Você está na página 1de 6

MOVIMENTOS SOCIAIS

Vários autores dão diversas definições para Movimentos Sociais. Entre elas
destacam-se duas:

“Um movimento social existe quando um grupo de individuais esta envolvido num
esforço organizado n,seja para mudar ,seja para manter alguns elementos da sociedade
mais ampla”.(Cohen apud LAKATOS. 1999. p.293).

“Movimento social e uma coletividade agindo com certa continuidade, a fim de


promover ou resistir à mudança na sociedade ou grupo de que e parte.” (Tuner e Killiam
apud Horton e Hunt apud LAKATOS. 1999. p. 293).

Estas duas definições deixam claro que movimentos sociais surgem de um grupo
que faz parte da sociedade global com duplo aspecto: o de transformação ou
manutenção da ordem que e estabelecida, os movimentos sociais tem origem em uma
parcela da sociedade global, com uma característica de uma maior ou menor
organização, derivando de insatisfação e das contradições existentes com um caráter que
tem predominação urbana vinculado com um contesto histórico e sendo de
transformação do status quo .

Tipos de Movimentos Sociais

Os movimentos sociais têm um conteúdo tão especifico que podemos diferenciá-


lo:

Migratórios

Sua principal característica e o descontentamento com a situação na sociedade


de origem o que determina a tomada de decisão de se transferir para outro local.
Também se diferencia das constantes movimentações de grupos entre países pelo seu
volume e concentração em um breve período de tempo.Os seus fatores consistem
sempre na organização da sociedade de origem e os objetivos ,no desejo e esperança de
que tais condições não apareçam ou sejam minimizadas no pais de destino.

Progressistas

Atuam em um segmento da sociedade ,e tenta exercer influencia nas instituições


e organizações ,que são denominados de liberais ,pois desejam introduzir mudanças
positivas.Como exemplo existem os movimentos sindicais ,que possuíram varias fases
como sindicato de oficio ,sindicato da industria e etc...

Conservacionistas:

São resistentes a mudanças, se opõem as mudanças que já foram realizadas e


tentam voltar à situação anterior.
Regressivos:

Tentam geralmente voltar a uma condição anterior, geralmente do


descontentamento coma a direção e as tendências de determinada mudança. Como
exemplo pode
Citar uma tradição em que se acredita como um retorno aos antigos princípios da
família crista.

Expressivos

Não pretende realizar modificações na realidade exterior onde apresenta


conflitante , desagradável,e confinante, acabam mudando a sua percepção e também
suas reações sobre a realidade através de outra forma de atividade.

Utópicos

Apesar de ser considerado um movimento de fuga,o seu ideal e tentar criar um


contexto social ideal para um grupo de seguidores que geralmente e pouco numeroso .

Reformistas

Este movimento apresenta um meio de introduzir melhoramento na sociedade ,


sem transformar a estrutura básica ,mas este mesmo movimento sente dificuldade para
se firmar em uma sociedade autoritária ,que por sua natureza violentamente reprime as
criticas o que acaba limitando as reivindicações.

Revolucionários

Este propõem uma alteração total do sistema social,para introduzir um novo


sistema, também propõem mudanças com mais agilidade e rapidez ,os governos
autoritários são os mais favoráveis a este modelo , que bloqueia os desejos de reforma,e
acaba concentrando o descontentamento social ,mos países democráticos os
movimentos reformistas acaba se constituindo os piores inimigos dos revolucionários,
visto que pode drenar o descontentamento constituído na base para recrutamento dos
grupos revolucionários.

Fases dos movimentos sociais

Apesar dos movimentos obterem idéias diferentes em objetivos e finalidades ,


acabem apresentando o mesmo conjunto de estrutura como estágios que são;

Agitação

Existem duas situações. A primeira, a população se encontra resignada de


situações graves distorções e injustiças. A partir dai nasce o conformismo que consigo
traz a apatia este que e revertido ,fazendo com que se questionem os seus modos de vida
,cria a assim uma inquietação e intranqüilidade visto que nada ainda existe.A segunda ,a
população já e descontente , inquieto com a situação mas e ainda tímido em relação para
agir ou não sabe como atuar.Neste caso faz-se necessário intensificar , libertar e dirigir
as tensões que já existe.Nos dois casos e importante que a população se afaste de sua
maneira usual de pensar e aceitar os novos impulsos e desejos,algo que acaba sendo
prolongado.

Excitação

Visto que no estagio anterior e generalizado vago de metas ,e existe a


necessidade de que o foco de intranqüilidade se dirija para condições que identificam os
fatores causadores.A partir deste momento existe a necessidade de um líder para
organizar os sentimentos da população em favor do movimento ,tendo como primeiro
passo um contato com os indivíduos portadores do mesmo problema .segundo mostrar
que a situação pode ser resolvida por uma ação coletiva,terceiro fazer identificação de
atuar em um empreendimento em comum ,este estagio e breve visto que rapidamente se
conduz a ação ,ao contrario se houver uma liderança incompetente leva a perda de
interesses.

Formalização

Alguns movimentos podem atuar e alcançar os seus objetivos sem uma


organização formal,mas a maioria dos outros existe a necessidade de organiza-se e
desenvolver uma moral e ideologia própria e traçar assim os planos de ação.Sem a
ideologia o movimento seria incerto e através de tentativas dificilmente poderia se
defender contra uma oposição. Esta fornece ao movimento direção,justificação
,instrumento de ataque,instrumento de defasa,inspiração e esperança ,neste estagio surge
a organização formal com degraus de hierarquia , tendo como função converter uma
massa excitada em grupo disciplinado ,transformando a causa fraca em um movimento
viável,se este sobreviver as discordâncias ideológicas e a rivalidade dos organizadores
passara para a outra fase.

Institucionalização

E caracterizado por movimentos que obtiveram sucesso em atrair publico


seguidor e conquistar maior ou menor grau de apoio ao publico , nesta fase as figuras
carismáticas são substituídas por um líder profissional e estabelece um quadro
burocrático eficiente,as vezes na procura de centralizar os movimentos adquire sede
própria .Este estagio tem duração indefinida,quando vence com sucesso as táticas da
sociedade global.

Pré-condições Estruturais

Existem cinco para que surja uma ação coletiva: descontentamento social, e um
sentimento de injustiça da atual estrutura, bloqueio estrutural, são barreiras levantadas
pela estrutura social impedindo de eliminar a fonte do descontentamento, contato, e um
encontro dos descontentes, que vivem a mesma situação, eficácia, e um grupo que
avaliara os motivos de descontentamento e trarão as alterações desejadas pela
sociedade, ideologia, é um conjunto de idéias que tem como finalidade justificar a ação
proposta.

Fatores individuais
Existem fatores diferentes que motivam as pessoas a participarem de um
movimento social.

Mobilidade:

São as pessoas que se descolam de um lugar para outro e acabam perdendo


raízes não se inserindo em grupos locais na maioria das vezes pelo choque cultural,e
esta mudança
Proporciona o enfraquecimento do controle da comunidade sobre suas ações,

Marginalidade:

E um problema inerente a estrutura de qualquer sociedade e varia em cada


momento histórico ,do ponto de vista da interação da sociedade existe três grupos de
elementos os que correspondem a estrutura básica da sociedade ,os que correspondem
as estruturas secundarias ,os que correspondem as estruturas cuja existência não vem de
tendências que movem da estrutura básica da sociedade,mas que indica suas limitações
em cada momento histórico.Não sendo inseridos ou adaptados nos grupos sociais estas
pessoas marginais sentem-se inseguras e anseiam por aceitação ,quando lhe e negada
ficam ressentidas e frustradas,em alguns casos são condicionados a
superconformidade,caso de pessoas recém convertidas,mas ainda assim a marginalidade
incentiva a participar em movimentos sociais.

Isolamento e Alienação:

E um grupo afastado do convívio da sociedade mais ampla, como marinheiros,


mineiros, são suscetíveis a participação em movimentos sociais, principalmente os mais
violentos, visto que seus vínculos com a ordem estabelecida são muito fracos a assim
encontram dispostos a derrubá-la.

Mudança de status social:

E uma mobilidade de perda ou ameaça de status atual,predispondo as pessoas a


participarem de movimentos para impedir sua derrocada.Exemplo aqui no Brasil a
perda de poder aquisitivo da classe trabalhadora ,levou as grandes cidades,seus
componentes a morarem em favelas fazendo recrudescer as lutas pela melhoria desses
locais de moradia.

Ausência de laços familiares:

São pessoas que não se preocupam com a manutenção dos membros da família, fazendo
estes laços enfraquecerem a exemplo temos os adolescentes que na busca de afirmação
pessoal estão propensas a se tornarem imaturas e instáveis, para preencher o vazio da
vida e sanar os conflitos emocionais.

Desajustamento pessoal:
São aqueles que se apresentam com alterações patológicas de personalidades, isolados
dos demais em virtude do talento.

Situações Sociais Propiciadoras:

Os movimentos sociais acontecem quando as condições na sociedade favorecem


uma emergência, seus principais fatores são: correntes culturais que se consiste em
pequenas modificações em traços culturais ,cujo lento acumulo pode alterar a
organização e a estrutura da sociedade,desorganização social ou anomia ,toda
organização em mudança apresenta certo grau de desorganização que quando
acentuada conduz anomia estado de ausência de normas ,mas anos trazem confusão e
incerteza aos membros da sociedade pois as tradições já não são um guia de
comportamento , descontentamento social e uma insatisfação em comum com três
fatores privação relativa descompasso entre os que as pessoas possuem o imaginam que
deveriam ter , percepção injusta , podendo ser em qualquer nível social,os seus
membros sentem-se vitimas de injustiça social,já que o critério não e não e objetivo
,mas um juízo de valor subjetivo , incoerência de status, situação em que as diferentes
posições ocupadas por uma pessoa não são coincidentes.

Características de apoio

Suas principais características de apoio a eficácia dos movimentos sociais são


encontrados :dedicação e apoio aos membros,para conquista e manutenção
Lança-se mãos de discursos ,ideologias ,slogan e propaganda em larga escala,liderança
carismática e administrativa ,o líder carismático apresenta em alto grau a capacidade de
congregar as massas obtendo apoio para as finalidades e objetivos do movimento,o líder
administrativo e estratégico,delega deveres e responsabilidades ,a coletas de fundos ,a
organização e o papel de relações publicas ,liderança efetiva para que o movimento não
se esfalece através da luta ideológica de seus participantes ,existe uma necessidade de
uma efetiva liderança ,tanto carismática com administrativa.
REFERENCIA BIBLIOGRÁFICA

LAKATOS, blablabalaaaa