Você está na página 1de 30

Sinais Vitais

Aparelhos Médicos

Cuidados Médicos Iniciais I


Caroline Biazzolo
Liciane A Fabro Scaini
Sinais Vitais

Pulsos arteriais/ frequência


cardíaca
Temperatura corporal
Pressão arterial
Frequência respiratória
Dor
Pulsos Arteriais/FC
 Medida indireta do funcionamento do coração
 Avaliar frequência, ritmo, amplitude.
Taquicardia, bradicardia, normocardia
Rítmico, arrítmico
Cheio, filiforme, não palpável, sem pulso
FC normal RN > 160 bpm
2 meses – 1 ano: 160 bpm
1 ano – 8 anos: 110 – 120 bpm
adulto: 50 – 100bpm
Pulsos Arteriais
 Radial (entre o processo estilóide do rádio e o tendão dos
flexores)
 Braquial (borda interna do músculo bíceps)
 Axilar (fossa axilar)
 Pedioso (entre tendões flexores 1º e 2º metatarsos – dorso do
pé)
 Tibial (região retromaleolar interna)
 Poplíteo (fossa poplítea)
 Femoral (região iguinocrural, logo abaixo do ligamento
inguinal)
 Carotídeo (ângulo da mandíbula, de cada lado da traquéia)
 EPI, higiene, polpas digitais do 2º e 3º dedos das mãos, anotar,
higiene
Pulsos Arteriais
Temperatura corporal
 Regulada pelo hipotálamo
 Febre Tax > 37,8ºC
 Hipertermia Tax > 40ºC
 No Brasil, temperatura axilar a mais usada:
menos exata, menos precisa
temp em ascensão, vasoconstrição periférica, pele baixa,
central sobe
temperatura retal: mais confiável, 0,8 – 1ºC maior que axilar
temperatura timpânica: semelhante à retal, alto custo do
aparelho
temperatura oral: 0,5ºC maior que axilar, líquidos quentes ou
frios interferem
Temperatura Corporal
 Higienizar termômetro antes do contato com
o paciente
 Posicionar adequadamente na “fossa axilar”
 Aguardar no mínimo 5 minutos
 Retirar, ler e anotar
 Higienizar aparelho novamente
Pressão Arterial
 É a medida da força do sangue bombeado
pelo coração exercida sobre as artérias
 Pressão arterial sistólica (pico de pressão)
 Pressão arterial diastólica (pressão mínima)
 120/80 mmHg
 Normotensão, hipertensão, hipotensão, PA
inaudível
Pressão Arterial
Esfigmomanômetro
Manômetro
Manguito
Válvula de liberação de ar
Estetoscópio
Pressão Arterial
Pressão Arterial
Pressão Arterial
Pressão Arterial Invasiva
Frequência Respiratória
Frequência Respiratória
 Avaliar freqüência respiratória
Rn – 2 meses: 60 rpm
2 meses – 1 ano: 50 rpm
1 ano – 5 anos: 40 rpm
6 anos – 8 anos: 30 rpm
adulto: 16 – 20 rpm
 Avaliar profundidade das incursões (superficial ou profunda)
 Avaliar a regularidade das incursões (regular ou irregular)
 Avaliar padrão ventilatório
 Avaliar sons associados (ruído, estridor, sibilos)
Frequência Respiratória
 Taquipnéia, bradipnéia, normopnéia/
eupnéia, apnéia
 Dispnéia, ortopnéia, dispnéia paroxística
noturna
 Hipoventilação, hiperventilação
 EPI Sn, relógio, contar em 1 minutos para
menores de 1 ano, 15 seg X 4 para adultos,
anotar
Dor
5º sinal vital
Pode definir uma emergência
Escalas de dor
Dor
Oxímetro de pulso
Ventilador
Bombas de infusão
contínua
Cardiodesfibrilador e
Marca- passo transvenoso
Bolsa – valva – máscara
de O2
Laringoscópio e lâminas
Eletrocardiograma
Sinais Vitais

Prática