Você está na página 1de 13

ANEXO 1 – Press-kit

Informações à imprensa
Makro: a melhor opção para o cliente profissional

B
raço de comércio de atacado do grupo holandês SHV, o Makro foi fundado em
1969 com o objetivo de ser a melhor opção no modelo auto-serviço para
clientes profissionais. Chegou ao Brasil em 1972, ano em que foi aberta a
primeira loja da rede no bairro de Vila Maria, na capital de São Paulo.

Com sua operação baseada no conceito Cash & carry, o Makro buscou se especializar
na compreensão das necessidades de seu público-alvo: os clientes transformadores
(em especial food service, que manipula e modifica os alimentos para então os vender)
e os comerciantes (pequeno varejo). Para isso, conta com um sistema de informações
de um banco de dados alimentado pelo Passaporte Makro, documento que identifica o
cliente nas lojas.

Novos Negócios
O Makro está atuando em novos negócios, para atingir clientes que atualmente não
compram nas suas lojas. Além do tradicional auto-serviço, o modelo de negócios da rede
possui outras três frentes: (1) Televendas, ampliação da atividade atual por meio de
telemarketing ativo e receptivo para clientes cadastrados. A principal novidade é a
expansão do canal para a venda de não-alimentos, para eletrodomésticos e eletrônicos, a
fim de suprir a necessidade de entrega de produtos em regiões distantes de grandes
centros. (2) Delivery, para entregas de produtos aos clientes do setor de food service
(Hotéis, Restaurantes, Cafeterias e afins), com volume de compra mais elevado e (3)
Contas Nacionais, para clientes corporativos (cadeia de hotéis, restaurantes e grandes
empresas), com contrato para atendimento nacional e customizado, de acordo com as
necessidades do cliente.

Além disso, a rede foi pioneira na importação de novos produtos quando chegou ao país e,
no ano em que comemora 36 anos, retoma essa tradição de oferecer uma experiência
nova e diferenciada aos seus clientes. Por isso lançou outubro, o espaço Speciale Adega
& Emporium, em sua primeira loja instalada no país, a de Vila Maria, com foco no público
de food service.

O Makro também quer avançar no varejo de combustíveis. O grupo, que foi pioneiro ao
inaugurar seu primeiro posto no país em 1974, hoje possui postos em 26 das 65 lojas
espalhadas pelo país. Até o ano passado, todas as unidades operavam com a bandeira BR.
Agora, para acelerar a expansão, a idéia é investir também na marca própria e a
expectativa da empresa é chegar a 40 postos Makro até o final de 2009.
Cartão Makro
Em 2008 também, a rede lançou o Cartão Makro, em parceria com o Banco ibi, nas
versões private label e cartão de crédito, com emissão instantânea em lojas do Makro
espalhadas pelo país. O novo cartão possibilita aos clientes realizar compras, com
possibilidade de pagamento em até 40 dias sem juros ou com parcelamentos. O Cartão
Makro atingiu 600 mil clientes cadastrados em abril de 2009.

Operação Makro em números


- Fundação: 1972
- Funcionários: 6,5 mil
- Receita bruta: R$ 4,991 bilhões, em 2008
- Lucro líquido: R$ 99,6 milhões, em 2008
- Vendas líquidas: R$ 4,351 bilhões, em 2008
- Capilaridade: 65 unidades, em 22 Estados e Distrito Federal
- Número de empregos gerados: 9 mil diretos e indiretos
- Itens comercializados: 12,7 mil média por loja
- Número de clientes/dia: 130 mil/dia
- Número de fornecedores: mais de 2000
- Tiragem do Jornal Makro de Ofertas: 1,2 milhão de exemplares, quinzenalmente
- Restaurantes: 62
- Postos de Combustíveis: 26
Presença nacional, atuação local

A
tualmente o Makro está presente em 22 Estados, além do Distrito Federal, por
meio de 65 lojas, tornando-se a maior rede de lojas de abastecimento no
modelo auto-serviço em operação no país. Isso garante à empresa a
capilaridade vantajosa para os fornecedores, que têm no Makro um importante canal
de distribuição nacional e, ao mesmo tempo, o conhecimento regional para a
composição do mix de ofertas para cada unidade, atendendo às necessidades
específicas dos clientes locais. A construção de cada loja consome investimentos médios
da ordem de R$ 21 milhões e segue uma padronização já reconhecida no mercado, com
tempo médio de obra de 70 dias.

Lojas:

Alagoas Pará Rondônia


Maceió Belém Porto Velho

Amazonas Paraíba Santa Catarina


Manaus João Pessoa Florianópolis
Manaus (Moderna) Campina Grande Joinville

Bahia Paraná São Paulo


Salvador (Pirajá) Curitiba SP (Vila Maria)
Salvador (Iguatemi) Foz do Iguaçu SP (Butantã)
Pinhais SP (Aricanduva)
Ceará Londrina SP (Interlagos)
Fortaleza SP (Lapa)
Pernambuco SP (Marechal Tito)
Distrito Federal Caruaru Guarulhos
Brasília Petrolina São Bernardo do Campo
Recife Santo André
Espírito Santo Araçatuba
Serra/Vitória Piauí Bauru
Teresina Campinas (D. Pedro)
Goiás Campinas (S.
Goiânia Rio de Janeiro Dummond)
RJ (Penha) Osasco
Maranhão RJ (Barra da Tijuca) Piracicaba
São Luis RJ (Bonsucesso) Praia Grande
Campos dos Goytacazes Presidente Prudente
Mato Grosso Mendanha Ribeirão Preto
Cuiabá Nova Iguaçu São José do Rio Preto
São Gonçalo São José dos Campos
Mato Grosso do Sul Sorocaba
Campo Grande Rio Grande do Norte
Natal Sergipe
Minas Gerais Aracaju
Contagem Rio Grande do Sul
Uberlândia Caxias do Sul
Juiz de Fora Porto Alegre
Belo Horizonte
Montes Claros
Marcas próprias

A
lém de manter relacionamento próximo com cerca de 2 mil fornecedores
nacionais e locais, o Makro possui também um portfólio completo de marcas
próprias, desenvolvidas para oferecer aos clientes profissionais opções de
qualidade e preço competitivo. Atualmente, há mais de 800 referências de produtos.

Marcas próprias

Disponível no Brasil desde 1981, foi criada como uma alternativa de alta
qualidade e preços baixos, destinada a grupos de processadores e transformadores de
alimentos. É o carro-chefe, com mais de 500 tipos de produtos, dentre os quais alimentos secos
e perecíveis, utensílios para hotéis, restaurantes e pizzarias, alimentos para cães, sempre em
embalagens institucionais.

É dirigida aos comerciantes de alimentos e foca, principalmente, em produtos


comestíveis em embalagens que podem ser abertas para revenda nos pontos de venda dos
clientes varejistas.

Fruto de uma parceria inicial com a Bauducco, a marca evoluiu para um


negócio próprio do Makro voltado aos clientes comerciantes. Especializou-se em produtos de
bomboniére, doces, sorvetes, biscoitos, salgadinhos, ovos de páscoa e panetones.

Também voltada para o cliente varejista, a linha traz opções em produtos de


limpeza e higiene com preços competitivos no segmento de primeiro preço.

Marca exclusiva para a oferta de materiais de escritório e acessórios de


informática, atende comerciantes, profissionais liberais e outros prestadores de serviços.

Marca exclusiva para o desenvolvimento de eletrodomésticos e acessórios de


informática
Capacitação

T
er seu foco de atuação centrado no atendimento ao cliente demanda que o Makro
ofereça serviços de excelência, padronizados em todas as suas 65 lojas. Para
garantir isso, a empresa desenvolveu uma série de processos e treinamentos que
estão disponíveis para os funcionários por meio da Universidade Makro.

O projeto foi implementado no final de janeiro e tem como objetivo propiciar formação
básica técnica no negócio, incluindo aulas para todas as posições no organograma,
incluindo temas como manuseio e exposição de produtos, gerencialmente comercial e
de clientes, entre outros. Já foram realizados mais de 30 mil horas aula, com
participação de 5 mil profissionais. De janeiro a junho de 2007, houve 100 cursos
diferentes e 10,8 mil participações. Os principais temas abordados foram:
gerenciamento de Clientes, campanha de redução de quebras, sistemas de
precificação, recebimento de mercadorias, sistemas B2B, além de workshops sobre
restaurantes e check-out.

Universidade Makro para os clientes


Além de treinar seus funcionários, o Makro estende seu compromisso com a capacitação
aos clientes – foco de seu trabalho. No primeiro semestre foram oferecidos cursos de
culinária, capacitação técnica e de gestão de negócios.

Makro Extravaganza
A atacadista também trouxe ao país o Makro Extravaganza, evento voltado para o público de
clientes transformadores, em especial do segmento food service, que batizam como HoReCa
– Hotéis, Restaurantes e Cafeterias. Com assinatura "Para quem tem apetite por novas
experiências”,pelo segundo ano consecutivo, o encontro foi uma maneira inovadora de
tangibilizar valores que são importantes para o Makro e contribuir para a capacitação e
fortalecimento do negócio de seus clientes.

Em uma tenda climatizada de 3,6 mil m2, fornecedores e parceiros apresentaram


soluções para este mercado, lançaram produtos e promoveram marketing de
relacionamento com os clientes do Makro. O evento contou ainda com um cronograma
de quase 30 cursos de capacitação - dos mais variados, desde como criar receitas com
hambúrguer e proteína de soja à aula de compreensão da gestão de custos e formação
de preços. Todos os cursos foram gratuitos, com a apresentação do Passaporte Makro,
que é emitido sem custo, em qualquer loja do Makro.
Espaço Sabor & Saber
Com o sucesso da cozinha experimental realizada dentro do Evento Extravaganza, em
agosto de 2007, o Makro resolveu ampliar sua estratégia de desenvolver
continuamente seus clientes profissionais HoReCa (hotéis, restaurantes, cafeterias) e
lançou o Espaço Sabor & Saber, uma cozinha experimental para a realização de cursos
de culinária e transformação de alimentos, num projeto-piloto na loja de Osasco, em
São Paulo.

Projeto Prosperar
Em novembro de 2007, o Makro lançou o Projeto Prosperar, “um projeto com sabor de
crescimento”, voltado para o desenvolvimento econômico de pequenos e médios
comerciantes, em parceria com Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas
Empresas (Sebrae). O primeiro grupo do projeto foi formado por proprietários
restaurantes do município de Osasco, clientes profissionais da loja Makro na região.

Com duração de um ano, o programa consiste na análise e diagnóstico da gestão de cada


empreendedor, elaboração de planos de ação e de acompanhamento para cada negócio,
com o intuito de contribuir para a sustentabilidade e o desenvolvimento econômico do
restaurante. Durante a execução, consultores do Sebrae fazem as pesquisas de campo, a
fim de nortear a aplicação das estratégias definidas por especialistas para cada restaurante
participante a fim de realizar as mudanças e adaptações necessárias.

O Prosperar é um dos projetos da Universidade Makro, empenhada na formação e


capacitação dos colaboradores e clientes profissionais da companhia, com foco nos
clientes. A Universidade Makro tem como missão viabilizar a aprendizagem, o
desenvolvimento e a atualização dos funcionários, e contribuir para capacitação e
desenvolvimento de seus clientes, pequenos e médios comerciantes.

Mais Informações | FSB Comunicações

Dario Vedana Rafael Faro


dario.vedana@fsb.com.br rafael.faro@fsb.com.br
11 8383.2683 11 8757.7995
11 3061.9596 11 3061.9596
Modelo de Q&A

Inauguração Loja de Porto Velho


Orientações para Relacionamento com a Imprensa
INFORMAÇÕES INSTITUCIONAIS

Sobre o Makro

Fundação: 1972
Primeira loja: Vila Maria, São Paulo
Capilaridade: 63 unidades (com a de Porto Velho), em 21 Estados
e Distrito Federal
Clientes atendidos: 125 mil por dia
Itens comercializados: 12,7 mil
Fornecedores credenciados: cerca de 2 mil fornecedores em todo Brasil, incluindo os
regionais
Receita bruta: R$ 4,6 bilhões, em 2007
Lucro líquido: R$ 92,3 milhões, em 2007
Restaurantes: 56 (com o de Porto Velho)
Postos de Gasolina: 26

Sobre a loja de Porto Velho

Investimento: R$ 21 milhões (R$ 15 milhões em investimentos para a


instalação e construção e R$ 6 milhões em mercadorias)
Inauguração: 31/10/2008
Itens comercializados: 12,7 mil
Clientes cadastrados: 22 mil
Área: 7,8 mil m2
Geração de empregos: 250 entre diretos e indiretos
Vagas de estacionamento: 300
Restaurante: 1

PONTOS-DE-FALA

Sobre as operações brasileiras do Makro

O Makro Atacadista S.A. está presente no país há 36 anos, atuando sempre como
atacadista no modelo auto-serviço, consagrado mundialmente. Ao longo desta
trajetória, a empresa sempre teve como missão ser um canal eficiente para seus
fornecedores na distribuição de produtos aos clientes profissionais, com a melhor
oferta. Para tanto, trabalha com dedicação para preservar a competitividade do
pequeno e médio comerciante, pois acredita que isto é importante para a indústria e
para a economia do país.

O Makro emprega, diretamente, 5,4 mil brasileiros e possui hoje 63 lojas, nas quais
atende 125 mil clientes por dia em 21 estados e no Distrito Federal, com planos de
abrir mais 2 unidades neste ano, em Presidente Prudente (SP) e Campos de
Goytacazes (RJ), e fechar 2008 com 65 lojas.
Sobre o foco da atuação no Brasil

O Makro oferece mais de 12,7 mil itens, firmando-se como um dos principais
intermediadores na venda de produtos com preços e condições competitivas para
empreendedores de todo o país.

Com uma sólida rede de parceiros, composta por cerca de 2 mil fornecedores, e com
uma rede de lojas estrategicamente distribuídas pelo país, a empresa atua como um
dos mais eficientes distribuidores do Brasil, oferecendo baixo custo e alta capilaridade,
o que garante recordes de volume de distribuição em alimentos e produtos não-
alimentares, além de combustíveis por meio da Rede de Postos Makro /BR.

Sobre o movimento de consolidação do varejo brasileiro

O momento positivo da economia brasileira tem sido um propulsor para o


desenvolvimento do setor atacadista. Acreditamos no potencial de crescimento do
Brasil e queremos fazer parte deste progresso, com o compromisso de abastecer o
pequeno e o médio comerciante, contribuindo, assim, para o desenvolvimento
econômico e industrial do país. O setor atacadista é um importante parceiro da
indústria, pois atua estrategicamente como um elo da cadeia de distribuição,
facilitando o acesso dos produtos ao cliente final. Neste sentido, oferecemos aos
nossos fornecedores condições únicas de distribuição – com baixo custo e presença
em todo o país.

É natural o acirramento competitivo que aconteceu nos últimos anos. Porém, o Makro
acredita na sua proposta de valor: de ser o canal de abastecimento em que os clientes
profissionais encontram tudo de que necessitam, em um só lugar e com o melhor
preço. Por esse motivo, tem um posicionamento bastante diferente do que o da
concorrência, pois está focado no público de clientes profissionais oferecendo
formatos de embalagens diferenciados e preços adequados e competitivos.

Atualmente, mais de 80% das vendas da companhia são provenientes deste público e
isso não vai mudar. Não sucumbimos a tentação de mudar nosso modelo de negócios
para o “atacarejo”, que é um formato de loja de varejo, mas de baixo custo operacional
cujo público-alvo é o consumidor final de classes menos favorecidas da sociedade – o
que inclusive seria incoerente com a nossa missão já que o modelo de “atacarejo”
compete diretamente com os nossos clientes comerciantes de alimentos.

Por isso, o Makro reforça seu compromisso em continuar investindo firmemente em sua
operação brasileira, reforçando sua solidez e pautando seu crescimento.

Sobre Novos Negócios

O Makro está atuando em novos negócios, para atingir clientes que atualmente não
compram nas suas lojas. Além do tradicional auto-serviço, o modelo de negócios da
rede possui outras três frentes: (1) Televendas, ampliação da atividade atual por meio
de telemarketing ativo e receptivo para clientes cadastrados. A principal novidade é a
expansão do canal para a venda de não-alimentos, para eletrodomésticos e eletrônicos,
a fim de suprir a necessidade de entrega de produtos em regiões distantes de grandes
centros. (2) Delivery, para entregas de produtos aos clientes do setor de food service
(Hotéis, Restaurantes, Cafeterias e afins), com volume de compra mais elevado e (3)
Contas Nacionais, para clientes corporativos (cadeia de hotéis, restaurantes e grandes
empresas), com contrato para atendimento nacional e customizado, de acordo com as
necessidades do cliente.

Além disso, a rede foi pioneira na importação de novos produtos quando chegou ao país
e, no ano em que comemora 36 anos, retoma essa tradição de oferecer uma
experiência nova e diferenciada aos seus clientes. Por isso lançou outubro, o espaço
Speciale Adega & Emporium, em sua primeira loja instalada no país em 1972, a de
Vila Maria, com foco no público de food service.

O Makro também quer avançar no varejo de combustíveis. O grupo, que foi pioneiro
ao inaugurar seu primeiro posto no país em 1974, hoje possui postos em 26 das 63 lojas
espalhadas pelo país. Até o ano passado, todas as unidades operavam com a bandeira
BR. Agora, para acelerar a expansão, a idéia é investir também na marca própria e a
expectativa da empresa é chegar a 40 postos Makro até o final de 2009.

Cartão Makro

Em 2008 também, a rede lançou o Cartão Makro, em parceria com o Banco ibi, nas
versões private label e cartão de crédito, com emissão instantânea em lojas do Makro
espalhadas pelo país. O novo cartão possibilita aos clientes realizar compras, com
possibilidade de pagamento em até 40 dias sem juros ou com parcelamentos.

PERGUNTAS & RESPOSTAS

I. Obra e localização estratégica

1. Quanto tempo vocês levaram para construir a loja?

R: Foram necessários 61 dias para a construção da loja.

2. Por que inaugurar uma loja em Porto Velho? O que essa loja representa
para o Makro?

R:. O Makro, maior atacadista brasileiro de auto-serviço, vai abrir nesta sexta-feira dia
31 de outubro, sua 63ª loja no país, em Porto Velho, a 4ª loja da Região Norte, dentro
da estratégia da rede de expandir seus negócios no interior do país e nas capitais em
que não está presente.

A instalação do Makro em Porto Velho é um avanço importante da presença da


companhia na Região Norte do país.

3. O espaço da Loja Makro de Porto Velho é próprio ou alugado?

R: O espaço do Makro é próprio. A aquisição do imóvel faz parte de um


investimento total de R$ 15 milhões que realizamos para abrir a nova loja, com
aquisição do terreno, construção e instalação da loja.
II. Concorrência

4. O Makro possui algum concorrente na cidade? De que maneira vocês


enxergam essa concorrência?

R: Não falamos sobre a concorrência.

Acreditamos no potencial da região e confiamos, acima de tudo, na proposta de


valor do Makro: de ser o canal de abastecimento em que os clientes profissionais
encontram tudo de que necessitam, em um só lugar e com o melhor preço.

O Makro também tem um posicionamento bastante diferente do que o da


concorrência: sempre operou majoritariamente no modelo auto-serviço, focado no
público de clientes revendedores e transformadores de alimentos – pequenos e
médios comerciantes que usam a infra-estrutura das lojas para acesso a alimentos
perecíveis e não-perecíveis e não-alimentos de qualidade garantida, com a melhor
oferta. Atualmente, mais de 80% das vendas da companhia são provenientes
deste público e isso não deve mudar.

Já outros mercados apostam no formato que se convencionou chamar de “atacarejo”


– infra-estrutura semelhante à ofertada pelo modelo de atacadista “puro”, mas
especialmente voltado para o consumidor final.

III. Investimentos e geração de empregos

5. Quanto o Makro investiu nessa nova loja? E em quanto tempo vocês


esperam recuperar esse investimento?

R: Investimos R$ 15 milhões no terreno, na construção e instalação da nova loja e


R$ 6 milhões em mercadorias. Não falamos sobre o ROI e nem sobre o
faturamento das lojas.

6. Quantos empregos serão gerados?

R: Estimamos a geração de aproximadamente 250 empregos entre diretos e indiretos.

IV. Perspectivas e economia local

7. Quais as expectativas para a Loja do Makro em Porto Velho?

R: A nova loja, que pretende atender 500 mil habitantes e está estrategicamente
localizada para atender outras cidades da região, como: Lábrea, Canutama,
Humaitá, Machadinho d'Oeste, Cujubim, Itapuã do Oeste, Candeias do Jamari,
Acrelândia, Alto Paraíso, Buritis, Nova Mamoré e departamento do Pando-Bolívia.

Ao longo desta trajetória, a empresa sempre teve como missão ser um canal
eficiente para seus fornecedores na distribuição de produtos aos clientes
profissionais. Para tanto, trabalha com dedicação para preservar a competitividade
do pequeno e médio comerciante, pois acredita que isso é importante para a
indústria e para a economia do país.
Acreditamos muito no potencial de crescimento do comércio de Porto Velho e
temos certeza de que a proposta de valor do Makro está adequada ao perfil de
consumo local. As expectativas são as melhores possíveis.

8. Vocês já têm uma estimativa de movimento na nova loja?

R: A loja espera receber cerca de 2 mil clientes profissionais por dia.

9. Qual a perspectiva de ticket médio para Porto Velho?

R: Não podemos informar esse número, por orientações das políticas internas
da companhia.

10. O Makro divulga que tem uma rede composta por cerca de 2 mil
fornecedores. Vocês trabalham com parceiros locais? No caso de Porto
Velho, quais seriam?

R: Sim, sempre trabalhamos com fornecedores locais. Neste momento, por uma
questão de confidencialidade que visa assegurar uma melhor negociação
comercial, não divulgaremos esta informação.

Reforçamos que o Makro sempre mantém parcerias com fornecedores locais, pois é
um compromisso da rede com os clientes e com o fortalecimento da economia local.

11. O Makro desenvolverá algum trabalho social na região? Possui alguma


ação sócio-ambiental?

R.: O Makro possui um trabalho de inclusão social de pessoas com deficiência,


para trabalharem registrados em suas lojas e já superou 20% da cota no país.

Além do cumprimento das normas legais e básicas de segurança, de saneamento,


esgoto, as lojas do Makro são instaladas com um telhado construído de forma
estratégica para o melhor aproveitamento possível da luz do Sol. Além disso, o modelo
de negócios da companhia não utiliza sacolas plásticas para transporte de mercadorias.

Mais Informações | FSB Comunicações

Dario Vedana Rafael Faro


dario.vedana@fsb.com.br rafael.faro@fsb.com.br
11 8383.2683 11 8757.7995
11 3061.9596 11 3061.9596