P. 1
Química - Pré-Vestibular Impacto - Fatores que Alteram o Delta H

Química - Pré-Vestibular Impacto - Fatores que Alteram o Delta H

4.5

|Views: 11.166|Likes:
Publicado porQuímica Qui

More info:

Published by: Química Qui on Jun 26, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/09/2014

pdf

text

original

FATORES QUE ALTERAM O ∆H E O ESTADO PADRÃO

PROFº: JAIRO CUNHA

Frente: 03

Aula: 20

GE180807 (SF-M e N/ CN(N)

A ENTALPIA DE FORMAÇÃO
variação de entalpia (∆H) corresponde ao calor trocado pelo sistema e, ocasionalmente, pode ser medida por um calorímetro. O valor inicial e o final da entalpia, no entanto, não podem ser medidos de forma direta. Então, como conhecer, por exemplo, a entalpia de um mol de água, já que essa grandeza não pode ser medida de modo experimental? Para resolver situações desse tipo são criadas escalas que se apóiam em algum referencial; por exemplo, para a fusão da água na escala Celsius, é estabelecida temperatura zero. Entalpia (H)

A

Grafite

Diamante

Valendo-se dessa convenção, é possível conhecer a entalpia de qualquer substância composta; basta, para isso, que se determine, de forma experimental, o valor de ∆H da reação de formação de uma substância composta. Em resumo:
Subst. simples (no estado padrão) ⎯ ⎯→ subst.composta ∆H = ?

H2O (l ) ?
Não é possível medir diretamente a entalpia de uma substância

O valor de ∆H nesse tipo de entalpia denomina-se entalpia de formação, ou calor de formação, ou ainda entalpia padrão da substância composta pesquisada. Observe, a seguir, o exemplo da entalpia padrão de um mol de água líquida. Para isso, é preciso conhecer o valor de ∆H da reação de produção de água líquida a partir das substâncias simples H2 e O2 no estado padrão. De forma experimental, obtém-se o valor de ∆H: H2(g) +
1 O2(g) ⎯ ⎯→ H2O (l ) 2

De modo prático, pode-se pensar em entalpia como o conteúdo de energia de uma substância.

∆H = - 286 kJ (25 ºC, 1 atm)

Entalpia zero: um estado de referência
Por convenção, substâncias simples, no estado padrão, terão entalpia zero. Esse, então, é o valor de referência para escalas de entalpias. Estado Padrão: Estado físico e alotrópico mais estável. Condição ambiente: temperatura de 25 ºC e pressão de 1 atm.

Essa equação corresponde à entalpia de formação de um mol de água líquida. E, ao colocar suas informações em um diagrama, nota-se que a entalpia da água líquida vale – 286 kJ/mol, ou seja, é numericamente igual a seu respectivo calor de formação. Assim, é possível generalizar: A entalpia de uma substância composta é sempre numericamente igual a seu calor de formação Entalpia (H) kJ zero (convenção)
1 H 2( g ) + O2( g ) 2

Alotropia:
É o fenômeno em que um elemento químico constitui substâncias simples diferentes. Essas substâncias são denominadas formas alotrópicas, variedades alotrópicas ou estados alotrópicos. Nos estados alotrópicos, os elementos químicos apresentam importantes diferenças em sua estrutura molecular e em sua estabilidade. Exemplos: o gás oxigênio, O2, é mais estável que o ozônio, O3; o carbono grafite, C(graf.), é mais estável que o carbono diamante, C(diam.); o enxofre rômbico, S(rômb.), é mais estável que o enxofre monocíclico, S(mon.), e o fósforo vermelho, P(verm.), é mais estável que o fósforo branco, P(bco.).

Estado de referência ∆H formação = -286kJ

- 286

H2O (líquida) Entalpia de um mol de água líquida

A criação de uma referência – substância simples no estado padrão têm entalpia zero – permite calcular a entalpia de uma substância composta.

Fale conosco www.portalimpacto.com.br

Observe a seguinte tabela, que mostra a entalpia de várias substâncias. Os valores das entalpias das substâncias compostas foram obtidos por meio de suas respectivas entalpias de formação. Substância Na(s), Al(s), Fe(s) N2(g), H2(g), O2(g), C(graf.), S(rômb.) O3(g) C(diam.) S(mon.) NO2(g) HNO3 (l ) É possível, então, concluir que: Substâncias com entalpias positivas possuem maior conteúdo energético que as respectivas substâncias simples no estado padrão. Estados alotrópicos menos estáveis possuem entalpia maior que zero, com o carbono diamante, o enxofre monocíclico e o gás carbônico. Entalpia padrão (em kJ/mol) Zero Zero + 143 +2 + 0,3 + 34 - 174

c) Na produção de 1 mol de H2O (l ) há liberação de 286 kJ d) A entalpia de H2(g) é zero nas condições ambientes. e) O valor do ∆H da reação independe do estado físico do produto da reação. 04. (FUC-MT) Analisando o diagrama abaixo: Entalpia (kcal/mol) 0
S rômbico + 3 O2( g ) 2

- 71,0
SO2( g ) +

1 O2( g ) 2

-94,4 SO3(g) Podemos concluir que a entalpia de formação do SO3(g) é igual a: a) -94,5 kcal/mol. b) -94,4 kcal/mol. c) -71,0 kcal/mol. d) -23,4 kcal/mol. e) + 32,4 kcal/mol.

EXERCÍCIOS
01. Escreva a equação termoquímica referente à entalpia de formação das substâncias abaixo. Lembre-se de que o reagente deve apresentar as substâncias simples. Por exemplo: H2(g) +
1 O2(g) ⎯ ⎯→ H2O (l ) 2

05. Em relação à questão anterior, calcule o calor liberado na formação de 120 g de SO3. (Dados: S = 32u; O = 16 u) RASCUNHO:

Não é necessário saber o valor do ∆H; a) SO2(g). b) NO2(g). c) H2SO4 (l ) . d) Al2(SO4)3(s). e) C4H10(g). f) C6H12O6(s). 06. Escreva a reação de formação do KClO3(s) K(s) +
1 3 Cl2(g) + O2(g) ⎯ ⎯→ KClO3(s) 2 2

02. Das alternativas abaixo, qual apresenta a substância que, por convecção, possui entalpia zero a 25 ºC e 1 atm? a) Carbono diamante. b) Enxofre rômbico. c) Oxigênio gasoso. 03. Dado o diagrama: d) Fósforo vermelho. e) Ozônio.

∆H = -391 kJ

Construa o diagrama de entalpia RASCUNHO:

H reagentes

1 H 2( g ) + O2( g ) 2

∆H = - 286 kJ/mol H2O (l ) produto Assinale a alternativa FALSA: a) O diagrama indica uma reação exotérmica. b) O valor do ∆H da reação corresponde ao calor de formação de H2O (l ) .
Fale conosco www.portalimpacto.com.br

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->