal do Comércio, pode-se
assegurar que a guerra está concluída.
d. ( ) Creio porém que, ainda admitidas as
exagerações do Jornal do Comércio, pode-se
assegurar que a guerra está concluída.
e. ( ) Creio, porém, que ainda admitidas as
exagerações do Jornal do Comércio pode-se
assegurar que a guerra está concluída.

7. (UFPR) A vírgula está mal empregada. Por
isso há uma frase correta. Assinale-a:
a. ( ) Venho, por meio deste, solicitar, a V. As.,
a devolução dos documentos.
b. ( ) Vieram dois aliás, três.
c. ( ) Sei, que estudas.
d. ( ) Grande inteligência muita aplicação
procedimento exemplar, eis seus melhores
atributos.
e. ( ) Renato, amigo de meu filho, é um rapaz
superdotado.

8. (UCP) Observe os períodos:
1. O menino que estuda vai muito bem na
escola.
2. O menino cuja mãe é professora vai muito
bem na escola.
Coloque vírgula para indicar que:
- no 1º período não se consideram outros
meninos.
- no 2º período consideram-se outros meninos.
a. ( ) não há necessidade de vírgula no 1º
período.
b. ( ) no 1º período, coloca-se vírgula depois de
menino e depois de estuda.
c. ( ) no 2º período, coloca-se vírgula depois de
menino e depois de professora.
d. ( ) no 1º período, coloca-se vírgula depois de
bem.
e. ( ) não há necessidade de vírgula nos 1º e 2º
períodos.

9. (UFPR) Na oração “Mensageira da idéia, a
palavra é a mais bela expressão da alma
humana”, emprega-se a vírgula para:
a. ( ) separa vocativo.
b. ( ) indicar a elipse de um termo.
c. ( ) separar elementos paralelos.
d. ( ) separar aposto.
e. ( ) separar uma oração adjetiva de valor
restritivo.

10. (ITA) Dadas as sentenças:
1. Claudionor nosso jardineiro comprou mesmo
uma televisão em cores?
2. A pessoa que luta vence.
3. Minha profissão nunca me enriqueceu ele me
confessou.
Constatamos que o uso de duas vírgulas pode
ser obrigatório:
a. ( ) apenas na sentença nº 1.
b. ( ) apenas na sentença nº 2.
c. ( ) apenas na sentença nº 3.
d. ( ) em todas as sentenças.
e. ( ) n.d.a.

11. (SANTA CASA) A pontuação está correta
em:
179
a. ( ) José dos Santos paulista, 23 anos vive no
Rio.
b. ( ) José dos Santos paulista 23 anos, vive no
Rio.
c. ( ) José dos Santos, paulista 23 anos vive, no
Rio.
d. ( ) José dos Santos, paulista 23 anos, vive no
Rio.
e. ( ) José dos Santos, paulista, 23 anos, vive
no Rio.

12. (MARINGÁ) “Franco, no domingo de
véspera, aproveitando a largura da vigilância
no dia vago, fora vadiar ao jardim.”
As vírgulas empregadas na mesma ordem e
pelo mesmo motivo do período acima,
aparecem na alternativa:
a. ( ) Sônia, às dez horas, saindo-se bem na
prova, tomará seu lanche sossegada.
b. ( ) Tomás, no recreio, embora fique
brincando, parece estar preocupado.
c. ( ) Nélson Piquet, ás do volante, dirigindo
com inteligência e audácia, divulga o Brasil no
exterior.
d. ( ) Certas as alternativas a e b.
e. ( ) Certas as alternativas b e c.

13. (UCP) Observe:
1. Sentindo-se mal, foi para casa.
2. O pai joga futebol; o filho, basquete.
3. Terminada a reunião, todos se retiraram.
4. Aceitou a crítica e, chorando, afastou-se do
local.
Quanto à pontuação:
a. ( ) somente a 1ª e a 3ª frases estão corretas.
b. ( ) somente a 2ª e 4ª estão corretas.
c. ( ) somente a 1ª e a 2ª frases estão corretas.
d. ( ) todas as frases estão corretas.
e. ( ) somente a 3ª e a 4ª frases estão corretas.

14. Há erro de pontuação nas alternativas,
exceto:
1. ( ) Era do conhecimento de todos a hora da
prova, mas alguns se atrasaram.
2. ( ) A hora da prova era do conhecimento de
todos; alguns se atrasaram, porém.
4. ( ) Todos conhecem a hora da prova; não se
atrasem, pois.
8. ( ) Todos conhecem a hora da prova,
portanto não se atrasem.
16. ( ) Todos conhecem a hora da prova mas,
não se atrasem.
32. ( ) Alguns se atrasam apesar de que, o
horário das provas, é do conhecimento de todos.

15. Todas as frases estão corretas quanto à
pontuação, exceto:
1. ( ) Cada qual, tem o ar que Deus lhe deu.
2. ( ) Como estavam atarefadas não puderam
vir ontem.
4. ( ) A vida, como a antiga Tebas, tem cem
portas.
8. ( ) Pouco depois, quando chegaram outras
pessoas, a reunião ficou mais animada.
16. ( ) Quem foi que me disse que o Pedro
estava à procura de uma gramática de alemão?
32. ( ) Ele foi, logo, eu não fui.
64. ( ) Saindo ele e os demais, os meninos
ficarão sós.

16. (ITA) Qual das seqüências abaixo jamais
admitirá, de acordo com as nossas
gramáticas, o emprego de duas vírgulas?
( ) A. O irmão meu que estava doente não
chegou na hora.
( ) B. Mesmo que tu chegues atrasado José não
deixeis de trazer as revistas que te emprestei
sábado último.
( ) C. A mulher se divide em quatro partes
cabeça tronco membros e espelho.
( ) D. Jamais lhe poderei dizer que isto se
passou na casa de uma das mais tradicionais
famílias da região os Mesquitas.
( ) E. A muito custo após algumas horas
disseram que não haviam chegado os impressos
para formalizar a petição.

C- EXERCÍCIOS


1. Os períodos abaixo fazem parte de testes
de múltipla escolha da Fundação Carlos
Chagas. Pontue-os de maneira correta:
1. O processo de renovação portanto foi lento e
por vezes desviado do princípio científico.
2. João bradei esta sege anda ou não anda.
3. Se era verdade não o sabíamos.
4. Será que ele ainda não entendeu o recado que
lhe mandei.
5. A questão é saber qual a droga faz sarar o
enfermo.
6. Eu voltando a mim do receio entendi que
devia cumprimentá-la também.
7 Não podendo aceitar aquelas explicações tão
falsas Pedro aborrecido saiu.
8. Tu meu amigo se não me engano estás
atrasado.
9. De há muito sonho esta ilha se é que não a
sonhei sempre.
10. Apesar de toda a atenção o fato passou
despercebido a todos.
11. Vai-te embora menino que estás atrasado.
12. Sendo necessária a minha intervenção
procurem-me mas fora de expediente.
13. Inúteis que sejam estes botões velhos
guarda-os pois um dia poderão ser aproveitados
para alguma coisa.
14. Mesmo que me peçam não vou pois tenho
mais que fazer.
180
15. Precisando de um pequeno empréstimo
procurou Carlão seu velho amigo.
16. Se está tudo correto ainda não o verifiquei.
17. Eu posto creia no bem não sou daqueles que
negam o mal.
18. Para mim ser é admirar-se de estar sendo.
19. Agora Pedro filho repara tu naquela tela
sublime.
20. Seu nome se gastasse com muito uso o de
Mimiro já estava no fim.
21. Não sei se quando chegarem estaremos
ainda aqui.
22. Tantos fatos agradáveis guarda-os a todos na
memória.
23. Imagine comadre quem é que morreu.
24. Deixei a capital e fui advogar na roça mas
por pouco tempo.
25. Pois sim ia tentar haveria de resolver o caso.
26. A linguagem a arte e a ciência são formas
simbólicas.
27. De que se queixa se sua vida parece um mar
de rosas.
28. A situação não me agrada em outras
palavras não concordo com as soluções
apresentadas até agora.
29. Já vai embora perguntou ele ao moço
quando o viu tirar o casaco do cabide.
30. Cada livro dele de parte o estilo traz uma
novidade.

2. Faça a correlação, de acordo com o
seguinte código:
a) se apenas a I estiver correta;
b) se apenas a II estiver correta;
c) Se a I e a II estiverem corretas;
d) se a I e a II estiverem erradas.

I- “A Câmara Municipal discutia o orçamento
para 1929, e os dois vereadores ponderavam
ponto por ponto cada título da receita.” (C.D. de
Andrade)
II- “O dono da bodega, triste, fincava os
cotovelos no balcão engordurado.” (G. Ramos)
Resposta: ............................................................

I- “Rio de Janeiro, 13 de agosto de 1977.”
II- “Minha mãe, minha tia nós, todos alagados
de felicidade.” (M. de Andrade)
Resposta: ............................................................

I- “José Baía, trôpego rompia a marcha.” (G.
Ramos)
II- “Eu também não sabia que era tão
compreensivo e humano o velhinho Aquiles.”
(A. Meyer)
Resposta: ............................................................

I- “A Ilíada, que é o principal poema de
Homero, tem por objetivo a época mais
importante da guerra de Tróia.” (A. Herculano)
II- “Foi em sonho que revi a longamente amada;
entretanto não era a mesma.” (R. Braga)
Resposta: .............................................................

I- “Toda vez que ele escapulia o medo da gente
aumentava.” (L. Jardim)
II- “Pensei que haveria mais gente mas achei-
me sozinha.” (C. Meireles)
Resposta: ............................................................

3. Coloque vírgula, quando necessário:
1. Se estudares serás aprovado; do contrário
acabarás varrendo as ruas o que não deixa de ser
uma atividade honrosa.
2. “Terás entendido que aquela lembrança do
imperador acerca da medicina não era mais que
a sugestão da minha pouca vontade de sair do
Rio de Janeiro.” (M. de Assis)
3. “Logo no começo do Governo de Prudente
de Moraes em janeiro de 1895 os ingleses se
apossaram da Ilha de Trindade.” (G. Ramos)
4. “No primeiro em data dos seus três poemas
longos, a Drogaria de Éter e de Sombra, escrito
em 1921, são os traços dessa poesia corretiva.”
(M. de Andrade)
5. “O menino parou de chorar porque tinha brio
mas como doía seu coração.” (R. Braga)
6. “De noite quando o céu pingava estrelas no
ventre oleoso do Trombetas elas acendiam com
alarido a fogueira do terreiro.” (Peregrino Jr.)
7. “Sexta-feira às 12 horas iremos espera-lo na
estação.” (J. L. do Rego)
8. “Ele a camisa; eu o avesso.” (J. Antônio)
9. “Assim como há quem sofra de insônia sofro
eu de despertar.” (A. Machado)
10. “Domingo pela manhã João se preparava
para sair quando a ambulância silvou à porta, e
dela desceu amparada a mulher de João.” (C. D.
de Andrade)
11. “Sua casa ficava para trás da Serra do Mim
quase no meio de um brejo de água limpa lugar
chamado o Temor-de-Deus.” (G. Rosa)
12. “Outros trouxeram saboneteira uma
combinação de jérsei um broche de fantasia um
vasinho de cáctus – nada nada que a dona da
casa pudesse realmente aproveitar para si
mesma...” (C. Lispector)
13. “Este ano como se sabe vem por aí a galope.
Um belo dia quer com a nossa presença quer
mesmo sem ela dará o ar de sua graça por entre
alaridos de que o homem for capaz.” (J. Montello)
14. “Sequioso de escrever um poema que
exprimisse a maior dor do mundo Poe chegou
por exclusão à idéia da morte da mulher
amada.” (V. de Moraes)
15. “O maior solitário é o que tem medo de
amar o que tem medo de ferir e de ferir-se o ser
casto da mulher do amigo do povo do mundo.”
(V. de Moraes)


181
D- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST) Do texto abaixo, omitiram-se as
vírgulas. Transcreva-o, colocando-as:
“Quando eu lhe pedi três meses depois que
acabado o luto casasse comigo Iaiá Lindinha
não estranhou nem me despediu.” (M. de Assis)
.............................................................................
.............................................................................

2. (FAAP) Justifique a pontuação do texto:
“Entre lojas de flores e de sapatos, bares,
mercados, butiques, viajo num ônibus Estrada
de Ferro-Leblon.”
“Volto do trabalho, a noite em meio, fatigado da
mentira.”
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

3. (FUVEST) “Donde houveste, ó pélago
revolto, Esse rugido teu?”
Explique o emprego das vírgulas no texto
acima:
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................
4. (FEI) Justifique o emprego da vírgula nas
questões que seguem:
a) “Minha mãe é a lua macilenta
E a preguiça, a mulher por quem suspiro.” (A.
de Azevedo)
.............................................................................
.............................................................................
b) “Fique descansado, camarada, que não o
envergonharei (...)” (J. de Alencar)
.............................................................................
.............................................................................
c) “No chão coberto de areia havia cascas de
queijo de Minas, restos de iscas de fígado,
espinhas de peixe (...)” (A. Azevedo)
.............................................................................
.............................................................................

5. (FAAP) Justifique a pontuação da seguinte
frase:
Tangas, miçangas, sol, mar, toalhas estendidas,
areia morna, garotas e celebridades seminuas
curtindo o calor: eis a praia mais badalada do
Brasil.
.............................................................................
.............................................................................

6. (FNP) Justifique a pontuação empregada
por Carlos Drummond de Andrade em:
“Outros leram da vida um capítulo, tu leste o
livro inteiro.”
Que outras possibilidades estão previstas pela
gramática para este caso?
.............................................................................
.............................................................................

7. (CÁSPER LÍBERO) Utilize os sinais de
pontuação indicados: 2 vezes a vírgula e 1 vez
as reticências.
Às vezes o céu fica preto parece eu vem a chuva
mas aí
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................

8. (FUVEST) O trecho que segue é de Carlos
Drummond de Andrade e reproduz o diálogo
em que um pai, em um restaurante, tenta
convencer sua filha de quatro anos a pedir
camarão em vez de lasanha.

Transcrevemo-lo sem pontuação alguma.
Tente efetuar a pontuação adequada,
utilizando sobretudo o travessão para marcar
a mudança dos interlocutores:
“Vou querer lasanha filhinha por que não
pedimos camarão você gosta tanto de camarão
gosto mas quero lasanha eu sei eu sei que você
adora camarão a gente pede uma fritada bem
bacana de camarão ta quero lasanha papai não
quero camarão.
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

9. (FUVEST) Justifique o uso das reticências
e dos dois pontos nesses versos de Manuel
Bandeira:
“Não te afastes de mim, temendo a minha sanha
E o meu veneno... Escuta a minha triste história:
Aracne foi meu nome e na trama ilusória
Das rendas florescia a minha graça estranha.”
.............................................................................
.............................................................................

10. (CEFET) Coloque as vírgulas
necessárias:
Perambulando pela cidade os menores Sr. Juiz
acabarão caindo nas mãos da polícia.

11. (UFSC) Reescreva o período abaixo,
corrigindo-o, se necessário, quanto à
pontuação. Justifique, sempre, a correção
efetuada.
Levantava-me descia os pequenos degraus da
escada andava lentamente pelas ruas conversava
com os conhecidos seguia feliz para o trabalho.
Correção:
.............................................................................
.............................................................................
182
Justificativa:
.............................................................................
.............................................................................


E- TESTES

1. (ITA) Qual das frases abaixo jamais
admitirá, de acordo com as nossas
gramáticas, o emprego de duas vírgulas?
( ) A. Vencemos não fique pois assim tão
triste.
( ) B. Não esperava que inteligente e culto
dissesse tamanha asneira.
( ) C. As viúvas inconsoláveis quando são
jovens acham sempre alguém que as console.
( ) D. Em Bororé o prefeito está oferecendo
vantagens aos empresários que se interessem
pela instalação de indústrias no município.
( ) E. Aos homens que são racionais coube o
domínio da natureza.

2. (PONTA GROSSA) A alternativa que
acusa um mau emprego de vírgula:
a. ( ) Em caso de necessidade, não deixe de me
procurar.
b. ( ) Você, porém, não deveria aceitar as
desculpas.
c. ( ) Aprecio música, escultura, literatura e
cinema.
d. ( ) A válvula que adquiri ontem, estava
danificada.
e. ( ) Aliás, acho que vocês se enganaram.

3. (VASSOURAS) Destaque a frase em que o
autor usou vírgula para separar o aposto:
a. ( ) Por força de uma proposta de Cazuza
Militão, dentista prático e grão-mestre de Loja
Maçônica José Bonifácio, fizeram correr o pires
da subscrição de modo a montar...
b. ( ) E uma noite, trepado no coreto da Praça
das Acácias, gritou: ...
c. ( ) O povo, de boca aberta, não lembrava em
cem anos de ter acontecido um prefeito desse
porte.
d. ( ) No dia da posse, depois dos dobrados da
Banda Carlos Gomes e dos versos atirados no
rosto de Lulu Bergantim pela professora
Andrelina Tupinambá, o novo prefeito de
Curralzinho sacou do paletó...
e. ( ) E andava o bronze no meio do trabalho
de fundição, quando Lulu Bergantim, de
repente, resolveu deixar o ofício de prefeito.

4. (CESGRANRIO) Numere os enunciados
de acordo com as explicações dadas sobre o
emprego dos sinais de pontuação:
( ) Será um exagero? Não o creio.
( ) Será um exagero? Não o creio!
( ) Será um exagero? Não o creio...
( ) Será um exagero? Não o creio!...
1. Sinal indicativo de que a frase foi concluída
sob emoção, em tom veemente.
2. Sinal indicativo de que a frase foi concluída
sem qualquer inflexão emotiva.
3. Sinal indicativo de que a frase foi concluída
com prolongamento da inflexão emotiva.
4. Sinal indicativo de que a frase foi concluída
em tom de hesitação.
A numeração é:
a. ( ) 3, 1, 4, 2
b. ( ) 4, 3, 1, 2
c. ( ) 2, 1, 4, 3
d. ( ) 4, 2, 1, 3
e. ( ) 2, 1, 3, 4

5. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
está corretamente indicada a ordem dos
sinais de pontuação que devem preencher as
lacunas da frase abaixo:
Quando se trata de trabalho científico ..... duas
coisas devem ser consideradas .... uma é a
contribuição teórica que o trabalho oferece .... a
outra é o valor prático que possa ter.
a. ( ) dois pontos, ponto e vírgula, ponto e
vírgula.
b. ( ) dois pontos, vírgula, ponto e vírgula.
c. ( ) vírgula, dois pontos, ponto e vírgula.
d. ( ) ponto e vírgula, dois pontos, ponto e
vírgula.
e. ( ) ponto e vírgula, vírgula, vírgula.

6. (DIREITO/CTBA)
Pronominais
Dê-me um cigarro
Diz a gramática
Do professor e do aluno
E do mulato sabido
Mas o bom nego e o bom branco
Da Nação Brasileira
Dizem todos os dias
Deixa disso camarada Me dá um cigarro
(O. de Andrade)
O autor da poesia omitiu intencionalmente a
pontuação por se tratar de versos modernos.
Se a escrevêssemos em prosa, teríamos de
colocar pelo menos:
a. ( ) dois pontos finais, três travessões, quatro
vírgulas.
b. ( ) um ponto final, três travessões, três
vírgulas.
c. ( ) um ponto final, três travessões, duas
vírgulas de vocativo.
d. ( ) dois pontos finais, dois travessões, duas
vírgulas de vocativo.
e. ( ) dois pontos finais, dois travessões, quatro
vírgulas, uma vez dois pontos.

7. (UFPR) “Antigamente, pensava-se eu os
dinossauros tinham morrido porque comiam
plantas novas que os envenenavam. Também se
183
pensava que estes grandes répteis tinham sido
atacados por doenças.
Hoje, a maioria dos cientistas acredita que os
dinossauros foram vítimas do frio: o clima
mudou e os grandes répteis não resistiram a
temperaturas muito baixas.”

Por que o autor usou os dois pontos no
segundo parágrafo?
a. ( ) para anunciar uma citação.
b. ( ) para anunciar uma explicação.
c. ( ) para separar orações da mesma natureza,
que tem uma certa extensão.
d. ( ) para isolar uma oração intercalada.
e. ( ) para separar uma oração reduzida.

8. (UCP) Os dois períodos retratam situações
diversas. Combine-os com as afirmativas que
seguem:
1. Não soubemos dos filmes que não foram
anunciados pelo jornal.
2. Não soubemos dos filmes, que não foram
anunciados pelo jornal.
( ) O jornal não anunciou todos os filmes.
( ) Apenas alguns filmes foram anunciados
pelo jornal.
( ) Nenhum filme foi anunciado pelo jornal.
( ) Tivemos conhecimento de alguns filmes, de
outros não.

a. ( ) 1, 1, 1, 1
b. ( ) 2, 2, 2, 2
c. ( ) 1, 2, 1, 1
d. ( ) 1, 1, 2, 1
e. ( ) 2, 1, 2, 1

9. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que
está corretamente indicada a ordem dos
sinais de pontuação que devem preencher as
lacunas da frase abaixo:
Ao serem introduzidos numa empresa ........ os
computadores podem acarretar duas
conseqüências que estão estreitamente
relacionadas ...... uma, de natureza econômica, é
a redução de custos ..... a outra, de implicações
sociais, é a demissão de funcionários.
a. ( ) vírgula, ponto e vírgula, vírgula.
b. ( ) ponto e vírgula, dois pontos, vírgula.
c. ( ) vírgula, dois pontos, dois pontos.
d. ( ) vírgula, dois pontos, ponto e vírgula.
e. ( ) ponto e vírgula, vírgula, ponto e vírgula.

10. (LONDRINA) Indique a frase
corretamente pontuada:
a. ( ) Se era verdade não o sabíamos.
b. ( ) Se era, verdade não, o sabíamos.
c. ( ) Se, era verdade não, o sabíamos.
d. ( ) Se, era, verdade, não o sabíamos.
e. ( ) Se era verdade, não o sabíamos.

11. (PASSO FUNDO) A opção em que a frase
não está corretamente pontuada é:
a. ( ) Ansiosas, as crianças aguardavam a
chegada do Papai Noel.
b. ( ) As crianças aguardavam, ansiosas, a
chegada do Papai Noel.
c. ( ) As crianças, aguardavam ansiosas, a
chegada do Papai Noel.
d. ( ) As crianças ansiosas aguardavam a
chegada do Papai Noel.
e. ( ) As crianças, ansiosas, aguardavam a
chegada do Papai Noel.

12. (UCP) Completando a pontuação dos
períodos:
1. Os ladrões percebendo a chegada da polícia
fugiram.
2. Apenas os alunos de bom comportamento
terão o ponto extra.
3. Joselino o melhor aluno da sala foi aprovado
no concurso da Fundação Getúlio Vargas.
4. A quem interessa o problema perguntou o
professor Não sei respondeu o aluno
devem-se usar:
a. ( ) 5 vírgulas, 2 travessões, um ponto de
interrogação.
b. ( ) 5 vírgulas, 2 travessões, um ponto de
interrogação, 2 pontos finais.
c. ( ) 6 vírgulas, 3 travessões, um ponto de
interrogação, 2 pontos finais.
d. ( ) 7 vírgulas, 2 travessões, um ponto de
interrogação, 2 pontos finais.
e. ( ) 8 vírgulas, 2 travessões, um ponto de
interrogação, 2 pontos finais.

13. Todas as frases estão corretas, exceto:
1. ( ) O menino, disse ele, não vai.
2. ( ) Deus, que é pai, não nos abandona.
4. ( ) Solicitamos aos candidatos, que
respondam às perguntas a seguir, importantes,
para efeito de pesquisas relativas ao vestibular.
8. ( ) Muitas pessoas observavam com
interesse, o eclipse solar.
16. ( ) Quase todos os habitantes daquela
região pantanosa e longe da civilização, morrem
de fome.
32. ( ) Pedra, que rola, não cria limo.

14. Todas estão corretas, exceto:
1. ( ) Imaginei, que deveria ser sensacional
uma luta entre os dois.
2. ( ) Era um quati, que se julgava cachorro.
4. ( ) O passarinho na gaiola pensa que uma
árvore e o céu o prendem.
8. ( ) Hollywood perdeu o resto do folclore
que ainda conservava.
16. ( ) Ele pensava, como todo apaixonado,
que o mundo tinha os olhos e os ouvidos
fechados.
184
32. ( ) Tinha, às vezes, vontade de se suicidar
quando olhava do alto de seu apartamento.
64. ( ) Quando olhava do alto de seu
apartamento, tinha vontade de se suicidar.

15. As frases estão corretas, exceto:
1. ( ) Ainda não sabemos quando se realizarão
as provas.
2. ( ) Quando se realizarão as provas, ainda
não sabemos.
4. ( ) Ainda não sabemos, quando se
realizarão, as provas.
8. ( ) Justamente no momento em que as
coisas iam melhorar, ele pôs tudo a perder.
16. ( ) Justamente no momento, ele pôs tudo, a
perder.
32. ( ) Deus me pôs nesta rede, e o Diabo me
fez dormir.
64. ( ) “E zumbia, e voava, e voava, e zumbia,
refulgindo ao clarão do sol (...)”

16. (ITA) A seqüência “Solteiro foi um
menino turbulento casado era moço alegre
viúvo tornara-se macambúzio.”
Ficará, quanto à pontuação, correta e mais
facilmente inteligível se empregarmos:
( ) A. três vírgulas e dois pontos e vírgula.
( ) B. quatro vírgulas e dois parênteses.
( ) C. duas vírgulas e dois pontos e vírgula.
( ) D. um ponto final, um ponto e vírgula e dois
pontos.
( ) E. três vírgulas e um ponto e vírgula.

17. (AMAN) Neste item, arrolamos 5 (cinco)
variações de pontuação de trechos do texto.
Assinale a única que é aceitável, segundo as
regras gramaticais.
a. ( ) Um comprou um Mercedes dourado por
60 mil dólares e o outro, uma mulinha branca,
por 800 contos.
b. ( ) Até, pelo contrário, fico muito satisfeito
quando algum amigo me convida para passear
os meus untos num daqueles veículos.
c. ( ) Dizem, que o carro tem injeção
eletrônica, ou coisa que o valha, e que a
gasolina...
d. ( ) Vejo que inauguraram um avião que vai
do Rio a Paris, em três horas.
e. ( ) E a descoberta de água em Marte ou em
Plutão não chega a consolar aqueles que viram
suas minas secando, no princípio deste ano.



















GABARITO – PONTUAÇÃO

A- EXERCÍCIOS
I- 1. Hoje, porém, domamos os ventos, as ondas, as
correntes.
2. “Abre a porta de teus mares, Colombo!”
3. Rua XV de novembro, 1200.
4. Sou, disse ele, um homem procurado.
5. O estudo, na minha opinião, torna-nos
inteligentes.
6. Vestiboca, venha aqui!
7. Seluciana partiu, inesperadamente, em meio da
dança, porque Rabiquino, o bom de tango, apertava-o
com exagero.
8. O síndico, homem probo, queixa-se dos
problemas administrativos.
9. Os alunos, neste semestre, estão convictos de
que não desistirão de seus objetivos.
10. “Eis que, aos poucos, lá para as bandas do
oriente, clareia um cantinho do céu.”
II- 1. Ele, porém, não obteve classificação.
2. Nós, médicos, salvamos os outros.
3. Mas, veja bem, não me aborreça.
4. Terminando, desejo que todos sejam felizes.
5. Da morte, ele tinha um medo doentio.
6. Juro que senti certo alívio, quando nossos olhos
se encontraram.
7. Nada diminuirá, portanto, as probabilidades de
perigo.
8. Não és filha, mas hóspeda da casa.
9. A História, diz Cícero, é a mestra da vida.
10. Rio, em 24 de maio de 1833.
11. A todos nós, só nos deram milho.
12. Os passantes chegam, olham, perguntam e
prosseguem.
13. Se eu deixar de namorar, não me caso.
14. Olha, Vestiba, você me chateia.
15. Vento, chuva, geadas, insetos, tudo ameaça as
plantações.
16. Caindo as “colas”, o vestiba empalideceu.
17. Terminando agora este trabalho, faço votos que
todos tenham entendido o uso da vírgula.
III- “Não tardou em perceber que os olhos de Rubião
e os de Sofia caminhavam uns para os outros; notou,
porém, que os de Sofia eram menos freqüentes e
menos demorados (...)”
IV- “Uma tarde surpreendi no oitão da capela (a
capela estava concluída; faltava pintura) Luís Padilha
discursando (...)”
V- “- Você aí, menino, para onde vai essa estrada?
- Ela não vai não: nós é que vamos nela.
- Engraçadinho duma figa! Como você se chama?
- Eu não me chamo não, os outros é que me
chamam Zé.”
VI- Estava solitário, mas não triste; lembrei o velho
185
dito dos bêbados: “A noite ainda é uma criança.”
VII- “- Daqui vocês não me tiram – respondeu-lhes a
bomba. – O primeiro que me tocar, eu explodo.
Talvez este tempo de verbo não exista, mas pouco
estou ligando à gramática de vocês. À gramática e ao
resto. Estou farta! Farta!”
B- TESTES
1.
b
2. d 3. e 4. a 5. a 6. a 7. e 8. b
9.
d
10.
a
11.
e
12.
a
13.
d
14.
15
15.
35
16.
d
C- EXERCÍCIOS
I-
1. O processo de renovação, portanto, foi lento e, por
vezes, desviado do princípio científico.
2. João, bradei, esta sege anda ou não anda?
3. Se era verdade, não o sabíamos.
4. Será que ele ainda não entendeu o recado que lhe
mandei?
5. A questão é saber qual droga faz sarar o enfermo.
6. Eu, voltando a mim do receio, entendi que devia
cumprimentá-la também.
7. Não podendo aceitar aquelas explicações tão
falsas, Pedro, aborrecido, saiu.
8. Tu, meu amigo, se não me engano, estás atrasado.
9. De há muito sonho esta ilha, se é que não a sonhei
sempre.
10. Apesar de toda a atenção, o fato passou
despercebido a todos.
11. Vai-te embora, menino, que estás atrasado.
12. Sendo necessária a minha intervenção, procurem-
me, mas fora de expediente.
13. Inúteis que sejam estes botões velhos, guardo-os,
pois um dia poderão ser aproveitados para alguma
coisa.
14. Mesmo que me peçam, não vou, pois tenho mais
que fazer.
15. Precisando de um pequeno empréstimo, procurou
Carlão, seu velho amigo.
16. Se está tudo correto, ainda não o verifiquei.
17. Eu, posto creia no bem, não sou daqueles que
negam o mal.
18. Para mim, ser é admirar-se de estar sendo.
19. Agora, Pedro, filho, repara tu naquela tela
sublime.
20. Se nome se gastasse com muito uso, o de Mimiro
já estava no fim.
21. Não sei se, quando chegarem, estaremos ainda
aqui.
22. Tantos fatos agradáveis, guardo-os a todos na
memória.
23. Imagine, comadre, quem é que morreu.
24. Deixei a capital e fui advogar na roça, mas por
pouco tempo.
25. Pois, sim, ia tentar... haveria de resolver ocaso.
26. A linguagem, a arte e a ciência são formas
simbólicas.
27. De que se queixa, se sua vida parece um mar de
rosas?
28. A situação não me agrada; em outras palavras:
não concordo com as soluções apresentadas até
agora.
29. Já vai embora? perguntou ela ao moço, quando o
viu tirar o casaco do cabide.
30. Cada livro dele, de parte o estilo, traz uma
novidade.

II- C, A, B, A, D

III-
1. Se estudares, serás aprovado; do contrário,
acabarás varrendo as ruas, o que não deixa de ser uma
atividade honrosa.
2. “Terás entendido que aquela lembrança do
imperador, acerca da medicina, não era mais que a
sugestão da minha pouca vontade de sair do Rio de
Janeiro.”
3. “Logo no começo do Governo de Prudente de
Moraes, em janeiro de 1895, os ingleses se apossaram
da Ilha de Trindade.”
4. “No primeiro em data dos seus três poemas longos,
a Drogaria de Éter e de Sombra, escrito em 1921, são
numerosos os traços dessa poesia corretiva.”
5. “O menino parou de chorar porque tinha brio, mas
como doía seu coração.”
6. “De noite, quando o céu pingava estrelas no ventre
oleoso do Trombetas, elas acendiam com alarido a
fogueira do terreiro.”
7. “Sexta-feira, às 13 horas, iremos espera-lo na
estação.”
8. “Ele, a camisa; eu, o avesso.”
9. “Assim, como há quem sofra de insônia, sofro eu
de despertar.”
10. “Domingo pela manhã, João se preparava para
sair, quando a ambulância silvou à porta, e dela
desceu amparada a mulher de João.”
11. “Sua casa ficava para trás da Serra do Mim, quase
no meio de um brejo de água limpa, lugar chamado o
Temor-de-Deus.”
12. “Outros trouxeram saboneteira, uma combinação,
de jérsei, um broche de fantasia, um vasinho de
cáctus – nada, nada que a dona da casa pudesse
realmente aproveitar para si mesma...”
13. “Este ano, como se sabe, vem por aí a galope. Um
belo dia, quer com a nossa presença, quer mesmo sem
ela, dará o ar de sua graça, por entre alaridos de que o
homem for capaz.”
14. “Sequioso de escrever um poema que exprimisse
a maior dor do mundo, Poe chegou, por exclusão, à
idéia da morte da mulher amada.”
15. “O maior solitário é o que tem medo de amar, o
que tem medo de ferir e de ferir-se, o ser casto da
mulher, do amigo, do povo, do mundo.”
D- QUESTÕES DISCURSIVAS
1. “Quando eu lhe pedi, três meses depois, que,
acabado o luto, casasse comigo, Iaiá Lindinha não
estranhou nem me despediu.”
2. As vírgulas até “mercados” servem para separar
elementos coordenativos. Após “butiques”, marca
deslocamento do adj. adv. anteposto ao verbo. Na 2ª
oração, assinalam um adj. adv. intercalado.
3. isola vocativo.
4. a) marca a elipse do verbo b) isola o vocativo c)
separa termos coordenados (enumeração). e qual a
folha?...
5. vírgulas – separam elementos coordenativos; dois
pontos – introduzem explicação, esclarecimento da
passagem anterior.
6. vírgulas separando coord. assind. Poderia, ainda,
ser empregado o (;) ou o (.).
7. Às vezes o céu fica preto, parece que vem a chuva,
mas aí...
8. “-Vou querer lasanha.
- Filhinha, por que não pedimos camarão? Você gosta
186
tanto de camarão.
- Gosto, mas quero lasanha.
- Eu sei, eu sei que você adora camarão. A gente pede
uma fritada bem bacana de camarão. Ta?
- Quero lasanha, papai. Não quero camarão.”
9. Reticências: assumem aí função expressiva:
indicam prolongamento da frase.
Dois pontos: introduzem passagem que vai
esclarecer o que foi dito anteriormente.
10. Perambulando pela cidade, os menores, Sr. Juiz,
acabarão caindo nas mãos da polícia.
11. Levantava-me, descia os pequenos degraus da
escada, andava lentamente pelas ruas, conversava
com os conhecidos, seguia feliz para o trabalho.
Justificativa: - separa orações coord. assindéticas.
E- TESTES
1.
d
2. d 3. a 4. c 5. c 6. e 7. b 8. d
9.
d
10.
e
11.
c
12.
b
13.
60
14.
03
15.
a
16.
c

















FIGURAS DE LINGUAGEM

A- EXERCÍCIOS

1. Faça a correlação, identificando as figuras
de palavras:
a) comparação
b) metáfora
c) catacrese
d) metonímia
e) antonomásia
f) sinestesia

1. ( ) “Junto ao leito meus poetas dormem / o
Dante, a Bíblia, Shakespeare e Byron.”
(A.Azevedo)
2. ( ) “Os sonhos um por um, célebres voam /
Como voam as pombas dos pombais.” (R.
Correia)
3. ( ) Os versos anteriores são do Poeta das
Pombas.
4. ( ) “Oh, a mulher amada é como a onda
sozinha correndo distantes praias.” (V. de Moraes)
5. ( ) O Poeta da Abolição pertenceu ao
movimento romântico.
6. ( ) “Um beijo seria uma borboleta afogada
em mármore.” (C. Meireles)
7. ( ) “Lapa que tanto pecais!” (M. Bandeira)
8. ( ) “No azul da adolescência as asas
soltam...” (R. Correia)
9. ( ) “E a noite vem, por demais / Erma,
úmida e silente.” (M. Bandeira)
10.( ) Estavam todos prontos para embarcar no
trem que os levaria à capital.
11.( ) “Som / frio. / Rio / sombrio. / O longo
som /do rio / frio.” (C. Meireles)
12.( ) Acomodou-se no braço da poltrona e
dormiu..

2. Faça a correlação, identificando as figuras
de pensamentos:
a) antítese
b) paradoxo
c) ironia
d) eufemismo
e) apóstrofe

1. ( ) Com esses carcereiros fascistas terias um
tratamento maternal.
2. ( ) “Ausência, presença multiplicada.” (T. da
Silveira)
3. ( ) “Meus amigos, meus irmãos, cortai os
lábios da mulher morena.” (V. de Moraes)
4. ( ) Lendo apenas as páginas esportivas,
você vai adquirir uma excelente cultura geral.
5. ( ) “Deus! Deus! onde estás que não
respondes?” (C. Alves)
6. ( ) “Um dia hei de ir embora / Adormecer
no derradeiro sono...” (M. Bandeira)
7. ( ) “Se desmorono ou se edifico, / se
permaneço ou me desfaço...” (C. Meireles)
8. ( ) “E pela paz derradeira que enfim vai nos
redimir / Deus lhe pague.” (C. Buarque)
9. ( ) “Não podia deixá-la nem suportá-la.” (M.
de Assis)
10.( ) “O dia em que nasci morra e pereça.”
(Camões)

3. Nas duas frases que seguem ocorre a
mesma figura de linguagem. Identifique-a:
“-Ai Mamãe, minha Mãe, o travesseiro eu
ensopei de lágrimas ardentes (...)” (C.D.Andrade)
“Custódio enfiou um casaco de alpaca e voou à
Rua da Assembléia.” (M. de Assis)
Resp.:
.............................................................................

4. “Queria um apoio, um horizonte limitado,
não o mar sem fim.” (A. Dourado)
“E nessa situação, insignificante para nós,
ilimitada para eles, dois homens descobrem-
se um ao outro.” (C.D. Andrade)
Nas duas frases ocorre uma figura de
linguagem que consiste em confrontar idéias
opostas, denominada:
.............................................................................
187

5. Identifique a figura de linguagem
destacada na frase que segue:
“A explosiva descoberta
Ainda me atordoa
Estou cego e vejo.
Arranco os olhos e vejo.
(C.D. Andrade)
.............................................................................

6. “O apelido mais célebre ainda é “Dama de
Ferro”, mas nas últimas semanas ela se tornou
também a “Almirante Tatcher” (...) (Revista Veja)
No trecho acima, o autor usa a expressão “Dama
de Ferro” para designar a primeira-ministra da
Inglaterra, Margaret Tatcher. Portanto, ele
substituiu o nome próprio da pessoa por uma
característica pela qual esta se tornou notória,
fazendo uso da figura chamada
.............................................................................

7. “Tinha outras leituras: Voltaire, Rousseau,
Diderot, Fontenelle; infelizmente citava também
Guerra Junqueiro.” (Murilo Mendes)
Na frase acima ocorre a figura chamada
......................................., que consiste na
transferência do nome de um elemento para
outro, em vista de uma relação de causalidade.
No caso, Murilo Mendes usa o nome do
................................... para designar a
.............................................................................



B- QUESTÕES DISCURSIVAS

(FUVEST) Texto para as questões de 1 a 4:

O pássaro de cinco asas

“Era o sétimo círculo dos inferninhos. João esbarrou na mesa do gordo Manolo.
- Conhece a Mariinha?
Quatro da manhã, sem cliente para entreter, estavam de mão dada o patrão barrigudo e a menina de
olho machucado. Como sempre, depois de bêbado, João confessou o grande amor. Esperava-a na saída da
loja: era manequim e Laura seu nome. Ele postava-se na esquina, mão crispada no bolso. Seguia atrás
dela, magra, cabeleira negra, salto alto que espirrava faísca das pedras, a fabulosa égua do carro do Faraó.
Medroso lhe entendesse o clamor no peito, mais alto que a gritaria dos pardais entre as folhas – qual será
o pardal e qual a folha? Por ela os pardais gritavam alucinados às seis da tarde? Implacável, torturava os
amigos: E a voz dela, como será? Rouca, meu Deus, e se for gaguinha? Ou fanhosa?
- Por que não se apresenta? Tem boa pinta.
- Sou tímido, sou feio, triste de mim.
Aprendeu os hábitos da moça – roía unha, míope dissimulada, não franzia as pálpebras antes de
atravessar a rua? Amor tão furioso, carro vermelho de bombeiro com a sirene uivando, a pobre Laura não
podia ignorá-lo – a simples bolinha de papel que ela pisava era escorpião abrasado de fogo. Arrastava um
e outro amigo para esperá-la às seis horas:
- Lá vem ela. Agora não olhe. Não é linda? Não é pessegueiro florido que caminha sobre as águas?
-Também olhou. Parece interessada.
- Acha mesmo? Não por ser meu amigo? Puxa vida, você acha? Não brinque, é o que você acha? É
mesmo o que acha?
E assim horas e dias inteiros, setenta vezes sete dias, cinco anos mais sofridos. Ora surgia magríssima e
de olheira (bacanais no famoso quarto dos espelhos?), ora com vestido azul de bolinha e caderno debaixo
do braço (de volta da aula de inglês), ora de mão dada com o namorado, loiro barbudo de cachimbo.
Perdia-a de vista, eis que nela esbarrava à porta da confeitaria, o rostinho pálido de mil noites de insônia –
se ela o amasse, mãezinha do céu, com a mesma loucura e igual desesperança?
Imagina o diálogo ao telefone. Aqui é o João. Estou doente de amor. É ela: É o moço simpático que
espera na esquina?
Ele: Eu mesmo. Ela: Meu bem, quanto tempo nós esbanjamos!
E ele...Ele acabava não telefonando – sempre o risco de Laura se confundir na deixa: Não o conheço,
seu bobo alegre.”
(Dalton Trevisan, in O Pássaro de Cinco Asas)


1. Encontre, no sexto parágrafo, dois exemplos de metáfora e transcreva-os:
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
188

2. Há, no terceiro parágrafo, um exemplo de comparação. Transcreva-o:
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
3. Determine o foco narrativo do texto:
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................

4. Transcreva duas passagens do texto que justifiquem sua resposta à questão anterior:
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................
..........................................................................................................................................................................







C- TESTES

1. (FMU) Eça de Queiroz, caracterizando a
figura do Conselheiro Acácio, escreveu:
“Nunca usava palavras triviais; não dizia
vomitar, fazia um gesto indicativo e empregava
restituir.”
O recurso expressivo de que se servia o
Conselheiro, substituindo o verbo vomitar
pelo verbo restituir, denomina-se:
a. ( ) sinédoque
b. ( ) ironia
c. ( ) antonomásia
d. ( ) eufemismo
e. ( ) hipérbole

2. (UFPR) Em “Curitiba é chamada de
cidade universitária”, ocorre:
a. ( ) sinestesia
b. ( ) comparação
c. ( ) metáfora
d. ( ) antonomásia
e. ( ) perífrase

3. (CESCEA) Nestes versos de Camões:
1. “È dor que desatina, sem doer.”
2. “Este rende munidas fortaleza;
Este a mais nobre faz fazer vilezas;
Este corrompe virginais purezas.”
3. “Nem ele entende a nós, nem nós a ele.”
encontramos, respectivamente, as seguintes
figuras:
a. ( ) anáfora, zeugma, paradoxo.
b. ( ) zeugma, paradoxo, anáfora.
c. ( ) paradoxo, anáfora, zeugma.
d. ( ) anáfora, paradoxo, zeugma.
e. ( ) paradoxo, zeugma, anáfora.

4. (LORENA) Em “Agradecer a Deus o
brilho das estrelas e o murmúrio da brisa nas
árvores, e o dom da vida, e a amizade...”
aparece a figura de linguagem:
a. ( ) antítese.
b. ( ) hipérbole.
c. ( ) hipérbato.
d. ( ) polissíndeto.
e. ( ) silepse de pessoa.

5. (MACK) Nos versos abaixo uma figura se
ergue graças ao conflito de duas visões
antagônicas:
“Saio do hotel com quatro olhos,
Dois do presente,
Dois do passado.”
Esta figura de linguagem recebe o nome de:
a. ( ) metonímia.
b. ( ) catacrese.
c. ( ) hipérbole.
d. ( ) antítese.
e. ( ) hipérbato.

6. (FMU) Quando você afirma que enterrou
“no dedo do alfinete”, que embarcou “no
trem” e que serrou “os pés da mesa”, recorre
a um tipo de linguagem denominado:
a. ( ) metonímia.
b. ( ) antítese.
c. ( ) paródia.
d. ( ) alegoria.
e. ( ) catacrese.

7. (TAUBATÉ) No sintagma: “Uma palavra
branca e fria”, encontramos a figura
denominada:
a. ( ) sinestesia.
b. ( ) eufemismo.
c. ( ) onomatopéia.
d. ( ) antonomásia.

8. (U.F.VIÇOSA) Assinale a figura de
linguagem encontrada na frase:
“Minha cidade toda se enfeitou
189
Pra ver a banda passar
Cantando coisas de amor.”
a. ( ) perífrase.
b. ( ) silepse.
c. ( ) catacrese.
d. ( ) prosopopéia.
e. ( ) sinédoque.

9. (FUVEST) Identifique as figuras de
linguagem empregadas nos versos
destacados:
“No tempo de meu Pai, sob estes galhos,
Como uma vela fúnebre de cera,
Chorei biliões de vezes com a canseira
De inexorabilíssimos trabalhos.”
a. ( ) antítese.
b. ( ) anacoluto.
c. ( ) hipérbole.
d. ( ) litotes.
e. ( ) paragoge.

10. (FUVEST) Indique a figura de
linguagem:
“Quando a indesejada das gentes chegar
(não sei se dura ou caroável),
Talvez eu tenha medo.
Talvez sorria ou diga:
- Alô iniludível!”
a. ( ) clímax.
b. ( ) eufemismo.
c. ( ) sínquise.
d. ( ) catacrese.
e. ( ) pleonasmo.

11. (CESESP)
1. Vários de nós ficamos surpresos.
2. Essa gente está furiosa e com medo; por
conseqüência, capazes de tudo.
3. Tua mãe, não há idade nem desgraça que lhe
transforme o sorriso.
4. Entre elas, alguém estava envergonhada.

Os períodos acima contêm, respectiva e
sucessivamente as seguintes figuras de
sintaxe:
a. ( ) silepse de pessoa, silepse de gênero,
anacoluto, silepse de número.
b. ( ) anacoluto, anacoluto, anacoluto, silepse
de número.
c. ( ) silepse de número, silepse de pessoa,
anacoluto, anacoluto.
d. ( ) silepse de pessoa, silepse de número,
anacoluto, silepse de gênero.
e. ( ) silepse de pessoa, anacoluto, silepse de
gênero, anacoluto.

12. (CESCEA) Identifique os recursos
estilísticos empregados no texto: “Nem tudo
tinham os antigos, nem tudo temos, os
modernos.” (M. Assis)
a. ( ) anáfora, antítese, silepse.
b. ( ) metáfora, antítese, elipse.
c. ( ) anástrofe, antítese, elipse.
d. ( ) pleonasmo, antítese, silepse.
e. ( ) anástrofe, comparação, parábola.

13. (FUVEST) Dentre as seguintes frases,
assinale aquela que não contém
ambigüidade:
a. ( ) Peguei o ônibus correndo.
b. ( ) Esta palavra pode ter mais de um sentido.
c. ( ) O guarda deteve o suspeito em sua casa.
d. ( ) O menino viu o incêndio do prédio.
e. ( ) Deputado fala da reunião do Canal 2.

14. Assinale o vício de linguagem da frase
seguinte: “Ele prendeu o ladrão em sua
casa.”
a. ( ) colisão.
b. ( ) anfibologia.
c. ( ) preciosismo.
d. ( ) eco.
e. ( ) cacofonia.

15. (MED. TAUBATÉ) Em: “Envie-me já o
catálogo de vendas”, temos:
a. ( ) ambigüidade.
b. ( ) pleonasmo.
c. ( ) barbarismo.
d. ( ) colisão.
e. ( ) cacófago.

16. (FUVEST) Em “O crepúsculo cai, manso
com uma bênção”, temos:
a. ( ) metáfora.
b. ( ) sinestesia.
c. ( ) sinédoque.
d. ( ) comparação.
e. ( ) catacrese.

17. (ITA)
“Tarde de olhos azuis e de seios morenos.
Ó tarde linda, ó tarde doce que se admira,
Como uma torre de pérolas e safira.
Ó tarde como quem tocasse violino.”
(E. Perneta)
Nesses versos, o flagrante apelo aos sentidos
humanos, que se misturam e se confundem
no efeito emocional que provocam no leitor,
caracteriza a figura de harmonia altamente
expressiva:
a. ( ) metonímia
b. ( ) anacoluto.
c. ( ) hipérbato.
d. ( ) sinestesia.
e. ( ) aliteração.


D- EXERCÍCIOS

1. Indique as figuras de sintaxe:
190
1. “Talvez a gente se sinta mais puros, mais
nus, mais lavados.” (R. de Queiroz)
.............................................................................
2. “Ouço, esqueço, livro-me – trato / de
recompor o meu deserto.” (C. Meireles)
.............................................................................
.
3. “Já fui loura, já fui morena, / já fui Margarida
e Beatriz.” (C. Meireles)
.............................................................................
4. “Este Ambrósio é um banana.” (M. de Assis)
.............................................................................
5. “A vida não é completamente boa, nem
completamente má.” (M. de Assis)
.............................................................................
6. “Todos os filhos de Adão padecemos as
mesmas mutilações e fealdades.” (M. Bernardes)
.............................................................................
7. “Há desenganos que fazem a gente velho.”
(M. de Assis)
.............................................................................
8. “Da América infeliz porção mais doente.” (M.
Bandeira)
.............................................................................
9. “A beleza, é em nós que ela existe.” (M.
Bandeira)
.............................................................................
10. “Eles, o seu único desejo é exterminar-nos.”
(Garret)
.............................................................................
11. “E o arco e as setas e a sonora aljava.” (B. da
Gama)
.............................................................................
12. “De um que apanhe esse grito que ele / e o
lance a outro.” (J. Cabral)
.............................................................................
13. “O trigo não picou os espinhos, antes os
espinhos o picaram a ele.” (A. Vieira)
.............................................................................
14. “Que os tribunais não podem rever os atos
políticos, não contestei, não contesto.” (R.
Barbosa)
.............................................................................
15. “E os dois, ali no quarto, picamos em mil
pedaços as trezentas páginas do livro...” (P.
Setúbal)
.............................................................................
16. “Não ser baixo com os grandes, nem
arrogante com os miseráveis.”
.............................................................................
17. “Vi claramente visto o lume vivo.” (Camões)
.............................................................................
18. “Tudo é silêncio, tudo calma, tudo mudez.”
(O. Bilac)
.............................................................................
19. “Umas carabinas que guardava atrás do
guarda-roupa, a gente brincava com elas de tão
imprestáveis.” (J. L. do Rego)
.............................................................................
20. “Nem tudo tinham os antigos, nem tudo
temos, os modernos.” (M. de Assis)
.............................................................................

2. Faça a correlação, identificando as figuras
e os recursos fônicos:
a) hipérbole
b) clímax
c) prosopopéia
d) perífrase
e) antonomásia
f) onomatopéia
g) aliteração
1. ( ) “O trigo... nasceu, cresceu, espigou,
amadureceu, colheu-se, mediu-se...” (A.Vieira)
2. ( ) “Por entre trouxas de macegas / passa
uma suçuarana com sapatos de seda.” (R. Bopp)
3. ( ) Aquele que, no mastro do navio, mandou
tapar com cera o ouvido.
4. ( ) “Morro pela menina; junto dela / Nem
ouso respirar de acanhamento...” (A. de Azevedo)
5. ( ) Estudamos a biografia do autor de
Macunaíma.
6. ( ) “Vêm alegres, vêm rindo, vêm
cantando.” (R. Correia)
7. ( ) “Vou morrer de cantar.” (C. Meireles)
8. ( ) “Começa de longe a vocalizar feito
sabiá: - Tuí, tuí, tua! Tuí, tuí, tua!” (M. Bandeira)
9. ( ) “Já em torno a tarde se entorta / a
atordoar o ar que arde.” (F. Pessoa)
10.( ) “Chorava a flor e gemia, / Branca,
branca de terror.” (V. de Carvalho)

3. Em cada frase abaixo ocorre uma silepse.
Classifique-a de acordo com o código:
a. ( ) silepse de gênero.
b. ( ) silepse de número.
c. ( ) silepse de pessoa.
1. ( ) “E todos assim nos distraímos nesses
preparativos.” (A. Machado)
2. ( ) Já vem chegando o sol, e São Paulo
desperta, a princípio tímida, e logo agressiva e
barulhenta.
3. ( ) “A multidão vai subindo, subiram,
subiram mais.” (M. Mendes)


E- QUESTÕES DISCURSIVAS

1. (FUVEST) Que figuras ocorrem nas frases
destacadas:
a) “As casas espiam os homens
que correm atrás das mulheres.” (C.D.Andrade)
.............................................................................
b) “Só não é dele a tua tristeza, ó minha triste
amiga!
Porque ele não a quer.” (M. Bandeira)
.............................................................................

2. (FUVEST) Que figuras ocorrem nas frases
destacadas:
a) “E fizeste isto durante vinte e três anos (...)
até que um dia deste o grande mergulho nas
trevas (...)” (M. de Assis)
191
.............................................................................
b) “Moça linda bem tratada,
Três séculos de família,
Burra como uma porta:
Um amor.” (M. de Andrade)
.............................................................................

3. (CÁSPER LÍBERO) Qual a figura que
ocorre nos versos:
a) “Acorda, Maria, é dia
de matar formiga
de matar cascavel
de matar estrangeiro
de matar irmão
de matar impulso
de se matar.” (C.D. de Andrade)
.............................................................................
b) “Diamante. Vidraça.
Arisca, áspera asa risca
o ar. E brilha. E passa.” (G. de Almeida)
.............................................................................

4. (FEI) “Ninguém deve aproximar-se da jaula,
o felino poderá enfurecer-se, quebrar as grades,
despedaçar meio mundo.” (M. Mendes)
Na passagem acima, além de ocorrer uma
hipérbole, está caracterizada uma figura que
consiste numa gradação.
a) Como se chama essa figura?
.............................................................................
b) Aponte onde ocorre a hipérbole.
.............................................................................

5. (FMP)
“A felicidade é como uma pluma
Que o vento vai levando pelo ar
Voa tão leve
Mas tem a vida breve
Precisa que haja vento sem parar.
...
A felicidade é como a gota
De orvalho numa pétala de flor
Brilha tranqüila
Depois de leve oscila
E cai como uma lágrima de amor.”

1. Os versos acima são de Vinícius de Morais.
Nas passagens destacadas, que figura ocorre?
.............................................................................
2. E se o autor quisesse usar metáfora, como as
frases ficariam?
.............................................................................
............................................................................

6. Identificar a figura do texto abaixo:
“Como você vê, fazer uniformes com a Santista
é sopa.”
.............................................................................

7. (FAAP) Oswald de Andrade proclamava
no poema-programa “Falação:
“A língua sem arcaísmos. Sem erudição.
Natural e neológica.
A contribuição milionária de todos os erros.”
Os trechos que seguem mostram que o poeta foi
fiel ao programa. Neles você encontrará alguns
solecismos. Sua tarefa consiste em determiná-
los e corrigi-los, segundo as exigências da
norma gramatical culta.
“O noivo da moça
Foi para a guerra
E prometeu se morresse
Vir escutar ela tocar piano.”
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................
............................................................................

“Se Pedro Segundo
Vier aqui
Com história
Eu boto ele na cadeia”
Resp.:
.............................................................................
.............................................................................
.............................................................................

8. Identificar a figura do texto abaixo:
“Inédito, novo, inteligente e moderno, o Abridor
Afiador automático Arno combina com duas
importantes utilidades num só aparelho.”
.............................................................................
.............................................................................

9. (INATEL) Reconheça e classifique as
figuras de palavras, de construção e de
pensamento; identifique a seqüência obtida.
( ) “Quando uma lousa cai sobre um cadáver
mudo.”
( ) “Terrível hemorragia de sangue.”
( ) “Das idades através.”
( ) “Oxalá tenham razão.”
( ) “Trejeita, e canta, e ri nervosamente.”

(1) polissíndeto
(2) hipérbato
(3) epíteto
(4) pleonasmo
(5) elipse

10. (FUVEST) Os vícios de linguagem podem
ser um recurso estilístico para a
caracterização das personagens.
Nas passagens que seguem, os autores
utilizaram-se desse recurso. Identifique o
vício de linguagem e classifique-o:
1. “-Se a grama morrer, ninguém mais pode ver
ela – raciocinou a lei.” (P.M.Campos)
192
.............................................................................
............................................................................
2. “-Canguru é utilíssimo. – Vivo, fessora?
(C.D.Andrade)
.............................................................................
.............................................................................
3. “-Não vim aqui com tenção de lhe matar.”
(R.Queiroz)
.............................................................................
.............................................................................
4. “A velha abriu-se em sorriso (...):
- Qué dize qui está mêlhó! Qué dize qui está
mêlhó! clamou satisfeita.” (C. dos Anjos)
.............................................................................
.............................................................................


F- TESTES

1. (SANTA CASA) Elipse é uma das figuras
de sintaxe mais usadas e pode ser definida
como sendo “a omissão, espontânea ou
voluntária, de termos que o contexto ou a
situação permitem facilmente suprir.”
De acordo com a definição, há um bom
exemplo de elipse em:
a. ( ) “Entre cá dentro, berrou o guarda.”
b. ( ) “O balão desceu cá para baixo.”
c. ( ) “Lá fora, umidade; tinha garoado muito.”
d. ( ) “Eu parece-me que tenho uma fome
danada.”
e. ( ) “Do bar lançou-me para a sarjeta.”

2. (SANTA CASA) As silabadas, ou erros de
prosódia, são freqüentes no uso da língua.
Assinale a alternativa onde não ocorre
nenhuma silabada:
a. ( ) Eis aí um prototipo de rúbrica de um
homem valioso.
b. ( ) Para mim a humanidade está dividida em
duas metades: a dos filântropos e a dos
misântropos.
c. ( ) Os arquétipos de iberos são mais pudicos
que se pensa.
d. ( ) Nesse interim chegou o médico com a
contagem de leucocitos e o resultado da cultura
de lêvedos.
e. ( ) Ávaro de informações, segui todas as
pegadas do éfebo.

3. (UFPR) Em qual das frases há silepse de
pessoa?
a. ( ) Deus e tu o criastes.
b. ( ) Eu, tu, ele, nós, vós, todos somos filhos
de Deus.
c. ( ) Os 150 milhões de brasileiros falamos e
escrevemos a língua portuguesa.
d. ( ) Teu amigo e eu fomos muito bem
recebidos.
e. ( ) Hoje são 6 de janeiro.

4. (UFPR) Qual das frases contém silepse de
número?
a. ( ) Coisa curiosa é gente velha. Como
comem!
b. ( ) Passará o céu e a terra, mas minhas
palavras não passarão.
c. ( ) O inferno, o demônio e tu o criaram.
d. ( ) Estas figuras todas que aparecem bravos
na vista e feros nos aspectos...
e. ( ) Sois injustos comigo.

5. (AMAN) Há uma evidente onomatopéia
em:
a. ( ) “Os bois tafulham as munhecas, com
cloques sonoros.”
b. ( ) “E Soronho ri, com estrépito e
satisfação.”
c. ( ) “...um tremembé atapetado de alvas
florinhas de bem-casados e de longos botões
fusiformes de lírios.”
d. ( ) “Vam’bora, lerdeza! Tu é bobo e mole; tu
é boi?!...”
e. ( ) “De eis, Buscapé, e depois Namorado,
acabaram.”

6. (UFPR) Assinale a alternativa em que se
dá silepse de número:
a. ( ) Sois muito injustos comigo, meus
amigos.
b. ( ) Passará o céu e a terra, mas minhas
palavras não passarão.
c. ( ) O inferno, Deus e tu o criaram.
d. ( ) Coisa curiosa é gente velha. Como
comem!
e. ( ) Estas figuras todas que aparecem, bravos
na vista e ferozes nos aspectos...

7. (MACK) “Com enxada, ou espada, ou
verbo ardente, / Todos temos um sulco a
abrir na terra / E mãos para espalhar
qualquer semente.” Nos versos, pode-se
reconhecer o emprego de:
a. ( ) silepse
b. ( ) anacoluto
c. ( ) hipérbato
d. ( ) pleonasmo
e. ( ) não sei.

8. (FMU) Em “Dizem que os cariocas somos
pouco dados aos jardins públicos” (M. de Assis),
há:
a. ( ) pleonasmo
b. ( ) hipérbato de pessoa
c. ( ) silepse de gênero
d.( ) silepse de pessoa
e. ( ) silepse de número

9. (PUC) “Está uma pessoa ouvindo missa,
meia hora o cansa e atormenta e faz romper
em murmurações.” Nesta frase há:
193
a. ( ) um anacoluto
b. ( ) uma metáfora
c. ( ) uma prosopopéia
d. ( ) uma silepse
e. ( ) n.d.a.

10. (FRANCISCANAS) Em “Com seus olhos
pequeninos via toda majestade da imponente
figura”, temos:
a. ( ) hipérbole
b. ( ) pleonasmo
c. ( ) metáfora
d. ( ) metonímia
e. ( ) catacrese

11. (FAU SANTOS) Nos versos:
“Bomba atômica que aterra
Pomba branca da paz
Pomba tonta, bomba atômica...”
a repetição de determinados elementos
fônicos é um recurso estilístico denominado:
a. ( ) hiperbibasmo
b. ( ) sinédoque
c. ( ) metonímia
d. ( ) aliteração
e. ( ) metáfora

12. (FMU) Em:
“Eu que era branca e linda, eis-me medonha e
escura. Inspiro horror... Ó tu que ...” (M. Bandeira)
há:
a. ( ) anacoluto, que é a interrupção ou
mudança de construção sintática já começada
por outra de nexo diferente.
b. ( ) anáfora, que é a interrupção ou mudança
de construção sintática já começada por outra de
nexo diferente.
c. ( ) perífrase, eu é a interrupção ou mudança
de construção sintática já começada por outra de
nexo diferente.
d. ( ) gradação, que é a figura de estilo que
consiste no aumento ou diminuição gradual de
idéias.
e. ( ) prosopopéia.

13. (MARINGÁ) Leia os versos e depois
assinale a alternativa correta:
“Amo do nauta o doloroso grito
Em frágil prancha sobre o mar de horrores,
Porque meu seio se tornou pedra,
Porque minh’alma descorou de dores.”
(F. Varela)
No primeiro verso, há uma figura que se
traduz por:
a. ( ) pleonasmo
b. ( ) hipérbato
c. ( ) gradação
d. ( ) anacoluto
e. ( ) anáfora

14. Ocorre silepse nas alternativas:
1. ( ) Está uma pessoa ouvindo missa, meia
hora o cansa e atormenta e faz romper em
murmurações.
2. ( ) Tristeza não tem fim, Felicidade sim (...)
(V. de Moraes)
4. ( ) Eu fujo ou não sei não, mas é tão duro
este infinito espaço ultrafechado. (C.D.A.)
8. ( ) Ninguém quer comprar. Se ainda
estamos aberto é por honra da firma. (J.J. Veiga)
16. ( ) Enfim, lá em São Paulo todos éramos
felizes graças ao seu trabalho. (R. Braga)
32. ( ) Uma moça, nossa vizinha, dedilhava
admiravelmente mal ao piano alguns estudos de
Lizt. (M. Mendes)
64. ( ) A praia deserta, ninguém àquela hora na
rua. (A. Dourado)

15. Em relação às figuras de linguagem, todas
as alternativas estão corretas, exceto:
1. ( ) Meu corpo é uma fogueira. (metáfora)
2. ( ) O Aleijadinho deixou esculpida na
pedra a história de uma época. (antonomásia)
4. ( ) “Um deles queria saber dos meus
estudos; outro, se fazia coleção de selos (...)”
(J.L.Rego) (zeugma)
8. ( ) Enterrou a espada no dorso do touro.
(catacrese)
16. ( ) “E a menina, para não passar a noite só,
era melhor eu fosse dormir na casa de uns
vizinhos (...)” (R de Queiroz) (anacoluto)
32. ( ) E todos seguimos a casa. (silepse)
64. ( ) “Tristeza não tem fim / Felicidade sim
(...)” (V. de Moraes) (hipérbole)

16. (UFPR) Poesia com lamentação
do local de nascimento
Tudo o que eu digo, acreditem,
teria mais solidez
se em vez de carioquinha eu fosse um velho
chinês.
(Millôr Fernandes)
Assinale os provérbios cujo sentido se
aproxime desta “Lamentação” de Millôr
Fernandes:
1. ( ) “Em casa de ferreiro, espeto de pau.”
2. ( ) “Santo de casa não faz milagres.”
4. ( ) “Água mole em pedra dura, tanto bate
até que fura.”
8. ( ) “Quem vê cara não vê coração.”
16. ( ) “A galinha do vizinho é sempre mais
gorda.”
32. ( ) “O pasto é sempre mais verde do lado
de lá da cerca.”
64. ( ) “Quem não tem cão caça com gato.”




194
GABARITO – FIGURAS DE LINGUAGEM


A- EXERCÍCIOS
I- D, A, E, A, E, B, D, B, F, C, F, C.
II- C, B, E, C, E, D, A, D, B, A.
III- hipérbole
IV- antítese
V- paradoxo
VI- antonomásia
VII- metonímia; autor pela obra.
B- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) a) “...carro vermelho de bombeiro com a sirene uivando...”
b) “... era escorpião abrasado de fogo.”
2) “...mais alto que a gritaria dos pardais entre as folhas –“
3) O texto se estrutura em 3ª pés., evidenciando narrador onisciente; portanto, o foco narrativo ou ponto de vista é de
terceira pessoa.
4) “Medroso lhe entendesse o clamor no peito mais alto que a gritaria dos pardais entre as folhas – qual será o pardal
e qual a folha?...
“Aprendeu os hábitos da moça – roia unha, míope dissimulada, não franzia as pálpebras antes de atravessar a rua?”
- As duas passagens apresentam discurso indireto livre ou monólogo interior, o que caracteriza a onisciência do
narrador.
C- TESTES
1. d 2. e 3.c 4.d 5.d 6.e
7. a 8. d 9.c 10. b 11. d 12. a
13. b 14. b 15. e 16.d 17.d
D- EXERCÍCIOS
I- 1. silepse de número. 2. assíndeto 3. anáfora 4. silepse de gênero 5. zeugma 6. silepse de pessoa
7. silepse de gênero 8. hipérbato 9. pleonasmo 10. anacoluto 11. polissíndeto 12. anacoluto
13. pleonasmo 14. hipérbato 15. silepse de pessoa 16. elipse 17. aliteração 18. anáfora e zeugma
19. anacoluto 20. anáfora e silepse de pessoa.
II- B, G, A, D, B, A, F, G, C.
III- C, A, B.
E- QUESTÕES DISCURSIVAS
1) a) prosopopéia b) apóstrofe
2) a) eufemismo b) ironia
3) a) anáfora b) aliteração
4) a) clímax b) “...despedaçar meio mundo.”
5) 1. comparação 2. a felicidade é uma pluma... a felicidade é uma gota de orvalho...
6) metonímia
7) Vir escutar ela: vir escutá-la. Eu boto ele: eu o boto(-o)
8) prosopopéia (personif.)
9) 3, 4, 2, 5, 1.
10) 1. solecismo 2. barbarismo 3. solecismo 4. barbarismo.
F- TESTES
1. c 2. c 3. a 4. a 5. a 6. d 7. a 8. d
9. d 10. b 11.d 12.a 13.b 14. 25 15. 64 16.50







8. (IDR/Metrô) Assinale a alternativa cujos vocábulos NÃO são acentuados pela mesma regra: a. ( ) público, jurídico, técnico b. ( ) econômico, caráter, político c. ( ) exercício, área, médio d. ( ) auxílio, tênue, nódoa 9. (UnB/FUB) Identifique a opção em que todas as palavras são acentuadas graficamente por causa da mesma regra: a. ( ) proteína / reúnem / céu b. ( ) demência / negócio / difícil c. ( ) atrás / áspero / entusiástico d. ( ) alguém / contêm / abdômen e. ( ) paraíso / daí / destituído 10. (EMBRAPA) Aponte o grupo de palavras que são acentuadas pela mesma razão de “usufruímos”: a. ( ) ímãs, lápis, hífen b. ( ) viúva, saída, faísca c. ( ) típico, crítico, últimas d. ( ) concluímos, tínhamos, previsível 11. (UnB/CAESB) Assinale a opção gramaticalmente correta: a. ( ) Os usuários crêm que o atendimento tende a melhorar. b. ( ) É necessário que eles dêm atenção às instalações hidráulicas. c. ( ) O cliente vêem reclamar do serviço na agência central. d. ( ) Os técnicos lêem as instruções antes do trabalho. e. ( ) As obras vem resolver o problema do abastecimento.

12. (UnB/TCU) Assinale a opção correta quanto à grafia dos verbos sublinhados: a. ( ) Os artistas crêem que a restauração do Centro Histórico é uma conquista cultural comunitária. b. ( ) Os intelectuais vêem com bons olhos a consolidação da consciência em relação ao patrimônio. c. ( ) Os empresários vem instalando lojas, cafés, restaurantes, escritórios e estúdios no Centro. d. ( ) É preciso que os cidadãs deem valor ao trabalho de restauração e preservem as características originais do estilo barroco. e. ( ) Cores, formas, detalhes em madeira e em alvenaria compoêm o cenário de casarões coloniais do Centro Histórico. 13. (ESAF/TRT) Assinale a opção que apresenta a acentuação incorreta das palavras: a. ( ) Tivéssemos recursos, empreenderíamos algum negócio. b. ( ) Pela síntese da exposição dos projetos, vê-se que trarão ônus para o governo. c. ( ) Esta área está interditada por um breve período. d. ( ) Atletas mais ágeis obtém melhores resultados nas competições. e. ( ) Três jovens advogados esperam os juízes para o início da sessão.

GABARITO

1º Grupo 2º Grupo 01 - A 08 - B

1 F F

2 F F 02 - C 09 - E

3 V V 03 - A 10 - B

4 F V

5 F F 04 - A 11 - D

6 F F 05 - B 12 - A

7 V F

8 V V 06 - B 13 - D

9 F F

10 F F 07 – C

2

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->