Você está na página 1de 22

ORÇAMENTO

Custo de material e equipamentos


MATERIAIS

Súmário
EQUIPAMENTOS

ESTUDO DE CASO
CUSTO DE MATERIAL
Cotação de insumos:
• Especificações técnicas;
• Unidade e embalagem;
• Quantidade;
• Prazo de entrega;
• Condições de pagamento;
• Validade da proposta;
• Local e condições de entrega;
• Despesas complementares: frete, impostos, etc.
ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Descrição qualitativa do material com


informações de :
• Dimensões;
• Peso;
• Resistência;
• Outros parâmetros de caracterização.
UNIDADE E EMBALAGEM

Registrar o tipo de embalagem em que o


material deve vir acondicionado, pois isto
influi no preço.
QUANTIDADE

Informar no pedido de cotação a quantidade


que se adquire do produto a fim de facilitar
algum tipo de barganha ou para se verificar a
disponibilidade da quantidade solicitada.
PRAZO DE ENTREGA

O período entre o pedido de entrega e a


entrega do material é de capital importância,
principalmente quando se trata de produto
especial.
CONDIÇÕES DE PAGAMENTO

Especificar que tipos de facilidade o


fornecedor concede em termos de prazos
para pagamento.
VALIDADE DA PROPOSTA

Tempo de validade especificado pelo


fornecedor às propostas realizadas a
empresa.
LOCAL E CONDIÇÕES DE ENTREGA

Identificar o local de entrega e o que está


embutido no preço. Utiliza-se as siglas FOB e
CIF para determinação deste preço.
PREÇO FOB

“FREE ON BORD = livre a bordo” é aquele


que inclui a mercadoria simples,
disponibilizada no local de fabricação ou
armazenamento.
PREÇO CIF

“COST, INSURANCE AND FREIGHT =


custo, seguro e frete” é aquele que inclui a
mercadoria e os custos de seguro e frete.
INCONTERMS

“INTERNATIONAL COMMERCIAL TERMS”


usadas quando existe a importação de
materiais, componentes e equipamentos.
EXEMPLO DE TABELA DE INCONTERMS
EXEMPLO DE DINÂMICA COM PRESENÇA DE
INCONTERMS
DESPESAS COMPLEMENTARES

São as despesas que entram, quando o


vendedor não se compromete com a entrega
da mercadoria no canteiro de obras, como
custo de aquisição. Devem ser adicionadas as
parcelas restantes de custo.
DIFERENCIAL DE ALÍQUOTAS DE ICMS

Devem ser levadas em consideração quando


o produto adquirido é de outro Estado.
Deve-se então recolher a diferença de ICMS
(Imposto sobre Circulação de Mercadorias e
Serviços) entre dois Estados.
EXEMPLO DE ALÍQUOTAS DE ICMS
COMPARAÇÃO DE COTAÇÕES

Necessária pois as cotações de preços


obtidas de dois fornecedores podem não
estar numa mesma base de informações, o
que dificulta a comparação entre elas.
EXEMPLO DE COMPARAÇÃO DE COTAÇÕES
Referências Bibliográficas
Mattos,Aldo Dórea; Como preparar orçamentos de obras: dicas para
orçamentistas, estudos de caso, exemplos / Aldo Dórea Mattos. - São
Paulo: Editora Pini, 2006

ADD SUAS REFERENCIAS E DESTAQUE


OBRIGADO!