Você está na página 1de 2

AL 2.

2 – Velocidades do som e da luz

Questão-problema

Dois amigos divertem-se a imaginar modos de medir o comprimento de um túnel por


processos diversos. Um deles sugere que se emita simultaneamente um som intenso e um
sinal LASER numa extremidade do túnel. Segundo ele a diferença entre os instantes de
chegada dos dois sinais à outra extremidade permitiria determinar o comprimento desejado.
Com base na realização de uma atividade experimental e fazendo as pesquisas
necessárias discutir as condições em que este processo poderá ter êxito.

Objetivos de aprendizagem

• Determinar a velocidade de propagação de um sinal a partir do intervalo de tempo


que este leva a percorrer uma determinada distância;
• Comparar ordens de grandeza dos valores das velocidades do som e da luz.

Procedimento experimental

Com o objetivo de determinar experimentalmente a velocidade de propagação do som


no ar, um grupo de alunos fez uma montagem semelhante à representada na Figura 1, na qual
utilizou um osciloscópio, um gerador de sinais, um microfone, um altifalante com suporte e fios
de ligação.

Figura 1

 Os alunos começaram por ligar o gerador de sinais ao osciloscópio para produzir um sinal
elétrico que registaram no osciloscópio.
 Ligaram depois o altifalante ao gerador de sinais e o microfone ao osciloscópio, tendo o
cuidado de alinhar sempre o altifalante e o microfone, no decorrer das experiências que
realizaram.
Os alunos ligaram o altifalante ao gerador de sinais para que o sinal elétrico [produzido por
este] fosse convertido num sinal sonoro.
 Os alunos ligaram o microfone ao osciloscópio para que o sinal elétrico, resultante da
conversão do sinal sonoro no microfone, fosse registado no osciloscópio.

A.L.2.2 – Velocidade do som e da luz Página 1


Os alunos mantiveram o altifalante e o microfone à mesma distância um do outro.
A Figura 2 representa o ecrã do osciloscópio onde estão registados os sinais obtidos no
decorrer da experiência.

Os sinais registados no ecrã do osciloscópio apresentam diferente amplitude e igual


frequência.
Neste caso, o sinal sonoro demorou 0,5 ms a percorrer a distância entre o altifalante e
o microfone (diferença entre o sinal obtido diretamente do gerador de sinais e o sinal obtido a
partir do som captado no microfone.
 Determinação da velocidade do som:
𝐝𝐢𝐬𝐭â𝐧𝐜𝐢𝐚 𝐞𝐧𝐭𝐫𝐞 𝐨 𝐦𝐢𝐜𝐫𝐨𝐟𝐨𝐧𝐞 𝐞 𝐚𝐥𝐭𝐢𝐟𝐚𝐥𝐚𝐧𝐭𝐞
V=
𝐭𝐞𝐦𝐩𝐨 𝐪𝐮𝐞 𝐨 𝐬𝐢𝐧𝐚𝐥 𝐝𝐞𝐦𝐨𝐫𝐨𝐮 𝐚 𝐩𝐞𝐫𝐜𝐨𝐫𝐫𝐞𝐫 𝐚 𝐝𝐢𝐬𝐭â𝐧𝐜𝐢𝐚 𝐞𝐧𝐭𝐫𝐞 𝐨 𝐦𝐢𝐜𝐫𝐨𝐟𝐨𝐧𝐞 𝐞 𝐨 𝐚𝐥𝐭𝐢𝐟𝐚𝐥𝐚𝐧𝐭𝐞

Considerando que a distância entre o altifalante e o microfone era de 16,5 cm, a


velocidade será:
0,165 m
V= = 330 m s-1
0,0005 s

Depois de determinado o valor da velocidade do som pode-se determinar o erro


relativo:
|𝑣 𝑜𝑏𝑡𝑖𝑑𝑜−𝑣 𝑡𝑒ó𝑟𝑖𝑐𝑜|
Erro relativo (%) = 𝑣 𝑡𝑒ó𝑟𝑖𝑐𝑜
x 100

Um valor de erro relativo pequeno indica uma grande exatidão, ou seja o valor determinado
experimentalmente está muito próximo do valor exato.

Neste caso, considerando que o valor tabelado da velocidade de propagação do


som no ar, nas condições em que foram realizadas as experiências, é de 342,3 m s-1, vem:

|330−342,3|
Erro relativo (%) = x 100 = 3,6%
342,3

A.L.2.2 – Velocidade do som e da luz Página 2