Você está na página 1de 68

Índice

Conceitos Básicos
Conceitos básicos - Funcionamento ........................................................................................................................................................................................................................................................... 3
Transmissão Angular (Coroa/Pinhão) ......................................................................................................................................................................................................................................................... 4
Diferencial ................................................................................................................................................................................................................................................................................................. 5
Eixo Traseiro Com Duas Velocidades .......................................................................................................................................................................................................................................................... 6
Eixo traseiro com redução nas laterais ..................................................................................................................................................................................................................................................... 7
Eixo traseiro com compensador ................................................................................................................................................................................................................................................................. 8
Relação de transmissão ............................................................................................................................................................................................................................................................................. 9
Cálculo da relação de redução .................................................................................................................................................................................................................................................................. 9
Designação comercial ............................................................................................................................................................................................................................................................................. 10
Plaqueta de Identificação ......................................................................................................................................................................................................................................................................... 11
Principais operações
Troca do óleo lubrificante do eixo traseiro ................................................................................................................................................................................................................................................ 12
Remover e instalar o cubo campana com o porta-planetárias ................................................................................................................................................................................................................... 14
Desmontar e montar o cubo-campana com o porta-planetárias ................................................................................................................................................................................................................ 18
Remover o porta-planetárias do cubo campana ...................................................................................................................................................................................................................................... 20
Desmontar e montar o cubo de roda traseiro Eixos traseiros freio a tambor ............................................................................................................................................................................................ 22
Desmontar e montar o cubo de roda traseiro - Eixos traseiros freio a disco ............................................................................................................................................................................................. 25
Remover e instalar o diferencial central .................................................................................................................................................................................................................................................. 30
Remover e instalar a coroa com o diferencial ......................................................................................................................................................................................................................................... 36
Remover e instalar o bloqueio transversal .............................................................................................................................................................................................................................................. 43
Remover e instalar o diferencial longitudinal com a tampa ..................................................................................................................................................................................................................... 45
Desmontar e montar o diferencial longitudinal ........................................................................................................................................................................................................................................ 48
Remover e instalar a carcaça com o pinhão da carcaça do eixo ............................................................................................................................................................................................................. 52
Desmontar e montar a carcaça com o pinhão ......................................................................................................................................................................................................................................... 54
Operações de ajustes de regulagens
Verificar e ajustar a folga axial da semi-árvore. ........................................................................................................................................................................................................................................ 17
Regular a folga dos rolamentos no cubo de roda traseiro ........................................................................................................................................................................................................................ 29
Desmontar e montar a árvore acionadora traseira ................................................................................................................................................................................................................................... 34
Verificar e regular a folga axial da luva de engate do bloqueio transversal .............................................................................................................................................................................................. 44
Verificar e regular a folga axial da luva de engate do bloqueio longitudinal - eixos 740.8 ......................................................................................................................................................................... 47
Verificar e regular a folga entre dentes da engrenagem planetária .......................................................................................................................................................................................................... 51
Determinar a espessura das arruelas do pinhão ...................................................................................................................................................................................................................................... 56
Verificar o momento de atrito dos rolamentos do pinhão - 740.8 ............................................................................................................................................................................................................. 59
Verificar o momento de atrito dos rolamentos do pinhão - 740.6 ............................................................................................................................................................................................................. 60
Determinar a medida de montagem do pinhão ......................................................................................................................................................................................................................................... 61
Desmontar e montar o diferencial ........................................................................................................................................................................................................................................................... 64

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 1 Global Training.
Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 2 Global Training.
Conceitos básicos - Funcionamento

A rotação do motor, que pode ser interrompida à qualquer instante por inter-
médio da embreagem, passa pela caixa de mudanças chegando ao eixo
traseiro, no qual se comunica às rodas montadas em uma árvore transver-
sal. Esta mudança em ângulo reto, consegue-se por meio
da engrenagem de um pinhão e de uma coroa, que possui de cada lado uma
semi-árvore, que comunicam às rodas o movimento do motor, sempre
desmultiplicado, por ser o pinhão menor que a coroa, ajustando-se às condi-
ções de trabalho correspondente a cada tipo de veículo.

mecpist026.tif

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 3 Global Training.
Transmissão Angular (Coroa/Pinhão)

A transmissão angular tem a função de mudar a direção do movimento transmitido pelo motor à árvore
de transmissão num ângulo de 90°.
Esse movimento se divide no diferencial é transmitido as rodas através das semi-árvores. O tipo de
transmissão angular mais empregado atualmente, é o de engrenagens cônicas.
As engrenagens cônicas compreendem uma coroa dentada solidária ao diferencial que é acionada por
,um pinhão ligado à árvore de transmissão.
As engrenagens cônicas podem ter os dentes retos, mas, atualmente prefere-se os dentes helicoidais
que apresentam as vantagens de um funcionamento silencioso, um bom rendimento mecânico e uma
mecpist027.tif maior resistência ao desgaste.
Sistema Hipóide Quando o pinhão for montado com sua linha de centro, fora da linha de centro da coroa, se dizem
sistema hipóide. Esse tipo, possui algumas vantagens em relação aos outros. Uma delas é permitir uma
colocação mais baixa da árvore de transmissão, devido ao crescente emprego de linhas aerodinâmicas
e redução da altura dos veículos. Outra vantagem, é a possibilidade de se obter maior superfície de
contato entre dentes.
Uma outra vantagem e a mais importante é uma maior distribuição das forças que se produzem no
rolamento da ponta do pinhão, evitando com isso as constantes quebras do alojamento do mesmo; o
que era crítico no sistema palóide (linha de centro do pinhão coincidindo com a linha de centro da coroa),
pois toda força transmitida à coroa pelo pinhão ficava concentrada no alojamento dos rolamentos da
mesma.

mecpist028.tif

Sistema Palóide

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 4 Global Training.
Diferencial

O diferencial é um dispositivo mecânico que permite diferença de velocidade


entre as rodas de tração sob certas circunstâncias. Ele permite que uma
roda gire a uma certa velocidade, e a outra com velocidade maior ou menor.
Essa diferença de velocidade é necessária, quando por exemplo o veículo
descreve uma curva. A velocidade de rotação das rodas do lado de dentro
da curva é menor que a velocidade de rotação das rodas do lado de fora, já
que o tempo é o mesmo e as trajetórias descritas são diferentes.
Se o eixo das rodas traseiras fosse rígido, evidentemente, as curvas, a roda
de tração do lado de dentro arrastar-se-ia no solo.

mecpist029.tif

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 5 Global Training.
Eixo Traseiro Com Duas Velocidades

Este eixo traseiro tem duas reduções portanto duas velocidades.


Aplicando-se segunda redução, teremos praticamente uma marcha interme-
diária entre as marchas normais da caixa de mudanças, o que resultará em
perfeita adaptação do veículo às diferentes condições de serviço e melhor
aproveitamento da potência do motor.
Para serviços fora de estrada à baixa velocidades, esse diferencial poderá
além de dupla redução, dispor de bloqueio de diferencial, que propicia ao
veículo vencer com facilidade, terrenos acidentados com arranques mais
firmes.

mecpist030.tif

mecpist031.tif

mecpist034.tif

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 6 Global Training.
Eixo traseiro com redução nas laterais

A transmissão de força da árvore de transmissão para as rodas propulso-


ras, se realiza através do conjunto coroa/pinhão, diferencial, semi-árvores
e engrenagens planetárias do conjunto planetário.
A engrenagem solar do conjunto planetário, assentado sobre a semi-árvo-
re, aciona as engrenagens satélites alojadas no porta satélites, os quais
giram na engrenagen anular, montada fixa na ponta do eixo. O porta satéli-
tes, unido ao cubo da roda pelo cubo campana, faz girar a roda.
Graças a dupla redução no conjunto cora/pinhão e engrenagens do con-
junto planetário, a carcaça do eixo traseiro tem um dimensionamento redu-
zido (grande altura livre sobre o solo), já que a redução principal se efetua
no conjunto planetário.
Isto significa que o (torque), surte todo o seu efeito diretamente nos cubos
de roda. Deste modo, todos os elementos de transmissão estão submetidos
a esforços consideravelmente menores.
mecpist036.tif

1. Engrenagem solar
2. Engrenagem planetária
3. Engrenagem anular Para cálculo da redução:
4. Porta planetárias
5. Rolete de agulhas
R = n° dentes da engrenagem solar + n° dentes da engrenagem anular
n° dentes engrenagem solar

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 7 Global Training.
Eixo traseiro com compensador

Este tipo de eixo traseiro tem aplicação específica em certos veículos que
possuem dois eixos motrizes na traseira.
A força é transmitida da caixa de mudanças ao1° eixo traseiro e, direta-
mente ao eixoposterior, por uma árvore de transmissão passante.
Ao sistema, está ligado um divisor de torque (compensador).
A função do divisor é compensar a diferença de rotações entre os dois ei-
xos, provocadas pelos acidentes do terreno e etc., diminuindo com isso
maiores tensões nos elementos de transmissão (coroa, pinhão, caixa de
satélites, semi-árvores) devido ao aperfeiçoamento das técnicas de cons-
trução de todo o conjunto do eixo.
O bloqueio do divisor de torque ao ser acionado, impede o efeito diferencial
do compensador mantendo unidos fixamente o 1° e o 2°eixo.
O bloqueio do divisor de torque deve ser aplicado sempre que o veículo
trafegar em terrenos inconsistentes (alagados) e desfeito tão logo cessem
as condições adversas.

mecpist033.tif

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 8 Global Training.
Relação de transmissão

Cálculo da relação de redução

A relação de redução é o fator que determina o torque e a rotação de saída 1


em uma transmissão por engrenagens. O cálculo da relação de redução é
feito da seguinte forma:
Relação de redução = nº de dentes da engrenagem movida 2
nº de dentes da engrenagem motora

Para uma coroa de 40 dentes e um pinhão de 10 dentes, temos:

Relação de redução = 40 : 10 4 :1 mecpist021.tif


Relação de redução = 4

Na aplicação deste par, coroa e pinhão, o torque vai ser multiplicado e a 1- Pinhão (engrenagem motora)
2 - Coroa (engrenagem movida)
rotação reduzida 4 vezes.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 9 Global Training.
Designação comercial

mecpist022.tif

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 10 Global Training.
Plaqueta de Identificação

743.498 1 962684

Relação de redução N° progressivo da série (FZ)

N° de construção
(Baumuster) Versão para direção
1 - direita
mecpist024.tif

N° progressivo da série
(FZ) N° de construção (Baumuster)
743 - Modelo

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 11 Global Training.
Troca do óleo lubrificante do eixo traseiro
Eixo traseiro 740; 743; 745; 746

1 - Bujão de abastecimento da caixa planetária do cubo de roda 4 - Bujão de escoamento da carcaça central do eixo traseiro
2 - Bujão de escoamento da caixa planetária do cubo de roda 5 - Bujão de abastecimento da carcaça da árvore passante do diferencial
3 - Bujão de abastecimento da carcaça central do eixo traseiro 6 - Bujão de escoamento da carcaça da árvore passante do diferencial

1 Girar a roda até o bujão de escoamento da caixa planetária do cubo da roda fique para baixo.
2 Limpar e remover os bujões de abastecimento (1, 3 e 5) e escoamento (2, 4 e 6) e escoar o óleo.
Escoar o óleo das caixas planetárias dos cubos de rodas direito e esquerdo
Ao escoar o óleo do eixo traseiro tomar cuidado pois o óleo quente em contato com apele provoca queimaduras.

3 Instalar os bujões de escoamento (2 ,4 e 6) . Lavar minuciosamente os bujões .


4 Abastecer a carcaça central do eixo traseiro até o nível de óleo atingir a borda inferior do orifício de abastecimento e instalar o bujão (3).
5 Abastecer as caixas planetárias dos cubos de rodas até o nível de óleo atingir a borda inferior do orifício de abastecimento e instalar o bujão de
abastecimento (1).
6 Abastecer a carcaça da árvore passante do diferencial central até o nivel de óleo atingir a borda inferior do orifício de abastecimento e instalar o bujão
de abastecimento (5).

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 12 Global Training.
Valores de aperto e abastecimento

Volume de asbastecimento / Óleo lubrificante recomendado

Eixos 740.6 Eixos 740.8


Carcaça central do eixo traseiro Litros 12 12
Carcaça do diferencial longitudinal Litros - 3,5
tabET001.eps

ÓLEOS LUBRIFICANTES PARA TRANSMISSÃO

CAIXAS DE TRANSFERÊNCIA E EIXOS MOTRIZES (DIFERENCIAIS), INCLUSIVE EIXOS MERITOR (ROCKWELL)

ÓLEOS CLASSE MB 235.0, MB 235.6 E API GL-5

ESPECIFICAÇÃO: Conforme DBL 6630.00, classe de viscosidade SAE 85W90 e 90

Valores de aperto

Eixos 740.6 Eixos 740.8


Carcaça central do eixo
M24 Nm 80 - 100 80 - 100
traseiro
Carcaça do diferencial
M24 Nm 80 - 100 80 - 100
longitudinal
tabET002.eps

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 13 Global Training.
Remover e instalar o cubo campana com o porta-planetárias
Eixos traseiros 740.3/740.6/740.8

1 Anel de vedação 8 Arruela de encosto


2 Cubo campana 9 Arruela compensadora
3 Parafuso de fixação do cubo campana 10 Anel-trava
4 Semi-árvore 12 Tampa
5 Anel-trava 13 Parafuso da tampa
6 Engrenagem Solar 14 Adaptador
7 Anel-trava 15 Dispositivo para remoção e instalação

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 14 Global Training.
Remoção e instalação

1 Remover as rodas.
2 Drenar o óleo do redutor planetário externo.
Instalar: Abastecer com óleo especificado.

3 Remover tambor de freio.

4 Travar o bloqueio do diferencial mecanicamente


4.1 Desligar o conector (3) e remover o interruptor elétrico (2) e o
anel de vedação (1).

Instalar: Utilizar novo anel de vedação.

4.2 Instalar o parafuso (4) no cilindro e apertá-lo até o bloqueio


ficar firmemente aplicado.
Para providenciar o parafuso (4) tomarcomo referência a rosca
do interruptor (2).
Girar o cubo de roda para comprovar a plena aplicação do blo-
queio.

5 Remover a tampa (12) e a junta (11)


Instalar: Em eixos com redução final 3,167 não utilizar a tampa de ferro
fundido.
Montar uma nova junta e apertar os parafusos com o torque especificado.

6 Remover o anel-trava (10), a arruela compensadora (9) e a arruela de encosto (8)

Instalar: Verificar e ajustar a folga axial da semi-árvore.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 15 Global Training.
7 Remover a semi-árvore (4) com o adaptador (14), o dispositivo de remoção e instalação (15).
8 Remover o anel-trava (7), a engrenagem solar (6) e o anel-trava (5).
9 Remover os parafusos (3), que fixam o cubo de campana (2) ao cubo de roda.

10 Remover por pressão o cubo campana (2) do cubo de roda

Marcar a posição do cubo campana com o cubo de roda.

10.1 Remover por pressão o cubo campana (1) do cubo de roda com auxílio de três parafusos M12X1,5
(indicados pelas setas).

Para remover o cubo por igual, instalar três parafusos de cabeça sextavada de modo alternado em três
pontos da circunferência.

11 Remover o anel de vedação (1)

Instalar: Utilizar um novo anel de vedação lubrificado.

12 Instalar na ordem inversa

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 16 Global Training.
Verificar e ajustar a folga axial da semi-árvore.

1. Fixar o suporte do comparador (1) coml o relógio comparador (2) e o


prolongador (3) no cubo campana.
2. Colocar o relógio comparador (2) com aproximadamente 1 mm de tensão
prévia sobre a semi-árvore e ajustar a zero a escala de medição do
comparador.
3. Mover de um lado para o outro a semi-árvore comlo adaptador (4) elo
dispositivo (5), comprovando assim a fola axial.
Se não for alcançado o valor estipulado, regular a folga axial acrescen-
tando ou removendo os calços correspondentes.

Folga axial da engrenagem solar (montada na semi-árvore) 0 ,1 - 0 , 3

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 17 Global Training.
Desmontar e montar o cubo-campana com o porta-planetárias

Eixos Série 740 com os eixos integrados nas engrenagens planetárias

1 Anéis-trava
2 Arruelas de encosto externas
3 Porta-planetárias
4 Buchas
5 Arruelas de encosto internas
6 Roletes
7 Arruelas intermediárias (entre os roletes)
8 Engrenagem planetária com eixo integrado
9 Cubo campana
10 Parafusos com arruelas integradas
11 Arruela de encosto da engrenagem solar

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 18 Global Training.
1 Remover o cubo campana com o porta planetárias.
2 Remover os parafusos.
3 Apoiar o porta-planetárias (3) com o cubo campana (9) em um calço de madeira de 160mm de altura.
Durante a desmontagem das engrenagens planetárias, manter individualizadas (na medida do possível) cada jogo composto de engrenagem planetária com
eixo integrado (8), roletes (6), arruelas intermediárias (7), arruelas de encosto (5), anéis-trava (1) e as arruelas de encosto internas (2).

4 Remover de cada engrenagem em separado: o anel-trava (1), a arruela de encosto externa (2), a primeira fileira de roletes (6), a arruela intermediária (7)
e a segunda fileira de roletes (6).
Remover os roletes com o auxílio de uma pinça apropriada de ponta
fina e apropriada.

5 Remover o cubo campana (9) e as arruelas de encosto internas (5) e agrupá-las ao seu conjunto de montagem.
Montar: Lubrificar os componentes

6 Remover de cada engrenagem do porta planetárias em separado: o anel -trava (1), a arruela de encosto externa (2), a primeira fileira de roletes (6), a
arruela intermediária (7) e a segunda fileira de roletes (6).
Montar: Lubrificar os componentes.

7 Remover do porta-planetárias (3) e do cubo campana (9) as buchas das engrenagens satélites (4) com um mandril apropriado ou com auxilio de uma
prensa.
Montar: Resfriar as novas buchas na caixa com nitrogênio e instalá-las com um alicate e um mandril apropriado. Verificar a correta posição final de faceamento
no portaplanetárias e no cubo campana. 346 589 00 63 00

Graxa conforme DBL 6804 - Classe 267.0

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 19 Global Training.
Remover o porta-planetárias do cubo campana

1 Apoiar o porta-planetárias com o cubo campana (1) com um calço de madeira (2) de 160 mm
de altura.

O calço de madeira deverá impedir que o porta-planetárias caia.

2 Segurar o cubo campana (1) e remover os parafusos (3).

3 Remover os eixos (4) do porta-planetárias com um punção apropriado golpeando levemente e


remover o cubo campana.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 20 Global Training.
Instalar o cubo campana no porta-planetárias

1 Apoiar o porta-planetárias (1) no calço de madeira (2) de 160 mm de altura e colocar em cima
o cubo campana (3) de modo que os eixos se encaixem nos orifícios. Bater no cubo com um
martelo de plástico.

2 Fixar o cubo campana em uma bancada.

3 Instalar os cinco novos parafusos (4) e aperta-los com o torque prescrito.

4 Fixar os parafusos integrados com um punção de bico. Se os parafusos forem autotravantes


não é necessário punçoná-los.

Nos cubos campana fundido, devem-se utilizar obrigatoriamente, parafusos autotravantes.

Parafusos de fixação do porta planetárias ao cubo campana 260-280 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 21 Global Training.
Desmontar e montar o cubo de roda traseiro
Eixos traseiros freio a tambor

1 Porca ranhurada externa


2 Chapa- trava
3 Porca ranhurada interna
4 Engrenagem anular
5 Cubo-trava
6 Anel - trava de aplicação externoa
6A Anel - trava de arame
7 Rolamento externo
8 Cubo de roda
9 Parafuso
10 Pista deslizante para os vedadores
11 Pista do rolamento externo do cubo
12 Anel dentado do sensor ABS
13 Vedador de lábio simples
14 Vedador de lábio duplo
15 Anel defletor
16 Pista do rolamento interno
17 Rolamento interno
18 Chapa protetora
19 Coletor de óleo
20 Extremidade do eixo

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 22 Global Training.
Desmontar

1 Remover o cubo de roda traseiro.


2 Remover o anel dentado do sistema ABS (12) .
3 Remover do cubo de roda (8), o coletor de óleo (19).
4 Remover do cubo de roda (8), a pista do rolamento externo (11) com auxilio de extrator 000 589 16 33 00.
5 Remover o vedador de lábio duplo (14) e o vedador de lábio simples (13) com auxilio de extrator 000 589 16 33 00.
6 Remover a chapa protetora (18) e o rolamento (17).

A chapa protetora (18) somente é utilizada em eixos 740.8 e 740.7.

7 Remover do cubo de roda (8), a pista do rolamento interno (16) com auxilio de extrator 000 589 16 33 00.
8 Remover o anel defletor (15).
9 Remover do cubo de roda (8), os parafusos de fixação das rodas (9).
10 Se for necessário, remover a pista deslizante (10) da extremidade do eixo (20).
Remover a pista sob pressão com o auxílio de duas espátulas.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 23 Global Training.
Montar

11 Instalar no cubo de roda (8), os parafusos de fixação das rodas (9).


12 Instalar o anel defletor (15).
13 Instalar no cubo de roda (8), a pista do rolamento interno (16) com auxilio de mandril
Em eixos HL 7/021 D-10 98 345 589 32 15 00
Em eixos HL 7/015 e Eixos HO 7/01 98 350 589 08 15 00

14 Instalar o rolamento interno (17).


Lubrificar com graxa especificada

15 Instalar a chapa protetora (18).


Atenção: A chapa defletora é utilizada em eixos 740.8 e 740.7

16 Instalar os vedadores, no cubo de roda (8) .


17 Instalar no cubo da roda (8), a pista do rolamento externo (11) com auxilio de mandril.
Em eixos HL 7/021 D-10 98 345 589 15 15 00
Em eixos HL 7/015 e Eixos HO 7/01 317 589 05 15 00
18 Instalar o anel dentado do sistema ABS.
19 Instalar no cubo de roda (8) o coletor de óleo (19) com auxilio de dispositivo.
Aplicar um produto vedante no coletor

20 Instalar na extremidade do eixo (20), a pista deslizante dos vedadores (10).


Aquecer a pista a 80°C e pressioná-la até o batente.
No aquecimento não aplicar chama direta na pista.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 24 Global Training.
Desmontar e montar o cubo de roda traseiro
Eixos traseiros freio a disco

1 Porca ranhurada externa


2 Chapa-trava
3 Porca ranhurada interna
4 Engrenagem anular
5 Cubo-trava
6 Anel - trava
6A Anel - trava de arame
7 Rolamento de roletes cônicos
8 Cubo de roda
9 Disco do freio
11 Vedador externo
12 Pista deslizante dos vedadores
13 Mandril
14 Chave de garras

Vedante Terolan 307/II


Graxa conforme DBL 6804 - Classe 267.0

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 25 Global Training.
Desmontar

1 Remover a pinça do freio.


2 Remover o suporte da pinça do freio.
3 Remover o cubo campana com o portaplanetárias.
4 Liberar o travamento da porca ranhurada externa (1) e removê-la - 363 589 01 07 00.
5 Remover a chapa trava (2) e a porca ranhurada interna (3) - 363 589 01 07 00.
6 Remover a engrenagem anular (4) montada com o cubo-trava (5) e o anel-trava (6), ou (6A), do estriado da extremidade do eixo.

Existem dois tipos de anéis-trava, o tipo SEEGER (6) e o de arame (6A).

7 Remover o cubo de roda (8) com o disco do freio (9) e o rolamento externo (7).
8 Verificar a espessura e o estado dos discos do freio (9).
9 Remover o disco do freio (9), se necessário.
10 Examinar o anel dentado do ABS e se necessário substitui-lo.
11 Remover do cubo (8) o coletor de óleo e a seguir os vedadores, externo (11) e interno(10) - 000 589 16 33 00.
12 Verificar o estado da pista deslizante (12) no eixo.

Se necessário, substitui-la.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 26 Global Training.
Montar

13 Instalar no cubo o vedador interno (10) (com lábio de vedação simples), em seguida o vedador externo(11) (com o lábio de vedação duplo) e o coletor de
óleo - 98 350 589 07 15 00.
Aplicar produto um vedante no encaixe do coletor de óleo.
Lubrificar os lábios dos vedadores .

14 Instalar o anel dentado do ABS.


15 Instalar o disco do freio (9) no cubo de roda (8).
16 Instalar o cubo de roda (8) no eixo.
Cuidado para que os lábios dos vedadores não sejam danificados.

17 Instalar no cubo de roda o rolamento externo (7) lubrificado - 321 589 02 15 00 / 98 350 589 08 15 00.

18 Instalar a engrenagem anular (4) montada com o cubo-trava (5) e o anel-trava (6) ou (6A), no estriado do eixo.

Existem dois tipos de anéis-trava, o tipo SEEGER (6) e o de arame (6A).

17.1 Instalar o cubo-trava (5) na engrenagem anular (6) e instalar o anel-trava(4), ou o anel-trava de arame
(4A), no cubo-trava (5).

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 27 Global Training.
19 Apertar a porca ranhurada interna (3) - 363 589 01 07 00.
20 Instalar uma nova chapa-trava (2) e apertar a porca ranhurada externa (1) - 363 589 01 07 00.
21 Regular a folga dos rolamentos do cubo.
22 Dobrar a chapa-trava (2) dentro das ranhuras das duas porcas ranhuradas interna (3) e externa (1).

Porcas ranhuradas externa do cubo de roda 550 Nm


Porcas ranhuradas interna do cubo de roda 300 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 28 Global Training.
Regular a folga dos rolamentos no cubo de roda traseiro

Nos casos em que o cubo foi removido

1 Após ter instalado o cubo no eixo, apertar a porca ranhurada interna com alchave de garras e
ao mesmo tempo girar o cubo (4) para ambos os lados, aplicar algumas batidas firmes com um
martelo plástico na face frontal. Este procedimento tem por finalidade o assentamento dos rola-
mentos.
2 Apertar a porca ranhurada interna (1) com o torque especificado e girar o cubo novamente em
ambos os sentidos.
3 Afrouxar a porca ranhurada interna (1) 120º assegurando que que existe folga axial.

Medir a folga

4 Fixaro suporte do comparador (6) no cubo de roda (4). Colocar o relógio comparador (8) de
modo que o prolongador (7) permaneça apoiado na face do eixo (5) regulado na escala zero “0”
com alguma pré-carga.
5 Verificar a folga axial do cubo de roda indicada pelolrelógio comparador (8). A folga prescrita
0,01-0,03 mm deverá ser regulada apertando ou afrouxando a porca ranhurada interna (1).

Atenção: Rolamentos novos deverão ser regulados pela folga mínima.

6 Colocar uma nova chapa-trava (2) e apertar a porca ranhurada externa (3) com o torque
prescrito.
7 Verificar novamente a folga axial e corrigí-la, se necessário. Remover o suporte (6) com o
relógio comparador (8).
8 Travar a porca ranhurada dobrando a chapa-trava (2) em cima das ranhuras da porca externa
(3).

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 29 Global Training.
Remover e instalar o diferencial central

1 Parafuso de bloqueio manual


2 Parafusos do cilindro de bloqueio
3 Cilindro de bloqueio (longitudinal)
4 Êmbolo
5 Anel de vedação
6 Diferencial central
7 Parafusos
8 Conexão pneumática tipo banjo
9 Arruelas de vedação
10 Conector elétrico
12 Parafuso oco da conexão banjo

Parafusos de fixação do conjunto porta diferencial no eixo traseiro (M 12) - 170-200 Nm


Parafusos de fixação do cilindro de acionamento do bloqueio transversal no eixo traseiro 25 Nm
Parafuso oco de alimentação do sistema pneumático 50 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 30 Global Training.
Remover

1 Remover o cubo campana e a semi- árvore.

1 Anel de vedação
2 Cubo campana
3 Parafuso de fixação

2 Remover o cilindro de comando do bloqueio do diferencial.

1 Conexão elétrica
2 Interruptor elétrico
3 Anel de vedação
4 Parafuso oco
5 Conexão pneumático tipo banjo
6 Arruelas de vedação
7 Parafusos de fixação do cilindro
8 Cabeçote do cilindro
9 Junta do cabeçote
10 Anel de vedação do êmbolo
11 Êmbolo
12 Cilindro
13 Junta do cilindro
14 Carcaça do porta-diferencial

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 31 Global Training.
3 Soltar o flange da árvore de transmissão do lado do eixo traseiro.
Apoiá-la com segurança.
Utilizar uma valeta ou equipamento apropriado que ofereça segurança.

4 Remover a árvore acionadora traseira.

4.1 Soltar e remover o parafuso (3) e a chapatrava (4).


4.2 Remover o anel roscado (1) com auxilio da chave de garras e da chave
desmultiplicadora - 740 589 00 63 00 / 000 589 37 63 00.
Instalar: Aplicar um produto vedante na rosca do anel roscado. Aplicar no
anel roscado o torque prescrito.

4.3 Remover a árvore acionadora traseira (2), aplicando leves batidas com um martelo
plástico.
Instalar: Montar os novos vedadores e lubrificar os lábios. Prestar atenção para que os
vedadores do anel roscado (1) não sejam danificados na instalação.

4.4 Instalar na ordem inversa.

Anel roscado na árvore acionadora traseira M 112 900-1000 Nm

1 Anel roscado
2 Árvore acionadora traseira
3 Parafuso
4 Chapa-trava
5 Chave de garras
6 Chave desmultiplicadora

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 32 Global Training.
5 Remover a conector elétrico (10).
6 Remover a conexão pneumática (8).
7 Remover o diferencial (6) com o conjunto compensador.

Utilizar uma valeta ou equipamento apropriado que ofereça segurança.

Instalar

8 Instalar o cilindro de comando do bloqueio do diferencial (transversal).

9 Travar mecanicamente o bloqueio do diferencial (vide procedimento na


pág.14)

1 Conexão elétrica 8 Cabeçote do cilindro


2 Interruptor elétrico 9 Junta do cabeçote 10 Instalar o diferencial (6) com o conjunto compensador.
3 Anel de vedação 10 Anel de vedação do êmbolo
4 Parafuso oco 11 Êmbolo
5 Conexão pneumático tipo banjo 12 Cilindro
6 Arruelas de vedação 13 Junta do cilindro
7 Parafusos de fixação do cilindro 14 Carcaça do porta-diferencial

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 33 Global Training.
Desmontar e montar a árvore acionadora traseira

1 Árvore de transmissão
2 Porcas
3 Parafusos do flange
4 Árvore de acionamento para o eixo traseiro
5 Parafuso da trava
6 Arruela dentada
7 Chapa - trava
8 Anel roscado
9 Vedador externo
10 Vedador interno
11 Rolamento radial
12 Chapa-trava
13 Porca ranhurada
14 Chave de garras
15 Chave desmultiplicadora
16 Extrator

Porca ranhurada na árvore acionadora traseira


(M 60) 450-500 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 34 Global Training.
Desmontar

1 Remover a árvore acionadora traseira.


2 Liberar o travamento da porca ranhurada (13) na chapa-trava (12) e removê-la - 395 589 03 07 00.
3 Remover a chapa-trava (12).
4 Remover o rolamento radial (11) - 000 589 45 33 00.
5 Remover o anel roscado (8) com os vedadores (9) e (10).
6 Remover os vedadores externo (9) e interno (10) do anel roscado (8)
Utilizar um mandril adequado - 304 589 04 39 00.

Montar

7 Instalar no anel roscado (8) os vedadores externo (9) e interno (10) - 304 589 04 39 00.
Os novos vedadores devem ser instalados com os lábios para dentro.
Lubrificar os vedadores.

8 Instalar o anel roscado (8) com os vedadores (9) e (10) na árvore de acionamento (4).
Instalar o anel roscado lubrificado.

9 Instalar o rolamento radial (11) na árvore de acionamento (4).


Instalá-lo aquecido à aproximadamente 80°C. Não aplicar chama direta.

10 Instalar uma nova chapa-trava (12).


11 Instalar a porca ranhurada (13) e apertá-la na árvore de acionamento (4) com o torque prescrito - 395 589 03 07 00.
12 Travar a porca (13) dobrando a chapa-trava (12).
13 Instalar árvore acionadora traseira.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 35 Global Training.
Remover e instalar a coroa com o diferencial

1 Parafusos de bloqueio manual


2 Chapas-trava
3 Capas dos mancais
4 Parafusos dos mancais
5 Anel roscado esquerdo
6 Pistas dos rolamentos
7 Rolamentos de roletes cônicos
8 Coroa com caixa de satélites
9 Anel de vedação
10 Anel roscado direito
11 Porta-diferencial

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 36 Global Training.
Remover

1 Remover o diferencial central.


2 Remover o bloqueio transversal do diferencial (vide procedimento pag.41).
3 Remover os parafusos das chapas-trava (1) e as chapas-trava (2).
Marcar a posição das capas dos mancais (3) no porta-diferencial.

4 Remover os parafusos dos mancais (4).


5 Remover os anéis roscados esquerdo (5) e direito (10) - 98 350 589 00 07 00
6 Retirar as capas dos mancais (3).
7 Remover o anel de vedação (9).
8 Remover do porta-diferencial (11) a coroa com a caixa de satélites (8) e remover as pistas dos rolamentos (6).
Marcar as pistas dos rolamentos (6) com os respectivos rolamentos de
roletes cônicos (7).

Instalar

9 Instalar as pistas dos rolamentos (6).


Se forem utilizados os mesmos rolamentos, observar as marcas efetuadas
durante a remoção, para evitar que as pistas sejam trocadas.

10 Instalar a coroa com a caixa de satélites (8) no porta-diferencial (11).


11 Instalar as capas dos mancais (3) e apertar os parafusos (4) de forma uniforme.

Na instalação das capas observar as marcas efetuadas na remoção.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 37 Global Training.
12 Instalar o anel de vedação (9) no anel roscado direito(10) e instalar os anéis roscados (5) e (10).

13 Regular a folga entre os dentes da coroa do diferencial.

1 Dispositivo de regulagem 1
2 Relógio comparador indicando medida de montagem
3 Espiga quadrada
2
4 Relógio comparador, indicando a folga entre os dentes
5 Suporte do comparador
6 Anel roscado de regulagem da coroa

13.1 Colocar o suporte do comparador (5) com o relógio comparador (4) sobre a carcaça do porta-diferencial.

13.2 Deslocar o conjunto axialmente soltando/apertando os anéis roscados (6) para ajuste da folga entre dentes. Efetuar a medição da folga entre os
dentes do conjunto em quatro pontos deslocados a 90°.

13.3 Bloquear o pinhão no ponto de menor folga e deslocar o conjunto do diferencial axialmente até obter a menor folga prescrita
Observar que nessa posição não haja nem folga, nem pré-carga nos rolamentos dos mancais na caixa de satélites.

13.4 Apertar os parafusos dos mancais do lado oposto aos dentes da coroa.

Parafusos do mancais 280 - 300 Nm Folga entre dentes do conjunto coroa e pinhão - 0,30 - 0,41 mm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 38 Global Training.
13.5 Verificar a medida de montagem do diferencial central / Ajustar a pré-carga nos rolamentos da caixa de satelites

O gabarito padrão tem duas finalidades, confirmar a medida de montagem dos pinos dos mancais do
conjunto coroa e pinhão, e dos orifícios do alojamento de apoio no corpo do eixo.

13.5.1 Colocar o dispositivo de regulagem da pré-carga (1) com o relógio comparador (2) sobre o
gabarito padrão (3).

O dispositivo de regulagem poderá ser regulado nas correspondentes dimensões: X


Com coroa de 233 mm = 234 mm
Com coroa de 300 mm = 270 mm

13.5.3 Com o dispositivo (1) devidamente regulado, colocá-lo sobre os pinos das capas dos mancais e
apertar levemente o parafuso de fixação (X).

13.5.4 Girar várias vezes a coroa até que o valor indicado no comparador permaneça constante. O
valor indicado poderá variar entre -010 a +0,40 mm em relação ao valor padrão ajustado.

13.5.5 Apertar o anel roscado do lado dos dentes da coroa, até que o valor indicado pelo relógio
comparador seja no mínimo 0,05 mm maior que o ajustado no gabarito padrão.

13.5.6 Apertar os parafusos do mancal do lado dos dentes da coroa e comprovar o valor no comparador.
Este não poderá ser superior a 0,08 mm.

13.5.7 Obtida então a medida desejada, verificar novamente a folga entre os dentes do conjunto
coroa e pinhão

13.5.8 Remover o suporte como relógio comparador e colocar as chapas-trava nos anéis roscados.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 39 Global Training.
14 Verificar as marcas de contato entre a coroa e o pinhão

A coroa e o pinhão formamum conjunto distinto cujas tolerâncias e acabamentos não permitem o intercâm-
bio individual dos mesmos, de modo que o ajuste da medida básica e da folga entre os dentes são o
suficiente para a sua montagem. Independente disso, poderá ser efetuada a título de inspeção, uma veri-
ficação das marcas de contato dos dentes do conjunto coroa e pinhão.

Verificar as marcas de contato

1 Untar com tinta para contato dois dentes da coroa separados 180° entre si.
2 Girar o pinhão para frente e para trás frenando ao mesmo tempo a coroa com um pedaço de madeira
dura (indicado pela flecha).
3 Comparar as marcas de contato obtidas com os seguintes exemplos, e se for necessário, efetuar as
devidas correções.

Marcas de contato corretas

Verificação efetuada sob carga (coroa frenada)

Na prática, geralmente, não se obtém as marcas de contato ideais. No entanto, é importante que as
mesmas não toquem em nenhum lugar da borda externa da superfície do dente.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 40 Global Training.
Marcas de contato na base do dente (incorretas)

Causa: Medida de montagem do pinhão muito pequena.


Solução: Aumentar um pouco a distância de montagem ( medida básica ) do pinhão e ao mesmo
tempo, diminuir um pouco a distância de montagem da coroa, isto é, fazer com que os dentes da
coroa penetrem mais profundamente nos dentes do pinhão para conservar a folga correta entre
os flancos dos dentes.

Marcas de contato na cabeça dos dentes

Causa: Medida de montagem do pinhão muito grande.


Solução: Diminuir um pouco a distância de montagem (medida básica) do pinhão e ao mesmo
tempo, aumentar um pouco a distância de montagem da coroa, isto é, fazer com que os dentes da
coroa não atinjam tão profundamente os dentes do pinhão, para conservar a folga correta entre
os flancos dos dentes.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 41 Global Training.
Marcas de contato nos flancos mais grossos nos dentes

Causa: Folga entre os dentes da coroa muito grande.


Solução: Aproximar a coroa um pouco mais do pinhão girando os anéis roscados e repetir a verificação
da folga entre os dentes.

Marcas de contato nos flancos mais finos dos dentes

Causa: Folga entre os dentes da coroa muito pequena.


Solução: Afastar um pouco a coroa do pinhão girando os anéis roscados e repetir a verificação da
folga entre os dentes.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 42 Global Training.
Remover e instalar o bloqueio transversal

1 Remover o diferencial central.


2 Remover o cilindro de comando do bloqueio do diferencial (11).
3 Remover o garfo de acionamento (2) e a luva de engate deslizante (1)
4 Remover do porta-diferencial (5) o eixo de comando (8).
5 Remover do porta-diferencial (5), o garfo (2) e a mola (9).
6 Remover o anel elástico (3) e a luva de engate fixa (4).
7 Remover o anel elástico interno (3).

Instalar

8 Instalar o anel elástico interno (3) no seu alojamento no conjunto planetá-


rio e instalar a luva de engate fixa (4) na sua posição de funcionamento.
9 Comprimir o anel elástico (3) e deslizar a luva de engate fixa (4) até poder
instalar o anél elástico.
Confirmar se o anel foi bem acomodado no seu alojamento.

10 Instalar o garfo (2) e a mola (9) no porta diferencial e centralizá-los com


um mandril ou um guia apropriado.
11 Introduzir o eixo de comando (8) no porta diferencial (5).
1 Luva de engate deslizante 8 Eixo de comando
Lubrificar o eixo. 9 Mola do acionamento
2 Garfo de acionamento
3 Anel elástico interno 10 Parafusos do cilindro de bloqueio
12 Instalar o cilindro de comando do bloqueio (11) no diferencial e apertar os 11 Cilindro completo com cabeçote e junta
4 Luva de engate fixa
parafusos (10). 5 Porta-diferencial 12 Êmbolo
13 Verificar e regular a folga axial da luva de engate do bloqueio transversal 6 Porca 13 Anel de vedação
(vide procedimento pág. 41). 7 Parafuso de regulagem do bloqueio 14 Junta do cilindro de bloqueio

Parafusos de fixação do cilindro de acionamento do bloqueio transversal no eixo traseiro 25 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 43 Global Training.
Verificar e regular a folga axial da luva de engate do bloqueio transversal

1 Instalar um parafuso M 18 X 1,5 (indicado pela seta) no cilindro de


acionamento do bloqueio transversal.

2 Acionar totalmente a luva de engate deslizante (1) com o parafuso, até o


bloqueio transversal estar conectado.

3 Medir com uma lâmina a folga axial entre a base do dente da luva de
engate deslizante (1) e a cabeça do dente de acoplamento na luva de enga-
te fixa (2).

4 Se a folga axial especificada não estiver correta, efetuar a regulagem


apertando ou soltando o parafuso de regulagem (3) no eixo de comando.
Após obter a folga especificada, bloquear o parafuso apertando a porca (4).

Folga axial da luva de engate do bloqueio transversal - 0,5 mm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 44 Global Training.
Remover e instalar o diferencial longitudinal com a tampa

1 Tampa do conjunto compensador


2 Carcaça do conjunto compensador
3 Parafuso
4 Conector elétrico
5 Conexão pneumática (tipo banjo)

Valores de aperto

Porcas dos parafusos dos flanges de acoplamento

Veículos 386 Veículos 388 Veículos 664

M10x1 70 Nm - -
M12x1,25 125 Nm - 125 Nm
M12x1,5 115 Nm - -
M14x1,5 185 Nm 185 Nm -
M16x1,5 275 Nm 275 Nm 275 Nm

Veículos 693, 694, 695, 696 - Parafusos dos garfos de união - Yoke (M10x1) 80 Nm

Parafusos de fixação da tampa do diferencial longitudinal (M 12) 65-80 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 45 Global Training.
Remover e instalar

1 Soltar a árvore de transmissão.

Instalar: Apertar os parafusos com o torque especificado.

1.1 Remover o conector elétrico (4) iEm veículos com bloqueio do diferencial longitudinal.

1.2 Desconectar a conexão pneumática (5) da pressão pneumática.

Instalar: Utilizar arruelas de vedação novas e apertar com o torque especificado.

3 Colocar debaixo da tampa dianteira um dispositivo de elevação apropriado que ofereça segurança.

4 Remover os parafusos (3) da tampa dianteira da árvore de acionamento (1).

Instalar: Apertar os parafusos com o torque especificado.

5 Instalar dois parafusos M12 X 1,5 nos oríficios roscados de remoção da tampa dianteira.

6 Apertar os dois parafusos de modo uniforme e remover a tampa (1).

Instalar: Limpar perfeitamente as superfícies de contato da tampa e da caixa de engrenagens, aplicar vedante.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 46 Global Training.
Verificar e regular a folga axial da luva de engate do bloqueio longitudinal - eixos 740.8

Verificar

1 Instalar um parafuso M 18 X 1,5 ( indicado pela seta ) no cilindro de acionamento do bloqueio longitudinal.

2 Acionar totalmente a luva de engate deslizante (1) com o parafuso até o bloqueio longitudinal estar
conectado.

3 Medir com uma lâmina a folga axial entre a luva de engate deslizante (1) e a engrenagem da árvore
intermediária.

Regular

4 Se a folga axial não corresponder, apertar ou soltar o parafuso de regulagem (3) no eixo de acionamento
(5), para isto soltar a porca (4).

5 Após a regulagem, bloquear o parafuso de regulagem (3) com a porca (4).

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 47 Global Training.
Desmontar e montar o diferencial longitudinal

Eixos traseiros 740.8 com diferencial longitudinal

1 Árvore primária
2 Arruela compensadora
3 Engrenagem da árvore primária
4 Bucha
5 Tampa da caixa de satélites
6 Arruelaesférica
7 Engrenagem satélite
8 Cruzeta
9 Porca ranhurada
10 Bucha
11 Engrenagem planetária
12 Arruela compensadora
13 Caixa de satélites
14 Rolamento (radial)
15 Parafuso com arruela integrada
16 Bucha
17 Anel distanciador

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 48 Global Training.
Determinar a folga entre dentes das engrenagens do diferencial longitudinal

Efetuar a medida “C”.

Efetuar a medida “D”.

Efetuar o cálculo “C” - “D”. Anotar o valor como sendo medida “A”.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 49 Global Training.
Se o resultado da subtração (C-D) for diferente, proceder como segue:

Se a medida “A” for de 0,00 a 0,20 mm a espessura da arruela (E) deve ser de 3,65 mm

Se a medida “A” for 0,20 a 0,40 mm a espessura da arruela (E) deve ser de 4,0 mm.

Se o cubo da cruzeta ficar acima da face de apoio da porca, teremos a medida “B”.

Se a medida “B” for de 0,00 a 0,20 mm a espessura da arruela (E) deve ser de 3,65 mm

Folga entre dentes das engrenagens satélites e planetárias 0,15 - 0,35 mm


Espessuras das arruelas compensadoras 3,65 mm / 3,85 mm / 4,00 mm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 50 Global Training.
Verificar e regular a folga entre dentes da engrenagem planetária

1 Instalar o relógio comparador (2) com o suporte (3) na parte superior da caixa de satélites (4).

2 Apoiar o apalpador do relógio comparador na planetária (1), ajustar a escala a zero “0” com
alguma pré-carga.

3 Movimentar a planetária para cima e para baixo observando o valor da folga entre dentes (folga
axial) no relógio comparador (2).

Se não for alcançado o valor especificado, ajustar a folga entre dentes instalando uma arruela
compensadora (5). A arruela compensadora é fornecida em duas espessuras.

Folga axial da engrenagem planetária 0,2-0,4 mm

Espessuras das arruelas compensadoras 2,35 mm / 2,60 mm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 51 Global Training.
Remover e instalar a carcaça com o pinhão da carcaça do eixo

1 Parafuso
2 Carcaça do conjunto compensador
3 Arruela compensadora
4 Carcaça do porta - diferencial
“A” Medida básica de profundidade do pinhão

Pinhão

Profundidade básica do pinhão (Medida “A”)

i=29/15 103 mm
i=29/17 103 mm
i=27/18 103 mm
i=28/21 103 mm
i=29/24 106 mm
i=26/24 106 mm
i=29/25 106 mm

Espessura das arruelas compensadoras

0,10 mm / 0,15 mm / 0,20 mm / 0,35 mm / 0,50 mm / 1,00 mm


/ 1,50 mm
Parafusos de fixação da caixa de engrenagens no porta diferencial (M 14) 195-210 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 52 Global Training.
Remover

1 Remover o diferencial longitudinal com a tampa (vide página 42).


2 Remover os parafusos(1).
3 Remover a coroa com o diferencial (vide página 33).
4 Remover da carcaça do porta-diferencial (4) a carcaça do conjunto compensador (2).
5 Remover a arruela compensadora (3).

Instalar

6 Instalar a carcaça do conjunto compensador (2) na carcaça do porta-diferencial (4) com a arruela compensadora (3).

Utilizar produto vedante nas superfícies de contato da carcaça do conjunto compensador do porta-diferencial (4).
Instalar a arruela compensadora de modo que o canal de óleo de lubrificação permaneça livre.

7 Determinar a medida “A”.


Medir a profundidade básica “A” com um cálibre de profundidade, do centro do mancal até a superfície frontal do pinhão e compará-la com a medida básica
gravada no pinhão ou na coroa.

8 Compensar a diferença entre a medida encontrada e a medida de profundidade básica (gravada).


Adicionar ou remover arruelas compensadoras (3) entre a carcaça do porta diferencial (4) e a carcaça do conjunto compensador (2).

9 Instalar a coroa com o diferencial.

10 Instalar o diferencial longitudinal com a tampa.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 53 Global Training.
Desmontar e montar a carcaça com o pinhão
1 Porca com colar (arruela integrada)
2 Engrenagem de acionamento do pinhão
3 Rolamento de roletes cônicos
4 Pista do rolamento
5 Carcaça do conjunto compensador
6 Arruela compensadora
7 Bucha distanciadora
8 Pista do rolamento
9 Rolamento de roletes cônicos
10 Pinhão
11 Dispositivo de fixação
12 Soquete
13 Parafuso do dispositivo

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 54 Global Training.
Desmontar

1 Remover a carcaça como pinhão da carcaça do eixo.


2 Remover o pinhão (10) da engrenagem de acionamento (2) - 395 589 01 63 00
3 Remover da carcaça do conjunto compensador (5) o pinhão (10).
4 Remover da carcaça do conjunto compensador (5) o rolamento de roletes cônicos (3).
5 Remover do pinhão (10) a arruela compensadora (6) e a bucha distanciadora (7)
6 Remover do pinhão (10) o rolamento de roletes cônicos (9).
Rolamento SKF com 18 roletes 98 350 589 05 35 00
Rolamento FAG com 15 roletes 98 350 589 06 35 00
Rolamento TIMKEN com 15 roletes 98 350 589 07 35 00
Rolamento FAG com 17 roletes 98 350 589 08 35 00
7 Remover da carcaça do conjunto compensador (5) as pistas dos rolamentos (4) e (8) - 000 589 16 33 00

Montar

8 Instalar na carcaça do conjunto compensador a pista do rolamento (8) - 98 345 589 14 15 00


9 Instalar na caixa de engrenagens a pista do rolamento (4) - 321 589 05 15 00

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 55 Global Training.
10 Determinar a espessura das arruelas do pinhão

Eixo traseiro 740.8

A espessura das arruelas compensadoras determina o momento de atrito (pré-carga) dos rolamentos de roletes
cônicos do pinhão.

10.1 Colocar os rolamentos de roletes cônicos (1) e (3) na caixa de engrenagens para o eixo traseiro (2) , em
seus respectivos alojamentos.

10.2 Medir a distância “A” entre ambas as pistas e anotar a medida.

Espessuras das arruelas compensadoras

Incrementos de 0,1 mm - Mínima 4,1mm/Máxima 4,2 mm


Incrementos de 0,05 mm Mínima 4,3 mm/ Máxima 5,1 mm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 56 Global Training.
Com coroa de 300 mm
10.3 Medir e anotar a medida “B” entre a face do rolamento de roletes cônicos (1) e a face externa da bucha
(6).

Com coroa de 233 mm


10.4 Medir e anotar a medida “B” entre o colar da árvore indicado pela seta e a superfície de encosto do
rolamento no pinhão (5).

10.5 Calcular a medida “E”, espessura das arruelas compensadoras para coroas de 233 mm e 300 mm.
Medidas disponíveis das arruelas 4,1; 4,2 e 4,3 a 5,10 mm com incrementos de 0,05 mm.

A medida “E” é resultante da operação (A-B) e proporciona um ajuste sem folga, sem momento de atrito.

Para obter o momento de atrito prescrito dos rolamentos do pinhão, selecionar uma arruela compensadora
0,10 mm menor que a espessura obtida na operação (A-B).

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 57 Global Training.
11 Instalar o rolamento de roletes cônicos (9) no pinhão (10), até o batente.

Aquecer o rolamento aproximadamente 80°C. O aquecimento não deverá ser efetuado com chama direta.

12 Instalar a bucha distanciadora (7) e a arruela ou arruelas compensadoras (6) no pinhão (10).
13 Instalar o pinhão (10) na carcaça do conjunto compensador (5).
14 Instalar o rolamento de roletes cônicos (3) no pinhão (10), até o batente.

Aquecer o rolamento aproximadamente 80°C. O aquecimento não deverá ser efetuado com chama direta.

15 Instalar a engrenagem de acionamento do pinhão (2) na extremidade do mesmo.

Aquecer o rolamento aproximadamente 80°C. O aquecimento não deverá ser efetuado com chama direta.
Lubrificar levemente o entalhado do pinhão. Utilizar novas porcas de colar.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 58 Global Training.
16 Verificar o momento de atrito dos rolamentos do pinhão - 740.8

16.1 Instalar o dinamômetro (2) com o soquete (1) na porca com colar que fixa a engrenagem de
acionamento (3).

16.2 Girar manualmente a engrenagem no mínimo umas três voltas com o dinamômetro, lendo ao
mesmo tempo o momento de atrito.

Caso o momento de atrito seja maior ou menor que o valor prescrito, desmontar novamente o pinhão
e colocar uma arruela compensadora respectivamente maior ou menor. Esta operação deverá ser
repetida até obter o valor de atrito prescrito.

Em rolamentos usados devido ao assentamento ter-se completado, o momento de atrito poderá ser
menor e em rolamentos novos onde o assentamento ainda não ocorreu poderá ser maior.

16.3 Travar a porca com colar.

17 Instalar a carcaça com o pinhão na carcaça do eixo.

Porca de fixação da engrenagem de acionamento do pinhão (M55) - 800-900 Nm

Momento de atrito nos rolamentos do pinhão - 2,3 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 59 Global Training.
Verificar o momento de atrito dos rolamentos do pinhão - 740.6

Verificar o momento de atrito dos rolamentos com os vedadores desmontados.


1 Instalar o flange (1) (com o defletor montado) no pinhão.
2 Instalar a chave de imobilização (2) no flange (1).
3 Apertar a porca com colar com o momento de força prescrito.
4 Remover a chave imobilizadora.
5 Apoiar o conjunto sobre dois pedaços de madeira de modo que o pinhão possa girar.
6 Instalar o dinamômetro (3) com o soquete (4) na porca do flange.
7 Girar manualmente o flange (1) no mínimo três voltas, com o dinamômetro lendo ao mesmo
tempo o momento de atrito.
Em rolamentos usados, devido ao assentamento ter se completado, o momento de atrito poderá ser menor
e, em rolamentos novos onde o assentamento ainda ocorrerá, o momento de atrito poderá ser maior.
Caso o momento de atrito seja maior ou menor que o valor prescrito, desmontar novamente o pinhão e
colocar uma arruela compensadora de espessura maior ou menor respectivamente. Esta operação deverá
ser repetida até obter o valor de atrito prescrito.

Porca de fixação da engrenagem de acionamento do pinhão (M55) - 800-900 Nm

Momento de atrito nos rolamentos do pinhão - 2,3 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 60 Global Training.
Determinar a medida de montagem do pinhão

Cada conjunto de coroa e pinhão possui medidas de montagem para obter um contato perfeito entre os
dentes. Devido à tolerância de fabricação, a medida diverge geralmente da medida básica padrão. Esta
divergência encontra-se gravada na face oblíqua da coroa, poderá ser positiva ou negativa em relação
à medida básica padrão.
Tem-se:
G = Medida básica
G1=Medida negativa
G2=Medida positiva

1 Instalar o relógio comparador com o prolongador (4) noldispositivo de ajuste (3) sem fixá-lo.

2 Fixar no dispositivo de ajuste (3) o padrão correspondente (1) ou (2) e ajustar a escala do comparador
com pré-carga de 2mm.

(1) Padrão para 103mm


(2) Padrão para 106mm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 61 Global Training.
Exemplo: G=103mm - Medida básica do pinhão

3 Instalaroldispositivo de ajuste nos mancais da carcaça do porta-diferencial de modo que o palpador


esteja em ângulo reto na superfície frontal do pinhão. Girar radialmente o dispositivo (para um lado e
para o outro) até encontrar o ponto onde a escala do comparador indicar o menor ponto.

4 Verificar a medida básica observando a divergência do valor indicado na coroa.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 62 Global Training.
Exemplo : G1 = 103 mm - 0,20 = 102,80 mm (medida negativa).

Exemplo : G2 = 103 mm + 0,20 =103,20 (medida positiva).

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 63 Global Training.
Desmontar e montar o diferencial
Eixos traseiros 740.6/ 740.8

1 Rolamento de roletes cônicos


2 Caixa de satélites
3 Coroa
4 Arruela de encosto das planetárias
5 Engrenagem planetária
6 Arruelas esféricas
7 Buchas
8 Engrenagens satélites
9 Anéis distanciadores
10 Cruzeta
11 Engrenagem planetária
12 Arruela de encosto das planetárias
13 Tampa da caixa de satélites
14 Rolamento de roletes cônicos
15 Parafusos
16 Chapa-trava
17 Parafusos autotravantes

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 64 Global Training.
Desmontar

1 Remover a coroa com o diferencial.


2 Remover os rolamentos de roletes cônicos (1) e (14) - 000 589 89 33 00 / 98 350 589 05 63 00
3 Instalar o conjunto da caixa de satélites no dispositivo de imobilização - 337 589 02 31 00
4 Se existir chapa-trava (16), remove-la e retirar os parafusos (15). Se não existir chapa-trava, remover os parafusos auto-travantes (17).
A partir do eixo nº...363731 a chapa-trava (16) foi eliminada e a fixação da coroa passou a ser feita com parafusos autotravantes (17).
5 Remover da caixa satélites a coroa (3).
6 Remover da caixa satélites as engrenagens planetárias (5) e (11) e as arruelas de encosto (4) e (12).
Marcar as duas metades da caixa de satélites. Geralmente as caixas possuem marcas feitas pelos fabricantes e são identificadas aos pares.
7 Remover da cruzeta (10) as arruelas esféricas (6), as engrenagens satélites (8), as buchas (7) e os anéis distanciadores (9).

Verificar

8 Comprovar o estado das engrenagens planetárias (5) e (11) e suas arruelas de encosto (4) e (12). Se necessário, substituílas.
9 Comprovar o estado das engrenagens satélites (8), cruzeta (10), arruelas esféricas (6) e os anéis distanciadores. Se necessário,
substituí-las.

Montar

10 Instalar na tampa da caixa de satélites (13) a arruela de encosto (12) e a engrenagem planetária (11).

Lubrificar os componentes.

11 Instalar as buchas (7) nas engrenagens satélites (9).

Lubrificar os componentes.

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 65 Global Training.
12 Instalar na cruzeta (10) os anéis distanciadores (9), as engrenagens satélites (8) e as arruelas esféricas (6).
Lubrificar os componentes.

13 Instalar conjunto da cruzeta com todos os seus componentes, na tampa da caixa de satélites (13)
14 Instalar sobre o conjunto da cruzeta (10) a engrenagem planetária (5), coma arruela de encosto (4) instalada.
Lubrificar os componentes.

15 Instalar a tampa (13) sobre a caixa de satélites (2) e apertar os parafusos.

Observar as marcas de posição das duas metades. Caixas satélites


novas devem ter a mesma numeração.

16 Instalar o conjunto da caixa satélites no dispositivo de imobilização - 337 589 02 31 00


18 Instalar a coroa (3) na caixa satélites.

Aquecer aproximadamente 80°C a coroa. O aquecimento não deverá


ser feito com chama direta.

19 Instalar os parafusos de fixação da coroa (15) e aperta-los com o torque prescrito) Utilizar parafusos novos e auto-travantes.

Caso forem utilizados parafusos não autotravantes, instalar uma nova chapa-trava sob pressão e dobrar as abas de segurança.

Coroa de 233mm - 387 589 00 43 00


Coroa de 300mm - 363 589 01 43 00

20 Instalar a coroa com o diferencial transversal.

Parafusos de fixação da coroa na caixa de satélites (M 14) 280-300 Nm


Parafusos da tampa da caixa de satélites (M 14) 280-300 Nm

Eixo traseio HD/HL-7 <> Dados técnicos, ajustes e regulagens 66 Global Training.