P. 1
Manual de Gestao Rh Sebrae

Manual de Gestao Rh Sebrae

|Views: 15.224|Likes:

More info:

Published by: Klaus Wilhelm Breit Junior on May 07, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/01/2015

pdf

text

original

1

MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS PARA AS EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS

2

3

MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS PARA AS EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS

APRESENTAÇÃO

Na Era do Conhecimento em que vivemos, o capital humano passou a ser o centro da

gestão estratégica empresarial. Dessa forma, temas como Liderança, Retenção de Talentos,

Competências Individuais e outros passaram a fazer parte da agenda das empresas.

O departamento de Recursos Humanos hoje já não se preocupa somente com folha de

pagamento, contratação e rescisão, mas também em preservar a história da empresa, a

melhorar o desempenho dos colaboradores, a identificar o capital intelectual de cada um e,

ainda, buscar constantemente um bom ambiente de trabalho para todos.

As empresas de serviços contábeis também estão nesse contexto. Por estarem inseridas na

área de prestação de serviços, o capital humano torna-se ainda mais relevante para o sucesso

dos negócios. Até porque, o segmento é afetado permanentemente por mudanças legislativas,

tecnológicas, econômicas e tributárias, que dependem intrinsecamente do aprimoramento

pessoal.

Com o intuito de auxiliar as organizações contábeis a vencerem esse desafio relativo à gestão

estratégica de pessoas, o SESCON-SP coloca frequentemente o tema em pauta em palestras,

cursos, seminários, na Câmara Setorial de Contabilidade, além de outros projetos nesse sentido.

Este manual vem ao encontro desse objetivo, pois fornece informações valiosas para as

políticas empresariais com foco no capital humano da organização. Aproveitamos esta

oportunidade para agradecer o especialista no tema, Durval Luchetti, por compartilhar todo o seu

conhecimento conosco na formatação deste material.

Boa leitura a todos!

José Maria Chapina Alcazar
Presidente do SESCON-SP e da AESCON-SP

4

INTRODUÇÃO

Nas últimas décadas, muito se tem falado sobre a importância que as pessoas representam no

contexto empresarial. Parece não haver dúvidas de que esse quadro é definitivo. Mesmo empresas

de pequeno porte, até então relativamente distantes desse tema, hoje investem recursos significativos

para administrarem da melhor forma seus ambientes de trabalho. O objetivo é comum: reter pessoas

talentosas, aquelas que poderão fazer a diferença entre o sucesso e o fracasso nos negócios.

O que temos constatado nas organizações de todos os segmentos ou portes é que, no geral, todas

sabem “o que fazer” para alcançar esse estágio de desenvolvimento, mas, seguramente, nem todas

sabem o “como fazer”.

Nesse contexto, surgiu a oportunidade de desenvolvermos, em colaboração com o SESCON-SP, o

presente Manual de Gestão de Pessoas, especialmente desenhado para as empresas de serviços

contábeis.

Todas as políticas, melhores práticas de RH, bem como modelos de formulários apresentados nas

páginas do Manual de Gestão de Pessoas foram baseados em projetos de RH desenvolvidos em

empresas complexas, inclusive do setor contábil, além de pesquisas próprias e estudos acadêmicos.

O propósito maior do Manual de Gestão de Pessoas é oferecer aos empresários e profissionais

de RH do setor contábil, de maneira simples e prática, todas as ferramentas utilizadas nos diversos

subsistemas de RH, e principalmente, como implantá-las, passo a passo.

Essa é a nossa contribuição.

Durval Luchetti
Consultor em Recursos Humanos
WWW.dlrh.com.br
(11) 2642-2811

5

MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS PARA AS EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS

ÍNDICE

Capítulo

Tema

Página

IPLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE RECURSOS HUMANOS

7

Definindo Missão, Visão e Valores

7

1Indicadores gerais de recursos humanos

8

1.1Rotatividade

8

1.1.1Níveis ideais de rotatividade

8

1.1.2Formas de rotatividade

9

1.1.3Cálculo de rotatividade

9

1.2Absenteísmo

9

1.2.1Níveis adequados de absenteísmo

9

1.2.2Fórmula de cálculo

10

1.3Outros indicadores de RH

10

2Pesquisa de Clima Organizacional

10

2.1Fatores críticos de sucesso

11

2.1.1Elaboração do questionário

11

2.1.2Perfil da população

11

2.1.3Preparação

11

2.1.4Garantia de anonimato

11

2.1.5Tabulação

11

2.1.6Análise técnica

11

2.1.7Devolutiva

11

2.1.8Comitês

11

Tab 1Resultado da Pesquisa – modelo

12

Tab 2Rol de afirmações por tema – exemplos

13

IIRECRUTAMENTO E SELEÇÃO

15

1Conceitos de Recrutamento e Seleção

15

1.1Recrutamento

15

1.2Seleção

16

2A importância da seleção

16

3Os custos da má contratação

17

4Recrutamento interno

17

5Condução de entrevistas

19

5.1Entrevista em grupo

20

6Técnicas de entrevistas

20

6.1A entrevista com foco em competências

21

Tab. 1Entrevista comportamental com foco em competências - exemplos

22

7Integração social

24

IIIREMUNERAÇÃO

26

1Estrutura de Cargos e Salários

27

1.1Descrições de Cargos

27

1.2Descrição de Cargo – modelo

27

1.3Avaliação de Cargos

28

Tab. 1Escalonamento por comparação de pares

29

1.4Pesquisa salarial

29

Tab. 2Formulário de coleta - informações salariais

30

1.5Tabulação da pesquisa

30

Tab. 3Tabulação dos resultados da pesquisa

31

6

1.6Estrutura salarial

31

Tab. 4Tabela salarial

32

2Benefícios e facilidades

32

2.1O valor dos programas de benefícios

33

2.2Criando um programa de benefícios eficaz

33

2.3Benefícios flexíveis

34

Tab .5Rol de benefícios praticados por empresas em geral

35

3Remuneração variável (PLR ou PPR)

36

3.1A Lei da PLR

36

3.2A PLR na prática

37

3.3Pontos críticos de sucesso de uma PLR

37

3.4Como construir uma PLR

38

Tab. 6Perfil de uma PLR – Painel de Metas

38

4Política de Carreira

39

4.1Um modelo de trajetória de carreira – Empresas Serviços Contábeis

39

4.2Promoção lateral

40

Tab. 7Trajetória de Carreira

40

IVAVALIAÇÃO DE DESEMPENHO

41

1Avaliação de desempenho e programa de treinamento

42

2Preparo de avaliadores e avaliados

42

3Tendências a serem evitadas

42

4Planejamento da sessão de Avaliação de Desempenho

42

5Criando um modelo de Avaliação de Desempenho

43

Tab. 1Rol de competências (conhecimentos, habilidades e atitudes)

44

Tab. 2Folha de Avaliação de Desempenho Grupo Operacional – modelo

44

Tab. 3Folha de Avaliação de Desempenho Grupo Gestão - modelo

45

6Tabulação dos resultados

46

VTREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

47

1Levantamento de necessidades

47

2Programa de treinamento

48

Tab. 1Programa de treinamento – modelo

49

3Implementação

49

4Avaliação de treinamentos

50

4.1Avaliação de reação

50

Tab. 2Avaliação de reação – modelo

51

4.2Avaliação de eficácia

51

Tab. 3Avaliação de eficácia – modelo

51

VICOMUNICAÇÃO EMPRESARIAL

52

10 boas práticas de comunicação interna nas empresas contábeis

53

ANEXOManual de Integração e Código de Conduta

56

7

MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS PARA AS EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->