Você está na página 1de 4

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO

PRÓ-REITORIA DE ENSINO

ANEXO III DA RESOLUÇÃO Nº 1191-CONSEPE, de 03 de outubro de 2014.

PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO

PA No. : _______ VIGÊNCIA: 21/08/2018 a 18/12/2018

O Plano de Atividades de Estágio é uma exigência da Lei N o. 11.788, de 25 de setembro de 2008 e da Resolução Nº
1191-CONSEPE, de 03 de outubro de 2014, parte integrante e inalienável do Termo de Compromisso de Estágio, que
deve ser acordado e assinado entre as três partes abaixo qualificadas, com vista à análise e aprovação da
Coordenadoria de Estágio do Curso.

1-IDENTIFICAÇÃO
NATUREZA DO ESTÁGIO
OBRIGATÓRIO (O) NÃO-OBRIGATÓRIO (NO)

ESTAGIÁRIO/ESTUDANTE
Nome: Rayssa Santos Barbosa Matrícula UFMA: 2015024227
Curso: Pedagogia Turno: Vespertino
Telefone(s): 98 991233712 E-mail: raybarbosa@outlook.com.br

INSTITUIÇÃO DE ENSINO (FORMADORA)


Supervisor Docente Cláudia Simone Carneiro Lopes Mat. SIAPE: 1260405
Telefone(s): (98) 981401975 E-mail: claudiasimonec@gmail.com

CONCEDENTE/CAMPO DE ESTÁGIO
Supervisor Técnico: Regina Silva Pereira
Formação: Pedagoga Cargo/Função: Gestora Geral
Conselho Profissional/ Nº Registro:
Telefone(s): E-mail: cejoaofranciscolisboa@gmail.com

NOME DA CONCEDENTE:

Setor/Unidade: Centro de Ensino Integral João Francisco Lisboa


Endereço: Rua Oswaldo Cruz, S/N – Canto da Fabril – Centro CEP: 65059-270 Fone:
Descrição do Ambiente de Estágio:

Natureza: Instituição Pública ( X ) Instituição Privada ( ) Profissional Liberal ( )


Área de Atuação: Educação ( X ) Saúde ( ) Comércio ( ) Indústria ( ) Serviços ( ) Outros ( )
Atividades Principais:
 Estudos de textos para melhor fundamentação teórica quanto às atividades componentes da função de
gestão de sistemas e gestão escolar.

 Avaliação Diagnostica da Escola e Registros nas Fichas de Estágio:


- Observação diagnóstica do cotidiano escolar – sujeitos, comportamentos, falas, relações, estrutura de
Campus Universitário do Bacanga – Prédio CEB VELHO
Av. dos Portugueses, s/n - São Luís - MA - CEP: 65080-805 -
Fone: (98) 3272-8746 - Site: www.proen.ufma.br - E-mail: cogest@ufma.br
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO

funcionamento, estrutura física, agrupamentos, subculturas, contraculturas;


- Participação em reuniões, seminários e demais atividades na escola-campo, de acordo com a oportunidade.

 Entrevistas e Registros nas Fichas de Estágio.


- Entrevistas com gestores, professores, alunos e demais funcionários, de modo a identificar os seguintes aspectos /
dimensões da escola:
 Físicos – forma, estrutura e organização dos espaços escolares em confronto com a sua função social,
com a natureza de e sua especificidade (localização, faixa etária que atende, níveis e modalidades);
 Epistemológicos / Pedagógicos – princípios norteadores, concepções de ensino, currículo, métodos,
formação dos profissionais;
 Institucionais / administrativos – regimento escolar, normas, regras, sanções, tradição, modelos
pedagógicos, mecanismos e instrumentos de gestão.

 Estudo de documentos oficiais da escola, visando identificar os seguintes aspectos / dimensões da


escola:
 Regimento Escolar, Projeto Político Pedagógico, Atas, etc.
As formas de financiamento da educação: FUNDEB, PDE, PDDE, PNLD, PAPE, PENAE, PNTE, Caixa Escolar e
outros.

2- JUSTIFICATIVA (importância entre a área de atuação da concedente com a área de formação acadêmica,
profissional e cidadã do estagiário).

Diferente de outros profissionais o exercício profissional de docentes no Brasil requer apenas o


estágio curricular. Neste sentido, entendemos o estágio como um componente curricular integrante do projeto
político pedagógico nos cursos de Pedagogia e é um eixo articulador entre a formação acadêmica e o mundo do
trabalho.
Assim, ele se caracteriza por ser uma atividade supervisionada que visa preparar o estudante para a
vida cidadã e do trabalho, tendo por objetivos: a ampliação dos conhecimentos; o desenvolvimento de
competências; o desenvolvimento de atividades e comportamentos adequados ao relacionamento sócio profissional.
Em se tratando do estágio de Gestão Escolar espera-se que o aluno saia com uma visão geral da
atividade de gerenciamento da escola, coordenação pedagógica e secretariado escolar, por entendermos o
entrelaçamento de tais atividades que propiciam o bom funcionamento da escolar. O gestor escolar é o elo dentre as
atividades que organização o trabalho pedagógico não podendo este se furtar da sua função primordial: o
gerenciamento dos problemas e suas respectivas soluções em uma perspectiva de tomada de decisões democrática.
Espera-se que este estágio em gestão escolar possa dar uma real dimensão do ato de gerenciar uma escola de modo a
oferecer aos alunos uma educação qualitativa.

3- COMPETÊNCIAS (a serem desenvolvidas durante o estágio)

As seguintes competências deverão ser desenvolvidas ao longo do estágio:


Gestão de pessoas, gestão de escola, coordenação pedagógica, secretariado escolar. Identificação das formas e
mecanismos de relacionamento da escola com o sistema de ensino. Análise da documentação escolar: Projeto
Político-Pedagógico, Regimento Escolar, Diários de Classe, instrumentos administrativos diversos e instrumentos
pedagógicos. Processo de autorização e reconhecimento de escolas

4 - METODOLOGIA (MÉTODOS E PROCEDIMENTOS ADOTADOS PARA A EXECUÇÃO DO ESTÁGIO)

O desenvolvimento do estágio compreenderá três etapas dinamicamente articuladas:


a) a primeira etapa corresponderá ao momento de estudo e preparação das atividades a serem executadas no campo
de estágio, sob a orientação direta do supervisor docente, o qual ocorrerá na sala de aula da UFMA;
b) a segunda etapa compreenderá observação, análise e execução de atividades a serem realizadas em órgãos

Campus Universitário do Bacanga – Prédio CEB VELHO


Av. dos Portugueses, s/n - São Luís - MA - CEP: 65080-805 -
Fone: (98) 3272-8746 - Site: www.proen.ufma.br - E-mail: cogest@ufma.br
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO

gestores, legisladores e fiscalizadores da educação pública, em âmbito estadual e municipal;


c) a terceira etapa corresponderá ao período de observação, análise e desenvolvimento de atividades no campo de
estágio, por grupos de alunos compostos de, no máximo, cinco alunos.
Todas as atividades serão executadas sob a orientação do supervisor docente, por meio de visitas e
reuniões periódicas aos campos de estágio com o objetivo de avaliar e orientar as atividades dos estagiários.
Os estagiários deverão fazer o registro de todas as atividades desenvolvidas em diários de campo e
fichas específicas e sistematizadas em relatório de estágio, ao final de toda a carga horária.

5 - DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES

ATIVIDADES PERÍODO DE EXECUÇÃO


 Abertura da disciplina/Apresentação das 21/08/2018
Diretrizes Gerais de Estágio
 Estudo do Livro: “Estágio na licenciatura em 28/08/2018
Pedagogia”
 Ida às escolas para levar Ofício de Apresentação 04/09/2018
do Estágio e Avaliação diagnostica da Escola

 Estudo de documentos oficiais da escola 11,12, 18 e 25/09/2018

(Regimento Escolar, PPP’s, Atas, etc.).


 Entrevistas e Registros nas Fichas de Estágio 02 e 09/10/2018

 Elaboração dos Planos de Ação das equipes 16 e 23/10/2018


 Retorno à Escola para validação dos Planos de 30/06/2018
Ação;
 Aplicação dos Planos de Ação 06,13,20 e 27/11/2018
 Socialização das Atividades/Avaliação geral da 04/12/2018
disciplina;
 Elaboração do Relatório Final de Estágio (em 11/12/2018
equipe) e Resumo Expandido para evento –
Seminário de Estágio (em equipe)
 Entrega do Relatório Final de Estágio em Gestão 18/12/2018

6– AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DO ESTAGIÁRIO (critérios e instrumentos a serem utilizados)


A avaliação será concebida e praticada como processo contínuo, objetivando diagnosticar, analisar e
redimensionar a prática pedagógica, tendo em vista a melhoria do processo ensino-aprendizagem. Portanto, o
processo de avaliação deverá permear todo o desenvolvimento do estágio, em todas as atividades do percurso
formativo dos estagiários, bem como constar de momentos específicos com a intencionalidade de verificar a
aprendizagem.
Campus Universitário do Bacanga – Prédio CEB VELHO
Av. dos Portugueses, s/n - São Luís - MA - CEP: 65080-805 -
Fone: (98) 3272-8746 - Site: www.proen.ufma.br - E-mail: cogest@ufma.br
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO

Nessa perspectiva, o processo de avaliação levará em conta os seguintes critérios:

- Capacidade de associar teoria e prática nas diversas etapas do estágio, tanto no que se refere aos aspectos
epistemológicos quanto aos aspectos técnicos e comportamentais;

- Compreensão e apropriação autônoma e crítica do conjunto de informações transmitidas e debatidas na sala de aula
e no campo de estágio;

- Capacidade de análise e síntese, demonstrada nas reuniões e no relatório de estágio;

- Participação ativa nas diversas atividades desenvolvidas no decorrer do estágio;

- Sistematização, oral e escrita, de ideias e saberes, com rigor, clareza, coerência e sentido;

Para realizar o processo de avaliação serão utilizados os seguintes instrumentos: observação


diagnóstica no campo de estágio; fichas de avaliação a serem preenchidas pelo supervisor técnico da instituição
concedente; reuniões periódicas com o supervisor docente; e relatório de estágio.

São Luis-Ma, _______ de ________________ de 2018.

____________________________ ___________________________
ESTAGIÁRIO FORMADORA

___________________________
CONCEDENTE

Campus Universitário do Bacanga – Prédio CEB VELHO


Av. dos Portugueses, s/n - São Luís - MA - CEP: 65080-805 -
Fone: (98) 3272-8746 - Site: www.proen.ufma.br - E-mail: cogest@ufma.br