Metodologia para determinação de densidade real e aparente de pós Definição.

Densidade aparente (densidade bruta) corresponde ao volume ocupado por uma determinada massa de sólido (pó ou granulado), incluindo a porosidade (poros intragranulares). Densidade real corresponde ao real volume determinado sólido ocupa, não levando em conta porosidade. Procedimento 1)Densidade aparente Pesa-se uma proveta graduada de 100mL vazia e anota-se sua tara. Introduz-se na proveta cerca de 50mL do pó peneirado. Bate-se por três vezes em uma superfície dura com intervalo de 2 segundos entre cada batida. Realiza-se a leitura do volume obtido após as “batidas”, pesa-se a proveta para determinar a massa da amostra, descontando a tara da proveta. Então para determinar a densidade aparente, calcula-se com a equação a seguir: que sua

Da= Massa(g)/Volume aparente(mL)

2)Densidade real Toma-se 20g da amostra do pó coloca-se em uma proveta graduada de 50mL.

Adiciona-se. água até que a proveta esteja com 50mL. Então calcula-se a densidade real com a fórmula a seguir: Dr=M/(Vp-Va) M-massa da amostra Vp-volume da proveta Va-volume de água gasto para completar a proveta. . faz-se a leitura de quanta água sobrou na bureta e assim se determina quanto líquido foi necessário para completar 50mL na proveta. com uma bureta de 50mL.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful