Você está na página 1de 2

CASA FERNANDO PESSOA COLÓQUIOS

SESSÕES DE LEITURA DE POESIA CASA FERNANDO


Morada
Rua Coelho da Rocha, 16
1250-088 Lisboa - Campo de Ourique
ENCONTROS DE ESCRITORES
ESPECTÁCULOS MUSICAIS E DE
TEATRO
PESSOA
Contactos CONFERÊNCIAS TEMÁTICAS
Telef.: +351 21 391 32 70 WORKSHOPS
e-mail: cfp@cm-lisboa.pt
casafernandopessoa.cm-lisboa.pt EXPOSIÇÕES DE ARTES
mundopessoa.blogs.sapo.pt
Fachada Entrada PLÁSTICAS
SESSÕES DE APRESENTAÇÃO DE
Horário:
Segunda a sábado, das 10:00 às 18:00 LIVROS
Biblioteca ATELIÊS PARA CRIANÇAS
Segunda a sexta, das 10:00 às 18:00

Biblioteca Quarto

Biblioteca de Poesia
Auditório Área de Exposições 1
Biblioteca Pessoal
Quarto de Fernando Pessoa
Espólio do poeta
Visitas Guiadas
Serviço Educativo
Área de Exposições 2
UM UNIVERSO PLURAL UMA CASA ABERTA AO MUNDO REUNIR MAIS VOZES À VOLTA DOS
LIVROS

Inaugurada em Novembro de 1993, a A arquitectura da Casa Fernando Pessoa Encontra-se aí ainda a máquina de escrever A biblioteca, que ocupa uma parte do piso
Casa Fernando Pessoa foi concebida pela transporta-nos ao “labirinto pessoano” e à que pertenceu a um dos escritórios onde térreo e do 1º piso, e é constituída por três
Câmara Municipal de Lisboa como um melancolia e frieza da sua vida sentimen- Pessoa trabalhou como tradutor. Foi nela núcleos essenciais: a biblioteca particu-
centro cultural destinado a homenagear tal aqui representada pela utilização do que Fernando Pessoa escreveu grande lar de Fernando Pessoa (cerca de 1200
Fernando Pessoa e a sua memória na ci- branco. parte dos poemas do seu heterónimo Álva- títulos), adquirida à família do poeta; a
dade onde viveu e no bairro onde passou os ro de Campos. O quadro de Fernando Pes- biblioteca pessoana activa e passiva, onde
seus últimos quinze anos de vida, Campo soa que se encontra no quarto é o único em se encontra quase tudo o que foi escrito
de Ourique. que Fernando Pessoa esteve presente (o por e sobre Pessoa; e um fundo de poesia
autor é Rodrigues Castañé). portuguesa e estrangeira. Há condições
Possuindo um auditório, jardim, salas de especiais para investigadores da obra de
exposição, objectos de arte, uma biblioteca Fernando Pessoa.
exclusivamente dedicada à poesia, além de
uma parte do espólio do poeta (objectos e É igualmente nesse espaço que está
mobiliário que pertenceram ao poeta e que O último quarto de Fernando Pessoa está exposto o Retrato de Fernando Pessoa,
são actualmente património municipal), situado no 1º piso, e encontra-se reconsti- pintado por José de Almada Negreiros em
a Casa Fernando Pessoa é um pequeno tuído tal como era em vida do poeta, com 1954 para o café Os Irmãos Unidos, poste-
universo polivalente onde, nos seus três alguns móveis que lhe pertenceram e que riormente vendido em leilão e mais tarde
pisos principais, se realizam colóquios, o acompanharam ao longo de uma vida oferecido à Câmara Municipal de Lisboa
sessões de leitura de poesia, encontros de mudanças de habitação – dezasseis no por Jorge de Brito.
de escritores, espectáculos musicais e de total. Neste quarto encontra-se a cómoda
teatro, conferências temáticas, workshops, onde Fernando Pessoa terá escrito, na
exposições de artes plásticas, sessões noite de 8 de Março de 1914, três dos seus
de apresentação de livros, ateliers para poemas maiores: O Guardador de Rebanhos,
crianças, numa programação o mais pos- de Alberto Caeiro, A Chuva Oblíqua, de Fer- Ao longo da sua visita pode também en-
sível diversificada. nando Pessoa, e a Ode Triunfal, de Álvaro contrar, além de exposições temporárias
de Campos. e temáticas várias obras de artistas con-
temporâneos (Júlio Pomar, Costa Pinheiro,
José de Guimarães, Bartolomeu dos San-
tos, Renato Cruz) ou o abat-jour planificado
com desenhos e poemas de autores como
Bertina Lopes, A.M. Couto Viana, Cruzeiro
Seixas, David Mourão Ferreira, Fernanda
Botelho, Mário Cesariny e Martins Correia.