Você está na página 1de 13

Decomposição catalisada da

água oxigenada (H2O2)


O peróxido de hidrogênio
(água oxigenada)
 Peróxidos - o oxigênio possui
número de oxidação –1

 Instabilidade – pouco
encontrado na natureza

2H2O2  2H2O + O2 (G)

Autoxidação do 2-etil-9,10- diidroxiantraceno a 2-etilantraquinona,


utilizando oxigênio do ar (processo Riedl- Pfleiderer)
Utilizações da H2O2

 Antisséptico (3%)
 Clareamento dental
 Desinfetante
 Bactericida e fungicida de
sementes na agricultura
 Clareamento dos cabelos
 Branqueamento da pasta de
papel
Cinética Química
 Estuda a velocidade das reações e
os fatores que nela influenciam.
 Velocidade - quantidade positiva
que indica como a concentração de
um reagente ou produto varia com
o tempo:
Vm = |∆ quantidade|
∆ t
Condições p/ ocorrer uma reação
 Contato entre os
reagentes

 Afinidade química entre


eles

 Choques eficazes entre as


moléculas ou íons
reagentes
 Energia de ativação: energia
necessária para se formar o
complexo ativado e ocorrer a
reação
Representações gráficas
Catalisador
 Substâncias que aumentam a
velocidade de uma reação;
 Não são consumidos;
 Diminuem a energia de ativação;
 Encontram caminhos alternativos,
envolvendo menor energia;
 Exemplos: enzimas como ptialina,
pepsina e catalase.
Energia de ativação – reação catalisada
Objetivo da Experiência
 Decompor a amostra de peróxido de
hidrogênio rapidamente, através do
uso do catalisador iodeto (I-),
visualizando a formação de gás
oxigênio (bolhas) e iodo, I2 (coloração
marrom), além de vapores de água,
pois a reação é exotérmica.
Parte experimental

Materiais e reagentes:

 Proveta
 5 mL de H2O2 a 120 volumes
 Espátula
 Balança analítica
 1,66 g de Iodeto de potássio
Procedimento Experimental
 Preparo de uma solução de iodeto de
potássio (1 mol/L), que será utilizado
como catalisador: Pesar 1,66 g de KI e
adicionar a 10 mL de água.

 Na proveta, adicionar 5 mL de H2O2 e 1


mL da solução de KI.
Decomposição catalisada da H2O2

A decomposição da H2O2 é rapidamente


catalisada pelos íons I-, liberando gás O2,
visualizado através de bolhas:
2 H2O2(l) + I-(aq) 2 H2O(l) + O2(g) + I-(aq)

• A reação acima ocorre em duas etapas, em que a primeira


delas é determinante da velocidade de decomposição:

H2O2(l) + I-(aq) H2O(l) + OI-(aq)

H2O2(l) + OI-(aq) H2O(l) + O2(g) + I-(aq)


Experimento
 Paralelamente, ocorre uma segunda reação:

H2O2(l) + 2 I-(aq) I2(s) + H2O(l) + 1/2 O2(g)

Se adicionado detergente, pode-se perceber a formação do gás


oxigênio através da espuma e a formação de iodo (I2) na
reação, pela coloração marrom da espuma formada.