Você está na página 1de 5

13/09/2018 No seu jardim cresce picão-branco?

| Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda

Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda


Dicas de plantio, adubação, regas,
podas e muito mais

No seu jardim cresce picão-branco?


Publicado em 10 de setembro de 2015

Hoje vamos falar sobre uma PANC (Planta Alimentícia não Convencional) muito conhecida nos países andinos,
mas desvalorizada por nós brasileiros: o picão-branco (Galinsoga parviflora ou Galinsoga quadriradiata)!

O picão-branco é nativo da América do Sul, sendo uma planta subespontânea de diversas áreas rurais e urbanas, e
por isto, é considerada daninha. Esta espécie também é chamada de guasca, principalmente nas suas regiões de
origem.

Picão-branco (Galinsoga parviflora) ©Sabor de Fazenda

Podemos utilizar suas folhas como hortaliça, refogadas ou cruas, porém seu maior uso é como tempero. O pó seco
de suas folhas desidratadas é um tempero delicioso para sopas, ensopados e carne de frango. Para fazer sua
secagem o processo é diferente dos tradicionais, feitos em temperatura ambiente, pois ela precisa de temperatura
para ativar seu sabor. Se secarem em  temperatura ambiente, elas não terão aroma e sabor. Nossa queridíssima
Neide Rigo diz que 40ºC é uma boa temperatura de secagem.

Vamos ao processo de secagem….

Colha boa quantidade de ramos, pois com a temperatura eles reduzirão bem. Lave os ramos e seque
delicadamente. Disponha-os em uma forma, não há necessidade de separar as folhas, pois isto é mais fácil fazer
depois.

Privacidade e cookies: Esse site utiliza cookies. Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso.
Para saber mais, inclusive sobre como controlar os cookies, consulte aqui: Política de cookies

Fechar e aceitar

https://viveirosabordefazenda.wordpress.com/2015/09/10/no-seu-jardim-cresce-picao-branco-galinsoga-parviflora/ 1/5
13/09/2018 No seu jardim cresce picão-branco? | Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda

Secagem (Galinsoga parviflora) ©Sabor de Fazenda

Ligue o forno na temperatura mínima, coloque a forma dentro e deixe a porta do fogão entreaberta, aqui nós
colocamos uma forma igual a da foto na porta (para ela não fechar). O processo demorou cerca de 30 minutos. O
ponto é aquele em que as folhas ficam quebradiças e fáceis de triturar na mão.

Secagem (Galinsoga parviflora) ©Sabor de Fazenda

Vejam só como ficou depois de trituramos manualmente, nem precisou de processador.

Privacidade e cookies: Esse site utiliza cookies. Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso.
Para saber mais, inclusive sobre como controlar os cookies, consulte aqui: Política de cookies

Fechar e aceitar

https://viveirosabordefazenda.wordpress.com/2015/09/10/no-seu-jardim-cresce-picao-branco-galinsoga-parviflora/ 2/5
13/09/2018 No seu jardim cresce picão-branco? | Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda

Picão-branco seco (Galinsoga parviflora) ©Sabor de Fazenda

Nós não produzimos o picão-branco, mas, se você tiver uma horta de canteiros, deixe os matos espontâneos
crescerem livremente e ele provavelmente  aparecerá. Ele aparece mais frequentemente no outono e primavera,
sendo que seu tempo de vida é muito curto, menos de 50 dias. Por isto, não demore a utilizá-lo.

Venha desvendar os mistérios que as


Plantas Alimentícias não Convencionais
nos reservam. Aprenda a cultivá-las e a
preparar deliciosos e nutritivos pratos,
gastando muito pouco. Curso
Jardinagem Gastronômica – Especial
PANC (03/10 das 9h00 – 13h30).
Maiores informações aqui.

Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo

(11) 2631-4915

sabordefazenda@sabordefazenda.com.br

Compartilhe isso:

 Twitter  Publique Isso  Facebook 523  Google  Mais

Reblogar Curtir

2 blogueiros gostam disto.

Privacidade e cookies: Esse site utiliza cookies. Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso.
Para saber mais, inclusive sobre como controlar os cookies, consulte aqui: Política de cookies
Relacionado

Fechar e aceitar

https://viveirosabordefazenda.wordpress.com/2015/09/10/no-seu-jardim-cresce-picao-branco-galinsoga-parviflora/ 3/5
13/09/2018 No seu jardim cresce picão-branco? | Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda

PANC: Plantas Alimentícias Não Convencionais 9 Maneiras de Fazer o Controle Ecológico de Dicas simples: como deixar a terra do vaso (ou
Em "matos espontâneos" Pragas na sua Horta canteiro) fofinha
Em "agricultura ecológica" Em "cuidados do solo"

Sobre Sabor de Fazenda


Somos um viveiro orgânico de ervas e temperos situado na Vila Maria, São Paulo. Oferecemos mais de 90 espécies de mudas de
ervas e temperos orgânicos e uma série de atividades, como cursos para crianças e adultos, que se encantam ao aprender o valor
e os benefícios de cada planta e a delícia de fazer seu próprio jardim de ervas.
Ver todas as mensagens por Sabor de Fazenda →

Esse post foi publicado em matos espontâneos, PANC, secagem e marcado bem-estar, ervas daninhas, ervas orgânicas, guasca, horta em casa, horta em pequenos espaços,
Horta urbana, horta vertical, matos comestíveis, matos de comer, matos espontâneos, Neide Rigo, PANC, pancs, pição branco, plantas alimentícias não convencionais,
qualidade de vida, saúde, Sabor de Fazenda, viveiro orgânico. Guardar link permanente.

8 respostas para No seu jardim cresce picão-branco?

Lúcia disse:
12 de março de 2018 às 6:55

Eu estou surpresa como as pessoas esquecem das coisas, agora estão valorizando o que há muito tempo já era divulgado pelas
extensionista da assistência técnica e extensão rural, Técnicas em Economia Doméstica preparavam e ensinavam pratos com
estas plantas. Alimentação alternativa, depois como práticas interativas de alimentos.
Responder

joa batista silva disse:
7 de novembro de 2017 às 17:00

Eu fiz o tempero dele e ficou otimo mais sequei ele foi no sol mesmo
Responder

corujola disse:
15 de novembro de 2016 às 23:58

obrigada pelo post, aqui onde moro cresce muito picão branco, não sabia desse método para ativar o aroma dele.
Responder

ismael pinheiro goes disse:
10 de setembro de 2015 às 21:33

eu conheço como caruru no norte do paraná


Responder

Sabor de Fazenda
Privacidade e cookies: Esse disse: a usar este site, você concorda com seu uso.
site utiliza cookies. Ao continuar
Para saber mais, inclusive
16 sobre como controlar
de setembro de 2015 os
àscookies,
18:12 consulte aqui: Política de cookies

Fechar e aceitar

https://viveirosabordefazenda.wordpress.com/2015/09/10/no-seu-jardim-cresce-picao-branco-galinsoga-parviflora/ 4/5
13/09/2018 No seu jardim cresce picão-branco? | Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda
Olá, Ismael. Nós ainda não ouvimos falar neste nome popular para o picão, vamos dar uma pesquisada.
Atenciosamente.
Responder

corujola disse:
15 de novembro de 2016 às 23:57

ismael, caruru e picão são plantas diferentes.


Responder

Sabor de Fazenda disse:
16 de novembro de 2016 às 12:40

Olá, Corujola. Nome popular sempre terá mistura e confusão, o ideal é saber o nome científico. Abraços,
Gabi

Elina Mara Ávila de Oliveira disse:
10 de setembro de 2015 às 12:23

Como a natueza é pródiga. Em meu jardim tenho o picão branco. Vou utiliza-lo. Obrigada pela dica
Responder

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Viveiro Orgânico de Ervas e Temperos Sabor de Fazenda


Blog no WordPress.com.

Privacidade e cookies: Esse site utiliza cookies. Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso.
Para saber mais, inclusive sobre como controlar os cookies, consulte aqui: Política de cookies

Fechar e aceitar

https://viveirosabordefazenda.wordpress.com/2015/09/10/no-seu-jardim-cresce-picao-branco-galinsoga-parviflora/ 5/5