Você está na página 1de 17

Pesquisando pelos melhores investimentos de renda

fixa? Então você está no lugar certo!


Neste ebook reunimos os prós e contras de modelos
tradicionais e alternativos voltados a esse objetivo.

É um iniciante no mundo financeiro? Não se


preocupe! Faremos o possível para abordar o
assunto de forma didática e acessível, mesmo para
quem não é especialista em economia.

Vamos lá

www.metchmoney.com.br
2
O que são
investimentos
de renda fixa
Investimentos de renda fixa são aqueles
em que, já no momento da aplicação do
título, o investidor é informado sobre como,
quando e quanto receberá de retorno.

Alguns exemplos convencionais são a


Poupança, o Tesouro Direto, as Letras
de Crédito e Certificados de Recebíveis
Imobiliário e Agrícola (LCI/LCA/CRA/CRI) e
o Certificado de Depósito Bancário (CDB).

Em caráter de comparação e curiosidade,


o inverso de renda fixa são os
investimentos de renda variável. Neste
tipo, o retorno do investidor está sujeito
a fatores econômicos imprevisíveis e, por
este motivo, pode variar.

www.metchmoney.com.br
3
Formato tradicional
Instituições financeiras
convencionais
Neste conteúdo vamos focar no formato tradicional
de investimento de renda fixa junto as grandes e
convencionais instituições financeiras. Este modelo
é um dos mais conservadores, e usuais do Mercado.

Como funciona
Todos podem investir dinheiro nesta instituições
financeiras: pessoas e empresas. A operação é
bastante simples, porém com rentabilidade quase
nula. O motivo? O spread bancário.

Spread bancário é a diferença entre a remuneração


que o banco paga ao aplicador para captar um
recurso e o quanto esse banco cobra para emprestar
o mesmo dinheiro em outra operação.

www.metchmoney.com.br
4
Pró
Para o investidor:
garantia de retorno

Para a Instituição Financeira:


captação de recursos com baixo
custo e risco.

Além de fazerem análises de créditos


altamente criteriosas, as instituições
financeiras são reguladas pelo Banco Central,
órgão que possibilita a elas total controle
sobre seus captadores. Por isso elas podem
garantir o retorno aos seus investidores.

www.metchmoney.com.br
5
Contra
Para o investidor:
Baixo retorno

Para Instituição Financeira:


Não há contras

Lembra que falamos do spread bancário?


Pois é: enquanto a Instituição Financeira paga
juros baixíssimos a quem nela investe / Do outro
lado ela cobra juros super altos de quem dela
empresta dinheiro.

Ou seja: a Instituição Financeira ganha dos


dois lados e a diferença que fica com ela é
aplicada para manter suas estruturas enormes
com prédios chiques, propagandas caras com
artistas famosos e muitos intermediários.

www.metchmoney.com.br
6
Formato alternativo 1
Peer to Peer multi
segmentado
Com o objetivo de subverter a “ilógica” do modelo
tradicional de investimento, surgiu o formato P2P
ou Peer to Peer Lending, no qual é possível realizar
o processo sem o intermédio de uma Instituição
Financeira pesando e gerando custos no negócio.

Como funciona
No P2P, os investidores podem aplicar
diretamente em empresas interessadas em
captar recursos e, no lugar de uma pesada
instituição financeira, quem intermedia o
processo é uma leve e moderna Fintech digital
que exige bem menos recursos e intermediários
para manter sua estrutura funcionando.

www.metchmoney.com.br
7
Pró
Para o investidor:
Maior retorno

Para o captador:
Menos juros

Por conta dos baixos custos operacionais


das Fintechs que mediam o processo, o
modelo P2P consegue cobrar menos juros do
captador e entregar mais juros ao investidor.

www.metchmoney.com.br
8
Contra
Para o investidor:
Não existe garantia de receber
seus recursos e juros, nos
prazos combinados

Para o captador:
Indiferente

Diferente das instituições financeiras que são


orientadas pelo Banco Central e têm controle sobre
seus clientes, as Fintechs P2P não tem como
garantir aos seus investidores que suas aplicações
serão pagas. Mesmo que elas façam uma análise
criteriosa de crédito.

Ou seja, se houver inadimplência do captador, o


investidor pode acabar perdendo dinheiro ou tendo
custos para reavê-lo judicialmente.

www.metchmoney.com.br
9
Formato alternativo 2
Peer to Peer focado no
setor imobiliário
Buscando por uma forma de oferecer a
rentabilidade do modelo P2P, com a
garantia do modelo tradicional, surgiu um
terceiro formato: o Peer to Peer focado no
setor de recebíveis imobiliários.

Como funciona
O funcionamento deste modelo é similar ao P2P
que explicamos no tópico anterior: investidores
aplicando diretamente nos captadores por meio de
uma Fintech.

O grande diferencial está nos captadores: este


modelo trabalha apenas com empresas do
segmento imobiliário. Ou seja: apenas com
captadores que, aconteça o que acontecer,
ofereceram garantias imobiliárias suficientes para
pagar os investidores.

www.metchmoney.com.br
10
Pró
Para o investidor:
Rendimento justo, com
garantia assegurada

Para o captador:
Juros baixos

Por conta dos baixos custos operacionais


esse modelo consegue cobrar menos
juros do captador e entregar mais juros
ao investidor. E, como os captadores são
exclusivamente do segmento imobiliário, o
investidor sempre terá garantia de retorno.

www.metchmoney.com.br
11
Contra
Para o investidor:
Não há contras

Para o captador:
O formato é restrito e
só aceita captadores
que vinculem garantias
imobiliárias à operação.

Graças a acessibilidade da aplicação, boa


rentabilidade e certeza de retorno, o investidor
não tem contras. Já para os captadores há o
contra da restrição de segmento. Para assegurar
a garantia ao investidor, o formato só trabalha
com empresas do segmento imobiliário.

www.metchmoney.com.br
12
Como surgiu o modelo
P2P imobiliário?
O modelo P2P exclusivo para captadores do
segmento imobiliário foi desenvolvido pela
Matchmoney, uma startup de investimento
que tem por objetivo conectar captadores com
crédito garantido a investidores com todos os
níveis de fundo e experiência.

www.metchmoney.com.br
13
Sobre a
Matchmoney
Atualmente a Matchmoney
é a única empresa
direcionada a oferecer esse
formato de investimento
garantido no mercado.

Veja algumas vantagens de


investir na Matchmoney

01 Aplicações acessíveis
Para investir na Matchmoney você não precisa
ser um grande investidor ou ter acesso a grandes
recursos financeiros.

A empresa abre oportunidades de investimento a


partir de R$1.000,00 ( mil reais), pois acredita na
democratização das oportunidades de crescimento
do patrimônio de cada um.

www.metchmoney.com.br
14
02 Renda fixa justa e atingível
A Matchmoney busca oferecer rentabilidades fixas
atingíveis através de sua plataforma digital, que
alinha tecnologia e inovação a garantias imobiliárias.
Desta forma seus rendimentos variam de 0,75
até 1,5%, com possibilidade de ultrapassar a
marca dos 300% do CDI (Certificado de Depósito
Interbancário), dependendo do valor aplicado e do
prazo. Retorno garantido com rentabilidade fixa bem
melhor que a do banco.

03 Transparência total
Quem investe na Matchmoney sabe exatamente
onde está a garantia da sua aplicação. Isso porque
a empresa informa para seus investidores os
endereços e números de matrícula dos imóveis que
garantem os recebíveis em custódia.

www.metchmoney.com.br
15
04 Análise de crédito criteriosa:
• A Matchmoney só aceita em sua plataforma
captadores altamente confiáveis, sem qualquer
processo ou negativação e, com pelo menos 12
meses, comprovado,s sem inadimplência;

• Todos os contratos são registrados em cartório;

• Para assegurar garantias acima do risco aos seus


investidores, a Matchmoney determina que todos
os imóveis apresentados como garantia pelos
captadores sejam avaliados por peritos técnicos a
fim de informar , exatamente, os seus valores reais
no mercado.

• A Garantia dos recebíveis imobiliários será sempre


pelo menos o dobro do valor captado.

• Para captar recursos, as Incorporadoras e


Loteadoras participantes tem que ter,pelo menos,
05 anos de constituição além de, no mínimo 05
empreendimentos entregues.

www.metchmoney.com.br
16
Matchmoney.com.br