Você está na página 1de 6

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO

FUNDAÇÃO instituída nos termos da Lei nº 5.152 de 21/10/1966


CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
DEPARTAMENTO DE BIBLIOTECONOMIA

DISCIPLINA: Linguagem Documentária III


ALUNO: GILDEAN PASSINHO

ATIVIDADE PRÁTICA- ELABORAÇÃO DE TESAURO


COMIDAS TÍPICAS

abcdefghijklmnopqrstuvwxyz
A

ACARAJÉ
Comida típica da culinária afro-brasileira, o acarajé é um bolinho feito de feijão-
fradinho triturado. Temperado com cebola e sal, é frito em azeite-de-dendê.
Pode ser servido com recheio de vatapá, camarão seco e pimenta (quando se
usa a pimenta, diz-se que o acarajé é “quente”).

TG: comida

AÇAÍ
Use Jussara

ARROZ DE CUXÁ
Comida típica do maranhão o arroz de cuxá nada mais é que um arroz branco,
cozido em água e sal, acompanhado de um molho conhecido como cuxá. O
molho é feito com vinagreira, camarão seco, farinha de mandioca e pimenta-
de-cheiro, todos os ingredientes encontrados com facilidade na região.

TG: comida

ARROZ DE FEIJÃO
Arroz de feijão é o nome dado a uma comida típica do Brasil. Essa receita não
tem uma origem certa, mas a hipótese mais aceita é a de que seria fruto de
uma combinação do arroz (de origem oriental) trazido pelos portugueses para o
Brasil com o feijão, que já seria consumido no Brasil pelos ameríndios.
TG: comida
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
FUNDAÇÃO instituída nos termos da Lei nº 5.152 de 21/10/1966
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
DEPARTAMENTO DE BIBLIOTECONOMIA
ARROZ MARIA ISABEL
Maria-Isabel é uma comida típica do Piauí, que consiste num misturado
de arroz com carne-de-sol. É também servido com farofa de banana, mas
tipicamente na região Centro-Oeste (Cuiabá, Mato Grosso), onde se
tornou típico nas festas de santo do estado

TG: comida

BABA DE MOÇA
Baba de moça é um doce feito com gemas de ovos, leite de coco e calda de
açúcar fervidos até se tornarem um creme consistente. Com origem nos doces
portugueses, é um dos mais tradicionais e requintados do Brasil, referido desde
o Império.

TG: doce
TA: comida

BAIÃO DE DOIS
Use arroz de feijão

BARREADO
O barreado  é um prato típico do litoral paranaense, sendo o mais tradicional do
estado. Sua origem é açoriana de um ritual de 300 anos ainda seguido no
preparo do prato. A origem é atribuída aos portugueses que vieram para o
litoral do Paraná no século XVIII.

TG: comida

CANJICA
É uma iguaria típica da culinária brasileira. Doce, pastosa e de origem africana,
tem como principais ingredientes creme de milho verde, leite de vaca ou de
coco, açúcar e canela em pó ou em casca. É um prato típico das Festas
Juninas

TG: comida

CAMAROADA
Comida típica maranhense, muito fácil, prática, consiste em camarão agregado
a arroz branco e farofa à base de farinha de mandioca, leite de coco, creme de
leite, ovos de codorna, batatas, cheiro verde, extrato de tomate e cebola.

TG: comida
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
FUNDAÇÃO instituída nos termos da Lei nº 5.152 de 21/10/1966
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
DEPARTAMENTO DE BIBLIOTECONOMIA

CARANGUEJADA
Comida típica do maranhão, o prato é preparado cozinhando os caranguejos
também inteiros em um molho com tomate, cebola e bastante cheiro verde e
leite de coco. O acompanhamento tradicional é o arroz de toucinho, farofa e
vinagrete.

TG: comida

ENSOPADO
Comida típica do Brasil que consiste de vegetais (especialmente batatas
cortadas em cubos ou triângulos, ervilhas, cenouras), fatias de carne de gado,
aves, frutos do mar ou peixe cozido em uma panela .

TG: comida

FARINHA
Extraída da mandioca é um dos alimentos de maior consumo no Brasil. com ela
se faz farofa, pirão, paçoca salgada ou doce.

TG: comida

FEIJOADA
Comida típica mais conhecida e popular da culinária brasileira. Composta
basicamente por feijão preto, diversas partes do porco, linguiça, farinha e o
acompanhamento de verduras e legumes, ela é comumente apontada como
uma criação culinária dos africanos escravizados que vieram para o Brasil.

TG: comida

FOGÃO A LENHA
Utensílio culinário utilizado para preparar alimentos. É muito comum
na culinária caipira dos estados de São Paulo e Minas Gerais. Na região Sul do
Brasil, também é amplamente utilizado, sobretudo nas áreas rurais. Várias
receitas são preparadas nesse artefato, variando conforme a cultura local, indo
desde o famoso tutu à mineira até a cuca gaúcha.

TG: utensílio culinário


TA: panela de barro
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
FUNDAÇÃO instituída nos termos da Lei nº 5.152 de 21/10/1966
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
DEPARTAMENTO DE BIBLIOTECONOMIA

JUÇARA
Conhecida como açaí no Maranhão, pode ser consumida com frutas e granola,
como no restante do Brasil. Ela costuma ser comida com farinha de puba ou de
tapioca e camarão seco.

TG: comida
TA: açaí

MACAXEIRA
Use mandioca

MANDIOCA
Como alimento (mandioca, Manihot esculenta) é semelhante à batata, pois é
rica em amido, não comestível quando cru, e possui um sabor suave quando
cozida. Uma grande variedade de pratos à base de mandioca é consumida nas
regiões onde a mandioca é cultivada, e eles incluem muitas características
nacionais e étnicas em sua produção.
TG: comida
TA: macaxeira

MANTEIGA DE GARRAFA
É um tipo de manteiga que se mantém líquida em temperatura ambiente. Como
o próprio nome deixa entender, é comercializada em garrafas de vidro e é um
produto típico e muito consumido no Nordeste do Brasil. é obtida pelo
cozimento do creme de leite bovino até que se evapore toda a água e restem
apenas a gordura e as partículas sólidas da nata. Após feita, pode ser
consumida em até dois meses. Sua fabricação é em grande parte artesanal,
sendo a comercialização predominantemente informal, como em feiras,
pequenos pontos de comércio e propriedades rurais

TG: comida

MÃO DE VACA
É um prato típico da culinária brasileira. Tal como o nome sugere, é preparado
com mocotó e com grão-de-bico Para além destes ingredientes, pode também
incluir cenoura, alho, azeite, chouriço decarne, cebola, tomate e vinho branco.
Teve origem na localidade portuguesa da Malveira, no final do século XVIII.

TG: comida
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
FUNDAÇÃO instituída nos termos da Lei nº 5.152 de 21/10/1966
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
DEPARTAMENTO DE BIBLIOTECONOMIA

PANELA DE BARRO
É um utensílio culinário ideal para preparo de receitas típicas como moquecas,
arroz carreteiro, feijão tropeiro, feijoada. Também serve para o preparo das
refeições diárias, tornando o alimento muito mais saboroso. Mantém a
temperatura e o alimento aquecidos por muito mais tempo.

TG: Utensílio culinário


TA: fogão a lenha

PEIXADA MARANHENSE
Comida típica que consiste em um peixe cozido, com leite de coco, geralmente
em postas. Nos restaurantes, o peixe mais encontrado é a pescada amarela.
Um grande diferencial do prato é que dentro da peixada vai ovo cozido inteiro e
batatas.

TG: comida

RAPADURA
É um doce de origem açoriana ou canária em forma de pequenos tijolos, com
sabor e composição semelhantes ao açúcar mascavo. Fabricada em pequenos
engenhos de açúcar, surgiu no século XVI como solução para transporte de
açúcar em pequenas quantidades para uso individual.

TG: doce
TA: comida

SURURU
É o prato típico feito à base de leite de coco e azeite de dendê. É referência
nas cozinhas pernambucana, alagoana, baiana, sergipana e maranhense.

TG: comida
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
FUNDAÇÃO instituída nos termos da Lei nº 5.152 de 21/10/1966
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS
DEPARTAMENTO DE BIBLIOTECONOMIA

TEMPEROS REGIONAIS
São ingredientes (erva, legume, especiaria, sal, pimenta, colorau) que são
acrescentados a um alimento (antes, durante ou após o seu preparo ou na sua
degustação), para emprestar-lhes sabor, aroma, cor ou realçar o seu paladar.A
utilização dos condimentos é muito variável, ou seja, vão ao encontro dos
hábitos e tradições das regiões. A maioria destes ingredientes tem como
origem as regiões do Oriente, Europa e Américas.

TG: culinária
TA: comida

TACACÁ
É uma comida típica da região amazônica de origem indígena. É muito
apreciado em várias localidades da região Norte do Brasil. Preparado com um
caldo amarelado, chamado tucupi. Coloca-se esse caldo por cima da goma de
mandioca, também servida com jambu e camarão seco.

TG: comida

VATAPÁ
O vatapá é de origem africana, e chegou ao Brasil por intermédio dos africanos
iorubás com o nome de ehba-tápa. É um prato típico das cozinhas nordestina e
nortista e é marca da influência da população negra nessas regiões. É muito
divulgado pela Bahia onde em seu feitio acrescentam o azeite de dendê, e
serve como um acompanhamento do acarajé. É igualmente popular
no Amazonas, no Amapá, no Pará e em Rondônia, onde a receita sofre
variações como a ausência de amendoim (ingrediente original das Américas) e
outros ingredientes comuns na versão tradicional.

TG: comida