Você está na página 1de 3

PLANO DE FORMAÇÃO

CURSO: Interpretação do Desenho Infantil


ÁREA: 215 - Artesanato
MODALIDADE DE FORMAÇÃO: Workshop
LOCAL: ACADEMIA APAMM – Mem Martins
FORMADORA: Eunice Barata
PÚBLICO-ALVO: Pais, Educadores, Professores, Auxiliares de Acção Educativa, Monitores.
PRÉ-REQUISITOS: Não aplicável
CARGA HORÁRIA: 6 horas
DATA: __/__/______
HORÁRIO:
CUSTO: 25,00€ (com material incluído)

DESCRIÇÃO

É primordial para quem actua na área da educação infantil, a compreensão e o conhecimento das
fases do desenho infantil e sua relação com a evolução do desenvolvimento humano. O desenho é a
manifestação de necessidades vitais, pelas quais a criança passa no sentido de conhecer, agir e
comunicar-se com o mundo.

OBJECTIVO GERAL

O curso visa:
• Reflexão do educador sobre a importância do desenho infantil nas várias etapas da vida
de cada criança.
• Compreender que a observação é um dos meios que o educador tem para fazer
desabrochar na criança um olhar sensível, pensante, crítico.
• Permeando informações de natureza mais teórica, o educador poderá desafiar e
incentivar, ampliar experiências e conhecimento, aprimorando a capacidade de criação e
de expressão artística da criança.

OBJECTIVOS ESPECÍFICOS

No final da acção, os formandos deverão ser capazes de:


• Saber explicar cada tipo de material usado no processo de fabricação de bijutarias.
• Conhecer as operações básicas de montagem de bijutarias.
• Conhecer e saber como usar os materiais e ferramentas usadas na montagem de bijutarias.
• Saber confeccionar os vários tipos de bijutarias apresentados no workshop.

1
PLANO DE FORMAÇÃO

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

• Introdução à Técnica da Bijuteria


• Matérias-primas utilizadas na concepção da bijuteria
• Acabamentos
• Prática de Concepção
METODOLOGIA

Formação essencialmente prática, com recurso sistemático a métodos activos e demonstrativos, que
permitirão o esclarecimento de dúvidas concretas dos formandos. Recurso complementar ao método
expositivo, através da visualização de diapositivos de diversos tipos de peças, a título exemplificativo.

RECURSOS TÉCNICO-PEDAGÓGICOS

A ACADEMIA APAMM disponibiliza para as acções de formação diversos recursos audiovisuais tais
como videoprojector, retroprojector, computadores fixos e portáteis, televisão, vídeo, DVD e câmara
de filmar, bem como suportes documentais disponíveis na sua biblioteca.

CONCEPÇÃO

O workshop permitirá a todos os participantes a concepção de 1 anel, 1 par de brincos e 1 Colar.

MOMENTOS E MODALIDADES DE AVALIAÇÃO

• No início do workshop, o formador poderá efectuar uma breve avaliação diagnóstica como
forma de verificar o nível de conhecimentos dos formandos face ao tema a desenvolver. Este
instrumento de avaliação permitirá ainda ao formador adaptar o programa da formação às
especificidades do grupo.
• Durante a acção, o formador poderá recorrer a actividades de avaliação formativa como
forma de regulação da aprendizagem.
• No final do workshop, o formador, como forma de avaliação das aprendizagens, realizará
uma análise dos trabalhos criados durante a formação, tendo por base uma grelha de
avaliação com critérios predefinidos. A classificação de cada participante terá por base os
seguintes parâmetros:
 25% - Pontualidade e participação
 75% - Avaliação Prática
• Terminada a acção, pedir-se-á ainda aos formandos que preencham um formulário de
avaliação do processo de formação para efeitos de balanço da actividade formativa e do
desempenho do formador.

2
PLANO DE FORMAÇÃO

ASSIDUIDADE DOS FORMANDOS

A assiduidade neste workshop é um requisito fundamental, na medida em que existem competências


transversais que só podem ser adquiridas em contexto de formação presencial. Será condição
obrigatória a frequência de 100% do total de horas da respectiva formação.

CERTIFICAÇÃO DA FORMAÇÃO

No final da formação será emitido um certificado de formação profissional, numa escala qualitativa, a
todos os formandos que:

a) Tenham obtido uma avaliação positiva na classificação final.

b) Tenham cumprido com os seus deveres de formando, respeitando rigorosamente os deveres


de assiduidade e pontualidade.

A classificação da avaliação dos resultados da aprendizagem de cada formando é expressa através


da atribuição de uma menção qualitativa e de uma classificação de acordo com a seguinte escala:

• Muito Bom – de 18 a 20 valores;


• Bom – de 15 a 17 valores;
• Razoável – de 10 a 14 valores;
• Fraco – de 7 a 9 valores;
• Muito Fraco – de 1 a 6 valores.

BILIOGRAFIA FUNDAMENTAL

Para além do manual de apoio que é fornecido ao formando, o formador poderá ainda recomendar,
em cada módulo, bibliografia específica adicional no sentido de complementar os conhecimentos
adquiridos.