Você está na página 1de 37

MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA

MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 1 de 37

SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA

QSMS

QUALIDADE
SEGURANÇA
MEIO AMBIENTE
SAÚDE OCUPACIONAL

Elaboração: Alana Batista Aprovação: Felipe Deliberato


Data de Emissão: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020
Data de Revisão: 23/02/2018 Revisão: 00

_______________________________ _____________________________
Alana Batista – Analista da Qualidade Felipe Deliberato – Gerente Geral

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 2 de 37

ÍNDICE

SEÇÃO 1 - OBJETIVO E ESCOPO .......................................................................................... 4


1.1. OBJETIVO ........................................................................................................................ 4
1.2. ESCOPO DO SGI .............................................................................................................. 4
SEÇÃO 2 - A EMPRESA .......................................................................................................... 6
2.1. ÁREA DE ATUAÇÃO E LOCALIZAÇÃO .................................................................................... 6
2.2. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO .......................................................................................... 7
SEÇÃO 3 - CONTEXTO DA ORGANIZAÇÃO .......................................................................... 8
3.1. REQUISITOS GERAIS ........................................................................................................ 8
3.2. INTERAÇÃO E MACRO FLUXO ENTRE OS PROCESSOS DO QSMS ........................................... 9
SEÇÃO 4 - NECESSIDADES E EXPECTATIVAS DE PARTES INTERESSADAS ............... 11
SEÇÃO 5 - ESTRUTURA DA DOCUMENTAÇÃO ................................................................. 12
SEÇÃO 6 - LIDERANÇA E COMPROMETIMENTO ............................................................... 13
SEÇÃO 7 - POLÍTICA INTEGRADA DE GESTÃO ................................................................. 15
7.1. PROMULGAÇÃO.............................................................................................................. 16
7.2. RESPONSABILIDADE E AUTORIDADE – ORGANOGRAMA ...................................................... 17
SEÇÃO 8 - PLANEJAMENTO E APOIO ................................................................................ 19
8.1. PLANEJAMENTO DO SGI ................................................................................................. 19
Fluxo da Informação ......................................................................................................... 20
8.2. PROVISÃO DE RECURSOS ............................................................................................... 21
8.3. INFRAESTRUTURA E AMBIENTE DE TRABALHO ................................................................... 21
8.4. RISCOS E OPORTUNIDADES ............................................................................................ 22
Análise de Riscos e Oportunidades.................................................................................. 22
Aspectos e Impactos Ambientais...................................................................................... 22
Perigos e Riscos Ocupacionais ........................................................................................ 22
Requisitos Legais e Outros .............................................................................................. 23
8.5. OBJETIVOS, METAS E PROGRAMAS ................................................................................. 23
Objetivos & Metas ............................................................................................................ 23
Programas ........................................................................................................................ 24
8.6. RECURSOS HUMANOS .................................................................................................... 24
Competência, Conscientização e treinamento ................................................................. 24
8.7. COMUNICAÇÃO, PARTICIPAÇÃO E CONSULTA .................................................................... 25
CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 3 de 37
Comunicação Interna ....................................................................................................... 25
Comunicação Externa ...................................................................................................... 25
Participação e Consulta .................................................................................................... 25
8.8. CONTROLE DE DOCUMENTOS E REGISTROS ..................................................................... 26
Controle de Documentos .................................................................................................. 26
Controle de Registros ....................................................................................................... 26
8.9. INVESTIGAÇÃO DE INCIDENTE .......................................................................................... 27
SEÇÃO 9 - OPERAÇÃO ......................................................................................................... 28
9.1. CONTROLE OPERACIONAL .............................................................................................. 28
9.2. REALIZAÇÃO DO PRODUTO.............................................................................................. 28
Planejamento da Realização do Produto ......................................................................... 28
Processos Relacionados aos Clientes ............................................................................. 29
Projeto e Desenvolvimento ............................................................................................... 29
Qualificação, Avaliação de Fornecedores e Aquisição ..................................................... 29
Verificação do Produto Adquirido ..................................................................................... 30
Produção e Fornecimento de Serviço .............................................................................. 30
Controle de Equipamentos Medição e Monitoramento ..................................................... 31
9.3. PLANO DE ATENDIMENTO À EMERGÊNCIA – PAE .............................................................. 32
9.4. MONITORAMENTO E MEDIÇÃO ......................................................................................... 32
Satisfação de Clientes ...................................................................................................... 32
Processos ......................................................................................................................... 32
Produto ............................................................................................................................. 33
SGI (Auditoria Interna)...................................................................................................... 33
9.5. CONTROLE DE PRODUTO NÃO CONFORME ....................................................................... 34
SEÇÃO 10 - AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E MELHORIA ............................................... 35
10.1. ANÁLISE DE DADOS ........................................................................................................ 35
10.2. ANÁLISE CRÍTICA PELA ADMINISTRAÇÃO .......................................................................... 35
Entradas e Saídas da análise crítica ................................................................................ 35
10.3. MELHORIAS DO SGI ....................................................................................................... 36
Melhorias .......................................................................................................................... 36
Não conformidade, Ação Corretiva, Riscos e Oportunidades .......................................... 36
Ação Preventiva para Sistema de Saúde e Segurança Ocupacional ............................... 37

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 4 de 37

SEÇÃO 1 - OBJETIVO E ESCOPO

1.1. OBJETIVO

O Manual de Gestão Integrado da ALSCO tem por finalidade esclarecer a estrutura da


documentação utilizada, apresentando de forma consolidada os procedimentos e processos que
impactam na qualidade dos serviços executados pela empresa, ao meio ambiente, sua preservação e
as diretrizes de saúde e segurança ocupacional a serem seguidos por todos os trabalhadores próprios,
contratados e terceiros.
Tem também o objetivo de apresentar o Grupo ALSCO, sua Missão, Filosofia, Política Integrada,
objetivos e metas, programas, entre outros.
O Manual representa o Sistema de Gestão Integrado estabelecido, documentado (quando
necessário), implantado, mantido e melhorado continuamente, definindo a estrutura e os procedimentos
utilizados (documentados ou determinados), bem como as principais responsabilidades de seus
colaboradores para com a qualidade de serviço, ao meio ambiente e saúde, segurança ocupacional de
todos os envolvidos, para que a ALSCO atinja os objetivos expressos pela sua Política Integrada,
servindo como rápida referência às partes interessadas.

1.2. ESCOPO DO SGI

A ALSCO Filial RS definiu como escopo do seu Sistema de Gestão Integrada:


“Serviços de locação, lavagem e manutenção de uniformes, toalhas, EPI - Equipamentos de
Proteção Individual, MOP’s, tapetes e roupas em geral”.
É aplicado à ALSCO:
 Serviços de locação de uniformes, toalhas industriais, toalhas contínuas Steiner, toalhas
de banho e demais toalhas, MOP’s, tapetes e roupas em geral.
 Serviços de lavagem e manutenção de EPI’s (Equipamento de Proteção Individual) e
COG – Custumers Own Goods (roupas em geral de propriedade dos clientes).
NÃO faz parte do escopo de certificação os produtos: saboneteira, sabonete líquido, artigos de
cleanroom, revenda de tapetes, uniformes e MOP molhado. Também estão excluídos do escopo a
lavagem e a manutenção de Big-Bag. Os vendedores informam aos clientes os itens comercializados
acima quando de sua venda.
Para o Sistema de Gestão da Qualidade da ALSCO, a natureza dos produtos, as exigências de
clientes e regulamentos aplicáveis, aplica-se os requisitos da Norma NBR ISO 9001:2015, sendo os
CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 5 de 37
requisitos abaixo não aplicáveis, não afetando a conformidade dos produtos/serviços e a satisfação dos
clientes:
 Projeto e desenvolvimento de produtos e serviços – 8.3: Devido aos produtos e processos já
serem definidos pelo Escritório Central.
 Controle de produção e de provisão de serviço – 8.5.1 letra F: Devido a não existência de
produtos que não possam ser plenamente verificados através de inspeção subsequente.

A filosofia da ALSCO é fornecer produtos bons, de qualidade e com preços competitivos, para
fidelizar e satisfazer o cliente, com responsabilidade na preservação e manutenção do meio ambiente e
na saúde e segurança dos nossos trabalhadores internos, prestadores de serviços e visitantes.
Conquistar novos clientes e novos mercados, agindo de boa-fé, sem praticar dumping, conluios ou
quaisquer outras práticas anticompetitivas (antitruste), visando atender as necessidades dos clientes
com produtos e serviços que atendam aos requisitos legais aplicáveis e a eficácia do nosso sistema de
gestão integrada. Uma empresa que está sempre à busca de novos patamares de qualidade,
conscientização ambiental e responsabilidade em manter a saúde e segurança dos colaboradores.

Satisfazer nossos clientes, oferecer produtos e serviços de


CLIENTE EXTERNO qualidade que não apenas atendam, mas que o encantem, cumprindo
todos os requisitos legais.
Melhorar as condições de vida e trabalho dos clientes internos,
CLIENTE INTERNO investindo e oferecendo condições de carreira para os que almejam
uma melhora em sua vida pessoal e profissional.
Contribuir para melhoria de vida dos moradores da região,
CIDADE E REGIÃO oportunizando empregos e atuando na preservação e manutenção do
meio ambiente.
Melhoria contínua de produtos e serviços, buscar satisfação dos
EMPRESA clientes, bem-estar e crescimento dos colaboradores, e desta forma,
consolidar a marca ALSCO, maior patrimônio da empresa.
O lucro é o resultado de um bom trabalho, de crescimento,
LUCRO
manutenção de mercado e satisfação dos sócios cotistas.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 6 de 37

SEÇÃO 2 - A EMPRESA

2.1. ÁREA DE ATUAÇÃO E LOCALIZAÇÃO

A ALSCO INC, fundada como Steiner Corporation em 1889 nos Estados Unidos, em Lincoln,
Nebrasca, mudando-se 6 anos mais tarde para Salt Lake City – Utah. Iniciou suas operações como
uma pequena empresa direcionada a fornecer toalhas de rosto e aventais para barbearias. Com uma
grande visão de mercado e um aguçado senso de oportunidade, logo após a 1ª Guerra Mundial, Mr.
George A. Steiner fez seus negócios expandirem.
A partir de 1958, sob o comando de Richard R. Steiner, então Presidente do Conselho de
Administração, passou a partir de 1983 a ser comandada por Robert C. Steiner – atual C.E.O. O grupo
tem marcado presença em várias partes do mundo. Recentemente, a ALSCO adquiriu numerosos
negócios dentro e fora dos EUA. Mais da metade de seus empregados trabalham em outros países.
Atualmente a ALSCO tem um total aproximado de 170 filiais no mundo, sendo: 72 nos EUA, 8 no
Canadá e as restantes distribuídas em todo o mundo. Hoje o negócio na Nova Zelândia e Austrália é
muito forte, graças aos trabalhos iniciados pelo grupo em 1963 através da ALSCO Pty Ltd.
No BRASIL, a ALSCO Toalheiro Brasil iniciou seus negócios em 1944 no Rio de Janeiro, ponto
de partida para as 10 usinas de processamento e 16 filiais legalmente constituídas no país. Em 1957 a
empresa inaugurava sua primeira filial na capital paulista, onde hoje se concentram as duas mais fortes
empresas do grupo no país (Santo Amaro e Vila Maria). A divisão Luvabrás, que trabalha na confecção,
serviços de lavagem e manutenção de EPI e conta com a maior estação de tratamento de efluente
entre todas as filiais, esta estação foi desenvolvida para atender todas as filiais de São Paulo e Rio de
Janeiro que empregam tecnologia de ponta (“State of de the Art”).
É também onde se localiza a TECELAGEM, onde é feita a maioria dos tecidos usados pelas
filiais; CONFECÇÕES, onde são confeccionados os uniformes e toalhas para todas as demais filiais no
país; CLEANROOM, divisão que processa os uniformes para laboratórios farmacêuticos e da indústria
eletrônica.
No RIO GRANDE DO SUL, a empresa começou em 1969 como Toalheiro Brasil S.A., na cidade
de Porto Alegre, com um quadro de 40 colaboradores. Conforme foi crescendo, por falta de espaço,
mudou-se para a cidade de Canoas, com uma área total de 12.000 m². Atualmente a Filial RS possui
uma carteira de 1.500 clientes, uma frota de 23 veículos para transporte de materiais e processa em
torno de 9 toneladas de material higienizado por dia.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 7 de 37

2.2. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

A ALSCO, juntamente com sua equipe, estabeleceu os parâmetros que vão direcionar a
organização da empresa, a condução da liderança e o controle de suas atividades. O objetivo é
fornecer aos gestores e sua equipe informações para a tomada de decisão, atuando de forma proativa,
antecipando-se às mudanças que ocorrem no mercado em que atua a empresa.
É com base no diagnóstico estratégico que a ALSCO irá se antecipar às mudanças e preparar-se
para agir em seus ambientes internos e externos. Este desenvolvimento institucional encontra-se hoje
com um amplo reconhecimento empresarial, que dispõe alguns conceitos importantes sobre
administração estratégica, visão e gestão estratégica que em muito contribuem para a reflexão dos
nossos gestores, e que estão diretamente relacionados ao processo do planejamento.

Missão

Somos uma empresa de tradição em soluções de qualidade na locação e higienização têxtil, que
atende as expectativas dos clientes e preserva o meio ambiente.

Visão

Manter a liderança de mercado, com constante crescimento sólido.

Valores

Integridade
Responsabilidade
Comprometimento
Respeito

Negócio

Fornecer serviços de higienização em uniformes, toalhas e EPI´s, com garantia da qualidade do


produto e/ou serviço, com higiene, segurança, conforto para o usuário, respeitando e preservando o
meio ambiente.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 8 de 37

SEÇÃO 3 - CONTEXTO DA ORGANIZAÇÃO

3.1. REQUISITOS GERAIS

A ALSCO estabelece, documenta (quando necessário), implanta e mantém um sistema de


gestão integrado e melhora continuamente a sua eficácia analisando seu contexto interno e externo
conforme abaixo. Sua análise crítica acontece após o levantamento dos riscos e oportunidades na
análise de resultado do plano estratégico, conforme POP-QSMS-RS-003 – Análise de Riscos e
Oportunidades.
a) A identificação, aplicação, sequência, interação nos processos necessários para o SGI constam nos
fluxogramas.
b) Os critérios e métodos necessários constam nos procedimentos. A eficácia destes processos é
assegurada através da execução da Política Integrada e dos objetivos para a qualidade, meio ambiente,
saúde e segurança ocupacional, respectivos procedimentos (documentados ou determinados). O
monitoramento é realizado através de indicadores da qualidade, ambiental e de segurança, das
reuniões de ACPA, auditorias internas / externas e reuniões em geral.
c) O levantamento de seus riscos e oportunidades, a identificação de aspectos e impactos ambientais,
riscos e perigos ocupacionais, incluindo aqueles associados às condições normais de operação e
condições anormais e as situações de emergência.
d) A identificação de requisitos legais aplicáveis.
e) A identificação de todas as práticas e procedimentos da gestão ambiental e de segurança existentes,
incluindo aqueles associados com as atividades de aquisição e de contratação de serviços.
f) Os recursos humanos, tecnológicos, financeiros e de materiais são disponibilizados mediante análise
de fontes apropriadas, tais como:
 Tecnológicos/Financeiros: Orçamento
 Humanos e de materiais: Reuniões de ACPA, Administrativas, CIMEC (Comitê Interno de Melhoria
Contínua), entre outros.
Estes recursos são comunicados interna e externamente para apoio e monitoramento dos processos.
g) O monitoramento, medição e análise constam dos procedimentos, registros gerados, sistemática de
gerenciamento de indicadores.
h) As ações corretivas, preventivas e de melhorias são planejadas baseadas nos resultados das
análises do item anterior, reunião de ACPA, CIMEC, auditoria interna / externa, etc. A sua execução é
monitorada.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 9 de 37
3.2. INTERAÇÃO E MACRO FLUXO ENTRE OS PROCESSOS DO QSMS
A ALSCO não adquire externamente processo que afete a qualidade do seu sistema de gestão
da qualidade e, consequentemente, a manutenção da gestão ambiental e de segurança.
A interação de seus processos se dá conforme segue:
a) Interação dos processos
ATIVIDADES DE
FORNECEDORES ENTRADAS CLIENTES SAÍDAS
PROCESSO

Objetivos, metas e
Planejamento
programas
Alta Direção Gerenciar Gestão integrada
Requisitos legais Cumprimento legislação

Objetivos, metas e
programas.
Fornecedores de Melhoria do sistema/
Gerenciar
Análise dos riscos e processo gestão
oportunidades
Plano
SGI Identificação dos aspectos
gerenciamento de
ambientais
resíduos Comprovante/certificado
Destinador de
ISO 9001:2015 de destinação
Coleta, transporte e Qualificação do resíduo
ISO 14001:2015 destinação de resíduo. prestador
OHSAS
18001:2007 Funcionários,
Avaliações ambientais,
Identificação dos riscos e prestadores de
Plano programas e objetivos de
perigos ocupacionais serviços e
redução de riscos
visitantes

Identificação dos Gestão


Gerenciar Cumprimento legislação
requisitos legais integrada

Definir necessidade
Proposta Comercial Contrato e informação
da contratação
Cliente Recolha Transportar Transporte Produto e informação
Entrega Transportar Transporte Produto e informação

Proposta Solicitar informação Transporte PL


Proposta Solicitar informação Produção PL
Comercial Contrato Cadastrar Faturamento Informação
Contrato Comprar roupas Aquisição Pedido de compra

Gerar róis, notas e Entrega produto para


Informação Produção
relatórios transporte
Faturamento
Gerar róis, notas e
Informação Transporte Entrega para o cliente
relatórios

Produto de lavagem Qualificar Produção Pedido de compra


Aquisição Compra de roupas
fornecedor e
Produção Roupas
comprar

Determinar rota e Planejamento de entrega e


PL Comercial
lote recolha

Entrega de material
Transporte Recolha no cliente Transportar Produção
recolhido

Produto da produção Transportar Cliente Produto

PL Higienizar Comercial Material limpo


Determinar
Produção Material recolhido capacidade de Transporte Planejamento de produção
atendimento
Material em processamento Solicitar inspeção Inspeção qualidade Aprovação de material

Recursos Fornecedores e
Planejamento Treinamentos clientes de Qualificação
Humanos processo

Equipamentos Garantir a utilização Fornecedores e


Manutenção Calibração
de equipamento clientes de Equipamentos adequados
adequado processo
Atender e pesquisar
Informações dos clientes
Pós-venda externos
satisfação do Alta direção Resultados
cliente

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 10 de 37

b) Macro fluxo do processo de gestão integrado para definição de suas entradas e saídas.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 11 de 37

SEÇÃO 4 - NECESSIDADES E EXPECTATIVAS DE PARTES INTERESSADAS

Para entender e definir as necessidades e expectativas das partes interessadas relevantes para
a ALSCO, os Stakeholders, são as que proporcionam risco significativo para a sustentabilidade da
organização se as suas necessidades e expectativas não forem satisfeitas. Os requisitos necessários e
pertinentes para clientes, colaboradores, acionistas, sociedade, sindicato, governo, fornecedores,
concorrentes, entre outros que podem influenciar nas atividades da ALSCO e para o sistema de gestão
integrada.

Stakeholders Interesses
Acionistas Lucratividade
Clientes Preço e atendimento com qualidade que atenda suas necessidades
Colaboradores Benefícios, boas condições de trabalho e crescimento profissional
Sociedade Oportunidade de emprego e desenvolvimento da região
Sindicato ALSCO Contribuições, sustentabilidade e empregabilidade
Governo Arrecadações e cumprimento de obrigações legais
Fornecedores Vender produtos ou serviços e desenvolvimento de novos produtos
Concorrentes Concorrência competitiva e leal

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 12 de 37

SEÇÃO 5 - ESTRUTURA DA DOCUMENTAÇÃO

A documentação de apoio para o SGI foi estruturada em nível estratégico, tático, operacional e
suas evidências para garantir a eficácia do Sistema de Gestão Integrado, de forma que as informações
possam ser distribuídas na quantidade e na linguagem necessária aos usuários, permitindo assim, uma
maior agilidade no fluxo de informações. O procedimento para documentação consta no POP-QSMS-
RS-002 – Elaboração e Controle de Documentos e Registros.

MANUAL
QSMS

DOCUMENTOS
EXTERNOS
LEGISLAÇÃO
CERTIFICADOS
LAUDOS

PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS
PADRÃO
POP'S

INSTRUÇÕES DE TRABALHO
INSTRUÇÕES DE INSPEÇÃO

PADRÕES TÉCNICOS DE PROCESSO

REGISTROS DE QUALIDADE

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 13 de 37

SEÇÃO 6 - LIDERANÇA E COMPROMETIMENTO

Comprometimento

Como forma de evidenciar o comprometimento da Gerência Geral com o desenvolvimento e


implementação do sistema de gestão integrada e com a melhoria contínua de sua eficácia, destacamos:

a) Participação na elaboração de procedimentos em conjunto com as áreas que possuem interface com
os clientes, visitas a clientes, acompanhamento de visitas dos vendedores e inspetores,
acompanhamento das reclamações e sugestões de clientes, participação nas reuniões de vendedores e
com os colaboradores dos setores, realização de visitas diárias à produção, acompanhamento do
sistema de gestão integrado, bem como a identificação dos aspectos ambientais, perigos e riscos
ocupacionais e análise de riscos e oportunidades através do plano estratégico;

b) Definição e divulgação da Política Integrada, através de aberturas dos treinamentos iniciais nos
procedimentos gerenciais e operacionais;

c) Definição e divulgação dos objetivos e metas do SGI utilizando o GSI (Gerenciamento do Sistema
Integrado), através da participação em reuniões administrativas, Comitê QSMS, Reunião de ACPA –
Análise Crítica pela Administração e treinamentos em geral;

d) A condução da reunião de ACPA, semestralmente, ou quando necessário, sendo convocada pela


Analista da Qualidade, sendo gerados atas e planos de ação, mantidos fisicamente e eletronicamente;

e) A garantia da disponibilidade de recursos necessários ao fornecimento de produtos e serviços de


qualidade, para a manutenção do sistema de gestão integrado dos envolvidos através de reuniões
gerenciais entre as filiais, do contato permanente com as supervisões, elaboração e acompanhamento
do orçamento com periodicidades definidas, aquisições de maquinário, softwares e equipamentos de
informática, veículos, infraestrutura adequada, etc.;

f) A gerência geral da ALSCO indica como representante da Alta Direção a Analista da Qualidade, que
tem como responsabilidades:

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 14 de 37
 Estabelecer os objetivos, metas e programas do sistema de gestão integrado a partir dos princípios
contidos na Política Integrada;
 Comunicar à organização sobre a importância em atender aos requisitos do cliente, aos requisitos
regulamentares e legais e a todo e qualquer outro especificado na Política Integrada, através de
treinamento aplicado durante a divulgação desta Política;
 Conduzir as análises críticas do SGI;
 Assegurar a disponibilidade dos recursos especificados ao longo da documentação do SGI ou
identificados como necessários durante as reuniões de análise crítica.

Foco no Cliente

A Alta Direção demonstra sua liderança e comprometimento voltado ao cliente e na obtenção da


sua satisfação. Na identificação de suas necessidades implícitas e explícitas, entendemos como sendo
os principais fatores, os itens relacionados na tabela abaixo. Para cada um desses itens estão definidos
requisitos e mecanismos de controles nos respectivos Procedimentos Operacionais Padrão (POP’s).

Necessidades/Expectativas Requisitos Documento


Programa de logística para o efetivo
cumprimento do prazo estipulado em contrato
Prazo
com o melhor enquadramento dos lotes de
POP-QSMS-RS-005
recolha e entrega
– Processos
Qualidade Atendimento à qualidade esperada pelo cliente
Relacionados a
Preço Justo e compatível com a qualidade assegurada
Clientes
Atendimento às solicitações de cliente (pessoas
Atendimento físicas e jurídicas) e dos usuários de nossos
produtos e serviços

A empresa assegura que os requisitos do cliente são:

a) Determinados, através de estabelecimento de contratos de recolha e entrega;


b) Atendidos, através do monitoramento da prestação do serviço;
c) Constatado a sua satisfação, através da realização de pesquisas e acompanhamento de
evidências.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 15 de 37

SEÇÃO 7 - POLÍTICA INTEGRADA DE GESTÃO

Política Integrada para os Sistemas de Gestão da Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e


Saúde Ocupacional definida e documentada pela Gerência Geral da ALSCO:

POLÍTICA INTEGRADA DE GESTÃO QSMS


(Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e Saúde Ocupacional)

A ALSCO TOALHEIRO BRASIL LTDA (Filial Rio Grande do Sul), empresa líder no setor de
lavanderia industrial, com o objetivo de manter-se como a Nº 1 em serviços de uniformização,
toalhas e EPI e consciente da importância da satisfação de seus clientes, da preservação ambiental
e do ambiente saudável e seguro para os colaboradores e para a execução de suas atividades, tem
como compromisso:

 Integrar e disseminar a qualidade, segurança, meio ambiente e saúde ocupacional às suas


atividades, produtos e serviços com o objetivo de atender aos anseios e necessidades dos
seus clientes e partes interessadas, agregando valor continuamente ao negócio da empresa e
ao desenvolvimento da região;

 Buscar a melhoria contínua dos sistemas de gestão e do desempenho da organização na


concretização dos seus objetivos estratégicos e processos operacionais;

 Apoiar na redução dos riscos ergonômicos, prevenção contra lesões e doenças no trabalho,
redução na geração de resíduos e proteção do meio ambiente com ações de incentivo no
consumo consciente de recursos naturais;

 Conscientizar seus funcionários, prestadores de serviços, fornecedores e visitantes sobre a


importância da preservação da natureza e dos riscos associados à saúde e segurança;

 Manter um sistema de gestão para assegurar o atendimento aos requisitos legais e outros
requisitos aplicáveis do cliente e partes interessadas em suas atividades, produtos e
serviços.
Revisão 00: 23/02/2018
Revalidação: 07/03/2021

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 16 de 37

7.1. PROMULGAÇÃO

Por estar de acordo com esta Política e por saber que a Qualidade, Segurança, Meio Ambiente,
Saúde Ocupacional é essencial em todos os níveis da ALSCO, com reflexo direto em nossos
produtos/serviços, funcionários, prestadores de serviço, visitantes e aspecto legal assumimos o
compromisso de implementá-la, mantê-la e aprimorá-la continuamente visando a elevação da eficácia
do Sistema de Gestão Integrado, através de divulgação a todos os colaboradores e partes interessadas
em todos os níveis de cada uma das áreas sob nossa gestão.

Analista da Qualidade Gerente Geral

Gerente Regional de Vendas Supervisor de Produção

Supervisora de Vendas Internas Supervisor de Manutenção

Supervisor de Logística Supervisor de Serviços

Comprador Analista de RH

Técnica em Segurança do Trabalho Assistente de Meio Ambiente

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 17 de 37

7.2. RESPONSABILIDADE E AUTORIDADE – ORGANOGRAMA

A Alta Direção é responsável pelo Sistema de Gestão Integrado – SGI e através do seu
representante comunica as responsabilidades e autoridades aos níveis relevantes. As mesmas estão
definidas nas respectivas descrições de cargos e procedimentos, conforme organograma abaixo:

Consultor de Vendas
Gerente Regional de
Vendas
Consultor de
Relacionamento

Operadores /
Auxiliares de
Encarregados de Produção
Líderes de Produção
Produção
Conferentes
Assistente de
Produção
Supervisor de
Produção Técnico em
Segurança do
Trabalho

Analista da
Qualidade

Assistente de
Atendimento ao Líder de Rouparia
Cliente

Supervisor de Encarregado de
Roupeiros
Serviços Rouparia

Inspetor de Serviços Auxiliar de Rouparia

Operador de Caldeira
Alta Administração
Gerente Geral

Mecânico / Ajudante
de Manutenção
Supervisor de
Manutenção
Eletricista / Meio
Oficial

Assistente de Meio
Ambiente

Motorista

Encarregado de Auxiliar de
Logística Transporte
Supervisor de
Logística
Auxiliar de Logística Mecânico Auto

Encarregado de
Auxiliar de Estoque
Estoque
Supervisor Interno
de Vendas
Auxiliares de Vendas

Auxiliar / Assistente
Financeiro

Encarregado de Assistente de
Escritório Faturamento

Assistente
Administrativo

Analista de RH Assistente de RH

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 18 de 37

Representante da Direção – SGI

A nomeação do Representante da Direção é oficializada durante a reunião administrativa e sua


responsabilidade e nível de autoridade está definida na Descrição de Cargo. A Coordenadora de SGI foi
designada representante da direção pela Gerência Geral e Gerência Administrativa da ALSCO, sendo,
independentemente de outras atribuições, responsável por:
a) Assegurar que os processos necessários para o SGI estejam estabelecidos, implementados e
mantidos;
b) Relatar ao Gerente Geral da empresa os resultados das análises críticas do SGI, bem como das
auditorias internas e externas, apresentando inclusive, resultados das ações corretivas / preventivas e
de melhorias, que vierem a ser adotadas;
c) Assegurar a promoção da conscientização sobre os requisitos do cliente, boa prática na gestão
ambiental e com a saúde e segurança nas atividades da organização;
d) Representar a empresa perante Clientes, Fornecedores, Órgãos Públicos entre outros, em assuntos
pertinentes ao SGI, ou outros que se fizerem necessários.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 19 de 37

SEÇÃO 8 - PLANEJAMENTO E APOIO

8.1. PLANEJAMENTO DO SGI

O “Planejamento do SGI” é realizado para assegurar que os requisitos de gestão da qualidade,


ambiental e de saúde e segurança ocupacional tenham os recursos necessários para o cumprimento
dos objetivos e metas e que sejam identificados e registrados no GSI.
O Fluxograma do processo identifica as etapas do processo de realização do serviço, que por sua
vez identificam os pontos de monitoramento e inspeção. Foi elaborado fluxograma do processo e
diversos micro fluxogramas para cada grupo de produto, que identificam as Instruções aplicáveis a cada
processo.

INÍCIO

CAPTAR
CLIENTE

Contrato
Sim Fazer 1ª entrega
Locação?

Não

1
Fazer recolha

Conferir Material

Pesar Material

Lavar a água

Secar

Passar? Sim Passar

Não

Dobrar

Expedir

Entregar

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 20 de 37

Para garantir a integridade do SGI, as mudanças ocorridas são analisadas criticamente através
da reunião de ACPA, CIMEC, administrativas para assegurar a eficácia e eficiência dos processos da
ALSCO. Caso a análise apontar que ocorrerá impacto no SGI, as mesmas terão tratamento apropriado
à sua magnitude.

FLUXO DA INFORMAÇÃO

Para melhoria dos processos e garantir a eficácia das informações, rastreabilidade e


comunicação entre os setores e clientes, a ALSCO desenvolveu junto ao seu TI softwares via web para
registro de informações que são interligados com o sistema TOTVS. Para melhor entendimento desses
softwares elaboramos um fluxo da informação com os módulos já desenvolvidos.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 21 de 37

8.2. PROVISÃO DE RECURSOS

Os recursos da ALSCO são determinados e providenciados para implementar e manter o SGI e


melhorar continuamente sua eficácia, aumentando assim a satisfação dos clientes e a preservação da
natureza.

8.3. INFRAESTRUTURA E AMBIENTE DE TRABALHO

A infraestrutura atual (constante no Relatório de Ativo Fixo) da ALSCO atende às nossas


necessidades e a dos clientes. A sua provisão (na realização do orçamento) e o monitoramento são
realizados nas reuniões administrativas. A infraestrutura inclui:

ITEM DA INFRAESTRUTURA RESP. POR SUA MANUTENÇÃO


Edifício, layout das instalações, equipamentos de
Supervisor de Manutenção
processo, transporte interno (carrinhos), PLC
Transporte externo (frota de veículos) Encarregado de Logística
Computadores / Programas (Windows, Microsoft Office,
TOTVS, Internet Explorer, etc.)
Encarregado de Escritório
Meios de comunicação (Telefone, Gerenciador de
Mensagem, fax, e-mail, etc.)

Esta infraestrutura é disposta de forma a manter um constante processo de otimização, se


adequando às características do processo e resultando no alcance da conformidade do produto.
Com a finalidade de melhoria das condições de trabalho e garantir um ambiente saudável e
seguro é mantido o programa 5S e CIPA que são avaliados através de inspeções, o que permite o
gerenciamento eficaz das condições físicas do ambiente de trabalho para alcançar a conformidade do
produto, destinação correta de resíduos gerados e a redução de incidentes e acidentes no local de
trabalho.
Anualmente é realizada uma Pesquisa de Satisfação dos Funcionários.
As evidências são os relatórios de auditorias, PPRA, PCMSO, laudo ergonômico, LTCAT, PPR,
atas, etc.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 22 de 37

8.4. RISCOS E OPORTUNIDADES

ANÁLISE DE RISCOS E OPORTUNIDADES

A ALSCO realizou levantamento de seus riscos e oportunidades abordando suas principais


ações apropriadas em conformidade com seus produtos e serviços, relacionados às suas atividades,
processos e equipamentos com avaliação dos seus impactos.

Um procedimento é mantido (POP-QSMS-RS-007- MARO - Matriz Análise de Risco e


Oportunidade) para identificar as classificações de riscos e oportunidades e avaliar seus impactos no
mapa estratégico, incluindo critérios para ponderar sua significância e eficácia.

ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS

A ALSCO realizou um levantamento dos aspectos ambientais relacionados às suas atividades,


processos, produtos e serviços com avaliação dos seus impactos ambientais relacionados.

Um procedimento é mantido para identificar os aspectos ambientais e avaliar os impactos


ambientais, incluindo critérios para ponderar sua significância e o acompanhamento do ciclo de vida do
produto.

O resultado da análise de aspectos e impactos ambientais significativos levou ao


estabelecimento de controles operacionais, objetivos e metas de gestão e da política integrada.

Os critérios de atualização dos aspectos e impactos ambientais relacionados às atividades,


processos, produtos e serviços está contemplada no procedimento POP-MA-RS-001 - Levantamento e
Avaliação de Aspectos e Impactos Ambientais.

PERIGOS E RISCOS OCUPACIONAIS

A ALSCO realizou levantamento dos perigos e riscos presentes em suas atividades através da
MPR – Matriz de Perigos e Riscos avaliando seu grau de importância e suas medidas de controle. Os
critérios de levantamento e atualização estão contemplados no procedimento POP-SSO-RS-01 - MPR -
Matriz de Perigos e Riscos, Identificação, Avaliação e Controle.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 23 de 37

REQUISITOS LEGAIS E OUTROS

A ALSCO mantém procedimento para acessar e identificar a legislação aplicável aos aspectos
ambientais – perigos e riscos ocupacionais relacionados às suas atividades, produtos ou serviços. O
procedimento prevê o uso de serviços profissionais subcontratados para atualização dos requisitos
legais pertinentes.

O procedimento estabelece a análise periódica de atendimento aos requisitos legais e a outros


requisitos, através da planilha de legislação atualizada pelo Sistema LEGAL em software licenciado a
ALSCO, mantido sob responsabilidade do SGI.

Como resultado da análise, as situações de pendência podem levar a abertura de plano de ação
para seu atendimento até sua concretização.

Os critérios de atualização do sistema LEGAL relacionados às atividades, processos, produtos e


serviços. Contempla-se no procedimento POP-MA-RS-001 e POP-SSO-RS-001, metodologia para o
levantamento e atualização dos requisitos legais dos sistemas de gestão ambiental e de saúde e
segurança ocupacional.

Os requisitos estatutários e regulamentares requeridos por um cliente serão atendidos conforme


processos relacionados aos clientes no POP-QSMS-RS-005.

Requisitos para atendimento a matriz estão definidos no SOP – Standat Operation Procedure
(Procedimento de Operação Padrão da Organização).

Nota: NBR’s são controladas no sistema LEGAL da Âmbito.

8.5. OBJETIVOS, METAS E PROGRAMAS

OBJETIVOS & METAS

Os objetivos e metas do SGI são extraídos da própria política integrada da ALSCO, estes
objetivos estão definidos através de itens mensuráveis para os níveis relevantes da organização,
conforme GSI – Gerenciamento do Sistema Integrado.
Os requisitos do produto são definidos na análise crítica de contrato e são verificados nas
inspeções, pesquisas de satisfação, visitas, requisitos legais, etc. com a finalidade de assegurar o
atendimento ao cliente.
CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 24 de 37
As constatações resultantes da análise de riscos e oportunidades, identificação e avaliação de
aspectos e impactos – perigos e riscos relacionados, o atendimento a requisitos legais e outros
requisitos, o ponto de vista de partes interessadas, a administração dos recursos tecnológicos,
financeiros e mercadológicos, contribuíram para a definição dos objetivos e metas dos sistemas de
gestão integrado.
O monitoramento dos objetivos e metas é realizado periodicamente durante as reuniões de
ACPA – Análise Crítica pela Administração, GSI – Gerenciamento Sistema Integrado de Indicadores e
Resultado Plano Estratégico. Durante estes monitoramentos, levamos em consideração as ações para
alcance dos objetivos integração aos processos de negócios da ALSCO.

PROGRAMAS

Para os programas de saúde e segurança ocupacional, consta no POP-SSO-RS-002 -


Programas, Laudos e Análises de SSO, as atividades atuais realizadas para o bom andamento e
controle das ações de melhorias.

8.6. RECURSOS HUMANOS

COMPETÊNCIA, CONSCIENTIZAÇÃO E TREINAMENTO

O treinamento da equipe da ALSCO é descrito no procedimento POP-RH-RS-003 - Treinamento.


As competências do pessoal que afetam o SGI estão definidas nas Descrições de Cargos.
Quando é identificada uma lacuna entre a competência necessária para a função e a
competência da pessoa que exerce ou exercerá a função, é providenciado o treinamento necessário.
Todo o treinamento executado é registrado e tem sua eficácia avaliada (conforme critérios constantes
no procedimento). São mantidos registros, também de escolaridade, habilidade e experiência no setor
de Recursos Humanos.
A conscientização sobre o SGI, incluindo a política integrada, análise de riscos e oportunidades,
objetivos e metas, aspectos/impactos ambientais significativos, identificação de perigos e riscos,
documentação, comunicação, plano de atendimento à emergência e auditorias é definida para todos os
níveis funcionais da ALSCO, incluindo os subcontratados e prestadores de serviços.
A conscientização também é promovida através do processo de comunicação interna, através de
informações relacionadas ao SGI.
CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 25 de 37
O setor de coordenação do sistema de gestão integrado tem a responsabilidade de administrar
os programas de treinamentos voltados para a conscientização e capacitação, mantendo os registros
pertinentes.

8.7. COMUNICAÇÃO, PARTICIPAÇÃO E CONSULTA

COMUNICAÇÃO INTERNA

A Empresa utiliza como meio de comunicação interna: memorandos internos, circulares, e-mail,
reuniões, treinamentos, Ocorrência Interna – OI, Comitê Interno de Melhoria Contínua – CIMEC, etc.
A eficácia do SGI é comunicada ao nível de supervisão através da ACPA e aos demais níveis,
pelos seus supervisores imediatos.

COMUNICAÇÃO EXTERNA

A ALSCO determinou que as correspondências relacionadas ao SGA recebida de órgãos


ambientais governamentais ou de outras partes interessadas, devem ser encaminhadas a Gerência
Geral e RD para análise preliminar.
Como resultado da análise preliminar e/ou triagem, o SGI procederá ao registro das
comunicações externas que afetem o sistema, em particular sobre os aspectos ambientais
significativos.
Para as comunicações internas e externas relacionadas ao SGI – Sistema de Gestão Integrado,
a ALSCO estabeleceu uma IT-RH-RS-010 - Monitorar Segurança Patrimonial e disponibiliza formulário
para preenchimento da comunicação na portaria.

A ALSCO (Filial RS) decidiu não comunicar externamente sobre seus aspectos ambientais
significativos.

PARTICIPAÇÃO E CONSULTA

Como forma de envolver seus colaboradores nos processos, a ALSCO promove suas
participações nas seguintes atividades:

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 26 de 37
a) Identificação dos aspectos e impactos ambientais, perigos e riscos à segurança e saúde ocupacional.
b) Reunião de análise crítica e CIMEC, onde são definidas as análises de riscos e oportunidades,
objetivos, metas e programas, os quais devem ser elaborados coerentemente com a política de gestão
integrada e com os aspectos e perigos identificados.
c) Investigação de incidentes e acidentes, em função da atuação da CIPA durante as auditorias
programadas e no dia-a-dia das atividades.
d) Durante as reuniões de bom dia juntamente com os DDS.

Consta no POP-SSO-RS-003 - Comunicação, Participação e Consulta, objetivos para uma


comunicação eficaz entre as partes interessadas.

8.8. CONTROLE DE DOCUMENTOS E REGISTROS

CONTROLE DE DOCUMENTOS

O controle de documentos do Sistema de Gestão Integrado, incluindo o Manual do SGI, é


realizado conforme o POP-QSMS-RS-002 - Elaboração, Controle de Documentos e Registros, de
modo a assegurar o adequado controle dos documentos utilizados. Este controle determina que sejam:
 Aprovados quanto a sua adequação antes da emissão;
 Analisados criticamente, atualizados e reaprovados, se necessário;
 Identificados quanto à situação atual;
 Com suas revisões relevantes disponíveis nos pontos de uso;
 Legíveis, prontamente identificáveis e recuperáveis;
 Identificados e distribuídos de forma controlada;
 Com os documentos obsoletos identificados apropriadamente (se retidos para algum propósito), a fim
de prevenir quanto ao uso não intencional.

CONTROLE DE REGISTROS

Os registros do SGI são mantidos para prover evidências de conformidade com os requisitos e
da efetiva operação do SGI. Os controles, quanto a sua identificação, armazenamento, recuperação,
proteção, tempo de retenção e disposição dos registros da qualidade estão estabelecidos no POP-
QSMS-RS-002 - Elaboração, Controle de Documentos e Registros.
CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 27 de 37

8.9. INVESTIGAÇÃO DE INCIDENTE

A identificação de incidentes é levantada nas reuniões de CIPA e durante suas auditorias.


Conscientizamos os funcionários a comunicarem ao SESMT situações ocorridas e identificadas por
eles, assim temos condições de acompanhar e tomar as devidas ações para a mitigação destes riscos
presentes nas atividades.
Consta no POP-SSO-RS-004 - Controle NC, AC, AP, Investigação de Incidentes – assunto
relacionado a este item da norma OHSAS 18001.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 28 de 37

SEÇÃO 9 - OPERAÇÃO

9.1. CONTROLE OPERACIONAL

O controle operacional, incluindo o Levantamento e Avaliação dos Aspectos e Impactos


Ambientais e os Perigos e Riscos, é realizado conforme o POP-MA-RS-007 - Controle Operacional, de
modo a assegurar o adequado controle dos aspectos ambientais significativos identificados e os perigos
e riscos incluindo seus controles operacionais necessários para a redução dos riscos identificados.
Para cada aspecto ambiental identificado, há um controle operacional para monitoramento e
gerenciamento adequado através do sistema via web SHE-Q.

9.2. REALIZAÇÃO DO PRODUTO

PLANEJAMENTO DA REALIZAÇÃO DO PRODUTO

Os processos de produção da ALSCO que influem diretamente na qualidade do produto são


executados de forma controlada, seguindo os procedimentos específicos.
O planejamento das atividades a serem executadas, definindo o método de produção,
conformidade com normas ou códigos de referência, equipamentos necessários para execução de cada
etapa, formas de controle e critérios de aprovação, estão definidos nas Instruções de Trabalho,
Procedimentos de Inspeção e outros. Este planejamento é coerente com os outros processos do
Sistema de Gestão Integrado.
Foram desenvolvidos fluxogramas, micro fluxogramas, Instruções de Trabalho, Procedimento de
Inspeção, Procedimentos Ambientais, Procedimentos de Saúde e Segurança Ocupacional, Padrões
Técnicos, Tabelas, Procedimento de Sistema, etc.
No planejamento da realização do produto, a ALSCO determinou:
a) Os objetivos do SGI (desdobrados para as várias funções), para o atendimento à Política Integrada.
b) Os requisitos do produto/serviço, através de uma interação entre os setores de vendas, entrega e
recolha e produção.
c) A necessidade de estabelecer processo e documentos levou em consideração o nível de
conhecimento das atividades, complexidade dos processos, etc.
d) A definição dos recursos ocorre através de Instruções de Trabalho e a sua disponibilização, através
da execução da Política Integrada.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 29 de 37
e) As atividades de controle estão definidas nos procedimentos de inspeção de recebimento, durante o
processo final, contendo os critérios de aceitação.
f) Os registros necessários para fornecer evidência de conformidade com os requisitos especificados
do produto estão referenciados nas Instruções de Trabalho, ou CR (Controle de Registros).
Como resultados deste planejamento têm-se o atendimento à Política Integrada, fornecimento e
disponibilização de informações apropriadas aos setores que efetuam atividades que afetem a
qualidade do produto/serviço ao meio ambiente e em consequência a saúde e segurança das pessoas
envolvidas.

PROCESSOS RELACIONADOS AOS CLIENTES

A ALSCO, através do POP-QSMS-RS-005 – Processo Relacionado ao Cliente, determina e


analisa criticamente os requisitos relacionados aos produtos e/ou serviços necessários incluindo as
mudanças que ocorrem para o seu uso, bem como estipula os métodos de comunicação com o cliente
visando o atendimento das necessidades do cliente.

PROJETO E DESENVOLVIMENTO

Requisito não aplicável, devido aos produtos e processos já serem definidos pelo Escritório
Central.

QUALIFICAÇÃO, AVALIAÇÃO DE FORNECEDORES E AQUISIÇÃO

O processo de aquisição (uniformes/matéria-prima, serviços de transportes, calibração,


prestação de serviços de limpeza e outros) é executado com a utilização do sistema informatizado
TOTVS e Portal de Compras via web para assegurar que os produtos adquiridos estão em
conformidade com os requisitos especificados nas Instruções de Especificação (IE).
As compras são realizadas conforme IE, que descreve as especificações dos produtos que
afetam a qualidade e ao meio ambiente.
A informação dos produtos a serem adquiridos são passadas para o setor de compras que
através do sistema TOTVS e portal de compras via web realiza as demais atividades de compra.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 30 de 37
Os dados das compras são conferidos pelos requisitantes por análise técnica e aprovado pelo
Gerente Geral para avaliar a adequação dos requisitos antes de sua comunicação ao fornecedor.

Através do POP-QSMS-RS-011 – Qualificação e Avaliação de Fornecedores determina e


analisa criticamente os fornecedores e prestadores de serviços qualificados relacionados à aquisição de
produtos e/ou prestação de serviços que afetem a qualidade, significativamente ao meio ambiente e ao
ambiente seguro para a execução de atividades realizadas por terceiros (quando houver).

VERIFICAÇÃO DO PRODUTO ADQUIRIDO

Os fornecedores de produtos químicos encaminham laudos técnicos para análise técnico


químico e/ou supervisor de produção, comparando com a respectiva IE – Instrução de Especificação.
Para o fornecedor de uniformes/toalhas é realizada uma inspeção por amostragem no
recebimento, conforme IT-EST-RS-006 – Inspeção de Recebimento de Roupas em Geral.
Caso haja uma necessidade da ALSCO ou de algum cliente visitar o fornecedor, o mesmo será
devidamente contatado para as providências pretendidas e o método de liberação do produto, sendo
gerado um relatório.

PRODUÇÃO E FORNECIMENTO DE SERVIÇO

O Planejamento da Produção é realizado em função da chegada do material do cliente e de


novos materiais para reposição, sendo baseada na média de lavagem diária. A definição dos produtos a
serem lavados ocorre em função da chegada do material trazido pela rota ou recebido da confecção. O
fornecimento dos serviços, são realizados sob condições controladas, que incluem:

 A disponibilização de informações passadas pelo setor de vendas quando da análise crítica de contrato
POP-VEND-RS-003 - Analise Critica de Contrato.

 A disponibilidade de Instruções de Trabalho, Procedimento de Inspeção e outros Procedimentos


necessários ao fornecimento do serviço.

 A utilização de equipamentos adequados conforme descritos nas Instruções de Trabalho.

 A disponibilidade de equipamentos para medir os pontos referenciados nas Instruções de Trabalho


visando o monitoramento e medição provendo confiança metrológica.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 31 de 37

 As medições e monitoramentos realizados estão descritos nas Instruções de Trabalho e nos


Procedimentos de Inspeção.

 A implementação da liberação está descrita nos Procedimentos de Inspeção, a entrega no POP-LOG-


RS-004 – Recolha e Entrega e as atividades pós-entrega são tratadas no POP-QSMS-RS-005 –
Processo Relacionado ao Cliente.

CONTROLE DE EQUIPAMENTOS MEDIÇÃO E MONITORAMENTO

As medições e os monitoramentos a serem realizados são definidos de acordo com os PT -


Padrões Técnicos e Instruções de Trabalho, bem como os dispositivos utilizados para evidenciar a
conformidade do produto com os requisitos determinados pelo setor de vendas e produção.
Para assegurar que os processos de medição e monitoramento sejam executados de maneira
coerente com os requisitos citados, os equipamentos utilizados são controlados (calibrados e ajustados
quando necessário).
Os equipamentos de medição são:
 Calibrados a intervalos definidos no Controle de Equipamentos Medição e Monitoramento - EMM, ou
antes, do uso, contra padrões de medições rastreáveis ou não pelo INMETRO.
 Ajustado, reajustado ou substituído quando o erro (erro + incerteza) apresentado for maior que 1/3
da menor tolerância na qual o equipamento é utilizado.
 A identificação do equipamento de medição é realizada através de etiqueta. A situação da calibração
está indicada no documento citado acima.
 São protegidos contra ajustes que possam invalidar o resultado da medição.
 Protegidos de maneira adequada durante o manuseio, manutenção e armazenamento para evitar a
deterioração.

É aberto um RNC (Registro de Não-Conformidade) quando nos registros da validade dos


resultados de medição anteriores, forem constatados que o equipamento utilizado não está conforme
com os requisitos de medição e monitoramento. As disposições e ações subsequentes a serem
tomadas são definidas e registrados (a ocorrência da NC e resultados da calibração) no próprio RNC.
Não há necessidade de validação do PLC, pois qualquer problema encontrado pode ser
plenamente detectado através das inspeções e medição do pH da lavagem.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 32 de 37
Quando especificado em contrato, os dados técnicos relativos aos equipamentos de medição e
monitoramentos são colocados à disposição do cliente ou seu representante para verificação da
adequação funcional.

9.3. PLANO DE ATENDIMENTO À EMERGÊNCIA – PAE

O plano de atendimento à emergência – PAE foi desenvolvido no POP-SSO-RS-008 - PAE -


Plano de Atendimento a Emergência, para identificação das possíveis e futuras emergências
existentes na ALSCO através de cenários.
Neste procedimento estão evidenciadas todas as recomendações necessárias para atendimento
às emergências, incluindo as responsabilidades, organograma da brigada, saída de emergência,
contatos, simulações, etc.

9.4. MONITORAMENTO E MEDIÇÃO

SATISFAÇÃO DE CLIENTES

Com a finalidade de medir o desempenho do sistema de gestão integrado, a ALSCO realiza


anualmente uma pesquisa de satisfação do cliente para monitorar o atendimento aos requisitos do
cliente. Esta pesquisa é encaminhada aos clientes aproximadamente antes da reunião de ACPA.
A amostragem é de aproximadamente 10% do total de clientes. Os resultados dessa pesquisa
são levados ao conhecimento do CIMEC, ACPA para avaliar as necessidades de tomada de ações.

PROCESSOS

O controle dos parâmetros e o monitoramento durante o processo de execução dos serviços


estão definidos nas próprias Instruções de Trabalho e dos Procedimentos de Inspeção. São
preenchidos relatórios de produção que demonstram a capacidade do processo em alcançar a
conformidade planejada.
Os critérios de aceitação estão definidos nos Procedimentos de Inspeção e no Padrão Técnico.
Quando os parâmetros do processo estiverem fora das especificações, são tomadas as devidas
correções e executadas quando apropriado às ações corretivas.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 33 de 37

PRODUTO

A ALSCO estabeleceu os requisitos de medição e critérios de aceitação para seus produtos nas
diversas etapas através dos Procedimentos de Inspeção Específicos.
Os formulários indicados nos PI’s e IT’s comprovam a conformidade dos produtos e indicam o
responsável pela aprovação do produto.
Nenhum produto é entregue até que todas as verificações e controles planejados tenham sido
completadas.

SGI (AUDITORIA INTERNA)

Para determinar a conformidade do Sistema de Gestão Integrado e assegurar sua efetiva


implementação, foi estabelecido o procedimento POP-QSMS-RS-013 - Auditoria Interna. Estas
auditorias são realizadas intercalando com o período das auditorias externas. Os resultados das
auditorias são levados ao conhecimento dos responsáveis, que propõem ações para eliminar as não
conformidades encontradas e suas causas, bem como as sugestões de melhoria.
É verificada a implementação e eficácia destas ações, sendo mantidos registros destas
auditorias.
Auditorias internas do Sistema de Gestão Integrado são agendadas no planejamento anual do
sistema, e são programadas levando em consideração a situação e a importância das atividades e
áreas a serem auditadas, bem como o resultado de auditorias anteriores. A programação de auditoria é
realizada de forma a contemplar todo o Sistema da Qualidade, Meio Ambiente e a Saúde e Segurança
Ocupacional semestralmente.
Os auditores relacionados para a auditoria são independentes das áreas a serem auditadas, e
recebem durante a reunião de abertura do processo, todo material referente à área a ser auditada. A
auditoria é realizada de forma a se questionar as pessoas que executam diretamente a atividade
auditada.
Os requisitos e autoridade dos auditores internos estão definidos nas Descrições de Cargos.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 34 de 37

9.5. CONTROLE DE PRODUTO NÃO CONFORME

A ALSCO efetua o controle de produto não conforme, através dos procedimentos de inspeção e
do POP-QSMS-RS-009 – Controle de Não Conformidade, Ação Corretiva e Ação Preventiva definindo a
sua identificação, prevenindo a utilização não intencional do produto. Os produtos não conforme são
detectados nas seguintes fases: Inspeção de recebimento, de processo e final.
O controle de Não Conformidade, Ação Corretiva e Ação Preventiva, são registrados no sistema
TOTVS.
A análise crítica do produto não conforme é feita em conjunto com todos os responsáveis pela
não conformidade, garantindo desta forma a notificação às funções envolvidas.
O produto não conforme é tratado através de:
 Execução de ação para eliminar o efeito;
 Autorização de sua utilização sob concessão do cliente, Supervisão de Produção e/ou do Gerente
Geral;
 Execução de ação para evitar o uso previsto.

Após a correção do produto não conforme o mesmo é inspecionado novamente apenas para o
requisito que apresentava problema.
Quando a não conformidade do produto for detectada após a entrega ou início de seu uso, a
ALSCO abrirá um RNC para tratar devidamente a mesma.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 35 de 37

SEÇÃO 10 - AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E MELHORIA

10.1. ANÁLISE DE DADOS

Para demonstrar a adequação e eficácia do Sistema de Gestão Integrado e para avaliar onde
melhorias de sua eficácia podem ser realizadas, são analisados, entre outros, os dados abaixo:
 Análise de riscos e oportunidades através do resultado do plano estratégico;
 Indicadores constantes GSI- Gerenciamento Sistema Integrado de Indicadores;
 Reclamações de Clientes.

A análise de dados fornece informações sobre a satisfação de clientes (Pesquisa de Satisfação),


conformidade dos requisitos do produto e processo (Registros de Inspeção, Relatório de Produção,
Rol), características e tendência de processo e produto (gráficos, média), fornecedores (Preço,
Condições de Entrega, Atendimento à legislação, etc.).

10.2. ANÁLISE CRÍTICA PELA ADMINISTRAÇÃO

ENTRADAS E SAÍDAS DA ANÁLISE CRÍTICA

O SGI da ALSCO é analisado criticamente semestralmente quanto a sua pertinência, adequação,


eficiência e eficácia, em reuniões compostas pela ACPA e CIMEC, incluindo a avaliação de
oportunidade para melhoria e necessidade de mudanças no SGI, tendo como base a Política Integrada,
seus objetivos desdobrados em metas e resultados do plano estratégico. Estas análises críticas são
evidenciadas através das respectivas atas de reuniões.

CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 36 de 37

10.3. MELHORIAS DO SGI

MELHORIAS

Com o intuito de aprimoramento dos processos do Sistema Integrado, foi criado um Comitê
Interno de Melhoria Contínua - CIMEC, tendo como participantes as funções estratégicas dentro da
empresa, proporcionando uma proximidade entre os níveis hierárquicos e dando liberdade para quebra
de paradigmas.
A ALSCO melhora continuamente a eficácia do sistema por meio:
 Do uso da Política Integrada, buscando a satisfação de necessidades do cliente interno e externo.
 Dos objetivos, buscando superar as metas traçadas e seus desdobramentos.
 Dos resultados de auditorias, buscando fontes de melhoria dos processos do Sistema Integrado.
 Das análises de dados, avaliando a situação atual com o propósito de aperfeiçoamento do sistema.
 Das ações Corretivas e Preventivas, considerando os problemas reais e/ou potenciais com
oportunidade de melhoria.
 Das ACPA’s, buscando o conhecimento do Sistema para provisão de recursos tecnológicos, de
materiais e humanos.

NÃO CONFORMIDADE, AÇÃO CORRETIVA, RISCOS E OPORTUNIDADES

A ALSCO executa ações corretivas para eliminar ou reduzir a níveis aceitáveis as não
conformidades ocorridas. Os riscos e oportunidades serão acompanhados e determinados na própria
RNC se necessário. É utilizado o sistema TOTVS para controle das não conformidades.
Os critérios para tomada de ação corretiva são definidos nos POP-SSO-RS-004 - Controle NC,
AC, AP, Investigação de Incidentes, POP-DVS-RS-002 – Tratamento de Reclamações de Clientes e
POP-QSMS-RS-017 – Tratamento de Ocorrências Internas. São definidos requisitos para:
 Análise crítica da não conformidade;
 Determinação de suas causas;
 Avaliação da necessidade de tomar ação corretiva;
 Determinação e implementação;
 Registros dos resultados de ações executadas;
 Análise Crítica das Ações Executadas.
CÓPIA CONTROLADA
MANUAL DO SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA
MAN-QSMS-RS
QSMS
Revisão 00 Elaboração: 23/02/2018 Revalidação: 24/02/2020 Página 37 de 37

AÇÃO PREVENTIVA PARA SISTEMA DE SAÚDE E SEGURANÇA OCUPACIONAL

Qualquer colaborador pode solicitar uma ação preventiva através do RNC – Registro de Não
Conformidade Ocorrida e Não Ocorrida, sendo considerados também como fontes os resultados de
auditorias internas e externas, reuniões de análise crítica do Sistema Integrado e ocorrência de
acidentes/incidentes e resultados de simulados.
Com base no resultado da análise o RNC – Registro de Não Conformidade Ocorrida e Não
Ocorrida e os principais envolvidos com a não conformidade potencial investigam as possíveis causas.
O resultado da investigação, bem como as ações preventivas necessárias para evitar a ocorrência da
não conformidade com responsáveis e prazo, é registrado em documentos específicos.

CÓPIA CONTROLADA