Você está na página 1de 3

ESCOLA TRADENETES

RUA: DOMINGOS ALVES, 101


BAIRRO: TANQUINHO
INEP: 29065763
tiradentescoordenacao2019@gmail.com

PLANO TRIMESTRAL 2019


GESTOR: Uériton Alves da Silva
PROFESSOR(A): George Bernard Soares Nascimento
COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA: Edjane Venâncio de Carvalho Paiva
AREA DO CONHECIMENTO: Linguagens e suas tecnologias
COMPONENTE CURRICULAR: Educação Física
UNIDADES TEMÁTICAS: Esportes
OBJETOS DO CONHECIMENTO: Esportes de rede/parede, esportes de campo e taco,
esportes de invasão, esportes de combate e danças de salão
TURMA: 8° e 9°
CONTEÚDOS
Handebol: Aspectos socio-históricos do handebol; regras básicas; fundamentos básicos; a
importância do Handebol enquanto ferramenta de inclusão social; handebol e qualidade de vida;
handebol e alimentação nutricional adequada; Alimentação adaptada aos esportes.

COMPETÊNCIAS GERAIS
 Valorizar e fruir as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais às mundiais, e
também participar de práticas diversificadas da produção artístico-cultural;
 Agir pessoal e coletivamente com autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e
determinação, tomando decisões com base em princípios éticos, democráticos, inclusivos,
sustentáveis e solidários;
 Conhecer-se, apreciar-se e cuidar de sua saúde física e emocional, compreendendo-se na
diversidade humana e reconhecendo suas emoções e as dos outros, com autocrítica e
capacidade para lidar com elas;
 Exercitar a empatia, o diálogo, a resolução de conflitos e a cooperação, fazendo-se respeitar
e promovendo o respeito ao outro e aos direitos humanos, com acolhimento e valorização
da diversidade de indivíduos e de grupos sociais, seus saberes, identidades, culturas e
potencialidades, sem preconceitos de qualquer natureza.
COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS
 Planejar e empregar estratégias para resolver desafios e aumentar as possibilidades de
aprendizagem das práticas corporais, além de se envolver no processo de ampliação do
acervo cultural nesse campo.
 Refletir, criticamente, sobre as relações entre a realização das práticas corporais e os
processos de saúde/doença, inclusive no contexto das atividades laborais.
 Identificar a multiplicidade de padrões de desempenho, saúde, beleza e estética corporal,
analisando, criticamente, os modelos disseminados na mídia e discutir posturas consumistas
e preconceituosas.
 Reconhecer as práticas corporais como elementos constitutivos da identidade cultural dos
povos e grupos.
 Experimentar, desfrutar, apreciar e criar diferentes brincadeiras, jogos, danças, ginásticas,
esportes, lutas e práticas corporais de aventura, valorizando o trabalho coletivo e o
protagonismo.
HABILIDADES
(EF67EF03) Experimentar e fruir esportes de marca, precisão, invasão e técnico-combinatórios,
valorizando o trabalho coletivo e o protagonismo.
(EF67EF04) Praticar um ou mais esportes de marca, precisão, invasão e técnico-combinatórios
oferecidos pela escola, usando habilidades técnico-táticas básicas e respeitando regras.
(EF67EF06) Analisar as transformações na organização e na prática dos esportes em suas
diferentes manifestações (profissional e comunitário/lazer).

METODOLOGIAS (ESTRATÉGIAS)
Aulas teóricas e práticas; Trabalhos (em grupo e individual).

RECURSOS
 Quadra poliesportiva, bolas, arcos, cones, redes, cordas, coletes, recursos multimídia;

AVALIAÇÃO
 Presença e participação nas atividades propostas, práticas e teóricas, respeito perante
colegas de classe, professor e funcionários da instituição, envolvimento nas discussões
desenvolvidas em sala, atividades escritas e registro de participação em aulas práticas.

 Teste escrito
 Prova escrita

 Seminário
REFERÊNCIAS
BRASIL. Base Nacional Comum Curricular: Educação Infantil e Ensino Fundamental. Brasília:
EC/Secretaria de Educação Básica, 2017.

DARIDO, Suraya Cristina; SOUZA JÚNIOR, Osmar Moreira de. Para ensinar Educação Física:
possibilidades de intervenção na escola. Campinas: Papirus, 2007.