Você está na página 1de 25

Análise sintática:

Predicado
ANÁLISE SINTÁTICA
Analisar sintaticamente uma oração
significa dividi-la em partes e estudar a
relação existente entre elas. Dessa forma,
torna-se possível determinar a função que
cada termo exerce na oração.
Termos essenciais da oraçã0
Em toda oração existem dois
componentes fundamentais: o sujeito
e o predicado. A relação entre eles é
de interdependência, já que um
depende do outro.
1.
Predicado
Predicado é aquilo que se declara a
respeito do sujeito. Nele é obrigatória
a presença de um verbo ou locução
verbal. Quando se identifica o sujeito
de uma oração, identifica-se também o
predicado.
Noção de predicado
Tudo o que difere do sujeito numa oração é o seu predicado.

O pássaro [voa].
[Choveu durante a noite].
Maria [comprou as flores].
Pedro [depende da mãe].
Nós [enviamos as flores para a professora].
A nova ponte [está pronta].
Massa e Peres [são professores].
2.
Predicação verbal
É o estudo dos verbos e de seus
complementos. É a força significativa
do verbo em relação à oração.
Quanto à predicação, os verbos podem
ser:
2.1
Intransitivos
São verbos autossuficientes; ou seja seu
significado é completo. Ele não exige
nenhum complemento.
Verbo Intransitivo
Não exige nenhum complemento.
não necessita de
argumentos
O pássaro voa.
Sujeito: O pássaro
Núcleo do sujeito: pássaro
Classificação: sujeito simples
não necessita de circunstância de
argumentos tempo

Choveu durante a noite.


Sujeito: -
Núcleo do sujeito: -
Classificação: oração sem sujeito
2.2
Transitivos
São verbos que precisam de um elemento
que lhe complete o significado; ou seja,
exige um complemento.

Maria comprou …
Pedro depende …
Nós enviamos …
Transitivo Direto
Completado por um termo que se liga a ele sem preposição obrigatória.
Esse complemento é chamado de objeto direto.
objeto direto

Maria comprou as flores.


Sujeito: Maria
Núcleo do sujeito: Maria
Classificação: sujeito simples

Para identificar o objeto direto da oração, basta perguntar, depois do


verbo: O QUÊ?

Maria comprou O QUÊ? - as flores.

Quem compra, compra alguma coisa. Logo, as flores é o objeto direto.


Transitivo Indireto
É aquele verbo cujo sentido é completado por um termo que se liga a ele
de maneira indireta, isto é, com preposição obrigatória. Esse
complemento é chamado de objeto indireto.
objeto indireto

Pedro depende da mãe.


Sujeito: Pedro
Núcleo do sujeito: Pedro
Classificação: sujeito simples

Para identificar o objeto indireto da oração, basta perguntar, depois do


verbo: DO QUÊ/A QUÊ/A QUEM/PARA QUEM?

Pedro depende DO QUÊ? - da mãe.

Quem depende, depende de alguma coisa ou de alguém. Logo, da mãe é


o objeto indireto.
Bitransitivos (direto e indireto)
É aquele cujo sentido é completado por dois termos ao mesmo tempo:
um que se liga ao verbo diretamente (objeto direto) e outro que se liga a
ele por meio de uma preposição (objeto indireto).
objeto direto objeto indireto

Nós enviamos as flores para a professora.


Sujeito: Nós
Núcleo do sujeito: Nós
Classificação: sujeito simples

Nós enviamos O QUÊ? - as flores PARA QUEM? - para a professora.

Quem envia, envia alguma coisa para alguém. Logo, as flores é o objeto
direto e para a professora é o objeto indireto.
2.3
Ligação
Os verbos de estado são simplesmente verbos
de ligação. Eles servem apenas para ligar
atributos ao sujeito.

Alguns verbos que podem ser de ligação: ser,


estar, continuar, permanecer, ficar, andar,
parecer.
Ligação
Servem apenas para ligar atributos ao sujeito na função de predicativo
do sujeito. Também podem ligar atributos a objetos diretos e indiretos.
predicativo do
sujeito
A nova ponte está pronta.
Sujeito: A nova ponte
Núcleo do sujeito: ponte
Classificação: sujeito simples predicativo do
sujeito
Massa e Peres são professores.
Sujeito: Massa e Peres
Núcleo do sujeito: Massa, Peres
Classificação: sujeito composto

Predicação Verbal é o resultado da ligação
que se estabelece entre o verbo e os
seus complementos.
3.
Tipos de predicado
Para compreendermos os tipos de
predicado existentes na Língua
Portuguesa, temos, primeiramente,
temos que identificar o núcleo do
predicado.
3.1
Predicado verbal
O predicado verbal constitui-se de um
verbo ou locução verbal que expressa
a ideia de ação. Este verbo pode ser
transitivo ou intransitivo.
Predicado verbal
Quando o seu núcleo é constituído de um verbo ou locução verbal.
objeto direto

Maria comprou as flores.


Sujeito: Maria
Núcleo do sujeito: Maria
Classificação: sujeito simples
Verbo: Transitivo Direto
Objeto Direto: as flores

→ Verbos de ação e fênomenos naturais (transitivos e intransitivos) têm


núcleo constituído de verbo.
Portanto, COMPROU AS FLORES - núcleo COMPROU - predicado
verbal.
3.2
Predicado nominal
É formado por um verbo de ligação e
um predicativo do sujeito. O predicado
nominal nos informa algo a respeito do
sujeito. Indica um estado ou uma
qualidade do sujeito.
Predicado nominal
Quando seu núcleo é constituído de um nome (adjetivo). O núcleo do
predicado nominal é o predicativo do sujeito.
predicativo do
sujeito
A nova ponte está pronta.
Sujeito: A nova ponte
Núcleo do sujeito: ponte
Classificação: sujeito simples
Verbo: Ligação
Predicativo do sujeito: pronta

→ Verbos de estado (ligação) têm núcleo constituído de adjetivo.


Portanto, ESTÁ PRONTA - núcleo PRONTA - predicado nominal.
3.3
Predicado verbo-nominal
É formado por um verbo significativo
(ação - transitivo ou intransitivo), mais
o predicativo do sujeito.
O predicado verbo-nominal nos dá
duas informações: ação e estado.
Predicado verbo-nominal
Possui dois núcleos: um constituído de um verbo e um nome (adjetivo).
predicativo do
sujeito
A criança brincava distraída.
Sujeito: A criança
Núcleo do sujeito: criança
Classificação: sujeito simples
Verbo: Intransitivo
Predicativo do sujeito: distraída.

A criança brincava.
A criança estava distraída.
→ O núcleo do PV-N é o verbo e o predicativo (adjetivo). Portanto,
BRINCAVA DISTRAÍDA - núcleo BRINCAVA, DISTRAÍDA - predicado
verbo-nominal.

O tipo de predicado depende do núcleo constituído e da
predicação verbal. Verbos transitivos e intransitivos, o
predicado será verbal. Verbos de ligação, o predicado
será nominal. Na união dessas duas condições teremos o
predicado verbo nominal.
Aplicação Prática
Analise as orações abaixo, identificando a predicação verbal e seus
complementos:

▧ O poeta escreveu seus versos.


▧ O desfile das escolas foi maravilhoso.
▧ Eu pedi ajuda aos professores.
▧ O bebê adormeceu.
▧ A chuva caía fina.
▧ Preciso de dinheiro.
Aula Digital
Fique à vontade para
capturar esta aula!
Prof Marina Ferreira.