Você está na página 1de 11

1

Janaína - GRAMÁTICA
1.

No que se refere aos sentidos e aos aspectos linguísticos do texto precedente, julgue o
próximo item.

Seria mantida a correção gramatical do período caso a locução “iam ocorrer” (ℓ.16)
fosse substituída por  ocorriam  ou  ocorreriam, mas apenas a substituição por  ocorre-
riam preservaria a ideia original do texto.

2.

Na linha 1, estaria mantida a correção gramatical do texto caso a forma verbal “ganhou”
estivesse flexionada na terceira pessoa do plural, concordando com o termo “produtos”.

3.

Estaria mantida a correção gramatical do texto caso a forma verbal “acreditam” (linha 14)
estivesse flexionada na terceira pessoa do singular para concordar com a expressão per-
centual “48%” (linha 13).

4.

Na oração “E ainda é preciso” (linha 35), o verbo está flexionado na terceira pessoa do sin-
gular porque o sujeito é oracional.

2
5.

A supressão da vírgula após o termo “individual” (linha 9) não prejudicaria a cor-


reção gramatical do texto e serviria para destacar o sujeito da oração posterior.

6.

Em “Torna-se essencial o investimento em tecnologia e inovação” (linhas 36 e 37), o verbo


está flexionado na terceira pessoa do singular porque concorda com o termo “essencial”,
que funciona como sujeito da oração.

7.

Na forma verbal “Cogita-se” (linha 28), a partícula “se” indica que o sujeito da oração é in-
determinado.

8. Mas era preciso levar suas poucas coisas. Uma calça, duas camisas, um rádio de cabecei-
ra, talcos, dentifrícios, uma lavanda, quatro ou cinco toalhas. Cabia tudo em uma mala só.
Mas tinha a gaveta. Tinha de desocupar aquela gaveta. Cinco ou seis cartas guardadas ali.

Na oração “Cabia tudo em uma mala só”, o vocábulo “tudo” exerce a função de sujeito.

9. Quando anoitecia, toda aquela vizinhança começava, ao mesmo tempo, a fazer bife, e
o ar ficava cheirando a cebola e alho. Ia-se embora, com alegria até, porque o outro apar-
tamento tinha uma janela de onde era possível ver o mar, não todo, mas um pedacinho
que, lá um dia, talvez lhe mostrasse um navio passando.

No sétimo período do primeiro parágrafo, a forma “lhe” desempenha a função de com-


plemento indireto da forma verbal “mostrasse” e funciona como elemento de coesão ao
retomar o personagem da narrativa.

3
10.

Na linha 10, o termo “rapidamente” funciona como objeto do verbo “ler”.

11.

Os termos “de gênero” (ℓ.19), “da igualdade racial” (ℓ. 19 e 20) e “dos direitos humanos”
(ℓ.20) complementam a palavra “justiça” (ℓ.19).

12.

Em “temos o ‘jeitinho’ virando corrupção” (ℓ.15), os termos ‘jeitinho’ e “corrupção” funcio-


nam como complementos diretos da forma verbal “temos”.

13.

Quanto à correção gramatical e à coerência das substituições propostas para vocábulos e


trechos destacados do texto, julgue o item.

“no que toca à” (linha 40) por no que diz respeito da

14.

O emprego do acento indicativo de crase em “às atividades” (linhas 55 e 56) justifica-se


pela regência do substantivo “retorno” (linha 55) e pela anteposição de artigo definido ao
termo “atividades”.

4
15.

Na linha 16, o emprego do acento indicativo de crase em “às demandas” justifica-se pela
regência do nome “adequados” e pela anteposição de artigo definido ao termo “deman-
das”.

16.

Na linha 14, o emprego do acento indicativo de crase em “à mudança climática” justifica‐


se pela regência do verbo “Adaptar” e pela anteposição de artigo definido ao substantivo
“mudança”.

17.
Isso expandiu enormemente nossa capacidade de entender como o mundo funciona e
nossa habilidade de inventar novas tecnologias, mas nos coloca diante de um problema
sério que a maioria dos nossos ancestrais não precisou enfrentar. Nosso pressuposto atual
de que não sabemos tudo e de que até mesmo o conhecimento que temos é provisório
se estende aos mitos partilhados que possibilitam que milhões de estranhos cooperem
de maneira eficaz.

Feitos os devidos ajustes de maiúsculas e minúsculas, o ponto final que encerra o segun-
do período do quarto parágrafo, após “enfrentar”, poderia ser substituído corretamente
pelo sinal de dois-pontos, visto que o período subsequente explica o que é o “problema
sério” mencionado.

18.

A correção gramatical será mantida se for inserido travessão duplo no lugar dos parênte-
ses das linhas 2 e 3, com as devidas adaptações de espaçamento.

19.

Estaria mantida a correção gramatical do texto, mas não o seu sentido original, caso fosse
inserida uma vírgula após o termo “on‐line” (linha 8).

5
20.

Estariam mantidas a correção gramatical e a coerência do texto caso o ponto final em-
pregado após o vocábulo “isso” (linha 2) fosse substituído por dois pontos, feito o devido
ajuste de inicial maiúscula/minúscula no período.

Carlinhos Costa e William Dornela - Conhecimentos Pedagógicos

1. A gestão democrática tem a finalidade de A gestão democrática do ensino público


garantir a centralidade da escola no siste- pressupõe tanto a participação dos profis-
ma e seu caráter público quanto ao finan- sionais da educação no projeto pedagógico
ciamento, à gestão e à destinação. da escola, quanto a participação da comu-
nidade local, além da própria comunidade
2. A construção do PPP, na perspectiva da escolar, nos conselhos escolares.
gestão democrática, fundamenta-se nos
mesmos princípios que norteiam a escola 7. Com base na Lei de Diretrizes e Bases da
pública e democrática. Educação Nacional, julgue o item a seguir.

3. As instituições públicas de educação su- A gestão democrática é um princípio que se


perior obedecerão ao princípio da gestão aplica tanto à rede pública de ensino como
democrática, assegurada a existência de ór- à rede privada.
gãos colegiados deliberativos, de que parti-
ciparão os segmentos da comunidade insti- 8. As Diretrizes Curriculares Nacionais Ge-
tucional, local e regional.
rais da Educação Básica estabelecem a
base nacional comum, responsável por
4. Com relação ao projeto político-pedagó-
orientar a organização, a articulação, o de-
gico (PPP), que norteia as ações educativas
senvolvimento e a avaliação das propostas
no ambiente organizacional, julgue o item
pedagógicas de todas as redes de ensino
subsecutivo.
brasileiras. Acerca desse assunto, julgue os
Mesmo na gestão democrática, as decisões itens subsecutivos.
sobre formas de organização e de gestão
são de responsabilidade exclusiva da dire- Com relação à gestão democrática e à or-
ção do projeto. ganização da escola, a legislação vigente
define o conceito de gestão democrática
5. Na concepção de gestão democrática, no tocante à horizontalização das relações.
o trabalho em equipe deve ser valorizado Entretanto, omite a forma de escolha dos
desde o planejamento até a execução das gestores escolares, o que ocasiona interpre-
atividades. tações ambíguas e disparidades regionais
sobre o tema.
6. Considerando que a gestão democrática
do ensino público é um dos princípios ins- 9. A respeito das diferentes formas de par-
critos na CF e na Lei de Diretrizes e Bases da ticipação da comunidade escolar na gestão
educação, julgue os itens que se seguem. da educação, julgue o item a seguir.

6
A prática da gestão democrática, a existên- 15. Embora a CF estabeleça que a educação
cia de conselhos escolares e a participação deva ser organizada com base na gestão
da comunidade escolar na gestão da escola democrática e que a LDB preveja que isso
pública constituem uma forma de partici- se dê mediante a participação de diferen-
pação democrática radical. tes representantes da comunidade escolar
interna e externa — diretores, professores,
10. Com relação à gestão escolar, julgue o item. funcionários, estudantes, pais e outros re-
presentantes da comunidade —, essa par-
Na gestão democrática, todos participam ticipação não constitui condição essencial
das decisões, portanto não existem respon- para a implementação da gestão democrá-
sabilidades individuais. tica, uma vez que ela envolve mecanismos
outros de implementação.
11. Com relação à atuação do pedagogo na
escola, julgue o seguinte item. 16. A Constituição Federal estabelece no
Art. 206 os princípios pelos quais o ensino
A gestão democrática, como princípio norte- deve ser ministrado. Dentre eles destaca-se
ador da gestão da escola pública, pressupõe a gestão democrática do ensino regular na-
o envolvimento da comunidade escolar in- cional.
terna na organização, execução e avaliação
do trabalho ah desenvolvido, prescindindo 17. A gestão democrática promove engaja-
da participação da família na vida escolar. mento, envolvimento entre todos os seg-
mentos da comunidade escolar nas deci-
12. Com relação à atuação do pedagogo na sões, as ações da gestão se tornam mais
escola, julgue o seguinte item. transparentes, participativa e, principal-
mente, são corresponsáveis pelos processos
A implantação de conselhos escolares cons- e resultados obtidos no processo de ensino
titui uma estratégia de gestão democrática e aprendizagem.
da educação pública na busca de garantir a
efetiva participação das comunidades local 18. A gestão democrática alude ao proces-
e escolar na gestão da escola. so de participação coletiva, pressupondo,
portanto, instâncias colegiadas de cará-
13. Acerca dos níveis de educação e ensino ter deliberativo, a prática do processo de
propostos na Lei n.º 9.394/1996 (LDB), julgue escolha de dirigentes escolares, além da
os próximos itens. participação dos alunos na construção do
Projeto Político-Pedagógico e na definição
As instituições públicas de educação devem da aplicação dos recursos recebidos pelos
assegurar o princípio de gestão democráti- pais dos alunos.
ca por meio de instalações de órgãos cole-
giados, dos quais participem representan- 19. Uma gestão participativa, em relação a
tes de vários segmentos da comunidade. sua construção e às tomadas de decisão,
caracteriza-se por ser proativa e centrada
14. A Gestão Democrática será efetivada por na liderança de um diretor.
intermédio de alguns mecanismos de par-
ticipação, a ser regulamentados pelo Poder 20. A gestão democrática da escola traz
Executivo, como por exemplo: Conselho Es- consigo as dimensões essencialmente ad-
colar, Conselho de Classe, grêmio estudan- ministrativa, burocrática, financeira e pe-
til, direção da unidade escolar. dagógica.

7
Guilherme Augusto - Conhecimentos Pedagógicos

Sobre a gestão democrática julgue os 7. A partir de sua entrada em vigor, todos


itens de 1 a 5 os entes federativos devem criar ou ade-
quar seus planos de educação a ele.
1. A eleição direta para equipes diretivas
das unidades escolares são a ação pri- 8. Em 2014, a gestão democrática dos siste-
meira dos processos de autonomia dos mas de ensino foi retirada das suas dire-
entes federativos. trizes, por ser meta já alcançada.

2. Os estados e municípios, na condição 9. A inclusão de pessoas com deficiên-


de entes federativos, poderão optar por cia nas escolas regulares não constitui
um ou por outro princípio no processo de meta, por ser regulada por política na-
constituição de seus instrumentos norma- cional específica.
tivos da gestão democrática.
10. Por ter regulamentação própria, o fi-
3. Ao delegar autonomia aos entes federa- nanciamento da educação não faz parte
tivos para que construam seus instrumen- do conjunto de diretrizes e metas do PNE.
tos normativos da gestão democrática, a
Com relação às Tecnologias da Informa-
LDB perde seu caráter regulamentador.
ção e da Comunicação, julgue os itens de
11 a 15.
4. A construção participativa do proje-
to político‐pedagógico e a participação
11. A utilização das TIC nos processos edu-
da comunidade nos conselhos escolares cacionais não altera a relação nem as for-
são instrumentos fundamentais de regu- mas de comunicação entre educadores e
lamentação da gestão democrática. educandos.
5. A participação efetiva da comunidade 12. A utilização das TIC como mediadoras
escolar na construção do projeto político‐ do processo de ensino‐aprendizagem in-
pedagógico deve ser orientada pelo corpo depende das concepções que fundamen-
docente e pela equipe pedagógica da es- tam a prática pedagógica do professor e
cola, que têm a função de delimitar o espa- da escola.
ço de participação dos demais segmentos
da comunidade escolar. 13. Um dos principais desafios ao empre-
go das TIC nos processos educacionais é
garantir a formação dos professores para
O Plano Nacional de Educação (PNE), o uso crítico e reflexivo dos dispositivos
aprovado pela Lei n.º 13.005/2014, foi ins- tecnológicos.
tituído pela Constituição Federal de 1988
e estabelece metas e diretrizes para a 14. A rapidez na comunicação, propicia-
educação por um período de dez anos. da pela Internet, não altera as relações
Quanto ao PNE, julgue os itens de 6 a 10. sociais quanto às formas de ser‐estar‐
agir no mundo.
6. Orienta, mas não determina os planos
educacionais dos entes federativos, 15. O uso de dispositivos tecnológicos, me-
tendo em vista o princípio da autonomia, diando os processos de ensino‐aprendiza-
estabelecido pela LDB. gem, só se aplica em aulas expositivas.

8
Acerca da relação entre educação e Quanto à organização didático‐pedagógi-
sociedade e de suas dimensões filosó- ca na escola, julgue os itens de 21 a 25.
fica, sociocultural e pedagógica, julgue
os itens de 16 a 20. 21. Multidisciplinaridade é a abordagem
16. As ciências sociais, como a sociolo- que reúne duas ou mais disciplinas para
gia, a filosofia e a história da educação, abordar um conteúdo com maior apro-
oferecem poucos subsídios e construtos fundamento.
para o entendimento da dinâmica esco-
la‐sociedade. 22. Transdisciplinaridade diz respeito a
um tema ser abordado por diversas disci-
17. A teoria freireana afirma que a visão in-
plinas sem uma relação direta entre elas.
gênua da sociedade, reproduzida pela es-
cola, é de extrema importância para que
as classes populares sejam libertas. 23. Transdisciplinaridade é uma aborda-
gem em que há uma intercomunicação
18. O pensamento marxista aponta a luta de entre as disciplinas de tal modo que não
classes como a principal responsável pela existem fronteiras entre as disciplinas.
instituição da escola como aparelho ideoló-
gico do Estado.
24. Multidisciplinaridade é a abordagem
19. A dinâmica social está diretamente as- em que a divisão por disciplinas deixa de
sociada à evolução da educação, assim existir.
como a dinâmica educacional está direta-
mente ligada às transformações sociais. 25. Interdisciplinaridade diz respeito à
abordagem que reúne apenas duas disci-
20. Os elementos sócio‐histórico‐filosóficos
plinas para o aprofundamento de um tema.
que envolvem educação e sociedade fra-
gilizam a construção das políticas públicas
destinadas à educação infantil.

Suzele - LODF

1. Nos termos do art. 35 da LODF é assegu- 3. (QUADRIX – 2021 - CREFI 21 - adaptada)


rada a remoção da servidora pública vítima No que concerne aos fundamentais do DF
de violência doméstica e familiar, pela ad- previstos na LODF, julgue o item abaixo.
ministração direta e indireta e pelas autar-
quias, independentemente do interesse da
O direito de petição aos Poderes Públicos,
administração.
em defesa de direitos ou contra ilegalida-
2. De acordo com recente alteração da des ou abusos de poder, é assegurado, des-
LODF, para fins do disposto no art. 35, X, de que o interessado realize o pagamento
considera-se violência doméstica e familiar das taxas correspondentes ao ato solicitado.
contra a mulher qualquer ação ou omissão
baseada no gênero que lhe cause ameaça 4. (QUADRIX – 2021 - CREFI 21) A Constitui-
de morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou ção Federal de 1988 prevê que todo poder
psicológico e dano moral ou patrimonial, emana do povo, que o exerce por meio de
conforme o que dispõe o art. 5º da Lei fede- representantes eleitos ou diretamente.
ral nº 11.340, de 7 de agosto de 2006.

9
5. (QUADRIX – 2021 - CRBM 4 - adaptada) zero a cinco anos, bem como amamenta-
Nos termos da LODF, o Governador do ção durante o horário do expediente, nos 12
Distrito Federal, visando à reeleição, pode- primeiros meses de vida da criança.
rá fornecer cartilhas educativas que conte-
nham a sua imagem para órgãos públicos. 11. Flávio foi servidor público do DF por 35
anos. Atualmente encontra-se aposentado
6. (CESPE / CEBRASPE - 2021 - ANM - Téc- e verificou que após a sua aposentadoria,
nico em Segurança de Barragens) A busca seus colegas que ainda estão em atividade
pela redução da desigualdade social é um passaram a receber um benefício decorren-
dos objetivos prioritários previstos na Lei te da reclassificação do cargo. Diante disso,
Orgânica do Distrito Federal. mesmo já estando aposentado, Flavio teria
direito a esse benefício.
7. CESPE / CEBRASPE - 2011 - AL-CE - Analis-
ta Legislativo - Direito 12. Aplica-se a todas as empresas públicas e
às sociedades de economia mista distritais
Considerando a organização do Estado, jul-
o teto remuneratório previsto no inciso X
gue o item seguinte.
do art. 19 (subsídio mensal, em espécie, dos
Desembargadores do Tribunal de Justiça
O Distrito Federal (DF), tal como os demais
estados da Federação, organiza e mantém do Distrito Federal e Territórios), desde que
o seu próprio Poder Judiciário. tais entidades recebam recursos do Distri-
to Federal para pagamento de despesas de
8. Deputado Distrital pode solicitar licença pessoal ou de custeio em geral.
para tratar de interesse particular durante
a sessão legislativa, todavia, a licença não 13. A Câmara Legislativa reunir-se-á, anual-
pode ultrapassar 120 dias sob pena de per- mente, em sua sede, de 1º de fevereiro a 30
da do mandato de deputado. de junho e de 1º de agosto a 15 de dezembro.

9. Janaína assumiu cargo de Analista Admi- 14. Arnaldo resolveu se candidatar ao car-
nistrativo na Secretaria de Justiça do DF e foi go de governador do DF no ano de 2018.
definida que sua jornada seria de trinta ho- No primeiro turno, Arnaldo foi o candidato
ras semanais. Karina que também é servido- mais bem votado, mas como não obteve a
ra do DF só que em outro órgão se incomo- maioria absoluta de votos foi necessária a
dou ao saber que a jornada de trabalho de realização das eleições de segundo turno.
Janaína seria de 30 horas, pois a LODF deter- Todavia, antes da realização do segundo
mina que é direito dos servidores públicos
turno, Arnaldo veio a falecer. Diante disso,
do DF uma jornada de 40 horas semanais.
para as eleições do segundo turno, con-
Diante disso é correto afirmar que Karina
está correta, pois efetivamente no texto da vocar-se-á, entre os remanescentes, o de
LODF consta expressamente que a jornada maior votação.
de trabalho dos servidores públicos distritais
será de 40 horas semanais não havendo a 15. A LODF determina que, para que o Go-
possibilidade de Janaína ser de 30h. vernador e o Vice-Governador venham a se
ausentar do DF por mais de 15 dias é neces-
10. Segundo a LODF, os servidores públicos sária licença da Câmara Legislativa. Por seu
do DF têm direito a atendimento em cre- turno, a CLDF ao conceder a referida licença
che e pré-escola a seus dependentes, de deverá justificá-la.

10
11