Você está na página 1de 7

Tópicos em Contabilidade/Ciências Contábeis/4º período

Profª Esp. Esimar G. Az. Magalhães

Apostila I - Continuação
Planejamento Rural

Analise de Custo e Receita


• Análise dos resultados obtidos: Custo X Despesa
• Causa destes resultados.
o Fator externo: globalização, aumento da competitividade, necessidades humanas,
entre outros.
o Fator interno: qualificação da mão de obra, qualidade dos produtos, entre outros.

Necessidades de planejamento
• Fatores a serem considerados.
o Custos
§ Mão de obra
§ Investimentos necessários a produção
§ Insumos (matéria prima)
§ Custos de transporte e escoamento da produção
§ Serviços veterinários, zootecnistas, agrônomos.
o Receitas
§ Valor da venda do produto
§ Agregação de valor (produtos melhores, com maior valor de venda. Ex:
produtos já beneficiados ou produtos de melhor qualidade, tipo exportação)
§ Comercialização da produção futura (negociação nas bolsas futuras)
§ Ampliação de mercado
• Planejamento: De acordo com as metas de produção o que afetam as principais metas?
o Equipe de trabalho
o Mercado escasso/ fartura
o Condições e possibilidade de armazenamento
o Preços mínimos (oscilam na escolha)
• Metas de produção: Quais são?
o Produtividade: aumento da quantidade de produtos. É conseguir produzir a maior
quantidade possível, sem perder qualidade de produto por unidade de fator de
produção.
Tópicos em Contabilidade/Ciências Contábeis/4º período
Profª Esp. Esimar G. Az. Magalhães

Apostila I - Continuação
o Lucratividade: combinação entre maior faturamento com menor custo maior
produtividade = maior lucro.
• Etapas do planejamento:
o Estudo e Implementação das metas de produção (produtividade e lucratividade)
o Distribuição de culturas (escolha da cultura a ser explorada e a quantidade a ser
produzida)
o Receitas esperadas (estimação sobre os valores de venda)
o Despesas de custeio (controle dos gastos)
o Financiamento (verificar a necessidade de financiamento, os juros, prazos, carências)

Estruturação dos Fatores de Produção


• Capital
o Fundiário: terra, edifícios e edificações rurais, benfeitorias e melhoramentos na terra,
cultura permanente, pasto, etc. São todos recursos fixos, vinculados à terra, e dela
não retiráveis. O capital fundiário, na agropecuária, representa quilo que nas
indústrias transformadoras corresponde aos edifícios e seus anexos.
o Capital de exercício: (capital operacional, ou capital de trabalho): gado para
reprodução, animais de trabalho, equipamentos, trator, etc. É o instrumental
necessário para o funcionamento do negócio. Esse capital pode ser permanente (não
se destina à venda, de vida útil longa), ou circulante, ou de giro (recursos financeiros
e valores que serão transformados em dinheiro ou consumidos a curto prazo).
Observam-se também duas personalidades economicamente distintas nas associações
dos capitais fundiário e de exercício na atividade agropecuária: O proprietário da
terra, que participa do negócio com o capital fundiário; e o empresário, que participa
com o capital de exercício, explorando o negócio agropecuário independentemente
de ser ou não proprietário da terra.
Tópicos em Contabilidade/Ciências Contábeis/4º período
Profª Esp. Esimar G. Az. Magalhães

Apostila I - Continuação

• Tendências das atividades rurais

Mudança de conceito
Antes Depois

§ Crescimento horizontal desorganizado § Desenvolvimento tecnológico


§ Vende o que produz § Foco na produtividade
§ Mercado interno e externo diferenciado § Otimização de recursos
§ Plano operacional § Foco na eficiência dos controles de
§ Produtos básicos produção
§ Produzir o que se vende
§ Mercado globalizado
§ Vantagens competitivas
§ Plano estratégico
§ Produtos sofisticados

Cadeia Produtiva
mercado investimento
Estudo da viabilidade

Decisão do investimento

industria parcerias Agentes financeiros

• Tendências das atividades rurais


o Racionalizar utilização dos recursos de produção
o Garantir a oferta de matéria prima a um custo mais baixo
o Otimizar processo de pesquisa
o Possibilitar ao produtor a compra de sua produção
o Disponibilizar a matéria prima na qualidade e na forma necessária
o Obter produto a um custo competitivo

A cadeia produtiva surge como forma de atender as necessidades de 2 pontas que são:
• Industria: matéria prima de qualidade, alta escala e com regularidade.
Tópicos em Contabilidade/Ciências Contábeis/4º período
Profª Esp. Esimar G. Az. Magalhães

Apostila I - Continuação
• Produtor:
o acesso mais rentável do mercado
o trabalho de forma articulada
o repasse de tecnologia
o assistência técnica ao resultado obtido
Como conseqüência ao consumidor que deseja ter acesso a produtos diferenciados, a baixo
custo e com alto valor agregado. Ao se ter todos estes fatores agregados, presentes e alinhados, na
presença de lides empreendedores, com visão de futuro, tem-se formada a cadeia produtiva.
Perfil das atividades enquadradas na cadeia produtiva:
• atividades agrícolas: tomate, ervilha, palmito, cupuaçu, mandioca, cana-de-açúcar e verduras
(entre outrs) para processamento.
• atividade pecuária: aves (corte e postura), peixe, coelho, bovinos.
• Atividade florestal: eucaliptos, seringueiras e outras madeiras em geral.
Os outros produtos de grande interesse econômicos como soja, milho, algodão, arroz e
carne bovina. Tem uma organização própria na forma de comodites (preços formados em bolsa de
valores, mercados globalizados). O que garante mecanismo próprios de oferta, distribuição e
comercialização, em escala suficiente para atender as agroindústrias, sendo extremamente
complexos. Organizados em sistemas integrados.
• A visão da cadeia produtiva: profissionalização da gestão adequação do sistema
• Visão do gestor:
o Planejamento: construção da visão de futuro
o Desenvolvimento: execução do planejamento
o Controle: acompanhamento das ações e dos resultados
o Ação corretiva: definição da estratégia a ser utilizada

O ciclo fecha-se a cada etapa produtiva

Avaliação da Elaboração do Definição do


propriedade projeto sistema de
controle

Analise de implantação
resultado
Tópicos em Contabilidade/Ciências Contábeis/4º período
Profª Esp. Esimar G. Az. Magalhães

Apostila I - Continuação

Analise da competitividade da cadeia produtiva

Ambiente organizacional

Fornecedor Produtos Agricultura


Agropecuária

Consumidor Comercio Industria


Final Varejo
Atacado

Modelos de Agronegocio
Insumos Produção Processamento Distribuição
Semente Agrícola Transformação Supermercados
Ração Animal Alimentos Comercio
Maquinário Cultura permanente Roupas exportação
Cultura temporária calçados

• Busca atender:
• Maximização da produção
• Minimizar custos
• Maximizar eficiência de produção
• Atingir padrão de qualidade
• Sustentabilidade / competitividade

Competitividade, Eficiência e Qualidade


• Qualidade total no agronegocio
Tópicos em Contabilidade/Ciências Contábeis/4º período
Profª Esp. Esimar G. Az. Magalhães

Apostila I - Continuação
o Cumprir exigências dos consumidores, no controle de resíduos tóxicos, grau de
maturação, higiene.
o Os fatos demonstram que qualidade não necessariamente, custa mais. Os gastos com
qualidade total geram economia em matéria prima, tempo de produção, perda de
produto, pratica de menores preços.
• Conceito de qualidade total
o Tradicional: a qualidade como algo associado à manifestação física e mensurável na
produção
o Moderno: a qualidade em sentido mais amplo e dinâmico, eliminação de fatores que
desagradam o consumidor.
• O empresário rural substitui o objetivo único de maximização de lucro, por outro,
denominado otimização produtiva, cujo lucro deve esta combinando com o bem estar da
comunidade.
• Troca de sistema: agroquimico
o Natureza
o Ecológico

• Os mandamentos da qualidade agropecuária


o A produção da propriedade e o mercado
o A produção e a qualidade desejada pelo cliente
o A melhoria continuada
o Planejamento
o Gerencia de recursos humanos
o Garantia de resultados (qualidade)
o A produção agropecuária e agrícola
o Competitividade
o A organização da propriedade
o As associações como estratégias de desenvolvimento

Questionário:
Tópicos em Contabilidade/Ciências Contábeis/4º período
Profª Esp. Esimar G. Az. Magalhães

Apostila I - Continuação

1) Qual a importância da Cadeia Produtiva no desenvolvimento do Agronegócio?


2) Qual a finalidade da utilização da Cadeia Produtiva?
3) Quais são as necessidades dos consumidores, da indústria e dos produtores na Cadeia
Produtiva?
4) Quais foram as vantagens e desvantagens ocorridas com as mudanças de conceito
sofridas na Atividade Rural?
5) Quais são as metas de produção dentro Planejamento Rural? Explique.
6) Quais são as etapas do Planejamento Rural?
7) A estrutura dos fatores de produção pode ser divida em: Capital Fundiário e Capital
de Exercício. Explique cada um deles.

Você também pode gostar