Você está na página 1de 2

Trocador de calor

Resumo

Trocador de calor são dispositivos que permitem a troca de calor entre dois fluidos, possuem diferentes
tipos e configurações, sendo os mais simples os de tubo duplo ou tubos concêntricos, e podem oferecer
escoamento paralelo (quando fluido frio e quente entram pelo mesmo lado do trocador de calor ou conta corrente
quando os fluido entram de lados opostos , outros tipos são os de placa e os casco tubo

A análise de primeira lei de termodinâmica em um trocador de calor define que: para que o fluido que entra
a temperatura mais elevada possa resfriar ele deve perder energia na forma de calor, e essa energia será transferida
para o fluido que será aquecido, desta forma tem-se :

Qperdido = Qrecebido
( m.cp.T ) fluido quente = ( m.cp.T ) fluido frio
Através dessa análise é possível, por exemplo determinar a temperatura de saída desconhecida de algum
fluido, salientando que a propriedade Cp, como todas as outras necessárias para análise de um trocador de calor
Tentrada + Tsaida
deve ser determinada a temperatura média Tm = .
2
Acrescentando à análise termodinâmica, que fornece informações
sobre as quantidades de energia transferida, a analise a luz da transferência de calor fornece informações a
respeito da geometria e condições de escoamento dos fluidos, dessa forma define-se o coeficiente global de
transferência de calor U que para um trocador de calor novo sem aletas se apresenta da seguinte forma como
1 = 1 + R parede + 1
UA ( hA) frio ( hA)quente
hh , hc Coeficiente de transferência de calor convectivo lado quente e frio
Ah , Ac Área superficial do lado quente e frio
Rw Resistência de condução do material que separa o lado quente do frio
A determinação dos coeficientes de transferência de calor convectivo esta associado as correlações para o
numero de Nusselt (Nu) para cada geometria e condições de escoamento

O método analisado para a para modelar um trocador de calor foi o método da diferença de temperatura
média logarítmico (DTML) é o mais adequado para determinar o tamanho de um trocador de calor quando todas
as temperaturas de entrada e de saída são conhecidas, existe outros métodos a exemplo do método da efetividade
NUT que é o mais adequado para prever as temperaturas de saída dos fluidos quente e frio em um trocador de
calor

O método LMTD a taxa de transferência de calor é dada por Q = UA Tm e no quadro abaixo podemos ver as

variações para cada tipo de trocador de calor


Fluxo paralelo Fluxo contra corrente Fluxo contra corrente
Q = mh c p ,h (Th ,i − Th ,o ) Q = mh c p ,h (Th ,i − Th ,o ) Q = mh c p ,h (Th ,i − Th ,o )
Q = mc c p ,c ( t c ,o − t c ,i ) Q = mc c p ,c ( t c ,o − t c ,i ) Q = mc c p ,c ( t c ,o − t c ,i )
Tout − Tin Tout − Tin Tout − Tin
Q = UA Q = UA Q = UA
ln ( Tout Tin ) ln ( Tout Tin ) ln ( Tout Tin )
Tin = Th ,i − tc ,i Tin = Th ,i − tc ,o Tin = Th ,o − tc ,i
Tout = Th ,o − tc ,o Tout = Th ,o − tc ,i Tout = Th ,i − tc ,o
Exercicios

1- Um trocador de calor de conta corrente é indicado para ter o coeficiente global de transferência de calor de 284
W/m2K quando operando em condições limpas. O fluido quente entra no lado tubo a 93C e deixa a 71 C enquanto
o fluido frio entra do lado casco a 27 C e deixa a 38 C . Considerando que após um período de um ano de uso a
incrustação formada no trocador de calor tem um fator de 0,0004 m2K/W , considerando que a área do trocador
de calor é de 93 m2, considerando que ambos os fluidos tem cp= 4,2 kJ/kgK determine
a) Taxa de transferência de calor no trocador de calor (1,17MW)
b) As taxas de fluxo de massa dos fluidos quente e frio (mh=12,7 kg/s e mc=25,3 kg/s

2- um escoamento de hidrocarbonetos cp =2,2 kJ / kg K a uma taxa de 720 kg/h é resfriado de 150 C a 40 C no lado
do tubo de um trocador de calor de tubo duplo em contracorrente A água cp 4,18 kJ/kgK entra no trocador de
calor a 10C a uma taxa de 540 kg/h . o diâmetro externo do tubo interno é de 25 cm e se seu comprimento é de
6m. calcule o coeficiente global de transferência de calor. resp. U=2,31 W/m2K
3-Um trocador de calor de tubo duplo de escoamento paralelo deve aquecer agua cp 4180J/kgK de 25 C a 60 C a
taxa de 0,2 kg/s o aquecimento deve ser aquecido por agua geotérmica cp 4310 J /kgK disponível a 140C com vazão
mássica de 0,3 kg/s . o tubo interno tem parede fina e diâmetro 0,8 cm Considere que o coeficiente de global
transferência de calor do trocador é 550 W/m2K, determine o comprimento do tubo para alcançar o aquecimento
desejado (Resp:25,5m)
4-Um trocador de calor de tubo duplo de parede fina em contracorrente deve ser utilizado para resfriar óleo cp
2200 J/kgK de 150 a 50 C a uma vazão mássica de 2,5 kg/s a agua (cp 4180J/kgK) que entra a 22C e uma taxa de
1,5 kg/s . O diâmetro do tubo é 2,5 cm e o comprimento é 6 m . Determine o coeficiente global de transferência de
calor (Resp: 34,6 kW/m2C)
5- Óleo lubrificante leve (cp = 2090 J/kg · K) é resfriado pela troca de energia com água, em um pequeno trocador
de calor. O óleo entra e sai do trocador de calor a 375 K e 350 K, respectivamente, e escoa a uma taxa de 0,5 kg/s.
Água, a 280 K, está disponível em quantidade suficiente para permitir que 0,201 kg/s seja usada para o processo de
resfriamento. Determine a área de troca térmica para operações em (a) contracorrente e (b) escoamento paralelo.
O coeficiente global de transferência de calor pode ser considerado igual a 250 W/m 2 · K.( Resp a0 1,56 m2 b)
1,66m2)
6- Um trocador de calor tubo duplo , que opera em contracorrente, é usado para resfriar uma corrente líquida
quente de biodiesel de 60oC para 35oC. Biodiesel escoa no lado do casco, com uma vazão de 3 m3/h; água é usada
no lado do tubo. As temperaturas de entrada e de saída da água de resfriamento são 10oC e 30oC, respectivamente.
O diâmetro interno do tubo de cobre, Sch 80, é 1,5 in (3,81 cm). Em experimentos independentes, o coeficiente de
transferência de calor para o biodiesel no casco foi determinado como igual a 340 W/m2 · K. Uma vez que a parede
do tubo é feita de cobre, as resistências térmicas por condução podem ser desprezadas. As propriedades médias
do biodiesel líquido (B) para 35–60oC são: rB = 880 kg/m3, mB = 4,2 × 10–3 kg/m · s, kB = 0,15 W/m × K, CpB = 2400
J/kg · K.
a. Qual é a carga térmica no trocador de calor e qual é a taxa mássica da água de resfriamento requerida?( 44kW,
0,53kg/s)
b. Qual é a área superficial requerida do trocador de calor? (5,53m2)
c. Qual seria o trocador de calor requerido para escoamento cocorrente? ( 7,77m2)