Você está na página 1de 3

GRUPO IDOSOS DO BPC

NOEMI SOUSA TORRES


PSICOLOGA CRP 23/1111

CARIRI-TO
10 DE JANEIRO DE 2017
Introdução

O Cras (Centro de Referencia de Assistência Social) é uma unidade publica estatal


localizado em áreas com maiores índices de vulnerabilidade e risco social, destinado ao
atendimento socioassistencial de famílias.

Presta serviços continuados de Proteção Social Básica de Assistência Social para famílias,
seus membros e indivíduos em situação de vulnerabilidade social, por meio do PAIF tais
como: acolhimento, acompanhamento em serviços socioeducativos e de convivência ou
por ações socioassistenciais, encaminhamentos para a rede de proteção social existente
no lugar onde vivem e para os demais serviços das outras políticas sociais, orientação e
apoio na garantia dos seus direitos de cidadania e de convivência familiar e comunitária;

• Articula e fortalece a rede de Proteção Social Básica local;

• Previne as situações de risco no território onde vivem famílias em situação de


vulnerabilidade social apoiando famílias e indivíduos em suas demandas sociais,
inserindo-os na rede de proteção social e promover os meios necessários para que
fortaleçam seus vínculos familiares e comunitários e acessem seus direitos de cidadania. 

O Benefício de Prestação continuada da Assistência Social - BPC foi instituído pela


Constituição Federal de 1988 e regulamentado pela Lei Orgânica da Assistência
Social – LOAS. 
           O BPC é um benefício da Política de Assistência Social, que integra a Proteção
Social Básica no âmbito do Sistema Único de Assistência Social – SUAS e para
acessá-lo não é necessário ter contribuído com a Previdência Social. É um benefício
individual, não vitalício e intransferível, que assegura a transferência mensal de 1 (um)
salário mínimo ao idoso, com 65 (sessenta e cinco) anos ou mais, e à pessoa com
deficiência, de qualquer idade, com impedimentos de longo prazo, de natureza física,
mental, intelectual ou sensorial, os quais, em interação com diversas barreiras, podem
obstruir sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com
as demais pessoas. 

Justificativa

Justifica se a importância desse projeto no que refere ao acompanhamento dos idosos


beneficiários do BPC garantindo o acesso aos seus direitos , como também o fortalecimento
dos vínculos familiares ,sociais , prevenindo situações de risco social.

O grupo terá a participação dos usuários Cras que recebem o beneficio socioassistencia BPC,
que muitos casos ficam isolados sozinhos , e precisam ses socializxar mantendo uma saúde
mental plena.
O grupo vaiO CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) do município de
Lebon Régis, através dos profissionais de Psicologia e Serviço Social, visa
trabalhar de forma grupal, com os usuários que recebem o BPC, procurando
desta forma fortalecer os vínculos familiares e comunitários, prevenindo
situações de risco. 
         No grupo do BPC, participam usuários do CRAS que vem recebendo o
benefício por meio da Previdência Social, e que apresentam problemas que
dificultam o desenvolvimento de suas atividades diárias e, conseqüentemente,
estão incapacitadas de atingir seus objetivos de vida, cumprir seus papéis sociais
e participar inteiramente da vida. O grupo reúne-se semanalmente com o
objetivo de resgatar a auto-estima, promover a socialização, pois muitos
usuários acabam isolando-se, atrás de sua própria doença. Desta forma, o
trabalho em grupo, auxilia no resgate social, promovendo o bem-estar mental. 
          No grupo, também são feitos encaminhamentos para a rede de serviços
(saúde, educação, cultura, entre outros) existentes no município. Os usuários
recebem também orientação, quanto a questões de saúde e bem estar social. O
grupo participa de atividades diversas, assim como jogos educativos, vídeos
motivacionais, e demais dinâmicas sempre com intuito de resgatar a auto-
estima e integrar os usuários à sociedade.