Você está na página 1de 2

Acácia Z.

Kuenzer é graduada em Pedagogia pela PUC/PR, Mestra em

Educação pela PUC/RS, Doutora em Educação: historia, política e sociedade


pela PUC/SP e atualmente Professora Sênior em Educação pela UFPR.

Pedagogia do Trabalho

Acácia não é mais uma jovem pedagoga, mas sua linha de pesquisa é
atualíssima e pouco divulgada.

Sua produção acadêmica trata fundamentalmente da relação entre


organização produtiva e educação.

Numa época em que proliferam os diagnósticos e técnicas de tratamento


para novas deficiências de aprendizado, parece-me extremamente interessante
refletirmos sobre a relação entre projeto político-pedagógico e as contínuas
mudanças em curso na organização produtiva e no mercado de trabalho?

Será que o conteúdo pedagógico que o profissional da educação


contempla no seu planejamento vem a atender o desenvolvimento do
educando como ser humano ou, antes disso, foi pensado e elaborado em
consonância com o a reorganização contínua do processo de acumulação de
capital e a crescente precarização do trabalho?

Em artigo publicado em abril de 2000 na Revista Educação e Sociedade,


entitulado “O ensino médio agora é para valer: entre o pretendido, o dito e o
feito”, o caráter aparentemente de “formação para a vida” do atual projeto
Político-pedagógico é desnudado e posto em confronto com as mudanças
ocorridas no processo produtivo e no mercado de trabalho. Vale muito a pena
ler e procurar entender o contexto mais global em que está inserida a educação
na sociedade atual.

1
Entre os livros publicados pela Professora Acácia, encontramos:
Planejamento e educação no Brasil, Pedagogia da fábrica, Ensino do 2° grau –
o trabalho como princípio educativo, Ensino médio: construir uma proposta
para os que vivem do trabalho.

Acácia atualmente coordena trabalho de pesquisa e produção científica


com financiamento do CNDCT (Conselho Nacional de Desenvolvimento
Científico e Tecnológico) com o seguinte tema: “A articulação entre
conhecimento tácito e inovação tecnológica nos arranjos flexíveis de
competências diferenciadas: a função mediadora da educação”.

Acesse a rede e conheça você mesmo o programa. Use sua ferramenta


de buscas preferida e mergulhe fundo na relação entre os mundos do trabalho
e do conhecimento. Mas pense que ao fazê-lo, você estará utilizando
conhecimentos e procedimentos científicos e tecnológicos que transformaram e
continuam a transformar profundamente a educação dos nossos dias.

07 de abril de 2009

Julio Dias