P. 1
Administração de Medicamentos

Administração de Medicamentos

|Views: 4.141|Likes:
Publicado porgkbsantos
Primeira parte da apresentação de boas práticas na administração de medicamentos
Primeira parte da apresentação de boas práticas na administração de medicamentos

More info:

Published by: gkbsantos on Sep 29, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/05/2013

pdf

text

original

Administração de Medicamentos PARTEB.

Brasileiro I Enfª Gleyce Kelly de
Santos

ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS
• Processo de preparo e introdução de medicamentos no organismo humano; • Objetiva efeitos terapêuticos de combate às doenças;

QUEM ADMINISTRA MEDICAMENTOS?
• MÉDICO • ENFERMEIRO • TÉCNICOS E AUXILIARES DE ENFERMAGEM • CIRURGIÕES-DENTISTAS (ALGUNS FÁRMACOS)

• 5 CERTOS:

QUAIS OS CUIDADOS DE QUEM ADMINISTRA MEDICAMENTOS?

–O PACIENTE CERTO –A DROGA CERTA –A DOSE CERTA TODAS ESSAS INFORMAÇÕES –A HORA CERTA DEVERÃO ESTAR ESCRITAS NA ETIQUETA DO –A VIA CERTA MEDICAMENTO!

ATENÇÃO!!!

• COM RELAÇÃO AO PACIENTE:
– Confira três vezes o nome do paciente na prescrição! – Se a prescrição estiver sem nome informe à enfermeira!

ATENÇÃO!!! • COM RELAÇÃO À DROGA:
– Confira três vezes o nome da droga prescrita – Se a prescrição estiver ilegível informe à enfermeira! – Confira o rótulo e etiqueta do medicamento! – Confira a integridade da embalagem, validade e aspecto físico.

ATENÇÃO!!! • COM RELAÇÃO À DOSE:
– Confira três vezes a dose prescrita – Se a prescrição estiver ilegível ou duvidosa informe à enfermeira! – Confira o rótulo e etiqueta do medicamento para saber a dosagem! – Caso seja necessário o fracionamento, fazer cálculo e

ATENÇÃO!!!

• COM RELAÇÃO À VIA:
– Confira três vezes a via prescrita; – Se a via estiver duvidosa dirija-se a enfermeira! – Confira se o medicamento é próprio para a via prescrita no rótulo!

• NÃO ADMINISTRAR! • PROCURAR SEMPRE A ENFERMEIRA!

O QUE FAZER NA DÚVIDA?

• • • •

Dose errada; Atraso de medicação; Omissão da dose; Troca de medicamento entre pacientes; • Falta de checagem do horário (dúvida foi dado ou não?) • Via errada.

ERROS MAIS COMUNS DA ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS

LENDO A PRESCRIÇÃO
• Confira o cabeçalho • Confira a data • Leia linha a linha da prescrição
– Não tome o hábito de ler somente os horários da prescrição pois você pode prosseguir com erros dos plantões anteriores!

LENDO A PRESCRIÇÃO
• Não conseguiu ler, não adivinhe, recorra SEMPRE à enfermeira; • Enfermeira: Não entendeu entra em contato com o médico assistente imediatamente!

VIAS DE ADMINISTRAÇÃO

VIA ENTERAL
• A substância é recebida através do trato digestório • O efeito é Sistêmico e não Local! • Consiste nas seguintes vias:
– VIA ORAL – VIA RETAL – TUBO GÁSTRICO

VIA ORAL
• É considerada a mais segura; • Mais conveniente e menos dispendiosa; • Amplo espectro de medicamentos pela via oral
– – – – – – comprimidos, comprimidos de cobertura entérica, cápsulas, xaropes, elixires, óleos, líquidos e suspensões, pós e grânulos.

VIA ORAL
• Ao administrar qualquer medicamento oral:
– Orientar o paciente a não hiperestender a cervical para evitar engasgue; – Sempre conferir o nome do medicamento, validade e aspectos físicos (cor, integridade da embalagem, rótulo de identificação da farmácia); – Nunca abrir cápsulas para dissolver! – Se houver a necessidade de macerar um comprimido esta deverá ser feita dentro da embalagem; – Deve-se evitar a partição dos comprimidos

VIA ORAL
• Ao administrar qualquer medicamento oral:
– Não administrar se o paciente estiver dificuldade de deglutição procurar enfermeira! – Não administrar se o paciente estiver apresentando êmese constante, procurar a enfermeira;

COMPRIMIDOS E CÁPSULAS– COMO PEPARAR
• Preparar material:
– Bandeja ( Limpa com álcool a 70%); – Um copinho (de café) seco e com etiqueta identificadora (nome do paciente, droga, leito, data, hora, dose) – Comprimido em embalagem original, com rótulo identificador da farmácia (fazer conferência !)

• Preparar material:

SOLUÇÕES ORAIS – COMO PREPARAR
– Bandeja ( Limpa com álcool a 70%); – Um copinho (de café) seco e com etiqueta identificadora (nome do paciente, droga, leito, data, hora, dose) – seringa

• Pegar frasco da solução (xarope, suspensão,etc) verificando validade, data de abertura e aspecto físico da medicação; • Aspirar com a seringa a quantidade prescrita do medicamento ou colocar a solução no copinho dosador. • Colocar aspirado da seringa no copinho

VIA RETAL
• O fármaco é aplicado na região retal. • Sua indicação é impopular e desconfortável. • O fármaco é formulado em um supositório ou enema retal, aplicados acima do esfíncter anal interno e do anel anorretal. • Curiosidade
– Uma aplicação de água pura via retal pode ser fatal ao indivíduo uma vez que a superfície intestinal absorve água muito rapidamente, podendo ocorrer assim uma

TUBO GÁSTRICO
• Administração de medicamentos por tubos que se encontram posicionados diretamente na mucosa gástrica ou enteral:
– Sonda Nasogástrica; – Sonda Nasoenteral, – Gastrostomia; – Jejunostomia.

TUBO GÁSTRICO
• Sempre macerar e diluir em água com comprimidos; • Aspirar diluído em seringa com identificação; • Lavar tubo antes e depois da administração do medicamento com 20 ml de água mineral; • Se houver resistência na administração, comunicar à enfermeira; • Certificar-se que o paciente esteja

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->