Você está na página 1de 24

Reprodução Humana e Manipulação da Fertilidade

Nuno Correia
A contracepção é a prevenção da gravidez e
baseia-se na utilização de métodos
contraceptivos.
A contracepção pode ser realizada de três
formas :
 evitando a produção e libertação de gâmetas
das gónadas
 Impedindo a fecundação.
 Controlando a nidação
Conjunto de técnicas que têm por objectivo
evitar a gravidez.
Os métodos contraceptivos actuam através de
um dos seguintes mecanismos :
 Impedem a libertação dos gâmetas a partir
das gónadas;
 Impedem o encontro dos gâmetas;
 Impedem a implantação do embrião no
endométrio uterino.
Métodos Contraceptivos Estrutura / Função
Método do Ritmo
Métodos Naturais Método das temperaturas
Método de Billings ou do muco cervical
Preservativo masculino / feminino
Métodos Barreira Diafragma
Espermicida
Pílula
Métodos Hormonais Hormonas injectáveis
Implantes
Dispositivo intra-uterino
Laqueação das trompas de Falópio
Métodos cirúrgicos ou definitivos
Vasectomia

Contracepção de emergência Pílula do dia seguinte


 Apresentam uma combinação de estrogénio e
progesterona.
 Idade entre 16-49:
 UK (40%)
 Japão (1%)
Razões Japonesas : culturais e utilização do
preservativo (2004 – 80 % da população
sexualmente activa utiliza o preservativo. Baixos
índices de SIDA)
 Tomada à mesma hora todos
os dias.
 Ciclos de 28 dias.
 21 dias de estrog./Prog.
 7 dias de Placebo (açúcar ou
Ferro)
 Progesterona (retroacção negativa sobre a
GnRH) => diminuição na FSH e LH => baixos
níveis de estrogénios => ausência de
retroacção positiva.
 Estrogénio – estabiliza o endométrio,
retroacção negativa sobre a hipófise.
 Progesterona – aumenta a viscosidade do
muco cervical.
 Na realidade não contém apenas
progesterona.
 A sua acção depende das concentração
de hormonas.
 Baixa concentração – espessamento do
muco cervical e dificulta a progressão
dos espermatozóides. (implantes
Norplant)
 Alta concentração (Depo-Provera) –
impedem a ovulação e aumentam a
espessura do muco cervical.
 Actua sobre o receptor de estrogénio.
 Contraceptivo oral não hormonal.
 Toma – uma vez por semana.
 Em certas partes do corpo (ossos) actua
como estrogénio, noutras partes como não
estrogénio (útero, seios).
 Não disponível. Experimental.
 Hormona existente na Papaia e
em sementes de algodão.
 O espermatozóide perde a
capacidade de fertilizar o oócito II