Você está na página 1de 4

A evolução das máquinas

fotográficas
Em 1888 o inventor George Eastman registrou a
câmara fotográfica kodak.
Eram instrumentos pesados, muito caros, a que
poucos tinham acesso. Quando se queria uma fotografia
bem tirada, que ficasse para a posteridade, as famílias
inteiras dirigiam-se a um profissional.

As primeiras máquina fotográficas


Os primeiros aparelhos fotográficos baseavam-se no
princípio da câmara escura. Consistiam em duas caixas
retangulares de madeira que resvalavam uma na outra
para focar a
imagem, com
uma abertura
para a
objetiva e um
lugar para a
placa
fotográfica.
A primeira câmara de duas objetivas, com lentes
interligadas de foco simultâneo, foi fabricada a partir de
1880 por R. & J. Beck.
Dois anos depois, o inglês George Hare construiu um
protótipo de uma câmara de fole. Depois seguiram-se anos
de aperfeiçoamento que estavam muito dependentes do
desenvolvimento das lentes e dos rolos fotográficos.
Em 1888, S. McKellen registrou a patente da primeira
máquina "reflex". Neste aparelho, o espelho deslocava-se
automaticamente durante a exposição, estando ligado a
um obturador de cortina.
No mesmo ano, a 4 de
dezembro, George Eastman,
nos EUA, registrou a
famosa máquina kodak, que
continha já um rolo fotográfico
de 6,35 cm de largura,
permitindo assim conseguir 100
exposições em forma de círculo.
Quando o rolo acabava, a câmara tinha de ser levada
ao fabricante, onde era aberta e se fazia então a
revelação. No final tornava a ser recarregada, lacrada e
devolvida ao cliente.
Em 1900, a Eastman
Kodak lançou
a Brownie – a primeira
máquina fotográfica
verdadeiramente ao
alcance de toda a gente.
As fotografias tinham já
alguma qualidade para a
época, 6x6cm de
formato e nasciam sobre rolo de filme em cassete.

A partir desta altura, o invento estava praticamente


finalizado, muito semelhante ao que conhecemos hoje,
embora com alguns refinamentos. As objetivas tornaram-
se mais rigorosas e a facilidade de revelação dos rolos
tornou-as mais apelativas.

Alguns exemplos desta evolução:

Zeiss Ikon – 1934-1941 – Alemanha

Reflex-Korelle – Franz Kochmann – 1935 – Alemanha


Anniversary Speed Graphic (1940-46) e Pacemaker Speed
Graphic (1947-73) – Folmer & Schwing M fg. Co – USA

Rolleiflex Automat (1937-1949); e Rolleiflex 3.5 F (1969-


80) – Framke & Heidecke – Alemanha

Minolta 110 Zoom SLR – Minolta – 1976 – Japão

Canon AE 1 Program* – Canon – 1981 – Japão

nikon D80; Canon EOS 400D; Sony Alpha DSLR-A 100


(digitais reflex 35mm, 10 megapixeis) – 2006 – Japão
(foto – www.dpreview.com)