Você está na página 1de 15

Processos de Conformação Mecânica

Difusão

Prof. Esp. Pinheiro Filho


Mossoró – 2017.2
1
Difusão
 Difusão:
• Processo de transporte de massa que ocorre através do
movimento atômico causado por um GRADIENTE DE
CONCENTRAÇÃO

• TRATAMENTOS TÉRMICOS.
• TRATAMENTOS DE CEMENTAÇÃO.
• TRANFORMAÇÃO DE FASES.

14/08/2017 2
Difusão
 Processo de Difusão
Cu Ni
Resfriamento por
Aquecimento até tempo
a
prolongado, abaixo
temperatura ambiente.
da
temperatura de fusão dos
materiais.
Concentração de

100
Cu, Ni (%)

0
Posição

04
Materiais para Construção Mecânica
Difusão
Difusão
 Mecanismos da Difusão
– DIFUSÃO POR LACUNA: envolve a AUTO-DIFUSÃO (ÁTOMOS DO PRÓPRIO
MATERIAL) e a INTERDIFUSÃO (ÁTOMOS DE IMPUREZA). Condições:
– Existência de um sítio adjacente vazio.
– Átomo com energia suficiente para quebrar as ligações com seus vizinhos e
causar uma distorção na rede.
ÁTOMO HOSPEDEIRO OU
LACUNA
SUBSTITUCIONAL

LACUNA

05
Difusão
 Mecanismos da Difusão:
• DIFUSÃO INTERSTICIAL: é muito mais rápida do que a
lacunar
ÁTOMO INTERSTICIAL

14/08/2017 5
Difusão
 Difusão em estado estacionário:
• Fluxo Difusional
ΔM
J
A  Δt
• Difusão em regime estacionário (Primeira Lei de Fick):

• Onde D é o coeficiente de difusão (m²/s).

14/08/2017 6
Difusão
 Difusão em estado estacionário:

14/08/2017 7
Difusão
Ex.1: Uma placa de ferro é exposta a uma atmosfera carbonetante
(rica em carbono) em um de seus lados, e a uma atmosfera
descarbonetante (deficiente em carbono) no outro, a 700 °C. Se
uma condição de estado estacionário é atingida, calcule o fluxo de
difusão de carbono através da placa, sabendo-se que as
concentrações de carbono nas posições a 5 e a 10 mm abaixo da
superfície carbonetante são de 1,2 e 0,8 kg/m3, respectivamente.
Suponha um coeficiente de difusão de 3 × 10-11 m2/s a essa
temperatura.

14/08/2017 8
Difusão
 Difusão em estado não estacionário:
• Segunda Lei de Fick
Concentração

Posição

14/08/2017 9
Difusão
 Difusão em estado não estacionário:
• Segunda Lei de Fick – Condições de Resolução:
1. Antes da difusão, todos os átomos do soluto em difusão que estiverem no
sólido estão distribuídos de maneira uniforme, com uma concentração C0;
2. O valor de x na superfície é zero e aumenta com a distancia no interior do
sólido;
3. O tempo zero é tomado como o instante imediatamente anterior ao início
do processo de difusão.
Condição inicial:
Para t = 0, C = 𝐶0 em 0 ≤ 𝑥 ≤ ∞

Condições de Contorno:
Para t > 0, C = 𝐶𝑠 (a concentração constante na superfície do sólido) em x = 0
Para t > 0, C = 𝐶0 em x = ∞
14/08/2017 10
Difusão
 Difusão em estado não estacionário:
• Segunda Lei de Fick:
Cx  C0  x 
 1 erf  
CS  C0  2 D  t 

2 z y
erf z  
2

0 e dy
π

14/08/2017 11
Difusão
Ex.2: Para algumas aplicações, torna-se necessário endurecer a superfície de
um aço para níveis acima do existente em seu interior. Uma das maneiras de se
executar isso é pelo aumento da concentração superficial de carbono, através
de um processo conhecido por CARBONETAÇÃO (OU CEMENTAÇÃO). A peça de
aço é exposta, em temperatura elevada, a uma atmosfera rica em um
hidrocarboneto gasoso, como o metano (CH4).

Considere uma dessas ligas que contenha inicialmente uma concentração


uniforme de carbono de 0,25%p e que deva ser tratada a uma temperatura de
950 °C. Se a concentração de carbono na superfície for repentinamente elevada
e mantida em 1,20%p, quanto tempo será necessário para se atingir um teor de
carbono de 0,80%p em uma posição localizada 0,5 mm abaixo da superfície? O
coeficiente de difusão do carbono no ferro a essa temperatura é de 1,6×10-11
m2/s. Suponha que a peça de aço seja semi-infinita.

14/08/2017 12
Difusão
 Fatores que influenciam a difusão:
• Espécie em Difusão;
• Influenciam o coeficiente de difusão;
• Temperatura
• exerce grande influência sobre os coeficientes e taxas de difusão;

Onde:
D: coeficiente de difusão (m2/s)
D0: constante independente da temperatura.
 Q  Qd: ENERGIA DE ATIVAÇÃO para a difusão
D  D exp    d
(J/mol ou eV/átomo).
 RT 
0
R: constante dos gases (8,31 J/mol·K ou
8,62×10-5 eV/átomo).
T: temperatura absoluta (K).

14/08/2017 13
Difusão
 Fatores que influenciam a difusão:

14/08/2017 14
Difusão
Ex.3: Calcule o coeficiente de difusão para o
magnésio no alumínio a 550 °C.

14/08/2017 15