Você está na página 1de 14

TEMa 2010

TEMa 2010

1) Qual das seguintes afirmações sobre os modelos de avaliação de risco, é incorreta:


a- O modelo Gail inclui: idade, história familiar, e idade da menarca.
b- O modelo de Gail inclui: história de parentes de segundo grau, idade da menarca.
c- O modelo Claus enfatiza prioritariamente história familiar.
d- O modelo BOADICEA utiliza seis fatores clínicos.
e- Os modelos BRCAPRO, avaliam a possibilidade de mutação do gene BRCA.

2) É falso afirmar sobre os tumores luminais A:


a- Apresentam alta concentração de citoqueratinas luminais.
b- Apresentam índice de reatividade do Ki 67 habitualmente < 20 %.
c- Expressam receptores hormonais positivos.
d- São geralmente HER 2 negativos.
e- Apresentam evolução mais indolente.

3) A respeito da radioterapia intra-operatória para pacientes com carcinomas de mama, é


incorreto afirmar
a- Pode–se usar elétrons ou ortovoltagem como feixe de tratamento.
b- Uma de suas limitações é a necessidade de aparelho dedicado em centro cirúrgico.
c- É um tratamento seguro cujo risco de complicação é inferior a 5 %.
d- Usa-se tempo total de tratamento mais longo, para aproveitar as vantagens
radiobiológicas.
e- Usa-se a mesma dose da radioterapia externa.

4) O retalho de tecido mamário denominado plug flap foi idealizado especificamente para
reparação da quadrantectomia. Em relação a esta técnica é errado afirmar:
a- O retalho é pediculado na parede torácica.
b- O retalho mantém as cicatrizes restritas à própria mama.
c- Pode ser utilizado em mamas hipertróficas e/ou ptosadas.
d- É indicados para reconstrução do quadrante ínfero medial.
e- É indicado para mamas que são doadoras de tecido à própria reparação.

5) O exame citológico das secreções papilares pode nos revelar:


a- Na ectasia ductal: presença de substância de fundo espessa, presença de hemácias e
ausência de leucócitos e células espumosas.
b- No papiloma intracanalicular: presença de substância de fundo hemorrágica, quantidade
escassa de células espumosas arredondadas com vacuolização do citoplasma, com inclusão de
hemosiderina e células ductais em formas papilares.
c- Nos carcinomas papilíferos: presença escassa de células espumosas e ductais, núcleo
regular com cromatina granular fina.
d- No derrame inflamatório agudo não supurados: ausência de polimorfonucleares, com fácil
visualização das células epiteliais.
e- Na galactorréia: células com citoplasma pequeno sem vacúolos e núcleos centralizados.

6) Assinale a alternativa errada:


a- O carcinoma secretor é bem diferenciado, geralmente circunscrito, produz secreção tipo
eosinofílica e pode ocorrer na infância e adolescência.
b- O carcinoma colóide produz mucina, e na sua forma pura raramente produz metástases
linfonodais.
c- O carcinoma adenóide cístico tem baixa agressividade sendo histologicamente
semelhante à glândula salivar.
d- O carcinoma apócrino exibe características citológicas e imunohistoquímicas de células
apócrinas em pelo menos 90% das células.
e- O carcinoma medular é rico em estruturas glandulares tubulares, dispostas em camada
única.

1
TEMa 2010

7) É encontrado no tecido mamário na mastite tuberculosa primária o seguinte, exceto:


a- Lúmen livre.
b- Células gigantes de Langhans.
c- Agregado linfohistiocítico.
d- O bacilo Mycobacterium tuberculosis.
e- Intensa fibrose.

8) Sobre o músculo peitoral menor é errado afirmar:


a- É inserido na crista do tubérculo maior do úmero.
b- Provém da superfície externa da segunda à quinta costela.
c- Situa-se abaixo do músculo peitoral maior.
d- É retirado na mastectomia à Patey.
e- Suas principais ações são abaixar o ombro e auxiliar na inspiração.

9) São drogas relacionadas à ginecomastia, exceto:


a- Espironolactona.
b- Omeprazol.
c- Verapamil.
d- Haloperidol.
e- Metiformina.

10) Em relação a tibolona podemos afirmar:


a- Aumenta muito a densidade mamária.
b- Ao ser metabolizada dá origem a um composto de ação estrogênica.
c- Diminui a apoptose tanto na célula normal quanto na cancerosa .
d- É uma reposição climatérica menos segura que a terapia combinada de estrogênio com
progesterona.
e- Prejudica o rastreamento mamográfico.

11) Ao realizar uma biópsia cirúrgica, alguns cuidados devem ser observados pelos
profissionais que atuam no centro cirúrgico assim como no laboratório de anatomia-patológica,
para permitir a adequada preservação do material. Como você orienta a guarda da peça
cirúrgica até a sua fixação?
a- Seccionar a peça em fatias.
b- Subdividir a amostra e enviar para mais de um laboratório.
c- Colocar a peça em álcool.
d- Colocar a peça em formol 4%.
e- Manter as amostras aquecidas (37°C).

12) Em relação a pergunta anterior, por quanto tempo a peça deve ser fixada (em média)
antes da realização do exame patológico?
a- 3 a 4 horas
b- 6 a 72 horas
c- 12 a 24 horas
d- 6 a 96 horas
e- 12 a 72 horas

13) Quanto ao mecanismo de ação dos principais medicamentos utilizados na terapia anti-
câncer, é correto afirmar:
a- A doxorrubicina atua intercalando-se à fita de DNA inibindo tanto a síntese de DNA,
quanto a de RNA.
b- O paclitaxel atua antagonizando o folato, que inibe a síntese do timidilato essencial para
a síntese de DNA.
c- O 5-fluoracil atua nos microtúbulos estabilizando-os no estado polimerizado durante a
fase M do ciclo celular.
d- A ciclofosfamida atua estimulando o folato, que inibe a íntese do timidilato essencial para
a síntese de DNA.
e- O metrotrexato liga-se às fitas do DNA fosforilando a proteína p27 que inibe a sinalização
da S-transferase.

2
TEMa 2010

14) A taxa de incidência padronizada para o câncer de mama é calculada com base em uma
população hipotética conforme a fórmula:
a- taxa padronizada = *CB de incidência da faixa etária X população padrão da faixa etária
__________________________________________________________________
100.000
*CB = coeficiente bruto

b- taxa padronizada = casos novos de câncer X população padrão da faixa etária


__________________________________________________________________
100.000

c- taxa padronizada = população global X população padrão da faixa etária


____________________________________________________________
100.000

d- taxa padronizada = casos esperados X casos diagnosticados


______________________________________________
100.000

e- taxa padronizada = população padrão da faixa etária X casos esperados


___________________________________________________________
100.000

15) Um dos mecanismos de resistência tumoral aos quimioterápicos se faz através da


supressão do sistema enzimático (GST) Glutatione S- Transferase. Em relação ao seu
mecanismo de ação podemos afirmar:
a- Esta supressão enzimática torna as células muito sensíveis aos agentes alquilantes, mas
não aos taxanos.
b- Esta supressão enzimática torna as células muito sensíveis aos antracíclicos, mas não aos
taxanos.
c- O mecanismo de ação desta supressão enzimática é totalmente desconhecido.
d- A célula passa a sofrer menos lesões tóxicas oriundas da presença de radicais livres que
surgem em decorrência da ação dos antracíclicos e dos alquilantes.
e- Esta supressão enzimática provoca facilita a ação estabilizadora da enzima sobre a fita de
DNA.

16) Calcificações em bastão, lineares, que acompanham o sentido dos ductos,


ocasionalmente ramificadas, aspecto sólido, podendo apresentar o centro dos bastões
radiotransparentes na mamografia, devem-se à:
a- Doença secretória.
b- Cistos.
c- Suturas.
d- Carcinoma in situ.
e- Fibroadenomas.

17) A respeito do FDG-PET é correto afirmar, exceto:


a- FDG tem meia vida de 110 minutos.
b- As pacientes devem estar em jejum de, no mínimo, 4 horas.
c- O nível de glicose deve estar idealmente inferior a 160 mg/dl.
d- É um excelente método com o propósito de diagnóstico do câncer de mama.
e- A combinação do PET com tomografia computadorizada pode melhorar tanto a detecção
quanto a localização do câncer de metastático da mama.

18) A resposta patológica observada no tratamento quimioterápico neo-adjuvante, ou de


indução, é variável em função de determinadas características do tumor. Em relação á esta
afirmação é correto afirmar:
a- A incidência de resposta patológica completa é menor em pacientes HER-2 positivo.
b- A incidência de resposta patológica completa é maior em tumores triplo negativos.
c- A incidência de resposta patológica completa é maior em RE(+).

3
TEMa 2010

d- A incidência de resposta patológica completa é maior em RP(+).


e- A incidência de resposta patológica completa é menor em tumores triplo negativos.

19) Sobre a doença de Paget da mama é correto afirmar, exceto:


a- Nos homens apresenta pior prognóstico.
b- Lesão bilateral é comum.
c- Quando apresenta-se sem lesão palpável geralmente está associada ao carcinoma ductal
in situ.
d- As queixas clínicas mais comuns são prurido e ardência.
e- O diagnóstico diferencial é feito principalmente com eczema crônico.

20) São categorizados, pela ultrassonografia, utilizando-se a classificação de BIRADS como


categoria 2, exceto:
a- Cisto simples.
b- Cistos com firme septação ecogênica.
c- Cistos com calcificações puntiformes.
d- Linfonodo intra-mamário.
e- Áreas com eco textura mista que podem representar abcesso.

21) Vários estudos verificaram que o risco relativo de câncer de mama aumenta, com o uso
de terapia hormonal de reposição prolongada (mais de 5 anos). Qual das alternativas abaixo
corresponde ao resultado de cálculo de risco mais confiável comprovando esta afirmação?
a- RR = 1,22 (IC 95%: 1,10 – 1,31)
b- RR = 0,84 (IC 95%: 0,72 – 0,95)
c- RR = 1,42 (IC 95%: 0,35 – 1,89)
d- RR = 1,00 (IC 95%: 0,85 – 1,25)
e- RR = 0,75 (IC 95%: 0,85 – 0,95)

22) Qual a razão da mulher não apresentar secreção láctea durante a gestação apesar do
índice de prolactina manter-se elevado?
a- Por não existir amamentação e sucção do recém-nascido.
b- Devido ao fato de que a progesterona da fonte placentária inibe a ligação prolactina-
receptor de prolactina.
c- Em razão dos lactócitos não estarem desenvolvidos.
d- Por razão de que o hormônio lactogênico placentário só se eleva na concentração
sanguínea no dia do parto.
e- Devido aos mecanismos epigenéticos suprimirem a síntese de RNAm codificadas de
proteína do leite.

23) Com relação à artéria torácica interna é correto afirmar, exceto:


a- É ramo da artéria subclávia.
b- É ramo da artéria axilar.
c- Emite ramos anteriores perfurantes do 1° ao 6° espaços intercostais.
d- Irriga principalmente as regiões medial e central da mama.
e- Também chamada mamária interna.

24) Em relação ao exame anatomopatológico das margens cirúrgicas no câncer de mama,


podemos afirmar:
a- Fragmentos da borda da circunferência do espécime denominados “shaveing” são
suficientes para se estabelecer a margem cirúrgica.
b- Margens livres garantem ausência de recidiva local.
c- A definição de margem exígua é a distância de 10mm entre a margem e o tumor.
d- Fazer corte aleatórios em margens aparentemente normais não é recomendado.
e- A detecção de margens comprometidas no exame intra-operatório não deve modificar o
planejamento cirúrgico.

25) Na terapia endócrina do câncer de mama o fulvestranto é:


a- Modulador do receptor de estrogênio.
b- Inibidor da aromatase.

4
TEMa 2010

c- Regulador negativo do receptor de estrógeno.


d- Agonista do GNRh.
e- Progestágeno.

26) Paciente com câncer de mama estádio clínico I, foi submetida a cirurgia conservadora e
irradiação. Nos exames de acompanhamento realiza mamografia. A respeito deste exame, é
errado dizer:
a. Seu elevado índice de correlação com achados de recidiva (cerca de 75%) tornam este
exame adequado para o seguimento.
b. Fibrose e calcificações são os achados precoces mais freqüentes pós-irradiação.
c. Espessamento de pele é visto em até 90% dos casos.
d. Estabilização dos achados mamográficos ocorre cerca de 3 anos e meio após a
irradiação.
e. Deve ser realizado após seis meses do final do tratamento.

27) Com relação ao sarcoma de mama, é incorreto afirmar:


a. Corresponde a menos de 1% de todos os tumores malignos de mama.
b. O angiosarcoma é o sarcoma primitivo de mama mais freqüente.
c. O local mais freqüente de metástase é o fígado.
d. O fibrosarcoma, histologicamente, configura o padrão típico de “espinha de peixe.
e. Na graduação histológica dos sarcomas são levadas em consideração os seguintes
parâmetros diferenciação, contagem de mitoses, e necrose tumoral.

28) A drenagem linfática da mama se faz:


a. 97% para axila e 3% para os gânglios da cadeia da mamária interna .
b. 3% para axila e 97% para os gânglios da cadeia da mamária interna.
c. 65% para axila e 35% para os gânglios da cadeia da mamária interna.
d. 35% para axila e 65% para os gânglios da cadeia da mamária interna.
e. 50% para axila e 50% para os gânglios da cadeia da mamária interna.

29) A identificação da assinatura genética de cada tumor pode estratificar as pacientes de


acordo com o seu comportamento biológico. Das opções abaixo, qual não reflete a assinatura
gênica de prognóstico:
a. Oncotype DX.
b. Mamaprint.
c. Perfil de 50 genes.
d. Adjuvant online.
e. HOXB 13/IL 17 BR.

30) Variações genéticas ocorrem por mutação no DNA genômico e podem persistir em
gerações de indivíduos subseqüentes. Se uma determinada variação genética ocorre com
freqüência superior a ........ da população, é denominada pleomorfismo.
a. 1%
b. 3%
c. 5%
d. 10%
e. 15%

31) Marque a afirmativa equivocada:


a. No estudo STAR de quimioprevenção com tamoxifeno e raloxifeno em mulheres de alto
risco para câncer de mama invasivo, ficou demonstrada a equivalência das duas drogas para
redução de risco só após a menopausa.
b. Pode-se estimar que para um ciclo de 1.000 exames mamográficos de rastreamento na
população geral acaba-se descobrindo de 1 a 5 casos de câncer.
c. A realização de screening mamogáfico anual após os 50 anos reduz a chance de
mortalidade por câncer de 25 a 30 %.
d. A probabilidade de uma mulher de 40 anos com histórico familiar de câncer de mama
(irmã e mãe), ambas aos 44 anos de idade, vir apresentar mutação germinativa hereditária
dos genes BRCA 1 e 2 mediante seqüenciamento é da ordem de 90%.

5
TEMa 2010

e. Em mulheres de alto risco hereditário para câncer de mama a inclusão de ressonância


magnética de mama no esquema de propedêutica para rastreamento anual aumenta e
sensibilidade da detecção.

32) Em relação ao ciclo celular qual a afirmativa errada:


a. As proteínas cdk aparecem em duas versões moleculares: monômeros e heterodímeros.
b. Quase todas as proteínas cdk requerem associação com sub-unidades protéicas
chamadas ciclinas.
c. Ciclinas são famílias de proteínas que não contém regiões de homologia conservadas ou
módulos ciclina (cyclin box).
d. As ciclinas da fase G1 do ciclo celular são as do tipo D e E.
e. A progressão através de G1 depende das atividades de cdk2, cdk3, cdk4 e cdk6.

33) A curva ROC (receiver operator characteristic) é uma forma de expressar a relação entre
sensibilidade e especificidade de um determinado teste diagnóstico. A acurácia geral de um
teste pode ser descrita como a área sob a curva ROC; quanto maior for a área, melhor será o
teste. A curva ROC é constituída por meio da representação gráfica de uma faixa de valores de
possíveis pontos de corte, tendo no eixo vertical e horizontal (ordenadas e abcissas)
respectivamente:
a. Especificidade e Sensibilidade.
b. Especificidade e 1-Sensibilidade.
c. 1-Especificidade e 1-Sensibilidade.
d. Sensibilidade e 1-Especificidade.
e. Sensibilidade e Especificidade.

34) São fatores predisponentes para mastite lactacional puerperal, exceto:


a. Multiparidade.
b. Papilas umbilicadas.
c. Estase láctea.
d. Deficiente higiene local.
e. Pressão para sugar do RN sobre a aréola e não sobre a papila.

35) As alternativas abaixo referem-se ao carcinoma tubular:


I) Corresponde a aproximadamente 2% das neoplasias malignas da mama.
II) Cerca de 80% são multifocais.
III) A forma bem diferenciada pode ser confundida com adenose microglandular e papiloma.
IV) Para o diagnóstico de lesões puras exige-se que 25% ou mais da lesão seja de estruturas
tubulares.
V) Metástases axilares são raras.
Estão corretas:
a. II, IV V.
b. III, IV V.
c. II, III, IV.
d. I,II,V.
e. I,III,V.

36) O nervo tóraco-dorsal:


a. Origina-se da face posterior dos ramos ventrais de C5,C6 e C7.
b. Origina-se de ramos C2, C3 e C4.
c. Origina-se de ramos C3, C4 e C5.
d. É também chamado de nervo de Bell.
e. Origina-se de ramos C6, C7 e C8.

37) É verdadeiro sobre os tumores basalóides:


a. Apresentam super expressão de HER 2.
b. Apresentam receptores hormonais positivos.
c. Super expressam as citoqueratinas luminais.
d. Super expressam marcadores específicos para o músculo liso.
e. Super expressam CK 5.

6
TEMa 2010

38) Na classificação das lesões precursoras do câncer de mama proposta por Tavassoli é
correto afirmar:
a. A atipia epitelial plana é classificada como DIN 1c.
b. O carcinoma ductal in situ de baixo grau é classificado como DIN 1a.
c. O carcinoma ductal in situ de alto grau é classificado como DIN 1b.
d. O carcinoma in situ grau intermediário é classificado como DIN 2.
e. A hiperplasia ductal atípica é classificada como DIN 3.

39) Consideram-se lesões não proliferativas da mama, exceto:


a. Cisto simples.
b. Cicatriz radial.
c. Ectasia ductal.
d. Hamartoma.
e. Metaplasia apócrina.

40) A respeito do derrame pleural maligno decorrente do câncer de mama é correto afirmar,
exceto:
a. É a causa mais comum de derrame pleural maligno em mulheres.
b. O líquido pleural tem caracteristicamente proteínas altas, isto é, exsudato (>3g/dl).
c. Ocorre por obstrução linfática e metástases pleurais.
d. É bilateral em 50% dos casos.

41) As afirmativas abaixo referem-se ao carcinoma medular:


I) Tipicamente é receptor estrogênico negativo e progesterona negativo.
II) Possui bom prognóstico.
III) Corresponde, aproximadamente, a 20% casos de câncer de mama.
IV) Microscopicamente, mostram-se lençóis de células tumorais, núcleos pobremente
diferenciados e infiltração intensa de pequenos linfócitos (Linfócitos T).
V) Clinicamente pode sugerir fibroadenoma.
Estão corretas:
a. I,II e III.
b. II, III e IV.
c. I, IV e V.
d. II, IV e V.
e. III, IV e V.

42) Um trabalho científico publicado, foi baseado no acompanhamento de um grupo de


pacientes com mastalgia ao longo do tempo, pesquisando-se como desfecho o
desaparecimento da dor, em função de duas variáveis preditoras, uso de vitamina E, e uso de
óleo de prímula. Este estudo é do tipo:
a. Observacional – tranversal.
b. Observacional – caso-controle.
c. Observacional – coorte.
d. Observacional – clinical trial.
e. Experimental – clinical trial.

43) Qual é a porcentagem aproximada de que os carcinomas de mama triplo-negativos


correspondam ao subtipo intrínseco basalóide, por assinatura genética?
a. 15%.
b. 30%.
c. 50%.
d. 70%
e. 85%.

44) Por que a radioterapia é habitualmente aplicada de maneira fracionada?


a. Devido ao acúmulo de radicais citotóxicos livres entre as aplicações.
b. Para permitir que as células sobreviventes entrem em uma fase do ciclo celular mais
radiosensível.
c. Para permitir a aplicação concomitante de outras formas de tratamento.

7
TEMa 2010

d. Para aprisionar as células no ciclo celular facilitando sua apoptose entre as sessões.
e. Nenhuma das respostas acima.

45) O anticorpo monoclonal que age por inibição do VEGFR (Receptor do Fator de
Crescimento do Endotélio Vascular) é o:
a. Trastuzumab.
b. Rituximab.
c. Cetuximab.
d. Bevacizumab.
e. Pertuzumab.

46) Mulher de 65 anos, apresenta tumor de crescimento rápido em mama esquerda, com
5,0cm, no QSL, móvel, e ausência de linfoadenomegalia axilar. Ao exame mamográfico:
substituição adiposa acentuada bilateral, com nódulos com limites definidos em região retro-
areolar da mama esquerda, classificado como BIRADS III. Ao exame ultrasonográfico: lesão
cística com componente sólido em mama esquerda, medindo 4,6/4,2cm. O exame
anatomopatológico revelou carcinoma papilar intra-cístico com áreas de invasão de 0,7cm.
O que se espera encontrar no perfil imunohistoquímico desta lesão?
a. RE (-) e cerb-B2 (+)
b. RE (+) e cerb-B2 (-)
c. RE (+) e cerb-B2 (+)
d. RP (-) e cerb-B2 (-)
e. Nenhuma das anteriores.

47) Quais os principais efeitos colaterais dos inibidores de aromatase?


a. Fogachos, hipertrofia endometrial, osteoporose e problemas cognitivos.
b. Fogachos, osteoporose, diabetes e hipertrofia endometrial.
c. Fogachos, dor osteo-articular, problemas cognitivos, osteoporose e atrofia vaginal.
d. Fogachos, atrofia vaginal, problemas cognitivos e miocardiopatias.
e. Fogachos, hipertrofia endometrial, problemas cognitivos e atrofia vaginal.

48) Como deve ser estadiado um tumor lobular in situ?


a. p T0
b. p T1is
c. p T0is
d. p T1
e. Nenhuma das anteriores.

49) Qual o estadiamento de um tumor em mama direita, de 6,0cm, móvel, com axila
clinicamente livre, em uma mulher de 29 anos?
a. III a.
b. III b.
c. II b.
d. II a.
e. III c.

50) Sobre a sarcoidose mamária é incorreto afirmar:


a. Infecção fúngica rara que pode mimetizar um câncer.
b. A biópsia cirúrgica é necessária para o diagnóstico.
c. Pode haver envolvimento de vários órgãos.
d. Clinicamente pode ser confundido com um nódulo benigno ou mastite não puerperal.
e. O uso de corticóide pode ser útil no tratamento.

51) Em relação a neoplasia lobular in situ qual a alternativa falsa:


a. As opções cirúrgicas de tratamento podem variar em função da sua extensão.
b. Este tipo de tumor não causa sintoma.
c. Corresponde a uma lesão pré-cancerosa.
d. Quase nunca apresenta calcificações associadas.
e. Antecedentes familiares de primeiro e segundo grau de câncer de mama dobram o risco

8
TEMa 2010

das pacientes portadoras de neoplasia lobular in situ .

52) Quando se realiza uma adenectomia mamária profilática uma das complicações mais
temidas é a insuficiência circulatória do complexo aréolo-papilar. Para se reduzir esta
possibilidade deve-se procurar ao máximo preservar a integridade do feixe vascular
proveniente de qual espaço intercostal?
a. 1°
b. 2°
c. 3°
d. 4°
e. 5°

53) Aponte a alternativa correta:


a. As células tumorais luminais são ricas em citoqueratinas basais tipo CK5.
b. A linhagem de células mioepiteliais costuma apresentar proteínas receptoras de
estrogênio.
c. As células iniciadoras do câncer de mama, com características de célula tronco,
expressam tipicamente uma glicoproteína transmembrana denominada CD 44.
d. A chance de um carcinoma triplo-negativo por reação imunohistoquímica corresponder a
um basalóide em assinatura genética diminui se ela apresentar positividade para EGFR.
e. Os carcinomas classificados como “claudina baixa” tem prognóstico favorável..

54) Sobre o esquema clássico de quimioterapia CMF, é correto afirmar:


a. As infusões são semanais.
b. Utiliza-se 600 mg/m2 de ciclofosfamida + 400 mg/m2 de metrotexato + 600 mg/m2 de
5 fluoracil.
c. O retorno dos ciclos menstruais para as pré-menopausadas é mais raro se comparado
com o esquema FAC.
d. Foi completamente abandonado nos dias atuais.
e. Não pode ser utilizado junto com a radioterapia.

55) Qual o tipo histológico de carcinoma que mais comumente se associa ao fibroadenoma:
a. Ductal.
b. Tubular.
c. Lobular.
d. Mucinoso.
e. Papilífero.

56) A “fisioterapia descongestiva complexa” ou “terapia descompressiva complexa” é o


tratamento do linfedema que vem apresentando sendo apontado como o de maior resultado na
literatura. Este conjunto de técnicas consiste em:
a. Compressão pneumática intermitente, cuidados com a pele e exercícios linfomiocinéticos.
b. Compressão pneumática intermitente, drenagem linfática manual, cinesioterapia ativa e
enfaixamento compressivo.
c. Exercícios linfomiocinéticos, higiene cutânea, malhas compressivas e massagem
centrípeta.
d. Cuidados com a pele, drenagem linfática manual, técnicas compressivas e exercícios
terapêuticos.
e. Drenagem linfática manual, pressoterapia por pressão positiva, enfaixamento
compressivo e exercícios passivos com o braço.

57) A respeito da ressonância nuclear magnética mamária é correto afirmar, exceto:


a. Apresenta baixa sensibilidade e alta especificidade.
b. Pode ser utilizada no monitoramento da resposta à terapia neoadjuvante.
c. Tumores malignos apresentam realce precoce e intenso e washout precoce.
d. É o método por excelência para avaliar a integridade de implantes mamários.
e. Não detecta microcalcificações e não é indicado como método de rastreamento mamário.

9
TEMa 2010

58) A função do músculo grande dorsal é:


a. Permitir a abdução do braço e a movimento de rotação medial.
b. Permitir a abdução do braço e abaixar o braço levantado, trazendo-o na direção dorsal.
c. Fixar a escápula contra a parede torácica, e rodar a escápula.
d. Abaixar o ombro, podendo auxiliar na inspiração.
e. Estabilizar o úmero na fossa glenóide.

59) Em relação `a morbidade causada pelo tratamento radioterápico é correto a afirmação:


a. A supressão de medula óssea com significado clínico é observada em 45% dos casos.
b. A ocorrência de fratura de costela independe da energia do feixe e da dose total liberada.
c. A plexopatia braquial raramente ocorre em pacientes que recebem menos de 50Gy.
d. Os sintomas da pneumotite actínica geralmente se iniciam 7 dias após o final da
radioterapia.
e. A fadiga é um sintoma comum que se resolve com tratamento específico.

60) Sobre o câncer de mama em homens é correto afirmar, exceto:


a. O carcinoma ductal invasivo é o tipo histológico mais comum (80%).
b. Em cerca de 30% dos casos de câncer de mama há histórico familiar positivo para a
doença.
c. Os receptores hormonais expressam positividade para estrógeno e progesterona em
torno de 60% dos casos.
d. Aproximadamente 30% dos pacientes apresentam Her-2 super expresso e tem pior
prognóstico.
e. A doença apresenta-se em idade mais avançada que em mulheres, com uma média entre
59-64 anos.

61) A característica predominante nos tumores de mama diagnosticados durante o uso de


terapia de reposição hormonal no estudo WHI, foi a elevação de?
a. Tamanho do componente invasivo.
b. Proporção dos tumores receptores positivos.
c. Extensão do comprometimento axilar.
d. Tamanho do tumor.
e. Número de carcinomas in situ de alto grau.

62) Qual destes fatores de risco é o mais importante para a recidiva local após uma
mastectomia?
a. Número de gânglios comprometidos.
b. Ausência de terapia sistêmica.
c. Margens cirúrgicas exígua.
d. Tamanho do tumor.
e. Idade da paciente.

63) Qual destes fatores de risco é o mais importante para a recidiva após o tratamento
cirúrgico conservador?
a. Invasão angiolinfática.
b. Axila comprometida.
c. Margens comprometidas.
d. Idade jovem da paciente.
e. Ausência de terapia sistêmica adjuvante.

64) É correto afirmar sobre o ligamento de Halsted:


a. Apenas é visualizado na mastectomia a Halsted.
b. Faz parte da fascia clavi-peitoral.
c. Encontra-se abaixo das veias e artérias subclávias.
d. Estende-se da parte final medial da clavícula até a sétima costela.
e. Nenhuma das respostas acima.

65) Assinale a alternativa correta:


a. Um gene supressor da carcinogênese para ser inativado requer duas mutações somáticas

10
TEMa 2010

órgão especificas.
b. Ciclina D1, EGF, int-2 e ras são exemplos de genes supressores da carcinogênese.
c. No câncer de mama esporádico a amplificação de oncogenes é mais freqüente do que a
inativação de genes supressores.
d. O silenciamento epigenético do DNA não é mecanismo para lesão do segundo alelo na
inativação de genes supressores.
e. O câncer de mama hereditário é causado por inativação de genes supressores.

66) Paciente jovem com diagnóstico de câncer de mama estádio clínico I, é submetida à
cirurgia conservadora seguida de irradiação restrita à mama, com dose de 50Gy em 25
frações. Em consulta de seguimento, 6 meses apos o término da irradiação, diagnostica-se
gestação de 6 semanas. A paciente indaga sobre a probabilidade de poder exibir lactação com
esta mama. Sua resposta é:
a. Fique tranqüila, suas chances são de até 80%.
b. Cerca de 1/3(30%) das mulheres irradiadas nesta situação, terão esta chance.
c. Aproximadamente apenas 15% das mulheres poderão amamentar apos a irradiação.
d. Infelizmente não há chance de você amamentar deste lado.
e. A amamentação está contra-indicada devido ao risco de contaminação da criança.

67) Paciente 49 anos é submetida a cirurgia conservadora e linfadenectomia axilar, cujo


resultado histopatológico evidenciou carcinoma ductal infiltrante grau II, com 1,5 cm, margens
livres e três linfonodos comprometidos dos quinze dissecados, com o maior linfonodo medindo
1,5 cm. A melhor abordagem complementar do ponto de vista da radioterapia seria:
a. Não realizar irradiação neste caso.
b. Irradiação de mama apenas.
c. Irradiação de mama, fossa supraclavicular e reforço local.
d. Irradiação de mama e cadeias axilares de drenagem linfática.
e. Irradiação de mama, cadeias axilares e mamária interna.

68) O linfedema do membro superior observado após o tratamento do câncer de mama é


definido como:
a. Edema linfático por acúmulo de líquidos, eletrólitos e proteínas nos espaços intersticiais.
b. Acúmulo de linfa intersticial, associado a alteração sensitiva funcional.
c. Edema mole, com sinal de cacifo, em decorrência da obstrução linfática intra-operatória.
d. Diminuição da pressão intersticial com conseqüente acúmulo de linfa no interstício.
e. Decorrente de insuficiência venosa crônica .

69) Os quatro pilares da Bioética são: justiça, autonomia, beneficência e não maleficência. A
Medicina baseada em evidência é o paradigma vigente. Como o mastologista pode conciliar
estes dois domínios no exemplo que se segue?: Uma paciente chega para a primeira consulta
trazendo vários exames, inclusive uma mamografia do ano anterior, com imagem sugestiva de
nódulo maligno, que não foi investigado.
a. Adota conduta investigativa a partir de novos exames, compara com os anteriores,
propõe o tratamento adequado, esclarecendo seu ponto de vista sobre a imagem mais antiga e
os possíveis danos pelo tempo decorrido sem tratamento.
b. Esclarece à paciente imediatamente que um erro médico pode ter sido cometido,
apoiando-se no pilar justiça e apresenta corroboração científica para sua atitude.
c. Entra em contato com o profissional anterior, pedindo esclarecimento sobre sua conduta,
apoiando-se na regra da autonomia e lealdade ao colega.
d. Esclarece seu ponto de vista, comenta a conduta anterior invocando os quatro pilares da
Bioética e deixa à paciente a decisão de continuidade do tratamento.
e. Nenhuma das alternativas acima.

70) Doença de Paget envolvendo o mamilo, sem tumor palpável, com infiltração de 3,0 mm,
é classificado como:
a. Tx
b. Tis
c. T1mic
d. T1a

11
TEMa 2010

e. T1b

71) As calcificações tipo casca de ovo observadas ao exame mamográfico estão associadas a:
a. Fibroadenoma em involução.
b. Esteatonecrose.
c. Ca. Ductal in situ baixo grau.
d. Ca. Ductal in situ alto grau.
e. Involução fisiológica dos lóbulos.

72) Em relação as lesões papilíferas da mama podemos afirmar, exceto:


a. As lesões papilíferas apresentam um eixo conjuntivo fibrovascular revestido por células
ductais.
b. Quando há preenchimento total da luz ductal com compressão das papilas é difícil
reconhecimento das mesmas.
c. Estas lesões são classificadas em: papilomas atípicos, papilomas com carcinoma in situ,
carcinoma ductal papilífero in situ e invasivo, carcinoma papilífero encapsulado (intracístico) e
o carcinoma papilífero sólido.
d. O eixo conjuntivo fibrovascular é revestido por duas camadas de células sendo a interna
(luz do ducto) constituída por células mioepiteliais e a externa por células epiteliais cúbicas ou
colunares.
e. Os carcinomas ductais papilíferos in situ se diferenciam do papiloma com CDIs
(carcinoma ductal in situ), pois no carcinoma não deve haver áreas de papiloma.

73) Sobre o carcinoma inflamatório podemos é correto afirmar:


a. Está associado com o subtipo histológico carcinoma ductal infiltrante.
b. Provoca dor mais intensa que aquela observada na mastite.
c. É tão grave que o comprometimento linfo-nodal não interfere no prognóstico.
d. A PAAF tem tanta acurácia quanto a biópsia de fragmento para o seu diagnóstico.
e. A quimioterapia neo-adjuvante deve ser sempre realizada.

74) Em relação aos carcinomas invasivos da mama , assinale a alternativa incorreta:


a. Nas pacientes portadoras de mutação do BRCA1 e BRCA2 o tipo histológico tumoral mais
freqüente é o carcinoma ductal.
b. O carcinoma lobular invasivo caracteriza-se por padrão histológico em fila indiana,
túbulo-lobular, sólido, alveolar ou misto, são frequentemente receptores hormonais positivos e
mostram tipicamente coloração positiva para E-Cadherina.
c. O carcinoma tubular invasivo é bem diferenciado com formação de túbulos angulados,
sendo multifocais em 20% dos casos, receptores hormonais positivos e mostram ausência de
células mioepiteliais.
d. O carcinoma mucinoso invasivo tem consistência gelatinosa, grau nuclear 1 ou 2, forma
lagos de mucina, sendo por vezes hipocelular, tornando difícil o diagnóstico diferencial com
mucocele – like tumor.
e. O carcinoma micropapilar invasivo mostra padrão sólido ou tubular circundados por
espaços claros , onde pela coloração através do EMA, pode-se demonstrar a superfície luminal
invertida das células ductais e ainda mostra freqüente invasão angiolinfática com metástases
axilares.

75) O oncogene HER-2:


a. Codifica uma proteína receptora trans-membrana sensível a certos ligantes como os
fatores de crescimento.
b. É ativado a partir de um proto-oncogene pelos processos de mutação pontual ou
translocação.
c. Aparece super-expresso em aproximadamente 40% dos carcinomas lobulares
infiltrativos.
d. É importante no mecanismo de formação e propagação dos carcinomas induzidos pelo
BRCA1.
e. Uma vez ativado e super-expresso pode bloquear as enzimas tirosina-quinase intra-
celulares.

12
TEMa 2010

76) O exame histopatológico pode revelar as seguintes alterações decorrentes de um


procedimento percutâneo de core biopsy, exceto:
a. Hemorragia estromal.
b. Tecido de granulação.
c. Fragmentos soltos de epitélio no estroma ou na luz de vasos.
d. Ectasia ductal.
e. Hiperplasia miofibroblástica

77) Em relação ao carcinoma lobular in situ:


I- O citoplasma é espesso e fortemente eosinófilo.
II- Ocasionalmente as células contêm vacúolos citoplasmáticos que podem ser grandes e
produzir células em anel de sinete.
III- O estudo da cinética celular mostra baixos índices de proliferação, semelhantes ao
carcinoma ductal in situ cribriforme.
IV- Suas células são tipicamente receptor estrogênio positivo.
Estão corretas as alternativas:
a. I, II e IV.
b. I e IV.
c. II, III e IV.
d. I e II.
e. IV e II.

78) Paciente com 42 anos portadora de fibrossarcoma de mama direita, com 4,0 cm de
diâmetro. O tratamento cirúrgico indicado nesse caso é:
a. Mastectomia radical modificada.
b. Mastectomia à Halsted.
c. Mastectomia simples.
d. Mastectomia simples e biópsia de linfonodo sentinela.
e. Ressecção segmentar.

79) Qual a chance aproximada de um homem acometido de mutação de BRCA 2 desenvolver


câncer de mama algum dia de sua vida:
a. 10%.
b. 20%.
c. 40%.
d. 60%.
e. 80%.

80) Com relação as metástases ósseas é correto afirmar, exceto:


a. Metástases líticas são as mais comuns.
b. Têm sobrevida maior apos o diagnóstico comparativamente às pacientes com metástases
viscerais.
c. Biópsia com análise histológica é padrão-ouro diagnóstico.
d. O bifosfonato de escolha para o tratamento é o ácido zolendrônico endovenoso.
e. A cintilografia óssea é um exame pouco sensível, mas muito específico.

13
TEMa 2010

81) Embora não exista consenso sobre como o controle imaginológico das pacientes
submetidas a adenectomia com reconstrução mamária com implante de silicone. Qual exame
você solicitaria: mamografia convencional ou mamografia digital? Explique o porquê.

82) Como deve ser interpretado o resultado do teste para o polimorfismo do gene
CYP2D para usuárias de tamoxifeno?.

83) Cite cinco características do carcinoma mucinoso da mama.

84) Cite 4 fatores de risco para bilateralidade do câncer de mama?

85) Quando a mamografia de screening deverá ser suspensa para mulheres idosas?

86) Qual o meio de contraste endovenoso utilizado na ressonância magnética mamária?

87) Observa-se à ultrassonografia presença de imagem nodular ovalada, de forma


circunscrita, com ecogenicidade de partes anecoica e hipoecoica. Como podemos
diferenciar entre um cisto complicado ou vegetação intracística?

88) Cite quatro lesões mamárias que requerem ampliação cirúrgica após terem seu
diagnóstico sido obtido por biópsia percutânea com agulha grossa.

89) Cite um mediador direto reponsável pela adesão célula a célula que, frequentemente,
é perdido, em tumores com propriedades invasivas.

90) Cite cinco áreas onde o uso da radioterapia traz importantes benefícios para a paciente
com carcinoma de mama metastático?

91) Você retirou cirurgicamente um nódulo mamário cujo diagnóstico revelou tumor
filóide maligno com margens livres. Como proceder? Justifique.

92) A nutrição arterial da mama é dependente de quais artérias ?

93) Qual é o estadiamento (TNM) do tumor oculto da mama ?

94) Como tratar as mastalgias cíclicas?

95) Qual a sua conduta nos cistos simples e complexos da mama?

96) Quais os critérios para se indicar radioterapia complementar após mastectomia?

97) As radiações ionizantes emitidas por um acelerador são ondas eletromagnéticas que
possuem comprimento de onda curto e freqüência alta, resultando em uma energia
suficiente para arrancar um elétron da superfície de um átomo e quebrar o DNA da
da célula neoplásica. Essa quebra se dá por dois mecanismos (direto e indireto),
descreva-os.

98) Mulher com 40 anos, IIIG, IIP, dois filhos vivos, grávida na sexta semana e com
diagnóstico de carcinoma de mama esquerda, estádio IIIB e inoperável no momento
devido ao grande volume tumoral. Apresenta na histologia carcinoma ductal
infiltrativo, grau III, com invasão de pele e triplo negativo. Quais os exames de
estadiamento você indicaria?

99) Qual a sua orientação para uma paciente portadora de fibroadenoma mamário que
quer fazer uso de anticoncepcional hormonal oral?

100) Por que o carcinoma lobular pode apresentar dificuldade ao patologista quando da
avaliação do comprometimento metastático do linfonodo sentinela ?.

14