Você está na página 1de 7

Reflexão Crítica

Curso: Técnico de Informação e Animação Turística

Módulo: Turismo Seguro


Formador: Jorge Santos
Formando: Eduardo Santana nº 10

1
Resumo da Matéria:

 Abordagem sobre Constituição da República / Lei Base;


 Órgãos de soberania;
 Criação da Organização Internacional de Trabalho (O.I.T);
 Decreto-lei nº441/91 de 14 de Novembro;
 Higiene, segurança e saúde no trabalho;
 Identificação do Risco;
 Análise de Riscos;
 Prevenção de Riscos;
 Avaliação dos Riscos;
 Controlo dos Riscos;
 Direitos dos trabalhadores;
 Estratificação Social;
 Participação e avaliação de acidentes, doenças profissionais e
aspectos que devem estar contemplados;
 Decreto-Lei nº 143/99 de 30 de Abril (Acidentes de trabalho);
 Portaria nº 11/2000 de 13 de Janeiro;
 Noções Fundamentais de Primeiros Socorros;
 Auto avaliação e hetero-avaliação;
 Ficha Formativa

Impacto da Aprendizagem ao nível da minha vida pessoal e


social:

2
Entendo que a matéria dada contribuirá em muito, tanto na minha vida
pessoal como social, isto porque aprendi de uma forma geral sobre um
conjunto de princípios fundamentais, pelos quais se rege a Constituição da
nossa República.
Fiquei a saber que para vivermos hoje em Democracia, foi necessário
que tivesse existido o chamado Movimento das Forças Armadas. Estas,
através deste processo representaram a insatisfação do nosso povo e a
saturação da submissão ao Regime Fascista!
Foram assim restituídos os direitos fundamentais dos cidadãos.
Havendo por isso a necessidade de se criar uma sociedade mais justa e mais
fraterna.
Sensivelmente dois anos depois, mais precisamente a 2 de Abril de
1976 a Assembleia Constituinte aprova e decreta a nossa Constituição da
República.
Tive a satisfação de ter tido uma introdução concisa a esta matéria,
nomeadamente sobre o que diz respeito aos direitos e deveres dos cidadãos e
também ao como interpretar e pesquisar: Decretos-Lei, Capítulos, Secções,
Artigos, pontos e alíneas.
No que diz respeito à matéria de Higiene, Segurança e Saúde no
trabalho, foi para mim um reforçar de fundamentos já conhecidos, embora, de
alguma forma tivéssemos dado exemplos no contexto da Animação, tendo sido
uma mais valia.
Fui dotado de um conjunto de ferramentas que me permitirão no futuro adoptar
uma postura mais firme, confiante e profissional no que diz respeito à minha
vida social.

Pontos fortes e pontos fracos da Formação

3
Na minha opinião, considero que não tivessem existido pontos fracos
nesta Formação, no entanto existe quase sempre um ou outro ponto que se
poderá melhorar. Nomeadamente no momento em que o Formador tenta
explicar a matéria e existem conversas cruzadas na sala de aula.
No que diz respeito aos pontos positivos:
A forma clara como me foi transmitida a matéria e o à vontade do
Formador para, sem hesitar, esclarecer todas e quaisquer dúvidas que foram
surgindo, contribuiu para que perdesse completamente a noção do tempo.
Sem dúvida que esta formação fez de mim uma pessoa mais consciente
no que diz respeito aos Deveres e Direitos dos cidadãos,
traduzindo-se numa mais valia para o Futuro.

Capacidade de auto reflexão

4
Acredito que a maior parte das pessoas deste planeta reconheçam a
importância da existência de regras e conceitos fundamentais e
imprescindíveis, pelos quais nos devemos reger, e que se não existissem
regras, certamente não estaríamos aqui neste momento.
Como diz o velho ditado:” Em terra de cegos quem tem olho é Rei”. Para
não fugir à regra há quem se dedique a construir e a manipular bens, pessoas,
serviços, tráficos de influência com o objectivo de satisfazer propósitos
individuais, acarretando muitas vezes consequências devastadoras para
terceiros, que sem saberem muito bem, como, nem porquê, terão de responder
por isso.
Entendo que num Estado de Direito e Democrático deveria existir
coragem política para que, de uma vez por todas começássemos a eliminar os
mal feitores que no Governo nos representam e que por influência, conseguem
fugir às malhas da Lei. Temos o dever de exigir que os bons exemplos acorram
ao de cima e não as vergonhas, pois estas servem de referência para muitos
mais e alastram-se como uma pandemia!

Comparação entre expectativas iniciais e resultados finais

5
De início não associei a disciplina de Turismo Seguro à matéria que o
formador trazia na pasta para leccionar. As minhas expectativas estavam mais
voltadas para situações associadas à segurança dos Turistas enquanto
viajantes.
O que não se veio a confirmar.
Na verdade já tive a oportunidade estudar temas relacionados com essa
mesma matéria noutro módulo” Procura e Oferta Turística”
Quanto a este módulo, penso ter absorvido razoavelmente bem a
matéria, o que considero, ter correspondido aos objectivos propostos pela
escola.

Recomendações e Sugestões

6
Recomendo que em próximos módulos se continue a recorrer ao auxílio de
vídeo projector.
Mantém a turma mais ligada à matéria. Neste exemplo os alunos, ouviam a
explicação do professor e após terem ouvido, passavam a copiar pelo quadro o
que leva a reforçar a matéria e também a trabalhar a questão dos erros
ortográficos.