Você está na página 1de 2

Energia Cinética

Energia é a capacidade de produzir algum tipo de movimento ou


funcionamento. Dizemos que a energia do universo é constante, ou seja, a energia é
transformada de uma forma em outra.
Exemplo: Um automóvel ao se mover transforma a energia química do
combustível em movimento de energia cinética.

A variação de energia de um ponto A para um ponto B nos traz o trabalho ( δ )


realizado.
Energia Cinética: EC = m. V 2 / 2 ( onde m=massa e V=velocidade)

∆EC = δ AB = m. VB 2 / 2 (final) - m. VA 2 / 2 (inicial)


O trabalho total das forças atuantes numa partícula é igual à variação da
energia cinética.
Exemplo I:
Um bloco de massa m = 4 kg é abandonado em uma rampa e passa pelo ponto
A com velocidade VA = 3,0 m/s e pelo ponto B com VB = 8 m/s. Durante o movimento
o bloco esteve sob a ação de duas forças: o peso e o atrito, sendo g = 10m/s 2,
calcule o trabalho de A até B.

EC = m. V 2 / 2  ECA = m. V 2 / 2  4,0 x 3,0 2 / 2 = 18 Joules

 ECB = m. V 2 / 2  4,0 x 8,0 2 / 2 = 128 Joules

Trabalho do Peso: δ = P . h  δ = m. g. h (onde h = altura)

δ = 4,0 x 10,0 x 5,0 = 200 Joules

δ total = δ FA + δ P = m. VB 2 / 2 - m. VA 2 / 2

δ FA + 200 = 128 - 18

δ FA = - 90 Joules
Exemplo II:
Um bloco de massa m = 6,0 kg tem movimento sobre uma superfície horizontal,
sendo a força F a resultante das forças atuantes. A força F tem intensidade variável
de acordo com o gráfico e passa em D= 0m com velocidade inicial V0 = 5m/s. Calcule
a velocidade no ponto D=8m e a força média no percurso.

O trabalho ( δ ) é dado pela área do gráfico F x D:


Área ( δF ) = ( 8x 30 ) + ( 4 x 30 / 2 ) = 300 J
Aplicando na equação da energia cinética:
δF = m. VFinal 2 / 2 - m. V0 2 / 2  300 = 6,0 x VF2 / 2 – 6,0 x 5,02 / 2 =
VF = 11,18 m/s

Calculo da Força:
Δ = F . D  F = δ / D  300 / 8  F = 37,5 N

Energia Potencial

Um corpo ao ser abandonado em uma determinada altura tende a cair para um


nível abaixo. A energia potencial é calculada pelo produto entre a massa do corpo, a
aceleração da gravidade e a altura da queda.

EP = m. g. h ( e que é igual ao trabalho δ )

Energia Mecânica

A energia mecânica é a soma das energias Cinética e potencial e que será


sempre constante.

EM = EC + EP (Princípio da conservação de energia).

m. VA 2 / 2 + m . g . hA = m. VB 2 / 2 + m . g . hB