Você está na página 1de 4

FUNDIÇAO

1. Qual é a finalidade do modelo?


É a ferramenta indispensável para a confecção do molde.

2. Quais são as características que o modelo deve possuir?


- Forma da peça bruta que se deseja obter por fundição
- Conter divisões e ângulos que permitam a sua moldabilidade e
desmoldabilidade de forma a produzir um vazio com contornos perfeitos.
- Conter superespessuras prevendo a contração do metal liquido e de usinagem
se esta vier a ser necessária.
- Ter ótimo acabamento superficial para facilitar a desmoldaçao
- Ser pintado com cores que indiquem para que o material metálico foi fabricado,
indicações de machos e outras informações (reforços a serem retirados após a
moldagem, elementos destacáveis, etc)

3. Quais são as cores mais usuais nas identificações dos modelos? O que
estas cores significam?
- Preto – indica marca de macho – peça ôca
- Vermelho – indica modelo para ferro fundido
- Azul – indica modelo para aços
- Amarelo – indica modelo para não ferrosos

4. Cite e descreva os tipos de modelos.


- Modelo simples ou maciço – modelo feito de uma única peça (maciça)
- Modelo desmontável (bi ou multipartido) – cada divisão constitui um plano de
apartação (linha separatriz)
- Modelo com canais – tipo para grandes produções
- Placa modelo – Este tipo de modelo é aplicado para grandes produções
recomendada para moldação mecanizada
- Esqueleto – tipo usado em modelos de grandes dimensões onde se deseja um
modelo com o mínimo de peso
- Gabarito de moldar ou rasfeta – usado normalmente quando se deseja fabricar
um solido de revolução. O modelo é feito de uma peça em madeira ou metal com
o formato de uma geratriz

5. Quais são as que propriedades o modelo deve possuir?


O modelo deve ser uma ferramenta leve, estável, durável além de permitir a
melhor produção possível

6. Em que materiais os modelos podem ser fabricados?


Em madeira, material metálico, gesso, plástico, isopor, cimento e outros
materiais.

7. O que é a caixa de macho?


É o complemento do modelo na produção de uma peça fundida.
8. Qual é a finalidade da caixa de macho?
Permitir o preparo de blocos de areia que, colocados na cavidade do molde,
impedirão o enchimento com metal liquido. Com esta providencia podem ser
asseguradas cavidades internas (machos internos) ou reentrâncias externas
(machos externos) nas peças fundidas.

10. As caixas de macho são produzidas em quais tipos de materiais?


Normalmente em madeira dura. Entretanto, encomendas de grande numero de
peças exigem o emprego de caixas metálicas (normalmente de alumínio, devido
ao reduzido peso, podendo conter reforços de aço para resistir ao excessivo
desgaste).

11. Qual é a forma mais simples de caixa de macho?


É aquela constituída de uma única peça, geralmente usada quando o macho é
retangular ou admite plano de simetria.

12. Classifique as areias para fundição.


- Quanto ao formato do grão
- Arestadas
- Semiarestadas
- Redondas
- Quanto a composição química
- Silica (oxido de silício) Si O2 – Mais usada nos processos de moldação
- Cromita – alta condutividade térmica – ideal para moldes pequenos e
altas temperaturas de vazamento
- Zircomita (silicato de Zirconio) – apresenta alta densidade e baixa
molhabilidade no gesso
- Areia base Olivina – forsterita (2MgOSiO2) e faialita (2FeOSiO2)
- Areia charrote
- Quanto a posição no molde
- Faceamento
- Enchimento
- Quanto ao uso para vazamento (teor de umidade)
- A verde
- A seco
- Quanto ao estado de uso
- Nova
- Reprocessada (usada)
- Quanto a aplicação no molde
- Para moldação
- Para machos
- Quanto a destinação (Vazamento)
- Ferros fundidos
- Aços
- Ligas não ferrosas
- Quanto ao teor de argila e granulometria
13. Nos casos em que o emprego da marcação de machos é impraticável,
qual é a solução?
A solução será o apoio do macho em calços metálicos, fabricados com a mesma
liga de peça a produzir.

14. Que características tem um molde à verde?


Consiste em um molde de areia úmida, que é moldado pelo formato do modelo,
é especialmente indicado para pequenas peças, essa areia não necessita de
uma secagem forçada e é curada geralmente ao ar.

15. Que reações químicas ocorrem nas areias de diferente composições


químicas?
- Silica – reação química acida
- Cromita – reação química neutra básica
- Zircomita – reação química neutra acida
- Olivina – reação química neutra
- Charrote – reação química básica

16. O que são areias para moldação?


É um material homogêneo, constituido essencialmente de um elemento
refratário, areia base e de aglomerantes.

17. Quais são as características de uma areia para moldagem?


- Facilidade de moldagem
- Fidelidade de reprodução dos modelos
- Resistência mecânica ao manuseio
- Resistencia à pressão estática exercida pelo metal liquido logo após o
vazamento
- Permeabilidade aos gases
- Colapsibilidade
- Refratáriedade
- Economia pela possibilidade de recuperação

18. O que é colapsibilidade?


É uma característica especifica para as areias para machos. Pois neste caso
estas areias devem conter elementos de ligação dos grãos que após alguns
segundos em contato com a alta temperatura do metal liquido eles, entram em
queima desagregando os grãos da areia permitindo assim a diminuição da
resistência do molde à contração do metal liquido.

19. O que são argilas?


São partículas inferiores a 20 microns constituídas fundamentalmente de silicato
de alumínio hidratado.

20. Em que formas as argilas se apresentam?


- Argilas propriamente dita (2 a 20 microns)
- Lama ou pó fixo – partículas < 2 microns
21. Quais são os constituintes de uma areia de moldagem?
- Silica (areia-base) – responsável pela refratariedade e permeabilidade
- Aglomerantes a verde – não necessitam de aquecimento para promover a
aglomeração dos grãos da areia-base. Um dos mais usuais são as argilas
- Aglomerantes a seco – precisao de aquecimento para promover a aglomeração
dos grãos. Podem ser derivados do petróleo
– Aglomerantes auto-secativos - precisao de aquecimento para promover a
resistência da areia – podem ser óleos minerais, resinas, poliésteres, silicato de
sódio
- Aglutinantes a verde – mogul, dextrina
- Água – elemento regulador da plasticidade da areia
- Cimento

22. Como se classificam as argilas?


- Argilas montmoriloníticas ou bentonitas apresentam ótima mobilidade as areias
de moldação. Apresentam elevada colapsibilidade e portanto são largamente
usadas em areias para machos.
- Argilas haloisíticas ou brancas – apresentam alta refratariedade e
moldabilidade.
- Argilas ilíticas ou micáceas – moderada contração, elevado poder aglomerante
e baixa refratariedade.
- Argilas caoliníticas – propriedades semelhantes às haloisíticas, mas com menor
poder de aglutinação e baixa contração.

23. Cite os ensaios utilizados para avaliar a qualidade de uma areia. Não se
esqueça também de citar as propriedades que estes ensaios avaliam.
- Ensaios analíticos – teor de umidade, teor de argila e distribuição
granulométrica
- Ensaios tecnológicos – resistência mecânica, permeabilidade, dureza e
moldabilidade
- Ensaios a temperatura elevada – colapsibilidade, resistência mecânica,
permeabilidade a quente, contração e expansão e ponto de sinterização